SlideShare uma empresa Scribd logo
Prof. ª Enfermeira do Trabalho – Ravena Rocha 
2013
Acidente de Trabalho 
 Conceito 
Acidente é toda ocorrência não desejada 
que modifica ou põe fim ao andamento 
normal de qualquer tipo de atividade.
Acidente de Trabalho 
 Aplicação 
Pode ser aplicado a um equipamento 
danificado (perdas materiais), ou quando 
alguém sofre algum tipo de lesão que 
venha a provocar danos ao indivíduo que 
foi vitimado.
Acidente de Trabalho 
 Conceitos Legais 
Segundo a legislação brasileira do M.T.E., no 
seu artigo 2º. da Lei nº. 6.367, de 
19/10/1976 - “é aquele que ocorre pelo 
exercício do trabalho a serviço da empresa, 
provocando lesão corporal ou perturbação 
funcional que causa a morte ou perda, ou 
redução, permanente ou temporária, da 
capacidade para o trabalho”.
Acidente de Trabalho 
 Importante 
Portanto, mesmo ocorrências que não 
resultem em lesões ou danos materiais, 
devem ser tidas como acidentes e exigem 
uma investigação do pessoal técnico, para 
evitar a repetição do fato.
Acidente de Trabalho 
 Importante 
As empresas têm a responsabilidade de 
garantir condições seguras aos seus 
empregados e a segurança do trabalho 
tem a função de prevenir o aparecimento 
de acidentes, criar programas de controle 
de riscos e garantir o cumprimentos das 
regras de prevenção e comportamentos 
dos trabalhadores.
Acidente de Trabalho 
Causas 
O estudo das causas constitui-se numa 
maneira de se obterem conhecimentos de 
como e por que surgem os acidentes de 
trabalho. Isso facilita o estudo das 
medidas preventivas, isto é, o estudo das 
medidas que impedem o surgimento das 
causas e, portanto, a ocorrência de novos 
acidentes.
Acidente de Trabalho 
Causas 
Principais fatores para a ocorrência do 
Acidente de Trabalho: 
A condição ambiente de insegurança, que é a 
condição ambiental existente na empresa e 
que predispõe ao acidente. 
O Ato inseguro, que é qualquer 
comportamento inadequado que predispõe ao 
acidente.
Acidente de Trabalho 
 Circunstâncias 
 Qualquer tipo de lesão ocorrida no local de 
trabalho caminho ou volta do trabalho. 
 Qualquer tipo de lesão ocorrida fora dos 
limites da empresa e fora do local de 
trabalho, fora do local da empresa, mais 
em função dele.
Acidente de Trabalho 
 Tipos 
1. Acidentes sem afastamento. 
Quando o empregado é acidentado e 
continua a trabalhar normalmente após 
ter ocorrido o acidente;
Acidente de Trabalho 
 Tipos 
1. Acidentes com afastamento. 
Quando o empregado acidentado deixa 
de trabalhar durante algum tempo, 
devido às consequências do acidente. 
Podendo resultar:
Acidente de Trabalho 
 Tipos 
1. Acidentes com afastamento. 
a) Incapacidade temporária, que significa a 
perda total da capacidade de trabalho 
durante o dia do acidente, podendo se 
prolongar por mais dias. Porém, ao retornar 
ao trabalho, o empregado assume o cargo 
que ocupava sem redução de sua capacidade 
de trabalhar.
Acidente de Trabalho 
 Tipos 
1. Acidentes com afastamento. 
b) Incapacidade permanente parcial, que é a 
redução permanente e parcial da capacidade 
de trabalhar motivada por redução da função 
ou perda de qualquer membro ou parte dele 
devido ao acidente;
Acidente de Trabalho 
 Tipos 
1. Acidentes com afastamento. 
c) Incapacidade total permanente que é a 
perda total, em caráter permanente, da 
capacidade de trabalho; 
d) Morte;
Acidente de Trabalho 
Repercussão Social 
1. Limitação das atividades sociais do 
acidentado. Ocorrendo em função da 
gravidade do acidente, pode até 
marginalizar o trabalhador da sociedade.
Acidente de Trabalho 
 Repercussão Social 
2. Reflexos familiares, caracterizados pelos 
cuidados especiais que lhe terão de ser 
dispensados, ocasionando, inclusive, o 
afastamento de outras pessoas do trabalho. 
Necessário aumento de despesas com 
medicamentos etc. e, consequente, redução 
da renda familiar. 
Alteração de projetos que, diante da natureza 
do acidente, podem até ser cancelados
Acidente de Trabalho 
 Repercussão Social 
3. Diminuição da força de trabalho da 
coletividade e Aumento do preço dos 
produtos: 
Preço final do produto, que fica onerado pela 
