SlideShare uma empresa Scribd logo
 
Como surgiu a idéia:  Adam  Smith (1776) – Pin Factory inspirado em um artigo da Diderot´s Encyclopédie  Frederick W. Taylor – Gestão científica (Reengearia de processos)
The Spam of control (Subordinados) Departmentalization  By Process and Purpose (Departamentar por processo e finalidade) Information management  concepts  (Conceitos de Gestão de Informações)
Conceito: É o conjunto de atividades internas da empresa associadas às informações que manipula, utilizando os recursos e a  organização da empresa. Deve ser focalizado em um tipo de negócio, que normalmente está direcionado a um determinado mercado/cliente, com fornecedores bem definidos (figura abaixo).
Há 3 tipos de BP’s: Management processes, Os processos que gorvernam a operacao do sistema. Ex. : “Governança Corporativa" and “Gerencia Estratégica".  Operational processes, processos que constituem o  core business  e criam o valor primario da empresa. :Compras, Manufatura, Marketing, and Vendas.  Supporting processes, dão suporte ao processo como todo. Ex.: Contabilidade, Suporte Técnico.  Reengenharia deu força aos processos de negócios Reengenharia de Negocio Reengenharia de Processo Estrutura organizacional X Processo de negócios Foco na produção do produto e não nele. A referência para a implantação  de sistemas de gestão integrado (ERP)  também são os BP’s da empresa.
Um processo de negocio: Tem um objetivo Tem entradas bem definidas Tem saídas bem definidas Usa recursos Tem atividades que devem ser executadas em determinada ordem
BPM é um conjunto de tecnologias e padrões para o design, execução, administração, e monitoramento de processos de negócios. Para que os BPs possam servir de referência para diversas abordagens, eles devem ser mapeados (modelados). Há dois modelos visuais para representação de um BP: UML(Unified Modeling Language) BPMN(Business Process Modeling Notation)
 
Business Process Modeling Notation  (BPMN) é uma representacao grafica para especificacao de processos de neogocios em workflow. BPMN foi desenvolvido por  Business Process Management Initiative  (BPMI),e é mantido pelo  Object Management Group   desde 2005.  Objetivo principal é ter uma notação padronizada que seja de facil entendimento por todos que estão envolvidos no BP. Tipo de de representacao grafica: Flow Objects: Eventos, Atividades, Gateways  Connecting Objects: Fluxo de sequência, Fluxo de Mensagem, Associação Swimlanes: Pool, Lane  Artifacts: Objetos de dados,Grupos,Anotações
ERP
Introdução : Avanços das TI  ->  Sistemas Computacionais na Empresas Sistemas departamentalizados: Informações divididas Dificuldades de consolidar informações Inconsistência de dados
Surge necessidade dos ERPs Por quê?  Agrega em um só sistema integrado, funcionalidades que suportam as atividades dos diversos processos de negócio das empresas.  Mas o que é ERP?  Os ERPs em termos gerais, são uma plataforma de software desenvolvida para integrar os diversos departamentos de uma empresa, possibilitando a automatização e armazenamento de todas as informações de negócios.
História Década de 70  MRP (Material Requeriment Planning) Dependência de outros softwares(nem sempre era fácil) Década de 80 MRP II (Manufacturing Resource Planning) Otimizou a comunicação entre os departamentos Inclui mais sistemas e mais pacotes do sistema de gestão
História Década de 90  Pico dos ERPs  Disseminação da arquitetura cliente/servidor Inclui mais módulos: Ex: Gerenciamento da Gestão Pessoal, vendas e distribuição, finanças, etc. Ganhou espaço com o “ Bug do milênio ”
Estrutura : Estrutura típica de funcionamento de um sistema ERP (DAVENPORT, 1998)
Qual o melhor momento para implantar um software  ERP na sua empresa? Consome recursos humanos, financeiros e tempo. Quando não implantar? Sem capital Desorganizada Melhor momento: Bem financeiramente Equipe coesa e bem treinada, capacitada Complexidade na gestão Boa relação com o mercado
Sistemas operacionais: Unix; Windows; Linux Banco de dados: Oracle; Microsoft; IBM. Plataforma de hardware: Ideal: cliente/servidor; Risc, Intel, AS/400; Grande capacidade de armazenamento ou datacenter (externo). Redes: Redundância, links e VPN (longa distância)
 
