SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 30
Angelita C. Melo
Doutora em Saúde Pública
Profa. Universidade Federal de São João Del-Rei
Cuidado farmacêutico como modelo de
prática e competências para a formação
clínica nos cursos de Farmácia
Farmácia ao longo dos tempos na sociedade
• Profissão farmacêutica
Milenar
Adaptação
Papéis sociais
Universidades Sistema CFF/CRF’s Órgão sanitário
Panorama atual
• Postos de Trabalho Farmacêutico - 2012
(CFF, 2012)
Formação
• Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN): Resolução CNE/CES nº 02/2002
“formação deve ser generalista, crítica, humanista, reflexiva e articulada
com as diretrizes do SUS (BRASIL, 2002).”
• Perfil egresso: visão generalista, humanista, crítica e reflexiva, para atuar na
promoção, proteção e recuperação da saúde, para atuar em todos os níveis da
atenção à saúde, com base no rigor científico e intelectual. Capacitado ao
exercício de atividades referentes aos fármacos, aos medicamentos e aos
fitoterápicos, às análises clínicas e toxicológicas, ao controle, produção e
análises de alimentos, e à assistência farmacêutica pautado em princípios éticos
e na compreensão da realidade social, cultural e econômica do seu meio,
dirigindo sua atuação para a transformação da realidade em benefício da
sociedade
Panorama do ensino
(Brasil, 2012)
(São Paulo, 2012)
Panorama do ensino
Oliveira Sá (2011)
Pós-acesso
Atividade fim
Acesso aos medicamentos
Atividade fim
Atuação do farmacêutico no mundo
Pesquisa, desenvolvimento
e produção medicamentos
Logística acesso a
medicamentos
Atender as necessidades
de saúde do paciente
Atender as necessidades
de saúde do paciente
Pós-acesso
Atividade fim
Acesso aos medicamentos
Atividade fim
Atuação do farmacêutico no mundo
Pesquisa, desenvolvimento
e produção medicamentos
Logística acesso a
medicamentos
Atender as necessidades
de saúde do paciente
Atuação do Farmacêutico – Assistência
Farmacêutica
Atividades-fim
ou
de
cuidado
direto
Atividades-fim
ou
de
cuidado
direto
Pós-acesso
Atuação interdisciplinar
Autonomia do paciente
Acesso a produtos?
Epidemia invisível:
problemas associados ao
uso de medicamentos
Farmácia momento atual
• Profissão farmacêutica
Reflexão
Mudança
Universidades Sistema CFF/CRF’s Órgão sanitário
Profissões, Serviços Farmacêuticos e
Inserção no Sistema de Saúde
Equipe
multidisciplinar
(BRASIL, 2014b; OTERO, DOMINGUEZ-GIL, 2000)
Relevância Social
Serviços Farmacêuticos
Cooperação Processo de trabalho
Conceitos
Processo de
trabalho+
(BRASIL, 2014b; OTERO, DOMINGUEZ-GIL, 2000)
Atuação Clínica
Resolução CFF
585 e 586/2013
Lei 13.021/2014
Resolução CFF 585 – Atribuições Clínicas
Resolução CFF 586 – Prescrição Farmacêutica
Lei 13.021 - Exercício e fiscalização das atividades
farmacêuticas
Consulta Pública 02/2014 – Arcabouço conceitual
serviços farmacêuticos
Atuação Clínica do Farmacêutico
Resultados
terapêutica
medicamentosa
Tecnologia da
informação de
saúde
Ensaios clínicos e
assuntos
regulatórios
Gestão do Sistema
de Saúde
Farmácia Clínica
• Área da farmácia voltada à ciência e prática do uso responsável de
medicamentos, na qual os farmacêuticos prestam cuidado ao
paciente, de forma a otimizar a farmacoterapia, promover saúde e
bem-estar, e prevenir doenças.
(CFF, 2013)
Serviços Farmacêuticos
direcionados ao paciente, família e comunidade
Rastreamento em saúde
Revisão da
Farmacoterapia
Conciliação
Acompanhamento Farmacoterapêutico
Dispensação
Manejo de uma condição
autolimitada
• SERVIÇOS FARMACÊUTICOS
Domicílio do paciente Consultório farmacêuticoFarmácias
Atenção Primária à
Saúde
Atenção Terciária à
Saúde
Atenção Secundária à
Saúde
Renovação de
registro Certificação
Regras de
mudança ou
expansão da
atuação
Padrões de
avaliação de
performance
Relevância Profissional Competências
PadrãodeCompetência
Graduação
Certificação
Farmacêutico
FARMACÊUTICO
Prática
profissional
Descrição
trabalho
Diretrizes
Curriculares
Ensino
http://www.obb.org.br/index.php/metodologia/
Mudança no Mundo
Como chegar às competências?
Há fórmulas mágicas?
Recurso tradicional
Obrigada!
angelitamelo@ufsj.edu.br
Tenho em mim todos os sonhos do mundo.
Fernando Pessoa
angelitamelo@ufsj.edu.br
Necessidade de saúde do paciente, família e comunidade
Serviços de saúde
Serviços farmacêuticos
Serviços
relacionados
ao
medicamento
P&D,produção
Gestãologística
Serviços diretamente relacionados ao
paciente, à família e à comunidade
Rastreamento
em saúde
Educação em
saúde
Manejo de
problema de
saúde
autolimitado
Conciliação de
medicamentos
Revisão da
Farmacoterapia
Acompanhamento
farmacoterapêutico
Dispensação
Procedimentos
Atividades-fim
ou
de
cuidado
direto

