SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 10
Roma Antiga
Habitantes da Itália
   Quando Roma foi fundada, a Itália era ocupada pelos
    gauleses (norte), gregos (sul), etruscos (centro), sabinos
    e latinos.

   Diz à lenda que Roma foi fundada no ano 753 a.C. por
    Rômulo e Remo, filhos gêmeos do deus Marte e da
    mortal Rea Sílvia. Ao nascer, os dois irmãos foram
    abandonados junto ao rio Tibre e salvos por uma loba,
    que os amamentou e os protegeu. Por fim, um pastor os
    recolheu e lhes deu os nomes de Rômulo e Remo.
    Depois de matar Remo numa discussão, Rômulo deu
    seu nome à cidade.
As camadas sociais de Roma
   Patrícios - eram grandes proprietários de terras, rebanhos e
    escravos. Desfrutavam de direitos políticos e podiam
    desempenhar altas funções públicas no exército, na religião,
    na justiça ou na administração. Eram os cidadãos romanos
    (Latinos).
   Clientes - eram homens livres que se associavam aos
    patrícios, prestando-lhes diversos serviços pessoais em troca
    de auxílio econômico e proteção social.
   Plebeus - eram homens e mulheres livres que se dedicavam
    ao comércio, ao artesanato e aos trabalhos agrícolas.
   Escravos - eram considerados instrumentos de trabalho, sem
    nenhum direito. Foram recrutados entre os derrotados em
    guerras ou plebeus endividados (no período da Monarquia).
    Representavam uma propriedade, e, assim, o senhor tinha o
    direito de castigá-los, de vendê-los ou de alugar seus serviços.
    Muitos escravos também eram eventualmente libertados.
Roma Monárquica
Durante esse período o rei acumulava as funções
executiva, judicial e religiosa, embora seus poderes
fossem limitados na área legislativa, já que o Senado,
ou Conselho de Anciãos, tinha o direito de veto e
sanção das leis apresentadas pelo rei.

Na fase final da monarquia, a partir do fim do século VII
a.C., Roma conheceu um período de domínio etrusco,
que coincidiu com o início de sua expansão comercial.
República Romana
                      (509 – 27 a.C.)
   Senado – órgão mais importante e poderoso do período
    republicano. Designava os cônsules para as províncias,
    nomeava embaixadores, decidia pela guerra etc. No
    início era composto exclusivamente por patrícios.
   Plebeus constituíam a maior parcela da sociedade
    romana, mas viviam em total marginalização política,
    mesmo os que enriqueciam com o comércio. Por causa
    desse quadro, eclodiram conflitos entre as camadas
    sociais.Em 494 a.C., os plebeus se retiraram para o
    monte sagrado, exigindo representação política.
   Foi-lhes então concedido o direito de eleger 2 tribunos
    (471 a.C. passaram a 10 tribunos) que podiam vetar os
    atos injustos dos juízes e legisladores.
   Lei das 12 Tábuas - primeira compilação escrita das leis
    romanas.
Expansão Romana
   Entre os séculos V e III a.C., Roma conquistou a
    Itália por causa das necessidades de preservar
    o abastecimento de produtos essenciais e de
    pôr fim nas ameaças regionais.
   Guerras Púnicas: Três guerras travadas
    entre Roma e Cartago pela hegemonia do
    comércio no Mediterrâneo, conflito que se
    estende por mais de cem anos, de 264 a.C. a
    146 a.C. As guerras terminam com a destruição
    da cidade fenícia de Cartago e a venda dos
    sobreviventes como escravos.
Consequências da Expansão
              Romana