Retrato Global: SAP  25,1% das receitas Oracle  7,0%,  Peoplesoft  6,5%,  SAGE  5,4%   Microsoft  4,9%  (Business Solutions) Os restantes 51,1%  (pulverizados) Fonte: Gartner
No Brasil: SAP  24% Datasul 19%  Microsiga  14% Fonte: FGV
Empresas de médio porte: Microsiga  17%  Datasul  16% Logocenter   6%  SAP    2%.  Fonte: Yankee Group
 
His tórico da empresa: Criação  nos anos 50; Em 1967, ocorreu a Primeira Demanda de Gerenciamento    da Empresa. Criação de departamentos (produção, refino,    etc.); Durante 30 anos, buscaram integrar seus sistemas    operacionais, que eram rodados nos mainframes; Fim do Monopólio e a desregulamentação do setor    petrolífero no país; Estudo de um Planejamento Estratégico com objetivo de    implementar um sistema Integrado, que integre as 4 áreas    que a empresa se dividia;
Estudos para implementação de um sistema ERP: 1996 – Discussão sobre sistemas Integrados de Gestão    Empresarial; 1997 – Iniciou estudos para avaliar a importânciade um ERP: 400 empresas da lista “Fortune 500” já possuíam    contratado um sistema ERP; 32 das 40 maiores empresa de Petróleo já haviam ou    estavam em fase de implementação; segundo  o  Gartner  Group,  até  2002,  80%  das  empresas    teriam  pelo menos 40% dos seus processos suportados por    um ERP; A  SAP,  líder  do mercado  de  ERPs,  investe  em  pesquisa  e  desenvolvimento cerca de US$ 1,5 milhão/dia (US$ 550 milhões/ano). 1997 – Visitas a grandes corporações  que possuíam sistemas    ERP implantados;
O início do Processo Sinergia: Conclusão da  etapa  de  Sensibilização  e  Alinhamento    em dezembro  de  1999.  Processo Sinergia tem como objetivo a  implantação de um    Sistema Integrado de Gestão Empresarial na PETROBRAS. Sistema de Gestão escolhido SAP R/3; Mudança da plataforma para Unix e banco de    dados Oracle; Escolha da Sum (integradora de tecnologia); 2000 – Planejamento básico e mobilização da equipe; 2001 – Conclusão  da fase de desenvolvimento da    solução, que consiste na padronização do SAP R/3 para os requisitos Petrobrás;
Processo Sinergia: 2002 – Conclusão da Implementação do SAP R/3 BR distribuidora; 2004 – Implementação do SAP R/3 na REFAP (reproduz 70% do sistema Globlal da Petrobrás); 2004 - SAP R/3  conteve em operação em toda a    Petrobrás ; 2005 – IBM contratada  para dar continuidade ao processo de implementação e suporte para empresas da companhia;
Principais Resultados : A  estimativa  de  retorno  num  prazo  de  5  anos,  frente  ao    investimento  realizado,  é  de  aproximadamente  3  vezes,    principalmente  nas  atividades  de  produção  e  exploração,    manutenção,  comercialização,  gestão  de  estoques, compra de    bens e serviços, gestão de empreendimentos.  Melhoria do processo decisório, disponibilizando    informações mais confiáveis e de forma integrada; Melhor direcionamento dos profissionais para as    atividades estratégicas; Redução  do  preço  dos  materiais  adquiridos,    antecipando  necessidades  e conhecendo todas as    compras em andamento; Facilidade na elaboração de relatórios técnicos e    contábeis.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

ERP - Conceito e Evolução
ERP - Conceito e EvoluçãoERP - Conceito e Evolução
ERP - Conceito e Evolução
Juliana Maria Lopes
 
Implantação de um ERP - Vantagens e Dificuldades
Implantação de um ERP - Vantagens e DificuldadesImplantação de um ERP - Vantagens e Dificuldades
Implantação de um ERP - Vantagens e Dificuldades
Andre Dourado
 
Gestão Empresarial com ERP
Gestão Empresarial com ERPGestão Empresarial com ERP
Gestão Empresarial com ERP
George Matias de Oliveira, Empreteco
 
O erp e o seu papel na gestão das empresas
O erp e o seu papel na gestão das empresasO erp e o seu papel na gestão das empresas
O erp e o seu papel na gestão das empresas
Edilberto Souza
 
Tgti sig-modulo04-erp 10-05
Tgti sig-modulo04-erp 10-05Tgti sig-modulo04-erp 10-05
Tgti sig-modulo04-erp 10-05
gtiprotec
 