diminuição de produção em escala e pelos 
encargos adicionais advindos do amparo ao 
acidentado e substituição do trabalhador; 
Maior número de dependentes da 
coletividade
Acidente de Trabalho 
Repercussão Econômica 
1. O tempo de trabalho perdido, com o 
afastamento do acidentado. 
2. Queda de produção pela interrupção do 
trabalho, até que o trabalhador retorne, 
ou seja substituído, há um lapso de 
tempo em que suas tarefas deixam de 
ser executadas, influindo para a redução 
da produção
Acidente de Trabalho 
 Repercussão Econômica 
3. Diminuição da produtividade causada pelos 
impactos emocionais. 
Custos de máquinas ou equipamentos 
danificados e matéria-prima ou materiais 
perdidos. 
Gastos com primeiros socorros e transporte 
de acidentados. 
Atraso na entrega de produtos e imagem 
negativa da empresa.
Acidente de Trabalho 
 Benefícios – redução 
1. Redução de encargos pela Previdência 
Social, em decorrência de acidentes. 
2. Maior força de trabalho. 
3. Equilíbrio de ânimos pela ausência do mal 
estar que causa os acidentes
Acidente de Trabalho 
 Benefícios – redução 
4. Maior equilíbrio entre a renda e despesas 
do trabalhador. 
5. Benefícios para a empresa com redução 
de prejuízos. 
6. Menor despesa com treinamento de 
substitutos de acidentados.
Acidente de Trabalho 
 Benefícios – redução 
7. Aumento na produção 
8. Maior produtividade dos trabalhadores. 
9. Redução de despesas médicas e salários 
não cobertos pelo seguro.
Acidente de Trabalho 
 Causas Principais 
1. Operacionais – Falhas de componentes, reações 
aceleradas ou inesperadas, perdas de controle e 
etc.; 
2. Ambientais – Mudanças climáticas, interferência 
de outro acidente e etc.; 
3. Pessoais – Erros, desobediências, etc.; 
4. Organizacionais - Inadequações no 
gerenciamento.
Acidente de Trabalho 
Consequências acordo com a extensão e 
tipo de: 
1. Área afetada; 
2. Número de pessoas atingidas; 
3. Tipo de pessoas atingidas 
4. Perdas materiais; 
5. Danos na vida comunitária.
Acidente de Trabalho 
 Árvore de Causas: 
Método prático de investigação de acidentes 
do trabalho. 
Baseado na teoria de sistemas e na 
pluricausalidade do fenômeno acidente.
Acidente de Trabalho 
 Árvore de Causas: 
Implicando em pesquisa minuciosa dos 
fatores relacionados com a ocorrência de cada 
acidente. 
Exploram aspectos envolvidos na ocorrência 
dos acidentes, particularmente os relativos à 
organização do trabalho.
Acidente de Trabalho 
 Árvore de Causas. 
O método é composto de quatro etapas: 
Coleta e organização de dados. 
Elaboração da árvore. 
Seguida de sua leitura e interpretação. 
Identificação de medidas preventivas, seleção de 
medidas preventivas, acompanhamento de sua 
implantação e de seu resultado.
Acidente de Trabalho 
 Comunicação do acidente de trabalho – CAT 
A comunicação será feita ao INSS por 
intermédio do formulário CAT, preenchido em 
quatro vias, com a seguinte destinação: 
1ª via: ao INSS; 
2ª via: ao segurado ou dependente; 
3ª via: ao sindicato dos trabalhadores; 
4ª via: à empresa.
Acidente de Trabalho 
 Comunicação do acidente de trabalho – CAT 
A empresa é responsável pelo pagamento dos 
15 (quinze) primeiros dias a partir da data do 
acidente. 
A Previdência Social é responsável pelo 
pagamento a partir do 16º dia da data do 
afastamento da atividade.
Acidente de Trabalho 
 Comunicação do acidente de trabalho – CAT 
Ocorrendo o acidente de trabalho, 
independentemente de afastamento ou não, 
ainda que por meio período, é obrigatória a 
emissão da CAT por parte do empregador.
Acidente de Trabalho 
 Comunicação do acidente de trabalho – CAT 
Havendo acidente de trabalho sem o 
preenchimento da CAT pela empresa, podem 
formalizá-lo o próprio acidentado, seus 
dependentes, a entidade sindical competente, 
o médico que o assistiu ou qualquer 
autoridade pública (inclusive o próprio perito 
do INSS quando da realização da perícia).
Acidente de Trabalho 
 Comunicação do acidente de trabalho – CAT 
Hoje qualquer trabalhador que incorra em 
algum acidente de trabalho, poderá se dirigir 
a um hospital do SUS ou devidamente 
credenciado, para ter atendimento.
Acidente de Trabalho

