A Sexualidade

3.415 visualizações

Publicada em

A Sexualidade

Publicada em: Espiritual
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.415
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
55
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A Sexualidade

  1. 1. A SexualidadeSérgio Freitas7ºA Nº24
  2. 2. Índice A sexualidade na escola A grafidez na adolescência A puberdade Primeiras transformações na rapariga Primeiras transformações no rapaz Puberdade nas raparigas Puberdade nos rapazes
  3. 3. Introdução Neste trabalho vou apresentar basicamente a sexualidade e as principais mudanças .
  4. 4. A sexualidade na escola A Educação Sexual nas escolas é uma necessidade e um direito das crianças, dos jovens e de todas as famílias. A sexualidade nas escolas tem como objectivo tornar as crianças e jovens mais responsáveis nas suas atitudes e decisões; dar a conhecer, de forma mais profunda e global, a sexualidade, nomeadamente relacionada com uma gravidez não desejada e precoce, as DST (Doenças sexualmente transmissíveis); abusos sexuais, etc.
  5. 5. Gravidez na adolescência A adolescência implica um período de mudanças físicas e emocionais que é considerado, por vários autores, um momento de crise. Mais do que a crise é um período de mudanças acentuadas, quer a nível físico, quer psicológico, relacional e afectivo. Não podemos descrever a adolescência como um simples adaptação às transformações corporais, mas sim como um importante período no ciclo de vida que corresponde a diferentes tomadas de posição sentidas ao nível social, familiar e também sexual.
  6. 6. A Puberdade A puberdade, marca o início da vida reprodutiva de rapazes e raparigas, sendo caracterizada por mudanças fisiológicas e psicológicas. Uma gravidez na adolescência provoca alterações na transformação que já vem ocorrendo de forma natural, ou seja, implica um duplo esforço de adaptação interna fisiológica e uma dupla movimentação de duas realidades que convergem num único momento: estar grávida e ser adolescente.
  7. 7. A puberdade nas raparigas
  8. 8. A puberdade nos rapazes
  9. 9. Conclusão Gostei de fazer este trabalho porque me mostrou algumas verdades que eu desconhecia
  10. 10. FIM

×