O abc do erp
O abc do erpO abc do erp
O abc do erp
Sasa102030
 
Erp -apresentacao
Erp  -apresentacaoErp  -apresentacao
Erp -apresentacao
fcses
 
ERP
ERPERP
Sistema integrado de gestão empresarial ERP
Sistema integrado de gestão empresarial ERPSistema integrado de gestão empresarial ERP
Sistema integrado de gestão empresarial ERP
13032727
 
Apresentação do ERP
Apresentação do ERPApresentação do ERP
Apresentação do ERP
Murilojose10
 
Enterprise resource planning (ERP)
Enterprise resource planning (ERP)Enterprise resource planning (ERP)
Enterprise resource planning (ERP)
Alexsandro Prado
 
ERP II - Sistemas Integrados de Gestão Empresarial (SIGE ou SIG)
ERP II - Sistemas Integrados de Gestão Empresarial (SIGE ou SIG)ERP II - Sistemas Integrados de Gestão Empresarial (SIGE ou SIG)
ERP II - Sistemas Integrados de Gestão Empresarial (SIGE ou SIG)
Sidnei Reis
 
SIG: MRP, ERP, CRM e SCM
SIG: MRP, ERP, CRM e SCMSIG: MRP, ERP, CRM e SCM
SIG: MRP, ERP, CRM e SCM
Felipe Oliveira
 
O uso de ERP e CRM no suporte à gestão da demanda em ambientes de produção Ma...
O uso de ERP e CRM no suporte à gestão da demanda em ambientes de produção Ma...O uso de ERP e CRM no suporte à gestão da demanda em ambientes de produção Ma...
O uso de ERP e CRM no suporte à gestão da demanda em ambientes de produção Ma...
Rubens Calegari
 
Sistema de gestão empresarial integrada ERP
Sistema de gestão empresarial integrada ERPSistema de gestão empresarial integrada ERP
Sistema de gestão empresarial integrada ERP
Eduardo Braga Jr
 
Uma jornada de dados com R
Uma jornada de dados com RUma jornada de dados com R
Uma jornada de dados com R
Eduardo Klein
 
ERP II - Enterprise Resource Planning ( Sistemas Integrados de Gestão Empresa...
ERP II - Enterprise Resource Planning ( Sistemas Integrados de Gestão Empresa...ERP II - Enterprise Resource Planning ( Sistemas Integrados de Gestão Empresa...
ERP II - Enterprise Resource Planning ( Sistemas Integrados de Gestão Empresa...
Sidnei Reis
 
Seminário - Enterprise Resource Planning (ERP)
Seminário - Enterprise Resource Planning (ERP)Seminário - Enterprise Resource Planning (ERP)
Seminário - Enterprise Resource Planning (ERP)
Giancarlo Silva
 
SGI - Sistema de gestão integrado
SGI - Sistema de gestão integradoSGI - Sistema de gestão integrado
SGI - Sistema de gestão integrado
Multside Digital
 

Mais procurados (19)

ERP - Conceito e Evolução
ERP - Conceito e EvoluçãoERP - Conceito e Evolução
ERP - Conceito e Evolução
 
Implantação de um ERP - Vantagens e Dificuldades
Implantação de um ERP - Vantagens e DificuldadesImplantação de um ERP - Vantagens e Dificuldades
Implantação de um ERP - Vantagens e Dificuldades
 
Gestão Empresarial com ERP
Gestão Empresarial com ERPGestão Empresarial com ERP
Gestão Empresarial com ERP
 
O erp e o seu papel na gestão das empresas
O erp e o seu papel na gestão das empresasO erp e o seu papel na gestão das empresas
O erp e o seu papel na gestão das empresas
 
Tgti sig-modulo04-erp 10-05
Tgti sig-modulo04-erp 10-05Tgti sig-modulo04-erp 10-05
Tgti sig-modulo04-erp 10-05
 
O abc do erp
O abc do erpO abc do erp
O abc do erp
 
Erp -apresentacao
Erp  -apresentacaoErp  -apresentacao
Erp -apresentacao
 
ERP
ERPERP
ERP
 
Sistema integrado de gestão empresarial ERP
Sistema integrado de gestão empresarial ERPSistema integrado de gestão empresarial ERP
Sistema integrado de gestão empresarial ERP
 
Apresentação do ERP
Apresentação do ERPApresentação do ERP
Apresentação do ERP
 
Enterprise resource planning (ERP)
Enterprise resource planning (ERP)Enterprise resource planning (ERP)
Enterprise resource planning (ERP)
 
