SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 14
COUVE 
Brassica oleracea 
Acadêmica: Ana Cristina B. da Silva
Origem 
• Originária do Mediterrâneo; 
• Foi desenvolvida a partir da couve selvagem; 
• Cultivada no Brasil desde o período colonial; 
• Pertence à mesma família do repolho, couve-flor , brócolis, couve-de-bruxelas, 
couve-rábano, rabanete, rúcula, agrião, mostarda e nabo. 
2 16 de setembro de 2014 Brassica oleracea
Características 
• Planta herbácea de porte ereto; 
• Emite folhas continuamente; 
• Perene; 
• Suas folhas são distribuídas, ao redor do caule, em forma de roseta; 
• As folhas apresentam limbo bem desenvolvido, arredondado, com 
pecíolo longo e nervuras bem destacadas. 
3 16 de setembro de 2014 Brassica oleracea
Plantio
5 22 de julho de 2012 
Semeadura 
10 cm 
4 a 5 folhas 
Transplantio 
Brassica oleracea
6 22 de julho de 2012 Brassica oleracea
Broto 
Planta 
mãe 
Canteiro 
50 cm 
7 16 de setembro de 2014 Brassica oleracea
Variedades
• Manteiga verde lisa 
9 22 de julho de 2012 
Variedades 
Brassica oleracea 
• Manteiga verde crespa • Manteiga roxa • Galega
Importância
• Rica em Cálcio, Fosforo e Ferro; 
• Vitamina A e complexo B; 
• Utilizada principalmente em saladas e sopas. 
11 22 de julho de 2012 
Importância alimentar 
Brassica oleracea
• Sete benefícios da couve: 
Aliviar a prisão de ventre 
Evitar má disposição 
Curar e aliviar a dor de úlceras gástricas 
Cortes e feridas 
Dores, inchaço e feridas no peito devido à amamentação 
Prevenir e curar constipações e gripes 
Evitar ressacas 
12 22 de julho de 2012 
Importância alimentar 
Brassica oleracea
Curiosidades
14 22 de julho de 2012 
Curiosidades 
Brassica oleracea

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Como a Planta de Arroz de Desenvolve
Como a Planta de Arroz de DesenvolveComo a Planta de Arroz de Desenvolve
Como a Planta de Arroz de DesenvolveGeagra UFG
 
5 botânica e morfologia da cana
5 botânica e morfologia da cana5 botânica e morfologia da cana
5 botânica e morfologia da canaCristóvão Lopes
 
Manejo Integrado de Doenças de Plantas
Manejo Integrado de Doenças de PlantasManejo Integrado de Doenças de Plantas
Manejo Integrado de Doenças de PlantasAgriculturaSustentavel
 
Colheita e Armazenamento: Milho
Colheita e Armazenamento: MilhoColheita e Armazenamento: Milho
Colheita e Armazenamento: MilhoGeagra UFG
 
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃOINTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃOGeagra UFG
 
Manejo de doenças no feijoeiro
Manejo de doenças no feijoeiroManejo de doenças no feijoeiro
Manejo de doenças no feijoeiroGeagra UFG
 
Fenologia e fisiologia da cultura do milho
Fenologia e fisiologia da cultura do milhoFenologia e fisiologia da cultura do milho
Fenologia e fisiologia da cultura do milhoGeagra UFG
 
Horticultura floricultura & fruticultura
Horticultura floricultura & fruticulturaHorticultura floricultura & fruticultura
Horticultura floricultura & fruticulturaPedro Tomé
 
Amendoim
AmendoimAmendoim
Amendoimwagcher
 
A Cultura do Arroz
A Cultura do ArrozA Cultura do Arroz
A Cultura do ArrozGeagra UFG
 
INTRODUÇÃO À CULTURA DA SOJA
INTRODUÇÃO À CULTURA DA SOJAINTRODUÇÃO À CULTURA DA SOJA
INTRODUÇÃO À CULTURA DA SOJAGeagra UFG
 