   Grande fluxo de riqueza para Roma, proveniente
    das conquistas.
   Ruína do pequeno lavrador, impossibilitado de
    concorrer com os latifúndios trabalhados por
    escravos.
   Aumento da escravidão.
   Êxodo rural, gerando empobrecimento da plebe.
Império Romano
                      (27a.C. - 476)
   Esta etapa foi marcada pelo reinado de Augusto
    (Otávio). Ele se dedicou mais a fortalecer as fronteiras
    do império do que fazer novas conquistas. O período de
    estabilidade com as províncias dominadas ficou
    conhecida como “pax romana”
   Augusto embelezou a cidade de Roma com magníficas
    construções e ainda criou a Guarda Pretoriana para
    defender o Imperador.
   Pão e Circo – grandes espetáculos de circo (luta de
    gladiadores, luta contra animas selvagens e corrida de
    cavalos) com distribuição de alimento (trigo e pão).
    Esses espetáculos ajudavam para distrair o povo das
    atitudes do governo.
   Foi sobre o governo de Augusto que Jesus Cristo
    nasceu, em Belém de Judá.
Decadência do Império Romano
   Fragilidade econômica: falta de arrecadação de impostos, pois existia
    uma grande massa de escravos e de plebeus em péssimas condições
    econômicas. Isso gerou a falta de verba para o governo pagar parte do
    exército e custear a vida dos plebeus que dependiam do Estado.
   Desorganização política: entre 235 e 284 d.C., Roma teve 18
    imperadores, o que tornou impossível a execução de qualquer projeto de
    recuperação do Império.
   Decadência dos valores romanos: o descrédito nos imperadores e a
    grave crise econômica fizeram a grande massa da população pobre
    romana procurar por ajuda nas religiões orientais, principalmente o
    cristianismo.
   Decadência das cidades e ruralização: as elites romanas,
    preocupadas em se afastar da plebe, abandonaram as cidades e
    refugiaram-se em suas terras.
   Invasões: os germânicos, povos que viviam nas fronteiras do Império
    Romano, passaram a ser pressionados pelos Hunos, que viviam na Ásia.
    Para fugir dos ataques, foram obrigados a ultrapassar as fronteiras
    romanas, que estavam desprotegidas. Tanto os hunos como os
    germânicos eram chamados pelos romanos de “bárbaros”.
Antiguidade clássica roma 7ano

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Roma
RomaRoma
Roma
 
Civilização Romana
Civilização RomanaCivilização Romana
Civilização Romana
 
Povos germânicos
Povos germânicosPovos germânicos
Povos germânicos
 
A crise no império romano
A crise no império romanoA crise no império romano
A crise no império romano
 
Roma antiga
Roma antigaRoma antiga
Roma antiga
 
Roma antiga
Roma antigaRoma antiga
Roma antiga
 
História de roma antiga e o império romano/Dica Enem!
História de roma antiga e o império romano/Dica Enem!História de roma antiga e o império romano/Dica Enem!
História de roma antiga e o império romano/Dica Enem!
 
ROMA ANTIGA
ROMA ANTIGAROMA ANTIGA
ROMA ANTIGA
 
Império Romano - Ens. Médio
Império Romano - Ens. MédioImpério Romano - Ens. Médio
Império Romano - Ens. Médio
 
1° ano império romano - completo
1° ano    império romano - completo1° ano    império romano - completo
1° ano império romano - completo
 
Romanos monarquia e república
Romanos   monarquia e repúblicaRomanos   monarquia e república
Romanos monarquia e república
 
O fim do Império Romano
O fim do Império RomanoO fim do Império Romano
O fim do Império Romano
 
Povos bárbaros
Povos bárbarosPovos bárbaros
Povos bárbaros
 
Os Reinos Bárbaros (2017) - 7º Ano
Os Reinos Bárbaros (2017) - 7º AnoOs Reinos Bárbaros (2017) - 7º Ano
Os Reinos Bárbaros (2017) - 7º Ano
 
Império Romano
Império RomanoImpério Romano
Império Romano
 
1º ano roma antiga rafa - 2016
1º ano roma antiga   rafa - 20161º ano roma antiga   rafa - 2016
1º ano roma antiga rafa - 2016
 
Feudalismo
FeudalismoFeudalismo
Feudalismo
 
Sociedade romana
Sociedade romanaSociedade romana
Sociedade romana
 
A queda do império romano
A queda do império romanoA queda do império romano
A queda do império romano
 
Barbaros
BarbarosBarbaros
Barbaros
 

Destaque

Processo Eleitoral Brasileiro
Processo Eleitoral BrasileiroProcesso Eleitoral Brasileiro
Processo Eleitoral BrasileiroLeonardo Caputo
 
Atividades Feudalismo I
Atividades Feudalismo IAtividades Feudalismo I
Atividades Feudalismo IDoug Caesar
 
Palavras cruzadas - feudalimso
Palavras cruzadas  - feudalimso  Palavras cruzadas  - feudalimso
Palavras cruzadas - feudalimso Mary Alvarenga
 
U arqu atualizado
U arqu  atualizadoU arqu  atualizado
U arqu atualizadocrislalves
 
