SlideShare uma empresa Scribd logo
O que é um modelo atômico ?


É uma tentativa de imaginar ( visualizar) o átomo. Sendo o
átomo a menor estrutura da matéria. Se entendermos o átomo,
entenderemos melhor o mundo.
132
132
Importância - explicar os
fenômenos , entender o mundo ,
desenvolver tecnologia .

Um modelo é bom ,enquanto
explica os fenômenos , caso
contrário deve ser melhorado.
• O átomo é uma esfera onde toda massa esta
concentrada nesta esfera de maneira uniforme.


                                          Modelo da Esfera rígida
                                       Modelo da Bola de bilhar
elétrons




“Ampola de Crookes"
132
132
132
(UFSC) A palavra átomo é originária do grego e significa indivisível, ou seja, segundo os
filósofos gregos, o átomo seria a menor partícula da matéria que não poderia ser mais
dividida. Atualmente essa idéia não é mais aceita. A respeito dos átomos, é verdadeiro
afirmar que:


01. não podem ser desintegrados
02. são formados por, pelo menos, três partículas fundamentais
04. possuem partículas positivas denominadas elétrons
08. apresentam duas regiões distintas, o núcleo e a eletrosfera
16. apresentam elétrons, cuja carga elétrica é negativa
32. contêm partículas sem carga elétrica, os nêutrons

Resolução
São falsas as afirmações 01 e 04.
Os átomos podem ser fragmentados                                  em   partículas
menores.
Os elétrons possuem carga negativa.
(UFSC) Na famosa experiência de Rutherford, no início do século XX, com a

lâmina de ouro, o(s) fato(s) que (isoladamente ou em conjunto) indicava(m) o

átomo possuir um núcleo pequeno e positivo foi(foram)

01. As partículas alfa teriam cargas negativas

02. Ao atravessar a lâmina, uma maioria de partículas alfa sofreria desvio de sua

trajetória.

04. Um grande número de partículas alfa não atravessaria a lâmina

08. Um pequeno número de partículas alfa atravessando a lâmina sofreria desvio

de sua trajetória

16. A maioria das partículas alfa atravessaria os átomos da lâmina sem sofrer

desvio de sua trajetória.

Indique as corretas.

Estão corretas as afirmativas 08 e 16.
(UFMG) Dalton, Rutherford e Bohr propuseram, em diferentes épocas, modelos
atômicos. Algumas características desses modelos são apresentadas abaixo:
modelo I: Núcleo atômico denso, com carga positiva. Elétrons em órbitas circulares.
modelo II: Átomos maciços e indivisíveis.
modelo III: Núcleo atômico denso, com carga elétrica positiva. Elétrons em órbitas
circulares de energia quantizada.
A associação modelo/cientista correta é:
a) I/Bohr , II/Dalton , III/Rutherford
b) I/Dalton , II/Bohr , III/Rutherford
c) I/Dalton , II/Rutherford , III/Bohr
d) I/Rutherford , II/Bohr , III/Dalton
e) I/Rutherford , II/Dalton , III/Bohr


Resolução:A alternativa correta é a e.
(ITA) Considerando a experiência de Rutherford, assinale a alternativa falsa:



a) A experiência consistiu em bombardear películas metálicas delgadas com

partículas alfa.

b) Algumas partículas alfa foram desviadas do seu trajeto devido à repulsão exercida

pelo núcleo positivo do metal.

c) Observando o espalhamento das partículas alfa, Rutherford concluiu que o átomo

tem densidade uniforme.

d) Essa experiência permitiu descobrir o núcleo atômico e seu tamanho relativo.

e) Rutherford sabia antecipadamente que as partículas alfa eram carregadas

positivamente.


  A alternativa falsa é a c.
(Fuvest) Há exatos 100 anos, J.J. Thomson determinou, pela primeira

vez, a relação entre a massa e a carga do elétron, o que pode ser

considerado como a descoberta do elétron. É reconhecida como uma

contribuição de Thomson ao modelo atômico:



a) o átomo ser indivisível

b) a existência de partículas subatômicas

c) os elétrons ocuparem níveis discretos de energia

d) os elétrons girarem em órbitas circulares ao redor do núcleo

e) o átomo possuir um núcleo com carga positiva e uma eletrosfera


  Alternativa b.
132
Modelo atômico atual é um modelo matemático
probabilístico , no qual se refere os conceitos de:

 1924 – De Broglie

Comportamento       dual   do
elétron – Ora ele se comporta
como      onda,   ora    como
partícula.
Modelo atômico atual é um modelo matemático
probabilístico , no qual se refere os conceitos de:

   1926 –
   Heisenberg

  Princípio da Incerteza


 “É impossível calcular a velocidade e
 posição do elétrons num mesmo
 instante”.
Modelo    atômico   atual   é   um    modelo
matemático probabilístico , no qual se refere
os conceitos de:
  1927 – Schrodinger


 Conceito de Orbital

Região do espaço onde é
máxima a probabilidade de se
encontrar um elétron.
Formato esférico (não direcional)
Formato duplo ovóide (direcional)
132
No modelo atômico atual:
Os elétrons apresentam caráter corpuscular e de
onda, simultaneamente;

A concepção teórica de uma órbita definida para um
elétron é inaceitável;

O elétron pode ser encontrado na eletrosfera em
uma região chamada orbital.
QUESTÃO 18 – UFMG 2006
No fim do século XIX, Thomson realizou experimentos em tubos de vidro que continham
gases a baixas pressões, em que aplicava uma grande diferença de potencial. Isso
provocava a emissão de raios catódicos. Esses raios, produzidos num cátodo metálico,
deslocavam-se em direção à extremidade do tubo (E).
(Na figura, essa trajetória é representada pela linha tracejada X.)

Nesses experimentos, Thomson observou que

I) a razão entre a carga e a massa dos raios catódicos era independente da natureza do
metal constituinte do cátodo ou do gás existente no tubo; e

II) os raios catódicos, ao passarem entre duas placas carregadas, com cargas de sinal
contrário, se desviavam na direção da placa positiva.

(Na figura, esse desvio é representado pela linha tracejada Y.)

Considerando-se essas observações, é CORRETO afirmar que os raios catódicos

são constituídos de

A) elétrons.
B) ânions.
C) prótons.
D) cátions.
CARACTERIZAM O ELÉTRON

      n - nível
      l - subnível
      m - magnético
      m ou ms - spin
132
Z= 39
1) Faça a distribuição eletrônica em camadas ou geométrica.

2) Faça a distribuição em ordem energética.

3) Qual o subnível mais energético ?

4) Qual a camada de valência ?

5) Qual o número de elétrons por camada ?

6) Quantos elétrons este átomo apresenta na última camada ?

7) Quais os números quânticos, para o elétron mais energético,

   do subnível mais energético ?
CONVENÇÃO: O 1° ELÉTRON A ENTRAR EM UM ORBITAL TEM SPIN +1/2

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Super Modelo Atomico
Super Modelo AtomicoSuper Modelo Atomico
Super Modelo Atomico
guest67d522
 
Evolução do Modelo Atómico
Evolução do Modelo AtómicoEvolução do Modelo Atómico
Evolução do Modelo Atómico
713773
 
Evolução dos modelos atômicos
Evolução dos modelos atômicosEvolução dos modelos atômicos
Evolução dos modelos atômicos
Marivane Biazus
 
áTomo
áTomoáTomo
estrutura atômica
estrutura atômicaestrutura atômica
estrutura atômica
Fábio Oisiovici
 
O átomo
O átomoO átomo
Aulas 1 e 2 - Modelos Atômicos
Aulas 1 e 2 - Modelos AtômicosAulas 1 e 2 - Modelos Atômicos
Aulas 1 e 2 - Modelos Atômicos
Felipe Ribeiro de Siqueira
 
Apresentação modelos atômicos elenice
Apresentação modelos atômicos  eleniceApresentação modelos atômicos  elenice
Apresentação modelos atômicos elenice
EEB Paulo Bauer
 
Evolução dos modelos atómicos
Evolução dos modelos atómicosEvolução dos modelos atómicos
Evolução dos modelos atómicos
Tiago Ferreira
 
Evolução dos modelos atômicos
Evolução dos modelos atômicosEvolução dos modelos atômicos
Evolução dos modelos atômicos
ProfessorWaldecirDaQuimica
 
www.centroapoio.com - Química - Número Atômico - Vídeo Aula
www.centroapoio.com - Química - Número Atômico - Vídeo Aulawww.centroapoio.com - Química - Número Atômico - Vídeo Aula
www.centroapoio.com - Química - Número Atômico - Vídeo Aula
Vídeo Aulas Apoio
 
Slides evolução do modelo atômico
Slides  evolução do modelo atômicoSlides  evolução do modelo atômico
Slides evolução do modelo atômico
elismarafernandes
 
