SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 25
MONARQUIA DE ISRAEL – Características de liderança
13ª aula -O REINO ÚNICO I
MANASSÉS (14), AMON (15), JOSIAS (16) E JEOACAZ (17)
1
EBD - ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA – 2021 – 2º SEMESTRE
Facilitadores: Dr. Eliel Cardoso e Eng. Francisco Tudela
A idolatria e a desobediência levam à desgraça.
Rei Reinado Caráter Profeta
14. Manassés 687-642 55 anos Mau/Arrep Naum
15. Amom 642-640 2 anos Mau
16. Josias 640-608 31 anos Bom
17. Jeoacaz (ou Salum) 608 3 meses Mau
Plano de leitura semanal 2 Rs 2 Cr
13. O Reino Único (I)
Manassés (14), Amon (15), Josias (16), Jeoacaz (17)
21.1 – 23.34 36.1-36.4
MANASSÉS – o mais longo reinado de todo Israel e Judá
2Cr 33.1-3 “Manassés tinha doze anos de idade quando começou a reinar, e reinou
cinquenta e cinco anos em Jerusalém. Ele fez o que o Senhor reprova, imitando
as práticas detestáveis das nações que o Senhor havia expulsado de diante dos
israelitas. Reconstruiu os altares idólatras que seu pai Ezequias havia demolido;
também ergueu altares para os baalins e fez postes sagrados. Inclinou-se
diante de todos os exércitos celestes e lhes prestou culto.”
Exército celestes: Sol, lua e estrelas.
O horóscopo de hoje é um remanescente dessa adoração pagã; é a interpretação
de astrólogos a partir da posição do Sol no momento do nascimento da pessoa.
Dt 4.19 “E para que, ao erguerem os olhos ao céu e virem o sol, a lua e as estrelas,
todos os corpos celestes, vocês não se desviem e se prostrem diante deles...”
Manassés significa “esquecendo” e foi isso que fez, esqueceu-se de Deus
Erro/Falha: Um líder que fez escolhas que o Senhor reprova
2Cr 33.4-6 “Construiu altares no templo do Senhor, do qual o Senhor tinha dito:
"Meu nome permanecerá para sempre em Jerusalém". Nos dois pátios
do templo do Senhor ele construiu altares para todos os exércitos
celestes. Chegou a queimar seus filhos em sacrifício, no vale de Ben-
Hinom; praticou feitiçaria, adivinhação e magia, e consultou médiuns e
espíritas. fez o que o Senhor reprova, PROVOCANDO-O À IRA.”
2Rs 21.10,13 “E o Senhor disse por meio dos seus servos, os profetas:... Estenderei
sobre Jerusalém o fio de medir utilizado contra Samaria ...”
Acaz (28.3) e Manassés (33.6) queimaram seus filhos.
A mesma justiça que trouxe a destruição da nação de Israel, será aplicada a Judá.
Lm 2.8 “O Senhor está decidido a derrubar os muros da cidade de Sião. Esticou uma
trena e não poupou a sua mão destruidora.”
Sl 7.11 “Deus é um juiz justo, um Deus que manifesta cada dia o seu furor.”
Característica: a justiça de Deus
Erro/Falha: Manassés fez o que o Senhor reprova, levando Deus a irar-se
2Rs 21.16 “Manassés também derramou tanto sangue inocente que encheu
Jerusalém de um lado a outro; além disso levou Judá a cometer pecado,
a fim de que fizessem o que o Senhor reprova.”
Sangue dos que se opuseram a ele.
Erro/Falha: O líder leva o povo a pecar pelo seu exemplo ou pela sua permissividade
As atrocidades de Acaz e Manassés se repetem ainda hoje sob outra roupagem:
“Fantástico Edição do dia 07/12/2014 -Tradição indígena faz pais tirarem a vida de
crianças com deficiência física. Costume em 13 etnias indígenas do Brasil. Nossa
Constituição assegura a grupos indígenas o direito à prática do infanticídio de bebês
que nasçam com alguma deficiência (inclusive gêmeos). Antropólogos são pela não
interferência na cultura.”
A guerra pelas almas - Projeto de lei (1057/2007) criado por evangélicos criminaliza
o infanticídio nas tribos. Para especialistas, proposta é reflexo da atuação de
entidades para converter os índios ao cristianismo sem respeitar sua cultura.
2Cr 33.10-11“O Senhor falou a Manassés e a seu povo, mas não lhe deram atenção.
Por isso o Senhor enviou contra eles os comandantes do exército do rei da
Assíria, os quais prenderam Manassés, colocaram-lhe um gancho no nariz
e algemas de bronze, e o levaram para a Babilônia”
Características: A justiça divina
Erro/Falha: “O Senhor falou” pelo profeta Isaías, nem líder nem povo atenderam.
