SlideShare uma empresa Scribd logo
Hereditariedade dos grupos sanguíneos
O sangue Células do sangue: Glóbulos vermelhos , hemácias ou eritrócitos (transporte de gases) Glóbulos brancos  ou leucócitos (defesa do organismo) Plaquetas (coagulação) Plasma : solução aquosa com proteínas, minerais, gases e produtos de excreção. Um adulto possui em média 5 a 6 litros de sangue. É constituído por uma parte líquida - o plasma e outra “sólida” – as células sanguíneas.
Descoberta dos tipos sanguíneos Houve no passado várias tentativas de transfusão de sangue logo após a descoberta da circulação sanguínea. No entanto ela nem sempre era bem sucedida. Em 1900, K. Landsteiner descobriu que os glóbulos vermelhos de algumas pessoas ficam aglutinados (agarrados) quando são misturados com o plasma ou soro de outras.
Aglutinação
Os tipos sanguíneos são determinados pela presença/ausência de umas substâncias (glicoproteínas) à superfície dos glóbulos vermelhos chamadas antigénios. No sistema AB0 podem estar presentes os antigénios A, os antigénios B ou não estar presente nenhum deles.
Tipos sanguíneos (características) Frequência dos tipos sanguíneos (em Portugal, Instituto Português do Sangue) Grupo  A  : 46,6%; Grupo  0  : 42,3%; Grupo  B  : 7,7%; Grupo  AB  : 3,4% Em relação ao Rh: 85,5% são Rh positivo (Rh+) e 14,2% são Rh negativo (Rh-)
Doação de sangue Quem pode doar sangue? Doadores e receptores Qualquer pessoa pode dar sangue se tiver bom estado de saúde, hábitos de vida saudáveis, peso igual ou superior a 50kg e idade compreendida entre os 18 e os 65 anos.  Para uma primeira dádiva, o limite de idade é aos 60 anos.
Os tipos sanguíneos do sistema AB0 são determinados por um gene. Esse gene pode ter três versões: A, B ou 0. As versões A e B são dominantes e a versão 0 é recessiva. Os genótipos possíveis para este gene são os seguintes: Hereditariedade do sistema AB0 Genótipo Fenótipo AA Sangue tipo A AB Sangue tipo AB A0 Sangue tipo A BB Sangue tipo B B0 Sangue tipo B 00 Sangue tipo 0

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Interaçao genica
Interaçao genica Interaçao genica
Interaçao genica
UERGS
 
2ª lei de mendel
2ª lei de mendel2ª lei de mendel
2ª lei de mendel
Iuri Fretta Wiggers
 
Divisão Celular (Power Point)
Divisão Celular (Power Point)Divisão Celular (Power Point)
Divisão Celular (Power Point)
Bio
 
Alelos múltiplos
Alelos múltiplosAlelos múltiplos
Alelos múltiplos
Fatima Comiotto
 
Sistema abo --
Sistema abo --Sistema abo --
Sistema abo --
Elaine
 
Genetica hereditariedade
Genetica hereditariedadeGenetica hereditariedade
Genetica hereditariedade
Adrianne Mendonça
 
Apresentação tipagem sanguinea
Apresentação tipagem sanguineaApresentação tipagem sanguinea
Apresentação tipagem sanguinea
Maria Auxiliadora Nascimento Ferreira
 
Segunda Lei de Mendel
Segunda Lei de MendelSegunda Lei de Mendel
Segunda Lei de Mendel
Fatima Comiotto
 
Codominancia e letalidade
Codominancia e letalidadeCodominancia e letalidade
Codominancia e letalidade
Colégio Batista de Mantena
 
Segunda Lei de Mendel
Segunda Lei de MendelSegunda Lei de Mendel
Segunda Lei de Mendel
Carlos Priante
 
Genética Introdução
Genética   IntroduçãoGenética   Introdução
Genética Introdução
Mateus Domingos
 
Slides da aula de Biologia (Marcelo) sobre Genética
Slides da aula de Biologia (Marcelo) sobre GenéticaSlides da aula de Biologia (Marcelo) sobre Genética
Slides da aula de Biologia (Marcelo) sobre Genética
Turma Olímpica
 
