SlideShare uma empresa Scribd logo
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA
CAMPUS XXXXXX
PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC
PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA
XXXXXX
LOCAL
ANO
SUMÁRIO
1. DADOS INSTITUCIONAIS ............................................................................................................. 3
1.1. DO IFRO...........................................................................................................................................3
1.2. DAS PARCERIAS...............................................................................................................................3
1.3. DOS RESPONSÁVEIS PELA ELABORAÇÃO DO PROJETO ..................................................................3
1.4. DADOS DA UNIDADE DE ENSINO (CÂMPUS) ..................................................................................4
1.4.1. Histórico da Unidade de Ensino ............................................................................................4
2. APRESENTAÇÃO ......................................................................................................................... 4
2.1. DADOS DO CURSO ..........................................................................................................................4
2.2. JUSTIFICATIVA.................................................................................................................................5
2.3. OBJETIVOS.......................................................................................................................................5
2.3.1. Objetivo Geral........................................................................................................................5
2.3.2. Objetivos Específicos .............................................................................................................5
2.4. CONCEPÇÃO CURRICULAR..............................................................................................................5
2.4.1. METODOLOGIA......................................................................................................................5
2.4.2. MATRIZ CURRICULAR.............................................................................................................6
2.4.3. CRITÉRIO DE APROVEITAMENTO DE CONHECIMENTO E EXPERIÊNCIAS ANTERIORES.........6
2.4.4. CRITÉRIO DE AVALIAÇÃO DE APRENDIZAGEM......................................................................6
2.5. DESCRIÇÃO DAS INSTALAÇÕES E EQUIPAMENTOS ........................................................................7
2.5.1 Instalações..............................................................................................................................7
2.5.2. Salas de aula ..........................................................................................................................7
2.5.3. Laboratórios...........................................................................................................................7
2.5.4. Biblioteca...............................................................................................................................7
2.5.5. Estrutura Administrativa-financeira......................................................................................8
2.5.6. Equipamentos........................................................................................................................8
2.6. CERTIFICAÇÃO.................................................................................................................................8
3. DOCUMENTOS ANEXOS.............................................................................................................. 8
1. DADOS INSTITUCIONAIS
1.1. DO IFRO
Nome do IF/Campus: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia
– Campus Ariquemes
CNPJ do Campus: 00.000.000/0000-00
Esfera Administrativa: Federal
Endereço: xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Cidade/UF: xxxxxxxxxxxxxxx
CEP: 00.000-000
Telefone: (00) 0000-0000
E-mail: xxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Site da Instituição: www.ifro.edu.br
Reitor: Raimundo Vicente Jimenez
Pró-Reitora de Extensão: Marilise Doege Esteves
Pró-Reitora de Ensino: Silvana Francescon Wandroski
Pró-Reitor de Pesquisa e Inovação: Artur de Souza Moret
Pró-Reitor de Planejamento e Administração: Arijoan Cavalcante dos Santos
Pró-Reitor de Desenvolvimento Institucional: Jackson Bezerra Nunes
Coordenador Geral do Pronatec: Dauster Souza Pereira
Diretor-Geral do Câmpus: xxxxxxxxxxxxxxxxx
1.2. DAS PARCERIAS
Razão Social: xxxxxxxxxx
Esfera Administrativa: xxxxxxxx
Endereço: xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Cidade/UF: xxxxxxxxxxxxxxx
CEP: 00.000-000
Telefone: (00) 0000-0000
Site: xxxxxxxxxxxxxxxxxx
Responsável: xxxxxxxxxxxxxxxx
E-mail do Responsável: xxxxxxxxxxxxxxxxxxx
1.3. DOS RESPONSÁVEIS PELA ELABORAÇÃO DO PROJETO