A PresençA Romana Na PeníNsula IbéRica
A PresençA Romana Na PeníNsula IbéRicaA PresençA Romana Na PeníNsula IbéRica
A PresençA Romana Na PeníNsula IbéRicaSílvia Mendonça
 
Roma antiga trabalho slide prof lucas - ana duda
Roma antiga trabalho slide prof lucas - ana dudaRoma antiga trabalho slide prof lucas - ana duda
Roma antiga trabalho slide prof lucas - ana dudaLucas Nunes de Souza
 
Apostila de história 2 bimestre 7°
Apostila de história 2 bimestre 7°Apostila de história 2 bimestre 7°
Apostila de história 2 bimestre 7°Isabelle Lira
 
Tempos modernos
Tempos modernosTempos modernos
Tempos modernosErica Frau
 
Romanização 7ºAno / Historia
Romanização 7ºAno / Historia Romanização 7ºAno / Historia
Romanização 7ºAno / Historia Francisco Nogueira
 
Roma sociedade e poder
Roma sociedade  e poderRoma sociedade  e poder
Roma sociedade e poderMaria Gomes
 
Pré historia 6° ano
Pré historia 6° anoPré historia 6° ano
Pré historia 6° anozahirmax
 
Caderno do Aluno História 6 série vol 1 2014-2017
Caderno do Aluno História 6 série vol 1 2014-2017Caderno do Aluno História 6 série vol 1 2014-2017
Caderno do Aluno História 6 série vol 1 2014-2017Diogo Santos
 
cap14 - reformas religiosas, antigo regime e absolutismo
cap14 - reformas religiosas, antigo regime e absolutismocap14 - reformas religiosas, antigo regime e absolutismo
cap14 - reformas religiosas, antigo regime e absolutismowhybells
 
Romanização da Península Ibérica
Romanização da Península IbéricaRomanização da Península Ibérica
Romanização da Península IbéricaCarlos Vieira
 

Destaque (20)

Processo Eleitoral Brasileiro
Processo Eleitoral BrasileiroProcesso Eleitoral Brasileiro
Processo Eleitoral Brasileiro
 
Atividades feudalismo na idade média
Atividades   feudalismo na idade médiaAtividades   feudalismo na idade média
Atividades feudalismo na idade média
 
Atividades Feudalismo I
Atividades Feudalismo IAtividades Feudalismo I
Atividades Feudalismo I
 
Pré barra mundo feudal
Pré barra mundo feudalPré barra mundo feudal
Pré barra mundo feudal
 
Palavras cruzadas - feudalimso
Palavras cruzadas  - feudalimso  Palavras cruzadas  - feudalimso
Palavras cruzadas - feudalimso
 
Cruzadinha feudalismo
Cruzadinha feudalismoCruzadinha feudalismo
Cruzadinha feudalismo
 
2015 roma
2015 roma2015 roma
2015 roma
 
U arqu atualizado
U arqu  atualizadoU arqu  atualizado
U arqu atualizado
 
A PresençA Romana Na PeníNsula IbéRica
A PresençA Romana Na PeníNsula IbéRicaA PresençA Romana Na PeníNsula IbéRica
A PresençA Romana Na PeníNsula IbéRica
 
Roma antiga trabalho slide prof lucas - ana duda
Roma antiga trabalho slide prof lucas - ana dudaRoma antiga trabalho slide prof lucas - ana duda
Roma antiga trabalho slide prof lucas - ana duda
 
Apostila de história 2 bimestre 7°
Apostila de história 2 bimestre 7°Apostila de história 2 bimestre 7°
Apostila de história 2 bimestre 7°
 
Os Romanos
Os RomanosOs Romanos
Os Romanos
 
Tempos modernos
Tempos modernosTempos modernos
Tempos modernos
 
Romanização 7ºAno / Historia
Romanização 7ºAno / Historia Romanização 7ºAno / Historia
Romanização 7ºAno / Historia
 
Roma sociedade e poder
Roma sociedade  e poderRoma sociedade  e poder
Roma sociedade e poder
 
