SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 17
AESCD
Novembro 2012
Disciplina: Psicologia B
Professora: Manuela Marques
Autores: Adriana Fonseca nº1
Mariana Sousa nº 15 1
Índice
Capa Pág.1
Índice Pág.2
Introdução Pág.3
O que é a psicologia aplicada? Pág.4
Áreas de intervenção Pág.5
O que é a psicologia clínica? Pág.6
Áreas de actuação Págs. 7/8
Principais objectivos da psicologia clínica Págs. 9/10
Especificidades do psicólogo clínico Págs.11/12/13
Alguns mitos Pág.14/15
Conclusão Pág.16
Bibliografia Pág.17
2
Introdução
A psicologia clinica procura compreender os indivíduos, a sua estrutura
interna. Neste trabalho iremos analisar os métodos e as várias terapias
utilizadas para esse efeito.
3
O que é a psicologia aplicada?
É a aplicação dos dados da psicologia na solução de problemas práticos. O
estudo apresenta como principal objectivo a resposta às necessidades da
sociedade em geral.
4
Áreas de intervenção
• Psicologia Clínica
• Psicologia Educacional
• Psicologia do Desporto e do Exercício
• Psicologia do Trabalho e das Organizações
• Psicologia Criminal/Forense
• Psicologia de Orientação vocacional e profissional
O que é a psicologia clínica?
A psicologia clínica dedica-se ao estudo dos indivíduos nomeadamente
transtornos mentais e dos aspectos psíquicos de doenças não mentais, cujo o
objectivo é inferir conclusões sobre a sua realidade, as suas dificuldades e os
seus problemas.
6
Áreas de actuação
A psicologia clínica tem diferentes áreas de aplicação, nomeadamente:
o Transtorno mental: dá uma visão geral sobre os transtornos ligados há
mente, ou seja, infere a análise de factores determinantes como a
classificação, epidemiologia, etiologia.
7
o Psicodiagnóstico: adquirir informações psicológicas
relevantes.
o Intervenção psicológica: apresenta diferentes soluções para o
problema; A psicoterapia apresenta um papel fundamental neste
ramo.
8
Principais objectivos da psicologia
clínica
o Evitar o desenvolvimento e/ou agravamento das doenças mentais ou
comportamentais;
o Estimular actividades com fins terapêuticos para ajudar pessoas com
problemas psicológicos ou com risco de os desenvolver;
o Aumentar a capacidade adaptativa intervindo nos momentos de crise;
9
o Ajudar na diminuição dos momentos de sofrimento emocional;
o Incentivar a modificação de comportamentos de risco perigosos;
o Contribuir para o aumento da qualidade de vida das pessoas contribuindo
para o seu desenvolvimento.
10
Especificidades do psicólogo clínico
O psicólogo clínico ajuda a compreender a realidade interna do paciente e tem
como principais funções:
o Avaliação: Obtém-se através da recolha de informações sobre os
comportamentos, funcionamento cognitivo e estado emocional dos
indivíduos. É aplicado não só ao indivíduo mas também aos casais ou
grupos. É usado geralmente em alguns tipos de
testes, questionários, entrevistas e observações.
11
o Diagnóstico: Nesta fase o psicólogo toma diversas decisões:
• Decisão sobre se este é um problema da sua competência ou não.
• Decisão sobre o grau de gravidade das informações dadas.
• Identificar o problema em termos operacionais.
• Indicação do tratamento.
12
o Tratamento e Intervenção: O tratamento envolve a compreensão e
resolução de problemas psicológicos emocionais, problemas
comportamentais, e outras preocupações pessoais. Relativamente à
intervenção, é qualquer tipo de relacionamento interpessoal e situação
social. Algumas das terapias aplicadas nesta fase são a terapia
cognitiva, existencial, aconselhamento ou consultoria. As sessões têm uma
duração de aproximadamente uma hora e meia ou mais consoante as
circunstâncias.
13
Alguns mitos
Mito: Apenas pessoas fracas procuram a psicologia clínica.
Verdade: Não existem pessoas fortes ou fracas, existem formas de lidar com as
situações.
Mito: Apenas pessoas com problemas devem procurar um psicólogo.
Verdade: As pessoas também procuram um psicólogo porque querem se conhecer
melhor.
14
Mito: Um tratamento psicológico vai demorar anos para acabar.
Verdade: O tempo de duração de um tratamento varia de acordo com os
objectivos ambicionados. É possível obter excelentes resultados com
tratamentos em curto prazo.
Mito: Tratamento psicológico é apenas para ricos.
Verdade: Existem locais que oferecem atendimento psicológico por preço
simbólico. Alguns postos de saúde também oferecem serviço de psicoterapia.
15
Conclusão
• Com este trabalho esperamos que tenham compreendido melhor esta
ramificação da psicologia, os seus objectivos e as suas áreas de actuação.
Esperamos também ter conseguir mostrar-vos o que um profissional nessa
área faz.
16
Bibliografia
• http://books.google.pt/books?id=M_YGnTidc3sC&pg=PA11&dq=a
+evolu%C3%A7ao+da+psicologia+clinica+em+portugues&hl=pt-
PT&sa=X&ei=tNeOUM861ICFB4LqgKAJ&ved=0CEYQ6AEwAw#v
=onepage&q=a%20evolu%C3%A7ao%20da%20psicologia%20clinic
a%20em%20portugues&f=false
• http://pt.wikipedia.org/wiki/Psicologia_cl%C3%ADnica
17