Producao e comercializacao de frutas
Producao e comercializacao de frutasProducao e comercializacao de frutas
Producao e comercializacao de frutasgustavo_ruffeil
 
Slide da cultura de alho e Cebola
Slide da cultura de alho e CebolaSlide da cultura de alho e Cebola
Slide da cultura de alho e CebolaMarcelo99858999
 
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO.pptx
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO.pptxINTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO.pptx
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO.pptxGeagra UFG
 

Mais procurados (20)

Cultivo de alface
Cultivo de alface Cultivo de alface
Cultivo de alface
 
Como a Planta de Arroz de Desenvolve
Como a Planta de Arroz de DesenvolveComo a Planta de Arroz de Desenvolve
Como a Planta de Arroz de Desenvolve
 
5 botânica e morfologia da cana
5 botânica e morfologia da cana5 botânica e morfologia da cana
5 botânica e morfologia da cana
 
Manejo Integrado de Doenças de Plantas
Manejo Integrado de Doenças de PlantasManejo Integrado de Doenças de Plantas
Manejo Integrado de Doenças de Plantas
 
Colheita e Armazenamento: Milho
Colheita e Armazenamento: MilhoColheita e Armazenamento: Milho
Colheita e Armazenamento: Milho
 
P oaceae aula 5jj
P oaceae   aula 5jjP oaceae   aula 5jj
P oaceae aula 5jj
 
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃOINTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO
 
Tomate
TomateTomate
Tomate
 
Manejo de doenças no feijoeiro
Manejo de doenças no feijoeiroManejo de doenças no feijoeiro
Manejo de doenças no feijoeiro
 
Fenologia e fisiologia da cultura do milho
Fenologia e fisiologia da cultura do milhoFenologia e fisiologia da cultura do milho
Fenologia e fisiologia da cultura do milho
 
Abacate
AbacateAbacate
Abacate
 
Pimenta Capsicum
Pimenta CapsicumPimenta Capsicum
Pimenta Capsicum
 
Horticultura floricultura & fruticultura
Horticultura floricultura & fruticulturaHorticultura floricultura & fruticultura
Horticultura floricultura & fruticultura
 
Amendoim
AmendoimAmendoim
Amendoim
 
Sistemas agroflorestais
Sistemas agroflorestaisSistemas agroflorestais
Sistemas agroflorestais
 
A Cultura do Arroz
A Cultura do ArrozA Cultura do Arroz
A Cultura do Arroz
 
INTRODUÇÃO À CULTURA DA SOJA
INTRODUÇÃO À CULTURA DA SOJAINTRODUÇÃO À CULTURA DA SOJA
INTRODUÇÃO À CULTURA DA SOJA
 
Producao e comercializacao de frutas
Producao e comercializacao de frutasProducao e comercializacao de frutas
Producao e comercializacao de frutas
 
Slide da cultura de alho e Cebola
Slide da cultura de alho e CebolaSlide da cultura de alho e Cebola
Slide da cultura de alho e Cebola
 
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO.pptx
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO.pptxINTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO.pptx
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO.pptx
 

Semelhante a Couve: origem, características, plantio e importância

Alface (Lactuca sativa)
Alface (Lactuca sativa)Alface (Lactuca sativa)
Alface (Lactuca sativa)éltoon yagami
 
Apostila carloslinassi stirfried
Apostila carloslinassi stirfriedApostila carloslinassi stirfried
Apostila carloslinassi stirfriedLila Santos
 
Ervas e plantas aromáticas
Ervas e plantas aromáticasErvas e plantas aromáticas
Ervas e plantas aromáticasebsdlavitor
 
Calendario medicinal 2b
Calendario medicinal 2bCalendario medicinal 2b
Calendario medicinal 2bzezinhojc
 