Slide Genética
Slide GenéticaSlide Genética
Aula ecologia.
Aula ecologia.Aula ecologia.
Aula ecologia.
Gov. Estado do Paraná
 
Reprodução
ReproduçãoReprodução
Reprodução
Fatima Comiotto
 
Grupos sanguíneos ABO e fator Rh
Grupos sanguíneos ABO e fator RhGrupos sanguíneos ABO e fator Rh
Grupos sanguíneos ABO e fator Rh
Paloma Dianas
 
Sistema abo e fator rh
Sistema abo e fator rhSistema abo e fator rh
Sistema abo e fator rh
Fabrícia Martins
 
Genética 1 aula
Genética 1 aulaGenética 1 aula
Genética 1 aula
Professora Raquel
 
Níveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivosNíveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivos
Fatima Comiotto
 
Classificação biológica
Classificação biológicaClassificação biológica
Classificação biológica
Elisa Margarita Orlandi
 

Mais procurados (20)

Interaçao genica
Interaçao genica Interaçao genica
Interaçao genica
 
2ª lei de mendel
2ª lei de mendel2ª lei de mendel
2ª lei de mendel
 
Divisão Celular (Power Point)
Divisão Celular (Power Point)Divisão Celular (Power Point)
Divisão Celular (Power Point)
 
Alelos múltiplos
Alelos múltiplosAlelos múltiplos
Alelos múltiplos
 
Sistema abo --
Sistema abo --Sistema abo --
Sistema abo --
 
Genetica hereditariedade
Genetica hereditariedadeGenetica hereditariedade
Genetica hereditariedade
 
Apresentação tipagem sanguinea
Apresentação tipagem sanguineaApresentação tipagem sanguinea
Apresentação tipagem sanguinea
 
Segunda Lei de Mendel
Segunda Lei de MendelSegunda Lei de Mendel
Segunda Lei de Mendel
 
Codominancia e letalidade
Codominancia e letalidadeCodominancia e letalidade
Codominancia e letalidade
 
Segunda Lei de Mendel
Segunda Lei de MendelSegunda Lei de Mendel
Segunda Lei de Mendel
 
Genética Introdução
Genética   IntroduçãoGenética   Introdução
Genética Introdução
 
Slides da aula de Biologia (Marcelo) sobre Genética
Slides da aula de Biologia (Marcelo) sobre GenéticaSlides da aula de Biologia (Marcelo) sobre Genética
Slides da aula de Biologia (Marcelo) sobre Genética
 
Slide Genética
Slide GenéticaSlide Genética
Slide Genética
 
Aula ecologia.
Aula ecologia.Aula ecologia.
Aula ecologia.
 
Reprodução
ReproduçãoReprodução
Reprodução
 
Grupos sanguíneos ABO e fator Rh
Grupos sanguíneos ABO e fator RhGrupos sanguíneos ABO e fator Rh
Grupos sanguíneos ABO e fator Rh
 
Sistema abo e fator rh
Sistema abo e fator rhSistema abo e fator rh
Sistema abo e fator rh
 
Genética 1 aula
Genética 1 aulaGenética 1 aula
Genética 1 aula
 
Níveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivosNíveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivos
 
Classificação biológica
Classificação biológicaClassificação biológica
Classificação biológica
 

Destaque

Sistema abo e fator rh
Sistema abo e fator rhSistema abo e fator rh
Sistema abo e fator rh
PhoenixSportFitness
 
Sistema abo
Sistema aboSistema abo
Sistema abo
letyap
 
Grupos sanguíneos
Grupos sanguíneosGrupos sanguíneos
Grupos sanguíneos
Priscila Rodrigues
 
Apresentacao eritroblastose fetal
Apresentacao eritroblastose fetalApresentacao eritroblastose fetal
Apresentacao eritroblastose fetal
Fernanda Marinho
 
