SlideShare uma empresa Scribd logo
Tipos sanguíneos Que são tipos de sangue?  Um grupo sangüíneo ou tipo de sangue está baseado na presença ou ausência de duas proteínas (A, B) na superfície das células vermelhas do sangue.  Porque duas proteínas são envolvidas, há quatro possíveis combinações ou tipo de sangue (grupos ABO):  ·         Tipo A - só a proteína A está presente  ·         Tipo B - só a proteína B está presente  ·         Tipo AB - ambas as proteínas estão presentes  ·      Tipo O - nenhuma proteína está presente (aproximadamente 40 por cento  da população)    Além das proteínas A e B, há outra proteína envolvida chamada de fator Rh, em homenagem ao macaco Rhesus onde foi identificado pela primeira vez.  O fator Rh ou está presente (positivo ou +) ou ausente (negativo ou -).  Então, os tipos de sangue são descritos pelo tipo e fator Rh, como O positivo, A positivo, AB negativo .
Tipos sanguíneos Há três formas do genes (alleles) que controla o grupo sangüíneo ABO que é designado como iA, i B, e i. Você tem dois alleles, um da sua mãe e outro do seu pai, que se define como seu genotipo. A herança do alleles é co-dominante e significa que se o allele está presente. Os genotipos seguintes se relacionam a estes tipos de sangue:    ·         iAiA ou iAi - ambos os genotipos produzem a proteína A (tipo A)  ·         iBiB ou iBi - ambos os genotipos produzem a proteína B (tipo B)  ·         iAiB - produzem as proteínas A e B (tipo AB)  ·         ii - não produz nenhuma proteína (tipo O)  Assim, seu tipo de sangue necessariamente não lhe conta exatamente qual alleles que você tem. Por exemplo, uma pessoa com tipo de sangue A poderia ter qualquer um dois alleles IA ou um allele IA e um allele i. É possível que os pais com o mesmo sangue tipo, A ou B,  podem gerar uma criança com tipo sangue de O.  Os pais teriam que ter um genotipo misturado como um allele i junto com qualquer um dos dois alleles, iA ou iB.
Tipos sanguíneos Os tipos de sangue são determinados colocando-se três gotas de sangue em um lâmina de vidro em um microscópio.  Para cada gota, uma gota de solução de anticorpos da proteína A (anti-A) é adicionada.  Para a segunda gota, uma gota de solução de anticorpo da proteína B é adicionada.  Na terceira gota, uma gota de solução de anticorpos Rh (anti-Rh) é adicionada.  As gotas de sangue e gotas de anticorpos são misturadas e examina-se as aglomerações de células de sangue vermelhas e o tipo de sangue é determinado.  As aglomerações significam que a proteína particular (A, B, Rh) está presente.  Por exemplo, as aglomerações em anti-A e anti-Rh, mas não em anti-B, indicaria uma pessoa com tipo sangue de A positivo.  O tipo de sangue é importante ao se doar  sangue para alguem (transfusão).  Os tipos de sangue devem ser compatíveis.  Se não forem, o receptor gerará aglomerações (coágulos) em resposta ao sangue do doador. Os coágulos conduzirão a um ataque do coração, embolias e choques ( reações de transfusão).
Tipos sanguíneos Dois tipos de sangue são especiais. Tipo O, é chamado de doador universal porque pode ser dado a qualquer pessoa, não tem nenhuma proteína capaz de causar aglomerações. Outro tipo, AB positivo,  é um receptor universal, o receptor tem todas as proteínas e não criará aglomerações.  Finalmente, o fator Rh é importante para as mulheres grávidas. Se um homem  for Rh positivo e um Rh negativo,  a mulher terá uma criança que poderá ser Rh positivo ou negativo, dependendo do genotipo do pai. Se o bebê for Rh positivo, isto pode trazer problemas. Enquanto no útero, algumas células do sangue do bebê cruzarão a placenta através do fluxo sangüíneo da mãe. A mãe produzirá anticorpos para às células Rh positivas. Se a mulher ficar grávida novamente e se o bebê for Rh positivo, os anticorpos anti-Rh da mãe cruzarão o sangue do bebê e destruirão suas células vermelhas que podem matar o bebê. Se diagnosticado cedo, é possível salvar um bebê sob certas circunstâncias substituindo o sangue do bebê com transfusões que o livrarão dos anticorpos Rh.  Também, se esta situação for conhecida, é possível tratar o Rh negativo da mulher com anticorpos anti-Rh (RhoGam) logo após o parto, para inativar as células Rh positivo do bebê e impedir que a mãe forme anticorpos anti-Rh, dessensibilizando-a.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Frente 1 aula 11 Sistema ABO
Frente 1 aula 11 Sistema ABOFrente 1 aula 11 Sistema ABO
Frente 1 aula 11 Sistema ABO
Colégio Batista de Mantena
 
