O TREINO “SEM” BALIZA
O trabalho sobre o Gr deve ter como principal objetivo, prepará-lo e capacitá-lo dentro
do seu “habi...
Exercício Descriçao Variáveis
Trabalho de Agilidade, coordenação e
técnica
Redes deve realizar
skipping, no final
receber ...
Trabalho de coordenação, agilidade,
técnica
palma das
mãos;
-Os dois em
simultâneo.
Trabalho de correcção da técnica e
fle...
Trabalho de reacçao, concentraçao,
coordenaçao
-Ao meio;
-Baixo parede;
-Baixo barreira.
Trabalho de concentraçao, reacçao...
Trabalho de coragem, concentraçao,
reacçao e postura
Trabalho de coragem, concentraçao,
reacçao e técnica
Joelhos, uma bal...
Pausa água 1
Exercício 4 (4´) - Tr manda bola de baixo para
cima;
-Cima para baixo;
-Linha recta.
Exercício 5 (5´) Colocar...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

O treino sem baliza

1.821 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.821
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
44
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O treino sem baliza

  1. 1. O TREINO “SEM” BALIZA O trabalho sobre o Gr deve ter como principal objetivo, prepará-lo e capacitá-lo dentro do seu “habitat natural”, a baliza e a área envolvente. Nem sempre dentro do futsal, isso se torna possível, derivado a um conjunto de factores entre os quais se pode enumerar:  A prioridade ao trabalho colectivo da equipa, nomeadamente dos jogadores de campo;  A inexistência, no próprio espaço de treino, das condições adequadas para um treino de baliza;  A existência de 3 ou mais Gr presentes no treino, tornando-se impossível estarem todos ao mesmo tempo no espaço de baliza. Dadas as circunstancias, o treinador de Gr, deve ser um elemento flexível, pro-ativo e capacitado para conseguir responder da melhor forma ao treino sem que este perca qualidade. Um treino sem baliza pode ser realizado em espaços mínimos, abrangendo variados objectivos. Existem algumas variáveis que o treinador de Gr pode guardar, para potenciar nestes momentos, sendo aquelas que se podem considerar as mais importantes, as seguintes:  Correçao das técnicas;  Cordenaçao;  Agilidade;  Flexibilidade;  Reacçao;  Coragem. Dentro destas, parte depois da capacidade do treinador se reinventar e criar todas as condições, para mesmo sem balizas, manter os seus atletas motivados. Aqui fica uma pequena bateria de exercícios para potenciar as variáveis anteriormente referidas.
  2. 2. Exercício Descriçao Variáveis Trabalho de Agilidade, coordenação e técnica Redes deve realizar skipping, no final receber bola e passar  Varintes ao skipping: - Zig Zag; - 8; - Pés Juntos; - Multisaltos  Variáveis a receber bola: - Recebe em cima; - Recebe ao meio; - Baixo em parede; -Baixo em barreira; -Recebe direita, recebe esquerda. Trabalho de agilidade, coordenação e técnica  Baliza feita com cones;  Redes com balão, não deve deixar cair no chao;  Realizar exercícios com bola  Variantes com bola (sempre com balão em cima): - Realizar passes cons pés; -Passes pés em deslocamento, direita e esquerda; -Recebe bola em cima; -Recebe ao meio; -Baixo em parede (2lados); -Baixo em barreira (2lados). Futvoley  Variantes: - Só jogar com os pés; -Bater com
  3. 3. Trabalho de coordenação, agilidade, técnica palma das mãos; -Os dois em simultâneo. Trabalho de correcção da técnica e flexibilidade Partir de uma posição e realizar técnica de barreira  Variantes da posição: -Agachamento e sai p/barreira; -Sentado pernas esticadas; -Sentado pernas dobradas; -Deitado pernas em cima. Trabalho de correcçao da técnica e flexibilidade Partir de uma posição e realizar técnica de barreira com introdução de bola  Variantes da posição: -Agachamento; -Sentado pernas esticadas; -Sentado pernas dobradas; -Deitado pernas em cima;  Variantes da bola: - Bate uma vez no chao e deve agarrar; -Remate e tem de bater após barreira. Redes de costas vira ao sinal e defende bola  Variantes da bola: -Passe pés; -Em cima;
  4. 4. Trabalho de reacçao, concentraçao, coordenaçao -Ao meio; -Baixo parede; -Baixo barreira. Trabalho de concentraçao, reacçao, técnica Redes com dois cones com duas cores, nomes diferentes, ao sinal colocar a cor correta em cima e receber bola  Variantes da bola: -Passe pés; -Em cima; -Ao meio; -Baixo parede; -Baixo barreira. Trabalho de coragem, concentraçao, reacçao Uma baliza, Gr de joelhos e mãos atrás das costas. Treinador deve mandar bola e redes apenas joga com cabeça.  Variantes: - Tr manda bola de baixo para cima; -Cima para baixo; -Linha recta. Joelhos, uma baliza, mãos atrás das costas, jogo contra treinador, remate e pode defender com tudo menos mãos. Colocar resultado em disputa.
  5. 5. Trabalho de coragem, concentraçao, reacçao e postura Trabalho de coragem, concentraçao, reacçao e técnica Joelhos, uma baliza, mãos ao longo do corpo, tem de reagir com as mãos ao remate Colocar resultado em jogo. Com apenas estes exercícios, podemos construir bastantes planos de treino. Aqui fica um exemplo para 45´sem baliza. Aquecimento 5´ Fut-Voley Exercício 1 (8´) Skipping 3 séries Zig-Zag 3 séries Pés Juntos 3 séries Série 1 – Recebe em cima Série 2 – Recebe meio Série 3 – Parede (direita/esquerda) Exercício 2 (7´) Realizar passes com pés; Deslocamento; Parede (direita/esquerda) Exercício 3 (10´) -Passe pés; -Em cima; -Ao meio; -Baixo parede; -Baixo barreira.
  6. 6. Pausa água 1 Exercício 4 (4´) - Tr manda bola de baixo para cima; -Cima para baixo; -Linha recta. Exercício 5 (5´) Colocar resultado em jogo. Exercício 6 (5’) Agachamento Sentado joelhos Pernas em cima Para concluir, é importante que o treinador tenha bem presente e definido o que quer trabalhar fora da baliza, no treino em questão. Apesar de não perder qualidade de treino, a verdade é que não existe a baliza e a área adjacente à mesma, e por vezes é necessário conseguir transmitir esta informação aos nossos Gr, e se a mesma for correctamente direccionada, de certeza que em motivação, o treino terá sempre melhor resultado. José Marques

×