HistóRia Da QuíMica E Modelos AtôMicos
HistóRia Da QuíMica E Modelos AtôMicosHistóRia Da QuíMica E Modelos AtôMicos
HistóRia Da QuíMica E Modelos AtôMicos
Claysson Xavier
 
Aula 03 - Estrutura dos átomos e moléculas
Aula 03 - Estrutura dos átomos e moléculasAula 03 - Estrutura dos átomos e moléculas
Aula 03 - Estrutura dos átomos e moléculas
Nelson Virgilio Carvalho Filho
 
Evolução dos modelos atómicos
Evolução dos modelos atómicos Evolução dos modelos atómicos
Evolução dos modelos atómicos
TelmoMendes70
 
Professor Gil Motta - 8a Série - Átomos, partículas sub-atômicas, camadas ele...
Professor Gil Motta - 8a Série - Átomos, partículas sub-atômicas, camadas ele...Professor Gil Motta - 8a Série - Átomos, partículas sub-atômicas, camadas ele...
Professor Gil Motta - 8a Série - Átomos, partículas sub-atômicas, camadas ele...
mestregil
 
O átomo
O átomoO átomo
A estrutura do átomo
A estrutura do átomoA estrutura do átomo
Aula 2 Estrutura Do Atomo2
Aula 2   Estrutura Do Atomo2Aula 2   Estrutura Do Atomo2
Aula 2 Estrutura Do Atomo2
Nelson Virgilio Carvalho Filho
 
Atomo
AtomoAtomo

Mais procurados (20)

Super Modelo Atomico
Super Modelo AtomicoSuper Modelo Atomico
Super Modelo Atomico
 
Evolução do Modelo Atómico
Evolução do Modelo AtómicoEvolução do Modelo Atómico
Evolução do Modelo Atómico
 
Evolução dos modelos atômicos
Evolução dos modelos atômicosEvolução dos modelos atômicos
Evolução dos modelos atômicos
 
áTomo
áTomoáTomo
áTomo
 
estrutura atômica
estrutura atômicaestrutura atômica
estrutura atômica
 
O átomo
O átomoO átomo
O átomo
 
Aulas 1 e 2 - Modelos Atômicos
Aulas 1 e 2 - Modelos AtômicosAulas 1 e 2 - Modelos Atômicos
Aulas 1 e 2 - Modelos Atômicos
 
Apresentação modelos atômicos elenice
Apresentação modelos atômicos  eleniceApresentação modelos atômicos  elenice
Apresentação modelos atômicos elenice
 
Evolução dos modelos atómicos
Evolução dos modelos atómicosEvolução dos modelos atómicos
Evolução dos modelos atómicos
 
Evolução dos modelos atômicos
Evolução dos modelos atômicosEvolução dos modelos atômicos
Evolução dos modelos atômicos
 
www.centroapoio.com - Química - Número Atômico - Vídeo Aula
www.centroapoio.com - Química - Número Atômico - Vídeo Aulawww.centroapoio.com - Química - Número Atômico - Vídeo Aula
www.centroapoio.com - Química - Número Atômico - Vídeo Aula
 
Slides evolução do modelo atômico
Slides  evolução do modelo atômicoSlides  evolução do modelo atômico
Slides evolução do modelo atômico
 
HistóRia Da QuíMica E Modelos AtôMicos
HistóRia Da QuíMica E Modelos AtôMicosHistóRia Da QuíMica E Modelos AtôMicos
HistóRia Da QuíMica E Modelos AtôMicos
 
Aula 03 - Estrutura dos átomos e moléculas
Aula 03 - Estrutura dos átomos e moléculasAula 03 - Estrutura dos átomos e moléculas
Aula 03 - Estrutura dos átomos e moléculas
 
Evolução dos modelos atómicos
Evolução dos modelos atómicos Evolução dos modelos atómicos
Evolução dos modelos atómicos
 
Professor Gil Motta - 8a Série - Átomos, partículas sub-atômicas, camadas ele...
Professor Gil Motta - 8a Série - Átomos, partículas sub-atômicas, camadas ele...Professor Gil Motta - 8a Série - Átomos, partículas sub-atômicas, camadas ele...
Professor Gil Motta - 8a Série - Átomos, partículas sub-atômicas, camadas ele...
 