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

7 passos para a implementação de serviços farmacêuticos na farmácia comunitária
7 passos para a implementação de serviços farmacêuticos na farmácia comunitária7 passos para a implementação de serviços farmacêuticos na farmácia comunitária
7 passos para a implementação de serviços farmacêuticos na farmácia comunitária
Cassyano Correr
 
Revisão sobre Adesão ao Tratamento
Revisão sobre Adesão ao TratamentoRevisão sobre Adesão ao Tratamento
Revisão sobre Adesão ao Tratamento
Cassyano Correr
 
Palestra 8 - "Reconciliação medicamentosa: Um serviço clínico"
Palestra 8 - "Reconciliação medicamentosa: Um serviço clínico"Palestra 8 - "Reconciliação medicamentosa: Um serviço clínico"
Palestra 8 - "Reconciliação medicamentosa: Um serviço clínico"
JOFARUFPR
 
Experiências em Farmácia Clínica
Experiências  em Farmácia ClínicaExperiências  em Farmácia Clínica
Experiências em Farmácia Clínica
Sandra Brassica
 

Mais procurados (20)

7 passos para a implementação de serviços farmacêuticos na farmácia comunitária
7 passos para a implementação de serviços farmacêuticos na farmácia comunitária7 passos para a implementação de serviços farmacêuticos na farmácia comunitária
7 passos para a implementação de serviços farmacêuticos na farmácia comunitária
 
Cobef fala mesa_redonda_2015
Cobef fala mesa_redonda_2015Cobef fala mesa_redonda_2015
Cobef fala mesa_redonda_2015
 
A Importância do Farmacêutico Clínico
A Importância do Farmacêutico ClínicoA Importância do Farmacêutico Clínico
A Importância do Farmacêutico Clínico
 
Método Clínico para os Cuidados Farmacêuticos
Método Clínico para os Cuidados FarmacêuticosMétodo Clínico para os Cuidados Farmacêuticos
Método Clínico para os Cuidados Farmacêuticos
 
Semiologia farmaceutica
Semiologia farmaceuticaSemiologia farmaceutica
Semiologia farmaceutica
 
