SlideShare uma empresa Scribd logo
Dia da Mulher
08 de março
História
• a ideia de celebrar um dia da mulher já havia surgido desde os primeiros anos do século
XX, nos Estados Unidos e na Europa, no contexto das lutas de mulheres por melhores
condições de vida e trabalho, bem como pelo direito de voto.
• No Ocidente, o Dia Internacional da Mulher foi comemorado no início do século, até
a década de 1920.
• Na antiga União Soviética, durante o stalinismo, o Dia Internacional da Mulher tornou-se
elemento de propaganda partidária.
• O primeiro Dia Internacional da Mulher foi celebrado em 28 de fevereiro de 1909 nos
Estados Unidos, por iniciativa do Partido Socialista da América.
• No Ocidente, o Dia Internacional da Mulher foi comemorado durante as décadas de 1910 e
1920. Posteriormente, a data caiu no esquecimento e só foi recuperada pelo movimento
feminista, já na década de 1960, sendo, afinal, adotado pelas Nações Unidas, em 1977.
• Esta data 08 de março, é ligada a uma proposta feita em 1910, pela líder comunista alemã
Clara Zetkin, durante o II Congresso Internacional de Mulheres Socialistas para lembrar
operárias mortas durante um incêndio que ocorreu em uma fábrica em Nova York, em 25
de março de 1857.
• Na Rússia, as comemorações do Dia Internacional da Mulher foram o estopim da
Revolução russa de 1917. Em 8 de março de 1917 (23 de fevereiro pelo calendário juliano),
a greve das operárias da indústria têxtil contra a fome, contra o czar Nicolau II e contra a
participação do país na Primeira Guerra Mundial precipitou os acontecimentos que
resultaram na Revolução de Fevereiro.
Algumas mulheres
importantes• Rosa Parks: Essa americana afro-descendente e franzina
desencadeou uma das mais poderosas reações em cadeia da
história. Ao pegar um ônibus na cidade de Montgomery,
Alabama, e se recusar a ceder seu lugar a um branco, Rosa
iniciou uma sucessão de fatos: a menina que nasceu com
problemas de saúde e resolveu lutar por seus direitos
catalisou, nas palavras de Martin Luther King, o movimento
negro americano e trouxe atenção internacional à causa.
• Nise da Silveira: tratamento digno para doentes mentais. Foi
assim que Nise Silveira escreveu seu nome na história
brasileira. Contrária aos manicômios e a técnicas como a
lobotomia, essa mulher inspira quem busca justiça para
minorias tratadas sem humanidade. O uso da arte e de
animais de estimação no tratamento psiquiátrico,
introduzidos por Nise, são usados para dar a pessoas
diferentes um tratamento igual ao que todos merecem:
humano e positivo.
Mulheres importantes
• Hatshepsut - foi a primeira faraó (mulher) da história,
conseguiu esse título após vencer muitos obstáculos.
Governou o Egito sozinha por 22 anos, na época o Estado era
um dos mais ricos. morreu no ano 1482 a.C.
• Joana D’arc – libertou a França do jugo inglês.
• Rainha Vitória, a responsável pela aceleração industrial
inglesa, pelo fim da escravidão no Império britânico e por leis
que ajudaram os trabalhadores.
Mulheres de Santa Catarina
• Anita Garibaldi - A trajetória de uma importante
revolucionária do século XIX.
• Antonieta de Barros - Nascida em 11 de julho de 1901,
Antonieta de Barros foi a primeira mulher a integrar a
Assembleia Legislativa de Santa Catarina. Educadora e
jornalista atuante, teve que romper muitas barreiras para
conquistar espaços que, em seu tempo, eram inusitados para
as mulheres – e mais ainda para uma mulher negra.
• Ideli Salvatti – Uma das mulheres mais poderosas do pais –
Dilma, Glesi Hofmman, Ellem Gracie, Gisele Bunchen e Graça
Foster
Mulheres em SC
• SC se destaca por liderança feminina
• O Great Place To Work pesquisa o mercado corporativo no
Brasil desde 1997, e hoje avalia 20 regiões. Na pesquisa feita
pela revista Amanhã em parceria o instituto Great Place To
Work, a estreia de SC na lista apresenta um dado
diferenciado: 51% dos cargos de gestão nas empresas são
ocupados por mulheres. O percentual é superior à média
nacional, que fica em 33%.
• Fonte: Diário Catarinense de 06/03.
Qual a mulher mais
importante?
•Para nós espíritas, qual?
• Maria, Amelie Gabriele Boudet, Maria de
Magdala, Joanna de Angelis, irmãs Fox, Meimei?
Espíritos
• 76 Que definição se pode dar dos Espíritos?
• – Pode-se dizer que os Espíritos são os seres inteligentes da Criação.
Eles povoam o universo, fora do mundo material.
• 88 Os Espíritos têm uma forma determinada, limitada e constante?
• – A vossos olhos, não; aos nossos, sim. O Espírito é, se quiserdes,
uma chama, um clarão ou uma centelha etérea.
• 115 Dentre os Espíritos, alguns foram criados bons e outros maus?
• – Deus criou todos os Espíritos simples e ignorantes, ou seja, sem
conhecimento. Deu a cada um uma missão com o objetivo de
esclarecê-los e de fazê-los chegar, progressivamente, à perfeição
pelo conhecimento da verdade e para aproximá-los de Si. A
felicidade eterna e pura é para os que alcançam essa perfeição. Os
Espíritos adquirem esses conhecimentos ao passar pelas provas que
a Lei Divina lhes impõe. Uns aceitam essas provas com submissão e
chegam mais depressa ao objetivo que lhes é destinado. Outros
somente as suportam com lamentação e por causa dessa falta
permanecem mais tempo afastados da perfeição e da felicidade
prometida.
Sexo nos Espíritos
• 200 Os Espíritos têm sexo?
• – Não como o entendeis, porque o sexo depende do organismo
físico. Existe entre eles amor e simpatia, mas fundados na
identidade dos sentimentos.
• 201 O Espírito que animou o corpo de um homem pode, em uma
nova existência, animar o de uma mulher e vice-versa?
• – Sim, são os mesmos Espíritos que animam os homens e as
mulheres.
• 202 Quando está na erraticidade, o Espírito prefere encarnar no
corpo de um homem ou de uma mulher?
• – Isso pouco importa ao Espírito. Depende das provas que deve
suportar.
• ☼ Os Espíritos encarnam como homens ou mulheres, porque não
têm sexo. Como devem progredir em tudo, cada sexo, assim como
cada posição social, lhes oferece provas, deveres especiais e a
ocasião de adquirir experiência. Aquele que encarnasse sempre
como homem apenas saberia o que sabem os homens.
Encarnações de Chico Xavier
• Hatshepsut (Egito) (aproximadamente de 1490 AC a 1450
AC)
• Chams (Egito) (por volta de 800 AC)
• Lucina (Roma-Itália) (aproximadamente 60 AC)
• Flavia Cornélia (Roma-Itália) (de 26 DC a 79 DC) Filha de Emmanuel
• Lucrezja di Colonna (Itália) (Século XIII)
• Joana de Castela (Espanha) (1479 a 1556) Filha dos reis Fernando de
Aragão e Isabel de Castela
• Ruth Céline Japhet (Paris-França) Encarnação anterior
à de Chico Xavier (1837/1885)
• Do Livro Chico, Diálogos e Recordações – As muitas vidas de
de Chico Xavier
Espiritismo e a Mulher
• O espiritismo , veio restituir à mulher o seu
verdadeiro lugar na família e na obra social,
indicando a sublime missão que lhe cabe
desempenhar como : mediadora predestinada,
verdadeiro traço de união que liga as sociedades
da terra com as do um do espiritual. A grande
sensibilidade da mulher, faz dela, o médium por
excelência, capaz de exprimir, de traduzir os
pensamentos, as emoções, os sofrimentos das
almas, dos ensinos dos espíritos superiores.
Revista Espírita – Dez 1858
• “Mulheres, não temais deslumbrar os homens pela beleza,
pela graça e pela superioridade; mas que saibam eles, a fim de
se vos tornarem dignos, que devem ser tão ricos de caráter
quanto sois belas, tão sábios quanto sois boas, tão instruídos
quanto sois ingênuas e simples. É necessário saberem que vos
devem merecer, que sois o prêmio da virtude e da
honra,... ...mas da honra segundo Deus.” (O Papel das
Mulheres, RE, Dezembro/1858 – médium Sr. F..., espírito
Bernard Palassy)
Qual a mulher mais
importante
• Maria de Magdala
• É o maior exemplo de amor e de transformação interior,
porque era uma apaixonada pelos vícios e pela vida
desregrada. Através da sua vontade e de seu esforço íntimo
ela consegue deles se libertar.
• Sua última encarnação como Madre Teresa de Ávila (Santa
Teresa de Jesus, canonizada em 1622.)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Vencendo a morte
Vencendo a morteVencendo a morte
Vencendo a morte
Lisete B.
 