ERP II - Sistemas Integrados de Gestão Empresarial (SIGE ou SIG)
ERP II - Sistemas Integrados de Gestão Empresarial (SIGE ou SIG)ERP II - Sistemas Integrados de Gestão Empresarial (SIGE ou SIG)
ERP II - Sistemas Integrados de Gestão Empresarial (SIGE ou SIG)
 
SIG: MRP, ERP, CRM e SCM
SIG: MRP, ERP, CRM e SCMSIG: MRP, ERP, CRM e SCM
SIG: MRP, ERP, CRM e SCM
 
O uso de ERP e CRM no suporte à gestão da demanda em ambientes de produção Ma...
O uso de ERP e CRM no suporte à gestão da demanda em ambientes de produção Ma...O uso de ERP e CRM no suporte à gestão da demanda em ambientes de produção Ma...
O uso de ERP e CRM no suporte à gestão da demanda em ambientes de produção Ma...
 
Sistema de gestão empresarial integrada ERP
Sistema de gestão empresarial integrada ERPSistema de gestão empresarial integrada ERP
Sistema de gestão empresarial integrada ERP
 
Uma jornada de dados com R
Uma jornada de dados com RUma jornada de dados com R
Uma jornada de dados com R
 
ERP II - Enterprise Resource Planning ( Sistemas Integrados de Gestão Empresa...
ERP II - Enterprise Resource Planning ( Sistemas Integrados de Gestão Empresa...ERP II - Enterprise Resource Planning ( Sistemas Integrados de Gestão Empresa...
ERP II - Enterprise Resource Planning ( Sistemas Integrados de Gestão Empresa...
 
Seminário - Enterprise Resource Planning (ERP)
Seminário - Enterprise Resource Planning (ERP)Seminário - Enterprise Resource Planning (ERP)
Seminário - Enterprise Resource Planning (ERP)
 
SGI - Sistema de gestão integrado
SGI - Sistema de gestão integradoSGI - Sistema de gestão integrado
SGI - Sistema de gestão integrado
 

Destaque

Curso Implementacao da Reengenharia de Processos de Negocios
Curso Implementacao da Reengenharia de Processos de NegociosCurso Implementacao da Reengenharia de Processos de Negocios
Curso Implementacao da Reengenharia de Processos de Negocios
Grupo Treinar
 
Aula 12 reengenharia 2
Aula 12   reengenharia 2Aula 12   reengenharia 2
Aula 12 reengenharia 2
Angelo Peres
 
Liu xiaobo powerpoint
Liu xiaobo powerpointLiu xiaobo powerpoint
Liu xiaobo powerpoint
herois12d
 
Tortura Chinesa
Tortura ChinesaTortura Chinesa
Tortura Chinesa
complementoindirecto
 
A cidade proibida
A cidade proibidaA cidade proibida
A cidade proibida
Umberto Pacheco
 
Empreendedorismo e Plano de Negócios
Empreendedorismo e Plano de NegóciosEmpreendedorismo e Plano de Negócios
Empreendedorismo e Plano de Negócios
Kenneth Corrêa
 
Reengenharia de Processos - Benchmarking
Reengenharia de Processos - BenchmarkingReengenharia de Processos - Benchmarking
Reengenharia de Processos - Benchmarking
fontoura60
 
Montesquieu
MontesquieuMontesquieu
Montesquieu
Carlos Portela
 
SISTEMA PARA TABELIONATO DE PROTESTO | ESCRIBA PROTEST
SISTEMA PARA TABELIONATO DE PROTESTO | ESCRIBA PROTESTSISTEMA PARA TABELIONATO DE PROTESTO | ESCRIBA PROTEST
SISTEMA PARA TABELIONATO DE PROTESTO | ESCRIBA PROTEST
Escriba Informática
 
História dos Direitos Civis
História dos Direitos Civis História dos Direitos Civis
História dos Direitos Civis
Doug Caesar
 
Costa e silva g vitor
Costa e silva g vitorCosta e silva g vitor
Costa e silva g vitor
Bethreis
 
Revoluções na américa e na europa
Revoluções na américa e na europaRevoluções na américa e na europa
Revoluções na américa e na europa
Rosinalva Aparecida Martins de Oliveira
 
Socialismo ou capitalismo_-_abi
Socialismo ou capitalismo_-_abiSocialismo ou capitalismo_-_abi
Socialismo ou capitalismo_-_abi
agenciadagda
 
Filosofia dos tempos modernos
Filosofia dos tempos modernosFilosofia dos tempos modernos
Filosofia dos tempos modernos
Helena Morita
 