O átomo
O átomoO átomo
O átomo
 
A estrutura do átomo
A estrutura do átomoA estrutura do átomo
A estrutura do átomo
 
Aula 2 Estrutura Do Atomo2
Aula 2   Estrutura Do Atomo2Aula 2   Estrutura Do Atomo2
Aula 2 Estrutura Do Atomo2
 
Atomo
AtomoAtomo
Atomo
 

Destaque

Data Protection Act
Data Protection ActData Protection Act
Data Protection Act
dardanella
 
TéRminos BáSicos En Educ. Supe. Tema Nº 1
TéRminos BáSicos En Educ. Supe. Tema Nº 1TéRminos BáSicos En Educ. Supe. Tema Nº 1
TéRminos BáSicos En Educ. Supe. Tema Nº 1
alexander caballero
 
Accion nulidad carlosnahun
Accion nulidad carlosnahunAccion nulidad carlosnahun
Accion nulidad carlosnahun
Rafael Maya Sanabria
 
RADARIZACION- RADARES o Sistema fijo de Alerta en Ondas Métricas un complment...
RADARIZACION- RADARES o Sistema fijo de Alerta en Ondas Métricas un complment...RADARIZACION- RADARES o Sistema fijo de Alerta en Ondas Métricas un complment...
RADARIZACION- RADARES o Sistema fijo de Alerta en Ondas Métricas un complment...
Heriberto J E Roman
 
Padilla: Comportamiento del Consumidor sus Hábitos y Motivos.
Padilla: Comportamiento del Consumidor sus  Hábitos  y Motivos. Padilla: Comportamiento del Consumidor sus  Hábitos  y Motivos.
Padilla: Comportamiento del Consumidor sus Hábitos y Motivos.
Rafael Maya Sanabria
 
Introduccion a los ff.hh. 2do semestre
Introduccion a los ff.hh.  2do semestreIntroduccion a los ff.hh.  2do semestre
Introduccion a los ff.hh. 2do semestre
richardguerra
 
Alejandra plan de mercado.
Alejandra plan de mercado.Alejandra plan de mercado.
Alejandra plan de mercado.
Rafael Maya Sanabria
 
Tarifas sprc a partir del 13 06-2011
Tarifas sprc a partir del 13 06-2011Tarifas sprc a partir del 13 06-2011
Tarifas sprc a partir del 13 06-2011
Rafael Maya Sanabria
 
Dianproyectoestatutoaduanero6 dediciembrede2011
Dianproyectoestatutoaduanero6 dediciembrede2011Dianproyectoestatutoaduanero6 dediciembrede2011
Dianproyectoestatutoaduanero6 dediciembrede2011
Rafael Maya Sanabria
 
Caso Contecon: Gestion, Seguridad y Salud
Caso Contecon: Gestion, Seguridad y SaludCaso Contecon: Gestion, Seguridad y Salud
Caso Contecon: Gestion, Seguridad y Salud
AmCham Guayaquil
 
Ffhh estructura 0
Ffhh estructura 0Ffhh estructura 0
Ffhh estructura 0
becrouzeilles
 
Criterios para relaciones ECR
Criterios para relaciones ECRCriterios para relaciones ECR
Criterios para relaciones ECR
Rafael Maya Sanabria
 
Modernizacion portuaria
Modernizacion portuariaModernizacion portuaria
Modernizacion portuaria
Rafael Maya Sanabria
 
Taller final.
Taller final.Taller final.
Taller final.
Rafael Maya Sanabria
 
Naviera y Portuaria 1
Naviera y Portuaria 1Naviera y Portuaria 1
Naviera y Portuaria 1
Rafael Maya Sanabria
 
Taller ejercicio final
Taller ejercicio finalTaller ejercicio final
Taller ejercicio final
Rafael Maya Sanabria
 
Actividad colaborativa equipo “3”
Actividad colaborativa equipo “3”Actividad colaborativa equipo “3”
Actividad colaborativa equipo “3”
becrouzeilles
 
El pallet
El palletEl pallet
Analisis crítico de la situacion latinoamericana
Analisis crítico de la situacion latinoamericanaAnalisis crítico de la situacion latinoamericana
Analisis crítico de la situacion latinoamericana
Rafael Maya Sanabria
 
Manual de Ciencias Ambientales
Manual de Ciencias AmbientalesManual de Ciencias Ambientales
Manual de Ciencias Ambientales
Vladimir Revollo Gonzáles
 

Destaque (20)

Data Protection Act
Data Protection ActData Protection Act
Data Protection Act
 
TéRminos BáSicos En Educ. Supe. Tema Nº 1
TéRminos BáSicos En Educ. Supe. Tema Nº 1TéRminos BáSicos En Educ. Supe. Tema Nº 1
TéRminos BáSicos En Educ. Supe. Tema Nº 1
 
Accion nulidad carlosnahun
Accion nulidad carlosnahunAccion nulidad carlosnahun
Accion nulidad carlosnahun
 
RADARIZACION- RADARES o Sistema fijo de Alerta en Ondas Métricas un complment...
RADARIZACION- RADARES o Sistema fijo de Alerta en Ondas Métricas un complment...RADARIZACION- RADARES o Sistema fijo de Alerta en Ondas Métricas un complment...
RADARIZACION- RADARES o Sistema fijo de Alerta en Ondas Métricas un complment...
 