Sistema ABO e fator Rh
Sistema ABO e fator RhSistema ABO e fator Rh
Sistema ABO e fator Rh
Mariana Remiro
 
Aula do 8 ano sis. circulatorio 2
Aula do 8 ano sis. circulatorio 2Aula do 8 ano sis. circulatorio 2
Aula do 8 ano sis. circulatorio 2
Silvana Menezes
 
Genetica - Sistema ABO/RH
Genetica - Sistema ABO/RHGenetica - Sistema ABO/RH
Genetica - Sistema ABO/RH
Defesa da Classe Biomédica
 
Sistema ABO
Sistema ABOSistema ABO
Sistema ABO
URCA
 
Grupos sanguíneos
Grupos sanguíneosGrupos sanguíneos
Grupos sanguíneos
Priscila Rodrigues
 
Grupos sanguineos
Grupos sanguineosGrupos sanguineos
Grupos sanguineos
Andre Luiz Nascimento
 
Sistema abo e fator rh
Sistema abo e fator rhSistema abo e fator rh
Sistema abo e fator rh
Fabrícia Martins
 
Grupo sanguíneo abo
Grupo sanguíneo aboGrupo sanguíneo abo
Grupo sanguíneo abo
Cidalia Aguiar
 
Polialelia e herança dos grupos sanguíneos
Polialelia e herança dos grupos sanguíneosPolialelia e herança dos grupos sanguíneos
Polialelia e herança dos grupos sanguíneos
Isaque Marques Pascoal
 
Sistema abo e fator rh
Sistema abo e fator rhSistema abo e fator rh
Sistema abo e fator rh
PhoenixSportFitness
 
Sistema ABO e Co Dominância
Sistema ABO e Co DominânciaSistema ABO e Co Dominância
Sistema ABO e Co Dominância
Andrea Barreto
 
Imunohematologia e-sistema-abo-731041
Imunohematologia e-sistema-abo-731041Imunohematologia e-sistema-abo-731041
Imunohematologia e-sistema-abo-731041
Jhon Almeida
 
POLIALELÍSMO - GRUPOS SANGUÍNEOS
POLIALELÍSMO - GRUPOS SANGUÍNEOSPOLIALELÍSMO - GRUPOS SANGUÍNEOS
POLIALELÍSMO - GRUPOS SANGUÍNEOS
César Milani
 
Sistema abo
Sistema aboSistema abo
Sistema abo
letyap
 
Apresentação tipagem sanguinea
Apresentação tipagem sanguineaApresentação tipagem sanguinea
Apresentação tipagem sanguinea
Maria Auxiliadora Nascimento Ferreira
 
Alelos múltiplos
Alelos múltiplosAlelos múltiplos
Alelos múltiplos
Fatima Comiotto
 
Aula 14 sistema abo
Aula 14   sistema aboAula 14   sistema abo
Aula 14 sistema abo
Jonatas Carlos
 
Herança dos grupos sanguíneos
Herança dos grupos sanguíneosHerança dos grupos sanguíneos
Herança dos grupos sanguíneos
Prof Regina
 
Sangue (genetica)
Sangue (genetica)Sangue (genetica)
Sangue (genetica)
emanuel
 

Mais procurados (20)

Frente 1 aula 11 Sistema ABO
Frente 1 aula 11 Sistema ABOFrente 1 aula 11 Sistema ABO
Frente 1 aula 11 Sistema ABO
 
Sistema ABO e fator Rh
Sistema ABO e fator RhSistema ABO e fator Rh
Sistema ABO e fator Rh
 