Formação do farmacêutico para a atuação clínica
Formação do farmacêutico para a atuação clínicaFormação do farmacêutico para a atuação clínica
Formação do farmacêutico para a atuação clínica
 
Formação por competências metodologias ativas de ensino aprendizagem crfmg 2017
Formação por competências metodologias ativas de ensino aprendizagem crfmg 2017Formação por competências metodologias ativas de ensino aprendizagem crfmg 2017
Formação por competências metodologias ativas de ensino aprendizagem crfmg 2017
 
Ii congresso mineiro de farmacia serviços farmacêuticos
Ii congresso mineiro de farmacia serviços farmacêuticosIi congresso mineiro de farmacia serviços farmacêuticos
Ii congresso mineiro de farmacia serviços farmacêuticos
 
Gestao clinica de medicamentos na atenção primária a saude cassyano correr ufpr
Gestao clinica de medicamentos na atenção primária a saude cassyano correr ufprGestao clinica de medicamentos na atenção primária a saude cassyano correr ufpr
Gestao clinica de medicamentos na atenção primária a saude cassyano correr ufpr
 
Educação farmacêutica riopharma
Educação farmacêutica riopharmaEducação farmacêutica riopharma
Educação farmacêutica riopharma
 
Projeto Piloto de Cuidado Farmacêutica na Atenção Básica em Curitiba- Aprese...
Projeto Piloto de Cuidado  Farmacêutica na Atenção Básica em Curitiba- Aprese...Projeto Piloto de Cuidado  Farmacêutica na Atenção Básica em Curitiba- Aprese...
Projeto Piloto de Cuidado Farmacêutica na Atenção Básica em Curitiba- Aprese...
 
Revisão sobre Adesão ao Tratamento
Revisão sobre Adesão ao TratamentoRevisão sobre Adesão ao Tratamento
Revisão sobre Adesão ao Tratamento
 
Aula 2 prm
Aula 2   prmAula 2   prm
Aula 2 prm
 
Aula 2 - AF
Aula 2 - AFAula 2 - AF
Aula 2 - AF
 
Projeto DEPICT: um novo sistema para caracterização dos componentes das inter...
Projeto DEPICT: um novo sistema para caracterização dos componentes das inter...Projeto DEPICT: um novo sistema para caracterização dos componentes das inter...
Projeto DEPICT: um novo sistema para caracterização dos componentes das inter...
 
Semiologia rio aluno pdf
Semiologia rio aluno pdfSemiologia rio aluno pdf
Semiologia rio aluno pdf
 
O que são transtornos menores?
O que são transtornos menores?O que são transtornos menores?
O que são transtornos menores?
 
Atuação clínica do farmacêutico - Congresso Riopharma 2015
Atuação clínica do farmacêutico - Congresso Riopharma 2015Atuação clínica do farmacêutico - Congresso Riopharma 2015
Atuação clínica do farmacêutico - Congresso Riopharma 2015
 
Palestra 8 - "Reconciliação medicamentosa: Um serviço clínico"
Palestra 8 - "Reconciliação medicamentosa: Um serviço clínico"Palestra 8 - "Reconciliação medicamentosa: Um serviço clínico"
Palestra 8 - "Reconciliação medicamentosa: Um serviço clínico"
 
Experiências em Farmácia Clínica
Experiências  em Farmácia ClínicaExperiências  em Farmácia Clínica
Experiências em Farmácia Clínica
 

Semelhante a Evento educadores fala_mesa_redonda

Os desafios da profissão farmacêutica
Os desafios da profissão farmacêuticaOs desafios da profissão farmacêutica
Os desafios da profissão farmacêutica
Leonara Rezende
 
Anais da 20ª Semana Racine - Congresso de Farmácia
Anais da 20ª Semana Racine - Congresso de FarmáciaAnais da 20ª Semana Racine - Congresso de Farmácia
Anais da 20ª Semana Racine - Congresso de Farmácia
Instituto Racine
 