Pré historia 6° ano
Pré historia 6° anoPré historia 6° ano
Pré historia 6° ano
 
Cultos Romanos
Cultos RomanosCultos Romanos
Cultos Romanos
 
Caderno do Aluno História 6 série vol 1 2014-2017
Caderno do Aluno História 6 série vol 1 2014-2017Caderno do Aluno História 6 série vol 1 2014-2017
Caderno do Aluno História 6 série vol 1 2014-2017
 
cap14 - reformas religiosas, antigo regime e absolutismo
cap14 - reformas religiosas, antigo regime e absolutismocap14 - reformas religiosas, antigo regime e absolutismo
cap14 - reformas religiosas, antigo regime e absolutismo
 
Romanização da Península Ibérica
Romanização da Península IbéricaRomanização da Península Ibérica
Romanização da Península Ibérica
 

Semelhante a Antiguidade clássica roma 7ano

Semelhante a Antiguidade clássica roma 7ano (20)

R O M A A N T I G A
R O M A  A N T I G AR O M A  A N T I G A
R O M A A N T I G A
 
Roma antiga
Roma antigaRoma antiga
Roma antiga
 
PPT - Civilização Romana
PPT - Civilização RomanaPPT - Civilização Romana
PPT - Civilização Romana
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
Roma antiga resumo
Roma antiga resumoRoma antiga resumo
Roma antiga resumo
 
Roma-1° J
Roma-1° JRoma-1° J
Roma-1° J
 
Roma antiga
Roma antigaRoma antiga
Roma antiga
 
Roma antiga
Roma antigaRoma antiga
Roma antiga
 
roma-090501132521-phpapp02.pdf
roma-090501132521-phpapp02.pdfroma-090501132521-phpapp02.pdf
roma-090501132521-phpapp02.pdf
 
Roma 090501132521-phpapp02
Roma 090501132521-phpapp02Roma 090501132521-phpapp02
Roma 090501132521-phpapp02
 
Roma antiga 2
Roma antiga 2Roma antiga 2
Roma antiga 2
 
Roma antiga
Roma antigaRoma antiga
Roma antiga
 
Capítulo 9 - Roma Antiga
Capítulo 9 - Roma AntigaCapítulo 9 - Roma Antiga
Capítulo 9 - Roma Antiga
 
Roma antiga-resumo-ilustrado
Roma antiga-resumo-ilustradoRoma antiga-resumo-ilustrado
Roma antiga-resumo-ilustrado
 
Roma antiga queda e ancensão
Roma antiga queda e ancensãoRoma antiga queda e ancensão
Roma antiga queda e ancensão
 
ROMA ANTIGA.pdf
ROMA ANTIGA.pdfROMA ANTIGA.pdf
ROMA ANTIGA.pdf
 
Roma antiga
Roma antigaRoma antiga
Roma antiga
 
Semi extensivo - frente 2 módulos 3 e 4
Semi extensivo - frente 2 módulos 3 e 4Semi extensivo - frente 2 módulos 3 e 4
Semi extensivo - frente 2 módulos 3 e 4
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
Império romano 2011
Império romano 2011Império romano 2011
Império romano 2011
 

Mais de Leonardo Caputo

A colonização portuguesa
A colonização portuguesaA colonização portuguesa
A colonização portuguesaLeonardo Caputo
 
Indicadores de avaliação
Indicadores de avaliaçãoIndicadores de avaliação
Indicadores de avaliaçãoLeonardo Caputo
 
Cronograma estudantes 2015
Cronograma estudantes 2015Cronograma estudantes 2015
Cronograma estudantes 2015Leonardo Caputo
 
Acompanhamento de desempenho escolar
Acompanhamento de desempenho escolarAcompanhamento de desempenho escolar
Acompanhamento de desempenho escolarLeonardo Caputo
 
Trabalho 3º trimestre – Portfólio
Trabalho 3º trimestre – PortfólioTrabalho 3º trimestre – Portfólio
Trabalho 3º trimestre – PortfólioLeonardo Caputo
 
EG Educação Estudantes
EG Educação EstudantesEG Educação Estudantes
EG Educação EstudantesLeonardo Caputo
 
Inscrição ciência e conhecimento
Inscrição ciência e conhecimentoInscrição ciência e conhecimento
Inscrição ciência e conhecimentoLeonardo Caputo
 
Inscrição arte e cultura
Inscrição arte e culturaInscrição arte e cultura
Inscrição arte e culturaLeonardo Caputo
 
Incrição gincana projeto
Incrição gincana projetoIncrição gincana projeto
Incrição gincana projetoLeonardo Caputo
 
EG Educação Aquecimento
EG Educação AquecimentoEG Educação Aquecimento
EG Educação AquecimentoLeonardo Caputo
 