Aula do 8 ano sis. circulatorio 2
Aula do 8 ano sis. circulatorio 2Aula do 8 ano sis. circulatorio 2
Aula do 8 ano sis. circulatorio 2
 
Genetica - Sistema ABO/RH
Genetica - Sistema ABO/RHGenetica - Sistema ABO/RH
Genetica - Sistema ABO/RH
 
Sistema ABO
Sistema ABOSistema ABO
Sistema ABO
 
Grupos sanguíneos
Grupos sanguíneosGrupos sanguíneos
Grupos sanguíneos
 
Grupos sanguineos
Grupos sanguineosGrupos sanguineos
Grupos sanguineos
 
Sistema abo e fator rh
Sistema abo e fator rhSistema abo e fator rh
Sistema abo e fator rh
 
Grupo sanguíneo abo
Grupo sanguíneo aboGrupo sanguíneo abo
Grupo sanguíneo abo
 
Polialelia e herança dos grupos sanguíneos
Polialelia e herança dos grupos sanguíneosPolialelia e herança dos grupos sanguíneos
Polialelia e herança dos grupos sanguíneos
 
Sistema abo e fator rh
Sistema abo e fator rhSistema abo e fator rh
Sistema abo e fator rh
 
Sistema ABO e Co Dominância
Sistema ABO e Co DominânciaSistema ABO e Co Dominância
Sistema ABO e Co Dominância
 
Imunohematologia e-sistema-abo-731041
Imunohematologia e-sistema-abo-731041Imunohematologia e-sistema-abo-731041
Imunohematologia e-sistema-abo-731041
 
POLIALELÍSMO - GRUPOS SANGUÍNEOS
POLIALELÍSMO - GRUPOS SANGUÍNEOSPOLIALELÍSMO - GRUPOS SANGUÍNEOS
POLIALELÍSMO - GRUPOS SANGUÍNEOS
 
Sistema abo
Sistema aboSistema abo
Sistema abo
 
Apresentação tipagem sanguinea
Apresentação tipagem sanguineaApresentação tipagem sanguinea
Apresentação tipagem sanguinea
 
Alelos múltiplos
Alelos múltiplosAlelos múltiplos
Alelos múltiplos
 
Aula 14 sistema abo
Aula 14   sistema aboAula 14   sistema abo
Aula 14 sistema abo
 
Herança dos grupos sanguíneos
Herança dos grupos sanguíneosHerança dos grupos sanguíneos
Herança dos grupos sanguíneos
 
Sangue (genetica)
Sangue (genetica)Sangue (genetica)
Sangue (genetica)
 

Destaque

Grupos sanguíneos
Grupos sanguíneosGrupos sanguíneos
HERANÇA RELACIONADA AO SEXO-GENÉTICA BÁSICA
HERANÇA RELACIONADA AO SEXO-GENÉTICA BÁSICAHERANÇA RELACIONADA AO SEXO-GENÉTICA BÁSICA
HERANÇA RELACIONADA AO SEXO-GENÉTICA BÁSICA
Luiz Carlos
 
Herança biológica
Herança biológicaHerança biológica
Herança biológica
Silvana Sanches
 
GenéTica Diibridismo
GenéTica DiibridismoGenéTica Diibridismo
GenéTica Diibridismo
Luis carlos de Luna
 
Interacao genica
Interacao genicaInteracao genica
Interacao genica
Iuri Fretta Wiggers
 
Apresentacao eritroblastose fetal
Apresentacao eritroblastose fetalApresentacao eritroblastose fetal
Apresentacao eritroblastose fetal
Fernanda Marinho
 
Polialelia
PolialeliaPolialelia
Os alelos múltiplos
Os alelos múltiplosOs alelos múltiplos
Os alelos múltiplos
Iuri Fretta Wiggers
 
Genética de populações
Genética de populaçõesGenética de populações
Genética de populações
Roulber Carvalho
 
Portefolio Área De Integração - Módulo 1
Portefolio Área De Integração - Módulo 1Portefolio Área De Integração - Módulo 1
Portefolio Área De Integração - Módulo 1
Patricia Martins
 
Interação genica
Interação genicaInteração genica
Interação genica
Adila Trubat
 
Interaçao genica
Interaçao genica Interaçao genica
Interaçao genica
UERGS
 
Genética de Populações
Genética de PopulaçõesGenética de Populações
Genética de Populações
Rodrigo Vianna
 
