SlideShare uma empresa Scribd logo
Questão 1. Agora é vero. Deu na imprensa internacional, com base científica e fotos de satélites: a continuar o ritmo atual da devastação e a incompetência política secular do Governo e do povo brasileiro em contê-las, a Amazônia desaparecerá em menos de 200 anos. A última grande floresta tropical e refrigerador natural do único mundo onde vivemos vai virar deserto. Internacionalização já! Ou não seremos mais nada. Nem brasileiros, nem terráqueos. Apenas uma lembrança vaga e infeliz de vida breve, vida louca, daqui a dois séculos. Felis Concolor. Amazônia? Intenacionalização já! In JB ecológico. Ano 4, nº41, jun/05, p. 14-5 (com adaptações). A quem possa interessar e ouvir, assinam essa declaração: todos os rios, os céus, as plantas, os animais,os povos índios, caboclos e universais da Floresta Amazônica. Dia cinco de junho de 2005. Dia Mundial do Meio Ambiente e Dia Mundial da Esperança. A última. A tese da internacionalização, ainda que circunstancialmente possa até ser mencionada por pessoas preocupadas com a região, longe está de ser solução para qualquer dos nossos problemas. Assim, escolher a Amazônia para demonstrar preocupação com o futuro da humanidade é louvável se assumido também, se assumido com todas as suas conseqüências, que o inaceitável processo de destruição das nossas florestas é o mesmo que produz e reproduz diariamente a pobreza e a desigualdade por todo o mundo. Simão Jatene. Proconceito e pretensão. In JB ecológico. Ano 4, nº 42, jul/05, p. 46-7 (com adaptações).Se assim não for, e a prevalecer a mera motivação “da propriedade”, então seria justificável também propor devaneios como a internacionalização do Museu do Louvre ou, quem sabe, dos poços de petróleo ou ainda, e neste caso não totalmente desprovido de razão, do sistema financeiro mundial. A partir das idéias presentes nos textos acima, expresse a sua opinião, fundamentado em dois argumentos, sobre: A melhor maneira de se preservar a maior floresta equatorial do planeta. Resposta: Consciente da transferência de posse do território amazônico brasileiro para território internacional, a internacionalização se tornaria instrumento inviável à preservação do bioma, devido à intenção por parte de alguns países não ser a preservação da Amazônia e sim o lucro que dela pode ser obtido. Outra solução seria a participação de outras nações na criação de uma legislação que preservasse a Amazônia, ao passo que incentivasse pesquisas na mesma, respeitando a cultura local e as particularidades da região. Questão 2. Vilarejos que afundam devido as derretimento da camada congelada do subsolo, uma explosão na quantidade de insetos, números recorde de incêndios florestais e cada vez menos gelo – esses são alguns dos sinais mais óbvios e assustadores de que o Alasca está ficando mais quente devido às mudanças climáticas, disseram cientistas. Folha de S. Paulo, 28/09/05As temperaturas atmosféricas no estado Norte-americano aumentaram entre 2°C e 3°C nas ultimas cinco décadas, segundo a Avaliação do Impacto do Clima no Ártico, um estudo amplo realizado por pesquisadores de oito países. O aquecimento global é um fenômeno cada vez mais evidente devido a inúmeros acontecimentos que, como os descritos no texto, têm afetado toda a humanidade. Apresente duas sugestões de providencias a serem tomadas pelos governos que tenham como objetivo minimizar o processe de aquecimento global. Resposta: A globalização criou uma cultura internacional de massa, onde interesses sociais de lazer, econômicos e culturais se globalizaram; no entanto, a preocupação com o interesse nas questões ambientais mundiais acompanhou esta crescente ideologia. É necessário que os governos dêem o maior incentivo às pesquisas tecnológicas de manuseio dos recursos renováveis e de remoção de poluente atmosféricos. O maior interesse dos governos no controle das emissões de poluente funcionaria também como forte forma de minimizar o processo de aquecimento global. Questão 3. Um dos processos naturais que se manifesta com freqüência em lagos e reservatórios é a eutrofização, que o homem passou a reproduzir, dando lugar à eutrofização artificial ou antrópica. A partir dessa afirmação, descreva o processo de eutrofização, contemplanto, necessariamente: A definição do que se entende por eutrofização natural de um corpo d’água; A indicação de, pelo menos, uma atividade humana que acelere o processo natural de eutrofização e gere a denominada eutrofização artificial; A menção aos principais impactos decorrentes da eutrofização artificial de um lago. Resposta: Eutrofização natural é o enriquecimento excessivo de nutriente em um corpo d’água, ocasionando o aumento de algas. A emissão de efluentes industriais sem tratamento específico no meio aquático é uma ação que acelera o processo natural de eutrofização, gerando o processo antrópico. Em conseqüência destes processos, ocorre a diminuição do oxigênio no meio aquático levanto à morte de seres deste ambiente, o mal cheiro do corpo receptor, etc.
3 Questoes
3 Questoes