Padilla: Comportamiento del Consumidor sus Hábitos y Motivos.
Padilla: Comportamiento del Consumidor sus  Hábitos  y Motivos. Padilla: Comportamiento del Consumidor sus  Hábitos  y Motivos.
Padilla: Comportamiento del Consumidor sus Hábitos y Motivos.
 
Introduccion a los ff.hh. 2do semestre
Introduccion a los ff.hh.  2do semestreIntroduccion a los ff.hh.  2do semestre
Introduccion a los ff.hh. 2do semestre
 
Alejandra plan de mercado.
Alejandra plan de mercado.Alejandra plan de mercado.
Alejandra plan de mercado.
 
Tarifas sprc a partir del 13 06-2011
Tarifas sprc a partir del 13 06-2011Tarifas sprc a partir del 13 06-2011
Tarifas sprc a partir del 13 06-2011
 
Dianproyectoestatutoaduanero6 dediciembrede2011
Dianproyectoestatutoaduanero6 dediciembrede2011Dianproyectoestatutoaduanero6 dediciembrede2011
Dianproyectoestatutoaduanero6 dediciembrede2011
 
Caso Contecon: Gestion, Seguridad y Salud
Caso Contecon: Gestion, Seguridad y SaludCaso Contecon: Gestion, Seguridad y Salud
Caso Contecon: Gestion, Seguridad y Salud
 
Ffhh estructura 0
Ffhh estructura 0Ffhh estructura 0
Ffhh estructura 0
 
Criterios para relaciones ECR
Criterios para relaciones ECRCriterios para relaciones ECR
Criterios para relaciones ECR
 
Modernizacion portuaria
Modernizacion portuariaModernizacion portuaria
Modernizacion portuaria
 
Taller final.
Taller final.Taller final.
Taller final.
 
Naviera y Portuaria 1
Naviera y Portuaria 1Naviera y Portuaria 1
Naviera y Portuaria 1
 
Taller ejercicio final
Taller ejercicio finalTaller ejercicio final
Taller ejercicio final
 
Actividad colaborativa equipo “3”
Actividad colaborativa equipo “3”Actividad colaborativa equipo “3”
Actividad colaborativa equipo “3”
 
El pallet
El palletEl pallet
El pallet
 
Analisis crítico de la situacion latinoamericana
Analisis crítico de la situacion latinoamericanaAnalisis crítico de la situacion latinoamericana
Analisis crítico de la situacion latinoamericana
 
Manual de Ciencias Ambientales
Manual de Ciencias AmbientalesManual de Ciencias Ambientales
Manual de Ciencias Ambientales
 

Semelhante a 132

Estrutura Atomica Coc 2010
Estrutura Atomica Coc 2010Estrutura Atomica Coc 2010
Estrutura Atomica Coc 2010
Coc2010
 
Estrutura atomica 2012
Estrutura atomica 2012Estrutura atomica 2012
Estrutura atomica 2012
Matheus Oliveira Santana
 
01 20 in_c3_a_dcio_20dos_20modelos_20at_c3_b4micos_20i
01 20 in_c3_a_dcio_20dos_20modelos_20at_c3_b4micos_20i01 20 in_c3_a_dcio_20dos_20modelos_20at_c3_b4micos_20i
01 20 in_c3_a_dcio_20dos_20modelos_20at_c3_b4micos_20i
Samuca Love
 
Lista de exercícios I Modelos Atômicos
Lista de exercícios I Modelos AtômicosLista de exercícios I Modelos Atômicos
Lista de exercícios I Modelos Atômicos
Carlos Priante
 
Física - Calorimetria
Física - CalorimetriaFísica - Calorimetria
Física - Calorimetria
Vania Lima "Somos Físicos"
 
EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES - MODELOS ATÔMICOS - 2º ANOS
EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES - MODELOS ATÔMICOS - 2º ANOSEXERCÍCIOS COMPLEMENTARES - MODELOS ATÔMICOS - 2º ANOS
EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES - MODELOS ATÔMICOS - 2º ANOS
Helena Aragão De Sá Martins
 