Infortúnios ocultos
Infortúnios ocultosInfortúnios ocultos
Infortúnios ocultos
Nertan Jucá
 
2.9.3 Afeição dos Espíritos por certas pessoas
2.9.3   Afeição dos Espíritos por certas pessoas2.9.3   Afeição dos Espíritos por certas pessoas
2.9.3 Afeição dos Espíritos por certas pessoas
Marta Gomes
 
Felicidade E Infelicidade Relativa
Felicidade E  Infelicidade  RelativaFelicidade E  Infelicidade  Relativa
Felicidade E Infelicidade Relativa
Sergio Menezes
 
Palestra 25 grandes vultos feminino no espiritismo
Palestra 25 grandes vultos feminino no  espiritismoPalestra 25 grandes vultos feminino no  espiritismo
Palestra 25 grandes vultos feminino no espiritismo
Jose Ferreira Almeida Almeida
 
A felicidade nao e deste mundo.
A felicidade nao e deste mundo.A felicidade nao e deste mundo.
A felicidade nao e deste mundo.
LUCAS CANAVARRO
 
Justiça das Aflições
Justiça das AfliçõesJustiça das Aflições
Justiça das Aflições
igmateus
 
Não se pode servir a deus e a mamon ppt
Não se pode servir a deus e a mamon pptNão se pode servir a deus e a mamon ppt
Não se pode servir a deus e a mamon ppt
Silvânio Barcelos
 
A cruz que carregamos
A cruz que carregamosA cruz que carregamos
A cruz que carregamos
PAULA MODESTO
 
Reencarnação e Ressurreição
Reencarnação e RessurreiçãoReencarnação e Ressurreição
Reencarnação e Ressurreição
Izabel Cristina Fonseca
 
A energia da prece
A energia da preceA energia da prece
A energia da prece
Ricardo Azevedo
 
Renovando atitudes
Renovando atitudesRenovando atitudes
Renovando atitudes
Leonardo Pereira
 
AULA- Lei do trabalho
AULA- Lei do trabalhoAULA- Lei do trabalho
AULA- Lei do trabalho
Harleyde Santos
 
Palestra Espirita - Buscai e Achareis
Palestra Espirita - Buscai e AchareisPalestra Espirita - Buscai e Achareis
Palestra Espirita - Buscai e Achareis
manumino
 
Falsos Cristos Falsos profetas
Falsos Cristos Falsos profetasFalsos Cristos Falsos profetas
Falsos Cristos Falsos profetas
Vanda Machado
 