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A psicologia e a sua importância no mundo (1)
A psicologia e a sua importância no mundo (1)A psicologia e a sua importância no mundo (1)
A psicologia e a sua importância no mundo (1)Filipe Leal
 
Processos psicológicos básicos psicologia
Processos psicológicos básicos   psicologia Processos psicológicos básicos   psicologia
Processos psicológicos básicos psicologia Maria Santos
 
psicologia clínica07 psicologia clínica trabalho
psicologia clínica07 psicologia clínica trabalhopsicologia clínica07 psicologia clínica trabalho
psicologia clínica07 psicologia clínica trabalhoGraça Martins
 
Psicologia Geral - Introdução ao Estudo da Psicologia
Psicologia Geral - Introdução ao Estudo da PsicologiaPsicologia Geral - Introdução ao Estudo da Psicologia
Psicologia Geral - Introdução ao Estudo da PsicologiaRafael Wanderley
 
Aula 5-utilizando-testes-psicomc3a9tricos
Aula 5-utilizando-testes-psicomc3a9tricosAula 5-utilizando-testes-psicomc3a9tricos
Aula 5-utilizando-testes-psicomc3a9tricosSávia Maria Queiroz
 
Contrato de atendimento individual - Exemplo
Contrato de atendimento individual - ExemploContrato de atendimento individual - Exemplo
Contrato de atendimento individual - ExemploMónica Sousa
 
Psicologia conceitos
Psicologia   conceitosPsicologia   conceitos
Psicologia conceitosLiliane Ennes
 
Psicologia: Diferentes Abordagens
Psicologia: Diferentes AbordagensPsicologia: Diferentes Abordagens
Psicologia: Diferentes AbordagensBruno Carrasco
 
A importancia da auto estima na mulher graça
A importancia da auto estima na mulher  graçaA importancia da auto estima na mulher  graça
A importancia da auto estima na mulher graçaLiene Campos
 
Introdução psicopatologia
Introdução psicopatologiaIntrodução psicopatologia
Introdução psicopatologialucasvazdelima
 
1 psicologia
1 psicologia1 psicologia
1 psicologiabrelua
 

Mais procurados (20)

Como cuidar da minha saúde mental?
Como cuidar da minha saúde mental?Como cuidar da minha saúde mental?
Como cuidar da minha saúde mental?
 
A Inteligência
A InteligênciaA Inteligência
A Inteligência
 
A psicologia e a sua importância no mundo (1)
A psicologia e a sua importância no mundo (1)A psicologia e a sua importância no mundo (1)
A psicologia e a sua importância no mundo (1)
 
Processos psicológicos básicos psicologia
Processos psicológicos básicos   psicologia Processos psicológicos básicos   psicologia
Processos psicológicos básicos psicologia
 
psicologia clínica07 psicologia clínica trabalho
psicologia clínica07 psicologia clínica trabalhopsicologia clínica07 psicologia clínica trabalho
psicologia clínica07 psicologia clínica trabalho
 
O que é a psicologia
O que é a psicologiaO que é a psicologia
O que é a psicologia
 