Nome do Responsável Geral pela Elaboração do Projeto: xxxxxxxxxx
Campus onde está lotado: xxxxxxxx
Cargo/Função: xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Matrícula SIAPE:
CPF:
Endereço:
Cidade/UF: xxxxxxxxxxxxxxx
CEP: 00.000-000
Telefone: (00) 0000-0000
Endereço Eletrônico (e-mail):
Equipe Envolvida na Elaboração do Projeto:
 Nome
 Câmpus
 Cargo/Função
 E-mail
1.4. DADOS DA UNIDADE DE ENSINO (CÂMPUS)
1.4.1. Histórico da Unidade de Ensino
2. APRESENTAÇÃO
2.1. DADOS DO CURSO
Nome do Curso:
Eixo Tecnológico: (conforme Guia de Cursos FIC PRONATEC)
Modalidade: Formação Inicial e Continuada
Público-Alvo:
Tempo de duração do curso:
Turno da oferta: matutino, vespertino, noturno
Horário de Oferta do Curso: indicar o horário de início e término das aulas em todos
os turnos.
Carga horária total: citar em horas relógio
Número máximo de vagas do curso:
Número mínimo de vagas do curso:
Escolaridade mínima exigida: (ver Guia de Cursos FIC PRONATEC)
Requisitos de acesso ao Curso: descrição da forma de acesso/processo de seleção a
ser utilizado
Perfil Profissional do Egresso do Curso: xxxxxxx
2.2. JUSTIFICATIVA
Apresentar dados que justifiquem a necessidade de implementação do curso de
acordo as demandas do Arranjo Produtivo Local (APL): arranjos sociais, territoriais e
culturais. Contextualizar a oferta do ponto de vista social e educacional. Fazer uma
caracterização regional de aspectos relacionados à área profissional a que pertence o
curso a ser criado, ressaltando as possibilidades de inserção do profissional formado
neste contexto. Justificar a pertinência e relevância do curso para a instituição e
região. Demonstrar o processo de construção coletiva do curso.
2.3. OBJETIVOS
Citar os objetivos do curso, tendo em vista seu propósito educacional. É importante
não confundir os objetivos do curso com o perfil do egresso. Observar que os objetivos
devem estar em consonância com a organização curricular do curso e devem ser
apresentados em verbos. Ex: Formar.... Consolidar...
2.3.1. Objetivo Geral
2.3.2. Objetivos Específicos
2.4. CONCEPÇÃO CURRICULAR
2.4.1. METODOLOGIA
2.4.2. MATRIZ CURRICULAR
2.4.2.1. Plano de Disciplina
COMPONENTE CURRICULAR:
CARGA HORÁRIA:
OBJETIVOS:
Ementa:
Referências Básicas
Referências Complementares
2.4.3. CRITÉRIO DE APROVEITAMENTO DE CONHECIMENTO E EXPERIÊNCIAS
ANTERIORES
No caso da Formação Inicial e Continuada, serão implementados processos de
reconhecimento dos conhecimentos e saberes profissionais dos trabalhadores
matriculados no curso, independente da forma como foram adquiridos, com a
finalidade de aproveitamento e continuidade dos estudos, conforme previsto nos
termos do Decreto nº 5.154, de 23 de julho de 2004.
Os critérios referem-se aos conhecimentos construídos pelos alunos em sua prática de
trabalho. Para isso serão realizadas provas teóricas e práticas onde os alunos devem
demonstrar domínio das etapas que compreendem o curso, com a finalidade de inseri-
lo num itinerário formativo desenvolvido pela orientação e professor da disciplina.
2.4.4. CRITÉRIO DE AVALIAÇÃO DE APRENDIZAGEM
A avaliação será parte integrante do processo ensino/aprendizagem. Requer preparo
técnico e observação dos profissionais envolvidos, numa dinâmica interativa, ao longo
de todo o ano, visando a participação e produtividade de cada aluno. O processo
avaliativo compreende a obtenção de informações, análise e interpretação da ação
educativa, visando o aprimoramento dos trabalhos. Todos os educandos da FIC devem
ser avaliados em momentos individuais e coletivos, bem como a própria ação em si,
nas atividades cognitivas e técnicas. Os critérios estarão pautados nos principais
conteúdos das diferentes áreas do conhecimento, presentes na proposta curricular.
Serão utilizados para a avaliação a observação individual, em grupo e resultados
obtidos em atividades práticas de modo que o aluno obtenha frequência igual ou
superior a 75%.
2.5. DESCRIÇÃO DAS INSTALAÇÕES E EQUIPAMENTOS
2.5.1 Instalações
Os cursos acontecerão em Escolas Municipais e/ou Espaços de Formação, com a infra-
estrutura básica (Sala de aula e biblioteca).
2.5.2. Salas de aula
A sala de aula deverá ter cadeiras individuais, quadro branco ou de giz, ventiladores ou
ar-condicionado e equipamento multimídia.
2.5.3. Laboratórios
Serão utilizados laboratório de informática e atividades de campo que se não ofertadas
no local da aula teórica, poderá ocorrer em local que ofereça as condições,
necessitando de transporte
2.5.4. Biblioteca
A biblioteca deverá oferecer literaturas básicas ou correlatas e/ou computadores
interligados a internet que favoreçam a pesquisa.
2.5.5. Estrutura Administrativa-financeira
xxxxxx
2.5.6. Equipamentos
Xxxxxx
2.6. CERTIFICAÇÃO
A certificação ocorrerá por conta do Instituto Federal de Educação, Ciência e
Tecnologia de Rondônia.
3. DOCUMENTOS ANEXOS
Deverão integrar o documento os seguintes documentos:
 Documento comprobatório da aprovação pela Direção-Geral do Câmpus
 Termo de Convênio com Instituição parceira (quando houver).