Atributos da divindade
Atributos da divindadeAtributos da divindade
Atributos da divindade
Denise Aguiar
 
LE Q.623 a 625 e ESE Cap.5 item 24
LE Q.623 a 625 e ESE Cap.5 item 24LE Q.623 a 625 e ESE Cap.5 item 24
LE Q.623 a 625 e ESE Cap.5 item 24
Patricia Farias
 
Palestra 22 a força do perdão
Palestra 22 a força do perdãoPalestra 22 a força do perdão
Palestra 22 a força do perdão
Jose Ferreira Almeida
 
Reencarnação e os laços de familia
Reencarnação e os laços de familiaReencarnação e os laços de familia
Reencarnação e os laços de familia
KATIA MARIA FARAH V DA SILVA
 
Esperança (Palestra Espirita)
Esperança (Palestra Espirita)Esperança (Palestra Espirita)
Esperança (Palestra Espirita)
Marcos Antônio Alves
 

Mais procurados (20)

Vencendo a morte
Vencendo a morteVencendo a morte
Vencendo a morte
 
Infortúnios ocultos
Infortúnios ocultosInfortúnios ocultos
Infortúnios ocultos
 
2.9.3 Afeição dos Espíritos por certas pessoas
2.9.3   Afeição dos Espíritos por certas pessoas2.9.3   Afeição dos Espíritos por certas pessoas
2.9.3 Afeição dos Espíritos por certas pessoas
 
Felicidade E Infelicidade Relativa
Felicidade E  Infelicidade  RelativaFelicidade E  Infelicidade  Relativa
Felicidade E Infelicidade Relativa
 
Palestra 25 grandes vultos feminino no espiritismo
Palestra 25 grandes vultos feminino no  espiritismoPalestra 25 grandes vultos feminino no  espiritismo
Palestra 25 grandes vultos feminino no espiritismo
 
A felicidade nao e deste mundo.
A felicidade nao e deste mundo.A felicidade nao e deste mundo.
A felicidade nao e deste mundo.
 
Justiça das Aflições
Justiça das AfliçõesJustiça das Aflições
Justiça das Aflições
 
Não se pode servir a deus e a mamon ppt
Não se pode servir a deus e a mamon pptNão se pode servir a deus e a mamon ppt
Não se pode servir a deus e a mamon ppt
 
A cruz que carregamos
A cruz que carregamosA cruz que carregamos
A cruz que carregamos
 
Reencarnação e Ressurreição
Reencarnação e RessurreiçãoReencarnação e Ressurreição
Reencarnação e Ressurreição
 
A energia da prece
A energia da preceA energia da prece
A energia da prece
 
Renovando atitudes
Renovando atitudesRenovando atitudes
Renovando atitudes
 
AULA- Lei do trabalho
AULA- Lei do trabalhoAULA- Lei do trabalho
AULA- Lei do trabalho
 
Palestra Espirita - Buscai e Achareis
Palestra Espirita - Buscai e AchareisPalestra Espirita - Buscai e Achareis
Palestra Espirita - Buscai e Achareis
 
Falsos Cristos Falsos profetas
Falsos Cristos Falsos profetasFalsos Cristos Falsos profetas
Falsos Cristos Falsos profetas
 
Atributos da divindade
Atributos da divindadeAtributos da divindade
Atributos da divindade
 
LE Q.623 a 625 e ESE Cap.5 item 24
LE Q.623 a 625 e ESE Cap.5 item 24LE Q.623 a 625 e ESE Cap.5 item 24
LE Q.623 a 625 e ESE Cap.5 item 24
 
Palestra 22 a força do perdão
Palestra 22 a força do perdãoPalestra 22 a força do perdão
Palestra 22 a força do perdão
 
Reencarnação e os laços de familia
Reencarnação e os laços de familiaReencarnação e os laços de familia
Reencarnação e os laços de familia
 
Esperança (Palestra Espirita)
Esperança (Palestra Espirita)Esperança (Palestra Espirita)
Esperança (Palestra Espirita)
 

Destaque

As mulheres no evangelho
As mulheres no evangelho As mulheres no evangelho
As mulheres no evangelho
Fatima Carvalho
 
Sete mulheres e o Espiritismo
Sete mulheres e o EspiritismoSete mulheres e o Espiritismo
Sete mulheres e o Espiritismo
Associação Espírita Allan Kardec
 
Mulheres e o espiritismo
Mulheres e o espiritismoMulheres e o espiritismo
Mulheres e o espiritismo
Lar Irmã Zarabatana
 
Slide dia da mulher
Slide dia da mulherSlide dia da mulher
Slide dia da mulher
MAIEVS2
 
As Mulheres Da Casa Do Caminho
As Mulheres Da Casa Do CaminhoAs Mulheres Da Casa Do Caminho
As Mulheres Da Casa Do Caminho
guestb30c415
 
Apresentação dia da mulher
Apresentação dia da mulherApresentação dia da mulher
Apresentação dia da mulher
Glayson Sombra
 
Palestra Dia Internacional Mulher
Palestra  Dia Internacional Mulher Palestra  Dia Internacional Mulher
Palestra Dia Internacional Mulher
Andrea Palma Silva
 
Por que dia da mulher
Por que dia da mulherPor que dia da mulher
Por que dia da mulher
Evandro Calisto
 
Dia da mulher por elciene alves
Dia da mulher por elciene alvesDia da mulher por elciene alves
Dia da mulher por elciene alves
Elciene Oliveira
 
Palestra dia Internacional da Mulher
Palestra dia Internacional da MulherPalestra dia Internacional da Mulher
Palestra dia Internacional da Mulher
Instituto de Thalentos
 