No Talmude consta que Isaías foi morto quando ao ser perseguido pelo rei
Manassés se escondeu dentro de um cedro. As franjas de sua roupa, porém,
deflagraram sua presença, e então o rei ordenou que o cedro fosse serrado ao
meio, ocasionando sua morte. (https://pt.wikipedia.org/wiki/Isa%C3%ADas)
Hb 11.37 “apedrejados, serrados ao meio, postos à prova,...”
O autor de Hebreus cita o “serrados ao meio”, talvez uma
referência à morte do profeta Isaías
2Cr 33.11-13“Em sua angústia, ele buscou o favor do Senhor, o seu Deus, e
humilhou-se muito diante de Deus...Quando ele orou, o Senhor o ouviu e
atendeu o seu pedido; de forma que o trouxe de volta a Jerusalém e a seu
reino. E assim Manassés reconheceu que o Senhor é Deus.”
PA Não importa o pecado, Deus sempre nos perdoa quando o buscamos.
Características:
O líder reconhece o erro e busca a Deus que perdoa a quem se arrepende, mesmo
aqueles que fizeram coisas terríveis.
Hb 10.17 “Dos seus pecados e iniquidades não me lembrarei mais".
Mq 7.19 “De novo terás compaixão de nós; pisarás as nossas maldades e atirarás
todos os nossos pecados nas profundezas do mar.”
O rei da Assíria “decidiu” reconduzi-lo como rei de Judá.
2Cr 33.15-17“Manassés tirou do templo do Senhor os deuses estrangeiros e a
imagem que lá havia colocado, bem como todos os altares idólatras
que havia construído na colina do templo e em Jerusalém; e jogou-os
fora da cidade. Então restaurou o altar do Senhor e sobre ele ofereceu
sacrifícios...e ofertas de gratidão, ordenando a Judá que servisse o
Senhor...O povo, contudo, continuou a sacrificar nos altares idólatras,
mas somente ao Senhor, ao seu Deus.”
O resultado era pouco mais que o uso de um novo nome ao velho culto a Baal.
Características:
Um líder perde credibilidade devido ao seu histórico idólatra e já não lidera mais.
Avaliação de Manassés: Foi o pior rei de Judá.
2Cr 33.20“Manassés descansou com os seus antepassados e foi sepultado em sua
propriedade. E seu filho Amom foi o seu sucessor.”
Morreu com 67 anos e não foi sepultado nos túmulos dos descendentes de Davi,
como o fora seu pai Ezequias.
Manassés significa “aquele que está entregue ao esquecimento”.
Mas não o será pois as consequências da sua gestão serão trágicas
para Judá, apesar de ter sido perdoado.
Contextualização nos dias de hoje:
O direito ao esquecimento é o direito que uma pessoa possui de não permitir que
um fato, ainda que verídico, ocorrido em determinado momento de sua vida, seja
exposto ao público em geral, causando-lhe sofrimento ou transtornos.
O direito ao esquecimento impede que seja exercido o direito à memória?
AMOM
2Rs 21.19-22“Amom tinha vinte e dois anos de idade quando começou a reinar, e
reinou dois anos em Jerusalém. O nome de sua mãe era Mesulemete, filha
de Haruz; ela era de Jotbá. Ele fez o que o Senhor reprova, como fizera
Manassés, seu pai. Imitou o seu pai em tudo; prestou culto aos ídolos aos
quais seu pai havia cultuado e inclinou-se diante deles. Abandonou o
Senhor, o Deus de seus antepassados e não andou no caminho do Senhor.”
2Cr 33.23 “Mas, ao contrário de seu pai Manassés, não se humilhou
diante do Senhor, antes, aumentou a sua culpa.”
Erro/Falha:
- Idolatria
- Falta de humildade aumenta a culpa, pois não se volta para Deus.
2Rs 21.23-26“Os oficiais de Amom conspiraram contra ele e o assassinaram em seu
palácio. Mas o povo matou todos os que haviam conspirado contra o rei
Amom, e a seu filho Josias proclamou rei em seu lugar. Os demais
acontecimentos do reinado de Amom e as suas realizações, estão escritos
no livro dos registros históricos dos reis de Judá. Ele foi sepultado em seu
túmulo no jardim de Uzá. Seu filho Josias foi o seu sucessor.”
Não foi sepultado nos túmulos dos descendentes de Davi, como o foi Ezequias.
Característica:
Um golpe de estado realizado pelos oficiais sem apoio do povo não tem sucesso.
