SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
O papel do Psicólogo Educacional
O psicólogo educacional estuda os pensamentos e ações envolvidos nos momentos de
ensino ou aprendizagem (Hoy, 2002)., que ocorrem em ambientes de educação formal ou
informal. Neste sentido, a atuação do psicólogo educacional tem como objetivo a
potenciação de aprendizagens e a eliminação das barreiras a esta.
O papel, funções e áreas de intervenção do psicólogo educacional são um tema
controverso, sendo que ao longo dos anos, surgiram diferentes perspetivas.
Atualmente reconhece-se que o psicólogo educacional investiga e intervêm ao nível da
cognição, aprendizagem, motivação, das diferenças individuais, mensuração das
competências e capacidades humanas, do currículo, entre outros.
O papel e funções do psicólogo educacional são inseparáveis do seu contexto de atuação.
Este poderá atuar em contextos de educação formal e informal; de grupo ou individuais,
centrados no indivíduo ou no sistema.
No contexto de instituições escolares, o psicólogo educacional assume uma posição de
equilíbrio essencial, conduzindo as mudanças necessárias com vista a uma educação de
qualidade (Huget, 1993; Cit. In Solé, 1997). O psicólogo escolar não é, no entanto, a
entidade de mudança, mas sim um agente e um recurso através do qual esta é possível,
conduzindo processos de trabalho colaborativo entre os diferentes profissionais, e em
todos os níveis envolvidos (aluno, aula e contexto educativo). Neste âmbito, um dos
principais objetivos e funções do psicólogo educacional consiste em ajudar os professores
a ajudar os alunos – processo de resolução conjunta de problemas (García; Sánchez;
2011).
Em termos funcionais, o papel do Psicólogo Educacional assenta em quatro eixos
estruturais, a prevenção, a avaliação, a intervenção e a investigação.
Entre as várias áreas de intervenção em que o psicólogo educacional poderá desempenhar
o seu papel, referimos:
Avaliação e intervenção com alunos com necessidades educativas especiais e/ou
problemas de comportamento; Orientação escolar e profissional; Workshops temáticos
para sensibilização, informação, treino de competências; Apoio ao estudo e
aprendizagem…
Com os pais, acompanhamento de programas de estudo; Acompanhamento familiar;
Desenvolvimento de competências parentais; Workshops temáticos para sensibilização,
informação, treino de competências (sobre bulling, adições, relações e adolescência, pré-
escolar e leitura, etc)…
Com os Professores /Educadores desenvolver Programas de competências sociais;
Estratégias educativas; Desenvolvimento de competências para lidar com problemas de
comportamento em sala de aula; Apoio e intervenção com famílias em risco …
Com os Auxiliares da escola colaborar na avaliação e intervenção em problemas de
desenvolvimento infantil; Qualidade de serviço e apoio aos alunos; Lidar com problemas
de comportamento; workshops temáticos para sensibilização, informação, treino de
competências…
No contexto escolar podem promover o desenvolvimento da identidade pessoal e
construção do projeto de vida do aluno; Workshops/programas educativos em temáticas
específicas – bullying, sexualidade, nutrição, saúde, álcool, drogas, ambiente, prevenção
rodoviária, etc.; consultoria para (re)definição de políticas educativas; Programas de
combate ao insucesso e absentismo escolar; Organização dos serviços de atendimento;
Articulação entre diferentes contextos educativos e apoio à planificação das atividades
escolares.
Programas de intervenção precoce; Construção de materiais educativos e lúdicos…
Nos âmbitos de intervenção que não figuram no contexto escolar, o psicólogo educacional
tem um papel ativo em variados contextos como Centros de Desenvolvimento, Hospitais,
Centros de Saúde e outros, mas deve sempre conduzir a sua intervenção segundo uma
abordagem ecológica.
O psicólogo tem, em qualquer destes contexto, a dura tarefa de criar pontes entre o
conhecimento psicológico e a prática educativa, garantindo que a sua intervenção produz
mudanças desejáveis e expectáveis à luz de um marco explicativo.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Relevância e as atribuições do supervisor educacional
Relevância e as atribuições do supervisor educacionalRelevância e as atribuições do supervisor educacional
Relevância e as atribuições do supervisor educacional
jamsalberto
 
2.comunidades de aprendizagem e educação escolar
2.comunidades de aprendizagem e educação escolar2.comunidades de aprendizagem e educação escolar
2.comunidades de aprendizagem e educação escolar
Ulisses Vakirtzis
 
Objectivos do gabinete ii
Objectivos do gabinete iiObjectivos do gabinete ii
Objectivos do gabinete ii
pesesandorinho
 