Dia Internacional da Mulher
Dia Internacional da MulherDia Internacional da Mulher
Dia Internacional da Mulher
univsenior
 
O Dia Internacional Da Mulher
O Dia Internacional Da MulherO Dia Internacional Da Mulher
O Dia Internacional Da Mulher
Joaquim Almeida
 
Comemoração Do Dia Internacional Da Mulher
Comemoração Do Dia Internacional Da MulherComemoração Do Dia Internacional Da Mulher
Comemoração Do Dia Internacional Da Mulher
barbaragratao
 
Palestra: Dia internacional da paz
Palestra: Dia internacional da pazPalestra: Dia internacional da paz
Palestra: Dia internacional da paz
Faculdade União de Goyazes
 
A Casa do Caminho - Wilma Badan
A Casa do Caminho - Wilma BadanA Casa do Caminho - Wilma Badan
A Casa do Caminho - Wilma Badan
Wilma Badan C.G.
 
Dia internacional da mulher 2012
Dia internacional da mulher 2012Dia internacional da mulher 2012
Dia internacional da mulher 2012
Luzia Gabriele
 
O homem e a mulher
O homem e a mulher  O homem e a mulher
O homem e a mulher
Amadeu Wolff
 
Mensagem Mulher
Mensagem MulherMensagem Mulher
Mensagem Mulher
Adriana Reis
 
Homenagem ao dia da mulher 2012
Homenagem ao dia da mulher 2012Homenagem ao dia da mulher 2012
Homenagem ao dia da mulher 2012
Eli Rocha Silva
 
Dia internacional da mulher
Dia internacional da mulherDia internacional da mulher
Dia internacional da mulher
Mensagens Virtuais
 

Destaque (20)

As mulheres no evangelho
As mulheres no evangelho As mulheres no evangelho
As mulheres no evangelho
 
Sete mulheres e o Espiritismo
Sete mulheres e o EspiritismoSete mulheres e o Espiritismo
Sete mulheres e o Espiritismo
 
Mulheres e o espiritismo
Mulheres e o espiritismoMulheres e o espiritismo
Mulheres e o espiritismo
 
Slide dia da mulher
Slide dia da mulherSlide dia da mulher
Slide dia da mulher
 
As Mulheres Da Casa Do Caminho
As Mulheres Da Casa Do CaminhoAs Mulheres Da Casa Do Caminho
As Mulheres Da Casa Do Caminho
 
Apresentação dia da mulher
Apresentação dia da mulherApresentação dia da mulher
Apresentação dia da mulher
 
Palestra Dia Internacional Mulher
Palestra  Dia Internacional Mulher Palestra  Dia Internacional Mulher
Palestra Dia Internacional Mulher
 
Por que dia da mulher
Por que dia da mulherPor que dia da mulher
Por que dia da mulher
 
Dia da mulher por elciene alves
Dia da mulher por elciene alvesDia da mulher por elciene alves
Dia da mulher por elciene alves
 
Palestra dia Internacional da Mulher
Palestra dia Internacional da MulherPalestra dia Internacional da Mulher
Palestra dia Internacional da Mulher
 
Dia Internacional da Mulher
Dia Internacional da MulherDia Internacional da Mulher
Dia Internacional da Mulher
 
O Dia Internacional Da Mulher
O Dia Internacional Da MulherO Dia Internacional Da Mulher
O Dia Internacional Da Mulher
 
Comemoração Do Dia Internacional Da Mulher
Comemoração Do Dia Internacional Da MulherComemoração Do Dia Internacional Da Mulher
Comemoração Do Dia Internacional Da Mulher
 
Palestra: Dia internacional da paz
Palestra: Dia internacional da pazPalestra: Dia internacional da paz
Palestra: Dia internacional da paz
 
A Casa do Caminho - Wilma Badan
A Casa do Caminho - Wilma BadanA Casa do Caminho - Wilma Badan
A Casa do Caminho - Wilma Badan
 
Dia internacional da mulher 2012
Dia internacional da mulher 2012Dia internacional da mulher 2012
Dia internacional da mulher 2012
 
O homem e a mulher
O homem e a mulher  O homem e a mulher
O homem e a mulher
 
Mensagem Mulher
Mensagem MulherMensagem Mulher
Mensagem Mulher
 
Homenagem ao dia da mulher 2012
Homenagem ao dia da mulher 2012Homenagem ao dia da mulher 2012
Homenagem ao dia da mulher 2012
 
Dia internacional da mulher
Dia internacional da mulherDia internacional da mulher
Dia internacional da mulher
 

Semelhante a Dia da mulher

Eusapia paladino medium
Eusapia paladino mediumEusapia paladino medium
Eusapia paladino medium
Acacio de Carvalho
 
A Questão de Gênero
A Questão de GêneroA Questão de Gênero
A Questão de Gênero
Pedro Klein Garcia
 
Feminismo, Histórico e Conceitos.pdf
Feminismo, Histórico e Conceitos.pdfFeminismo, Histórico e Conceitos.pdf
Feminismo, Histórico e Conceitos.pdf
MarioMarcelloNeto
 
Feminismo - Problematizando o espaço da mulher na sociedade
Feminismo - Problematizando o espaço da mulher na sociedadeFeminismo - Problematizando o espaço da mulher na sociedade
Feminismo - Problematizando o espaço da mulher na sociedade
Claudio Henrique Ramos Sales
 
A CONDIÇÃO DA MULHER
A CONDIÇÃO DA MULHERA CONDIÇÃO DA MULHER
A CONDIÇÃO DA MULHER
MELORIBEIRO
 
VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER (1).pdf
VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER (1).pdfVIOLÊNCIA CONTRA A MULHER (1).pdf
VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER (1).pdf
SuellenAlves38
 