Correção dos exercícios do capítulo 10
Correção dos exercícios do capítulo 10Correção dos exercícios do capítulo 10
Correção dos exercícios do capítulo 10Leonardo Caputo
 
Correção dos Exercícios capítulo 8
Correção dos Exercícios capítulo 8Correção dos Exercícios capítulo 8
Correção dos Exercícios capítulo 8Leonardo Caputo
 
Exercícios de Revisão 9°ano E
Exercícios de Revisão 9°ano EExercícios de Revisão 9°ano E
Exercícios de Revisão 9°ano ELeonardo Caputo
 

Mais de Leonardo Caputo (20)

Guia do estudante 2016
Guia do estudante 2016Guia do estudante 2016
Guia do estudante 2016
 
A colonização portuguesa
A colonização portuguesaA colonização portuguesa
A colonização portuguesa
 
Indicadores de avaliação
Indicadores de avaliaçãoIndicadores de avaliação
Indicadores de avaliação
 
Cronograma estudantes 2015
Cronograma estudantes 2015Cronograma estudantes 2015
Cronograma estudantes 2015
 
Acompanhamento de desempenho escolar
Acompanhamento de desempenho escolarAcompanhamento de desempenho escolar
Acompanhamento de desempenho escolar
 
Guia do Estudante
Guia do EstudanteGuia do Estudante
Guia do Estudante
 
Estrutura da Gincana
Estrutura da GincanaEstrutura da Gincana
Estrutura da Gincana
 
Trabalho 3º trimestre – Portfólio
Trabalho 3º trimestre – PortfólioTrabalho 3º trimestre – Portfólio
Trabalho 3º trimestre – Portfólio
 
Votação Mascote
Votação MascoteVotação Mascote
Votação Mascote
 
EG Educação Estudantes
EG Educação EstudantesEG Educação Estudantes
EG Educação Estudantes
 
Inscrição ciência e conhecimento
Inscrição ciência e conhecimentoInscrição ciência e conhecimento
Inscrição ciência e conhecimento
 
Inscrição arte e cultura
Inscrição arte e culturaInscrição arte e cultura
Inscrição arte e cultura
 
Incrição interclasses
Incrição interclassesIncrição interclasses
Incrição interclasses
 
Incrição gincana projeto
Incrição gincana projetoIncrição gincana projeto
Incrição gincana projeto
 
Mascote
MascoteMascote
Mascote
 
EG Educação Aquecimento
EG Educação AquecimentoEG Educação Aquecimento
EG Educação Aquecimento
 
Correção dos exercícios do capítulo 10
Correção dos exercícios do capítulo 10Correção dos exercícios do capítulo 10
Correção dos exercícios do capítulo 10
 
Exercícios cap 9
Exercícios cap 9Exercícios cap 9
Exercícios cap 9
 
Correção dos Exercícios capítulo 8
Correção dos Exercícios capítulo 8Correção dos Exercícios capítulo 8
Correção dos Exercícios capítulo 8
 
Exercícios de Revisão 9°ano E
Exercícios de Revisão 9°ano EExercícios de Revisão 9°ano E
Exercícios de Revisão 9°ano E
 

