SlideShare uma empresa Scribd logo
Maristela Carneiro
Pressupostos Relevantes:
  Muito se comenta que há diferentes princípios, formas e processos de

    observação que poderiam ajudar no ensino de crianças especiais.

Quanto mais conhecimento o professor tem acerca do estudante, maior é a
  adequação de suas propostas de ensino e a sua segurança para promover
                    o desenvolvimento de seus alunos.

            (BIRKENSHAW-FLEMING apud JOLY, 1993, p. 80).
Pressupostos Relevantes:


           É necessário investigar a utilização de determinados

procedimentos e estratégias em educação musical no universo da educação
 inclusiva, através de uma metodologia envolvendo jogos e brincadeiras, os
  quais proporcionam de maneira prazerosa, o desenvolvimento cognitivo
           musical e corporal dos sujeitos inseridos no processo.
Perguntas:

Há diferença significativa no processo ensino-aprendizagem de música para
                    alunos com necessidades especiais?



    Temos princípios, olhares e propostas específicas para esse grupo
                               educacional?



          De que maneira deve ser concebida a aula de música?
Existe uma estreita relação entre música, educação e as pessoas com

                          necessidades especiais.

      Assim, as atividades musicais têm papel importante na formação

e no desenvolvimento do individuo como um todo, justificando sua inclusão no

                       contexto educacional e social.

          Muitas manifestações artísticas, especialmente a música,

aparecem com predominância em relatos de experiências e de pesquisas, como

propulsora de aspectos relacionados com a qualidade de vida e na mudança de

      comportamento de pessoas portadoras de necessidades especiais.
A rítmica musical: uma experiência a partir de Dalcroze e Orff

 O aprendizado da rítmica corporal e instrumental são elementos imprescindíveis

 em atividades musicais, do mesmo modo que a criação é importante para que os
  alunos possam vivenciar de forma integral as informações e o conhecimento em
             música, realizada mediante avaliação continua e formativa.

O ensino de música deve ser construído a partir do fazer musical e da realidade dos
    alunos, contemplando seus interesses, preferências e saberes, desenvolvendo
    habilidades, atitudes e valores considerados necessários para a formação do
                              individuo como cidadão.

                       (DEL BEN; HENTSCHKE, 2002, p. 50).
Para Dalcroze e Orff, o ensino da música parte do desenvolvimento rítmico.

        Dalcroze coloca a rítmica, como uma linguagem corporal através da qual são

       relacionados os ritmos musicais, com papel de destaque na Educação Musical.

Em sua experiência enquanto educador, percebeu que os alunos realizavam a música de forma

   mecânica, desprovida de sensibilidade, realizando os ritmos de forma artificial, levando

  o autor a criar em 1903 a Eurritmia. Esse método propõe a percepção rítmica através da

       sensibilidade, para que se distingam os componentes musicais como dinâmica,

     compasso, frase, entre outros. É desenvolvido pela repetição de exercícios e pelos

    ritmos naturais do corpo, além de que, aperfeiçoa a memória e enriquece o cérebro.

   O registro através do corpo propicia uma fixação profunda e racional da aprendizagem,

    por isso é muito importante o aluno vivenciar todas as potencialidades do corpo com

     acuidade e concentração, para conseguir compreender e dominar com precisão os

                            movimentos. (GOULART, 2004, p. 3).
Para Orff, a base de seu método é o ritmo da linguagem, a palavra representa a

                                célula geradora.



         O método Orff nos legou três importantes caminhos, a saber:

O primeiro refere-se à descoberta do ritmo da palavra em todo o seu potencial,

o segundo diz respeito ao ritmo no corpo transformando-o num instrumento de
            percussão, e por ultimo, o uso do instrumental especifico.



Somamos as estes três pilares, a valorização e o resgate do folclore, presente em
   todos os momentos, além da ênfase nos exercícios de criação e improvisação.
Por onde começar:


♪ Atividades específicas, com movimentos corporais e os instrumentos de percussão.