Dimensões da Ação Supervisora
Dimensões da Ação SupervisoraDimensões da Ação Supervisora
Dimensões da Ação Supervisora
mylla1
 
C:\Fakepath\Otp Papel Do Pedagogo
C:\Fakepath\Otp Papel Do PedagogoC:\Fakepath\Otp Papel Do Pedagogo
C:\Fakepath\Otp Papel Do Pedagogo
Solange Soares
 
04 o papel do coordenador e supervisor
04  o papel do coordenador e supervisor04  o papel do coordenador e supervisor
04 o papel do coordenador e supervisor
Joao Balbi
 

Mais procurados (20)

O papel do pedagogo na escola
O papel do pedagogo na escolaO papel do pedagogo na escola
O papel do pedagogo na escola
 
Apresentação da nova psicóloga
Apresentação da nova psicólogaApresentação da nova psicóloga
Apresentação da nova psicóloga
 
ação supervisora
 ação supervisora ação supervisora
ação supervisora
 
Apresentação Educação Tradicional
Apresentação Educação TradicionalApresentação Educação Tradicional
Apresentação Educação Tradicional
 
Apostila de didatica
Apostila de didaticaApostila de didatica
Apostila de didatica
 
A importancia do planejamneto escolar
A importancia do planejamneto escolarA importancia do planejamneto escolar
A importancia do planejamneto escolar
 
Psicologia escolar
Psicologia escolarPsicologia escolar
Psicologia escolar
 
Relevância e as atribuições do supervisor educacional
Relevância e as atribuições do supervisor educacionalRelevância e as atribuições do supervisor educacional
Relevância e as atribuições do supervisor educacional
 
2.comunidades de aprendizagem e educação escolar
2.comunidades de aprendizagem e educação escolar2.comunidades de aprendizagem e educação escolar
2.comunidades de aprendizagem e educação escolar
 
Supervisão pedagógica
Supervisão pedagógicaSupervisão pedagógica
Supervisão pedagógica
 
Objectivos do gabinete ii
Objectivos do gabinete iiObjectivos do gabinete ii
Objectivos do gabinete ii
 
Dimensões da Ação Supervisora
Dimensões da Ação SupervisoraDimensões da Ação Supervisora
Dimensões da Ação Supervisora
 
Atribuicoes do supervisor
Atribuicoes do supervisorAtribuicoes do supervisor
Atribuicoes do supervisor
 
04 histórias, tendências e possibilidades.
04 histórias, tendências e possibilidades.04 histórias, tendências e possibilidades.
04 histórias, tendências e possibilidades.
 
Slide
SlideSlide
Slide
 
Por uma prática docente critica e construtiva
 Por uma prática  docente critica e construtiva Por uma prática  docente critica e construtiva
Por uma prática docente critica e construtiva
 
C:\Fakepath\Otp Papel Do Pedagogo
C:\Fakepath\Otp Papel Do PedagogoC:\Fakepath\Otp Papel Do Pedagogo
C:\Fakepath\Otp Papel Do Pedagogo
 
Formação sobre o papel do supervisor escolar
Formação sobre o papel do supervisor escolarFormação sobre o papel do supervisor escolar
Formação sobre o papel do supervisor escolar
 
04 o papel do coordenador e supervisor
04  o papel do coordenador e supervisor04  o papel do coordenador e supervisor
04 o papel do coordenador e supervisor
 
Resiliência na Ambiência Escolar: Desafios no enfrentamento de um Contexto Ed...
Resiliência na Ambiência Escolar: Desafios no enfrentamento de um Contexto Ed...Resiliência na Ambiência Escolar: Desafios no enfrentamento de um Contexto Ed...
Resiliência na Ambiência Escolar: Desafios no enfrentamento de um Contexto Ed...
 

Destaque (6)

Números ordinais até à 100ª
Números ordinais até à 100ªNúmeros ordinais até à 100ª
Números ordinais até à 100ª
 
Cardinal numbers ordinal numbers
Cardinal numbers                    ordinal numbersCardinal numbers                    ordinal numbers
Cardinal numbers ordinal numbers
 
Teste 1º período 2014-2015- 3º ano
Teste 1º período  2014-2015- 3º anoTeste 1º período  2014-2015- 3º ano
Teste 1º período 2014-2015- 3º ano
 
Exercicios muito bons de ingles 1
Exercicios muito bons de ingles 1Exercicios muito bons de ingles 1
Exercicios muito bons de ingles 1
 
How to Make Awesome SlideShares: Tips & Tricks
How to Make Awesome SlideShares: Tips & TricksHow to Make Awesome SlideShares: Tips & Tricks
How to Make Awesome SlideShares: Tips & Tricks
 