Modelos atômicos
Modelos atômicosModelos atômicos
Modelos atômicos
Juliane Vieira
 
Modelos atômicos. Estrutura atômica.pptx
Modelos atômicos. Estrutura atômica.pptxModelos atômicos. Estrutura atômica.pptx
Modelos atômicos. Estrutura atômica.pptx
NukiLini
 
Jogo 1 trilha do átomo
Jogo 1  trilha do átomoJogo 1  trilha do átomo
Jogo 1 trilha do átomo
E.E.Deputado Jamil Gadia
 
Modelos+atã micos
Modelos+atã micosModelos+atã micos
Modelos+atã micos
Marcela Villa
 
Evolução dos modelos atômicos.docx
Evolução dos modelos atômicos.docxEvolução dos modelos atômicos.docx
Evolução dos modelos atômicos.docx
ColEstPolivalenteGoi
 
Lista 5 2014
Lista 5   2014Lista 5   2014
Lista 5 2014
profNICODEMOS
 
Modelos atômicos ( 2 ano)
Modelos atômicos ( 2 ano)Modelos atômicos ( 2 ano)
Modelos atômicos ( 2 ano)
Karol Maia
 
Modelos atômicos
Modelos atômicosModelos atômicos
Modelos atômicos
Glaucia Perez
 
ÁTOMOS 1.pdf
ÁTOMOS 1.pdfÁTOMOS 1.pdf
ÁTOMOS 1.pdf
Sabrina Martins
 
AtomíStica
AtomíSticaAtomíStica
Rusumo 01 MODELOS ATÔMICOS
Rusumo 01  MODELOS ATÔMICOSRusumo 01  MODELOS ATÔMICOS
Rusumo 01 MODELOS ATÔMICOS
Ricardo Bruno Nunes
 
Rusumo 01 MODELOS ATÔMICOS
Rusumo 01   MODELOS ATÔMICOSRusumo 01   MODELOS ATÔMICOS
Rusumo 01 MODELOS ATÔMICOS
Ricardo Bruno Nunes
 
Modelos atomicos
Modelos atomicos Modelos atomicos
Modelos atomicos
Laguat
 
Modelo atômico de Rutherford
Modelo atômico de RutherfordModelo atômico de Rutherford
Modelo atômico de Rutherford
Estude Mais
 

Semelhante a 132 (20)

Estrutura Atomica Coc 2010
Estrutura Atomica Coc 2010Estrutura Atomica Coc 2010
Estrutura Atomica Coc 2010
 
Estrutura atomica 2012
Estrutura atomica 2012Estrutura atomica 2012
Estrutura atomica 2012
 
01 20 in_c3_a_dcio_20dos_20modelos_20at_c3_b4micos_20i
01 20 in_c3_a_dcio_20dos_20modelos_20at_c3_b4micos_20i01 20 in_c3_a_dcio_20dos_20modelos_20at_c3_b4micos_20i
01 20 in_c3_a_dcio_20dos_20modelos_20at_c3_b4micos_20i
 
Lista de exercícios I Modelos Atômicos
Lista de exercícios I Modelos AtômicosLista de exercícios I Modelos Atômicos
Lista de exercícios I Modelos Atômicos
 
Física - Calorimetria
Física - CalorimetriaFísica - Calorimetria
Física - Calorimetria
 
EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES - MODELOS ATÔMICOS - 2º ANOS
EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES - MODELOS ATÔMICOS - 2º ANOSEXERCÍCIOS COMPLEMENTARES - MODELOS ATÔMICOS - 2º ANOS
EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES - MODELOS ATÔMICOS - 2º ANOS
 
Modelos atômicos
Modelos atômicosModelos atômicos
Modelos atômicos
 
Modelos atômicos. Estrutura atômica.pptx
Modelos atômicos. Estrutura atômica.pptxModelos atômicos. Estrutura atômica.pptx
Modelos atômicos. Estrutura atômica.pptx
 
Jogo 1 trilha do átomo
Jogo 1  trilha do átomoJogo 1  trilha do átomo
Jogo 1 trilha do átomo
 
Modelos+atã micos
Modelos+atã micosModelos+atã micos
Modelos+atã micos
 
Evolução dos modelos atômicos.docx
Evolução dos modelos atômicos.docxEvolução dos modelos atômicos.docx
Evolução dos modelos atômicos.docx
 