Eritroblastose fetal - DOENÇA
Eritroblastose fetal - DOENÇAEritroblastose fetal - DOENÇA
Eritroblastose fetal - DOENÇA
Danillo Rodrigues
 
mamíferos
mamíferos mamíferos
IV.5 mamíferos
IV.5 mamíferosIV.5 mamíferos
IV.5 mamíferos
Rebeca Vale
 
Apresentação sobre mamíferos.
Apresentação sobre  mamíferos.Apresentação sobre  mamíferos.
Apresentação sobre mamíferos.
Victor Ygor
 
Mamiferos
MamiferosMamiferos
Mamiferos
letyap
 

Destaque (9)

Sistema abo e fator rh
Sistema abo e fator rhSistema abo e fator rh
Sistema abo e fator rh
 
Sistema abo
Sistema aboSistema abo
Sistema abo
 
Grupos sanguíneos
Grupos sanguíneosGrupos sanguíneos
Grupos sanguíneos
 
Apresentacao eritroblastose fetal
Apresentacao eritroblastose fetalApresentacao eritroblastose fetal
Apresentacao eritroblastose fetal
 
Eritroblastose fetal - DOENÇA
Eritroblastose fetal - DOENÇAEritroblastose fetal - DOENÇA
Eritroblastose fetal - DOENÇA
 
mamíferos
mamíferos mamíferos
mamíferos
 
IV.5 mamíferos
IV.5 mamíferosIV.5 mamíferos
IV.5 mamíferos
 
Apresentação sobre mamíferos.
Apresentação sobre  mamíferos.Apresentação sobre  mamíferos.
Apresentação sobre mamíferos.
 
Mamiferos
MamiferosMamiferos
Mamiferos
 

Semelhante a Hereditariedade dos Grupos SanguíNeos

SLAID SOBRE GRUPOS SANGUINES E SISTEMA ABO.pptx
SLAID SOBRE GRUPOS SANGUINES E SISTEMA ABO.pptxSLAID SOBRE GRUPOS SANGUINES E SISTEMA ABO.pptx
SLAID SOBRE GRUPOS SANGUINES E SISTEMA ABO.pptx
cristinanatasha
 
sistema.pptx
sistema.pptxsistema.pptx
sistema.pptx
cristinanatasha
 
Tipos sanguineos
Tipos sanguineosTipos sanguineos
Tipos sanguineos
Sanclé Porchéra
 
aula tiposanguineo.pptx
aula tiposanguineo.pptxaula tiposanguineo.pptx
aula tiposanguineo.pptx
LinoReisLino
 
Genetica IV 2012 (1).ppt GENETICAEEEEEEEEE
Genetica IV 2012 (1).ppt GENETICAEEEEEEEEEGenetica IV 2012 (1).ppt GENETICAEEEEEEEEE
Genetica IV 2012 (1).ppt GENETICAEEEEEEEEE
MarceloMonteiro213738
 
Tudo sobre o sangue
Tudo sobre o sangueTudo sobre o sangue
Tudo sobre o sangue
Igor Gabriel
 
Aula 14 sistema abo
Aula 14   sistema aboAula 14   sistema abo
Aula 14 sistema abo
Jonatas Carlos
 
Os alelos múltiplos
Os alelos múltiplosOs alelos múltiplos
Os alelos múltiplos
Iuri Fretta Wiggers
 
Sangue e Sistema abo
Sangue e Sistema aboSangue e Sistema abo
Sangue e Sistema abo
aferna
 
4. sangue humano
4. sangue humano4. sangue humano
4. sangue humano
claiton goes
 
Sistema ABO e Fator Rh.pdf
Sistema ABO e Fator Rh.pdfSistema ABO e Fator Rh.pdf
Sistema ABO e Fator Rh.pdf
Gilmargomesdasilva7
 
Sistema sanguineo 2o b
Sistema sanguineo 2o bSistema sanguineo 2o b
Sistema sanguineo 2o b
SESI 422 - Americana
 
Polialelia e herança dos grupos sanguíneos
Polialelia e herança dos grupos sanguíneosPolialelia e herança dos grupos sanguíneos
Polialelia e herança dos grupos sanguíneos
Isaque Marques Pascoal
 