A estrutura da Primeira Sessão Padrão na TCC
A estrutura da Primeira Sessão Padrão na TCCA estrutura da Primeira Sessão Padrão na TCC
A estrutura da Primeira Sessão Padrão na TCC
 
Psicologia Geral - Introdução ao Estudo da Psicologia
Psicologia Geral - Introdução ao Estudo da PsicologiaPsicologia Geral - Introdução ao Estudo da Psicologia
Psicologia Geral - Introdução ao Estudo da Psicologia
 
Aula 5-utilizando-testes-psicomc3a9tricos
Aula 5-utilizando-testes-psicomc3a9tricosAula 5-utilizando-testes-psicomc3a9tricos
Aula 5-utilizando-testes-psicomc3a9tricos
 
Carl Jung
Carl Jung Carl Jung
Carl Jung
 
Contrato de atendimento individual - Exemplo
Contrato de atendimento individual - ExemploContrato de atendimento individual - Exemplo
Contrato de atendimento individual - Exemplo
 
Psicologia conceitos
Psicologia   conceitosPsicologia   conceitos
Psicologia conceitos
 
Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Ansiedade
 
Inteligência emocional
Inteligência emocionalInteligência emocional
Inteligência emocional
 
Psicologia: Diferentes Abordagens
Psicologia: Diferentes AbordagensPsicologia: Diferentes Abordagens
Psicologia: Diferentes Abordagens
 
A importancia da auto estima na mulher graça
A importancia da auto estima na mulher  graçaA importancia da auto estima na mulher  graça
A importancia da auto estima na mulher graça
 
Introdução psicopatologia
Introdução psicopatologiaIntrodução psicopatologia
Introdução psicopatologia
 
1 psicologia
1 psicologia1 psicologia
1 psicologia
 
Teoria PsicanalíTica
Teoria PsicanalíTicaTeoria PsicanalíTica
Teoria PsicanalíTica
 
Emoções
EmoçõesEmoções
Emoções
 

Destaque

Unknown parameter value (2)
Unknown parameter value (2)Unknown parameter value (2)
Unknown parameter value (2)Marília Mota
 
psicologia hospitalar x psicologia da saúde
 psicologia hospitalar x psicologia da saúde psicologia hospitalar x psicologia da saúde
psicologia hospitalar x psicologia da saúdeUNIME
 
Psicodiagnóstico infantil
Psicodiagnóstico infantilPsicodiagnóstico infantil
Psicodiagnóstico infantilJorge Bombeiro
 
Anna silvia-tosin - psicodiagnostico e abord sistemico familiar
Anna silvia-tosin - psicodiagnostico e abord sistemico familiarAnna silvia-tosin - psicodiagnostico e abord sistemico familiar
Anna silvia-tosin - psicodiagnostico e abord sistemico familiarPat Queiroz
 
Senhoras e senhores gestores da saúde, como a psicologia pode contribuir pata...
Senhoras e senhores gestores da saúde, como a psicologia pode contribuir pata...Senhoras e senhores gestores da saúde, como a psicologia pode contribuir pata...
Senhoras e senhores gestores da saúde, como a psicologia pode contribuir pata...marinaap
 
Slides psicologia social comunitária enade 2012
Slides psicologia social comunitária enade 2012Slides psicologia social comunitária enade 2012
Slides psicologia social comunitária enade 2012Bruna Talita
 
Aula 01 - Apresentação da Disciplina - Medidas em Psicologia
Aula 01 - Apresentação da Disciplina - Medidas em PsicologiaAula 01 - Apresentação da Disciplina - Medidas em Psicologia
Aula 01 - Apresentação da Disciplina - Medidas em PsicologiaHenrique Morais
 
PSICODIAGNÓSTICO (I Bimestre Abril Agosto 2011)
PSICODIAGNÓSTICO (I Bimestre Abril Agosto 2011)PSICODIAGNÓSTICO (I Bimestre Abril Agosto 2011)
PSICODIAGNÓSTICO (I Bimestre Abril Agosto 2011)Videoconferencias UTPL
 
Os 4 pilares da psicologia comunitária
Os 4 pilares da psicologia comunitáriaOs 4 pilares da psicologia comunitária
Os 4 pilares da psicologia comunitáriamarcelydantasingrid
 
