GestãodaQualidade
Aula03-PlanejamentodaQualidade
17Faculdade On-Line UVB
Anotações do Aluno
uvb
Aula Nº 3 – Planejamento d...
GestãodaQualidade
Aula03-PlanejamentodaQualidade
18Faculdade On-Line UVB
Anotações do Aluno
uvb
METAS DE QUALIDADE
Meta é ...
GestãodaQualidade
Aula03-PlanejamentodaQualidade
19Faculdade On-Line UVB
Anotações do Aluno
uvb
Para descobrir as necessid...
GestãodaQualidade
Aula03-PlanejamentodaQualidade
20Faculdade On-Line UVB
Anotações do Aluno
uvb
• Exame das alternativas d...
GestãodaQualidade
Aula03-PlanejamentodaQualidade
21Faculdade On-Line UVB
Anotações do Aluno
uvb
Juran (1992, p.237) estabe...
GestãodaQualidade
Aula03-PlanejamentodaQualidade
22Faculdade On-Line UVB
Anotações do Aluno
uvb
Na figura 1, é apresentado...
GestãodaQualidade
Aula03-PlanejamentodaQualidade
23Faculdade On-Line UVB
Anotações do Aluno
uvb
• Procedimentos operaciona...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Aula03

435 visualizações

Publicada em

jehjehehejhejhj

Publicada em: Internet
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
435
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
155
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula03