IMUNOGENÉTICA GTETAURIRAHBDJDKSKAJDHFHRRRKKD
IMUNOGENÉTICA GTETAURIRAHBDJDKSKAJDHFHRRRKKDIMUNOGENÉTICA GTETAURIRAHBDJDKSKAJDHFHRRRKKD
IMUNOGENÉTICA GTETAURIRAHBDJDKSKAJDHFHRRRKKD
Jiggly1
 
Ficha-grupos-sanguineos.docx
Ficha-grupos-sanguineos.docxFicha-grupos-sanguineos.docx
Ficha-grupos-sanguineos.docx
SusanaSantos548416
 
Codominancia
CodominanciaCodominancia
Codominancia
Grupo UNIASSELVI
 
Aula Grupos Sangíneos
Aula Grupos SangíneosAula Grupos Sangíneos
Aula Grupos Sangíneos
Hideraldo Freitas
 
Palestra DéBora
Palestra DéBoraPalestra DéBora
Palestra DéBora
guest0027188e
 
Hemoterapia no Ensino de Ciências
Hemoterapia no Ensino de CiênciasHemoterapia no Ensino de Ciências
Hemoterapia no Ensino de Ciências
André Luiz Vasconcellos Vargas
 
Hemoterapia no Ensino de Ciências
Hemoterapia no Ensino de CiênciasHemoterapia no Ensino de Ciências
Hemoterapia no Ensino de Ciências
André Luiz Vasconcellos Vargas
 

Semelhante a Hereditariedade dos Grupos SanguíNeos (20)

SLAID SOBRE GRUPOS SANGUINES E SISTEMA ABO.pptx
SLAID SOBRE GRUPOS SANGUINES E SISTEMA ABO.pptxSLAID SOBRE GRUPOS SANGUINES E SISTEMA ABO.pptx
SLAID SOBRE GRUPOS SANGUINES E SISTEMA ABO.pptx
 
sistema.pptx
sistema.pptxsistema.pptx
sistema.pptx
 
Tipos sanguineos
Tipos sanguineosTipos sanguineos
Tipos sanguineos
 
aula tiposanguineo.pptx
aula tiposanguineo.pptxaula tiposanguineo.pptx
aula tiposanguineo.pptx
 
Genetica IV 2012 (1).ppt GENETICAEEEEEEEEE
Genetica IV 2012 (1).ppt GENETICAEEEEEEEEEGenetica IV 2012 (1).ppt GENETICAEEEEEEEEE
Genetica IV 2012 (1).ppt GENETICAEEEEEEEEE
 
Tudo sobre o sangue
Tudo sobre o sangueTudo sobre o sangue
Tudo sobre o sangue
 
Aula 14 sistema abo
Aula 14   sistema aboAula 14   sistema abo
Aula 14 sistema abo
 
Os alelos múltiplos
Os alelos múltiplosOs alelos múltiplos
Os alelos múltiplos
 
Sangue e Sistema abo
Sangue e Sistema aboSangue e Sistema abo
Sangue e Sistema abo
 
4. sangue humano
4. sangue humano4. sangue humano
4. sangue humano
 
Sistema ABO e Fator Rh.pdf
Sistema ABO e Fator Rh.pdfSistema ABO e Fator Rh.pdf
Sistema ABO e Fator Rh.pdf
 
Sistema sanguineo 2o b
Sistema sanguineo 2o bSistema sanguineo 2o b
Sistema sanguineo 2o b
 
Polialelia e herança dos grupos sanguíneos
Polialelia e herança dos grupos sanguíneosPolialelia e herança dos grupos sanguíneos
Polialelia e herança dos grupos sanguíneos
 
IMUNOGENÉTICA GTETAURIRAHBDJDKSKAJDHFHRRRKKD
IMUNOGENÉTICA GTETAURIRAHBDJDKSKAJDHFHRRRKKDIMUNOGENÉTICA GTETAURIRAHBDJDKSKAJDHFHRRRKKD
IMUNOGENÉTICA GTETAURIRAHBDJDKSKAJDHFHRRRKKD
 