Polialelia alelos multiplos - pelagem de coelhos
Polialelia   alelos multiplos - pelagem de coelhosPolialelia   alelos multiplos - pelagem de coelhos
Polialelia alelos multiplos - pelagem de coelhos
Elaine
 
Segunda Lei de Mendel
Segunda Lei de MendelSegunda Lei de Mendel
Segunda Lei de Mendel
Carlos Priante
 
2ª lei de mendel
2ª lei de mendel2ª lei de mendel
2ª lei de mendel
Iuri Fretta Wiggers
 
Lei da Segregação Independente (Segunda Lei de Mendel)
Lei da Segregação Independente (Segunda Lei de Mendel)Lei da Segregação Independente (Segunda Lei de Mendel)
Lei da Segregação Independente (Segunda Lei de Mendel)
Colégio Batista de Mantena
 
Interação Gênica
Interação GênicaInteração Gênica
Interação Gênica
Andrea Barreto
 
1ª lei de mendel
1ª lei de mendel1ª lei de mendel
1ª lei de mendel
giovannimusetti
 
Primeira lei de mendel
Primeira lei de mendelPrimeira lei de mendel
Primeira lei de mendel
Evelyn Soares
 

Destaque (20)

Grupos sanguíneos
Grupos sanguíneosGrupos sanguíneos
Grupos sanguíneos
 
HERANÇA RELACIONADA AO SEXO-GENÉTICA BÁSICA
HERANÇA RELACIONADA AO SEXO-GENÉTICA BÁSICAHERANÇA RELACIONADA AO SEXO-GENÉTICA BÁSICA
HERANÇA RELACIONADA AO SEXO-GENÉTICA BÁSICA
 
Herança biológica
Herança biológicaHerança biológica
Herança biológica
 
GenéTica Diibridismo
GenéTica DiibridismoGenéTica Diibridismo
GenéTica Diibridismo
 
Interacao genica
Interacao genicaInteracao genica
Interacao genica
 
Apresentacao eritroblastose fetal
Apresentacao eritroblastose fetalApresentacao eritroblastose fetal
Apresentacao eritroblastose fetal
 
Polialelia
PolialeliaPolialelia
Polialelia
 
Os alelos múltiplos
Os alelos múltiplosOs alelos múltiplos
Os alelos múltiplos
 
Genética de populações
Genética de populaçõesGenética de populações
Genética de populações
 
Portefolio Área De Integração - Módulo 1
Portefolio Área De Integração - Módulo 1Portefolio Área De Integração - Módulo 1
Portefolio Área De Integração - Módulo 1
 
Interação genica
Interação genicaInteração genica
Interação genica
 
Interaçao genica
Interaçao genica Interaçao genica
Interaçao genica
 
Genética de Populações
Genética de PopulaçõesGenética de Populações
Genética de Populações
 
Polialelia alelos multiplos - pelagem de coelhos
Polialelia   alelos multiplos - pelagem de coelhosPolialelia   alelos multiplos - pelagem de coelhos
Polialelia alelos multiplos - pelagem de coelhos
 
Segunda Lei de Mendel
Segunda Lei de MendelSegunda Lei de Mendel
Segunda Lei de Mendel
 
2ª lei de mendel
2ª lei de mendel2ª lei de mendel
2ª lei de mendel
 
Lei da Segregação Independente (Segunda Lei de Mendel)
Lei da Segregação Independente (Segunda Lei de Mendel)Lei da Segregação Independente (Segunda Lei de Mendel)
Lei da Segregação Independente (Segunda Lei de Mendel)
 
Interação Gênica
Interação GênicaInteração Gênica
Interação Gênica
 
1ª lei de mendel
1ª lei de mendel1ª lei de mendel
1ª lei de mendel
 
Primeira lei de mendel
Primeira lei de mendelPrimeira lei de mendel
Primeira lei de mendel
 

Semelhante a Tipos sanguineos

Sistema ABO e Fator Rh.pdf
Sistema ABO e Fator Rh.pdfSistema ABO e Fator Rh.pdf
Sistema ABO e Fator Rh.pdf
Gilmargomesdasilva7
 
