SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 8
Baixar para ler offline
Introdução 
Defesa do bloqueio directo 
Setembro de 2014 
RUBEN AGUIAR 
Introdução 
1 
Conceitos 
2 
Defesa troca 
3 
Defesa 2x1 
4 
Defesa “Push” 
5 
Negar o bloqueio 
5 
Passar entre o bloqueador e o seu defensor 
7 
Indice: 
O bloqueio directo é um movimento efectuado por dois jogadores no ataque que ao interromper temporariamente a acção do defensor do portador da bola procuram destabilizar a organização defensiva. Este movimento é conhecido pela sua simplicidade e pelo grande leque de soluções e vantagens que traz á equipa atacante. 
Como tal a defesa terá também de ter algumas soluções para contrariar ou até mesmo anular as vantagens criadas pelo bloqueio directo. 
A esse conjunto de soluções defensivas, não só as do bloqueio directo, mas todas aquelas que fazem parte do nosso jogo chamamos modelo defensivo. 
Como refere Moncho Lopéz tal como no ataque pretendemos um jogo fundamentado na procura do máximo rendimento dos nossos jogador criando movimentos sistematizados, um jogo por conceitos ou até uma mistura dos dois. O que é certo é que terá sempre de estar adaptado ao tipo de jogador que nós temos e ao tipo de jogo que estes são capazes de interpretar. 
Na defesa passa-se o mesmo também o tipo de jogador juntamente com outras condicionantes determinam as nossas decisões. Assim podemos dizer que o nosso modelo defensivo é a conjugação da filosofia do treinador, as características dos nossos jogadores, as características dos adversários e os outros factores intangíveis como o esforço e a dedicação. 
Defesa “Linha” 
8
Page 2 
Tipos de bloqueio directo: 
Conceitos 
Defesa do bloqueio diecto 
Bloqueio directo dinâmico: aquele que chega ao bloqueio em movimento. 
Bloqueio directo estático: o bloqueador está parado e o portador da bola é que vai de encontro ao bloqueio. 
Condicionantes na escolha do tipo de defesa: 
Caracteristicas fisicas: 
Se é o poste a bloquear o base, se é base-base etc... 
Caracteristicas técnicas: 
Se o jogador que beneficiou do bloqueio é bom lançador, mau driblador etc... 
Questões tácticas: 
Se é um bloqueio com distracção previa (figura), posicionamento no campo etc… 
O jogador que comunica o bloqueio é o defensor do jogador interior do lado contrario ou seja aquele que está em posição de ajuda (jogador 3), pois este está numa melhor posição para ver e decidir e deve gritar o tipo de defesa e o lado exemplo “TROCA ESQUERDA” e não bloqueio .
Defesa do bloqueio directo 
Page 3 
Tipos de defesa do bloqueio direto: 
Defesa troca: 
Não deve ser utilizado como “refugio” às lacunas defensivas ou à "falta de melhor”, devemos trabalhar os nossos atletas para serem agressivos e se a primeira solução que lhes apresentamos é a troca estamos a contribuir para a desresponsabilização defensiva. 
Então porquê a troca?? 
-Para defender um atirador - com a troca impedimos que este saia do bloqueio e lançe. 
- Quando as características físicas são semelhantes por exemplo bloqueio base- base para que deste modo não se ocorra no risco de existir um missmatch. 
Como fazer? 
Na troca o defensor do bloqueador deve ser agressivo e rápido a sair à bola, enquanto o defensor do portador da bola deverá interpor pé interior, ficando entre o atacante e o cesto para impedir o pop-out ou o desfazer interior.
Defesa do bloqueio directo 
Page 4 
Tipos de defesa do bloqueio directo: 
Defesa 2x1: 
Aproveitando que o ataque com a procura de um bloqueio directo fica com dois atacantes e consequentemente com dois defesas muitos juntos, dá-nos uma excelente oportunidade de aplicar um 2x1. 
Como fazer? 
O defensor do bloqueador segue o mesmo princípio da troca ou seja ser agressivo e rápido a sair à bola. 
Este tipo de defesa é mais complexo do que parece pois requer um sistema defensivo bem consolidado e a necessidade de haver segundas ajudas. Como se pode ver na figura. Há que ter bem definidas as ajudas para conseguir contrariar o desfazer do bloqueador. 