♪ Dinâmicas de iniciação rítmica com uma abordagem adequada para familiarizar os

alunos com esses conteúdos.

♪ Atividades que desenvolvam a coordenação motora a partir do som e do silêncio
  em música.

♪ Atividades que envolvam o pulso em andamentos lento, moderado e rápido

♪ O canto e a livre expressão corporal
Referências:

 DEL BEM, L.;HENTSCHKE L. Educação Musical escolar: uma investigação a partir

das concepções de três professoras de música. Revista da ABEM. Porto Alegre, n. 7,

2002, p. 49-57
 FONTES, A. A. N. Olha a Bernúncia. In: Anuário de Itajaí. Itajaí: PMI, 1959, p. 155-

156.
 GOULART, D. Quatro educadores. Disponível em:

http://www.dianagoulart.pro.br/bibliot/dkos.htm. Acesso em: nov. 2007.
 JOLY, I. Z. L. Musica e Educação Especial: uma possibilidade concreta para
   promover

o desenvolvimento de indivíduos. Revista Educação. V. 28, N. 2, São Paulo: UFSCar,

2003.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Propostas dos educadores musicais da primeira e segunda gerações e suas apli...
Propostas dos educadores musicais da primeira e segunda gerações  e suas apli...Propostas dos educadores musicais da primeira e segunda gerações  e suas apli...
Propostas dos educadores musicais da primeira e segunda gerações e suas apli...
Rita Dias
 
04 pp em 2016 dalcroze e kodaly power point editado
04   pp em 2016 dalcroze e kodaly power point editado04   pp em 2016 dalcroze e kodaly power point editado
04 pp em 2016 dalcroze e kodaly power point editado
Debora Batista
 
Edgar willems
Edgar willemsEdgar willems
A musica o aluno e a sala de aula formação
A musica o aluno e a sala de aula formaçãoA musica o aluno e a sala de aula formação
A musica o aluno e a sala de aula formação
paulamarciabel
 
A INFLUÊNCIA DOS PRINCIPAIS PEDAGOGOS MUSICAIS DA PRIMEIRA GERAÇÃO NA PRÁTICA...
A INFLUÊNCIA DOS PRINCIPAIS PEDAGOGOS MUSICAIS DA PRIMEIRA GERAÇÃO NA PRÁTICA...A INFLUÊNCIA DOS PRINCIPAIS PEDAGOGOS MUSICAIS DA PRIMEIRA GERAÇÃO NA PRÁTICA...
A INFLUÊNCIA DOS PRINCIPAIS PEDAGOGOS MUSICAIS DA PRIMEIRA GERAÇÃO NA PRÁTICA...
Gisele Laura Haddad
 
MÚSICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL
MÚSICA NA EDUCAÇÃO INFANTILMÚSICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL
MÚSICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL
Cmei Cecilia Meireles
 
Apresentação da Disciplina de Música
Apresentação da Disciplina de MúsicaApresentação da Disciplina de Música
Apresentação da Disciplina de Música
Paulo1976
 
Carl orff
Carl orffCarl orff
Carl orff
jjrt
 
A Importância da música na Educação Infantil
A Importância da música na Educação InfantilA Importância da música na Educação Infantil
A Importância da música na Educação Infantil
Ainsf Eder Dalberto
 
Sons e Vínculos Capacitação Musical para Professores
Sons e Vínculos Capacitação Musical para ProfessoresSons e Vínculos Capacitação Musical para Professores
Sons e Vínculos Capacitação Musical para Professores
ZRG SONS&VÍNCULOS
 
Ppt musica
Ppt musicaPpt musica
Ppt musica
Ellen Simas
 
Planejamento: Canto Coral
Planejamento: Canto CoralPlanejamento: Canto Coral
Planejamento: Canto Coral
vaniafoliva
 
Brinquedos Cantados fundamentos
Brinquedos Cantados fundamentosBrinquedos Cantados fundamentos
Brinquedos Cantados fundamentos
silvia gomes
 