Estratégias para otimizar o uso de medicamentos entre os idosos do HIPERDIA e...
Estratégias para otimizar o uso de medicamentos entre os idosos do HIPERDIA e...Estratégias para otimizar o uso de medicamentos entre os idosos do HIPERDIA e...
Estratégias para otimizar o uso de medicamentos entre os idosos do HIPERDIA e...
Mario Coutinho
 
Assistencia farmaceutica
Assistencia farmaceuticaAssistencia farmaceutica
Assistencia farmaceutica
jlpgemeinder
 
Anvisa medicamentos unidades sus
Anvisa medicamentos unidades susAnvisa medicamentos unidades sus
Anvisa medicamentos unidades sus
biossimilar
 
apresentação pet saúde Vivência usf nestor guimarães
apresentação pet saúde Vivência usf nestor  guimarãesapresentação pet saúde Vivência usf nestor  guimarães
apresentação pet saúde Vivência usf nestor guimarães
michele funato
 

Semelhante a Evento educadores fala_mesa_redonda (20)

Como a Farmácia Universitária Pode Contribuir para a Formação nas Atividades ...
Como a Farmácia Universitária Pode Contribuir para a Formação nas Atividades ...Como a Farmácia Universitária Pode Contribuir para a Formação nas Atividades ...
Como a Farmácia Universitária Pode Contribuir para a Formação nas Atividades ...
 
Farmácia Integrada 2009
Farmácia Integrada 2009Farmácia Integrada 2009
Farmácia Integrada 2009
 
Farmcia clnica.apostila pdf
Farmcia clnica.apostila pdfFarmcia clnica.apostila pdf
Farmcia clnica.apostila pdf
 
Os desafios da profissão farmacêutica
Os desafios da profissão farmacêuticaOs desafios da profissão farmacêutica
Os desafios da profissão farmacêutica
 
Dimensões Clínicas, Técnicas e Gerenciais da Farmácia Hospitalar
Dimensões Clínicas, Técnicas e Gerenciais da Farmácia HospitalarDimensões Clínicas, Técnicas e Gerenciais da Farmácia Hospitalar
Dimensões Clínicas, Técnicas e Gerenciais da Farmácia Hospitalar
 
Anais da 20ª Semana Racine - Congresso de Farmácia
Anais da 20ª Semana Racine - Congresso de FarmáciaAnais da 20ª Semana Racine - Congresso de Farmácia
Anais da 20ª Semana Racine - Congresso de Farmácia
 
Conceitos de Atenção Farmacêutica
Conceitos de  Atenção FarmacêuticaConceitos de  Atenção Farmacêutica
Conceitos de Atenção Farmacêutica
 
Estratégias para otimizar o uso de medicamentos entre os idosos do HIPERDIA e...
Estratégias para otimizar o uso de medicamentos entre os idosos do HIPERDIA e...Estratégias para otimizar o uso de medicamentos entre os idosos do HIPERDIA e...
Estratégias para otimizar o uso de medicamentos entre os idosos do HIPERDIA e...
 
Assistencia farmaceutica
Assistencia farmaceuticaAssistencia farmaceutica
Assistencia farmaceutica
 
atencao-farmaceutica farmacia clinica.pdf
atencao-farmaceutica farmacia clinica.pdfatencao-farmaceutica farmacia clinica.pdf
atencao-farmaceutica farmacia clinica.pdf
 
Bases Clínicas e Humanisticas para o desenvolvimento da Atenção Farmacêutica
Bases Clínicas e Humanisticas para o desenvolvimento da Atenção FarmacêuticaBases Clínicas e Humanisticas para o desenvolvimento da Atenção Farmacêutica
Bases Clínicas e Humanisticas para o desenvolvimento da Atenção Farmacêutica
 
Anvisa medicamentos unidades sus
Anvisa medicamentos unidades susAnvisa medicamentos unidades sus
Anvisa medicamentos unidades sus
 
Aula do módulo 01 do Curso de Serviços farmacêuticos direcionados ao paciente...
Aula do módulo 01 do Curso de Serviços farmacêuticos direcionados ao paciente...Aula do módulo 01 do Curso de Serviços farmacêuticos direcionados ao paciente...
Aula do módulo 01 do Curso de Serviços farmacêuticos direcionados ao paciente...
 