Na continuidade desta defesa temos três opcções: 
- O defensor do bloqueador mostra-se no 2x1 e desfaz logo. 
- O defensor do bloqueador só desfaz quando o jogador que saiu do bloqueio pára o drible 
- O defensor do bloqueador mantêm o 2x1 mesmo depois do jogador que saiu do bloqueio ter parado o drible. 
O ponto fraco desta defesa prende se no caso de o portador da bola ser muito bom driblador e romper com o drible por entre os defensores aquando do bloqueio.
Defesa do bloqueio directo 
Page 5 
Tipos de defesa do bloqueio directo: 
Defesa Push: 
Esta forma de defender o bloqueio directo o defesa do portador da bola irá passar no ponto mais longe desta, visto que passará não só por trás do bloqueador como por traz mas também do seu defesa. 
Como fazer? 
A passagem deverá ser feita no menor tempo e espaço possível, então o defesa do portador da bola contará com uma “Ajuda” do defensor do bloqueador que irá empurra-lo para que por um lado a distancia do defensor do portador da bola tem para percorrer seja menor e por outro o bloqueio seja feito o mais longe possível de preferência fora da linha de 3 pontos. 
Pontos fortes: 
- Ajuda no ressalto o defensor do bloqueador já esta numa posição favorável ao bloqueio defensivo. 
- Permite uma constante defesa do jogador que bloqueou sendo mais dificil para ele lançar ou dezfazer. 
Pontos fracos: 
- Arrisca se o lançamento do jogador que sai do bloqueio ainda que seja de muito longe se a defesa for bem feita. 
- É muito difícil defender push num bloqueio dinâmico
Defesa do bloqueio directo 
Page 6 
Tipos de defesa do bloqueio directo: 
Negar o Bloqueio: 
Este tipo de defesa consiste em o defensor do portador da bola mudar a posição corporal, cerca de 90º relativo á posição inicial, fazendo com que a opção mais correcta do atacante seja não utilizar o bloqueio mas sim driblar para o outro lado. Ao mesmo tempo o defensor do bloqueador se prepara para ajudar numa eventual penetração ao cesto. Uma vez que o defensor com bola recupera podem inclusive tentar um 2x1. 
Este tipo de defesa oferece mais vantagem quando feita perto das linhas laterais!
Defesa do bloqueio directo 
Page 7 
Tipos de defesa do bloqueio directo: 
Passar entre o bloqueador e o defensor : 
Este tipo de defesa é bastante parecido com a defesa push, visto que o defensor do portador da bola perde temporariamente o “contacto” com este para passar por tras do bloqueador, a diferença é que desta vez o defensor do bloqueador afasta-se ligeiramente de forma a permitir que o seu colega passe entre ele e o bloqueador, este pode inclusivamente dar um ligeiro “empurrão” ao seu colega permitindo que este passe com mais facilidade e mais rapido. 
Com esta defesa evita-se as penetrações do jogador que beneficiou do bloqueio, contudo da-mos a esse mesmo jogador a possibilidade de atirar atras do bloqueio sem oposição.
Defesa do bloqueio directo 
Page 8 
Tipos de defesa do bloqueio directo: 
Defesa Linha: 
Na defesa linha o defensor do bloqueador tem um papel preponderante, pois é este que vai sair ao portador da bola interceptando a sua continuação após o bloqueio, fazendo um compasso de espera até o defensor do portador da bola recuperar. 
Como fazer? 
Este compasso de espera pode ser feito em 3 linhas: linha 0, linha 1, ou linha 2. A linha não é mais do que a posição do defensor do bloqueador relativamente ao bloqueio, isto é, se defende um pouco atras da linha do bloqueio (linha 0), se defende na linha do bloqueio (linha 1) ou se defende acima da linha do bloqueio (linha 2). 
No que diz respeito ao jogador que foi bloqueado, este deve procurar rapidamente interpor a perna e o braço mais proximos do bloqueio de forma a conseguir passar entre o portador da bola e o bloqueador. 
O essencial numa boa defesa linha é ter um sistema muito bem orquestrado de ajudas de forma a anular o desfazer para o cesto do bloqueador.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