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Edital 022 2016 Feira de Ciências de 2016
Edital  022 2016 Feira de Ciências de 2016Edital  022 2016 Feira de Ciências de 2016
Edital 022 2016 Feira de Ciências de 2016
GREDES Group
 
Manual de trabalho de conclusao de curso 2014 2
Manual de trabalho de conclusao de curso 2014 2Manual de trabalho de conclusao de curso 2014 2
Manual de trabalho de conclusao de curso 2014 2
Poli Costa
 
Pauta local-servidores-ifac.final-aprovada
Pauta local-servidores-ifac.final-aprovadaPauta local-servidores-ifac.final-aprovada
Pauta local-servidores-ifac.final-aprovada
Lucilene Belmiro Acácio
 
Edital 06 2016 - tutor a distância profuncionário 2016
Edital 06 2016 - tutor a distância profuncionário 2016Edital 06 2016 - tutor a distância profuncionário 2016
Edital 06 2016 - tutor a distância profuncionário 2016
jkbr2010
 
Projeto pedagogico meio_ambiente
Projeto pedagogico meio_ambienteProjeto pedagogico meio_ambiente
Projeto pedagogico meio_ambiente
afermartins
 
Relatoriogestar
RelatoriogestarRelatoriogestar
Relatoriogestar
SME
 
Slides - Abertura CIAPES programa_2013-2014 - 25/11/13
Slides - Abertura CIAPES programa_2013-2014 - 25/11/13Slides - Abertura CIAPES programa_2013-2014 - 25/11/13
Slides - Abertura CIAPES programa_2013-2014 - 25/11/13
Adriana Bruno
 
Avaliação da Formação Continua de Professores num Centro de Formação
Avaliação da Formação Continua de Professores num Centro de FormaçãoAvaliação da Formação Continua de Professores num Centro de Formação
Avaliação da Formação Continua de Professores num Centro de Formação
Maria Casanova
 
Edital de cursos ingles, espanhol, informatica, planilha, autocad
Edital de cursos ingles, espanhol, informatica, planilha, autocadEdital de cursos ingles, espanhol, informatica, planilha, autocad
Edital de cursos ingles, espanhol, informatica, planilha, autocad
capacitacaoufcg
 
Regimento efa escolar
Regimento efa escolarRegimento efa escolar
Regimento efa escolar
dulcesasil
 
2 edicao referencial_formacao_pedagogica_inicial_formadores_21_03_2013
2 edicao referencial_formacao_pedagogica_inicial_formadores_21_03_20132 edicao referencial_formacao_pedagogica_inicial_formadores_21_03_2013
2 edicao referencial_formacao_pedagogica_inicial_formadores_21_03_2013
Paula Fernandes
 
Cartilha agropecuaria1
Cartilha agropecuaria1Cartilha agropecuaria1
Cartilha agropecuaria1
Miguel Alves de Santana
 
An2 b - trabalho colaborativo com as ferramentas google - edição e publicação...
An2 b - trabalho colaborativo com as ferramentas google - edição e publicação...An2 b - trabalho colaborativo com as ferramentas google - edição e publicação...
An2 b - trabalho colaborativo com as ferramentas google - edição e publicação...
Jorge Teixeira
 
Engenharia d eProdução
Engenharia d eProduçãoEngenharia d eProdução
Engenharia d eProdução
Carol Vieira
 
Gestao e-negocios
Gestao e-negociosGestao e-negocios
Gestao e-negocios
Adriana Roxo Silveira
 
2702 manual gest2(1)
2702 manual gest2(1)2702 manual gest2(1)
2702 manual gest2(1)
Walmir Pottker
 
Aula 2 estágio orientado i orientações
Aula 2 estágio orientado i   orientaçõesAula 2 estágio orientado i   orientações
Aula 2 estágio orientado i orientações
LadyNanda
 
Regulamento geral dos cursos de graduação
Regulamento geral dos cursos de graduaçãoRegulamento geral dos cursos de graduação
Regulamento geral dos cursos de graduação
Monica Santos
 
Webconferência 08 04-2016 - focal
Webconferência   08 04-2016 - focalWebconferência   08 04-2016 - focal
Webconferência 08 04-2016 - focal
jorginas
 

Mais procurados (19)

Edital 022 2016 Feira de Ciências de 2016
Edital  022 2016 Feira de Ciências de 2016Edital  022 2016 Feira de Ciências de 2016
Edital 022 2016 Feira de Ciências de 2016
 
