Apresentação Monografia: Educação no século XXI: desafio de pais e educadores.

28.677 visualizações

Publicada em

Apresentação Monografia: Educação no século XXI: desafio de pais e educadores.

Publicada em: Educação
4 comentários
14 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
28.677
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
233
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
4
Gostaram
14
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação Monografia: Educação no século XXI: desafio de pais e educadores.

  1. 1. Capa Desafios de Pais e Educadores LUCIANA CRISTINA DA COSTA RASPA MARIA DEUSIVANE LEITE FIGUEIREDO UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU SÃO PAULO 2007 Trabalho de Conclusão de Curso como aproveitamento da Disciplina Planejamento e Desenvolvimento de Projeto do Curso de Administração, Gestão e Supervisão Escolar sob orientação da Profª. Dra. Cecília de Carvalho.
  2. 2. Origem do assunto "família e escola" "educação do ser integral"
  3. 3. Delimitação do problema Qual o real papel de pais e educadores na educação de hoje? Como pais e educadores podem contribuir para formação do ser integral? A educação do século XXI requer novas habilidades e os pais e educadores estão preparados para este desafio? Qual a importância da educação familiar? Quais responsabilidades a família e a escola possuem no desenvolvimento do indivíduo?
  4. 4. Etimologia <ul><li>Educação do latim educare, educere – aquilo que vem de dentro; que propicia o aperfeiçoamento das faculdades humanas, desse modo, deve-se “conduzir para fora”, (PRIBERAM, s.d.) </li></ul>Preparar o indivíduo para o mundo é exatamente o que temos como ideal. E para alcançarmos esta educação será necessário superar os desafios que pais e educadores estão enfrentando no século XXI.
  5. 5. Caminho metodológico e recursos Pesquisa Qualitativa Recursos metodológicos - blog - pesquisa bibliográfica - questionário
  6. 6. Teóricos
  7. 7. <ul><li>1 – Definição do problema </li></ul><ul><li>2 – Aprendizagem conjunta </li></ul><ul><li>3 – Plano de Ação </li></ul>Ação
  8. 8. Resultados da Pesquisa <ul><li>30 colaboradores </li></ul><ul><li>158 respostas </li></ul><ul><li>124 consciência mental/intelectual </li></ul><ul><li>24 consciência emocional </li></ul><ul><li>10 consciência espiritual </li></ul><ul><li>0 consciência corporal </li></ul>
  9. 9. Unidades Significativas <ul><li>Consciência Mental/Intelectual </li></ul><ul><li>A parceria família e escola é fundamental para um bom comportamento humano, cabe aos pais o papel de um bom desenvolvimento acadêmico, social e econômico no lar. A participação dos pais na escolha da escola correta, o financiamento escolar e o envolvimento no aprendizado dos seus filhos. Tudo isso contribui para a escola despertar no aluno o desejo de aprender e dar condições para eles enfrentarem o mercado de trabalho mais tarde. </li></ul><ul><li>(Wellington Rocha, 21 agosto 2007) </li></ul>
  10. 10. Unidades Significativas <ul><li>Consciência Emocional </li></ul><ul><li>As duas partes possuem responsabilidade na formação do ser , pois se lembrarmos de nossa infância teremos sempre recordações positivas ou negativas dos momentos com a nossa família e com os professores. A responsabilidade de ambas as partes é contribuir para formação de um ser integro, capaz de quando errar pedir perdão pela sua falha, ser responsável pelas suas ações e sempre antes de agir colocar o amor na frente . </li></ul><ul><li>(Andressa Ruiz Barbosa, 26 agosto 2007) </li></ul>