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O que é o folclore
O que é o folcloreO que é o folclore
O que é o folclore
Rosangela Silva
 
Os Mil Brancos Dos Esquimos
Os Mil Brancos Dos EsquimosOs Mil Brancos Dos Esquimos
Os Mil Brancos Dos Esquimosguest0a13ce5c
 
Datas comemorativas 2012-2013
Datas comemorativas 2012-2013Datas comemorativas 2012-2013
Datas comemorativas 2012-2013
becastanheiradepera
 
Importância dos Recursos Hídricos para a Produçãod e Alimentos e Gestão das ...
Importância dos Recursos Hídricos para a Produçãod  e Alimentos e Gestão das ...Importância dos Recursos Hídricos para a Produçãod  e Alimentos e Gestão das ...
Importância dos Recursos Hídricos para a Produçãod e Alimentos e Gestão das ...
Revista Cafeicultura
 
A Formiga E A Cigarra
A Formiga E A CigarraA Formiga E A Cigarra
A Formiga E A Cigarra
guest39a3a5d
 
O ciclo da agua pela Carolina Miranda
O ciclo da agua pela Carolina MirandaO ciclo da agua pela Carolina Miranda
O ciclo da agua pela Carolina Miranda
profgaspar
 
Carnaval dos animais
Carnaval dos animaisCarnaval dos animais
Carnaval dos animais
home
 
Leitura orientada ovelhinha preta
Leitura orientada ovelhinha pretaLeitura orientada ovelhinha preta
Leitura orientada ovelhinha preta
Maria José Ramos
 
Relatório eco escolas 2012
Relatório eco  escolas 2012Relatório eco  escolas 2012
Relatório eco escolas 2012
Jorge Penso
 
A viagem da gotinha de água
A viagem da gotinha de águaA viagem da gotinha de água
A viagem da gotinha de água
Graça Caixinha
 
Músicas De Outono
Músicas De OutonoMúsicas De Outono
Músicas De Outono
joananaveribeiro
 
O Palhaco Tristoleto[1]
O Palhaco Tristoleto[1]O Palhaco Tristoleto[1]
O Palhaco Tristoleto[1]
Adelaide Oliveira
 
A dieta do pai natal história e imagens
A dieta do pai natal   história e imagensA dieta do pai natal   história e imagens
A dieta do pai natal história e imagens
Jani Miranda
 
Primavera
PrimaveraPrimavera
Primavera
pratesclaudio
 
Marion novas transpar ncias
Marion novas transpar nciasMarion novas transpar ncias
Marion novas transpar ncias
Valeria Rodrigues
 
Uma história de carnaval
Uma história de carnavalUma história de carnaval
Uma história de carnaval
Ana Arminda Moreira
 
Poesias de inverno
Poesias de invernoPoesias de inverno
Poesias de inverno
labeques
 
A Cultura do Café: análise dos custos de produção e da rentabilidade nos anos...
A Cultura do Café: análise dos custos de produção e da rentabilidade nos anos...A Cultura do Café: análise dos custos de produção e da rentabilidade nos anos...
A Cultura do Café: análise dos custos de produção e da rentabilidade nos anos...
Luiz Valeriano
 