  1. 1. GestãodaQualidade Aula03-PlanejamentodaQualidade 17Faculdade On-Line UVB Anotações do Aluno uvb Aula Nº 3 – Planejamento da Qualidade Objetivos da aula: Nesta aula, veremos como planejar para que possamos produzir produtos que atendam às necessidades dos clientes. Você estará apto, ao final da aula, a planejar a qualidade de um produto ou serviço. PLANEJAMENTO DA QUALIDADE O planejamento da qualidade é a atividade de desenvolvimento de produtos, serviços e processos exigidos para a satisfação das necessidades dos clientes. PASSOS PARA O PLANEJAMENTO DA QUALIDADE De acordo com Juran (1992, p.15), para se planejar a qualidade, deve-se seguir os passos: • Estabelecer metas de qualidade. • Identificar os clientes e suas necessidades. • Desenvolver as características dos produtos que atendam às necessidades dos clientes. • Desenvolver processos que produzam os produtos com suas características. • Estabelecer controles dos processos e transferir os planos resultantes para a operação. Veremos, agora, detalhadamente, cada um dos passos acima.
  2. 2. GestãodaQualidade Aula03-PlanejamentodaQualidade 18Faculdade On-Line UVB Anotações do Aluno uvb METAS DE QUALIDADE Meta é algo que se deseja alcançar e, normalmente, é expressa por um nome, um número a ser alcançado e o tempo para que isso aconteça. Por exemplo: se você pesa 100 kg e pretende emagrecer, uma boa meta seria: - um nome: reduzir o peso; - um número a ser alcançado: 30 kg; - o tempo para que aconteça: 6 meses. A sua meta seria – reduzir o peso em 30 kg no prazo de 6 meses. Observe que, para alcançar sua meta, você teria que reduzir 5 kg por mês. Se o tempo fosse de 30 meses, você teria que reduzir 1 kg por mês. As metas de qualidade para o planejamento da qualidade seriam as metas obtidas do planejamento estratégico, da missão e da visão da empresa. A “visão” representa a situação de onde a empresa gostaria de estar, em algum ponto do futuro. Como exemplo de metas estratégicas de qualidade, podemos citar: • Reduzir o número de reclamações de clientes em 20% neste ano; • Reduzir as perdas de produção em 50% em quatro anos; • Melhorar em cinco vezes a produtividade no atendimento dos clientes em seis meses. IDENTIFICAR OS CLIENTES E SUAS NECESSIDADES Vimos, na aula anterior, como identificar os clientes e suas necessidades. Aqui, vamos ressaltar que esta fase deve ser feita em equipe composta por pessoas que conheçam e tenham contato com os clientes.
  3. 3. GestãodaQualidade Aula03-PlanejamentodaQualidade 19Faculdade On-Line UVB Anotações do Aluno uvb Para descobrir as necessidades, podem ser usados diversos métodos, destacando-se: • Fazer pesquisas. • Ser um cliente. • Observar o comportamento dos clientes. • Simular o uso pelos clientes. Fique atento - As necessidades dos clientes estão sempre mudando. DESENVOLVER AS CARACTERÍSTICAS DOS PRODUTOS Neste momento, determinamos as características dos produtos que serão os meios para atender, plenamente, as necessidades dos clientes. Nesta parte, está implícito o conceito de satisfação das necessidades dos fornecedores. Traduzirasnecessidadesdescritaspelosclientesemlinguagemdaempresa não é tarefa muito fácil. Para essa tradução, podem-se utilizar diversos “auxiliares”, sendo os mais comuns: • Glossário – constituído de termos-chave com suas explicações. •Amostras–pequenospedaçosdematerialoufotografiasquepermitem a escolha do cliente por meio de cores, aparência, textura etc. • Padronização – que permite a escolha dos clientes dentro de padrões definidos. • Medição – transformar em números as principais características. É o método mais eficaz para garantir a precisão e o entendimento por parte dos clientes. De posse das necessidades traduzidas, passa-se ao desenvolvimento do produto pelas seguintes etapas:
  4. 4. GestãodaQualidade Aula03-PlanejamentodaQualidade 20Faculdade On-Line UVB Anotações do Aluno uvb • Exame das alternativas disponíveis de características do produto para atender às necessidades dos clientes. • Criação de alternativas. • Experimentação e teste das alternativas, para escolher a melhor. • Definição das características escolhidas para o produto. Nesta fase, também é feita a análise da concorrência para uma melhor avaliação do posicionamento do produto no mercado. DESENVOLVER OS PROCESSOS É a atividade de definição dos meios específicos para serem usados pelas forças operacionais para produzir os produtos com as características de qualidade desejadas pelos clientes. Nesse ponto, são considerados equipamentos, instalações e recursos humanos. A definição desses meios requer conhecimentos sobre: • As metas de qualidade. • As condições operacionais. • A capacidade de processos alternativos. O projeto do processo é um assunto muito extenso, pois requer conhecimento da demanda dos produtos, layout e capacidade, entre outros e será abordado na matéria de Administração da Produção, mas devemos ficar atentos ao atendimento das necessidades dos clientes e projetar para reduzir erros humanos. Os seres humanos são, por natureza, propensos a erros. Esses erros podem ser gerados por diversos fatores, como: por não cumprimento de normas, por dar um “jeitinho”, por esquecimento entre outros. Projetar um processo à prova de erros é importantíssimo para garantir a qualidade ao atendimento das necessidades dos clientes.
  5. 5. GestãodaQualidade Aula03-PlanejamentodaQualidade 21Faculdade On-Line UVB Anotações do Aluno uvb Juran (1992, p.237) estabelece uma classificação dos métodos à prova de erros, que é mostrada a seguir: • ELIMINAÇÃO – consiste na mudança de tecnologia para eliminar as operações propensas a erros. • SUBSTITUIÇÃO – substitui o homem por alguma operação automática ou robôs. • FACILITAÇÃO – dotar os processos com meios para facilitar a não ocorrência de erros, como a codificação de peças com cores. • DETECÇÃO – facilita a encontrar o erro o mais cedo possível, como a inspeção entre processos. • MITIGAÇÂO – fornecer meios para evitar danos, caso o erro ocorra, como a instalação de fusíveis. DESENVOLVER CONTROLES E TRANSFERIR PARA OPERAÇÕES Essa última fase consiste no projeto dos meios para controlar o processo e o produto e transferir as responsabilidades, até então, do planejamento para a operação. DESENVOLVER CONTROLES O controle que veremos nas próximas aulas depende da comparação do desempenho real do processo como foi projetado, por isso devemos prever, no planejamento, o que deve ser medido no processo e no produto e qual valor deve ser alcançado. Uma das melhores formas de garantir controle sobre os processos é por meio de normas operacionais. Uma boa norma informa ao operador o que deve ser feito na produção, como deve ser controlada, quais os resultados devem ser alcançados e onde devem ser medidos e, no caso de não alcançá-los, o que fazer.
  6. 6. GestãodaQualidade Aula03-PlanejamentodaQualidade 22Faculdade On-Line UVB Anotações do Aluno uvb Na figura 1, é apresentado um exemplo de uma norma operacional. TRANSFERÊNCIA PARA A OPERAÇÃO Depois de terminado todo o planejamento e definidos os controles, chega a hora de transferi-los para a operação. Essa transferência consiste em provar que o processo é capaz de produzir e atender as necessidades dos clientes e, também, que o processo é controlável. Durante o projeto do processo, muito conhecimento a respeito dele é adquirido e esse know-how deve ser transferido por meio de: • Especificações dos processos.
  7. 7. GestãodaQualidade Aula03-PlanejamentodaQualidade 23Faculdade On-Line UVB Anotações do Aluno uvb • Procedimentos operacionais. • Treinamento no trabalho. • Acompanhamento das operações iniciais. A transferência para a operação completa o planejamento da qualidade. Ela deve ser feita de forma estruturada e formalizada ou por meio de transferência de documentação e um cerimonial, ou com participação antecipada da operação nas fases finais de planejamento, ou uma mistura dos dois, o que é recomendável. A formalidade é útil, pois garante a documentação e entendimento pela operação, além de assegurar uma transferência ordenada e completa. Referências JURAN, J. M. A Qualidade desde o Projeto: novos passos para o planejamentodaqualidadeemprodutoseserviços. São Paulo: Pioneira, 1992. MARSHALL Jr., Isnard et all. Gestão da Qualidade. 8. ed. Rio de Janeiro: FGV, 2006.

×