IMUNOGENÉTICA GTETAURIRAHBDJDKSKAJDHFHRRRKKD
IMUNOGENÉTICA GTETAURIRAHBDJDKSKAJDHFHRRRKKDIMUNOGENÉTICA GTETAURIRAHBDJDKSKAJDHFHRRRKKD
IMUNOGENÉTICA GTETAURIRAHBDJDKSKAJDHFHRRRKKD
Jiggly1
 
aula tiposanguineo.pptx
aula tiposanguineo.pptxaula tiposanguineo.pptx
aula tiposanguineo.pptx
LinoReisLino
 
Genetica IV 2012 (1).ppt GENETICAEEEEEEEEE
Genetica IV 2012 (1).ppt GENETICAEEEEEEEEEGenetica IV 2012 (1).ppt GENETICAEEEEEEEEE
Genetica IV 2012 (1).ppt GENETICAEEEEEEEEE
MarceloMonteiro213738
 
Incompatibilidade rH e grupo sanguíneo
Incompatibilidade rH e grupo sanguíneoIncompatibilidade rH e grupo sanguíneo
Incompatibilidade rH e grupo sanguíneo
Ana Karoline
 
Incompatibilidade rH e grupo sanguíneo
Incompatibilidade rH e grupo sanguíneoIncompatibilidade rH e grupo sanguíneo
Incompatibilidade rH e grupo sanguíneo
Ana Karoline
 
Exercícios de genética – sistema abo e 2ª lei de mendel
Exercícios de genética – sistema abo e 2ª lei de mendelExercícios de genética – sistema abo e 2ª lei de mendel
Exercícios de genética – sistema abo e 2ª lei de mendel
Hindria Guimarães
 
Polialelia2
Polialelia2Polialelia2
Polialelia2
Evelyn Soares
 
SLAID SOBRE GRUPOS SANGUINES E SISTEMA ABO.pptx
SLAID SOBRE GRUPOS SANGUINES E SISTEMA ABO.pptxSLAID SOBRE GRUPOS SANGUINES E SISTEMA ABO.pptx
SLAID SOBRE GRUPOS SANGUINES E SISTEMA ABO.pptx
cristinanatasha
 
sistema.pptx
sistema.pptxsistema.pptx
sistema.pptx
cristinanatasha
 
4. sangue humano
4. sangue humano4. sangue humano
4. sangue humano
claiton goes
 
Alelos múltiplos
Alelos múltiplosAlelos múltiplos
Ficha-grupos-sanguineos.docx
Ficha-grupos-sanguineos.docxFicha-grupos-sanguineos.docx
Ficha-grupos-sanguineos.docx
SusanaSantos548416
 
3S alelos múltiplos e Sistemas sanguineos abril 2015
3S alelos múltiplos e Sistemas sanguineos  abril 20153S alelos múltiplos e Sistemas sanguineos  abril 2015
3S alelos múltiplos e Sistemas sanguineos abril 2015
Ionara Urrutia Moura
 
3 s alelos múltiplos e tipagem sanguinea_15_abril_2013
3 s alelos múltiplos e tipagem sanguinea_15_abril_20133 s alelos múltiplos e tipagem sanguinea_15_abril_2013
3 s alelos múltiplos e tipagem sanguinea_15_abril_2013
CotucaAmbiental
 
PARA 3S _ AULA 1 DO SEGUNDO BIMESTRE alelos múltiplos e abo abril 2013
PARA 3S _ AULA 1 DO SEGUNDO BIMESTRE alelos múltiplos e abo abril 2013PARA 3S _ AULA 1 DO SEGUNDO BIMESTRE alelos múltiplos e abo abril 2013
PARA 3S _ AULA 1 DO SEGUNDO BIMESTRE alelos múltiplos e abo abril 2013
Ionara Urrutia Moura
 
Codominancia
CodominanciaCodominancia
Codominancia
Grupo UNIASSELVI
 

Semelhante a Tipos sanguineos (17)

Sistema ABO e Fator Rh.pdf
Sistema ABO e Fator Rh.pdfSistema ABO e Fator Rh.pdf
Sistema ABO e Fator Rh.pdf
 