Poesias selecionadas para mostra literária 2017
Poesias selecionadas para  mostra literária  2017Poesias selecionadas para  mostra literária  2017
Poesias selecionadas para mostra literária 2017
Faculdade Vale do Cricaré
 
1. A Menina Dos Fósforos
1. A Menina Dos Fósforos1. A Menina Dos Fósforos
1. A Menina Dos Fósforos
nostromo1
 

Mais procurados (20)

O que é o folclore
O que é o folcloreO que é o folclore
O que é o folclore
 
Os Mil Brancos Dos Esquimos
Os Mil Brancos Dos EsquimosOs Mil Brancos Dos Esquimos
Os Mil Brancos Dos Esquimos
 
Datas comemorativas 2012-2013
Datas comemorativas 2012-2013Datas comemorativas 2012-2013
Datas comemorativas 2012-2013
 
Importância dos Recursos Hídricos para a Produçãod e Alimentos e Gestão das ...
Importância dos Recursos Hídricos para a Produçãod  e Alimentos e Gestão das ...Importância dos Recursos Hídricos para a Produçãod  e Alimentos e Gestão das ...
Importância dos Recursos Hídricos para a Produçãod e Alimentos e Gestão das ...
 
A Formiga E A Cigarra
A Formiga E A CigarraA Formiga E A Cigarra
A Formiga E A Cigarra
 
O ciclo da agua pela Carolina Miranda
O ciclo da agua pela Carolina MirandaO ciclo da agua pela Carolina Miranda
O ciclo da agua pela Carolina Miranda
 
Carnaval dos animais
Carnaval dos animaisCarnaval dos animais
Carnaval dos animais
 
Leitura orientada ovelhinha preta
Leitura orientada ovelhinha pretaLeitura orientada ovelhinha preta
Leitura orientada ovelhinha preta
 
Relatório eco escolas 2012
Relatório eco  escolas 2012Relatório eco  escolas 2012
Relatório eco escolas 2012
 
A viagem da gotinha de água
A viagem da gotinha de águaA viagem da gotinha de água
A viagem da gotinha de água
 
Músicas De Outono
Músicas De OutonoMúsicas De Outono
Músicas De Outono
 
O Palhaco Tristoleto[1]
O Palhaco Tristoleto[1]O Palhaco Tristoleto[1]
O Palhaco Tristoleto[1]
 
A dieta do pai natal história e imagens
A dieta do pai natal   história e imagensA dieta do pai natal   história e imagens
A dieta do pai natal história e imagens
 
Primavera
PrimaveraPrimavera
Primavera
 
Marion novas transpar ncias
Marion novas transpar nciasMarion novas transpar ncias
Marion novas transpar ncias
 
Uma história de carnaval
Uma história de carnavalUma história de carnaval
Uma história de carnaval
 
Poesias de inverno
Poesias de invernoPoesias de inverno
Poesias de inverno
 
A Cultura do Café: análise dos custos de produção e da rentabilidade nos anos...
A Cultura do Café: análise dos custos de produção e da rentabilidade nos anos...A Cultura do Café: análise dos custos de produção e da rentabilidade nos anos...
A Cultura do Café: análise dos custos de produção e da rentabilidade nos anos...
 
Poesias selecionadas para mostra literária 2017
Poesias selecionadas para  mostra literária  2017Poesias selecionadas para  mostra literária  2017
Poesias selecionadas para mostra literária 2017
 
1. A Menina Dos Fósforos
1. A Menina Dos Fósforos1. A Menina Dos Fósforos
1. A Menina Dos Fósforos
 

Destaque

ENADE - Ecologia
ENADE - EcologiaENADE - Ecologia
ENADE - Ecologia
Victor Corte Real
 
Resposta QuestionáRio E Texto
Resposta QuestionáRio E TextoResposta QuestionáRio E Texto
Resposta QuestionáRio E Texto
Jade
 
DANCAS
DANCASDANCAS
DANCAS
adantezana
 
Simulado PUC – 2012
Simulado PUC – 2012Simulado PUC – 2012
Simulado PUC – 2012
Andrea Barreto
 