Antiguidade clássica roma 7ano

  • 2. Habitantes da Itália  Quando Roma foi fundada, a Itália era ocupada pelos gauleses (norte), gregos (sul), etruscos (centro), sabinos e latinos.  Diz à lenda que Roma foi fundada no ano 753 a.C. por Rômulo e Remo, filhos gêmeos do deus Marte e da mortal Rea Sílvia. Ao nascer, os dois irmãos foram abandonados junto ao rio Tibre e salvos por uma loba, que os amamentou e os protegeu. Por fim, um pastor os recolheu e lhes deu os nomes de Rômulo e Remo. Depois de matar Remo numa discussão, Rômulo deu seu nome à cidade.
  • 3. As camadas sociais de Roma  Patrícios - eram grandes proprietários de terras, rebanhos e escravos. Desfrutavam de direitos políticos e podiam desempenhar altas funções públicas no exército, na religião, na justiça ou na administração. Eram os cidadãos romanos (Latinos).  Clientes - eram homens livres que se associavam aos patrícios, prestando-lhes diversos serviços pessoais em troca de auxílio econômico e proteção social.  Plebeus - eram homens e mulheres livres que se dedicavam ao comércio, ao artesanato e aos trabalhos agrícolas.  Escravos - eram considerados instrumentos de trabalho, sem nenhum direito. Foram recrutados entre os derrotados em guerras ou plebeus endividados (no período da Monarquia). Representavam uma propriedade, e, assim, o senhor tinha o direito de castigá-los, de vendê-los ou de alugar seus serviços. Muitos escravos também eram eventualmente libertados.
  • 4. Roma Monárquica Durante esse período o rei acumulava as funções executiva, judicial e religiosa, embora seus poderes fossem limitados na área legislativa, já que o Senado, ou Conselho de Anciãos, tinha o direito de veto e sanção das leis apresentadas pelo rei. Na fase final da monarquia, a partir do fim do século VII a.C., Roma conheceu um período de domínio etrusco, que coincidiu com o início de sua expansão comercial.
  • 5. República Romana (509 – 27 a.C.)  Senado – órgão mais importante e poderoso do período republicano. Designava os cônsules para as províncias, nomeava embaixadores, decidia pela guerra etc. No início era composto exclusivamente por patrícios.  Plebeus constituíam a maior parcela da sociedade romana, mas viviam em total marginalização política, mesmo os que enriqueciam com o comércio. Por causa desse quadro, eclodiram conflitos entre as camadas sociais.Em 494 a.C., os plebeus se retiraram para o monte sagrado, exigindo representação política.  Foi-lhes então concedido o direito de eleger 2 tribunos (471 a.C. passaram a 10 tribunos) que podiam vetar os atos injustos dos juízes e legisladores.  Lei das 12 Tábuas - primeira compilação escrita das leis romanas.
  • 6. Expansão Romana  Entre os séculos V e III a.C., Roma conquistou a Itália por causa das necessidades de preservar o abastecimento de produtos essenciais e de pôr fim nas ameaças regionais.  Guerras Púnicas: Três guerras travadas entre Roma e Cartago pela hegemonia do comércio no Mediterrâneo, conflito que se estende por mais de cem anos, de 264 a.C. a 146 a.C. As guerras terminam com a destruição da cidade fenícia de Cartago e a venda dos sobreviventes como escravos.
  • 7. Consequências da Expansão Romana  Grande fluxo de riqueza para Roma, proveniente das conquistas.  Ruína do pequeno lavrador, impossibilitado de concorrer com os latifúndios trabalhados por escravos.  Aumento da escravidão.  Êxodo rural, gerando empobrecimento da plebe.
  • 8. Império Romano (27a.C. - 476)  Esta etapa foi marcada pelo reinado de Augusto (Otávio). Ele se dedicou mais a fortalecer as fronteiras do império do que fazer novas conquistas. O período de estabilidade com as províncias dominadas ficou conhecida como “pax romana”  Augusto embelezou a cidade de Roma com magníficas construções e ainda criou a Guarda Pretoriana para defender o Imperador.  Pão e Circo – grandes espetáculos de circo (luta de gladiadores, luta contra animas selvagens e corrida de cavalos) com distribuição de alimento (trigo e pão). Esses espetáculos ajudavam para distrair o povo das atitudes do governo.  Foi sobre o governo de Augusto que Jesus Cristo nasceu, em Belém de Judá.
  • 9. Decadência do Império Romano  Fragilidade econômica: falta de arrecadação de impostos, pois existia uma grande massa de escravos e de plebeus em péssimas condições econômicas. Isso gerou a falta de verba para o governo pagar parte do exército e custear a vida dos plebeus que dependiam do Estado.  Desorganização política: entre 235 e 284 d.C., Roma teve 18 imperadores, o que tornou impossível a execução de qualquer projeto de recuperação do Império.  Decadência dos valores romanos: o descrédito nos imperadores e a grave crise econômica fizeram a grande massa da população pobre romana procurar por ajuda nas religiões orientais, principalmente o cristianismo.  Decadência das cidades e ruralização: as elites romanas, preocupadas em se afastar da plebe, abandonaram as cidades e refugiaram-se em suas terras.  Invasões: os germânicos, povos que viviam nas fronteiras do Império Romano, passaram a ser pressionados pelos Hunos, que viviam na Ásia. Para fugir dos ataques, foram obrigados a ultrapassar as fronteiras romanas, que estavam desprotegidas. Tanto os hunos como os germânicos eram chamados pelos romanos de “bárbaros”.