IMUNOGENÉTICA GTETAURIRAHBDJDKSKAJDHFHRRRKKD
IMUNOGENÉTICA GTETAURIRAHBDJDKSKAJDHFHRRRKKDIMUNOGENÉTICA GTETAURIRAHBDJDKSKAJDHFHRRRKKD
IMUNOGENÉTICA GTETAURIRAHBDJDKSKAJDHFHRRRKKD
 
aula tiposanguineo.pptx
aula tiposanguineo.pptxaula tiposanguineo.pptx
aula tiposanguineo.pptx
 
Genetica IV 2012 (1).ppt GENETICAEEEEEEEEE
Genetica IV 2012 (1).ppt GENETICAEEEEEEEEEGenetica IV 2012 (1).ppt GENETICAEEEEEEEEE
Genetica IV 2012 (1).ppt GENETICAEEEEEEEEE
 
Incompatibilidade rH e grupo sanguíneo
Incompatibilidade rH e grupo sanguíneoIncompatibilidade rH e grupo sanguíneo
Incompatibilidade rH e grupo sanguíneo
 
Incompatibilidade rH e grupo sanguíneo
Incompatibilidade rH e grupo sanguíneoIncompatibilidade rH e grupo sanguíneo
Incompatibilidade rH e grupo sanguíneo
 
Exercícios de genética – sistema abo e 2ª lei de mendel
Exercícios de genética – sistema abo e 2ª lei de mendelExercícios de genética – sistema abo e 2ª lei de mendel
Exercícios de genética – sistema abo e 2ª lei de mendel
 
Polialelia2
Polialelia2Polialelia2
Polialelia2
 
SLAID SOBRE GRUPOS SANGUINES E SISTEMA ABO.pptx
SLAID SOBRE GRUPOS SANGUINES E SISTEMA ABO.pptxSLAID SOBRE GRUPOS SANGUINES E SISTEMA ABO.pptx
SLAID SOBRE GRUPOS SANGUINES E SISTEMA ABO.pptx
 
sistema.pptx
sistema.pptxsistema.pptx
sistema.pptx
 
4. sangue humano
4. sangue humano4. sangue humano
4. sangue humano
 
Alelos múltiplos
Alelos múltiplosAlelos múltiplos
Alelos múltiplos
 
Ficha-grupos-sanguineos.docx
Ficha-grupos-sanguineos.docxFicha-grupos-sanguineos.docx
Ficha-grupos-sanguineos.docx
 
3S alelos múltiplos e Sistemas sanguineos abril 2015
3S alelos múltiplos e Sistemas sanguineos  abril 20153S alelos múltiplos e Sistemas sanguineos  abril 2015
3S alelos múltiplos e Sistemas sanguineos abril 2015
 
3 s alelos múltiplos e tipagem sanguinea_15_abril_2013
3 s alelos múltiplos e tipagem sanguinea_15_abril_20133 s alelos múltiplos e tipagem sanguinea_15_abril_2013
3 s alelos múltiplos e tipagem sanguinea_15_abril_2013
 
PARA 3S _ AULA 1 DO SEGUNDO BIMESTRE alelos múltiplos e abo abril 2013
PARA 3S _ AULA 1 DO SEGUNDO BIMESTRE alelos múltiplos e abo abril 2013PARA 3S _ AULA 1 DO SEGUNDO BIMESTRE alelos múltiplos e abo abril 2013
PARA 3S _ AULA 1 DO SEGUNDO BIMESTRE alelos múltiplos e abo abril 2013
 
Codominancia
CodominanciaCodominancia
Codominancia
 

Mais de Sanclé Porchéra

Manual do abaco e Treinamento
Manual do abaco e TreinamentoManual do abaco e Treinamento
Manual do abaco e Treinamento
Sanclé Porchéra
 
Ano Luz
Ano LuzAno Luz
Ano Solar
Ano SolarAno Solar
Latitude Longitude
Latitude LongitudeLatitude Longitude
Latitude Longitude
Sanclé Porchéra
 
Arcoiris 1
Arcoiris 1Arcoiris 1
Arcoiris 1
Sanclé Porchéra
 
Ano Bisexto
Ano BisextoAno Bisexto
Ano Bisexto
Sanclé Porchéra
 
Arco Iris
Arco IrisArco Iris
A Terra Girando Em Torno Do Sol
A Terra Girando Em Torno Do SolA Terra Girando Em Torno Do Sol
A Terra Girando Em Torno Do Sol
Sanclé Porchéra
 