Psicologia hospitalar
Psicologia hospitalarPsicologia hospitalar
Psicologia hospitalarLuiz Vicente
 
Aula 1 introdução a psicologia (vitor)
Aula 1   introdução a psicologia (vitor)Aula 1   introdução a psicologia (vitor)
Aula 1 introdução a psicologia (vitor)José Vitor Alves
 
Folheto - Melanie Klein e a Psicoterapia Infantil
Folheto - Melanie Klein e a Psicoterapia InfantilFolheto - Melanie Klein e a Psicoterapia Infantil
Folheto - Melanie Klein e a Psicoterapia InfantilRayanne Chagas
 
O problema no Psicodiagnóstico
O problema no PsicodiagnósticoO problema no Psicodiagnóstico
O problema no Psicodiagnósticohelogaliza
 
Reação à Doença e à Hospitalização
Reação à Doença e à HospitalizaçãoReação à Doença e à Hospitalização
Reação à Doença e à Hospitalizaçãodanielahanashiro
 
CONTRIBUIÇÕES DE MELANIE KLEIN PARA A PSICOTERAPIA INFANTIL
CONTRIBUIÇÕES DE MELANIE KLEIN  PARA A PSICOTERAPIA INFANTIL CONTRIBUIÇÕES DE MELANIE KLEIN  PARA A PSICOTERAPIA INFANTIL
CONTRIBUIÇÕES DE MELANIE KLEIN PARA A PSICOTERAPIA INFANTIL Rayanne Chagas
 

Destaque (20)

Serviços em Neuropsicologia
Serviços em NeuropsicologiaServiços em Neuropsicologia
Serviços em Neuropsicologia
 
Unknown parameter value (2)
Unknown parameter value (2)Unknown parameter value (2)
Unknown parameter value (2)
 
psicologia hospitalar x psicologia da saúde
 psicologia hospitalar x psicologia da saúde psicologia hospitalar x psicologia da saúde
psicologia hospitalar x psicologia da saúde
 
Psicodiagnóstico infantil
Psicodiagnóstico infantilPsicodiagnóstico infantil
Psicodiagnóstico infantil
 
Anna silvia-tosin - psicodiagnostico e abord sistemico familiar
Anna silvia-tosin - psicodiagnostico e abord sistemico familiarAnna silvia-tosin - psicodiagnostico e abord sistemico familiar
Anna silvia-tosin - psicodiagnostico e abord sistemico familiar
 
Senhoras e senhores gestores da saúde, como a psicologia pode contribuir pata...
Senhoras e senhores gestores da saúde, como a psicologia pode contribuir pata...Senhoras e senhores gestores da saúde, como a psicologia pode contribuir pata...
Senhoras e senhores gestores da saúde, como a psicologia pode contribuir pata...
 
Slides psicologia social comunitária enade 2012
Slides psicologia social comunitária enade 2012Slides psicologia social comunitária enade 2012
Slides psicologia social comunitária enade 2012
 
Aula 01 - Apresentação da Disciplina - Medidas em Psicologia
Aula 01 - Apresentação da Disciplina - Medidas em PsicologiaAula 01 - Apresentação da Disciplina - Medidas em Psicologia
Aula 01 - Apresentação da Disciplina - Medidas em Psicologia
 
Psicologia comunitaria
Psicologia comunitariaPsicologia comunitaria
Psicologia comunitaria
 
PSICODIAGNÓSTICO (I Bimestre Abril Agosto 2011)
PSICODIAGNÓSTICO (I Bimestre Abril Agosto 2011)PSICODIAGNÓSTICO (I Bimestre Abril Agosto 2011)
PSICODIAGNÓSTICO (I Bimestre Abril Agosto 2011)
 
Psicoterapias miriam
Psicoterapias miriamPsicoterapias miriam
Psicoterapias miriam
 
Os 4 pilares da psicologia comunitária
Os 4 pilares da psicologia comunitáriaOs 4 pilares da psicologia comunitária
Os 4 pilares da psicologia comunitária
 
Psicologia hospitalar
Psicologia hospitalarPsicologia hospitalar
Psicologia hospitalar
 
Aula 1 introdução a psicologia (vitor)
Aula 1   introdução a psicologia (vitor)Aula 1   introdução a psicologia (vitor)
Aula 1 introdução a psicologia (vitor)
 