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Prevenção de Acidentes de Trabalho
Prevenção de Acidentes de TrabalhoPrevenção de Acidentes de Trabalho
Prevenção de Acidentes de Trabalho
IZAIAS DE SOUZA AGUIAR
 
Acidentes de trabalho (causas e consequências)
Acidentes de trabalho   (causas e consequências)Acidentes de trabalho   (causas e consequências)
Acidentes de trabalho (causas e consequências)
Agostinho J. Neto
 
Doença Profissional e Doença do Trabalho
Doença Profissional e Doença do TrabalhoDoença Profissional e Doença do Trabalho
Doença Profissional e Doença do Trabalho
Day Vasconcellos
 
Riscos Ambientais e Medidas de Controle de Riscos
Riscos Ambientais e Medidas de Controle de RiscosRiscos Ambientais e Medidas de Controle de Riscos
Riscos Ambientais e Medidas de Controle de Riscos
Gerlane Batista
 
Doenças ocupacionais
Doenças ocupacionaisDoenças ocupacionais
Doenças ocupacionais
Tiago Malta
 
Acidente do trabalho e doenças ocupacionais
Acidente do trabalho e doenças ocupacionaisAcidente do trabalho e doenças ocupacionais
Acidente do trabalho e doenças ocupacionais
RONALDO COSTA
 
riscos ambientais
 riscos ambientais riscos ambientais
riscos ambientais
Day Vasconcellos
 
Aula 1 - Higiene e Segurança do Trabalho
Aula 1 - Higiene e Segurança do TrabalhoAula 1 - Higiene e Segurança do Trabalho
Aula 1 - Higiene e Segurança do Trabalho
Unidade Acedêmica de Engenharia de Produção
 
Acidente de trabalho
Acidente de trabalhoAcidente de trabalho
Acidente de trabalho
Ythia Karla
 
Acidente no Trabalho
Acidente no TrabalhoAcidente no Trabalho
Acidente no Trabalho
Nayane Ferreira
 
NR7 PCMSO
NR7 PCMSONR7 PCMSO
NR7 PCMSO
Rose Oliveira
 
Aula 2 - Normas Regulamentadoras
Aula 2 - Normas RegulamentadorasAula 2 - Normas Regulamentadoras
Aula 2 - Normas Regulamentadoras
Ghiordanno Bruno
 
Aula EPI - Apresentação
Aula EPI - ApresentaçãoAula EPI - Apresentação
Aula EPI - Apresentação
Rapha_Carvalho
 
Riscos ambientais
Riscos ambientais   Riscos ambientais
Riscos ambientais
Ythia Karla
 
Medidas para prevenção de acidentes no trabalho
Medidas para prevenção de acidentes no trabalhoMedidas para prevenção de acidentes no trabalho
Medidas para prevenção de acidentes no trabalho
Thaysa Brito
 
Aula 3 doenças ocupacionais
Aula 3   doenças ocupacionaisAula 3   doenças ocupacionais
Aula 3 doenças ocupacionais
Daniel Moura
 
Introdução à Segurança do Trabalho
Introdução à Segurança do TrabalhoIntrodução à Segurança do Trabalho
Introdução à Segurança do Trabalho
alessandra_775
 
Saúde e Segurança no Trabalho
Saúde e Segurança no TrabalhoSaúde e Segurança no Trabalho
Saúde e Segurança no Trabalho
Leonardo Machado
 
Higiene e segurança no trabalho
Higiene e segurança no trabalhoHigiene e segurança no trabalho
Higiene e segurança no trabalho
Rita Galrito
 
Segurança do trabalho
Segurança do trabalhoSegurança do trabalho
Segurança do trabalho
Mauricio Cesar Soares
 

Mais procurados (20)

Prevenção de Acidentes de Trabalho
Prevenção de Acidentes de TrabalhoPrevenção de Acidentes de Trabalho
Prevenção de Acidentes de Trabalho
 
Acidentes de trabalho (causas e consequências)
Acidentes de trabalho   (causas e consequências)Acidentes de trabalho   (causas e consequências)
Acidentes de trabalho (causas e consequências)
 
Doença Profissional e Doença do Trabalho
Doença Profissional e Doença do TrabalhoDoença Profissional e Doença do Trabalho
Doença Profissional e Doença do Trabalho
 
Riscos Ambientais e Medidas de Controle de Riscos
Riscos Ambientais e Medidas de Controle de RiscosRiscos Ambientais e Medidas de Controle de Riscos
Riscos Ambientais e Medidas de Controle de Riscos
 
Doenças ocupacionais
Doenças ocupacionaisDoenças ocupacionais
Doenças ocupacionais
 
Acidente do trabalho e doenças ocupacionais
Acidente do trabalho e doenças ocupacionaisAcidente do trabalho e doenças ocupacionais
Acidente do trabalho e doenças ocupacionais
 
riscos ambientais
 riscos ambientais riscos ambientais
riscos ambientais
 
Aula 1 - Higiene e Segurança do Trabalho
Aula 1 - Higiene e Segurança do TrabalhoAula 1 - Higiene e Segurança do Trabalho
Aula 1 - Higiene e Segurança do Trabalho
 
Acidente de trabalho
Acidente de trabalhoAcidente de trabalho
Acidente de trabalho
 
Acidente no Trabalho
Acidente no TrabalhoAcidente no Trabalho
Acidente no Trabalho
 