  11. 11. Unidades Significativas <ul><li>Consciência Espiritual </li></ul><ul><li>A responsabilidade de “formar” o homem. O formar, significa muito mais do que torná-lo competitivo no mundo dos negócios. Transcende o aspecto material . É muito importante termos filhos bem sucedidos, e às escolas, muito interessante ter ex-alunos brilhantes, bem colocados profissionalmente. Mas isso não basta. Precisamos muito mais. Precisamos formar gerações de indivíduos que saibam respeitar ao próximo , consigam ser solidários aos seus irmãos, que olhem nosso planeta com amor , que cuidem da natureza , que enfim, lembrem-se que ao homem foi dado a capacidade de pensar , e é necessário usar essa capacidade para benefício de todos. </li></ul><ul><li>(Lucélia Baldassi Magri, 31 agosto, 2007) </li></ul>
  12. 12. Sugestões <ul><li>Educação emocional </li></ul><ul><li>Autopercepção; </li></ul><ul><li>- Consciência Corporal (corpo, alimentação e respiração) </li></ul><ul><li>- Consciência Emocional </li></ul><ul><li>- Consciência Mental </li></ul><ul><li>- Consciência Espiritual </li></ul><ul><li>2. Administração das emoções; </li></ul><ul><li>3. Automotivação e auto-estima; </li></ul><ul><li>4. Percepção do outro; </li></ul><ul><li>5. Consciência da missão do educador; </li></ul><ul><li>6. Resgate do vinculo afetivo professor-aluno </li></ul>
  13. 13. Conclusões Parciais <ul><li>Educação no século XXI </li></ul><ul><li>Individual Coletivo </li></ul><ul><li>Materialismo Espiritualismo </li></ul>despertar os educadores para a grande responsabilidade da educação compreensão desse universo educativo promover e despertar a essência divina de cada um educador se autoconhecendo e educando a si mesmo educador é uma figura muito importante na vida do educando Objetivos para o Futuro
  14. 14. Referências CHIZZOTTI, Antonio. Pesquisa em Ciências Humanas e Sociais . São Paulo: Cortez, 2000. CORREA, Ana; Raspa, Luciana C. Costa. Blog: Luz e Vida. São Paulo. 2007. Disponível em < http://anaeluciana.wordpress.com > . Acesso em: 29 agosto 2007. CURY, Augusto. Pais brilhantes, professores fascinantes. Rio de Janeiro: Sextante, 2003. CURY, Augusto. Filhos brilhantes, alunos fascinantes . São Paulo: Academia de inteligência. 2006. CURY, Augusto. Maria, a maior educadora da história . São Paulo: Editora Planeta do Brasil. 2007. FIGUEIREDO, Maria Deusivane Leite. Os “Tijolos” da educação: contribuições para formação do ser integral . São Paulo: USJT, 2006. p. Projeto Monográfico – Pedagogia, Licenciatura, Universidade São Judas Tadeu, São Paulo. 2006. FIGUEIREDO, Maria Deusivane Leite . Blog: Educação no século XXI . São Paulo. 2007. Disponível em < http://fmaria.wordpress.com > . Acesso em: 10 setembro 2007. FREIRE, Paulo. Pedagogia da tolerância. São Paulo: UNESP, 2004. INCONTRI, Dora. A Educação Segundo o Espiritismo , São Paulo: Comenius, 2004.
  15. 15. MALDONADO, Maria Tereza. Comunicação entre pais e filhos: a linguagem do sentir. 27o ed. Petrópolis: Vozes. 1997. MARTINELLI, Marilu. Conversando sobre Educação em Valores Humanos . São Paulo: Peirópolis, 1999. MORAES, Maria Cândida; TORRE, Saturnino de la. Sentirpensar: fundamentos e estratégias para reencantar a educação. Petrópolis, Rio de Janeiro: Editora Vozes. 2004. PAROLIN, Isabel. Professores formadores: a relação entre a família, a escola e a aprendizagem. Curitiba: Positivo. 2005. PRIBERAM. Dicionário de Língua Portuguesa. http://www.priberam.pt/dlpo/ Acesso em: 15 maio 2007. RASPA, Luciana Cristina Costa. A Importância da família no âmbito escolar. São Paulo: USJT, 2006. p. Projeto Monográfico – Pedagogia, Licenciatura, Universidade São Judas Tadeu, São Paulo. 2006. SAMPAIO, Dulce Moreira. Pedagogia do ser: educação dos sentimentos e dos valores humanos. Petrópolis, RJ: Vozes, 2004. TIBA, Içami. Quem ama educa . São Paulo: Editora Gente, 2002. YUS, Rafael. Educação integral: Uma educação holística para o século XXI . Porto Alegre: Artmed, 2002.

×