Folheto - Melanie Klein e a Psicoterapia Infantil
Folheto - Melanie Klein e a Psicoterapia InfantilFolheto - Melanie Klein e a Psicoterapia Infantil
Folheto - Melanie Klein e a Psicoterapia Infantil
 
O problema no Psicodiagnóstico
O problema no PsicodiagnósticoO problema no Psicodiagnóstico
O problema no Psicodiagnóstico
 
Psicologia Comunitária
Psicologia Comunitária    Psicologia Comunitária
Psicologia Comunitária
 
Terapia Comportamental e Cognitiva Infantil
Terapia Comportamental e Cognitiva InfantilTerapia Comportamental e Cognitiva Infantil
Terapia Comportamental e Cognitiva Infantil
 
Reação à Doença e à Hospitalização
Reação à Doença e à HospitalizaçãoReação à Doença e à Hospitalização
Reação à Doença e à Hospitalização
 
CONTRIBUIÇÕES DE MELANIE KLEIN PARA A PSICOTERAPIA INFANTIL
CONTRIBUIÇÕES DE MELANIE KLEIN  PARA A PSICOTERAPIA INFANTIL CONTRIBUIÇÕES DE MELANIE KLEIN  PARA A PSICOTERAPIA INFANTIL
CONTRIBUIÇÕES DE MELANIE KLEIN PARA A PSICOTERAPIA INFANTIL
 

Semelhante a Psicologia cl+¡nica

Quando devo consultar um psicólogo?
Quando devo consultar um psicólogo?Quando devo consultar um psicólogo?
Quando devo consultar um psicólogo?Tookmed
 
Trabalho Psicologia.docx
Trabalho Psicologia.docxTrabalho Psicologia.docx
Trabalho Psicologia.docxTeresaGalvo4
 
Psicologia do desporto flavia vieira
Psicologia do desporto flavia vieiraPsicologia do desporto flavia vieira
Psicologia do desporto flavia vieiraflaviapv90
 
Psicologia do desporto flavia vieira
Psicologia do desporto flavia vieiraPsicologia do desporto flavia vieira
Psicologia do desporto flavia vieiraflaviav90
 
Psicologia do desporto flavia vieira
Psicologia do desporto flavia vieiraPsicologia do desporto flavia vieira
Psicologia do desporto flavia vieiraflaviapv90
 
A ÉTICA NA INSTIUIÇÃO DE SAÚDE: desafios do ser ético na atuação do psicólogo...
A ÉTICA NA INSTIUIÇÃO DE SAÚDE: desafios do ser ético na atuação do psicólogo...A ÉTICA NA INSTIUIÇÃO DE SAÚDE: desafios do ser ético na atuação do psicólogo...
A ÉTICA NA INSTIUIÇÃO DE SAÚDE: desafios do ser ético na atuação do psicólogo...Fabio Ferreira
 
Debate : “Importância dos Psicólogos em tempo de Isolamento Social”
Debate : “Importância dos Psicólogos em tempo de Isolamento Social”Debate : “Importância dos Psicólogos em tempo de Isolamento Social”
Debate : “Importância dos Psicólogos em tempo de Isolamento Social”Development Workshop Angola
 
Conhecendo a psicoterapia
Conhecendo a psicoterapiaConhecendo a psicoterapia
Conhecendo a psicoterapiaGeazi San
 
Projeto social carla brino 31 mp
Projeto social carla brino 31 mpProjeto social carla brino 31 mp
Projeto social carla brino 31 mpalemisturini
 
1 fichamento-diagnostico-do-paciente-e-a-escolha-da-psicoterapia
1 fichamento-diagnostico-do-paciente-e-a-escolha-da-psicoterapia1 fichamento-diagnostico-do-paciente-e-a-escolha-da-psicoterapia
1 fichamento-diagnostico-do-paciente-e-a-escolha-da-psicoterapianarasc
 
07psicologiaclnica trabalho-150102210503-conversion-gate02
07psicologiaclnica trabalho-150102210503-conversion-gate0207psicologiaclnica trabalho-150102210503-conversion-gate02
07psicologiaclnica trabalho-150102210503-conversion-gate02Ana Rodrigues
 
Psicologia aplicada
Psicologia aplicadaPsicologia aplicada
Psicologia aplicadaAnaKlein1
 

Semelhante a Psicologia cl+¡nica (20)

Quando devo consultar um psicólogo?
Quando devo consultar um psicólogo?Quando devo consultar um psicólogo?
Quando devo consultar um psicólogo?
 