Ficha-grupos-sanguineos.docx
Ficha-grupos-sanguineos.docxFicha-grupos-sanguineos.docx
Ficha-grupos-sanguineos.docx
 
Codominancia
CodominanciaCodominancia
Codominancia
 
Aula Grupos Sangíneos
Aula Grupos SangíneosAula Grupos Sangíneos
Aula Grupos Sangíneos
 
Palestra DéBora
Palestra DéBoraPalestra DéBora
Palestra DéBora
 
Hemoterapia no Ensino de Ciências
Hemoterapia no Ensino de CiênciasHemoterapia no Ensino de Ciências
Hemoterapia no Ensino de Ciências
 
Hemoterapia no Ensino de Ciências
Hemoterapia no Ensino de CiênciasHemoterapia no Ensino de Ciências
Hemoterapia no Ensino de Ciências
 

Mais de isabelourenco

Riscos associados à iluminação nos locais de trabalho
Riscos associados à iluminação nos locais de trabalhoRiscos associados à iluminação nos locais de trabalho
Riscos associados à iluminação nos locais de trabalho
isabelourenco
 
Stress no local de trabalho
Stress no local de trabalhoStress no local de trabalho
Stress no local de trabalho
isabelourenco
 
Riscos associados ao ambiente térmico
Riscos associados ao ambiente térmicoRiscos associados ao ambiente térmico
Riscos associados ao ambiente térmico
isabelourenco
 
Riscos associados à iluminação nos locais de trabalho
Riscos associados à iluminação nos locais de trabalhoRiscos associados à iluminação nos locais de trabalho
Riscos associados à iluminação nos locais de trabalho
isabelourenco
 
Riscos associados a electricidade
Riscos associados a electricidadeRiscos associados a electricidade
Riscos associados a electricidade
isabelourenco
 
Risco de incêndio e explosão
Risco de incêndio e explosãoRisco de incêndio e explosão
Risco de incêndio e explosão
isabelourenco
 
Riscos profissionais i
Riscos profissionais iRiscos profissionais i
Riscos profissionais i
isabelourenco
 
Viver No EspaçO
Viver No EspaçOViver No EspaçO
Viver No EspaçO
isabelourenco
 
Foi Há 40 Anos
Foi Há 40 AnosFoi Há 40 Anos
Foi Há 40 Anos
isabelourenco
 
Biodiversidade
BiodiversidadeBiodiversidade
Biodiversidade
isabelourenco
 
Sistema Nervoso
Sistema NervosoSistema Nervoso
Sistema Nervoso
isabelourenco
 
Utilizações da Genética
Utilizações da GenéticaUtilizações da Genética
Utilizações da Genética
isabelourenco
 
O Material Genetico
O Material GeneticoO Material Genetico
O Material Genetico
isabelourenco
 
Hereditariedade da cor dos olhos
Hereditariedade da cor dos olhosHereditariedade da cor dos olhos
Hereditariedade da cor dos olhos
isabelourenco
 

Mais de isabelourenco (14)

Riscos associados à iluminação nos locais de trabalho
Riscos associados à iluminação nos locais de trabalhoRiscos associados à iluminação nos locais de trabalho
Riscos associados à iluminação nos locais de trabalho
 
Stress no local de trabalho
Stress no local de trabalhoStress no local de trabalho
Stress no local de trabalho
 
Riscos associados ao ambiente térmico
Riscos associados ao ambiente térmicoRiscos associados ao ambiente térmico
Riscos associados ao ambiente térmico
 
Riscos associados à iluminação nos locais de trabalho
Riscos associados à iluminação nos locais de trabalhoRiscos associados à iluminação nos locais de trabalho
Riscos associados à iluminação nos locais de trabalho
 
Riscos associados a electricidade
Riscos associados a electricidadeRiscos associados a electricidade
Riscos associados a electricidade
 
Risco de incêndio e explosão
Risco de incêndio e explosãoRisco de incêndio e explosão
Risco de incêndio e explosão
 