Musica na Educação Infantil
Musica  na  Educação InfantilMusica  na  Educação Infantil
Musica na Educação Infantil
lucavao2010
 
Brito, teca a.música na educação infantil resenha
Brito, teca a.música na educação infantil   resenhaBrito, teca a.música na educação infantil   resenha
Brito, teca a.música na educação infantil resenha
CarlosEdMusical
 
Música na Infância
Música na InfânciaMúsica na Infância
Música na Infância
Leonardo Nunes
 
A Importância da Música na Escola
A Importância da Música na EscolaA Importância da Música na Escola
A Importância da Música na Escola
Belister Paulino
 
Projeto Música na escola
Projeto Música na escolaProjeto Música na escola
Projeto Música na escola
Venicio Borges
 
Importancia da musica
Importancia da musicaImportancia da musica
Importancia da musica
PTAI
 
Slides Musicalização
Slides MusicalizaçãoSlides Musicalização
Slides Musicalização
ntm.pedagogico
 

Mais procurados (20)

Propostas dos educadores musicais da primeira e segunda gerações e suas apli...
Propostas dos educadores musicais da primeira e segunda gerações  e suas apli...Propostas dos educadores musicais da primeira e segunda gerações  e suas apli...
Propostas dos educadores musicais da primeira e segunda gerações e suas apli...
 
04 pp em 2016 dalcroze e kodaly power point editado
04   pp em 2016 dalcroze e kodaly power point editado04   pp em 2016 dalcroze e kodaly power point editado
04 pp em 2016 dalcroze e kodaly power point editado
 
Edgar willems
Edgar willemsEdgar willems
Edgar willems
 
A musica o aluno e a sala de aula formação
A musica o aluno e a sala de aula formaçãoA musica o aluno e a sala de aula formação
A musica o aluno e a sala de aula formação
 
A INFLUÊNCIA DOS PRINCIPAIS PEDAGOGOS MUSICAIS DA PRIMEIRA GERAÇÃO NA PRÁTICA...
A INFLUÊNCIA DOS PRINCIPAIS PEDAGOGOS MUSICAIS DA PRIMEIRA GERAÇÃO NA PRÁTICA...A INFLUÊNCIA DOS PRINCIPAIS PEDAGOGOS MUSICAIS DA PRIMEIRA GERAÇÃO NA PRÁTICA...
A INFLUÊNCIA DOS PRINCIPAIS PEDAGOGOS MUSICAIS DA PRIMEIRA GERAÇÃO NA PRÁTICA...
 
MÚSICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL
MÚSICA NA EDUCAÇÃO INFANTILMÚSICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL
MÚSICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL
 
Apresentação da Disciplina de Música
Apresentação da Disciplina de MúsicaApresentação da Disciplina de Música
Apresentação da Disciplina de Música
 
Carl orff
Carl orffCarl orff
Carl orff
 
A Importância da música na Educação Infantil
A Importância da música na Educação InfantilA Importância da música na Educação Infantil
A Importância da música na Educação Infantil
 
Sons e Vínculos Capacitação Musical para Professores
Sons e Vínculos Capacitação Musical para ProfessoresSons e Vínculos Capacitação Musical para Professores
Sons e Vínculos Capacitação Musical para Professores
 
Ppt musica
Ppt musicaPpt musica
Ppt musica
 
Planejamento: Canto Coral
Planejamento: Canto CoralPlanejamento: Canto Coral
Planejamento: Canto Coral
 
Brinquedos Cantados fundamentos
Brinquedos Cantados fundamentosBrinquedos Cantados fundamentos
Brinquedos Cantados fundamentos
 
Musica na Educação Infantil
Musica  na  Educação InfantilMusica  na  Educação Infantil
Musica na Educação Infantil
 
Brito, teca a.música na educação infantil resenha
Brito, teca a.música na educação infantil   resenhaBrito, teca a.música na educação infantil   resenha
Brito, teca a.música na educação infantil resenha
 