Introdução à Atenção Farmacêutica
Introdução à Atenção FarmacêuticaIntrodução à Atenção Farmacêutica
Introdução à Atenção Farmacêutica
 
Gestão populacional
Gestão populacionalGestão populacional
Gestão populacional
 
apresentação pet saúde Vivência usf nestor guimarães
apresentação pet saúde Vivência usf nestor  guimarãesapresentação pet saúde Vivência usf nestor  guimarães
apresentação pet saúde Vivência usf nestor guimarães
 
Medicamentos potencialmente perigosos: contaminação de superfícies, risco amb...
Medicamentos potencialmente perigosos: contaminação de superfícies, risco amb...Medicamentos potencialmente perigosos: contaminação de superfícies, risco amb...
Medicamentos potencialmente perigosos: contaminação de superfícies, risco amb...
 
Farmacoté..
Farmacoté..Farmacoté..
Farmacoté..
 
Perfil do Novo Farmacêutico
Perfil do Novo Farmacêutico Perfil do Novo Farmacêutico
Perfil do Novo Farmacêutico
 
Luis Fernando Rolim
Luis Fernando RolimLuis Fernando Rolim
Luis Fernando Rolim
 

Mais de angelitamelo

Mais de angelitamelo (15)

Novas Diretrizes Curriculares e a Formação do Farmacêutico Clínico
Novas Diretrizes Curriculares e a Formação do Farmacêutico ClínicoNovas Diretrizes Curriculares e a Formação do Farmacêutico Clínico
Novas Diretrizes Curriculares e a Formação do Farmacêutico Clínico
 
Farmacêutico Clínico: como desenvolver competências clínicas
Farmacêutico Clínico: como desenvolver competências clínicasFarmacêutico Clínico: como desenvolver competências clínicas
Farmacêutico Clínico: como desenvolver competências clínicas
 
Desprescrição como estratégia para atendimento a pacientes polimedicados
Desprescrição como estratégia para atendimento a pacientes polimedicadosDesprescrição como estratégia para atendimento a pacientes polimedicados
Desprescrição como estratégia para atendimento a pacientes polimedicados
 
Exame proficiência para farmacêuticos: experiências internacionais
Exame proficiência para farmacêuticos: experiências internacionaisExame proficiência para farmacêuticos: experiências internacionais
Exame proficiência para farmacêuticos: experiências internacionais
 
Exame proficiência para farmacêuticos: experiências internacionais
Exame proficiência para farmacêuticos: experiências internacionaisExame proficiência para farmacêuticos: experiências internacionais
Exame proficiência para farmacêuticos: experiências internacionais
 
Formação por competências - Encontro DCN's abril de 2018
Formação por competências - Encontro DCN's abril de 2018Formação por competências - Encontro DCN's abril de 2018
Formação por competências - Encontro DCN's abril de 2018
 
Provisão de serviços farmacêuticos governança, empreendedorismo e oportunid...
Provisão de serviços farmacêuticos   governança, empreendedorismo e oportunid...Provisão de serviços farmacêuticos   governança, empreendedorismo e oportunid...
Provisão de serviços farmacêuticos governança, empreendedorismo e oportunid...
 
Guias de prática clínica como estratégia de ensino em farmácias universitária...
Guias de prática clínica como estratégia de ensino em farmácias universitária...Guias de prática clínica como estratégia de ensino em farmácias universitária...
Guias de prática clínica como estratégia de ensino em farmácias universitária...
 