Manual de trabalho de conclusao de curso 2014 2
Manual de trabalho de conclusao de curso 2014 2Manual de trabalho de conclusao de curso 2014 2
Manual de trabalho de conclusao de curso 2014 2
 
Pauta local-servidores-ifac.final-aprovada
Pauta local-servidores-ifac.final-aprovadaPauta local-servidores-ifac.final-aprovada
Pauta local-servidores-ifac.final-aprovada
 
Edital 06 2016 - tutor a distância profuncionário 2016
Edital 06 2016 - tutor a distância profuncionário 2016Edital 06 2016 - tutor a distância profuncionário 2016
Edital 06 2016 - tutor a distância profuncionário 2016
 
Projeto pedagogico meio_ambiente
Projeto pedagogico meio_ambienteProjeto pedagogico meio_ambiente
Projeto pedagogico meio_ambiente
 
Relatoriogestar
RelatoriogestarRelatoriogestar
Relatoriogestar
 
Slides - Abertura CIAPES programa_2013-2014 - 25/11/13
Slides - Abertura CIAPES programa_2013-2014 - 25/11/13Slides - Abertura CIAPES programa_2013-2014 - 25/11/13
Slides - Abertura CIAPES programa_2013-2014 - 25/11/13
 
Avaliação da Formação Continua de Professores num Centro de Formação
Avaliação da Formação Continua de Professores num Centro de FormaçãoAvaliação da Formação Continua de Professores num Centro de Formação
Avaliação da Formação Continua de Professores num Centro de Formação
 
Edital de cursos ingles, espanhol, informatica, planilha, autocad
Edital de cursos ingles, espanhol, informatica, planilha, autocadEdital de cursos ingles, espanhol, informatica, planilha, autocad
Edital de cursos ingles, espanhol, informatica, planilha, autocad
 
Regimento efa escolar
Regimento efa escolarRegimento efa escolar
Regimento efa escolar
 
2 edicao referencial_formacao_pedagogica_inicial_formadores_21_03_2013
2 edicao referencial_formacao_pedagogica_inicial_formadores_21_03_20132 edicao referencial_formacao_pedagogica_inicial_formadores_21_03_2013
2 edicao referencial_formacao_pedagogica_inicial_formadores_21_03_2013
 
Cartilha agropecuaria1
Cartilha agropecuaria1Cartilha agropecuaria1
Cartilha agropecuaria1
 
An2 b - trabalho colaborativo com as ferramentas google - edição e publicação...
An2 b - trabalho colaborativo com as ferramentas google - edição e publicação...An2 b - trabalho colaborativo com as ferramentas google - edição e publicação...
An2 b - trabalho colaborativo com as ferramentas google - edição e publicação...
 
Engenharia d eProdução
Engenharia d eProduçãoEngenharia d eProdução
Engenharia d eProdução
 
Gestao e-negocios
Gestao e-negociosGestao e-negocios
Gestao e-negocios
 
2702 manual gest2(1)
2702 manual gest2(1)2702 manual gest2(1)
2702 manual gest2(1)
 
Aula 2 estágio orientado i orientações
Aula 2 estágio orientado i   orientaçõesAula 2 estágio orientado i   orientações
Aula 2 estágio orientado i orientações
 
Regulamento geral dos cursos de graduação
Regulamento geral dos cursos de graduaçãoRegulamento geral dos cursos de graduação
Regulamento geral dos cursos de graduação
 
Webconferência 08 04-2016 - focal
Webconferência   08 04-2016 - focalWebconferência   08 04-2016 - focal
Webconferência 08 04-2016 - focal
 

Destaque

Curso Como Elaborar um Projeto - PETROBRAS
Curso Como Elaborar um Projeto - PETROBRASCurso Como Elaborar um Projeto - PETROBRAS
Curso Como Elaborar um Projeto - PETROBRAS
estrategiabrasileirinhos
 
Modelo de projeto ação educativa
Modelo de projeto ação educativaModelo de projeto ação educativa
Modelo de projeto ação educativa
rosa07
 
Projeto Político Pedagógico - PPP Frei Antonio Sinibaldi
Projeto Político Pedagógico - PPP Frei Antonio SinibaldiProjeto Político Pedagógico - PPP Frei Antonio Sinibaldi
Projeto Político Pedagógico - PPP Frei Antonio Sinibaldi
Adilson P Motta Motta
 
Modelo projeto básico
Modelo projeto básicoModelo projeto básico
Modelo projeto básico
Júlio Sérgio Rabelo
 
Capa do trabalho
Capa do trabalhoCapa do trabalho
Capa do trabalho
l2eric
 
ConstruçãO De Projetos Palestra
ConstruçãO De Projetos PalestraConstruçãO De Projetos Palestra
ConstruçãO De Projetos Palestra
ntebrusque
 