Música na Infância
Música na InfânciaMúsica na Infância
Música na Infância
 
A Importância da Música na Escola
A Importância da Música na EscolaA Importância da Música na Escola
A Importância da Música na Escola
 
Projeto Música na escola
Projeto Música na escolaProjeto Música na escola
Projeto Música na escola
 
Importancia da musica
Importancia da musicaImportancia da musica
Importancia da musica
 
Slides Musicalização
Slides MusicalizaçãoSlides Musicalização
Slides Musicalização
 

Semelhante a Educação musical e pne

A importancia da musica
A importancia da musicaA importancia da musica
A importancia da musica
Fabiana Mourão
 
2 Slide PALESTRA IFCE - MUSICA E SURDEZ - Prof. Gueidson (cópia para os aluno...
2 Slide PALESTRA IFCE - MUSICA E SURDEZ - Prof. Gueidson (cópia para os aluno...2 Slide PALESTRA IFCE - MUSICA E SURDEZ - Prof. Gueidson (cópia para os aluno...
2 Slide PALESTRA IFCE - MUSICA E SURDEZ - Prof. Gueidson (cópia para os aluno...
JooVitorFariasUFC
 
#6 paulo ulrich julho 2014
#6 paulo ulrich   julho 2014#6 paulo ulrich   julho 2014
#6 paulo ulrich julho 2014
Paulo Ulrich
 
Monografia Cícero Pedagogia 2010
Monografia Cícero Pedagogia 2010Monografia Cícero Pedagogia 2010
Monografia Cícero Pedagogia 2010
Biblioteca Campus VII
 
Artigo tcc paula
Artigo tcc paulaArtigo tcc paula
Artigo tcc paula
Paula Mello
 
Dança na escola expressão pelo movimento
Dança na escola expressão pelo movimentoDança na escola expressão pelo movimento
Dança na escola expressão pelo movimento
Marleila Barros
 
Caderno de mùsica mec
Caderno de mùsica mecCaderno de mùsica mec
Caderno de mùsica mec
Prefeitura de Palmas
 
Caderno de Musicalização - Canto e Flauta Doce
Caderno de Musicalização - Canto e Flauta DoceCaderno de Musicalização - Canto e Flauta Doce
Caderno de Musicalização - Canto e Flauta Doce
Partitura de Banda
 
Educação musical pp
Educação musical ppEducação musical pp
Educação musical pp
Alexandro Rodrigues
 
Atividades, projetos e sequências didáticas projeto música e movimento na ed...
Atividades, projetos e sequências didáticas  projeto música e movimento na ed...Atividades, projetos e sequências didáticas  projeto música e movimento na ed...
Atividades, projetos e sequências didáticas projeto música e movimento na ed...
Arnaldo Alves
 
MÚSICA UMA INTRODUÇÃO À PESQUISA EM MÚSICA
MÚSICA UMA INTRODUÇÃO À PESQUISA EM MÚSICAMÚSICA UMA INTRODUÇÃO À PESQUISA EM MÚSICA
MÚSICA UMA INTRODUÇÃO À PESQUISA EM MÚSICA
erlondantasdanobrega
 
ALTERNATIVAS PEDAGÓGICAS NA FORMAÇÃO DO PROFESSORADO DE MÚSICA
ALTERNATIVAS PEDAGÓGICAS NA FORMAÇÃO DO PROFESSORADO DE MÚSICAALTERNATIVAS PEDAGÓGICAS NA FORMAÇÃO DO PROFESSORADO DE MÚSICA
ALTERNATIVAS PEDAGÓGICAS NA FORMAÇÃO DO PROFESSORADO DE MÚSICA
ProfessorPrincipiante
 
Música na educação infantil (2)
Música na educação infantil (2)Música na educação infantil (2)
Música na educação infantil (2)
Roseli Angulo
 