Futebol
FutebolFutebol
Futebol
 
Voleibol (regras, gestos técnicos, etc...)
Voleibol (regras, gestos técnicos, etc...)Voleibol (regras, gestos técnicos, etc...)
Voleibol (regras, gestos técnicos, etc...)
 
Sistemas táticos
Sistemas táticosSistemas táticos
Sistemas táticos
 
Voleibol documento de apoio
Voleibol documento de apoioVoleibol documento de apoio
Voleibol documento de apoio
 
Andebol
AndebolAndebol
Andebol
 
Slide de futsal para aula de ed. física
Slide de futsal para aula de ed. físicaSlide de futsal para aula de ed. física
Slide de futsal para aula de ed. física
 
A defesa no jogo de handebol
A defesa no jogo de handebolA defesa no jogo de handebol
A defesa no jogo de handebol
 
Apresentação andebol
Apresentação andebol Apresentação andebol
Apresentação andebol
 
Atletismo saltos altura_comprimento
Atletismo saltos altura_comprimentoAtletismo saltos altura_comprimento
Atletismo saltos altura_comprimento
 
Basquetebol
BasquetebolBasquetebol
Basquetebol
 
Futebol
FutebolFutebol
Futebol
 
O Basquete
O BasqueteO Basquete
O Basquete
 
Basquetebol blog
Basquetebol blogBasquetebol blog
Basquetebol blog
 
Trabalho Completo Sobre handebol
Trabalho Completo Sobre handebolTrabalho Completo Sobre handebol
Trabalho Completo Sobre handebol
 
Voleibol
VoleibolVoleibol
Voleibol
 
Andebol - Nível Introdução
Andebol - Nível IntroduçãoAndebol - Nível Introdução
Andebol - Nível Introdução
 
Andebol avancado
Andebol  avancadoAndebol  avancado
Andebol avancado
 
Ginástica Artística
Ginástica ArtísticaGinástica Artística
Ginástica Artística
 
7º aula atletismo salto em altura
7º aula atletismo salto em altura7º aula atletismo salto em altura
7º aula atletismo salto em altura
 
Resumo das regras de andebol
Resumo das regras de andebolResumo das regras de andebol
Resumo das regras de andebol
 

Semelhante a Artigo defesa do bloqueio directo por Ruben Aguiar

Táticas básicas de basquetebol
Táticas básicas de basquetebolTáticas básicas de basquetebol
Táticas básicas de basquetebolElaine Lima
 
Simplificação da Estrutura Complexa do Jogo - Fases do Jogo
Simplificação da Estrutura Complexa do Jogo - Fases do JogoSimplificação da Estrutura Complexa do Jogo - Fases do Jogo
Simplificação da Estrutura Complexa do Jogo - Fases do JogoFundação Real Madrid
 
Modelo de Jogo - Lusitano FC 2011/2012
Modelo de Jogo - Lusitano FC 2011/2012Modelo de Jogo - Lusitano FC 2011/2012
Modelo de Jogo - Lusitano FC 2011/2012Fundação Real Madrid
 