Mini curso sagrado feminino puc 2018
Mini curso sagrado feminino puc 2018 Mini curso sagrado feminino puc 2018
Mini curso sagrado feminino puc 2018
Rosinalda Simoni
 
MOVIMENTOS SOCIAIS.
MOVIMENTOS SOCIAIS.MOVIMENTOS SOCIAIS.
Dia internacional da mulher/ 80 anos da conquista do voto feminino
Dia internacional da mulher/ 80 anos da conquista do voto femininoDia internacional da mulher/ 80 anos da conquista do voto feminino
Dia internacional da mulher/ 80 anos da conquista do voto feminino
Nadya Nunes
 
O futuro do brasil tablet
O futuro do brasil   tabletO futuro do brasil   tablet
O futuro do brasil tablet
Alfredo Lopes
 
Mulheres novos rumos 2015
Mulheres novos rumos  2015Mulheres novos rumos  2015
Mulheres novos rumos 2015
Fatima Carvalho
 
Personalidade feminina na sociedade
Personalidade feminina na sociedadePersonalidade feminina na sociedade
Personalidade feminina na sociedade
anncaty
 
Mujeres libres
Mujeres libresMujeres libres
Mujeres libres
Lorena Mundim
 
Revista Boa Vontade, edição 199
Revista Boa Vontade, edição 199Revista Boa Vontade, edição 199
Revista Boa Vontade, edição 199
Boa Vontade
 
5
55
Feminismo
FeminismoFeminismo
Feminismo
CEF16
 
Direitos da mulher
Direitos da mulherDireitos da mulher
Direitos da mulher
mluisavalente
 
Jornada 2008 apocalipse e os problemas humanos
Jornada 2008   apocalipse e os problemas humanosJornada 2008   apocalipse e os problemas humanos
Jornada 2008 apocalipse e os problemas humanos
Norberto Tomasini Jr
 
Aula 2_Feminismos_História e Conceito de Genero.pdf
Aula 2_Feminismos_História e Conceito de Genero.pdfAula 2_Feminismos_História e Conceito de Genero.pdf
Aula 2_Feminismos_História e Conceito de Genero.pdf
rosemendes2001hotmai
 
O homem e a mulher
O homem e a mulher O homem e a mulher
O homem e a mulher
Sasuke Sakura
 

Semelhante a Dia da mulher (20)

Eusapia paladino medium
Eusapia paladino mediumEusapia paladino medium
Eusapia paladino medium
 
A Questão de Gênero
A Questão de GêneroA Questão de Gênero
A Questão de Gênero
 
Feminismo, Histórico e Conceitos.pdf
Feminismo, Histórico e Conceitos.pdfFeminismo, Histórico e Conceitos.pdf
Feminismo, Histórico e Conceitos.pdf
 
Feminismo - Problematizando o espaço da mulher na sociedade
Feminismo - Problematizando o espaço da mulher na sociedadeFeminismo - Problematizando o espaço da mulher na sociedade
Feminismo - Problematizando o espaço da mulher na sociedade
 
A CONDIÇÃO DA MULHER
A CONDIÇÃO DA MULHERA CONDIÇÃO DA MULHER
A CONDIÇÃO DA MULHER
 
VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER (1).pdf
VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER (1).pdfVIOLÊNCIA CONTRA A MULHER (1).pdf
VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER (1).pdf
 
Mini curso sagrado feminino puc 2018
Mini curso sagrado feminino puc 2018 Mini curso sagrado feminino puc 2018
Mini curso sagrado feminino puc 2018
 
MOVIMENTOS SOCIAIS.
MOVIMENTOS SOCIAIS.MOVIMENTOS SOCIAIS.
MOVIMENTOS SOCIAIS.
 
Dia internacional da mulher/ 80 anos da conquista do voto feminino
Dia internacional da mulher/ 80 anos da conquista do voto femininoDia internacional da mulher/ 80 anos da conquista do voto feminino
Dia internacional da mulher/ 80 anos da conquista do voto feminino
 
O futuro do brasil tablet
O futuro do brasil   tabletO futuro do brasil   tablet
O futuro do brasil tablet
 
Mulheres novos rumos 2015
Mulheres novos rumos  2015Mulheres novos rumos  2015
Mulheres novos rumos 2015
 
Personalidade feminina na sociedade
Personalidade feminina na sociedadePersonalidade feminina na sociedade
Personalidade feminina na sociedade
 
Mujeres libres
Mujeres libresMujeres libres
Mujeres libres
 
Revista Boa Vontade, edição 199
Revista Boa Vontade, edição 199Revista Boa Vontade, edição 199
Revista Boa Vontade, edição 199
 
5
55
5
 
Feminismo
FeminismoFeminismo
Feminismo
 
Direitos da mulher
Direitos da mulherDireitos da mulher
Direitos da mulher
 
Jornada 2008 apocalipse e os problemas humanos
Jornada 2008   apocalipse e os problemas humanosJornada 2008   apocalipse e os problemas humanos
Jornada 2008 apocalipse e os problemas humanos
 
Aula 2_Feminismos_História e Conceito de Genero.pdf
Aula 2_Feminismos_História e Conceito de Genero.pdfAula 2_Feminismos_História e Conceito de Genero.pdf
Aula 2_Feminismos_História e Conceito de Genero.pdf
 
O homem e a mulher
O homem e a mulher O homem e a mulher
O homem e a mulher
 

Mais de Alfredo Lopes

Acaminhodaluz
AcaminhodaluzAcaminhodaluz
Acaminhodaluz
Alfredo Lopes
 
07 02-2
07 02-207 02-2
07 02-2
Alfredo Lopes
 
Santa Catarina e o espiritismo
Santa Catarina e o espiritismoSanta Catarina e o espiritismo
Santa Catarina e o espiritismo
Alfredo Lopes
 