Slide ditadura
Slide ditaduraSlide ditadura
Slide ditadura
Guilherme Gomes
 
Martin Luther King
Martin Luther KingMartin Luther King
Martin Luther King
Mima Badan
 
Revolução chinesa
Revolução chinesaRevolução chinesa
Revolução chinesa
Elizabeth
 
Revolução Comunista na China
Revolução Comunista na ChinaRevolução Comunista na China
Revolução Comunista na China
Eduarda Soares
 
China
ChinaChina
China
ediqueli
 
Montesquieu2
Montesquieu2Montesquieu2
Montesquieu2
Ana Beatriz Mangueira
 

Destaque (20)

Curso Implementacao da Reengenharia de Processos de Negocios
Curso Implementacao da Reengenharia de Processos de NegociosCurso Implementacao da Reengenharia de Processos de Negocios
Curso Implementacao da Reengenharia de Processos de Negocios
 
Aula 12 reengenharia 2
Aula 12   reengenharia 2Aula 12   reengenharia 2
Aula 12 reengenharia 2
 
Liu xiaobo powerpoint
Liu xiaobo powerpointLiu xiaobo powerpoint
Liu xiaobo powerpoint
 
Tortura Chinesa
Tortura ChinesaTortura Chinesa
Tortura Chinesa
 
A cidade proibida
A cidade proibidaA cidade proibida
A cidade proibida
 
Empreendedorismo e Plano de Negócios
Empreendedorismo e Plano de NegóciosEmpreendedorismo e Plano de Negócios
Empreendedorismo e Plano de Negócios
 
Reengenharia de Processos - Benchmarking
Reengenharia de Processos - BenchmarkingReengenharia de Processos - Benchmarking
Reengenharia de Processos - Benchmarking
 
Montesquieu
MontesquieuMontesquieu
Montesquieu
 
SISTEMA PARA TABELIONATO DE PROTESTO | ESCRIBA PROTEST
SISTEMA PARA TABELIONATO DE PROTESTO | ESCRIBA PROTESTSISTEMA PARA TABELIONATO DE PROTESTO | ESCRIBA PROTEST
SISTEMA PARA TABELIONATO DE PROTESTO | ESCRIBA PROTEST
 
História dos Direitos Civis
História dos Direitos Civis História dos Direitos Civis
História dos Direitos Civis
 
Costa e silva g vitor
Costa e silva g vitorCosta e silva g vitor
Costa e silva g vitor
 
Revoluções na américa e na europa
Revoluções na américa e na europaRevoluções na américa e na europa
Revoluções na américa e na europa
 
Socialismo ou capitalismo_-_abi
Socialismo ou capitalismo_-_abiSocialismo ou capitalismo_-_abi
Socialismo ou capitalismo_-_abi
 
Filosofia dos tempos modernos
Filosofia dos tempos modernosFilosofia dos tempos modernos
Filosofia dos tempos modernos
 
Slide ditadura
Slide ditaduraSlide ditadura
Slide ditadura
 
Martin Luther King
Martin Luther KingMartin Luther King
Martin Luther King
 
Revolução chinesa
Revolução chinesaRevolução chinesa
Revolução chinesa
 
Revolução Comunista na China
Revolução Comunista na ChinaRevolução Comunista na China
Revolução Comunista na China
 
China
ChinaChina
China
 
Montesquieu2
Montesquieu2Montesquieu2
Montesquieu2
 

Semelhante a Apresentação - BETA

Apresentação Final
Apresentação FinalApresentação Final
Apresentação Final
betinho87
 
Tgti SIG-modulo04-ERP
Tgti SIG-modulo04-ERPTgti SIG-modulo04-ERP
Tgti SIG-modulo04-ERP
gtiprotec
 
Conceitos de ERP -- Da introdução até a implementação
Conceitos de ERP -- Da introdução até a implementaçãoConceitos de ERP -- Da introdução até a implementação
Conceitos de ERP -- Da introdução até a implementação
LuisRoberto96
 
apresentaodoerp-100813081339-phpapp02.pptx
apresentaodoerp-100813081339-phpapp02.pptxapresentaodoerp-100813081339-phpapp02.pptx
apresentaodoerp-100813081339-phpapp02.pptx
JosHonrio3
 
Trabalho sistemas de gestão fei mateus_cozer 2012
Trabalho sistemas de gestão  fei mateus_cozer 2012Trabalho sistemas de gestão  fei mateus_cozer 2012
Trabalho sistemas de gestão fei mateus_cozer 2012
z133014
 
Sistemas de Gestão FEI
Sistemas de Gestão FEISistemas de Gestão FEI
Sistemas de Gestão FEI
Brunomaglione
 
