TIC na Escola

480 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
480
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
147
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

TIC na Escola

  1. 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA – FACULDADE DE EDUCAÇÃO CURSO DE LICENCIATURAS E PEDAGOGIA – SÉRIES INICIAIS ATIVIDADE: EDUCAÇÃO E CIBERCULTURA PROFESSORA:MARISTELA MIDLEJ AS NOVAS TECNOLOGIAS NO PROCESSO DE CONHECIMENTO Gervásio M Mozine Irecê-Ba 2010
  2. 2. Educador! pensar, agir, sentir, ler, escrever, pesquisar, aprender! Vivemos na era da incerteza(Morin, 2001), na qual, mais de que aprender verdades estabelecidas e indiscutíveis, é necessário aprender a conviver com a diversidade de perspectivas... Para Lévy(1999), é preciso que o professor saiba fazer para logo depois saber fazer. Para tanto é notório que estudiosos acreditam que os educadores precisam sair do incrédulo com as novas tecnologias e se aprimorar aos poucos de um dos princípios da Cibercultura, a interatividade. Esse é um bom começo para sintetizar as informações em conhecimento e assim, com mais segurança, poder levar àqueles que ainda estão em início de alfabetização digital. Primeiro passo é o profissional educador fazer um upgrade de sua formação.
  3. 3. Escola e a Sociedade. <ul><li>As tecnologias da informação estão criando novas formas de distribuir conhecimento e a escola tem procurado achar seu espaço enquanto articuladora do processo. A grande preocupação ainda é de conseguir as ferramentas, computadores, para depois começar a se preparar para atender a seu público discente. </li></ul><ul><li>PRIORIDADE ESTÁ SENDO A FORMAÇÃO DO EDUCADOR, NÃO AS MÁQUINAS! </li></ul>
  4. 4. Princípio norteador da prática pedagógica <ul><li>A interatividade é o princípio indispensável para uma socialização e construção do conhecimento </li></ul><ul><li>Intertextualizar e intratextualizar são outros princípios que complementam a interatividade </li></ul>
  5. 5. Significativo do Curso <ul><li>Os conceitos de cibercultura, conj de técnicas, modos atitudes; </li></ul><ul><li>A importância de se entender os momentos assícronos e síncrono, os dois ao mesmo tempo; </li></ul><ul><li>Hipertexto; </li></ul><ul><li>links. </li></ul><ul><li>Despertar para as potencialidades da rede: </li></ul><ul><li>Inteligencia coletiva, comunicação, não- linearidade </li></ul>
  6. 6. L ições para a Escola <ul><li>Imigrantes digitais, professores; </li></ul><ul><li>WEB 2,0 que permite criar coisas; </li></ul><ul><li>Criação de fóruns para discussão; </li></ul><ul><li>Criação de blogs, </li></ul><ul><li>Comunicação assíncrona e síncrona </li></ul><ul><li>Aprender com o outro </li></ul>

×