Educação em saúde em situações comuns de pacientes da atenção básica slide
Educação em saúde em situações comuns de pacientes da atenção básica slideEducação em saúde em situações comuns de pacientes da atenção básica slide
Educação em saúde em situações comuns de pacientes da atenção básica slide
 
Prescrição farmacêutica em situações comuns farmácias drogariasslideshare
Prescrição farmacêutica em situações comuns farmácias drogariasslidesharePrescrição farmacêutica em situações comuns farmácias drogariasslideshare
Prescrição farmacêutica em situações comuns farmácias drogariasslideshare
 
Prescrição farmacêutica em situações comuns farmácias drogariasslideshare
Prescrição farmacêutica em situações comuns farmácias drogariasslidesharePrescrição farmacêutica em situações comuns farmácias drogariasslideshare
Prescrição farmacêutica em situações comuns farmácias drogariasslideshare
 
Gestão problemas autolimitados_cbf_comunitária_2015
Gestão problemas autolimitados_cbf_comunitária_2015Gestão problemas autolimitados_cbf_comunitária_2015
Gestão problemas autolimitados_cbf_comunitária_2015
 
Formação cuidado farmacêutico_crfmg_2015_final
Formação cuidado farmacêutico_crfmg_2015_finalFormação cuidado farmacêutico_crfmg_2015_final
Formação cuidado farmacêutico_crfmg_2015_final
 
Desevenvolvimento raciocínio clínico_cuidado_farmac_unifal_2015
Desevenvolvimento raciocínio clínico_cuidado_farmac_unifal_2015Desevenvolvimento raciocínio clínico_cuidado_farmac_unifal_2015
Desevenvolvimento raciocínio clínico_cuidado_farmac_unifal_2015
 
Farmacêutico clínico prescrição_farmacêutica_unifal_2015_final
Farmacêutico clínico prescrição_farmacêutica_unifal_2015_finalFarmacêutico clínico prescrição_farmacêutica_unifal_2015_final
Farmacêutico clínico prescrição_farmacêutica_unifal_2015_final
 

Último

Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................
paulo222341
 
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSHomens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
HELLEN CRISTINA
 
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfRELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
HELLEN CRISTINA
 
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion  ais.pdfrelatorio ciencias morfofuncion  ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
HELLEN CRISTINA
 

Último (7)

Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................
 
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSHomens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
 
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
 
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdfCrianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
 
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino FelisbertoAltas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
 
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfRELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
 
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion  ais.pdfrelatorio ciencias morfofuncion  ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
 