Apresentaodoerp 100813081339-phpapp02
Apresentaodoerp 100813081339-phpapp02Apresentaodoerp 100813081339-phpapp02
Apresentaodoerp 100813081339-phpapp02
Juarez Junior
 
Apresentação_do_ERP
Apresentação_do_ERPApresentação_do_ERP
Apresentação_do_ERP
Murilojose10
 
O ERP e o seu papel na gestão das empresas
O ERP e o seu papel na gestão das empresasO ERP e o seu papel na gestão das empresas
O ERP e o seu papel na gestão das empresas
Edilberto Lima de Souza
 
Erp
ErpErp
Apresentação manufatura (10 06-2015)
Apresentação   manufatura (10 06-2015)Apresentação   manufatura (10 06-2015)
Apresentação manufatura (10 06-2015)
Weverton Abreu
 
O próximo grande passo na cloud erp
O próximo grande passo na cloud erpO próximo grande passo na cloud erp
O próximo grande passo na cloud erp
Paulo Russo
 
ERP E MRP.pptx
ERP E MRP.pptxERP E MRP.pptx
ERP E MRP.pptx
AmarildoJosMorett
 
S I S T E M A S I N F O R M A C A O D E G E S T A O
S I S T E M A S  I N F O R M A C A O  D E  G E S T A OS I S T E M A S  I N F O R M A C A O  D E  G E S T A O
S I S T E M A S I N F O R M A C A O D E G E S T A O
fernando ramos
 
Ti grupo 6 - ERP
Ti   grupo 6 - ERPTi   grupo 6 - ERP
Ti grupo 6 - ERP
Fabio Santana
 
PSI - ERP, CRM e Supply Chain
PSI - ERP, CRM e Supply ChainPSI - ERP, CRM e Supply Chain
PSI - ERP, CRM e Supply Chain
Claudio Barbosa
 
Sistemasdeinformaogerencial 101111092131-phpapp02
Sistemasdeinformaogerencial 101111092131-phpapp02Sistemasdeinformaogerencial 101111092131-phpapp02
Sistemasdeinformaogerencial 101111092131-phpapp02
Dcs Unibr
 
Noções de Planeamento
Noções de PlaneamentoNoções de Planeamento
Noções de Planeamento
CLT Valuebased Services
 
Erp
ErpErp
Erp
ErpErp

Semelhante a Apresentação - BETA (20)

Apresentação Final
Apresentação FinalApresentação Final
Apresentação Final
 
Tgti SIG-modulo04-ERP
Tgti SIG-modulo04-ERPTgti SIG-modulo04-ERP
Tgti SIG-modulo04-ERP
 
Conceitos de ERP -- Da introdução até a implementação
Conceitos de ERP -- Da introdução até a implementaçãoConceitos de ERP -- Da introdução até a implementação
Conceitos de ERP -- Da introdução até a implementação
 
apresentaodoerp-100813081339-phpapp02.pptx
apresentaodoerp-100813081339-phpapp02.pptxapresentaodoerp-100813081339-phpapp02.pptx
apresentaodoerp-100813081339-phpapp02.pptx
 
Trabalho sistemas de gestão fei mateus_cozer 2012
Trabalho sistemas de gestão  fei mateus_cozer 2012Trabalho sistemas de gestão  fei mateus_cozer 2012
Trabalho sistemas de gestão fei mateus_cozer 2012
 
Sistemas de Gestão FEI
Sistemas de Gestão FEISistemas de Gestão FEI
Sistemas de Gestão FEI
 
Apresentaodoerp 100813081339-phpapp02
Apresentaodoerp 100813081339-phpapp02Apresentaodoerp 100813081339-phpapp02
Apresentaodoerp 100813081339-phpapp02
 
Apresentação_do_ERP
Apresentação_do_ERPApresentação_do_ERP
Apresentação_do_ERP
 
O ERP e o seu papel na gestão das empresas
O ERP e o seu papel na gestão das empresasO ERP e o seu papel na gestão das empresas
O ERP e o seu papel na gestão das empresas
 
Erp
ErpErp
Erp
 
Apresentação manufatura (10 06-2015)
Apresentação   manufatura (10 06-2015)Apresentação   manufatura (10 06-2015)
Apresentação manufatura (10 06-2015)
 
O próximo grande passo na cloud erp
O próximo grande passo na cloud erpO próximo grande passo na cloud erp
O próximo grande passo na cloud erp
 
