Cartilha

467 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Tecnologia, Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
467
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
38
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cartilha

  1. 1. Ontem um menino que brincava me falou que hoje é semente do amanhã... Para não ter medo que este tempo vai passar... Não se desespere não, nem pare de sonhar Nunca se entregue, nasça sempre com as manhãs... Deixe a luz do sol brilhar no céu do seu olhar! Fé na vida Fé no homem, fé no que virá! Nós podemos tudo, Nós podemos mais Vamos lá fazer o que será Semente do Amanhã GonzaguinhaCartilha do Representante de Turma CAMAÇARI 2010 1
  2. 2. Prezado Aluno,Acreditamos que a sua participação nos processos decisórios da Instituição é também condição essencial paraa sua formação. Faça dessa experiência edificante um aprendizado. Procure conhecer a estrutura efuncionamento desta Instituição, questione, tome partido nas lutas que você e seu grupo julgarem justas, mascuidado!Você foi escolhido, pelo seu grupo, para representá-lo. Você terá voz, mas, antes de tudo, assumirá ocompromisso de buscar o consenso, e quanto mais você for responsável nas suas representações, mais teráaprendido a defender os interesses do seu grupo, e, assim, terá compreendido a mensagem que queremos lhedeixar: O bem estar do coletivo deve estar acima dos nossos interesses pessoais. Parabéns e boa sorte nesta empreitada! DEPEN 2
  3. 3. O que é participação?A participação precisa ser entendida como uma necessidadefundamental do ser humano, assim como o são, por exemplo, o ato Na visão de Souza (2004, pg.89), ”a conscientização comode se alimentar e de dormir. É, pois, uma necessidade humana elemento do processo pedagógico de participação, é umuniversal (BORDENAVE, 1994; CARAMURU, 1996; DALLARI, 1984, processo de ultrapassagem da consciência individual para aDEMO, 1999). consciência social dos problemas coletivos”. Visto isso se entende que para participar conscientemente das decisõesBordenave (1994) defende a participação como sendo uma que afetam um grupo é preciso que o indivíduo atue com acaracterística própria da natureza social do homem e, assim sendo, perspectiva de que os interesses da sociedade devemela o acompanha no processo de sua evolução, desde a tribo e o prevalecer sobre os seus. Para Weber (1972), isso é o queclã até os dias de hoje, nas associações, empresas, partidospolíticos e outras. Caramuru (1996) reforça a afirmação de descreve o sentimento de pertencer ao coletivo.Bordenave ao falar que sem a participação o homem social nãoexiste, visto que ela sempre existiu na vida social deste. 3
  4. 4. 1. QUAL É O PAPEL DE UM REPRESENTANTE DE TURMA? 3. QUAIS AS PRINCIPAIS FUNÇÕES DO REPRESENTANTEO Representante é o principal elo entre a turma e a DE TURMA?Instituição. É o interlocutor do grupo. Está responsável por • Estar presente nos eventos de capacitação;administrar eventuais conflitos e deve estar • Estabelecer contato permanente com os outrospermanentemente aberto ao diálogo. representantes para trocar experiências; • Estimular o bom relacionamento da turma;2. QUAL É O PERFIL DO REPRESENTANTE DE TURMA? • Identificar as necessidades da turma;É o aluno que: • Escutar os colegas em suas necessidades;• Conhece e divulga as normas da Instituição; • Buscar a opinião consensual do grupo para representá-• Tem conduta adequada aos princípios da Instituição; la em situações decisórias;• É responsável; • Participar das reuniões para as quais é convocado,• Tem respeito pela opinião do outro, ainda que não repassando as informações obtidas; concorde; • Divulgar todas as informações repassadas pela• É um bom moderador e sabe escutar; Direção, Departamento de Ensino ou Coordenações;• Estimula a participação; • Estimular a turma a conhecer e cumprir as normas• É sensível e solidário; estabelecidas pelo Manual do Aluno e Organização• É ético e imparcial. Didática; • Orientar os colegas nas suas dúvidas, encaminhando- os aos setores competentes. 4