O Volley Bal Melissa
O Volley Bal MelissaO Volley Bal Melissa
O Volley Bal Melissaheldercm
 
aula 07 basqueteFUNDAMENTOSofensivos SV.pptx
aula 07 basqueteFUNDAMENTOSofensivos SV.pptxaula 07 basqueteFUNDAMENTOSofensivos SV.pptx
aula 07 basqueteFUNDAMENTOSofensivos SV.pptxViniciusLopesFaria
 
Táticas de defesa e ataque no basquetebol
Táticas de defesa e ataque no basquetebolTáticas de defesa e ataque no basquetebol
Táticas de defesa e ataque no basquetebolMarcos Dieison
 
Construção de um Estilo (Modelo) de Jogo
Construção de um Estilo (Modelo) de JogoConstrução de um Estilo (Modelo) de Jogo
Construção de um Estilo (Modelo) de JogoFundação Real Madrid
 
Colocação de função táctica do guarda-redes (defesa do espaço)
Colocação de função táctica do guarda-redes (defesa do espaço)Colocação de função táctica do guarda-redes (defesa do espaço)
Colocação de função táctica do guarda-redes (defesa do espaço)Pedro Ferrer
 
Futebol isce Prof Valter Pinheiro
Futebol isce Prof Valter PinheiroFutebol isce Prof Valter Pinheiro
Futebol isce Prof Valter Pinheiroactualidades
 
Andebol: técnicas & fundamentos
Andebol: técnicas & fundamentosAndebol: técnicas & fundamentos
Andebol: técnicas & fundamentosWagner Do Rosário
 

Semelhante a Artigo defesa do bloqueio directo por Ruben Aguiar (20)

Táticas básicas de basquetebol
Táticas básicas de basquetebolTáticas básicas de basquetebol
Táticas básicas de basquetebol
 
Andebol - Nível Elementar
Andebol  - Nível ElementarAndebol  - Nível Elementar
Andebol - Nível Elementar
 
Simplificação da Estrutura Complexa do Jogo - Fases do Jogo
Simplificação da Estrutura Complexa do Jogo - Fases do JogoSimplificação da Estrutura Complexa do Jogo - Fases do Jogo
Simplificação da Estrutura Complexa do Jogo - Fases do Jogo
 
Modelo de Jogo - Lusitano FC 2011/2012
Modelo de Jogo - Lusitano FC 2011/2012Modelo de Jogo - Lusitano FC 2011/2012
Modelo de Jogo - Lusitano FC 2011/2012
 
O Volley Bal Melissa
O Volley Bal MelissaO Volley Bal Melissa
O Volley Bal Melissa
 
aula 07 basqueteFUNDAMENTOSofensivos SV.pptx
aula 07 basqueteFUNDAMENTOSofensivos SV.pptxaula 07 basqueteFUNDAMENTOSofensivos SV.pptx
aula 07 basqueteFUNDAMENTOSofensivos SV.pptx
 
Andebol elementar
Andebol elementarAndebol elementar
Andebol elementar
 
Táticas de defesa e ataque no basquetebol
Táticas de defesa e ataque no basquetebolTáticas de defesa e ataque no basquetebol
Táticas de defesa e ataque no basquetebol
 
Construção de um Estilo (Modelo) de Jogo
Construção de um Estilo (Modelo) de JogoConstrução de um Estilo (Modelo) de Jogo
Construção de um Estilo (Modelo) de Jogo
 
Andebol - tudo
Andebol - tudoAndebol - tudo
Andebol - tudo
 
Colocação de função táctica do guarda-redes (defesa do espaço)
Colocação de função táctica do guarda-redes (defesa do espaço)Colocação de função táctica do guarda-redes (defesa do espaço)
Colocação de função táctica do guarda-redes (defesa do espaço)
 