Lista 5 2014
Lista 5   2014Lista 5   2014
Lista 5 2014
 
Modelos atômicos ( 2 ano)
Modelos atômicos ( 2 ano)Modelos atômicos ( 2 ano)
Modelos atômicos ( 2 ano)
 
Modelos atômicos
Modelos atômicosModelos atômicos
Modelos atômicos
 
ÁTOMOS 1.pdf
ÁTOMOS 1.pdfÁTOMOS 1.pdf
ÁTOMOS 1.pdf
 
AtomíStica
AtomíSticaAtomíStica
AtomíStica
 
Rusumo 01 MODELOS ATÔMICOS
Rusumo 01  MODELOS ATÔMICOSRusumo 01  MODELOS ATÔMICOS
Rusumo 01 MODELOS ATÔMICOS
 
Rusumo 01 MODELOS ATÔMICOS
Rusumo 01   MODELOS ATÔMICOSRusumo 01   MODELOS ATÔMICOS
Rusumo 01 MODELOS ATÔMICOS
 
Modelos atomicos
Modelos atomicos Modelos atomicos
Modelos atomicos
 
Modelo atômico de Rutherford
Modelo atômico de RutherfordModelo atômico de Rutherford
Modelo atômico de Rutherford
 

Mais de Vicente Soella Neto

Ctsa (instrumentação)
Ctsa (instrumentação)Ctsa (instrumentação)
Ctsa (instrumentação)
Vicente Soella Neto
 
269
269269
239
239239
227
227227
149
149149
134
134134
343
343343
223
223223
148
148148
147
147147
141
141141
140
140140
136
136136
135
135135
133
133133
131
131131
126
126126
125
125125
124
124124
123
123123

Mais de Vicente Soella Neto (20)

Ctsa (instrumentação)
Ctsa (instrumentação)Ctsa (instrumentação)
Ctsa (instrumentação)
 