Getting Started With SlideShare
Getting Started With SlideShareGetting Started With SlideShare
Getting Started With SlideShare
 

Semelhante a O papel do psicólogo educacional

02.psicologia escolar e educacional
02.psicologia escolar e educacional02.psicologia escolar e educacional
02.psicologia escolar e educacional
Rosenira Dantas II
 
Fundamentos epistemológicos da psicopedagogia
Fundamentos epistemológicos da psicopedagogiaFundamentos epistemológicos da psicopedagogia
Fundamentos epistemológicos da psicopedagogia
Vanessa Casaro
 

Semelhante a O papel do psicólogo educacional (20)

PSICOLOGIA ESCOLAR
PSICOLOGIA ESCOLARPSICOLOGIA ESCOLAR
PSICOLOGIA ESCOLAR
 
DISCALCULIA NO ENSINO MÉDIO: DAS CONDIÇÕES DE CONTORNAR O DISTÚRBIO - Relatório
DISCALCULIA NO ENSINO MÉDIO: DAS CONDIÇÕES DE CONTORNAR O DISTÚRBIO - Relatório DISCALCULIA NO ENSINO MÉDIO: DAS CONDIÇÕES DE CONTORNAR O DISTÚRBIO - Relatório
DISCALCULIA NO ENSINO MÉDIO: DAS CONDIÇÕES DE CONTORNAR O DISTÚRBIO - Relatório
 
Definiçao de conceito (salvo automaticamente)
Definiçao de conceito (salvo automaticamente)Definiçao de conceito (salvo automaticamente)
Definiçao de conceito (salvo automaticamente)
 
A orientação educacional nas escolas atualmente
A orientação educacional nas escolas atualmenteA orientação educacional nas escolas atualmente
A orientação educacional nas escolas atualmente
 
Psicologia escolar e educacional
Psicologia escolar e educacionalPsicologia escolar e educacional
Psicologia escolar e educacional
 
Avaliação Psicológica - Psicologia Escolar.pptx
Avaliação Psicológica - Psicologia Escolar.pptxAvaliação Psicológica - Psicologia Escolar.pptx
Avaliação Psicológica - Psicologia Escolar.pptx
 
O papel da equipe multidisciplinar na inclusão de alunos com NEEs
O papel da equipe multidisciplinar na inclusão de alunos com NEEsO papel da equipe multidisciplinar na inclusão de alunos com NEEs
O papel da equipe multidisciplinar na inclusão de alunos com NEEs
 
02.psicologia escolar e educacional
02.psicologia escolar e educacional02.psicologia escolar e educacional
02.psicologia escolar e educacional
 
Qual o significado da avaliação de crianças nas creches e pré-escolas Jussara...
Qual o significado da avaliação de crianças nas creches e pré-escolas Jussara...Qual o significado da avaliação de crianças nas creches e pré-escolas Jussara...
Qual o significado da avaliação de crianças nas creches e pré-escolas Jussara...
 
A IMPORTÂNCIA DO PSICOPEDAGOGO INSTITUCIONAL NA INTERFACE ENTRE A FAMÍLIA E A...
A IMPORTÂNCIA DO PSICOPEDAGOGO INSTITUCIONAL NA INTERFACE ENTRE A FAMÍLIA E A...A IMPORTÂNCIA DO PSICOPEDAGOGO INSTITUCIONAL NA INTERFACE ENTRE A FAMÍLIA E A...
A IMPORTÂNCIA DO PSICOPEDAGOGO INSTITUCIONAL NA INTERFACE ENTRE A FAMÍLIA E A...
 
Psicologia escolar e Educacional
Psicologia escolar e EducacionalPsicologia escolar e Educacional
Psicologia escolar e Educacional
 
Fundamentos epistemológicos da psicopedagogia
Fundamentos epistemológicos da psicopedagogiaFundamentos epistemológicos da psicopedagogia
Fundamentos epistemológicos da psicopedagogia
 
Projeto: Habilidades de vida na escola
Projeto: Habilidades de vida na escolaProjeto: Habilidades de vida na escola
Projeto: Habilidades de vida na escola
 
Psi capítulo 4 slide
Psi capítulo 4 slidePsi capítulo 4 slide
Psi capítulo 4 slide
 
01. manual do psi. escolar
01. manual do psi. escolar01. manual do psi. escolar
01. manual do psi. escolar
 
Neuropsicopedagogia levantamneto das turmas
Neuropsicopedagogia levantamneto das turmasNeuropsicopedagogia levantamneto das turmas
Neuropsicopedagogia levantamneto das turmas
 
Artigo[1]
Artigo[1]Artigo[1]
Artigo[1]
 