Basquete 1
Basquete 1Basquete 1
Basquete 1
 
Andebol
AndebolAndebol
Andebol
 
Jornadas tecnicas
Jornadas tecnicasJornadas tecnicas
Jornadas tecnicas
 
Futebol
FutebolFutebol
Futebol
 
Futebol isce Prof Valter Pinheiro
Futebol isce Prof Valter PinheiroFutebol isce Prof Valter Pinheiro
Futebol isce Prof Valter Pinheiro
 
Futebol
Futebol Futebol
Futebol
 
Andebol: técnicas & fundamentos
Andebol: técnicas & fundamentosAndebol: técnicas & fundamentos
Andebol: técnicas & fundamentos
 
Futebol 7
Futebol 7Futebol 7
Futebol 7
 
Futebol 7
Futebol 7Futebol 7
Futebol 7
 

Mais de Ruben Aguiar

A vida ao quadrado ep 2 o caminho faz se caminhando
A vida ao quadrado ep 2 o caminho faz se caminhandoA vida ao quadrado ep 2 o caminho faz se caminhando
A vida ao quadrado ep 2 o caminho faz se caminhandoRuben Aguiar
 
A vida ao Quadrado - Ep1 - A perceção
A vida ao Quadrado - Ep1 - A perceçãoA vida ao Quadrado - Ep1 - A perceção
A vida ao Quadrado - Ep1 - A perceçãoRuben Aguiar
 
Elas - Ruben Aguiar
Elas - Ruben AguiarElas - Ruben Aguiar
Elas - Ruben AguiarRuben Aguiar
 
Entrevista a John lennon
Entrevista a John lennon Entrevista a John lennon
Entrevista a John lennon Ruben Aguiar
 
Entrevista a luis vaz de camões
Entrevista a luis vaz de camõesEntrevista a luis vaz de camões
Entrevista a luis vaz de camõesRuben Aguiar
 
Basquetebol o jogo de uma vida
Basquetebol o jogo de uma vidaBasquetebol o jogo de uma vida
Basquetebol o jogo de uma vidaRuben Aguiar
 
Competição como fator de desenvolvimento do jovem atleta
Competição como fator de desenvolvimento do jovem atletaCompetição como fator de desenvolvimento do jovem atleta
Competição como fator de desenvolvimento do jovem atletaRuben Aguiar
 

Mais de Ruben Aguiar (7)

A vida ao quadrado ep 2 o caminho faz se caminhando
A vida ao quadrado ep 2 o caminho faz se caminhandoA vida ao quadrado ep 2 o caminho faz se caminhando
A vida ao quadrado ep 2 o caminho faz se caminhando
 
A vida ao Quadrado - Ep1 - A perceção
A vida ao Quadrado - Ep1 - A perceçãoA vida ao Quadrado - Ep1 - A perceção
A vida ao Quadrado - Ep1 - A perceção
 
Elas - Ruben Aguiar
Elas - Ruben AguiarElas - Ruben Aguiar
Elas - Ruben Aguiar
 
Entrevista a John lennon
Entrevista a John lennon Entrevista a John lennon
Entrevista a John lennon
 
Entrevista a luis vaz de camões
Entrevista a luis vaz de camõesEntrevista a luis vaz de camões
Entrevista a luis vaz de camões
 
Basquetebol o jogo de uma vida
Basquetebol o jogo de uma vidaBasquetebol o jogo de uma vida
Basquetebol o jogo de uma vida
 
Competição como fator de desenvolvimento do jovem atleta
Competição como fator de desenvolvimento do jovem atletaCompetição como fator de desenvolvimento do jovem atleta
Competição como fator de desenvolvimento do jovem atleta
 