269
269269
269
 
239
239239
239
 
227
227227
227
 
149
149149
149
 
134
134134
134
 
343
343343
343
 
223
223223
223
 
148
148148
148
 
147
147147
147
 
141
141141
141
 
140
140140
140
 
136
136136
136
 
135
135135
135
 
133
133133
133
 
131
131131
131
 
126
126126
126
 
125
125125
125
 
124
124124
124
 
123
123123
123
 

132

  • 1. O que é um modelo atômico ? É uma tentativa de imaginar ( visualizar) o átomo. Sendo o átomo a menor estrutura da matéria. Se entendermos o átomo, entenderemos melhor o mundo.
  • 4. Importância - explicar os fenômenos , entender o mundo , desenvolver tecnologia . Um modelo é bom ,enquanto explica os fenômenos , caso contrário deve ser melhorado.
  • 5. • O átomo é uma esfera onde toda massa esta concentrada nesta esfera de maneira uniforme. Modelo da Esfera rígida Modelo da Bola de bilhar
  • 10. (UFSC) A palavra átomo é originária do grego e significa indivisível, ou seja, segundo os filósofos gregos, o átomo seria a menor partícula da matéria que não poderia ser mais dividida. Atualmente essa idéia não é mais aceita. A respeito dos átomos, é verdadeiro afirmar que: 01. não podem ser desintegrados 02. são formados por, pelo menos, três partículas fundamentais 04. possuem partículas positivas denominadas elétrons 08. apresentam duas regiões distintas, o núcleo e a eletrosfera 16. apresentam elétrons, cuja carga elétrica é negativa 32. contêm partículas sem carga elétrica, os nêutrons Resolução São falsas as afirmações 01 e 04. Os átomos podem ser fragmentados em partículas menores. Os elétrons possuem carga negativa.
  • 11. (UFSC) Na famosa experiência de Rutherford, no início do século XX, com a lâmina de ouro, o(s) fato(s) que (isoladamente ou em conjunto) indicava(m) o átomo possuir um núcleo pequeno e positivo foi(foram) 01. As partículas alfa teriam cargas negativas 02. Ao atravessar a lâmina, uma maioria de partículas alfa sofreria desvio de sua trajetória. 04. Um grande número de partículas alfa não atravessaria a lâmina 08. Um pequeno número de partículas alfa atravessando a lâmina sofreria desvio de sua trajetória 16. A maioria das partículas alfa atravessaria os átomos da lâmina sem sofrer desvio de sua trajetória. Indique as corretas. Estão corretas as afirmativas 08 e 16.
  • 12. (UFMG) Dalton, Rutherford e Bohr propuseram, em diferentes épocas, modelos atômicos. Algumas características desses modelos são apresentadas abaixo: modelo I: Núcleo atômico denso, com carga positiva. Elétrons em órbitas circulares. modelo II: Átomos maciços e indivisíveis. modelo III: Núcleo atômico denso, com carga elétrica positiva. Elétrons em órbitas circulares de energia quantizada. A associação modelo/cientista correta é: a) I/Bohr , II/Dalton , III/Rutherford b) I/Dalton , II/Bohr , III/Rutherford c) I/Dalton , II/Rutherford , III/Bohr d) I/Rutherford , II/Bohr , III/Dalton e) I/Rutherford , II/Dalton , III/Bohr Resolução:A alternativa correta é a e.
  • 13. (ITA) Considerando a experiência de Rutherford, assinale a alternativa falsa: a) A experiência consistiu em bombardear películas metálicas delgadas com partículas alfa. b) Algumas partículas alfa foram desviadas do seu trajeto devido à repulsão exercida pelo núcleo positivo do metal. c) Observando o espalhamento das partículas alfa, Rutherford concluiu que o átomo tem densidade uniforme. d) Essa experiência permitiu descobrir o núcleo atômico e seu tamanho relativo. e) Rutherford sabia antecipadamente que as partículas alfa eram carregadas positivamente. A alternativa falsa é a c.
  • 14. (Fuvest) Há exatos 100 anos, J.J. Thomson determinou, pela primeira vez, a relação entre a massa e a carga do elétron, o que pode ser considerado como a descoberta do elétron. É reconhecida como uma contribuição de Thomson ao modelo atômico: a) o átomo ser indivisível b) a existência de partículas subatômicas c) os elétrons ocuparem níveis discretos de energia d) os elétrons girarem em órbitas circulares ao redor do núcleo e) o átomo possuir um núcleo com carga positiva e uma eletrosfera Alternativa b.
  • 16. Modelo atômico atual é um modelo matemático probabilístico , no qual se refere os conceitos de: 1924 – De Broglie Comportamento dual do elétron – Ora ele se comporta como onda, ora como partícula.
  • 17. Modelo atômico atual é um modelo matemático probabilístico , no qual se refere os conceitos de: 1926 – Heisenberg Princípio da Incerteza “É impossível calcular a velocidade e posição do elétrons num mesmo instante”.
  • 18. Modelo atômico atual é um modelo matemático probabilístico , no qual se refere os conceitos de: 1927 – Schrodinger Conceito de Orbital Região do espaço onde é máxima a probabilidade de se encontrar um elétron.
  • 19. Formato esférico (não direcional)
  • 20. Formato duplo ovóide (direcional)
  • 22. No modelo atômico atual: Os elétrons apresentam caráter corpuscular e de onda, simultaneamente; A concepção teórica de uma órbita definida para um elétron é inaceitável; O elétron pode ser encontrado na eletrosfera em uma região chamada orbital.
  • 23. QUESTÃO 18 – UFMG 2006 No fim do século XIX, Thomson realizou experimentos em tubos de vidro que continham gases a baixas pressões, em que aplicava uma grande diferença de potencial. Isso provocava a emissão de raios catódicos. Esses raios, produzidos num cátodo metálico, deslocavam-se em direção à extremidade do tubo (E). (Na figura, essa trajetória é representada pela linha tracejada X.) Nesses experimentos, Thomson observou que I) a razão entre a carga e a massa dos raios catódicos era independente da natureza do metal constituinte do cátodo ou do gás existente no tubo; e II) os raios catódicos, ao passarem entre duas placas carregadas, com cargas de sinal contrário, se desviavam na direção da placa positiva. (Na figura, esse desvio é representado pela linha tracejada Y.) Considerando-se essas observações, é CORRETO afirmar que os raios catódicos são constituídos de A) elétrons. B) ânions. C) prótons. D) cátions.
  • 24. CARACTERIZAM O ELÉTRON n - nível l - subnível m - magnético m ou ms - spin
  • 26. Z= 39 1) Faça a distribuição eletrônica em camadas ou geométrica. 2) Faça a distribuição em ordem energética. 3) Qual o subnível mais energético ? 4) Qual a camada de valência ? 5) Qual o número de elétrons por camada ? 6) Quantos elétrons este átomo apresenta na última camada ? 7) Quais os números quânticos, para o elétron mais energético, do subnível mais energético ? CONVENÇÃO: O 1° ELÉTRON A ENTRAR EM UM ORBITAL TEM SPIN +1/2