Além da orla

474 visualizações

Publicada em

A fim de não cansarmos nossos amigos, dividi a documentação da cidade em 2 grandes blocos. O primeiro é a orla, com o porto e a área da igreja da matriz. Quem procurar neste portal achará estre trabalho fotográfico. Aqui estão outros aspectos, além da orla e do centrinho principal. Vamos apresentá-lo ao João Dario, lenda viva da cidade. O maior contador de causos, (para não dizer mentiras) da região norte d país. Alguém disse para mim: "Maraã é uma ótima cidade para idosos: não tem ladeira e é muito calma". Se vc planeja sua aposentadoria, fica a dica! Carlos Elson L. da Cunha - elsonbrasil@hotmail.com

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
474
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Além da orla

  1. 1. AMAZÔNIA<br />A NAÇÃO DAS ÁGUAS IMENSAS<br />MARAÃ – Fora da orla <br />
  2. 2.
  3. 3. É uma vassoura.<br />
  4. 4. Comércio embaixo, residência em cima. <br />O professor Nestor Goulart Reis Filho mostra que isso vem desde o começo de nossa colonização.<br />
  5. 5.
  6. 6. O gosto pelas cores vivas: da calçada à fachada. <br />Muito longe do degradé tedioso que a <br />Europa nos vende como chique.<br />
  7. 7.
  8. 8.
  9. 9.
  10. 10.
  11. 11.
  12. 12.
  13. 13.
  14. 14.
  15. 15.
  16. 16.
  17. 17. Associação dos pescadores.<br />Tem de fotografar, pra provar!<br />
  18. 18.
  19. 19. Sabia que a Márcia, da Escola de Música Picolé, fez curso de modelo por correspondência?<br />
  20. 20. Não há posto de gasolina normal em terra firme. Quem tenta se dá mal.<br />
  21. 21. Onde ocorrem as baladas amazônicas<br />
  22. 22. Onde ocorrem as baladas amazônicas, 2.<br />Vamos ver os desenhos mais de perto.<br />
  23. 23.
  24. 24.
  25. 25. Que culpa tem a tartaruga da paixão esportiva do Chico Pézinho?<br />Ó ele ali no fundo. Presta atenção que tu vê.<br />
  26. 26. Painel decorativo do supermercado e quartos de aluguel do <br />Chico Pézinho.<br />
  27. 27. Casa do artesanato, à esquerda. Porto à direita. <br />Largo da matriz, em frente.<br />
  28. 28. Minha boina no menino diante da biblioteca e telecentro.<br />
  29. 29. Gérsom e herdeiros.<br />
  30. 30. Urubus à margem do igarapé.<br />
  31. 31.
  32. 32. Exantone. Tu sabe o que é? Então me explica, que eu não sei.<br />
  33. 33.
  34. 34.
  35. 35. Bradescão.<br />Em frente ao Chico Pézinho, onde me hospedei.<br />
  36. 36. Cadeiras de fios plásticos. <br />Mó sucesso no norte. <br />Toda casa tem uma.<br />Numa tarde ou <br />noite quente, não tem igual!<br />
  37. 37.
  38. 38.
  39. 39. João Dario!<br />O mais famoso contador <br />de causos da região norte do país.<br />As estórias dele já dão um livro.<br />
  40. 40.
  41. 41.
  42. 42.
  43. 43.
  44. 44.
  45. 45.
  46. 46.
  47. 47. Caboclão.<br />Aluga quartos e serve refeições, pertinho da orla.<br />
  48. 48. Tem até mesa!<br />Como senti falta de uma na minha hospedagem com Chico Pézinho...<br />Um escritor precisa de uma mesa!<br />
  49. 49.
  50. 50.
  51. 51.
  52. 52.
  53. 53. Bela construção!<br />Pé-direito c. 4,5m e ventilação cruzada. Veja à direita os vitrôs.<br />Resultado: bem arejado e agradável.<br />
  54. 54. AMAZÔNIA<br />A NAÇÃO DAS ÁGUAS IMENSAS<br />MARAÃ – Fora da orla <br />

×