Modelo de Capa de Trabalho Acadêmico Simples
Modelo de Capa de Trabalho Acadêmico SimplesModelo de Capa de Trabalho Acadêmico Simples
Modelo de Capa de Trabalho Acadêmico Simples
Carolina Luz
 
Projeto Social - Modelo
Projeto Social - ModeloProjeto Social - Modelo
Projeto Social - Modelo
Daniel Santos
 
Plano de ação - Modelo
Plano de ação - ModeloPlano de ação - Modelo
Plano de ação - Modelo
Daniel Santos
 

Destaque (9)

Curso Como Elaborar um Projeto - PETROBRAS
Curso Como Elaborar um Projeto - PETROBRASCurso Como Elaborar um Projeto - PETROBRAS
Curso Como Elaborar um Projeto - PETROBRAS
 
Modelo de projeto ação educativa
Modelo de projeto ação educativaModelo de projeto ação educativa
Modelo de projeto ação educativa
 
Projeto Político Pedagógico - PPP Frei Antonio Sinibaldi
Projeto Político Pedagógico - PPP Frei Antonio SinibaldiProjeto Político Pedagógico - PPP Frei Antonio Sinibaldi
Projeto Político Pedagógico - PPP Frei Antonio Sinibaldi
 
Modelo projeto básico
Modelo projeto básicoModelo projeto básico
Modelo projeto básico
 
Capa do trabalho
Capa do trabalhoCapa do trabalho
Capa do trabalho
 
ConstruçãO De Projetos Palestra
ConstruçãO De Projetos PalestraConstruçãO De Projetos Palestra
ConstruçãO De Projetos Palestra
 
Modelo de Capa de Trabalho Acadêmico Simples
Modelo de Capa de Trabalho Acadêmico SimplesModelo de Capa de Trabalho Acadêmico Simples
Modelo de Capa de Trabalho Acadêmico Simples
 
Projeto Social - Modelo
Projeto Social - ModeloProjeto Social - Modelo
Projeto Social - Modelo
 
Plano de ação - Modelo
Plano de ação - ModeloPlano de ação - Modelo
Plano de ação - Modelo
 

Semelhante a Modelo de-projeto-pedagógico

Guia funcionamento FPIF 2012
Guia funcionamento FPIF 2012Guia funcionamento FPIF 2012
Guia funcionamento FPIF 2012
EDUCATE
 
Imp 753
Imp  753Imp  753
Imp 753
Fátima Rocha
 
ApresentaçãO1 2ª
ApresentaçãO1 2ªApresentaçãO1 2ª
ApresentaçãO1 2ª
guest2ddfa43
 
Prointer i 2015_1_online_tecs_regulamento
Prointer i 2015_1_online_tecs_regulamentoProinter i 2015_1_online_tecs_regulamento
Prointer i 2015_1_online_tecs_regulamento
Neilton Jesus Lima
 
Metod ciencias biologicas_biologia
Metod ciencias biologicas_biologiaMetod ciencias biologicas_biologia
Metod ciencias biologicas_biologia
MURILO SANTANA
 
7 novembro projeto pratica simulada comércio- leonor alves
7 novembro  projeto pratica simulada comércio- leonor alves7 novembro  projeto pratica simulada comércio- leonor alves
7 novembro projeto pratica simulada comércio- leonor alves
Leonor Alves
 
Programa referencial de comunicação e tecnologias da informação
Programa  referencial de comunicação e tecnologias da informaçãoPrograma  referencial de comunicação e tecnologias da informação
Programa referencial de comunicação e tecnologias da informação
sandra alfaiate
 
Apresentao tcnica robtica educacional
Apresentao tcnica   robtica educacionalApresentao tcnica   robtica educacional
Apresentao tcnica robtica educacional
Eduardo Cavalcante
 
201312010588203orientacoes para elaboracao_do_plano_do_ensino (1)
201312010588203orientacoes para elaboracao_do_plano_do_ensino (1)201312010588203orientacoes para elaboracao_do_plano_do_ensino (1)
201312010588203orientacoes para elaboracao_do_plano_do_ensino (1)
Rodrigo Diniz
 
Regras para-a-elaboracao-pap
Regras para-a-elaboracao-papRegras para-a-elaboracao-pap
Regras para-a-elaboracao-pap
profcarladias
 
Plano curso refrigeracao_2009_1
Plano curso refrigeracao_2009_1Plano curso refrigeracao_2009_1
Plano curso refrigeracao_2009_1
Wesclay Oliveira
 
Plano curso refrigeracao_2009_1 ifpe
Plano curso refrigeracao_2009_1 ifpePlano curso refrigeracao_2009_1 ifpe
Plano curso refrigeracao_2009_1 ifpe
Wesclay Oliveira
 