Propaganda chapeuzinho vermelho interpretação
Propaganda chapeuzinho vermelho   interpretaçãoPropaganda chapeuzinho vermelho   interpretação
Propaganda chapeuzinho vermelho interpretaçãoLouisy Gobbi
 
A atuação do pedagogo em espaços não escolares
A atuação do pedagogo em espaços não escolaresA atuação do pedagogo em espaços não escolares
A atuação do pedagogo em espaços não escolares
Elizangela Quintela Miranda Costa
 

Destaque (6)

ENADE - Ecologia
ENADE - EcologiaENADE - Ecologia
ENADE - Ecologia
 
Resposta QuestionáRio E Texto
Resposta QuestionáRio E TextoResposta QuestionáRio E Texto
Resposta QuestionáRio E Texto
 
DANCAS
DANCASDANCAS
DANCAS
 
Simulado PUC – 2012
Simulado PUC – 2012Simulado PUC – 2012
Simulado PUC – 2012
 
Propaganda chapeuzinho vermelho interpretação
Propaganda chapeuzinho vermelho   interpretaçãoPropaganda chapeuzinho vermelho   interpretação
Propaganda chapeuzinho vermelho interpretação
 
A atuação do pedagogo em espaços não escolares
A atuação do pedagogo em espaços não escolaresA atuação do pedagogo em espaços não escolares
A atuação do pedagogo em espaços não escolares
 

Semelhante a 3 Questoes

In Sustentabilidade! Eis o "Momentum"
In Sustentabilidade! Eis o "Momentum"In Sustentabilidade! Eis o "Momentum"
In Sustentabilidade! Eis o "Momentum"
Laercio Bruno
 
A Ciência (que) quer salvar a Humanidade – porque em breve será tarde demais
A Ciência (que) quer salvar a Humanidade – porque em breve será tarde demaisA Ciência (que) quer salvar a Humanidade – porque em breve será tarde demais
A Ciência (que) quer salvar a Humanidade – porque em breve será tarde demais
Jorge Moreira
 
Meio ambiente
Meio ambienteMeio ambiente
Meio ambiente
Alexandre Gangorra
 
A Ciência (que) Quer Salvar a Humanidade II - A Extinção em Massa, Jorge More...
A Ciência (que) Quer Salvar a Humanidade II - A Extinção em Massa, Jorge More...A Ciência (que) Quer Salvar a Humanidade II - A Extinção em Massa, Jorge More...
A Ciência (que) Quer Salvar a Humanidade II - A Extinção em Massa, Jorge More...
Jorge Moreira
 
Guerra fria aquecimento_global_agb_revista
Guerra fria aquecimento_global_agb_revistaGuerra fria aquecimento_global_agb_revista
Guerra fria aquecimento_global_agb_revista
leia silva
 
Guerra fria aquecimento_global_agb_revista
Guerra fria aquecimento_global_agb_revistaGuerra fria aquecimento_global_agb_revista
Guerra fria aquecimento_global_agb_revista
leia silva
 
COMO TORNAR REALIDADE A UTOPIA DO USO RACIONAL DOS RECURSOS DA NATUREZA NO MU...
COMO TORNAR REALIDADE A UTOPIA DO USO RACIONAL DOS RECURSOS DA NATUREZA NO MU...COMO TORNAR REALIDADE A UTOPIA DO USO RACIONAL DOS RECURSOS DA NATUREZA NO MU...
COMO TORNAR REALIDADE A UTOPIA DO USO RACIONAL DOS RECURSOS DA NATUREZA NO MU...
Faga1939
 
Preservar o meio ambiente é preservar a vida
Preservar o meio ambiente é preservar a vidaPreservar o meio ambiente é preservar a vida
Preservar o meio ambiente é preservar a vida
drxato
 
Semana manifesto 2012
Semana manifesto 2012Semana manifesto 2012
Semana manifesto 2012
BIOLOGIA Associação Pré-FEDERAL
 
A escassez da água
A escassez da águaA escassez da água
A escassez da água
lyzandra de camargo
 