Riscos profissionais i
Riscos profissionais iRiscos profissionais i
Riscos profissionais i
 
Viver No EspaçO
Viver No EspaçOViver No EspaçO
Viver No EspaçO
 
Foi Há 40 Anos
Foi Há 40 AnosFoi Há 40 Anos
Foi Há 40 Anos
 
Biodiversidade
BiodiversidadeBiodiversidade
Biodiversidade
 
Sistema Nervoso
Sistema NervosoSistema Nervoso
Sistema Nervoso
 
Utilizações da Genética
Utilizações da GenéticaUtilizações da Genética
Utilizações da Genética
 
O Material Genetico
O Material GeneticoO Material Genetico
O Material Genetico
 
Hereditariedade da cor dos olhos
Hereditariedade da cor dos olhosHereditariedade da cor dos olhos
Hereditariedade da cor dos olhos
 

Último

Conferência Goiás I Os impactos da digitalização do Atacarejo no Brasil.
Conferência Goiás I Os impactos da digitalização do Atacarejo no Brasil.Conferência Goiás I Os impactos da digitalização do Atacarejo no Brasil.
Conferência Goiás I Os impactos da digitalização do Atacarejo no Brasil.
E-Commerce Brasil
 
Guia Definitivo do Feedback 2.0 como vc ter maturidade de relacionamento
Guia Definitivo do Feedback 2.0 como vc ter maturidade de relacionamentoGuia Definitivo do Feedback 2.0 como vc ter maturidade de relacionamento
Guia Definitivo do Feedback 2.0 como vc ter maturidade de relacionamento
Leonardo Espírito Santo
 
Conferência Goiás I Moda e E-commerce: transformando a experiência do consumi...
Conferência Goiás I Moda e E-commerce: transformando a experiência do consumi...Conferência Goiás I Moda e E-commerce: transformando a experiência do consumi...
Conferência Goiás I Moda e E-commerce: transformando a experiência do consumi...
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I Estratégias de aquisição e fidelização de clientes e opor...
Conferência Goiás I Estratégias de aquisição e fidelização de clientes e opor...Conferência Goiás I Estratégias de aquisição e fidelização de clientes e opor...
Conferência Goiás I Estratégias de aquisição e fidelização de clientes e opor...
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I Fraudes no centro-oeste em 2023
Conferência Goiás I Fraudes no centro-oeste em 2023Conferência Goiás I Fraudes no centro-oeste em 2023
Conferência Goiás I Fraudes no centro-oeste em 2023
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I Como uma boa experiência na logística reversa pode impact...
Conferência Goiás I Como uma boa experiência na logística reversa pode impact...Conferência Goiás I Como uma boa experiência na logística reversa pode impact...
Conferência Goiás I Como uma boa experiência na logística reversa pode impact...
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I Prevenção à fraude em negócios B2B e B2C: boas práticas e...
Conferência Goiás I Prevenção à fraude em negócios B2B e B2C: boas práticas e...Conferência Goiás I Prevenção à fraude em negócios B2B e B2C: boas práticas e...
Conferência Goiás I Prevenção à fraude em negócios B2B e B2C: boas práticas e...
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I Perspectivas do Pix 2024: novidades e impactos no varejo ...
Conferência Goiás I Perspectivas do Pix 2024: novidades e impactos no varejo ...Conferência Goiás I Perspectivas do Pix 2024: novidades e impactos no varejo ...
Conferência Goiás I Perspectivas do Pix 2024: novidades e impactos no varejo ...
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I As tendências para logística em 2024 e o impacto positivo...
Conferência Goiás I As tendências para logística em 2024 e o impacto positivo...Conferência Goiás I As tendências para logística em 2024 e o impacto positivo...
Conferência Goiás I As tendências para logística em 2024 e o impacto positivo...
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I Conteúdo que vende: Estratégias para o aumento de convers...
Conferência Goiás I Conteúdo que vende: Estratégias para o aumento de convers...Conferência Goiás I Conteúdo que vende: Estratégias para o aumento de convers...
Conferência Goiás I Conteúdo que vende: Estratégias para o aumento de convers...
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I E-commerce Inteligente: o papel crucial da maturidade dig...
Conferência Goiás I E-commerce Inteligente: o papel crucial da maturidade dig...Conferência Goiás I E-commerce Inteligente: o papel crucial da maturidade dig...
Conferência Goiás I E-commerce Inteligente: o papel crucial da maturidade dig...
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I Uma experiência excelente começa quando ela ainda nem seq...
Conferência Goiás I Uma experiência excelente começa quando ela ainda nem seq...Conferência Goiás I Uma experiência excelente começa quando ela ainda nem seq...
Conferência Goiás I Uma experiência excelente começa quando ela ainda nem seq...
E-Commerce Brasil
 