NR7 PCMSO
NR7 PCMSONR7 PCMSO
NR7 PCMSO
 
Aula 2 - Normas Regulamentadoras
Aula 2 - Normas RegulamentadorasAula 2 - Normas Regulamentadoras
Aula 2 - Normas Regulamentadoras
 
Aula EPI - Apresentação
Aula EPI - ApresentaçãoAula EPI - Apresentação
Aula EPI - Apresentação
 
Riscos ambientais
Riscos ambientais   Riscos ambientais
Riscos ambientais
 
Medidas para prevenção de acidentes no trabalho
Medidas para prevenção de acidentes no trabalhoMedidas para prevenção de acidentes no trabalho
Medidas para prevenção de acidentes no trabalho
 
Aula 3 doenças ocupacionais
Aula 3   doenças ocupacionaisAula 3   doenças ocupacionais
Aula 3 doenças ocupacionais
 
Introdução à Segurança do Trabalho
Introdução à Segurança do TrabalhoIntrodução à Segurança do Trabalho
Introdução à Segurança do Trabalho
 
Saúde e Segurança no Trabalho
Saúde e Segurança no TrabalhoSaúde e Segurança no Trabalho
Saúde e Segurança no Trabalho
 
Higiene e segurança no trabalho
Higiene e segurança no trabalhoHigiene e segurança no trabalho
Higiene e segurança no trabalho
 
Segurança do trabalho
Segurança do trabalhoSegurança do trabalho
Segurança do trabalho
 

Semelhante a Aula 3 - Acidente de Trabalho

Caracteristica de acidente e impactos
Caracteristica de acidente e impactosCaracteristica de acidente e impactos
Caracteristica de acidente e impactos
Nando Tavares
 
1 apresentação geral
1   apresentação geral1   apresentação geral
1 apresentação geral
Nilton Goulart
 
1 apresentação geral
1   apresentação geral1   apresentação geral
1 apresentação geral
Nilton Goulart
 
SLIDES AULA DIA 01-03-2023 - TURMA DE MECÂNICA.pdf
SLIDES AULA DIA 01-03-2023 - TURMA DE MECÂNICA.pdfSLIDES AULA DIA 01-03-2023 - TURMA DE MECÂNICA.pdf
SLIDES AULA DIA 01-03-2023 - TURMA DE MECÂNICA.pdf
WellingtonOliveira773953
 
Trabalho adm gerencial seminario seg-trab
Trabalho adm gerencial seminario seg-trabTrabalho adm gerencial seminario seg-trab
Trabalho adm gerencial seminario seg-trab
Correios
 
Trabalho Adm Gerencial
Trabalho Adm GerencialTrabalho Adm Gerencial
Trabalho Adm Gerencial
Correios
 
Aula 2 - SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO EM SERVIÇOS DE.pptx
Aula 2 - SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO EM SERVIÇOS DE.pptxAula 2 - SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO EM SERVIÇOS DE.pptx
Aula 2 - SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO EM SERVIÇOS DE.pptx
SimoneMessiasRodrigu
 
Exercício hst
Exercício  hstExercício  hst
Exercício hst
Gleyciana Garrido
 
Trabalho
TrabalhoTrabalho
Trabalho
lucaswee
 
Trabalho sena
Trabalho senaTrabalho sena
Trabalho sena
lucaswee
 
Acidente no Trabalho
Acidente no TrabalhoAcidente no Trabalho
Acidente no Trabalho
Nayane Ferreira
 
acidente no trabalho
acidente no trabalhoacidente no trabalho
acidente no trabalho
Nayane Ferreira
 
Tst acidente de trabalho
Tst   acidente de trabalhoTst   acidente de trabalho
Tst acidente de trabalho
Bolivar Motta
 
Artigo dds final
Artigo dds finalArtigo dds final
Artigo dds final
ROSIENE DIVINA
 
Acidente de trabalho
Acidente de trabalhoAcidente de trabalho
Acidente de trabalho
Cosmo Palasio
 
M4 Acidentes de Trabalho e Doencas Profissionais.pptx
M4 Acidentes de Trabalho e Doencas Profissionais.pptxM4 Acidentes de Trabalho e Doencas Profissionais.pptx
M4 Acidentes de Trabalho e Doencas Profissionais.pptx
soniaalmeida38
 
Resumo aula higiene e seguranca do trabalho 03
Resumo aula higiene e seguranca do trabalho 03Resumo aula higiene e seguranca do trabalho 03
Resumo aula higiene e seguranca do trabalho 03
Danillo Izidoro
 
Curso de cipa 2015
Curso de cipa 2015Curso de cipa 2015
Curso de cipa 2015
Carlos Alberto Souza Bordin
 
acidente de trabalho
acidente de trabalhoacidente de trabalho
acidente de trabalho
Neurian Santos
 