Cf 2011
Cf 2011Cf 2011
Cf 2011
babins
 
NÃO HÁ MOTIVOS PARA COMEMORAR HOJE O DIA INTERNACIONAL DA MÃE TERRA.pdf
NÃO HÁ MOTIVOS PARA COMEMORAR HOJE O DIA INTERNACIONAL DA MÃE TERRA.pdfNÃO HÁ MOTIVOS PARA COMEMORAR HOJE O DIA INTERNACIONAL DA MÃE TERRA.pdf
NÃO HÁ MOTIVOS PARA COMEMORAR HOJE O DIA INTERNACIONAL DA MÃE TERRA.pdf
Faga1939
 
A VERDADEIRA FACE DO “AQÜÍFERO GUARANI”: MITOS E FATOS.
A VERDADEIRA FACE DO “AQÜÍFERO GUARANI”: MITOS E FATOS.A VERDADEIRA FACE DO “AQÜÍFERO GUARANI”: MITOS E FATOS.
A VERDADEIRA FACE DO “AQÜÍFERO GUARANI”: MITOS E FATOS.
fernandameneguzzo
 
Texto dos Slide.rev00.ppt
Texto dos Slide.rev00.pptTexto dos Slide.rev00.ppt
Texto dos Slide.rev00.ppt
SilvioBatista14
 
O início da conscientização na Educação ambiental
O início da conscientização na Educação ambientalO início da conscientização na Educação ambiental
O início da conscientização na Educação ambiental
Nanda Santana
 
Outros problemas ambientais
Outros problemas ambientaisOutros problemas ambientais
Outros problemas ambientais
AlanWillianLeonioSil
 
Atividade 9º Ano - Geografia Camões
Atividade 9º Ano - Geografia CamõesAtividade 9º Ano - Geografia Camões
Atividade 9º Ano - Geografia Camões
Patricia Oliviera Batista
 
Atividades do 9º Ano Geografia - Camões
Atividades do 9º Ano Geografia - CamõesAtividades do 9º Ano Geografia - Camões
Atividades do 9º Ano Geografia - Camões
Patricia Oliviera Batista
 
Simulado 7
Simulado 7Simulado 7
A fraude do_aquecimento_global
A fraude do_aquecimento_globalA fraude do_aquecimento_global
A fraude do_aquecimento_global
Amorim Albert
 

Semelhante a 3 Questoes (20)

In Sustentabilidade! Eis o "Momentum"
In Sustentabilidade! Eis o "Momentum"In Sustentabilidade! Eis o "Momentum"
In Sustentabilidade! Eis o "Momentum"
 
A Ciência (que) quer salvar a Humanidade – porque em breve será tarde demais
A Ciência (que) quer salvar a Humanidade – porque em breve será tarde demaisA Ciência (que) quer salvar a Humanidade – porque em breve será tarde demais
A Ciência (que) quer salvar a Humanidade – porque em breve será tarde demais
 
Meio ambiente
Meio ambienteMeio ambiente
Meio ambiente
 
A Ciência (que) Quer Salvar a Humanidade II - A Extinção em Massa, Jorge More...
A Ciência (que) Quer Salvar a Humanidade II - A Extinção em Massa, Jorge More...A Ciência (que) Quer Salvar a Humanidade II - A Extinção em Massa, Jorge More...
A Ciência (que) Quer Salvar a Humanidade II - A Extinção em Massa, Jorge More...
 
Guerra fria aquecimento_global_agb_revista
Guerra fria aquecimento_global_agb_revistaGuerra fria aquecimento_global_agb_revista
Guerra fria aquecimento_global_agb_revista
 
Guerra fria aquecimento_global_agb_revista
Guerra fria aquecimento_global_agb_revistaGuerra fria aquecimento_global_agb_revista
Guerra fria aquecimento_global_agb_revista
 
COMO TORNAR REALIDADE A UTOPIA DO USO RACIONAL DOS RECURSOS DA NATUREZA NO MU...
COMO TORNAR REALIDADE A UTOPIA DO USO RACIONAL DOS RECURSOS DA NATUREZA NO MU...COMO TORNAR REALIDADE A UTOPIA DO USO RACIONAL DOS RECURSOS DA NATUREZA NO MU...
COMO TORNAR REALIDADE A UTOPIA DO USO RACIONAL DOS RECURSOS DA NATUREZA NO MU...
 