0000011622
00000116220000011622
Proinfo Integrado - Bolsistas
Proinfo Integrado - BolsistasProinfo Integrado - Bolsistas
Proinfo Integrado - Bolsistas
AlineCerqueira
 
Atividade10marlan
Atividade10marlanAtividade10marlan
Atividade10marlan
SEDUC.TO.GOV.BR
 
PPT (4).pdf
PPT (4).pdfPPT (4).pdf
PPT (4).pdf
desportistaluis
 
Material de apoio 4º ANO - 1º TRIMESTRE 2024.pdf
Material de apoio 4º ANO - 1º TRIMESTRE 2024.pdfMaterial de apoio 4º ANO - 1º TRIMESTRE 2024.pdf
Material de apoio 4º ANO - 1º TRIMESTRE 2024.pdf
kethlinn
 
Guiapap
GuiapapGuiapap
Guiapap
GuiapapGuiapap
Guiapap
GuiapapGuiapap

Semelhante a Modelo de-projeto-pedagógico (20)

Guia funcionamento FPIF 2012
Guia funcionamento FPIF 2012Guia funcionamento FPIF 2012
Guia funcionamento FPIF 2012
 
Imp 753
Imp  753Imp  753
Imp 753
 
ApresentaçãO1 2ª
ApresentaçãO1 2ªApresentaçãO1 2ª
ApresentaçãO1 2ª
 
Prointer i 2015_1_online_tecs_regulamento
Prointer i 2015_1_online_tecs_regulamentoProinter i 2015_1_online_tecs_regulamento
Prointer i 2015_1_online_tecs_regulamento
 
Metod ciencias biologicas_biologia
Metod ciencias biologicas_biologiaMetod ciencias biologicas_biologia
Metod ciencias biologicas_biologia
 
7 novembro projeto pratica simulada comércio- leonor alves
7 novembro  projeto pratica simulada comércio- leonor alves7 novembro  projeto pratica simulada comércio- leonor alves
7 novembro projeto pratica simulada comércio- leonor alves
 
Programa referencial de comunicação e tecnologias da informação
Programa  referencial de comunicação e tecnologias da informaçãoPrograma  referencial de comunicação e tecnologias da informação
Programa referencial de comunicação e tecnologias da informação
 
Apresentao tcnica robtica educacional
Apresentao tcnica   robtica educacionalApresentao tcnica   robtica educacional
Apresentao tcnica robtica educacional
 
201312010588203orientacoes para elaboracao_do_plano_do_ensino (1)
201312010588203orientacoes para elaboracao_do_plano_do_ensino (1)201312010588203orientacoes para elaboracao_do_plano_do_ensino (1)
201312010588203orientacoes para elaboracao_do_plano_do_ensino (1)
 
Regras para-a-elaboracao-pap
Regras para-a-elaboracao-papRegras para-a-elaboracao-pap
Regras para-a-elaboracao-pap
 
Plano curso refrigeracao_2009_1
Plano curso refrigeracao_2009_1Plano curso refrigeracao_2009_1
Plano curso refrigeracao_2009_1
 
Plano curso refrigeracao_2009_1 ifpe
Plano curso refrigeracao_2009_1 ifpePlano curso refrigeracao_2009_1 ifpe
Plano curso refrigeracao_2009_1 ifpe
 
0000011622
00000116220000011622
0000011622
 
Proinfo Integrado - Bolsistas
Proinfo Integrado - BolsistasProinfo Integrado - Bolsistas
Proinfo Integrado - Bolsistas
 
Atividade10marlan
Atividade10marlanAtividade10marlan
Atividade10marlan
 
PPT (4).pdf
PPT (4).pdfPPT (4).pdf
PPT (4).pdf
 
Material de apoio 4º ANO - 1º TRIMESTRE 2024.pdf
Material de apoio 4º ANO - 1º TRIMESTRE 2024.pdfMaterial de apoio 4º ANO - 1º TRIMESTRE 2024.pdf
Material de apoio 4º ANO - 1º TRIMESTRE 2024.pdf
 
Guiapap
GuiapapGuiapap
Guiapap
 
Guiapap
GuiapapGuiapap
Guiapap
 
Guiapap
GuiapapGuiapap
Guiapap
 

Último

Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
AntonioAngeloNeves
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
HelenStefany
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
fagnerlopes11
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
sjcelsorocha
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
SidneySilva523387
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
samucajaime015
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.pptFUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
MarceloMonteiro213738
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
geiseortiz1
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
AlineOliveira625820
 
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdfAula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Marília Pacheco
 
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptxTREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
erssstcontato
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 

Último (20)

Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.pptFUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
 