A Lua
A LuaA Lua
Spam
SpamSpam
Quadrados nunca mais
Quadrados nunca maisQuadrados nunca mais
Quadrados nunca mais
Sanclé Porchéra
 
De 1 Até 19
De 1 Até 19De 1 Até 19
De 1 Até 19
Sanclé Porchéra
 
Role As Bolas
Role As BolasRole As Bolas
Role As Bolas
Sanclé Porchéra
 
O Malandro E O Diabo
O Malandro E O DiaboO Malandro E O Diabo
O Malandro E O Diabo
Sanclé Porchéra
 
Descubra A Primeira Vista
Descubra A Primeira VistaDescubra A Primeira Vista
Descubra A Primeira Vista
Sanclé Porchéra
 
Velozmente, Mas Cautelosamente
Velozmente, Mas CautelosamenteVelozmente, Mas Cautelosamente
Velozmente, Mas Cautelosamente
Sanclé Porchéra
 
AdiçãO RáPida
AdiçãO RáPidaAdiçãO RáPida
AdiçãO RáPida
Sanclé Porchéra
 
O desafio do carteiro Roberval
O desafio do carteiro RobervalO desafio do carteiro Roberval
O desafio do carteiro Roberval
Sanclé Porchéra
 
Cyber Teasers
Cyber TeasersCyber Teasers
Cyber Teasers
Sanclé Porchéra
 
Abelhas Fazem Mel
Abelhas  Fazem MelAbelhas  Fazem Mel
Abelhas Fazem Mel
Sanclé Porchéra
 

Mais de Sanclé Porchéra (20)

Manual do abaco e Treinamento
Manual do abaco e TreinamentoManual do abaco e Treinamento
Manual do abaco e Treinamento
 
Ano Luz
Ano LuzAno Luz
Ano Luz
 
Ano Solar
Ano SolarAno Solar
Ano Solar
 
Latitude Longitude
Latitude LongitudeLatitude Longitude
Latitude Longitude
 
Arcoiris 1
Arcoiris 1Arcoiris 1
Arcoiris 1
 
Ano Bisexto
Ano BisextoAno Bisexto
Ano Bisexto
 
Arco Iris
Arco IrisArco Iris
Arco Iris
 
A Terra Girando Em Torno Do Sol
A Terra Girando Em Torno Do SolA Terra Girando Em Torno Do Sol
A Terra Girando Em Torno Do Sol
 
A Lua
A LuaA Lua
A Lua
 
Spam
SpamSpam
Spam
 
Quadrados nunca mais
Quadrados nunca maisQuadrados nunca mais
Quadrados nunca mais
 
De 1 Até 19
De 1 Até 19De 1 Até 19
De 1 Até 19
 
Role As Bolas
Role As BolasRole As Bolas
Role As Bolas
 
O Malandro E O Diabo
O Malandro E O DiaboO Malandro E O Diabo
O Malandro E O Diabo
 
Descubra A Primeira Vista
Descubra A Primeira VistaDescubra A Primeira Vista
Descubra A Primeira Vista
 
Velozmente, Mas Cautelosamente
Velozmente, Mas CautelosamenteVelozmente, Mas Cautelosamente
Velozmente, Mas Cautelosamente
 
AdiçãO RáPida
AdiçãO RáPidaAdiçãO RáPida
AdiçãO RáPida
 
O desafio do carteiro Roberval
O desafio do carteiro RobervalO desafio do carteiro Roberval
O desafio do carteiro Roberval
 