Artigo defesa do bloqueio directo por Ruben Aguiar

  • 1. Introdução Defesa do bloqueio directo Setembro de 2014 RUBEN AGUIAR Introdução 1 Conceitos 2 Defesa troca 3 Defesa 2x1 4 Defesa “Push” 5 Negar o bloqueio 5 Passar entre o bloqueador e o seu defensor 7 Indice: O bloqueio directo é um movimento efectuado por dois jogadores no ataque que ao interromper temporariamente a acção do defensor do portador da bola procuram destabilizar a organização defensiva. Este movimento é conhecido pela sua simplicidade e pelo grande leque de soluções e vantagens que traz á equipa atacante. Como tal a defesa terá também de ter algumas soluções para contrariar ou até mesmo anular as vantagens criadas pelo bloqueio directo. A esse conjunto de soluções defensivas, não só as do bloqueio directo, mas todas aquelas que fazem parte do nosso jogo chamamos modelo defensivo. Como refere Moncho Lopéz tal como no ataque pretendemos um jogo fundamentado na procura do máximo rendimento dos nossos jogador criando movimentos sistematizados, um jogo por conceitos ou até uma mistura dos dois. O que é certo é que terá sempre de estar adaptado ao tipo de jogador que nós temos e ao tipo de jogo que estes são capazes de interpretar. Na defesa passa-se o mesmo também o tipo de jogador juntamente com outras condicionantes determinam as nossas decisões. Assim podemos dizer que o nosso modelo defensivo é a conjugação da filosofia do treinador, as características dos nossos jogadores, as características dos adversários e os outros factores intangíveis como o esforço e a dedicação. Defesa “Linha” 8
  • 2. Page 2 Tipos de bloqueio directo: Conceitos Defesa do bloqueio diecto Bloqueio directo dinâmico: aquele que chega ao bloqueio em movimento. Bloqueio directo estático: o bloqueador está parado e o portador da bola é que vai de encontro ao bloqueio. Condicionantes na escolha do tipo de defesa: Caracteristicas fisicas: Se é o poste a bloquear o base, se é base-base etc... Caracteristicas técnicas: Se o jogador que beneficiou do bloqueio é bom lançador, mau driblador etc... Questões tácticas: Se é um bloqueio com distracção previa (figura), posicionamento no campo etc… O jogador que comunica o bloqueio é o defensor do jogador interior do lado contrario ou seja aquele que está em posição de ajuda (jogador 3), pois este está numa melhor posição para ver e decidir e deve gritar o tipo de defesa e o lado exemplo “TROCA ESQUERDA” e não bloqueio .
  • 3. Defesa do bloqueio directo Page 3 Tipos de defesa do bloqueio direto: Defesa troca: Não deve ser utilizado como “refugio” às lacunas defensivas ou à "falta de melhor”, devemos trabalhar os nossos atletas para serem agressivos e se a primeira solução que lhes apresentamos é a troca estamos a contribuir para a desresponsabilização defensiva. Então porquê a troca?? -Para defender um atirador - com a troca impedimos que este saia do bloqueio e lançe. - Quando as características físicas são semelhantes por exemplo bloqueio base- base para que deste modo não se ocorra no risco de existir um missmatch. Como fazer? Na troca o defensor do bloqueador deve ser agressivo e rápido a sair à bola, enquanto o defensor do portador da bola deverá interpor pé interior, ficando entre o atacante e o cesto para impedir o pop-out ou o desfazer interior.
  • 4. Defesa do bloqueio directo Page 4 Tipos de defesa do bloqueio directo: Defesa 2x1: Aproveitando que o ataque com a procura de um bloqueio directo fica com dois atacantes e consequentemente com dois defesas muitos juntos, dá-nos uma excelente oportunidade de aplicar um 2x1. Como fazer? O defensor do bloqueador segue o mesmo princípio da troca ou seja ser agressivo e rápido a sair à bola. Este tipo de defesa é mais complexo do que parece pois requer um sistema defensivo bem consolidado e a necessidade de haver segundas ajudas. Como se pode ver na figura. Há que ter bem definidas as ajudas para conseguir contrariar o desfazer do bloqueador. Na continuidade desta defesa temos três opcções: - O defensor do bloqueador mostra-se no 2x1 e desfaz logo. - O defensor do bloqueador só desfaz quando o jogador que saiu do bloqueio pára o drible - O defensor do bloqueador mantêm o 2x1 mesmo depois do jogador que saiu do bloqueio ter parado o drible. O ponto fraco desta defesa prende se no caso de o portador da bola ser muito bom driblador e romper com o drible por entre os defensores aquando do bloqueio.