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdfAula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
 
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptxTREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 

Modelo de-projeto-pedagógico

  • 1. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA CAMPUS XXXXXX PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA XXXXXX LOCAL ANO
  • 2. SUMÁRIO 1. DADOS INSTITUCIONAIS ............................................................................................................. 3 1.1. DO IFRO...........................................................................................................................................3 1.2. DAS PARCERIAS...............................................................................................................................3 1.3. DOS RESPONSÁVEIS PELA ELABORAÇÃO DO PROJETO ..................................................................3 1.4. DADOS DA UNIDADE DE ENSINO (CÂMPUS) ..................................................................................4 1.4.1. Histórico da Unidade de Ensino ............................................................................................4 2. APRESENTAÇÃO ......................................................................................................................... 4 2.1. DADOS DO CURSO ..........................................................................................................................4 2.2. JUSTIFICATIVA.................................................................................................................................5 2.3. OBJETIVOS.......................................................................................................................................5 2.3.1. Objetivo Geral........................................................................................................................5 2.3.2. Objetivos Específicos .............................................................................................................5 2.4. CONCEPÇÃO CURRICULAR..............................................................................................................5 2.4.1. METODOLOGIA......................................................................................................................5 2.4.2. MATRIZ CURRICULAR.............................................................................................................6 2.4.3. CRITÉRIO DE APROVEITAMENTO DE CONHECIMENTO E EXPERIÊNCIAS ANTERIORES.........6 2.4.4. CRITÉRIO DE AVALIAÇÃO DE APRENDIZAGEM......................................................................6 2.5. DESCRIÇÃO DAS INSTALAÇÕES E EQUIPAMENTOS ........................................................................7 2.5.1 Instalações..............................................................................................................................7 2.5.2. Salas de aula ..........................................................................................................................7 2.5.3. Laboratórios...........................................................................................................................7 2.5.4. Biblioteca...............................................................................................................................7 2.5.5. Estrutura Administrativa-financeira......................................................................................8 2.5.6. Equipamentos........................................................................................................................8 2.6. CERTIFICAÇÃO.................................................................................................................................8 3. DOCUMENTOS ANEXOS.............................................................................................................. 8
  • 3. 1. DADOS INSTITUCIONAIS 1.1. DO IFRO Nome do IF/Campus: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia – Campus Ariquemes CNPJ do Campus: 00.000.000/0000-00 Esfera Administrativa: Federal Endereço: xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx Cidade/UF: xxxxxxxxxxxxxxx CEP: 00.000-000 Telefone: (00) 0000-0000 E-mail: xxxxxxxxxxxxxxxxxxx Site da Instituição: www.ifro.edu.br Reitor: Raimundo Vicente Jimenez Pró-Reitora de Extensão: Marilise Doege Esteves Pró-Reitora de Ensino: Silvana Francescon Wandroski Pró-Reitor de Pesquisa e Inovação: Artur de Souza Moret Pró-Reitor de Planejamento e Administração: Arijoan Cavalcante dos Santos Pró-Reitor de Desenvolvimento Institucional: Jackson Bezerra Nunes Coordenador Geral do Pronatec: Dauster Souza Pereira Diretor-Geral do Câmpus: xxxxxxxxxxxxxxxxx 1.2. DAS PARCERIAS Razão Social: xxxxxxxxxx Esfera Administrativa: xxxxxxxx Endereço: xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx Cidade/UF: xxxxxxxxxxxxxxx CEP: 00.000-000 Telefone: (00) 0000-0000 Site: xxxxxxxxxxxxxxxxxx Responsável: xxxxxxxxxxxxxxxx E-mail do Responsável: xxxxxxxxxxxxxxxxxxx 1.3. DOS RESPONSÁVEIS PELA ELABORAÇÃO DO PROJETO