Cyber Teasers
Cyber TeasersCyber Teasers
Cyber Teasers
 
Abelhas Fazem Mel
Abelhas  Fazem MelAbelhas  Fazem Mel
Abelhas Fazem Mel
 

Tipos sanguineos

  • 1. Tipos sanguíneos Que são tipos de sangue? Um grupo sangüíneo ou tipo de sangue está baseado na presença ou ausência de duas proteínas (A, B) na superfície das células vermelhas do sangue. Porque duas proteínas são envolvidas, há quatro possíveis combinações ou tipo de sangue (grupos ABO): ·         Tipo A - só a proteína A está presente ·         Tipo B - só a proteína B está presente ·         Tipo AB - ambas as proteínas estão presentes ·     Tipo O - nenhuma proteína está presente (aproximadamente 40 por cento da população)   Além das proteínas A e B, há outra proteína envolvida chamada de fator Rh, em homenagem ao macaco Rhesus onde foi identificado pela primeira vez. O fator Rh ou está presente (positivo ou +) ou ausente (negativo ou -). Então, os tipos de sangue são descritos pelo tipo e fator Rh, como O positivo, A positivo, AB negativo .
  • 2. Tipos sanguíneos Há três formas do genes (alleles) que controla o grupo sangüíneo ABO que é designado como iA, i B, e i. Você tem dois alleles, um da sua mãe e outro do seu pai, que se define como seu genotipo. A herança do alleles é co-dominante e significa que se o allele está presente. Os genotipos seguintes se relacionam a estes tipos de sangue:   ·         iAiA ou iAi - ambos os genotipos produzem a proteína A (tipo A) ·         iBiB ou iBi - ambos os genotipos produzem a proteína B (tipo B) ·         iAiB - produzem as proteínas A e B (tipo AB) ·         ii - não produz nenhuma proteína (tipo O) Assim, seu tipo de sangue necessariamente não lhe conta exatamente qual alleles que você tem. Por exemplo, uma pessoa com tipo de sangue A poderia ter qualquer um dois alleles IA ou um allele IA e um allele i. É possível que os pais com o mesmo sangue tipo, A ou B, podem gerar uma criança com tipo sangue de O. Os pais teriam que ter um genotipo misturado como um allele i junto com qualquer um dos dois alleles, iA ou iB.
  • 3. Tipos sanguíneos Os tipos de sangue são determinados colocando-se três gotas de sangue em um lâmina de vidro em um microscópio. Para cada gota, uma gota de solução de anticorpos da proteína A (anti-A) é adicionada. Para a segunda gota, uma gota de solução de anticorpo da proteína B é adicionada. Na terceira gota, uma gota de solução de anticorpos Rh (anti-Rh) é adicionada. As gotas de sangue e gotas de anticorpos são misturadas e examina-se as aglomerações de células de sangue vermelhas e o tipo de sangue é determinado. As aglomerações significam que a proteína particular (A, B, Rh) está presente. Por exemplo, as aglomerações em anti-A e anti-Rh, mas não em anti-B, indicaria uma pessoa com tipo sangue de A positivo. O tipo de sangue é importante ao se doar sangue para alguem (transfusão). Os tipos de sangue devem ser compatíveis. Se não forem, o receptor gerará aglomerações (coágulos) em resposta ao sangue do doador. Os coágulos conduzirão a um ataque do coração, embolias e choques ( reações de transfusão).
  • 4. Tipos sanguíneos Dois tipos de sangue são especiais. Tipo O, é chamado de doador universal porque pode ser dado a qualquer pessoa, não tem nenhuma proteína capaz de causar aglomerações. Outro tipo, AB positivo, é um receptor universal, o receptor tem todas as proteínas e não criará aglomerações. Finalmente, o fator Rh é importante para as mulheres grávidas. Se um homem for Rh positivo e um Rh negativo, a mulher terá uma criança que poderá ser Rh positivo ou negativo, dependendo do genotipo do pai. Se o bebê for Rh positivo, isto pode trazer problemas. Enquanto no útero, algumas células do sangue do bebê cruzarão a placenta através do fluxo sangüíneo da mãe. A mãe produzirá anticorpos para às células Rh positivas. Se a mulher ficar grávida novamente e se o bebê for Rh positivo, os anticorpos anti-Rh da mãe cruzarão o sangue do bebê e destruirão suas células vermelhas que podem matar o bebê. Se diagnosticado cedo, é possível salvar um bebê sob certas circunstâncias substituindo o sangue do bebê com transfusões que o livrarão dos anticorpos Rh. Também, se esta situação for conhecida, é possível tratar o Rh negativo da mulher com anticorpos anti-Rh (RhoGam) logo após o parto, para inativar as células Rh positivo do bebê e impedir que a mãe forme anticorpos anti-Rh, dessensibilizando-a.