Música na educação infantil (2)
Música na educação infantil (2)Música na educação infantil (2)
Música na educação infantil (2)
Flávia Oliveira
 
METODOLOGIA-BASICA-NO-ENSINO-DA-MUSICA.pdf
METODOLOGIA-BASICA-NO-ENSINO-DA-MUSICA.pdfMETODOLOGIA-BASICA-NO-ENSINO-DA-MUSICA.pdf
METODOLOGIA-BASICA-NO-ENSINO-DA-MUSICA.pdf
WagnerAbreu21
 
Artigo o papel do ensino de musica na esducacao infantil finalizado
Artigo   o papel do ensino de musica na esducacao infantil finalizadoArtigo   o papel do ensino de musica na esducacao infantil finalizado
Artigo o papel do ensino de musica na esducacao infantil finalizado
AlanWillianLeonioSil
 
Sophia, ppt ufrgs 2013
Sophia, ppt ufrgs 2013Sophia, ppt ufrgs 2013
Sophia, ppt ufrgs 2013
pibiduergsmontenegro
 
Maria claudionora
Maria claudionoraMaria claudionora
Maria claudionora
Fernando Pissuto
 
Maria solange
Maria solangeMaria solange
Maria solange
Fernando Pissuto
 
Iniciação musical com introdução ao violão
Iniciação musical com introdução ao violãoIniciação musical com introdução ao violão
Iniciação musical com introdução ao violão
MARCOS ARCANJO MARTINS
 

Semelhante a Educação musical e pne (20)

A importancia da musica
A importancia da musicaA importancia da musica
A importancia da musica
 
2 Slide PALESTRA IFCE - MUSICA E SURDEZ - Prof. Gueidson (cópia para os aluno...
2 Slide PALESTRA IFCE - MUSICA E SURDEZ - Prof. Gueidson (cópia para os aluno...2 Slide PALESTRA IFCE - MUSICA E SURDEZ - Prof. Gueidson (cópia para os aluno...
2 Slide PALESTRA IFCE - MUSICA E SURDEZ - Prof. Gueidson (cópia para os aluno...
 
#6 paulo ulrich julho 2014
#6 paulo ulrich   julho 2014#6 paulo ulrich   julho 2014
#6 paulo ulrich julho 2014
 
Monografia Cícero Pedagogia 2010
Monografia Cícero Pedagogia 2010Monografia Cícero Pedagogia 2010
Monografia Cícero Pedagogia 2010
 
Artigo tcc paula
Artigo tcc paulaArtigo tcc paula
Artigo tcc paula
 
Dança na escola expressão pelo movimento
Dança na escola expressão pelo movimentoDança na escola expressão pelo movimento
Dança na escola expressão pelo movimento
 
Caderno de mùsica mec
Caderno de mùsica mecCaderno de mùsica mec
Caderno de mùsica mec
 
Caderno de Musicalização - Canto e Flauta Doce
Caderno de Musicalização - Canto e Flauta DoceCaderno de Musicalização - Canto e Flauta Doce
Caderno de Musicalização - Canto e Flauta Doce
 
Educação musical pp
Educação musical ppEducação musical pp
Educação musical pp
 
Atividades, projetos e sequências didáticas projeto música e movimento na ed...
Atividades, projetos e sequências didáticas  projeto música e movimento na ed...Atividades, projetos e sequências didáticas  projeto música e movimento na ed...
Atividades, projetos e sequências didáticas projeto música e movimento na ed...
 