  • 4. Nome do Responsável Geral pela Elaboração do Projeto: xxxxxxxxxx Campus onde está lotado: xxxxxxxx Cargo/Função: xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx Matrícula SIAPE: CPF: Endereço: Cidade/UF: xxxxxxxxxxxxxxx CEP: 00.000-000 Telefone: (00) 0000-0000 Endereço Eletrônico (e-mail): Equipe Envolvida na Elaboração do Projeto:  Nome  Câmpus  Cargo/Função  E-mail 1.4. DADOS DA UNIDADE DE ENSINO (CÂMPUS) 1.4.1. Histórico da Unidade de Ensino 2. APRESENTAÇÃO 2.1. DADOS DO CURSO Nome do Curso: Eixo Tecnológico: (conforme Guia de Cursos FIC PRONATEC) Modalidade: Formação Inicial e Continuada Público-Alvo: Tempo de duração do curso: Turno da oferta: matutino, vespertino, noturno Horário de Oferta do Curso: indicar o horário de início e término das aulas em todos os turnos. Carga horária total: citar em horas relógio Número máximo de vagas do curso: Número mínimo de vagas do curso: Escolaridade mínima exigida: (ver Guia de Cursos FIC PRONATEC)
  • 5. Requisitos de acesso ao Curso: descrição da forma de acesso/processo de seleção a ser utilizado Perfil Profissional do Egresso do Curso: xxxxxxx 2.2. JUSTIFICATIVA Apresentar dados que justifiquem a necessidade de implementação do curso de acordo as demandas do Arranjo Produtivo Local (APL): arranjos sociais, territoriais e culturais. Contextualizar a oferta do ponto de vista social e educacional. Fazer uma caracterização regional de aspectos relacionados à área profissional a que pertence o curso a ser criado, ressaltando as possibilidades de inserção do profissional formado neste contexto. Justificar a pertinência e relevância do curso para a instituição e região. Demonstrar o processo de construção coletiva do curso. 2.3. OBJETIVOS Citar os objetivos do curso, tendo em vista seu propósito educacional. É importante não confundir os objetivos do curso com o perfil do egresso. Observar que os objetivos devem estar em consonância com a organização curricular do curso e devem ser apresentados em verbos. Ex: Formar.... Consolidar... 2.3.1. Objetivo Geral 2.3.2. Objetivos Específicos 2.4. CONCEPÇÃO CURRICULAR 2.4.1. METODOLOGIA
  • 6. 2.4.2. MATRIZ CURRICULAR 2.4.2.1. Plano de Disciplina COMPONENTE CURRICULAR: CARGA HORÁRIA: OBJETIVOS: Ementa: Referências Básicas Referências Complementares 2.4.3. CRITÉRIO DE APROVEITAMENTO DE CONHECIMENTO E EXPERIÊNCIAS ANTERIORES No caso da Formação Inicial e Continuada, serão implementados processos de reconhecimento dos conhecimentos e saberes profissionais dos trabalhadores matriculados no curso, independente da forma como foram adquiridos, com a finalidade de aproveitamento e continuidade dos estudos, conforme previsto nos termos do Decreto nº 5.154, de 23 de julho de 2004. Os critérios referem-se aos conhecimentos construídos pelos alunos em sua prática de trabalho. Para isso serão realizadas provas teóricas e práticas onde os alunos devem demonstrar domínio das etapas que compreendem o curso, com a finalidade de inseri- lo num itinerário formativo desenvolvido pela orientação e professor da disciplina. 2.4.4. CRITÉRIO DE AVALIAÇÃO DE APRENDIZAGEM A avaliação será parte integrante do processo ensino/aprendizagem. Requer preparo técnico e observação dos profissionais envolvidos, numa dinâmica interativa, ao longo de todo o ano, visando a participação e produtividade de cada aluno. O processo
  • 7. avaliativo compreende a obtenção de informações, análise e interpretação da ação educativa, visando o aprimoramento dos trabalhos. Todos os educandos da FIC devem ser avaliados em momentos individuais e coletivos, bem como a própria ação em si, nas atividades cognitivas e técnicas. Os critérios estarão pautados nos principais conteúdos das diferentes áreas do conhecimento, presentes na proposta curricular. Serão utilizados para a avaliação a observação individual, em grupo e resultados obtidos em atividades práticas de modo que o aluno obtenha frequência igual ou superior a 75%. 2.5. DESCRIÇÃO DAS INSTALAÇÕES E EQUIPAMENTOS 2.5.1 Instalações Os cursos acontecerão em Escolas Municipais e/ou Espaços de Formação, com a infra- estrutura básica (Sala de aula e biblioteca). 2.5.2. Salas de aula A sala de aula deverá ter cadeiras individuais, quadro branco ou de giz, ventiladores ou ar-condicionado e equipamento multimídia. 2.5.3. Laboratórios Serão utilizados laboratório de informática e atividades de campo que se não ofertadas no local da aula teórica, poderá ocorrer em local que ofereça as condições, necessitando de transporte 2.5.4. Biblioteca A biblioteca deverá oferecer literaturas básicas ou correlatas e/ou computadores interligados a internet que favoreçam a pesquisa.
  • 8. 2.5.5. Estrutura Administrativa-financeira xxxxxx 2.5.6. Equipamentos Xxxxxx 2.6. CERTIFICAÇÃO A certificação ocorrerá por conta do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia. 3. DOCUMENTOS ANEXOS Deverão integrar o documento os seguintes documentos:  Documento comprobatório da aprovação pela Direção-Geral do Câmpus  Termo de Convênio com Instituição parceira (quando houver).