Evento educadores fala_mesa_redonda

  • 1. Angelita C. Melo Doutora em Saúde Pública Profa. Universidade Federal de São João Del-Rei Cuidado farmacêutico como modelo de prática e competências para a formação clínica nos cursos de Farmácia
  • 2. Farmácia ao longo dos tempos na sociedade • Profissão farmacêutica Milenar Adaptação Papéis sociais Universidades Sistema CFF/CRF’s Órgão sanitário
  • 3. Panorama atual • Postos de Trabalho Farmacêutico - 2012 (CFF, 2012)
  • 4. Formação • Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN): Resolução CNE/CES nº 02/2002 “formação deve ser generalista, crítica, humanista, reflexiva e articulada com as diretrizes do SUS (BRASIL, 2002).” • Perfil egresso: visão generalista, humanista, crítica e reflexiva, para atuar na promoção, proteção e recuperação da saúde, para atuar em todos os níveis da atenção à saúde, com base no rigor científico e intelectual. Capacitado ao exercício de atividades referentes aos fármacos, aos medicamentos e aos fitoterápicos, às análises clínicas e toxicológicas, ao controle, produção e análises de alimentos, e à assistência farmacêutica pautado em princípios éticos e na compreensão da realidade social, cultural e econômica do seu meio, dirigindo sua atuação para a transformação da realidade em benefício da sociedade
  • 5. Panorama do ensino (Brasil, 2012) (São Paulo, 2012)
  • 7. Pós-acesso Atividade fim Acesso aos medicamentos Atividade fim Atuação do farmacêutico no mundo Pesquisa, desenvolvimento e produção medicamentos Logística acesso a medicamentos Atender as necessidades de saúde do paciente Atender as necessidades de saúde do paciente
  • 8. Pós-acesso Atividade fim Acesso aos medicamentos Atividade fim Atuação do farmacêutico no mundo Pesquisa, desenvolvimento e produção medicamentos Logística acesso a medicamentos Atender as necessidades de saúde do paciente
  • 9. Atuação do Farmacêutico – Assistência Farmacêutica Atividades-fim ou de cuidado direto Atividades-fim ou de cuidado direto
  • 11. Acesso a produtos? Epidemia invisível: problemas associados ao uso de medicamentos
  • 12. Farmácia momento atual • Profissão farmacêutica Reflexão Mudança Universidades Sistema CFF/CRF’s Órgão sanitário
  • 13. Profissões, Serviços Farmacêuticos e Inserção no Sistema de Saúde Equipe multidisciplinar (BRASIL, 2014b; OTERO, DOMINGUEZ-GIL, 2000) Relevância Social
  • 14. Serviços Farmacêuticos Cooperação Processo de trabalho Conceitos Processo de trabalho+ (BRASIL, 2014b; OTERO, DOMINGUEZ-GIL, 2000)
  • 15. Atuação Clínica Resolução CFF 585 e 586/2013 Lei 13.021/2014
  • 16. Resolução CFF 585 – Atribuições Clínicas
  • 17. Resolução CFF 586 – Prescrição Farmacêutica
  • 18. Lei 13.021 - Exercício e fiscalização das atividades farmacêuticas
  • 19. Consulta Pública 02/2014 – Arcabouço conceitual serviços farmacêuticos
  • 20. Atuação Clínica do Farmacêutico Resultados terapêutica medicamentosa Tecnologia da informação de saúde Ensaios clínicos e assuntos regulatórios Gestão do Sistema de Saúde
  • 21. Farmácia Clínica • Área da farmácia voltada à ciência e prática do uso responsável de medicamentos, na qual os farmacêuticos prestam cuidado ao paciente, de forma a otimizar a farmacoterapia, promover saúde e bem-estar, e prevenir doenças. (CFF, 2013)
  • 22. Serviços Farmacêuticos direcionados ao paciente, família e comunidade Rastreamento em saúde Revisão da Farmacoterapia Conciliação Acompanhamento Farmacoterapêutico Dispensação Manejo de uma condição autolimitada
  • 23. • SERVIÇOS FARMACÊUTICOS Domicílio do paciente Consultório farmacêuticoFarmácias Atenção Primária à Saúde Atenção Terciária à Saúde Atenção Secundária à Saúde
  • 24. Renovação de registro Certificação Regras de mudança ou expansão da atuação Padrões de avaliação de performance Relevância Profissional Competências PadrãodeCompetência Graduação Certificação Farmacêutico FARMACÊUTICO Prática profissional Descrição trabalho Diretrizes Curriculares
  • 27. Como chegar às competências? Há fórmulas mágicas?
  • 29. Obrigada! angelitamelo@ufsj.edu.br Tenho em mim todos os sonhos do mundo. Fernando Pessoa angelitamelo@ufsj.edu.br
  • 30. Necessidade de saúde do paciente, família e comunidade Serviços de saúde Serviços farmacêuticos Serviços relacionados ao medicamento P&D,produção Gestãologística Serviços diretamente relacionados ao paciente, à família e à comunidade Rastreamento em saúde Educação em saúde Manejo de problema de saúde autolimitado Conciliação de medicamentos Revisão da Farmacoterapia Acompanhamento farmacoterapêutico Dispensação Procedimentos Atividades-fim ou de cuidado direto