  5. 5. 4. QUAIS AS PRINCIPAIS FUNÇÕES DO VICE- • Não crie constrangimentos expondo em público os seus REPRESENTANTE? professores, técnicos administrativos, terceirizados ou• Auxiliar nas tarefas cotidianas do Representante; colegas. Tente primeiro, de forma educada, resolver as• No impedimento do titular, deverá substituí-lo em questões com eles; reuniões ou eventos. • Não seja agressivo com as pessoas. Quando usamos deste recurso, sempre estaremos sem razão.5. REPRESENTANDO A SUA TURMA.• Estabeleça uma forma de comunicação permanente 6. A QUEM RECORRER? com a turma (crie um formulário ou caixa para críticas, • Em primeira instância, você deve procurar resolver a elogios e sugestões. Seja criativo!); questão com quem está provocando-a. Por exemplo:• Elabore um calendário anual e crie uma rotina de se você recebeu uma reclamação sobre os atrasos reuniões, mas deixe claro que você está à disposição sucessivos de um professor, antes de tomar uma para um bate-papo sempre que for necessário; atitude, procure saber dele se está com dificuldades• Tente resolver as demandas da turma na medida em para chegar no horário e se é uma situação que elas forem surgindo. Não acumule as reclamações! passageira.• Seja claro e objetivo nas suas colocações; • Sempre que você se sentir impossibilitado de resolver• Quando estiver falando em nome do grupo, evite usar alguma questão, não hesite e procure ajuda! expressões como: “eu penso, eu acho, eu vi”. Afinal de contas, você está falando em nome de um grupo; 5
  6. 6. 7. SEM SUCESSO NA RESOLUÇÃO DE UM PROBLEMA. 8. PROCEDIMENTOS PARA A PARTICIPAÇÃO EM• Está difícil solucionar uma questão? Procure a CONSELHOS Coordenação do seu curso, ou de Área, pois depois de • Se você não conseguiu resolver o problema da turma e você, ela é a próxima instância a ser acionada. passou por todos os trâmites recomendados nesta• Se ainda assim a situação persistir, procure ajuda no Cartilha, está na hora de levar a questão ao Conselho. Departamento de Ensino e, por fim, na Direção Geral • Leve o documento com todas as demandas por da Instituição. escrito;• Não se esqueça de apresentar as solicitações em • Exponha o problema de forma clara e imparcial; formulário próprio1, datar e colher a assinatura de todos • Estabeleça um prazo para que o grupo receba uma os envolvidos. posição do Conselho, da Direção ou da Coordenação do Curso; • Elogie também os bons servidores, e no próximo Conselho, não deixe de mencionar quais foram os encaminhamentos dados para solucionar as demandas apresentadas.1 O Formulário pode ser solicitado ao Departamento de Ensino. 6
  7. 7. Elaboração/Textos: Helena Luiza Oliveira CouraPedagoga e Assistente do Departamento de EnsinoRevisão:Luize Pinheiro MeirellesProdutora CulturalMarcos Bispo dos SantosDocenteWesley Barbosa CorreiaDocenteREFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICASBORDANAVE, Diaz Juan E. O que é Participação? São Paulo, SP, Brasiliense, 1994.CARAMURU, Fernando. Participação na e da Escola: Mito, participação ou apenas aspiração? In: Dois Pontos. Teoria ePrática em Educação. Vol. 3 – Nº 28, p. 113-121, Set/Out./96.DALLARI, Dalmo de Abreu. O que é participação política. (Coleção primeiros passos). São Paulo, Brasiliense, 1984, 99p.DEMO, Pedro. Participação é conquista: noções de política social participativa. São Paulo, Cortez, 1999, 176p.SOUZA, Maria Luiza de. Desenvolvimento de Comunidade e Participação. São Paulo, Cortez, 1993.WEBER, Max. Ensaios de Sociologia. Rio de Janeiro, Zahar, 1972.DOCUMENTO DE REFERÊNCIAMANUAL DOS REPRESENTANTES E VICE-REPRESENTANTES DE TURMAS DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA ETECNOLOGIA DE RONDÔNIA - IFRO 7

×