ERP E MRP.pptx
ERP E MRP.pptxERP E MRP.pptx
ERP E MRP.pptx
 
S I S T E M A S I N F O R M A C A O D E G E S T A O
S I S T E M A S  I N F O R M A C A O  D E  G E S T A OS I S T E M A S  I N F O R M A C A O  D E  G E S T A O
S I S T E M A S I N F O R M A C A O D E G E S T A O
 
Ti grupo 6 - ERP
Ti   grupo 6 - ERPTi   grupo 6 - ERP
Ti grupo 6 - ERP
 
PSI - ERP, CRM e Supply Chain
PSI - ERP, CRM e Supply ChainPSI - ERP, CRM e Supply Chain
PSI - ERP, CRM e Supply Chain
 
Sistemasdeinformaogerencial 101111092131-phpapp02
Sistemasdeinformaogerencial 101111092131-phpapp02Sistemasdeinformaogerencial 101111092131-phpapp02
Sistemasdeinformaogerencial 101111092131-phpapp02
 
Noções de Planeamento
Noções de PlaneamentoNoções de Planeamento
Noções de Planeamento
 
Erp
ErpErp
Erp
 
Erp
ErpErp
Erp
 

Apresentação - BETA

  • 1.  
  • 2. Como surgiu a idéia: Adam Smith (1776) – Pin Factory inspirado em um artigo da Diderot´s Encyclopédie Frederick W. Taylor – Gestão científica (Reengearia de processos)
  • 3. The Spam of control (Subordinados) Departmentalization By Process and Purpose (Departamentar por processo e finalidade) Information management concepts (Conceitos de Gestão de Informações)
  • 4. Conceito: É o conjunto de atividades internas da empresa associadas às informações que manipula, utilizando os recursos e a  organização da empresa. Deve ser focalizado em um tipo de negócio, que normalmente está direcionado a um determinado mercado/cliente, com fornecedores bem definidos (figura abaixo).
  • 5. Há 3 tipos de BP’s: Management processes, Os processos que gorvernam a operacao do sistema. Ex. : “Governança Corporativa" and “Gerencia Estratégica". Operational processes, processos que constituem o core business e criam o valor primario da empresa. :Compras, Manufatura, Marketing, and Vendas. Supporting processes, dão suporte ao processo como todo. Ex.: Contabilidade, Suporte Técnico. Reengenharia deu força aos processos de negócios Reengenharia de Negocio Reengenharia de Processo Estrutura organizacional X Processo de negócios Foco na produção do produto e não nele. A referência para a implantação de sistemas de gestão integrado (ERP) também são os BP’s da empresa.
  • 6. Um processo de negocio: Tem um objetivo Tem entradas bem definidas Tem saídas bem definidas Usa recursos Tem atividades que devem ser executadas em determinada ordem
  • 7. BPM é um conjunto de tecnologias e padrões para o design, execução, administração, e monitoramento de processos de negócios. Para que os BPs possam servir de referência para diversas abordagens, eles devem ser mapeados (modelados). Há dois modelos visuais para representação de um BP: UML(Unified Modeling Language) BPMN(Business Process Modeling Notation)
  • 8.  
  • 9. Business Process Modeling Notation (BPMN) é uma representacao grafica para especificacao de processos de neogocios em workflow. BPMN foi desenvolvido por Business Process Management Initiative (BPMI),e é mantido pelo Object Management Group desde 2005. Objetivo principal é ter uma notação padronizada que seja de facil entendimento por todos que estão envolvidos no BP. Tipo de de representacao grafica: Flow Objects: Eventos, Atividades, Gateways Connecting Objects: Fluxo de sequência, Fluxo de Mensagem, Associação Swimlanes: Pool, Lane Artifacts: Objetos de dados,Grupos,Anotações
  • 10. ERP
  • 11. Introdução : Avanços das TI -> Sistemas Computacionais na Empresas Sistemas departamentalizados: Informações divididas Dificuldades de consolidar informações Inconsistência de dados
  • 12. Surge necessidade dos ERPs Por quê? Agrega em um só sistema integrado, funcionalidades que suportam as atividades dos diversos processos de negócio das empresas. Mas o que é ERP? Os ERPs em termos gerais, são uma plataforma de software desenvolvida para integrar os diversos departamentos de uma empresa, possibilitando a automatização e armazenamento de todas as informações de negócios.