CUIDADOS E BIOSSEGURANÇA DO TRABALHO CONCEITOS LABORATORIAL E EPIDEMIOLOGICO
CUIDADOS E BIOSSEGURANÇA DO TRABALHO CONCEITOS LABORATORIAL E EPIDEMIOLOGICOCUIDADOS E BIOSSEGURANÇA DO TRABALHO CONCEITOS LABORATORIAL E EPIDEMIOLOGICO
CUIDADOS E BIOSSEGURANÇA DO TRABALHO CONCEITOS LABORATORIAL E EPIDEMIOLOGICO
ArtthurPereira2
 

Semelhante a Aula 3 - Acidente de Trabalho (20)

Caracteristica de acidente e impactos
Caracteristica de acidente e impactosCaracteristica de acidente e impactos
Caracteristica de acidente e impactos
 
1 apresentação geral
1   apresentação geral1   apresentação geral
1 apresentação geral
 
1 apresentação geral
1   apresentação geral1   apresentação geral
1 apresentação geral
 
SLIDES AULA DIA 01-03-2023 - TURMA DE MECÂNICA.pdf
SLIDES AULA DIA 01-03-2023 - TURMA DE MECÂNICA.pdfSLIDES AULA DIA 01-03-2023 - TURMA DE MECÂNICA.pdf
SLIDES AULA DIA 01-03-2023 - TURMA DE MECÂNICA.pdf
 
Trabalho adm gerencial seminario seg-trab
Trabalho adm gerencial seminario seg-trabTrabalho adm gerencial seminario seg-trab
Trabalho adm gerencial seminario seg-trab
 
Trabalho Adm Gerencial
Trabalho Adm GerencialTrabalho Adm Gerencial
Trabalho Adm Gerencial
 
Aula 2 - SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO EM SERVIÇOS DE.pptx
Aula 2 - SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO EM SERVIÇOS DE.pptxAula 2 - SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO EM SERVIÇOS DE.pptx
Aula 2 - SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO EM SERVIÇOS DE.pptx
 
Exercício hst
Exercício  hstExercício  hst
Exercício hst
 
Trabalho
TrabalhoTrabalho
Trabalho
 
Trabalho sena
Trabalho senaTrabalho sena
Trabalho sena
 
Acidente no Trabalho
Acidente no TrabalhoAcidente no Trabalho
Acidente no Trabalho
 
acidente no trabalho
acidente no trabalhoacidente no trabalho
acidente no trabalho
 
Tst acidente de trabalho
Tst   acidente de trabalhoTst   acidente de trabalho
Tst acidente de trabalho
 
Artigo dds final
Artigo dds finalArtigo dds final
Artigo dds final
 
Acidente de trabalho
Acidente de trabalhoAcidente de trabalho
Acidente de trabalho
 
M4 Acidentes de Trabalho e Doencas Profissionais.pptx
M4 Acidentes de Trabalho e Doencas Profissionais.pptxM4 Acidentes de Trabalho e Doencas Profissionais.pptx
M4 Acidentes de Trabalho e Doencas Profissionais.pptx
 
Resumo aula higiene e seguranca do trabalho 03
Resumo aula higiene e seguranca do trabalho 03Resumo aula higiene e seguranca do trabalho 03
Resumo aula higiene e seguranca do trabalho 03
 
Curso de cipa 2015
Curso de cipa 2015Curso de cipa 2015
Curso de cipa 2015
 
acidente de trabalho
acidente de trabalhoacidente de trabalho
acidente de trabalho
 
CUIDADOS E BIOSSEGURANÇA DO TRABALHO CONCEITOS LABORATORIAL E EPIDEMIOLOGICO
CUIDADOS E BIOSSEGURANÇA DO TRABALHO CONCEITOS LABORATORIAL E EPIDEMIOLOGICOCUIDADOS E BIOSSEGURANÇA DO TRABALHO CONCEITOS LABORATORIAL E EPIDEMIOLOGICO
CUIDADOS E BIOSSEGURANÇA DO TRABALHO CONCEITOS LABORATORIAL E EPIDEMIOLOGICO
 

Mais de Ghiordanno Bruno

Aula 06 - Busca em Base de Dados
Aula 06 - Busca em Base de DadosAula 06 - Busca em Base de Dados
Aula 06 - Busca em Base de Dados
Ghiordanno Bruno
 
Aula 05 - Referências
Aula 05 - ReferênciasAula 05 - Referências
Aula 05 - Referências
Ghiordanno Bruno
 
Aula 04 - O Projeto de Pesquisa
Aula 04 - O Projeto de PesquisaAula 04 - O Projeto de Pesquisa
Aula 04 - O Projeto de Pesquisa
Ghiordanno Bruno
 
Aula 03 - Métodos de Leituras
Aula 03 - Métodos de LeiturasAula 03 - Métodos de Leituras
Aula 03 - Métodos de Leituras
Ghiordanno Bruno
 
Aula 02 - Tipos de Pesquisas
Aula 02 - Tipos de PesquisasAula 02 - Tipos de Pesquisas
Aula 02 - Tipos de Pesquisas
Ghiordanno Bruno
 