Psicoterapia
PsicoterapiaPsicoterapia
Psicoterapia
 
Trabalho Psicologia.docx
Trabalho Psicologia.docxTrabalho Psicologia.docx
Trabalho Psicologia.docx
 
Mitos sobre a psicoterapia
Mitos sobre a psicoterapiaMitos sobre a psicoterapia
Mitos sobre a psicoterapia
 
Psicologia do desporto flavia vieira
Psicologia do desporto flavia vieiraPsicologia do desporto flavia vieira
Psicologia do desporto flavia vieira
 
Psicologia do desporto flavia vieira
Psicologia do desporto flavia vieiraPsicologia do desporto flavia vieira
Psicologia do desporto flavia vieira
 
Psicologia do desporto flavia vieira
Psicologia do desporto flavia vieiraPsicologia do desporto flavia vieira
Psicologia do desporto flavia vieira
 
A ÉTICA NA INSTIUIÇÃO DE SAÚDE: desafios do ser ético na atuação do psicólogo...
A ÉTICA NA INSTIUIÇÃO DE SAÚDE: desafios do ser ético na atuação do psicólogo...A ÉTICA NA INSTIUIÇÃO DE SAÚDE: desafios do ser ético na atuação do psicólogo...
A ÉTICA NA INSTIUIÇÃO DE SAÚDE: desafios do ser ético na atuação do psicólogo...
 
Debate : “Importância dos Psicólogos em tempo de Isolamento Social”
Debate : “Importância dos Psicólogos em tempo de Isolamento Social”Debate : “Importância dos Psicólogos em tempo de Isolamento Social”
Debate : “Importância dos Psicólogos em tempo de Isolamento Social”
 
Conhecendo a psicoterapia
Conhecendo a psicoterapiaConhecendo a psicoterapia
Conhecendo a psicoterapia
 
Introdução.docx
Introdução.docxIntrodução.docx
Introdução.docx
 
Psicologia Aplicada
Psicologia AplicadaPsicologia Aplicada
Psicologia Aplicada
 
Projeto social carla brino 31 mp
Projeto social carla brino 31 mpProjeto social carla brino 31 mp
Projeto social carla brino 31 mp
 
1 fichamento-diagnostico-do-paciente-e-a-escolha-da-psicoterapia
1 fichamento-diagnostico-do-paciente-e-a-escolha-da-psicoterapia1 fichamento-diagnostico-do-paciente-e-a-escolha-da-psicoterapia
1 fichamento-diagnostico-do-paciente-e-a-escolha-da-psicoterapia
 
Informativo.pdf
Informativo.pdfInformativo.pdf
Informativo.pdf
 
PSICOLOGIA APLICADA
PSICOLOGIA APLICADAPSICOLOGIA APLICADA
PSICOLOGIA APLICADA
 
Pit
PitPit
Pit
 
07psicologiaclnica trabalho-150102210503-conversion-gate02
07psicologiaclnica trabalho-150102210503-conversion-gate0207psicologiaclnica trabalho-150102210503-conversion-gate02
07psicologiaclnica trabalho-150102210503-conversion-gate02
 