Tablet reencarnação
Tablet  reencarnaçãoTablet  reencarnação
Tablet reencarnação
Alfredo Lopes
 
Datashow reencarnação
Datashow reencarnaçãoDatashow reencarnação
Datashow reencarnação
Alfredo Lopes
 
O garoto que queria virar serial killer
O garoto que queria virar serial killerO garoto que queria virar serial killer
O garoto que queria virar serial killer
Alfredo Lopes
 
A batalha do shortinho
A batalha do shortinhoA batalha do shortinho
A batalha do shortinho
Alfredo Lopes
 
A felicidade
A felicidadeA felicidade
A felicidade
Alfredo Lopes
 
Reencarnação
Reencarnação Reencarnação
Reencarnação
Alfredo Lopes
 
Um homem chamado amor
Um homem chamado amorUm homem chamado amor
Um homem chamado amor
Alfredo Lopes
 
Coleçao andre luiz
Coleçao andre luizColeçao andre luiz
Coleçao andre luiz
Alfredo Lopes
 
Força educadora da doutrina espírita
Força educadora da doutrina espíritaForça educadora da doutrina espírita
Força educadora da doutrina espírita
Alfredo Lopes
 
A atualidade de Emmanuel
A atualidade de EmmanuelA atualidade de Emmanuel
A atualidade de Emmanuel
Alfredo Lopes
 
Jesus e a Via Sacra
Jesus e a Via SacraJesus e a Via Sacra
Jesus e a Via Sacra
Alfredo Lopes
 
Novela 'Além do Tempo'
Novela 'Além do Tempo'Novela 'Além do Tempo'
Novela 'Além do Tempo'
Alfredo Lopes
 
Obras Póstumas
Obras PóstumasObras Póstumas
Obras Póstumas
Alfredo Lopes
 
Renovação
RenovaçãoRenovação
Renovação
Alfredo Lopes
 
O livro dos médiuns
O livro dos médiunsO livro dos médiuns
O livro dos médiuns
Alfredo Lopes
 
Leis morais
Leis moraisLeis morais
Leis morais
Alfredo Lopes
 
Reforma intima
Reforma intimaReforma intima
Reforma intima
Alfredo Lopes
 

Mais de Alfredo Lopes (20)

Acaminhodaluz
AcaminhodaluzAcaminhodaluz
Acaminhodaluz
 
07 02-2
07 02-207 02-2
07 02-2
 
Santa Catarina e o espiritismo
Santa Catarina e o espiritismoSanta Catarina e o espiritismo
Santa Catarina e o espiritismo
 
Tablet reencarnação
Tablet  reencarnaçãoTablet  reencarnação
Tablet reencarnação
 
Datashow reencarnação
Datashow reencarnaçãoDatashow reencarnação
Datashow reencarnação
 
O garoto que queria virar serial killer
O garoto que queria virar serial killerO garoto que queria virar serial killer
O garoto que queria virar serial killer
 
A batalha do shortinho
A batalha do shortinhoA batalha do shortinho
A batalha do shortinho
 
A felicidade
A felicidadeA felicidade
A felicidade
 
Reencarnação
Reencarnação Reencarnação
Reencarnação
 
Um homem chamado amor
Um homem chamado amorUm homem chamado amor
Um homem chamado amor
 
Coleçao andre luiz
Coleçao andre luizColeçao andre luiz
Coleçao andre luiz
 
Força educadora da doutrina espírita
Força educadora da doutrina espíritaForça educadora da doutrina espírita
Força educadora da doutrina espírita
 
A atualidade de Emmanuel
A atualidade de EmmanuelA atualidade de Emmanuel
A atualidade de Emmanuel
 
Jesus e a Via Sacra
Jesus e a Via SacraJesus e a Via Sacra
Jesus e a Via Sacra
 
Novela 'Além do Tempo'
Novela 'Além do Tempo'Novela 'Além do Tempo'
Novela 'Além do Tempo'
 
Obras Póstumas
Obras PóstumasObras Póstumas
Obras Póstumas
 
Renovação
RenovaçãoRenovação
Renovação
 
O livro dos médiuns
O livro dos médiunsO livro dos médiuns
O livro dos médiuns
 
Leis morais
Leis moraisLeis morais
Leis morais
 
Reforma intima
Reforma intimaReforma intima
Reforma intima
 

Último

DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
ESCRIBA DE CRISTO
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
ESCRIBA DE CRISTO
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Celso Napoleon
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
WELITONNOGUEIRA3
 
CARTAS DE INÁCIO DE ANTIOQUIA ILUSTRADAS E COMENTADAS
CARTAS DE INÁCIO DE ANTIOQUIA ILUSTRADAS E COMENTADASCARTAS DE INÁCIO DE ANTIOQUIA ILUSTRADAS E COMENTADAS
CARTAS DE INÁCIO DE ANTIOQUIA ILUSTRADAS E COMENTADAS
ESCRIBA DE CRISTO
 
Manual-do-PGM-Protótipo.docxManual-do-PGM-Protótipo.docx
Manual-do-PGM-Protótipo.docxManual-do-PGM-Protótipo.docxManual-do-PGM-Protótipo.docxManual-do-PGM-Protótipo.docx
Manual-do-PGM-Protótipo.docxManual-do-PGM-Protótipo.docx
Janilson Noca
 
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Celso Napoleon
 
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Escola sabatina juvenis.pdf. Revista da escola sabatina - ADVENTISTAS
Escola sabatina juvenis.pdf. Revista da escola sabatina - ADVENTISTASEscola sabatina juvenis.pdf. Revista da escola sabatina - ADVENTISTAS
Escola sabatina juvenis.pdf. Revista da escola sabatina - ADVENTISTAS
ceciliafonseca16
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Lourhana
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
ayronleonardo
 