Aula 01 - Conhecimento Científico
Aula 01 - Conhecimento CientíficoAula 01 - Conhecimento Científico
Aula 01 - Conhecimento Científico
Ghiordanno Bruno
 
Aula 01 - O Processo Saúde e Doença
Aula 01 - O Processo Saúde e DoençaAula 01 - O Processo Saúde e Doença
Aula 01 - O Processo Saúde e Doença
Ghiordanno Bruno
 
Aula 01 - Sistemas de informação em saúde para gestão do SUS
Aula 01 - Sistemas de informação em saúde para gestão do SUSAula 01 - Sistemas de informação em saúde para gestão do SUS
Aula 01 - Sistemas de informação em saúde para gestão do SUS
Ghiordanno Bruno
 
Aula 04 - Mapa de Risco
Aula 04 - Mapa de RiscoAula 04 - Mapa de Risco
Aula 04 - Mapa de Risco
Ghiordanno Bruno
 
Aula 1 - Administração de Enfermagem na Saúde Trabalhador
Aula 1 - Administração de Enfermagem na Saúde TrabalhadorAula 1 - Administração de Enfermagem na Saúde Trabalhador
Aula 1 - Administração de Enfermagem na Saúde Trabalhador
Ghiordanno Bruno
 
Aula 3 - SUS
Aula 3 - SUSAula 3 - SUS
Aula 3 - SUS
Ghiordanno Bruno
 
Aula 2 - A construção do SUS no contexo das políticas públicas
Aula 2 - A construção do SUS no contexo das políticas públicasAula 2 - A construção do SUS no contexo das políticas públicas
Aula 2 - A construção do SUS no contexo das políticas públicas
Ghiordanno Bruno
 
Aula 1 - Saúde e Sociedade
Aula 1 - Saúde e SociedadeAula 1 - Saúde e Sociedade
Aula 1 - Saúde e Sociedade
Ghiordanno Bruno
 
Vigilância Sanitária
Vigilância SanitáriaVigilância Sanitária
Vigilância Sanitária
Ghiordanno Bruno
 
Aula 02 - A construção do SUS no contexto das políticas públicas
Aula 02 - A construção do SUS no contexto das políticas públicasAula 02 - A construção do SUS no contexto das políticas públicas
Aula 02 - A construção do SUS no contexto das políticas públicas
Ghiordanno Bruno
 
Aula 01 - Saúde, Cultura e Sociedade
Aula 01 - Saúde, Cultura e SociedadeAula 01 - Saúde, Cultura e Sociedade
Aula 01 - Saúde, Cultura e Sociedade
Ghiordanno Bruno
 

Mais de Ghiordanno Bruno (16)

Aula 06 - Busca em Base de Dados
Aula 06 - Busca em Base de DadosAula 06 - Busca em Base de Dados
Aula 06 - Busca em Base de Dados
 
Aula 05 - Referências
Aula 05 - ReferênciasAula 05 - Referências
Aula 05 - Referências
 
Aula 04 - O Projeto de Pesquisa
Aula 04 - O Projeto de PesquisaAula 04 - O Projeto de Pesquisa
Aula 04 - O Projeto de Pesquisa
 
Aula 03 - Métodos de Leituras
Aula 03 - Métodos de LeiturasAula 03 - Métodos de Leituras
Aula 03 - Métodos de Leituras
 
Aula 02 - Tipos de Pesquisas
Aula 02 - Tipos de PesquisasAula 02 - Tipos de Pesquisas
Aula 02 - Tipos de Pesquisas
 
Aula 01 - Conhecimento Científico
Aula 01 - Conhecimento CientíficoAula 01 - Conhecimento Científico
Aula 01 - Conhecimento Científico
 
Aula 01 - O Processo Saúde e Doença
Aula 01 - O Processo Saúde e DoençaAula 01 - O Processo Saúde e Doença
Aula 01 - O Processo Saúde e Doença
 
Aula 01 - Sistemas de informação em saúde para gestão do SUS
Aula 01 - Sistemas de informação em saúde para gestão do SUSAula 01 - Sistemas de informação em saúde para gestão do SUS
Aula 01 - Sistemas de informação em saúde para gestão do SUS
 
Aula 04 - Mapa de Risco
Aula 04 - Mapa de RiscoAula 04 - Mapa de Risco
Aula 04 - Mapa de Risco
 
Aula 1 - Administração de Enfermagem na Saúde Trabalhador
Aula 1 - Administração de Enfermagem na Saúde TrabalhadorAula 1 - Administração de Enfermagem na Saúde Trabalhador
Aula 1 - Administração de Enfermagem na Saúde Trabalhador
 
Aula 3 - SUS
Aula 3 - SUSAula 3 - SUS
Aula 3 - SUS
 
Aula 2 - A construção do SUS no contexo das políticas públicas
Aula 2 - A construção do SUS no contexo das políticas públicasAula 2 - A construção do SUS no contexo das políticas públicas
Aula 2 - A construção do SUS no contexo das políticas públicas
 