Programa de Olho no Mundo - Projeto Sabores e Saberes
Programa de Olho no Mundo  - Projeto Sabores e SaberesPrograma de Olho no Mundo  - Projeto Sabores e Saberes
Programa de Olho no Mundo - Projeto Sabores e SaberesValter Almeida
 
Plantas para hortas biológicas2
Plantas para hortas biológicas2Plantas para hortas biológicas2
Plantas para hortas biológicas2Amigo da Horta
 
Coloque Mais Vida Na Sua AlimentaçãO
Coloque Mais Vida Na Sua AlimentaçãOColoque Mais Vida Na Sua AlimentaçãO
Coloque Mais Vida Na Sua AlimentaçãOMedusa Fabula
 
Plantas Aromaticas E Horta
Plantas  Aromaticas E  HortaPlantas  Aromaticas E  Horta
Plantas Aromaticas E HortaTomateVerdeFrito
 
Como montar uma horta em casa? Veja no manual da Sodexo
Como montar uma horta em casa? Veja no manual da SodexoComo montar uma horta em casa? Veja no manual da Sodexo
Como montar uma horta em casa? Veja no manual da SodexoSodexo Beneficios e Incentivos
 

Semelhante a Couve: origem, características, plantio e importância (15)

Alface (Lactuca sativa)
Alface (Lactuca sativa)Alface (Lactuca sativa)
Alface (Lactuca sativa)
 
LinhaçA Receita De Saude
LinhaçA Receita De SaudeLinhaçA Receita De Saude
LinhaçA Receita De Saude
 
Book Pppt
Book PpptBook Pppt
Book Pppt
 
Apostila carloslinassi stirfried
Apostila carloslinassi stirfriedApostila carloslinassi stirfried
Apostila carloslinassi stirfried
 
Slides
SlidesSlides
Slides
 
Ervas e plantas aromáticas
Ervas e plantas aromáticasErvas e plantas aromáticas
Ervas e plantas aromáticas
 
Beterraba
BeterrabaBeterraba
Beterraba
 
Trabalho Ciências
Trabalho CiênciasTrabalho Ciências
Trabalho Ciências
 
Calendario medicinal 2b
Calendario medicinal 2bCalendario medicinal 2b
Calendario medicinal 2b
 
Slide-Couve.pptx
Slide-Couve.pptxSlide-Couve.pptx
Slide-Couve.pptx
 
Programa de Olho no Mundo - Projeto Sabores e Saberes
Programa de Olho no Mundo  - Projeto Sabores e SaberesPrograma de Olho no Mundo  - Projeto Sabores e Saberes
Programa de Olho no Mundo - Projeto Sabores e Saberes
 
Plantas para hortas biológicas2
Plantas para hortas biológicas2Plantas para hortas biológicas2
Plantas para hortas biológicas2
 
Coloque Mais Vida Na Sua AlimentaçãO
Coloque Mais Vida Na Sua AlimentaçãOColoque Mais Vida Na Sua AlimentaçãO
Coloque Mais Vida Na Sua AlimentaçãO
 
Plantas Aromaticas E Horta
Plantas  Aromaticas E  HortaPlantas  Aromaticas E  Horta
Plantas Aromaticas E Horta
 
Como montar uma horta em casa? Veja no manual da Sodexo
Como montar uma horta em casa? Veja no manual da SodexoComo montar uma horta em casa? Veja no manual da Sodexo
Como montar uma horta em casa? Veja no manual da Sodexo
 

Último

ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024Jeanoliveira597523
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfEditoraEnovus
 
activIDADES CUENTO lobo esta CUENTO CUARTO GRADO
activIDADES CUENTO  lobo esta  CUENTO CUARTO GRADOactivIDADES CUENTO  lobo esta  CUENTO CUARTO GRADO
activIDADES CUENTO lobo esta CUENTO CUARTO GRADOcarolinacespedes23
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISVitor Vieira Vasconcelos
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Aula - 1º Ano - Émile Durkheim - Um dos clássicos da sociologia
Aula - 1º Ano - Émile Durkheim - Um dos clássicos da sociologiaAula - 1º Ano - Émile Durkheim - Um dos clássicos da sociologia
Aula - 1º Ano - Émile Durkheim - Um dos clássicos da sociologiaaulasgege
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptxpamelacastro71
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptxATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptxOsnilReis1
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfIedaGoethe
 