MANUAL DO REVENDEDOR TEGG TELECOM - O 5G QUE PAGA VOCÊ
MANUAL DO REVENDEDOR TEGG TELECOM - O 5G QUE PAGA VOCÊMANUAL DO REVENDEDOR TEGG TELECOM - O 5G QUE PAGA VOCÊ
MANUAL DO REVENDEDOR TEGG TELECOM - O 5G QUE PAGA VOCÊ
EMERSON BRITO
 

Último (13)

Conferência Goiás I Os impactos da digitalização do Atacarejo no Brasil.
Conferência Goiás I Os impactos da digitalização do Atacarejo no Brasil.Conferência Goiás I Os impactos da digitalização do Atacarejo no Brasil.
Conferência Goiás I Os impactos da digitalização do Atacarejo no Brasil.
 
Guia Definitivo do Feedback 2.0 como vc ter maturidade de relacionamento
Guia Definitivo do Feedback 2.0 como vc ter maturidade de relacionamentoGuia Definitivo do Feedback 2.0 como vc ter maturidade de relacionamento
Guia Definitivo do Feedback 2.0 como vc ter maturidade de relacionamento
 
Conferência Goiás I Moda e E-commerce: transformando a experiência do consumi...
Conferência Goiás I Moda e E-commerce: transformando a experiência do consumi...Conferência Goiás I Moda e E-commerce: transformando a experiência do consumi...
Conferência Goiás I Moda e E-commerce: transformando a experiência do consumi...
 
Conferência Goiás I Estratégias de aquisição e fidelização de clientes e opor...
Conferência Goiás I Estratégias de aquisição e fidelização de clientes e opor...Conferência Goiás I Estratégias de aquisição e fidelização de clientes e opor...
Conferência Goiás I Estratégias de aquisição e fidelização de clientes e opor...
 
Conferência Goiás I Fraudes no centro-oeste em 2023
Conferência Goiás I Fraudes no centro-oeste em 2023Conferência Goiás I Fraudes no centro-oeste em 2023
Conferência Goiás I Fraudes no centro-oeste em 2023
 
Conferência Goiás I Como uma boa experiência na logística reversa pode impact...
Conferência Goiás I Como uma boa experiência na logística reversa pode impact...Conferência Goiás I Como uma boa experiência na logística reversa pode impact...
Conferência Goiás I Como uma boa experiência na logística reversa pode impact...
 
Conferência Goiás I Prevenção à fraude em negócios B2B e B2C: boas práticas e...
Conferência Goiás I Prevenção à fraude em negócios B2B e B2C: boas práticas e...Conferência Goiás I Prevenção à fraude em negócios B2B e B2C: boas práticas e...
Conferência Goiás I Prevenção à fraude em negócios B2B e B2C: boas práticas e...
 
Conferência Goiás I Perspectivas do Pix 2024: novidades e impactos no varejo ...
Conferência Goiás I Perspectivas do Pix 2024: novidades e impactos no varejo ...Conferência Goiás I Perspectivas do Pix 2024: novidades e impactos no varejo ...
Conferência Goiás I Perspectivas do Pix 2024: novidades e impactos no varejo ...
 