  • 5. Defesa do bloqueio directo Page 5 Tipos de defesa do bloqueio directo: Defesa Push: Esta forma de defender o bloqueio directo o defesa do portador da bola irá passar no ponto mais longe desta, visto que passará não só por trás do bloqueador como por traz mas também do seu defesa. Como fazer? A passagem deverá ser feita no menor tempo e espaço possível, então o defesa do portador da bola contará com uma “Ajuda” do defensor do bloqueador que irá empurra-lo para que por um lado a distancia do defensor do portador da bola tem para percorrer seja menor e por outro o bloqueio seja feito o mais longe possível de preferência fora da linha de 3 pontos. Pontos fortes: - Ajuda no ressalto o defensor do bloqueador já esta numa posição favorável ao bloqueio defensivo. - Permite uma constante defesa do jogador que bloqueou sendo mais dificil para ele lançar ou dezfazer. Pontos fracos: - Arrisca se o lançamento do jogador que sai do bloqueio ainda que seja de muito longe se a defesa for bem feita. - É muito difícil defender push num bloqueio dinâmico
  • 6. Defesa do bloqueio directo Page 6 Tipos de defesa do bloqueio directo: Negar o Bloqueio: Este tipo de defesa consiste em o defensor do portador da bola mudar a posição corporal, cerca de 90º relativo á posição inicial, fazendo com que a opção mais correcta do atacante seja não utilizar o bloqueio mas sim driblar para o outro lado. Ao mesmo tempo o defensor do bloqueador se prepara para ajudar numa eventual penetração ao cesto. Uma vez que o defensor com bola recupera podem inclusive tentar um 2x1. Este tipo de defesa oferece mais vantagem quando feita perto das linhas laterais!
  • 7. Defesa do bloqueio directo Page 7 Tipos de defesa do bloqueio directo: Passar entre o bloqueador e o defensor : Este tipo de defesa é bastante parecido com a defesa push, visto que o defensor do portador da bola perde temporariamente o “contacto” com este para passar por tras do bloqueador, a diferença é que desta vez o defensor do bloqueador afasta-se ligeiramente de forma a permitir que o seu colega passe entre ele e o bloqueador, este pode inclusivamente dar um ligeiro “empurrão” ao seu colega permitindo que este passe com mais facilidade e mais rapido. Com esta defesa evita-se as penetrações do jogador que beneficiou do bloqueio, contudo da-mos a esse mesmo jogador a possibilidade de atirar atras do bloqueio sem oposição.
  • 8. Defesa do bloqueio directo Page 8 Tipos de defesa do bloqueio directo: Defesa Linha: Na defesa linha o defensor do bloqueador tem um papel preponderante, pois é este que vai sair ao portador da bola interceptando a sua continuação após o bloqueio, fazendo um compasso de espera até o defensor do portador da bola recuperar. Como fazer? Este compasso de espera pode ser feito em 3 linhas: linha 0, linha 1, ou linha 2. A linha não é mais do que a posição do defensor do bloqueador relativamente ao bloqueio, isto é, se defende um pouco atras da linha do bloqueio (linha 0), se defende na linha do bloqueio (linha 1) ou se defende acima da linha do bloqueio (linha 2). No que diz respeito ao jogador que foi bloqueado, este deve procurar rapidamente interpor a perna e o braço mais proximos do bloqueio de forma a conseguir passar entre o portador da bola e o bloqueador. O essencial numa boa defesa linha é ter um sistema muito bem orquestrado de ajudas de forma a anular o desfazer para o cesto do bloqueador.