Época Realista y la obra de Madame Bovary.
Época Realista y la obra de Madame Bovary.Época Realista y la obra de Madame Bovary.
Época Realista y la obra de Madame Bovary.keislayyovera123
 
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduraAdryan Luiz
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOColégio Santa Teresinha
 
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniModelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniCassio Meira Jr.
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasCassio Meira Jr.
 

Último (20)

ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
 
activIDADES CUENTO lobo esta CUENTO CUARTO GRADO
activIDADES CUENTO  lobo esta  CUENTO CUARTO GRADOactivIDADES CUENTO  lobo esta  CUENTO CUARTO GRADO
activIDADES CUENTO lobo esta CUENTO CUARTO GRADO
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Aula - 1º Ano - Émile Durkheim - Um dos clássicos da sociologia
Aula - 1º Ano - Émile Durkheim - Um dos clássicos da sociologiaAula - 1º Ano - Émile Durkheim - Um dos clássicos da sociologia
Aula - 1º Ano - Émile Durkheim - Um dos clássicos da sociologia
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
 
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptxATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
 
Época Realista y la obra de Madame Bovary.
Época Realista y la obra de Madame Bovary.Época Realista y la obra de Madame Bovary.
Época Realista y la obra de Madame Bovary.
 
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditadura
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
 
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniModelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
 

Couve: origem, características, plantio e importância

  • 1. COUVE Brassica oleracea Acadêmica: Ana Cristina B. da Silva
  • 2. Origem • Originária do Mediterrâneo; • Foi desenvolvida a partir da couve selvagem; • Cultivada no Brasil desde o período colonial; • Pertence à mesma família do repolho, couve-flor , brócolis, couve-de-bruxelas, couve-rábano, rabanete, rúcula, agrião, mostarda e nabo. 2 16 de setembro de 2014 Brassica oleracea
  • 3. Características • Planta herbácea de porte ereto; • Emite folhas continuamente; • Perene; • Suas folhas são distribuídas, ao redor do caule, em forma de roseta; • As folhas apresentam limbo bem desenvolvido, arredondado, com pecíolo longo e nervuras bem destacadas. 3 16 de setembro de 2014 Brassica oleracea
  • 5. 5 22 de julho de 2012 Semeadura 10 cm 4 a 5 folhas Transplantio Brassica oleracea
  • 6. 6 22 de julho de 2012 Brassica oleracea
  • 7. Broto Planta mãe Canteiro 50 cm 7 16 de setembro de 2014 Brassica oleracea
  • 9. • Manteiga verde lisa 9 22 de julho de 2012 Variedades Brassica oleracea • Manteiga verde crespa • Manteiga roxa • Galega
  • 11. • Rica em Cálcio, Fosforo e Ferro; • Vitamina A e complexo B; • Utilizada principalmente em saladas e sopas. 11 22 de julho de 2012 Importância alimentar Brassica oleracea
  • 12. • Sete benefícios da couve: Aliviar a prisão de ventre Evitar má disposição Curar e aliviar a dor de úlceras gástricas Cortes e feridas Dores, inchaço e feridas no peito devido à amamentação Prevenir e curar constipações e gripes Evitar ressacas 12 22 de julho de 2012 Importância alimentar Brassica oleracea
  • 14. 14 22 de julho de 2012 Curiosidades Brassica oleracea

Notas do Editor

  1.  Para plantar é só lascar o galho de um pé maior de couve e que tenha uns brotinhos próximos das folhas; enterre este galho em uns 10 cm de terra, depois molhe pelo menos uma vez por dia. Dentro de pouco tempo ela brota e começa a sair mais folhas.