Preservar o meio ambiente é preservar a vida
Preservar o meio ambiente é preservar a vidaPreservar o meio ambiente é preservar a vida
Preservar o meio ambiente é preservar a vida
 
Semana manifesto 2012
Semana manifesto 2012Semana manifesto 2012
Semana manifesto 2012
 
A escassez da água
A escassez da águaA escassez da água
A escassez da água
 
Cf 2011
Cf 2011Cf 2011
Cf 2011
 
NÃO HÁ MOTIVOS PARA COMEMORAR HOJE O DIA INTERNACIONAL DA MÃE TERRA.pdf
NÃO HÁ MOTIVOS PARA COMEMORAR HOJE O DIA INTERNACIONAL DA MÃE TERRA.pdfNÃO HÁ MOTIVOS PARA COMEMORAR HOJE O DIA INTERNACIONAL DA MÃE TERRA.pdf
NÃO HÁ MOTIVOS PARA COMEMORAR HOJE O DIA INTERNACIONAL DA MÃE TERRA.pdf
 
A VERDADEIRA FACE DO “AQÜÍFERO GUARANI”: MITOS E FATOS.
A VERDADEIRA FACE DO “AQÜÍFERO GUARANI”: MITOS E FATOS.A VERDADEIRA FACE DO “AQÜÍFERO GUARANI”: MITOS E FATOS.
A VERDADEIRA FACE DO “AQÜÍFERO GUARANI”: MITOS E FATOS.
 
Texto dos Slide.rev00.ppt
Texto dos Slide.rev00.pptTexto dos Slide.rev00.ppt
Texto dos Slide.rev00.ppt
 
O início da conscientização na Educação ambiental
O início da conscientização na Educação ambientalO início da conscientização na Educação ambiental
O início da conscientização na Educação ambiental
 
Outros problemas ambientais
Outros problemas ambientaisOutros problemas ambientais
Outros problemas ambientais
 
Atividade 9º Ano - Geografia Camões
Atividade 9º Ano - Geografia CamõesAtividade 9º Ano - Geografia Camões
Atividade 9º Ano - Geografia Camões
 
Atividades do 9º Ano Geografia - Camões
Atividades do 9º Ano Geografia - CamõesAtividades do 9º Ano Geografia - Camões
Atividades do 9º Ano Geografia - Camões
 
Simulado 7
Simulado 7Simulado 7
Simulado 7
 
A fraude do_aquecimento_global
A fraude do_aquecimento_globalA fraude do_aquecimento_global
A fraude do_aquecimento_global
 

Mais de Jade

Plano De Disciplina Ecologia [1]
Plano De Disciplina Ecologia [1]Plano De Disciplina Ecologia [1]
Plano De Disciplina Ecologia [1]
Jade
 
Plano De Disciplina Ecologia [1]
Plano De Disciplina Ecologia [1]Plano De Disciplina Ecologia [1]
Plano De Disciplina Ecologia [1]
Jade
 
Ementa
EmentaEmenta
Ementa
Jade
 
Aulas De Ecologia E Meio Ambiente1[1]
Aulas De Ecologia E Meio Ambiente1[1]Aulas De Ecologia E Meio Ambiente1[1]
Aulas De Ecologia E Meio Ambiente1[1]
Jade
 
Plano De Disciplina Ecologia [1]
Plano De Disciplina Ecologia [1]Plano De Disciplina Ecologia [1]
Plano De Disciplina Ecologia [1]
Jade
 
Plano De Disciplina Ecologia [1]
Plano De Disciplina Ecologia [1]Plano De Disciplina Ecologia [1]
Plano De Disciplina Ecologia [1]
Jade
 
abrolhos
abrolhosabrolhos
abrolhos
Jade
 
energia quadros
energia quadrosenergia quadros
energia quadros
Jade
 
Especie Etc
Especie EtcEspecie Etc
Especie Etc
Jade
 
Energia
EnergiaEnergia
Energia
Jade
 
Ecossistemas
EcossistemasEcossistemas
Ecossistemas
Jade
 
Ecossistema quadros
Ecossistema quadrosEcossistema quadros
Ecossistema quadros
Jade
 