Artigo orientação da queixa escolar
Artigo orientação da queixa escolarArtigo orientação da queixa escolar
Artigo orientação da queixa escolar
 
Universidade virtual do estado de são paulo
Universidade virtual do estado de são pauloUniversidade virtual do estado de são paulo
Universidade virtual do estado de são paulo
 
Sugestões de como trabalhar (ensinar) a turma toda
Sugestões de como trabalhar (ensinar) a turma todaSugestões de como trabalhar (ensinar) a turma toda
Sugestões de como trabalhar (ensinar) a turma toda
 

Último

1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
aulasgege
 

Último (20)

ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
 
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasPeça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorial
 
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdfApostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
 
transcrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguatranscrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de língua
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 

O papel do psicólogo educacional

  • 1. O papel do Psicólogo Educacional O psicólogo educacional estuda os pensamentos e ações envolvidos nos momentos de ensino ou aprendizagem (Hoy, 2002)., que ocorrem em ambientes de educação formal ou informal. Neste sentido, a atuação do psicólogo educacional tem como objetivo a potenciação de aprendizagens e a eliminação das barreiras a esta. O papel, funções e áreas de intervenção do psicólogo educacional são um tema controverso, sendo que ao longo dos anos, surgiram diferentes perspetivas. Atualmente reconhece-se que o psicólogo educacional investiga e intervêm ao nível da cognição, aprendizagem, motivação, das diferenças individuais, mensuração das competências e capacidades humanas, do currículo, entre outros. O papel e funções do psicólogo educacional são inseparáveis do seu contexto de atuação. Este poderá atuar em contextos de educação formal e informal; de grupo ou individuais, centrados no indivíduo ou no sistema. No contexto de instituições escolares, o psicólogo educacional assume uma posição de equilíbrio essencial, conduzindo as mudanças necessárias com vista a uma educação de qualidade (Huget, 1993; Cit. In Solé, 1997). O psicólogo escolar não é, no entanto, a entidade de mudança, mas sim um agente e um recurso através do qual esta é possível, conduzindo processos de trabalho colaborativo entre os diferentes profissionais, e em todos os níveis envolvidos (aluno, aula e contexto educativo). Neste âmbito, um dos principais objetivos e funções do psicólogo educacional consiste em ajudar os professores a ajudar os alunos – processo de resolução conjunta de problemas (García; Sánchez; 2011). Em termos funcionais, o papel do Psicólogo Educacional assenta em quatro eixos estruturais, a prevenção, a avaliação, a intervenção e a investigação. Entre as várias áreas de intervenção em que o psicólogo educacional poderá desempenhar o seu papel, referimos: Avaliação e intervenção com alunos com necessidades educativas especiais e/ou problemas de comportamento; Orientação escolar e profissional; Workshops temáticos para sensibilização, informação, treino de competências; Apoio ao estudo e aprendizagem… Com os pais, acompanhamento de programas de estudo; Acompanhamento familiar; Desenvolvimento de competências parentais; Workshops temáticos para sensibilização, informação, treino de competências (sobre bulling, adições, relações e adolescência, pré- escolar e leitura, etc)…
  • 2. Com os Professores /Educadores desenvolver Programas de competências sociais; Estratégias educativas; Desenvolvimento de competências para lidar com problemas de comportamento em sala de aula; Apoio e intervenção com famílias em risco … Com os Auxiliares da escola colaborar na avaliação e intervenção em problemas de desenvolvimento infantil; Qualidade de serviço e apoio aos alunos; Lidar com problemas de comportamento; workshops temáticos para sensibilização, informação, treino de competências… No contexto escolar podem promover o desenvolvimento da identidade pessoal e construção do projeto de vida do aluno; Workshops/programas educativos em temáticas específicas – bullying, sexualidade, nutrição, saúde, álcool, drogas, ambiente, prevenção rodoviária, etc.; consultoria para (re)definição de políticas educativas; Programas de combate ao insucesso e absentismo escolar; Organização dos serviços de atendimento; Articulação entre diferentes contextos educativos e apoio à planificação das atividades escolares. Programas de intervenção precoce; Construção de materiais educativos e lúdicos… Nos âmbitos de intervenção que não figuram no contexto escolar, o psicólogo educacional tem um papel ativo em variados contextos como Centros de Desenvolvimento, Hospitais, Centros de Saúde e outros, mas deve sempre conduzir a sua intervenção segundo uma abordagem ecológica. O psicólogo tem, em qualquer destes contexto, a dura tarefa de criar pontes entre o conhecimento psicológico e a prática educativa, garantindo que a sua intervenção produz mudanças desejáveis e expectáveis à luz de um marco explicativo.