MÚSICA UMA INTRODUÇÃO À PESQUISA EM MÚSICA
MÚSICA UMA INTRODUÇÃO À PESQUISA EM MÚSICAMÚSICA UMA INTRODUÇÃO À PESQUISA EM MÚSICA
MÚSICA UMA INTRODUÇÃO À PESQUISA EM MÚSICA
 
ALTERNATIVAS PEDAGÓGICAS NA FORMAÇÃO DO PROFESSORADO DE MÚSICA
ALTERNATIVAS PEDAGÓGICAS NA FORMAÇÃO DO PROFESSORADO DE MÚSICAALTERNATIVAS PEDAGÓGICAS NA FORMAÇÃO DO PROFESSORADO DE MÚSICA
ALTERNATIVAS PEDAGÓGICAS NA FORMAÇÃO DO PROFESSORADO DE MÚSICA
 
Música na educação infantil (2)
Música na educação infantil (2)Música na educação infantil (2)
Música na educação infantil (2)
 
Música na educação infantil (2)
Música na educação infantil (2)Música na educação infantil (2)
Música na educação infantil (2)
 
METODOLOGIA-BASICA-NO-ENSINO-DA-MUSICA.pdf
METODOLOGIA-BASICA-NO-ENSINO-DA-MUSICA.pdfMETODOLOGIA-BASICA-NO-ENSINO-DA-MUSICA.pdf
METODOLOGIA-BASICA-NO-ENSINO-DA-MUSICA.pdf
 
Artigo o papel do ensino de musica na esducacao infantil finalizado
Artigo   o papel do ensino de musica na esducacao infantil finalizadoArtigo   o papel do ensino de musica na esducacao infantil finalizado
Artigo o papel do ensino de musica na esducacao infantil finalizado
 
Sophia, ppt ufrgs 2013
Sophia, ppt ufrgs 2013Sophia, ppt ufrgs 2013
Sophia, ppt ufrgs 2013
 
Maria claudionora
Maria claudionoraMaria claudionora
Maria claudionora
 
Maria solange
Maria solangeMaria solange
Maria solange
 
Iniciação musical com introdução ao violão
Iniciação musical com introdução ao violãoIniciação musical com introdução ao violão
Iniciação musical com introdução ao violão
 

Mais de Patricia Bampi

Altas habilidades/Superdotação
Altas habilidades/SuperdotaçãoAltas habilidades/Superdotação
Altas habilidades/Superdotação
Patricia Bampi
 
Altas habilidades
Altas habilidadesAltas habilidades
Altas habilidades
Patricia Bampi
 
A importância de brincar com jogos
A importância de brincar com jogosA importância de brincar com jogos
A importância de brincar com jogos
Patricia Bampi
 
Sala de recursos
Sala de recursos Sala de recursos
Sala de recursos
Patricia Bampi
 
Sala de recursos da Elisete
Sala de recursos da  EliseteSala de recursos da  Elisete
Sala de recursos da Elisete
Patricia Bampi
 
Acessibilidade no windows xp
Acessibilidade no windows xpAcessibilidade no windows xp
Acessibilidade no windows xp
Patricia Bampi
 
Jogos Educativos
Jogos EducativosJogos Educativos
Jogos Educativos
Patricia Bampi
 
Projeto: Habilidades de vida na escola
Projeto: Habilidades de vida na escolaProjeto: Habilidades de vida na escola
Projeto: Habilidades de vida na escola
Patricia Bampi
 
Plano de Ação do AEE
Plano de Ação do AEEPlano de Ação do AEE
Plano de Ação do AEE
Patricia Bampi
 
Tecnologias Assistivas
Tecnologias AssistivasTecnologias Assistivas
Tecnologias Assistivas
Patricia Bampi
 
Inclusão: Um caminho sem volta
Inclusão: Um caminho sem voltaInclusão: Um caminho sem volta
Inclusão: Um caminho sem volta
Patricia Bampi
 
Album Identidade Érica
Album Identidade ÉricaAlbum Identidade Érica
Album Identidade Érica
Patricia Bampi
 
Album Identidade Éderson
Album Identidade ÉdersonAlbum Identidade Éderson
Album Identidade Éderson
Patricia Bampi
 
Passo a passo publicar apresentação no slideshare
Passo a passo  publicar apresentação no slidesharePasso a passo  publicar apresentação no slideshare
Passo a passo publicar apresentação no slideshare
Patricia Bampi
 