Floresta Amazônica
Floresta AmazônicaFloresta Amazônica
Floresta Amazônica
Jade
 
Bioma Pantanal
Bioma PantanalBioma Pantanal
Bioma Pantanal
Jade
 
mata atlântica
mata atlânticamata atlântica
mata atlântica
Jade
 
Cerrado
CerradoCerrado
Cerrado
Jade
 
Bioma Semi-árido
Bioma Semi-áridoBioma Semi-árido
Bioma Semi-árido
Jade
 
Ecossistemas E Biomas
Ecossistemas E BiomasEcossistemas E Biomas
Ecossistemas E Biomas
Jade
 
Ecotoxicologia
EcotoxicologiaEcotoxicologia
Ecotoxicologia
Jade
 
Abrolhos
AbrolhosAbrolhos
Abrolhos
Jade
 

Mais de Jade (20)

Plano De Disciplina Ecologia [1]
Plano De Disciplina Ecologia [1]Plano De Disciplina Ecologia [1]
Plano De Disciplina Ecologia [1]
 
Plano De Disciplina Ecologia [1]
Plano De Disciplina Ecologia [1]Plano De Disciplina Ecologia [1]
Plano De Disciplina Ecologia [1]
 
Ementa
EmentaEmenta
Ementa
 
Aulas De Ecologia E Meio Ambiente1[1]
Aulas De Ecologia E Meio Ambiente1[1]Aulas De Ecologia E Meio Ambiente1[1]
Aulas De Ecologia E Meio Ambiente1[1]
 
Plano De Disciplina Ecologia [1]
Plano De Disciplina Ecologia [1]Plano De Disciplina Ecologia [1]
Plano De Disciplina Ecologia [1]
 
Plano De Disciplina Ecologia [1]
Plano De Disciplina Ecologia [1]Plano De Disciplina Ecologia [1]
Plano De Disciplina Ecologia [1]
 
abrolhos
abrolhosabrolhos
abrolhos
 
energia quadros
energia quadrosenergia quadros
energia quadros
 
Especie Etc
Especie EtcEspecie Etc
Especie Etc
 
Energia
EnergiaEnergia
Energia
 
Ecossistemas
EcossistemasEcossistemas
Ecossistemas
 
Ecossistema quadros
Ecossistema quadrosEcossistema quadros
Ecossistema quadros
 
Floresta Amazônica
Floresta AmazônicaFloresta Amazônica
Floresta Amazônica
 
Bioma Pantanal
Bioma PantanalBioma Pantanal
Bioma Pantanal
 
mata atlântica
mata atlânticamata atlântica
mata atlântica
 
Cerrado
CerradoCerrado
Cerrado
 
Bioma Semi-árido
Bioma Semi-áridoBioma Semi-árido
Bioma Semi-árido
 
Ecossistemas E Biomas
Ecossistemas E BiomasEcossistemas E Biomas
Ecossistemas E Biomas
 