  • 13. História Década de 70 MRP (Material Requeriment Planning) Dependência de outros softwares(nem sempre era fácil) Década de 80 MRP II (Manufacturing Resource Planning) Otimizou a comunicação entre os departamentos Inclui mais sistemas e mais pacotes do sistema de gestão
  • 14. História Década de 90 Pico dos ERPs Disseminação da arquitetura cliente/servidor Inclui mais módulos: Ex: Gerenciamento da Gestão Pessoal, vendas e distribuição, finanças, etc. Ganhou espaço com o “ Bug do milênio ”
  • 15. Estrutura : Estrutura típica de funcionamento de um sistema ERP (DAVENPORT, 1998)
  • 16. Qual o melhor momento para implantar um software ERP na sua empresa? Consome recursos humanos, financeiros e tempo. Quando não implantar? Sem capital Desorganizada Melhor momento: Bem financeiramente Equipe coesa e bem treinada, capacitada Complexidade na gestão Boa relação com o mercado
  • 17. Sistemas operacionais: Unix; Windows; Linux Banco de dados: Oracle; Microsoft; IBM. Plataforma de hardware: Ideal: cliente/servidor; Risc, Intel, AS/400; Grande capacidade de armazenamento ou datacenter (externo). Redes: Redundância, links e VPN (longa distância)
  • 18.  
  • 19. Retrato Global: SAP 25,1% das receitas Oracle 7,0%, Peoplesoft 6,5%, SAGE 5,4% Microsoft 4,9% (Business Solutions) Os restantes 51,1% (pulverizados) Fonte: Gartner
  • 20. No Brasil: SAP 24% Datasul 19% Microsiga 14% Fonte: FGV
  • 21. Empresas de médio porte: Microsiga 17% Datasul 16% Logocenter 6% SAP 2%. Fonte: Yankee Group
  • 22.  
  • 23. His tórico da empresa: Criação nos anos 50; Em 1967, ocorreu a Primeira Demanda de Gerenciamento da Empresa. Criação de departamentos (produção, refino, etc.); Durante 30 anos, buscaram integrar seus sistemas operacionais, que eram rodados nos mainframes; Fim do Monopólio e a desregulamentação do setor petrolífero no país; Estudo de um Planejamento Estratégico com objetivo de implementar um sistema Integrado, que integre as 4 áreas que a empresa se dividia;
  • 24. Estudos para implementação de um sistema ERP: 1996 – Discussão sobre sistemas Integrados de Gestão Empresarial; 1997 – Iniciou estudos para avaliar a importânciade um ERP: 400 empresas da lista “Fortune 500” já possuíam contratado um sistema ERP; 32 das 40 maiores empresa de Petróleo já haviam ou estavam em fase de implementação; segundo o Gartner Group, até 2002, 80% das empresas teriam pelo menos 40% dos seus processos suportados por um ERP; A SAP, líder do mercado de ERPs, investe em pesquisa e desenvolvimento cerca de US$ 1,5 milhão/dia (US$ 550 milhões/ano). 1997 – Visitas a grandes corporações que possuíam sistemas ERP implantados;
  • 25. O início do Processo Sinergia: Conclusão da etapa de Sensibilização e Alinhamento em dezembro de 1999. Processo Sinergia tem como objetivo a implantação de um Sistema Integrado de Gestão Empresarial na PETROBRAS. Sistema de Gestão escolhido SAP R/3; Mudança da plataforma para Unix e banco de dados Oracle; Escolha da Sum (integradora de tecnologia); 2000 – Planejamento básico e mobilização da equipe; 2001 – Conclusão da fase de desenvolvimento da solução, que consiste na padronização do SAP R/3 para os requisitos Petrobrás;
  • 26. Processo Sinergia: 2002 – Conclusão da Implementação do SAP R/3 BR distribuidora; 2004 – Implementação do SAP R/3 na REFAP (reproduz 70% do sistema Globlal da Petrobrás); 2004 - SAP R/3 conteve em operação em toda a Petrobrás ; 2005 – IBM contratada para dar continuidade ao processo de implementação e suporte para empresas da companhia;
  • 27. Principais Resultados : A estimativa de retorno num prazo de 5 anos, frente ao investimento realizado, é de aproximadamente 3 vezes, principalmente nas atividades de produção e exploração, manutenção, comercialização, gestão de estoques, compra de bens e serviços, gestão de empreendimentos. Melhoria do processo decisório, disponibilizando informações mais confiáveis e de forma integrada; Melhor direcionamento dos profissionais para as atividades estratégicas; Redução do preço dos materiais adquiridos, antecipando necessidades e conhecendo todas as compras em andamento; Facilidade na elaboração de relatórios técnicos e contábeis.