Aula 1 - Saúde e Sociedade
Aula 1 - Saúde e SociedadeAula 1 - Saúde e Sociedade
Aula 1 - Saúde e Sociedade
 
Vigilância Sanitária
Vigilância SanitáriaVigilância Sanitária
Vigilância Sanitária
 
Aula 02 - A construção do SUS no contexto das políticas públicas
Aula 02 - A construção do SUS no contexto das políticas públicasAula 02 - A construção do SUS no contexto das políticas públicas
Aula 02 - A construção do SUS no contexto das políticas públicas
 
Aula 01 - Saúde, Cultura e Sociedade
Aula 01 - Saúde, Cultura e SociedadeAula 01 - Saúde, Cultura e Sociedade
Aula 01 - Saúde, Cultura e Sociedade
 

Último

Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdfJOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
ClaudiaMainoth
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 

Último (20)

Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdfJOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 

Aula 3 - Acidente de Trabalho

  • 1. Prof. ª Enfermeira do Trabalho – Ravena Rocha 2013
  • 2. Acidente de Trabalho  Conceito Acidente é toda ocorrência não desejada que modifica ou põe fim ao andamento normal de qualquer tipo de atividade.
  • 3. Acidente de Trabalho  Aplicação Pode ser aplicado a um equipamento danificado (perdas materiais), ou quando alguém sofre algum tipo de lesão que venha a provocar danos ao indivíduo que foi vitimado.
  • 4. Acidente de Trabalho  Conceitos Legais Segundo a legislação brasileira do M.T.E., no seu artigo 2º. da Lei nº. 6.367, de 19/10/1976 - “é aquele que ocorre pelo exercício do trabalho a serviço da empresa, provocando lesão corporal ou perturbação funcional que causa a morte ou perda, ou redução, permanente ou temporária, da capacidade para o trabalho”.
  • 5. Acidente de Trabalho  Importante Portanto, mesmo ocorrências que não resultem em lesões ou danos materiais, devem ser tidas como acidentes e exigem uma investigação do pessoal técnico, para evitar a repetição do fato.
  • 6. Acidente de Trabalho  Importante As empresas têm a responsabilidade de garantir condições seguras aos seus empregados e a segurança do trabalho tem a função de prevenir o aparecimento de acidentes, criar programas de controle de riscos e garantir o cumprimentos das regras de prevenção e comportamentos dos trabalhadores.
  • 7. Acidente de Trabalho Causas O estudo das causas constitui-se numa maneira de se obterem conhecimentos de como e por que surgem os acidentes de trabalho. Isso facilita o estudo das medidas preventivas, isto é, o estudo das medidas que impedem o surgimento das causas e, portanto, a ocorrência de novos acidentes.
  • 8. Acidente de Trabalho Causas Principais fatores para a ocorrência do Acidente de Trabalho: A condição ambiente de insegurança, que é a condição ambiental existente na empresa e que predispõe ao acidente. O Ato inseguro, que é qualquer comportamento inadequado que predispõe ao acidente.
  • 9. Acidente de Trabalho  Circunstâncias  Qualquer tipo de lesão ocorrida no local de trabalho caminho ou volta do trabalho.  Qualquer tipo de lesão ocorrida fora dos limites da empresa e fora do local de trabalho, fora do local da empresa, mais em função dele.
  • 10. Acidente de Trabalho  Tipos 1. Acidentes sem afastamento. Quando o empregado é acidentado e continua a trabalhar normalmente após ter ocorrido o acidente;
  • 11. Acidente de Trabalho  Tipos 1. Acidentes com afastamento. Quando o empregado acidentado deixa de trabalhar durante algum tempo, devido às consequências do acidente. Podendo resultar:
  • 12. Acidente de Trabalho  Tipos 1. Acidentes com afastamento. a) Incapacidade temporária, que significa a perda total da capacidade de trabalho durante o dia do acidente, podendo se prolongar por mais dias. Porém, ao retornar ao trabalho, o empregado assume o cargo que ocupava sem redução de sua capacidade de trabalhar.
  • 13. Acidente de Trabalho  Tipos 1. Acidentes com afastamento. b) Incapacidade permanente parcial, que é a redução permanente e parcial da capacidade de trabalhar motivada por redução da função ou perda de qualquer membro ou parte dele devido ao acidente;
  • 14. Acidente de Trabalho  Tipos 1. Acidentes com afastamento. c) Incapacidade total permanente que é a perda total, em caráter permanente, da capacidade de trabalho; d) Morte;
  • 15. Acidente de Trabalho Repercussão Social 1. Limitação das atividades sociais do acidentado. Ocorrendo em função da gravidade do acidente, pode até marginalizar o trabalhador da sociedade.