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptxA CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
JonasRibeiro61
 
JERÔNIMO DE BELÉM DA JUDÉIA [TERRA SANTA]
JERÔNIMO DE BELÉM DA JUDÉIA [TERRA SANTA]JERÔNIMO DE BELÉM DA JUDÉIA [TERRA SANTA]
JERÔNIMO DE BELÉM DA JUDÉIA [TERRA SANTA]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos AgricultoresOração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Nilson Almeida
 
CRISTO E EU [MENSAGEM DE CHARLES SPURGEON]
CRISTO E EU [MENSAGEM DE CHARLES SPURGEON]CRISTO E EU [MENSAGEM DE CHARLES SPURGEON]
CRISTO E EU [MENSAGEM DE CHARLES SPURGEON]
ESCRIBA DE CRISTO
 

Último (16)

DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
 
CARTAS DE INÁCIO DE ANTIOQUIA ILUSTRADAS E COMENTADAS
CARTAS DE INÁCIO DE ANTIOQUIA ILUSTRADAS E COMENTADASCARTAS DE INÁCIO DE ANTIOQUIA ILUSTRADAS E COMENTADAS
CARTAS DE INÁCIO DE ANTIOQUIA ILUSTRADAS E COMENTADAS
 
Manual-do-PGM-Protótipo.docxManual-do-PGM-Protótipo.docx
Manual-do-PGM-Protótipo.docxManual-do-PGM-Protótipo.docxManual-do-PGM-Protótipo.docxManual-do-PGM-Protótipo.docx
Manual-do-PGM-Protótipo.docxManual-do-PGM-Protótipo.docx
 
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
 
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
 
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
 
Escola sabatina juvenis.pdf. Revista da escola sabatina - ADVENTISTAS
Escola sabatina juvenis.pdf. Revista da escola sabatina - ADVENTISTASEscola sabatina juvenis.pdf. Revista da escola sabatina - ADVENTISTAS
Escola sabatina juvenis.pdf. Revista da escola sabatina - ADVENTISTAS
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
 
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptxA CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
 
JERÔNIMO DE BELÉM DA JUDÉIA [TERRA SANTA]
JERÔNIMO DE BELÉM DA JUDÉIA [TERRA SANTA]JERÔNIMO DE BELÉM DA JUDÉIA [TERRA SANTA]
JERÔNIMO DE BELÉM DA JUDÉIA [TERRA SANTA]
 
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos AgricultoresOração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
 
CRISTO E EU [MENSAGEM DE CHARLES SPURGEON]
CRISTO E EU [MENSAGEM DE CHARLES SPURGEON]CRISTO E EU [MENSAGEM DE CHARLES SPURGEON]
CRISTO E EU [MENSAGEM DE CHARLES SPURGEON]
 