Apresentação da Oficina de Blog - NTE Caxias do Sul
Apresentação da Oficina de Blog - NTE Caxias do SulApresentação da Oficina de Blog - NTE Caxias do Sul
Apresentação da Oficina de Blog - NTE Caxias do Sul
Patricia Bampi
 
Slide de apresentação da oficina de blog
Slide de apresentação da oficina de blogSlide de apresentação da oficina de blog
Slide de apresentação da oficina de blog
Patricia Bampi
 

Mais de Patricia Bampi (16)

Altas habilidades/Superdotação
Altas habilidades/SuperdotaçãoAltas habilidades/Superdotação
Altas habilidades/Superdotação
 
Altas habilidades
Altas habilidadesAltas habilidades
Altas habilidades
 
A importância de brincar com jogos
A importância de brincar com jogosA importância de brincar com jogos
A importância de brincar com jogos
 
Sala de recursos
Sala de recursos Sala de recursos
Sala de recursos
 
Sala de recursos da Elisete
Sala de recursos da  EliseteSala de recursos da  Elisete
Sala de recursos da Elisete
 
Acessibilidade no windows xp
Acessibilidade no windows xpAcessibilidade no windows xp
Acessibilidade no windows xp
 
Jogos Educativos
Jogos EducativosJogos Educativos
Jogos Educativos
 
Projeto: Habilidades de vida na escola
Projeto: Habilidades de vida na escolaProjeto: Habilidades de vida na escola
Projeto: Habilidades de vida na escola
 
Plano de Ação do AEE
Plano de Ação do AEEPlano de Ação do AEE
Plano de Ação do AEE
 
Tecnologias Assistivas
Tecnologias AssistivasTecnologias Assistivas
Tecnologias Assistivas
 
Inclusão: Um caminho sem volta
Inclusão: Um caminho sem voltaInclusão: Um caminho sem volta
Inclusão: Um caminho sem volta
 
Album Identidade Érica
Album Identidade ÉricaAlbum Identidade Érica
Album Identidade Érica
 
Album Identidade Éderson
Album Identidade ÉdersonAlbum Identidade Éderson
Album Identidade Éderson
 
Passo a passo publicar apresentação no slideshare
Passo a passo  publicar apresentação no slidesharePasso a passo  publicar apresentação no slideshare
Passo a passo publicar apresentação no slideshare
 
Apresentação da Oficina de Blog - NTE Caxias do Sul
Apresentação da Oficina de Blog - NTE Caxias do SulApresentação da Oficina de Blog - NTE Caxias do Sul
Apresentação da Oficina de Blog - NTE Caxias do Sul
 
Slide de apresentação da oficina de blog
Slide de apresentação da oficina de blogSlide de apresentação da oficina de blog
Slide de apresentação da oficina de blog
 

Último

Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
pattyhsilva271204
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Mary Alvarenga
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
AngelicaCostaMeirele2
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Mary Alvarenga
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Mary Alvarenga
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
jetroescola
 
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 

Último (20)

Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
 
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 

Educação musical e pne

  • 2. Pressupostos Relevantes: Muito se comenta que há diferentes princípios, formas e processos de observação que poderiam ajudar no ensino de crianças especiais. Quanto mais conhecimento o professor tem acerca do estudante, maior é a adequação de suas propostas de ensino e a sua segurança para promover o desenvolvimento de seus alunos. (BIRKENSHAW-FLEMING apud JOLY, 1993, p. 80).
  • 3. Pressupostos Relevantes: É necessário investigar a utilização de determinados procedimentos e estratégias em educação musical no universo da educação inclusiva, através de uma metodologia envolvendo jogos e brincadeiras, os quais proporcionam de maneira prazerosa, o desenvolvimento cognitivo musical e corporal dos sujeitos inseridos no processo.
  • 4. Perguntas: Há diferença significativa no processo ensino-aprendizagem de música para alunos com necessidades especiais? Temos princípios, olhares e propostas específicas para esse grupo educacional? De que maneira deve ser concebida a aula de música?
  • 5. Existe uma estreita relação entre música, educação e as pessoas com necessidades especiais. Assim, as atividades musicais têm papel importante na formação e no desenvolvimento do individuo como um todo, justificando sua inclusão no contexto educacional e social. Muitas manifestações artísticas, especialmente a música, aparecem com predominância em relatos de experiências e de pesquisas, como propulsora de aspectos relacionados com a qualidade de vida e na mudança de comportamento de pessoas portadoras de necessidades especiais.
  • 6. A rítmica musical: uma experiência a partir de Dalcroze e Orff O aprendizado da rítmica corporal e instrumental são elementos imprescindíveis em atividades musicais, do mesmo modo que a criação é importante para que os alunos possam vivenciar de forma integral as informações e o conhecimento em música, realizada mediante avaliação continua e formativa. O ensino de música deve ser construído a partir do fazer musical e da realidade dos alunos, contemplando seus interesses, preferências e saberes, desenvolvendo habilidades, atitudes e valores considerados necessários para a formação do individuo como cidadão. (DEL BEN; HENTSCHKE, 2002, p. 50).
  • 7. Para Dalcroze e Orff, o ensino da música parte do desenvolvimento rítmico. Dalcroze coloca a rítmica, como uma linguagem corporal através da qual são relacionados os ritmos musicais, com papel de destaque na Educação Musical. Em sua experiência enquanto educador, percebeu que os alunos realizavam a música de forma mecânica, desprovida de sensibilidade, realizando os ritmos de forma artificial, levando o autor a criar em 1903 a Eurritmia. Esse método propõe a percepção rítmica através da sensibilidade, para que se distingam os componentes musicais como dinâmica, compasso, frase, entre outros. É desenvolvido pela repetição de exercícios e pelos ritmos naturais do corpo, além de que, aperfeiçoa a memória e enriquece o cérebro. O registro através do corpo propicia uma fixação profunda e racional da aprendizagem, por isso é muito importante o aluno vivenciar todas as potencialidades do corpo com acuidade e concentração, para conseguir compreender e dominar com precisão os movimentos. (GOULART, 2004, p. 3).
  • 8. Para Orff, a base de seu método é o ritmo da linguagem, a palavra representa a célula geradora. O método Orff nos legou três importantes caminhos, a saber: O primeiro refere-se à descoberta do ritmo da palavra em todo o seu potencial, o segundo diz respeito ao ritmo no corpo transformando-o num instrumento de percussão, e por ultimo, o uso do instrumental especifico. Somamos as estes três pilares, a valorização e o resgate do folclore, presente em todos os momentos, além da ênfase nos exercícios de criação e improvisação.
  • 9. Por onde começar: ♪ Atividades específicas, com movimentos corporais e os instrumentos de percussão. ♪ Dinâmicas de iniciação rítmica com uma abordagem adequada para familiarizar os alunos com esses conteúdos. ♪ Atividades que desenvolvam a coordenação motora a partir do som e do silêncio em música. ♪ Atividades que envolvam o pulso em andamentos lento, moderado e rápido ♪ O canto e a livre expressão corporal
  • 10. Referências:  DEL BEM, L.;HENTSCHKE L. Educação Musical escolar: uma investigação a partir das concepções de três professoras de música. Revista da ABEM. Porto Alegre, n. 7, 2002, p. 49-57  FONTES, A. A. N. Olha a Bernúncia. In: Anuário de Itajaí. Itajaí: PMI, 1959, p. 155- 156.  GOULART, D. Quatro educadores. Disponível em: http://www.dianagoulart.pro.br/bibliot/dkos.htm. Acesso em: nov. 2007.  JOLY, I. Z. L. Musica e Educação Especial: uma possibilidade concreta para promover o desenvolvimento de indivíduos. Revista Educação. V. 28, N. 2, São Paulo: UFSCar, 2003.