  • 16. Acidente de Trabalho  Repercussão Social 2. Reflexos familiares, caracterizados pelos cuidados especiais que lhe terão de ser dispensados, ocasionando, inclusive, o afastamento de outras pessoas do trabalho. Necessário aumento de despesas com medicamentos etc. e, consequente, redução da renda familiar. Alteração de projetos que, diante da natureza do acidente, podem até ser cancelados
  • 17. Acidente de Trabalho  Repercussão Social 3. Diminuição da força de trabalho da coletividade e Aumento do preço dos produtos: Preço final do produto, que fica onerado pela diminuição de produção em escala e pelos encargos adicionais advindos do amparo ao acidentado e substituição do trabalhador; Maior número de dependentes da coletividade
  • 18. Acidente de Trabalho Repercussão Econômica 1. O tempo de trabalho perdido, com o afastamento do acidentado. 2. Queda de produção pela interrupção do trabalho, até que o trabalhador retorne, ou seja substituído, há um lapso de tempo em que suas tarefas deixam de ser executadas, influindo para a redução da produção
  • 19. Acidente de Trabalho  Repercussão Econômica 3. Diminuição da produtividade causada pelos impactos emocionais. Custos de máquinas ou equipamentos danificados e matéria-prima ou materiais perdidos. Gastos com primeiros socorros e transporte de acidentados. Atraso na entrega de produtos e imagem negativa da empresa.
  • 20. Acidente de Trabalho  Benefícios – redução 1. Redução de encargos pela Previdência Social, em decorrência de acidentes. 2. Maior força de trabalho. 3. Equilíbrio de ânimos pela ausência do mal estar que causa os acidentes
  • 21. Acidente de Trabalho  Benefícios – redução 4. Maior equilíbrio entre a renda e despesas do trabalhador. 5. Benefícios para a empresa com redução de prejuízos. 6. Menor despesa com treinamento de substitutos de acidentados.
  • 22. Acidente de Trabalho  Benefícios – redução 7. Aumento na produção 8. Maior produtividade dos trabalhadores. 9. Redução de despesas médicas e salários não cobertos pelo seguro.
  • 23. Acidente de Trabalho  Causas Principais 1. Operacionais – Falhas de componentes, reações aceleradas ou inesperadas, perdas de controle e etc.; 2. Ambientais – Mudanças climáticas, interferência de outro acidente e etc.; 3. Pessoais – Erros, desobediências, etc.; 4. Organizacionais - Inadequações no gerenciamento.
  • 24. Acidente de Trabalho Consequências acordo com a extensão e tipo de: 1. Área afetada; 2. Número de pessoas atingidas; 3. Tipo de pessoas atingidas 4. Perdas materiais; 5. Danos na vida comunitária.
  • 25. Acidente de Trabalho  Árvore de Causas: Método prático de investigação de acidentes do trabalho. Baseado na teoria de sistemas e na pluricausalidade do fenômeno acidente.
  • 26. Acidente de Trabalho  Árvore de Causas: Implicando em pesquisa minuciosa dos fatores relacionados com a ocorrência de cada acidente. Exploram aspectos envolvidos na ocorrência dos acidentes, particularmente os relativos à organização do trabalho.
  • 27. Acidente de Trabalho  Árvore de Causas. O método é composto de quatro etapas: Coleta e organização de dados. Elaboração da árvore. Seguida de sua leitura e interpretação. Identificação de medidas preventivas, seleção de medidas preventivas, acompanhamento de sua implantação e de seu resultado.
  • 28.
  • 29.
  • 30. Acidente de Trabalho  Comunicação do acidente de trabalho – CAT A comunicação será feita ao INSS por intermédio do formulário CAT, preenchido em quatro vias, com a seguinte destinação: 1ª via: ao INSS; 2ª via: ao segurado ou dependente; 3ª via: ao sindicato dos trabalhadores; 4ª via: à empresa.
  • 31. Acidente de Trabalho  Comunicação do acidente de trabalho – CAT A empresa é responsável pelo pagamento dos 15 (quinze) primeiros dias a partir da data do acidente. A Previdência Social é responsável pelo pagamento a partir do 16º dia da data do afastamento da atividade.
  • 32. Acidente de Trabalho  Comunicação do acidente de trabalho – CAT Ocorrendo o acidente de trabalho, independentemente de afastamento ou não, ainda que por meio período, é obrigatória a emissão da CAT por parte do empregador.
  • 33. Acidente de Trabalho  Comunicação do acidente de trabalho – CAT Havendo acidente de trabalho sem o preenchimento da CAT pela empresa, podem formalizá-lo o próprio acidentado, seus dependentes, a entidade sindical competente, o médico que o assistiu ou qualquer autoridade pública (inclusive o próprio perito do INSS quando da realização da perícia).
  • 34. Acidente de Trabalho  Comunicação do acidente de trabalho – CAT Hoje qualquer trabalhador que incorra em algum acidente de trabalho, poderá se dirigir a um hospital do SUS ou devidamente credenciado, para ter atendimento.