Conferência Goiás I As tendências para logística em 2024 e o impacto positivo...
Conferência Goiás I As tendências para logística em 2024 e o impacto positivo...Conferência Goiás I As tendências para logística em 2024 e o impacto positivo...
Conferência Goiás I As tendências para logística em 2024 e o impacto positivo...
 
Conferência Goiás I Conteúdo que vende: Estratégias para o aumento de convers...
Conferência Goiás I Conteúdo que vende: Estratégias para o aumento de convers...Conferência Goiás I Conteúdo que vende: Estratégias para o aumento de convers...
Conferência Goiás I Conteúdo que vende: Estratégias para o aumento de convers...
 
Conferência Goiás I E-commerce Inteligente: o papel crucial da maturidade dig...
Conferência Goiás I E-commerce Inteligente: o papel crucial da maturidade dig...Conferência Goiás I E-commerce Inteligente: o papel crucial da maturidade dig...
Conferência Goiás I E-commerce Inteligente: o papel crucial da maturidade dig...
 
Conferência Goiás I Uma experiência excelente começa quando ela ainda nem seq...
Conferência Goiás I Uma experiência excelente começa quando ela ainda nem seq...Conferência Goiás I Uma experiência excelente começa quando ela ainda nem seq...
Conferência Goiás I Uma experiência excelente começa quando ela ainda nem seq...
 
MANUAL DO REVENDEDOR TEGG TELECOM - O 5G QUE PAGA VOCÊ
MANUAL DO REVENDEDOR TEGG TELECOM - O 5G QUE PAGA VOCÊMANUAL DO REVENDEDOR TEGG TELECOM - O 5G QUE PAGA VOCÊ
MANUAL DO REVENDEDOR TEGG TELECOM - O 5G QUE PAGA VOCÊ
 

Hereditariedade dos Grupos SanguíNeos

  • 2. O sangue Células do sangue: Glóbulos vermelhos , hemácias ou eritrócitos (transporte de gases) Glóbulos brancos ou leucócitos (defesa do organismo) Plaquetas (coagulação) Plasma : solução aquosa com proteínas, minerais, gases e produtos de excreção. Um adulto possui em média 5 a 6 litros de sangue. É constituído por uma parte líquida - o plasma e outra “sólida” – as células sanguíneas.
  • 3. Descoberta dos tipos sanguíneos Houve no passado várias tentativas de transfusão de sangue logo após a descoberta da circulação sanguínea. No entanto ela nem sempre era bem sucedida. Em 1900, K. Landsteiner descobriu que os glóbulos vermelhos de algumas pessoas ficam aglutinados (agarrados) quando são misturados com o plasma ou soro de outras.
  • 5. Os tipos sanguíneos são determinados pela presença/ausência de umas substâncias (glicoproteínas) à superfície dos glóbulos vermelhos chamadas antigénios. No sistema AB0 podem estar presentes os antigénios A, os antigénios B ou não estar presente nenhum deles.
  • 6. Tipos sanguíneos (características) Frequência dos tipos sanguíneos (em Portugal, Instituto Português do Sangue) Grupo A : 46,6%; Grupo 0 : 42,3%; Grupo B : 7,7%; Grupo AB : 3,4% Em relação ao Rh: 85,5% são Rh positivo (Rh+) e 14,2% são Rh negativo (Rh-)
  • 7. Doação de sangue Quem pode doar sangue? Doadores e receptores Qualquer pessoa pode dar sangue se tiver bom estado de saúde, hábitos de vida saudáveis, peso igual ou superior a 50kg e idade compreendida entre os 18 e os 65 anos.  Para uma primeira dádiva, o limite de idade é aos 60 anos.
  • 8. Os tipos sanguíneos do sistema AB0 são determinados por um gene. Esse gene pode ter três versões: A, B ou 0. As versões A e B são dominantes e a versão 0 é recessiva. Os genótipos possíveis para este gene são os seguintes: Hereditariedade do sistema AB0 Genótipo Fenótipo AA Sangue tipo A AB Sangue tipo AB A0 Sangue tipo A BB Sangue tipo B B0 Sangue tipo B 00 Sangue tipo 0