Ecotoxicologia
EcotoxicologiaEcotoxicologia
Ecotoxicologia
 
Abrolhos
AbrolhosAbrolhos
Abrolhos
 

3 Questoes

  • 1. Questão 1. Agora é vero. Deu na imprensa internacional, com base científica e fotos de satélites: a continuar o ritmo atual da devastação e a incompetência política secular do Governo e do povo brasileiro em contê-las, a Amazônia desaparecerá em menos de 200 anos. A última grande floresta tropical e refrigerador natural do único mundo onde vivemos vai virar deserto. Internacionalização já! Ou não seremos mais nada. Nem brasileiros, nem terráqueos. Apenas uma lembrança vaga e infeliz de vida breve, vida louca, daqui a dois séculos. Felis Concolor. Amazônia? Intenacionalização já! In JB ecológico. Ano 4, nº41, jun/05, p. 14-5 (com adaptações). A quem possa interessar e ouvir, assinam essa declaração: todos os rios, os céus, as plantas, os animais,os povos índios, caboclos e universais da Floresta Amazônica. Dia cinco de junho de 2005. Dia Mundial do Meio Ambiente e Dia Mundial da Esperança. A última. A tese da internacionalização, ainda que circunstancialmente possa até ser mencionada por pessoas preocupadas com a região, longe está de ser solução para qualquer dos nossos problemas. Assim, escolher a Amazônia para demonstrar preocupação com o futuro da humanidade é louvável se assumido também, se assumido com todas as suas conseqüências, que o inaceitável processo de destruição das nossas florestas é o mesmo que produz e reproduz diariamente a pobreza e a desigualdade por todo o mundo. Simão Jatene. Proconceito e pretensão. In JB ecológico. Ano 4, nº 42, jul/05, p. 46-7 (com adaptações).Se assim não for, e a prevalecer a mera motivação “da propriedade”, então seria justificável também propor devaneios como a internacionalização do Museu do Louvre ou, quem sabe, dos poços de petróleo ou ainda, e neste caso não totalmente desprovido de razão, do sistema financeiro mundial. A partir das idéias presentes nos textos acima, expresse a sua opinião, fundamentado em dois argumentos, sobre: A melhor maneira de se preservar a maior floresta equatorial do planeta. Resposta: Consciente da transferência de posse do território amazônico brasileiro para território internacional, a internacionalização se tornaria instrumento inviável à preservação do bioma, devido à intenção por parte de alguns países não ser a preservação da Amazônia e sim o lucro que dela pode ser obtido. Outra solução seria a participação de outras nações na criação de uma legislação que preservasse a Amazônia, ao passo que incentivasse pesquisas na mesma, respeitando a cultura local e as particularidades da região. Questão 2. Vilarejos que afundam devido as derretimento da camada congelada do subsolo, uma explosão na quantidade de insetos, números recorde de incêndios florestais e cada vez menos gelo – esses são alguns dos sinais mais óbvios e assustadores de que o Alasca está ficando mais quente devido às mudanças climáticas, disseram cientistas. Folha de S. Paulo, 28/09/05As temperaturas atmosféricas no estado Norte-americano aumentaram entre 2°C e 3°C nas ultimas cinco décadas, segundo a Avaliação do Impacto do Clima no Ártico, um estudo amplo realizado por pesquisadores de oito países. O aquecimento global é um fenômeno cada vez mais evidente devido a inúmeros acontecimentos que, como os descritos no texto, têm afetado toda a humanidade. Apresente duas sugestões de providencias a serem tomadas pelos governos que tenham como objetivo minimizar o processe de aquecimento global. Resposta: A globalização criou uma cultura internacional de massa, onde interesses sociais de lazer, econômicos e culturais se globalizaram; no entanto, a preocupação com o interesse nas questões ambientais mundiais acompanhou esta crescente ideologia. É necessário que os governos dêem o maior incentivo às pesquisas tecnológicas de manuseio dos recursos renováveis e de remoção de poluente atmosféricos. O maior interesse dos governos no controle das emissões de poluente funcionaria também como forte forma de minimizar o processo de aquecimento global. Questão 3. Um dos processos naturais que se manifesta com freqüência em lagos e reservatórios é a eutrofização, que o homem passou a reproduzir, dando lugar à eutrofização artificial ou antrópica. A partir dessa afirmação, descreva o processo de eutrofização, contemplanto, necessariamente: A definição do que se entende por eutrofização natural de um corpo d’água; A indicação de, pelo menos, uma atividade humana que acelere o processo natural de eutrofização e gere a denominada eutrofização artificial; A menção aos principais impactos decorrentes da eutrofização artificial de um lago. Resposta: Eutrofização natural é o enriquecimento excessivo de nutriente em um corpo d’água, ocasionando o aumento de algas. A emissão de efluentes industriais sem tratamento específico no meio aquático é uma ação que acelera o processo natural de eutrofização, gerando o processo antrópico. Em conseqüência destes processos, ocorre a diminuição do oxigênio no meio aquático levanto à morte de seres deste ambiente, o mal cheiro do corpo receptor, etc.