Dia da mulher

  • 1. Dia da Mulher 08 de março
  • 2. História • a ideia de celebrar um dia da mulher já havia surgido desde os primeiros anos do século XX, nos Estados Unidos e na Europa, no contexto das lutas de mulheres por melhores condições de vida e trabalho, bem como pelo direito de voto. • No Ocidente, o Dia Internacional da Mulher foi comemorado no início do século, até a década de 1920. • Na antiga União Soviética, durante o stalinismo, o Dia Internacional da Mulher tornou-se elemento de propaganda partidária. • O primeiro Dia Internacional da Mulher foi celebrado em 28 de fevereiro de 1909 nos Estados Unidos, por iniciativa do Partido Socialista da América. • No Ocidente, o Dia Internacional da Mulher foi comemorado durante as décadas de 1910 e 1920. Posteriormente, a data caiu no esquecimento e só foi recuperada pelo movimento feminista, já na década de 1960, sendo, afinal, adotado pelas Nações Unidas, em 1977. • Esta data 08 de março, é ligada a uma proposta feita em 1910, pela líder comunista alemã Clara Zetkin, durante o II Congresso Internacional de Mulheres Socialistas para lembrar operárias mortas durante um incêndio que ocorreu em uma fábrica em Nova York, em 25 de março de 1857. • Na Rússia, as comemorações do Dia Internacional da Mulher foram o estopim da Revolução russa de 1917. Em 8 de março de 1917 (23 de fevereiro pelo calendário juliano), a greve das operárias da indústria têxtil contra a fome, contra o czar Nicolau II e contra a participação do país na Primeira Guerra Mundial precipitou os acontecimentos que resultaram na Revolução de Fevereiro.
  • 3. Algumas mulheres importantes• Rosa Parks: Essa americana afro-descendente e franzina desencadeou uma das mais poderosas reações em cadeia da história. Ao pegar um ônibus na cidade de Montgomery, Alabama, e se recusar a ceder seu lugar a um branco, Rosa iniciou uma sucessão de fatos: a menina que nasceu com problemas de saúde e resolveu lutar por seus direitos catalisou, nas palavras de Martin Luther King, o movimento negro americano e trouxe atenção internacional à causa. • Nise da Silveira: tratamento digno para doentes mentais. Foi assim que Nise Silveira escreveu seu nome na história brasileira. Contrária aos manicômios e a técnicas como a lobotomia, essa mulher inspira quem busca justiça para minorias tratadas sem humanidade. O uso da arte e de animais de estimação no tratamento psiquiátrico, introduzidos por Nise, são usados para dar a pessoas diferentes um tratamento igual ao que todos merecem: humano e positivo.
  • 4. Mulheres importantes • Hatshepsut - foi a primeira faraó (mulher) da história, conseguiu esse título após vencer muitos obstáculos. Governou o Egito sozinha por 22 anos, na época o Estado era um dos mais ricos. morreu no ano 1482 a.C. • Joana D’arc – libertou a França do jugo inglês. • Rainha Vitória, a responsável pela aceleração industrial inglesa, pelo fim da escravidão no Império britânico e por leis que ajudaram os trabalhadores.
  • 5. Mulheres de Santa Catarina • Anita Garibaldi - A trajetória de uma importante revolucionária do século XIX. • Antonieta de Barros - Nascida em 11 de julho de 1901, Antonieta de Barros foi a primeira mulher a integrar a Assembleia Legislativa de Santa Catarina. Educadora e jornalista atuante, teve que romper muitas barreiras para conquistar espaços que, em seu tempo, eram inusitados para as mulheres – e mais ainda para uma mulher negra. • Ideli Salvatti – Uma das mulheres mais poderosas do pais – Dilma, Glesi Hofmman, Ellem Gracie, Gisele Bunchen e Graça Foster
  • 6. Mulheres em SC • SC se destaca por liderança feminina • O Great Place To Work pesquisa o mercado corporativo no Brasil desde 1997, e hoje avalia 20 regiões. Na pesquisa feita pela revista Amanhã em parceria o instituto Great Place To Work, a estreia de SC na lista apresenta um dado diferenciado: 51% dos cargos de gestão nas empresas são ocupados por mulheres. O percentual é superior à média nacional, que fica em 33%. • Fonte: Diário Catarinense de 06/03.
  • 7. Qual a mulher mais importante? •Para nós espíritas, qual? • Maria, Amelie Gabriele Boudet, Maria de Magdala, Joanna de Angelis, irmãs Fox, Meimei?
  • 8. Espíritos • 76 Que definição se pode dar dos Espíritos? • – Pode-se dizer que os Espíritos são os seres inteligentes da Criação. Eles povoam o universo, fora do mundo material. • 88 Os Espíritos têm uma forma determinada, limitada e constante? • – A vossos olhos, não; aos nossos, sim. O Espírito é, se quiserdes, uma chama, um clarão ou uma centelha etérea. • 115 Dentre os Espíritos, alguns foram criados bons e outros maus? • – Deus criou todos os Espíritos simples e ignorantes, ou seja, sem conhecimento. Deu a cada um uma missão com o objetivo de esclarecê-los e de fazê-los chegar, progressivamente, à perfeição pelo conhecimento da verdade e para aproximá-los de Si. A felicidade eterna e pura é para os que alcançam essa perfeição. Os Espíritos adquirem esses conhecimentos ao passar pelas provas que a Lei Divina lhes impõe. Uns aceitam essas provas com submissão e chegam mais depressa ao objetivo que lhes é destinado. Outros somente as suportam com lamentação e por causa dessa falta permanecem mais tempo afastados da perfeição e da felicidade prometida.
  • 9. Sexo nos Espíritos • 200 Os Espíritos têm sexo? • – Não como o entendeis, porque o sexo depende do organismo físico. Existe entre eles amor e simpatia, mas fundados na identidade dos sentimentos. • 201 O Espírito que animou o corpo de um homem pode, em uma nova existência, animar o de uma mulher e vice-versa? • – Sim, são os mesmos Espíritos que animam os homens e as mulheres. • 202 Quando está na erraticidade, o Espírito prefere encarnar no corpo de um homem ou de uma mulher? • – Isso pouco importa ao Espírito. Depende das provas que deve suportar. • ☼ Os Espíritos encarnam como homens ou mulheres, porque não têm sexo. Como devem progredir em tudo, cada sexo, assim como cada posição social, lhes oferece provas, deveres especiais e a ocasião de adquirir experiência. Aquele que encarnasse sempre como homem apenas saberia o que sabem os homens.
  • 10. Encarnações de Chico Xavier • Hatshepsut (Egito) (aproximadamente de 1490 AC a 1450 AC) • Chams (Egito) (por volta de 800 AC) • Lucina (Roma-Itália) (aproximadamente 60 AC) • Flavia Cornélia (Roma-Itália) (de 26 DC a 79 DC) Filha de Emmanuel • Lucrezja di Colonna (Itália) (Século XIII) • Joana de Castela (Espanha) (1479 a 1556) Filha dos reis Fernando de Aragão e Isabel de Castela • Ruth Céline Japhet (Paris-França) Encarnação anterior à de Chico Xavier (1837/1885) • Do Livro Chico, Diálogos e Recordações – As muitas vidas de de Chico Xavier
  • 11. Espiritismo e a Mulher • O espiritismo , veio restituir à mulher o seu verdadeiro lugar na família e na obra social, indicando a sublime missão que lhe cabe desempenhar como : mediadora predestinada, verdadeiro traço de união que liga as sociedades da terra com as do um do espiritual. A grande sensibilidade da mulher, faz dela, o médium por excelência, capaz de exprimir, de traduzir os pensamentos, as emoções, os sofrimentos das almas, dos ensinos dos espíritos superiores.
  • 12. Revista Espírita – Dez 1858 • “Mulheres, não temais deslumbrar os homens pela beleza, pela graça e pela superioridade; mas que saibam eles, a fim de se vos tornarem dignos, que devem ser tão ricos de caráter quanto sois belas, tão sábios quanto sois boas, tão instruídos quanto sois ingênuas e simples. É necessário saberem que vos devem merecer, que sois o prêmio da virtude e da honra,... ...mas da honra segundo Deus.” (O Papel das Mulheres, RE, Dezembro/1858 – médium Sr. F..., espírito Bernard Palassy)
  • 13. Qual a mulher mais importante • Maria de Magdala • É o maior exemplo de amor e de transformação interior, porque era uma apaixonada pelos vícios e pela vida desregrada. Através da sua vontade e de seu esforço íntimo ela consegue deles se libertar. • Sua última encarnação como Madre Teresa de Ávila (Santa Teresa de Jesus, canonizada em 1622.)