Psicologia aplicada
Psicologia aplicadaPsicologia aplicada
Psicologia aplicada
 
Psicologia aplicada
Psicologia aplicadaPsicologia aplicada
Psicologia aplicada
 

Psicologia cl+¡nica

  • 1. AESCD Novembro 2012 Disciplina: Psicologia B Professora: Manuela Marques Autores: Adriana Fonseca nº1 Mariana Sousa nº 15 1
  • 2. Índice Capa Pág.1 Índice Pág.2 Introdução Pág.3 O que é a psicologia aplicada? Pág.4 Áreas de intervenção Pág.5 O que é a psicologia clínica? Pág.6 Áreas de actuação Págs. 7/8 Principais objectivos da psicologia clínica Págs. 9/10 Especificidades do psicólogo clínico Págs.11/12/13 Alguns mitos Pág.14/15 Conclusão Pág.16 Bibliografia Pág.17 2
  • 3. Introdução A psicologia clinica procura compreender os indivíduos, a sua estrutura interna. Neste trabalho iremos analisar os métodos e as várias terapias utilizadas para esse efeito. 3
  • 4. O que é a psicologia aplicada? É a aplicação dos dados da psicologia na solução de problemas práticos. O estudo apresenta como principal objectivo a resposta às necessidades da sociedade em geral. 4
  • 5. Áreas de intervenção • Psicologia Clínica • Psicologia Educacional • Psicologia do Desporto e do Exercício • Psicologia do Trabalho e das Organizações • Psicologia Criminal/Forense • Psicologia de Orientação vocacional e profissional
  • 6. O que é a psicologia clínica? A psicologia clínica dedica-se ao estudo dos indivíduos nomeadamente transtornos mentais e dos aspectos psíquicos de doenças não mentais, cujo o objectivo é inferir conclusões sobre a sua realidade, as suas dificuldades e os seus problemas. 6
  • 7. Áreas de actuação A psicologia clínica tem diferentes áreas de aplicação, nomeadamente: o Transtorno mental: dá uma visão geral sobre os transtornos ligados há mente, ou seja, infere a análise de factores determinantes como a classificação, epidemiologia, etiologia. 7
  • 8. o Psicodiagnóstico: adquirir informações psicológicas relevantes. o Intervenção psicológica: apresenta diferentes soluções para o problema; A psicoterapia apresenta um papel fundamental neste ramo. 8
  • 9. Principais objectivos da psicologia clínica o Evitar o desenvolvimento e/ou agravamento das doenças mentais ou comportamentais; o Estimular actividades com fins terapêuticos para ajudar pessoas com problemas psicológicos ou com risco de os desenvolver; o Aumentar a capacidade adaptativa intervindo nos momentos de crise; 9
  • 10. o Ajudar na diminuição dos momentos de sofrimento emocional; o Incentivar a modificação de comportamentos de risco perigosos; o Contribuir para o aumento da qualidade de vida das pessoas contribuindo para o seu desenvolvimento. 10
  • 11. Especificidades do psicólogo clínico O psicólogo clínico ajuda a compreender a realidade interna do paciente e tem como principais funções: o Avaliação: Obtém-se através da recolha de informações sobre os comportamentos, funcionamento cognitivo e estado emocional dos indivíduos. É aplicado não só ao indivíduo mas também aos casais ou grupos. É usado geralmente em alguns tipos de testes, questionários, entrevistas e observações. 11
  • 12. o Diagnóstico: Nesta fase o psicólogo toma diversas decisões: • Decisão sobre se este é um problema da sua competência ou não. • Decisão sobre o grau de gravidade das informações dadas. • Identificar o problema em termos operacionais. • Indicação do tratamento. 12
  • 13. o Tratamento e Intervenção: O tratamento envolve a compreensão e resolução de problemas psicológicos emocionais, problemas comportamentais, e outras preocupações pessoais. Relativamente à intervenção, é qualquer tipo de relacionamento interpessoal e situação social. Algumas das terapias aplicadas nesta fase são a terapia cognitiva, existencial, aconselhamento ou consultoria. As sessões têm uma duração de aproximadamente uma hora e meia ou mais consoante as circunstâncias. 13
  • 14. Alguns mitos Mito: Apenas pessoas fracas procuram a psicologia clínica. Verdade: Não existem pessoas fortes ou fracas, existem formas de lidar com as situações. Mito: Apenas pessoas com problemas devem procurar um psicólogo. Verdade: As pessoas também procuram um psicólogo porque querem se conhecer melhor. 14
  • 15. Mito: Um tratamento psicológico vai demorar anos para acabar. Verdade: O tempo de duração de um tratamento varia de acordo com os objectivos ambicionados. É possível obter excelentes resultados com tratamentos em curto prazo. Mito: Tratamento psicológico é apenas para ricos. Verdade: Existem locais que oferecem atendimento psicológico por preço simbólico. Alguns postos de saúde também oferecem serviço de psicoterapia. 15
  • 16. Conclusão • Com este trabalho esperamos que tenham compreendido melhor esta ramificação da psicologia, os seus objectivos e as suas áreas de actuação. Esperamos também ter conseguir mostrar-vos o que um profissional nessa área faz. 16