JOSIAS
2Cr 34.1-3“Josias tinha oito anos de idade quando começou a reinar, e reinou trinta
e um anos em Jerusalém. Ele fez o que o Senhor aprova e andou nos
caminhos de Davi, seu predecessor, sem desviar-se nem para a direita
nem para a esquerda. No oitavo ano do seu reinado, sendo ainda bem
jovem, ele começou a buscar o Deus de Davi, seu predecessor. No décimo
segundo ano, começou a purificar Judá e Jerusalém dos altares idólatras,
dos postes sagrados, das imagens esculpidas e dos ídolos de metal.”
Característica:
O líder corrige os desvios da gestão anterior.
2Rs 22.3-7“No décimo oitavo ano do seu reinado, o rei Josias enviou o secretário
Safã, filho de Azalias e neto de Mesulão, ao templo do Senhor, dizendo:
"Vá ao sumo sacerdote Hilquias e mande-o ajuntar a prata que foi trazida
ao templo do Senhor, que os guardas das portas recolheram do povo.
Eles deverão entregar a prata aos homens nomeados para supervisionar a
reforma do templo, para poderem pagar os trabalhadores que fazem os
reparos no templo do Senhor: os carpinteiros, os construtores e os
pedreiros. Além disso comprarão madeira e pedras lavradas para os
reparos no templo. Mas eles não precisarão prestar contas da prata que
lhes foi confiada, pois estão agindo com honestidade".”
Dois anos depois iniciam a reforma do templo.
Diferentemente do rei Joás que tirou dos sacerdotes a gestão da reforma do templo
devido a desvio do dinheiro, Josias os reintegra.
Característica: Um líder tem confiança nos liderados e lhes dá autonomia.
2Rs 22.8-13 “Então o sumo sacerdote Hilquias disse ao secretário Safã: "Encontrei o
livro da Lei no templo do Senhor". Ele o entregou a Safã, que o leu.... para o rei.
Assim que o rei ouviu as palavras do livro da Lei...deu estas ordens ao sacerdote
Hilquias..."Vão consultar o Senhor por mim, pelo povo e por todo Judá acerca do
que está escrito neste livro que foi encontrado. A ira do Senhor contra nós deve
ser grande, pois nossos antepassados não obedeceram às palavras deste livro,
nem agiram de acordo com tudo que nele está escrito a nosso respeito".
O LIVRO DA LEI (DEUTERONÔMIO) É ENCONTRADO DEPOIS DE 215 ANOS!!!!
A última reforma do Templo ocorrera com Joás, o 7ª rei de Judá
PA Ironicamente o Livro estava perdido no templo. O lugar onde se busca ter um
encontro com Deus é onde as maiores perdas podem estar ocorrendo.
Característica: Um líder ao reconhecer os erros dos lideres anteriores, os corrige.
“Quando o povo de Deus não tem a Palavra de Deus ou quando os crentes deixam
de ler a Bíblia que possuem, a decadência e as heresias são inevitáveis em sua vida”
(Nota de rodapé da Biblia Vida Nova)
2Cr 34.22-28 “Hilquias e aqueles que o rei tinha enviado com ele foram falar com a
profetisa Hulda ...Ela lhes disse: "Assim diz o Senhor, o Deus de Israel: ‘Digam ao
homem que os enviou a mim: Assim diz o Senhor: Eu vou trazer uma desgraça
sobre este lugar e sobre seus habitantes ...Porque me abandonaram e
queimaram incenso a outros deuses, provocando-me a ira...Já que o seu coração
se abriu e você se humilhou diante de Deus quando ouviu o que ele falou contra
este lugar e contra os seus habitantes...eu o reunirei aos seus antepassados, e
você será sepultado em paz. Seus olhos não verão a desgraça que trarei sobre
este lugar e sobre seus habitantes’ ". Então eles levaram a resposta ao rei.”
O Senhor não desistiria, pois Manassés havia provocado sua ira (2Cr 33.6).
Adiamento da ira divina por Josias ter-se humilhado e arrependido já havia sido
concedido a Ezequias (2Cr 32.26) e a Acabe (1Rs 21.29).
2Cr 34.30-33 “Para todos o rei leu em voz alta todas as palavras do Livro da Aliança,
...Ele tomou o seu lugar e, na presença do Senhor, fez uma aliança,
COMPROMETENDO-SE a seguir o Senhor e obedecer de todo o coração e de
toda a alma aos seus mandamentos, seus testemunhos e seus decretos,
cumprindo as palavras da aliança escritas naquele livro. Depois fez com que
todos em Jerusalém e em Benjamim se COMPROMETESSEM com a aliança; os
habitantes de Jerusalém passaram a cumprir a aliança de Deus, o Deus dos
seus antepassados. Josias retirou todos os ídolos detestáveis de todo o
território dos israelitas e obrigou todos os que estavam em Israel a servirem
ao Senhor, ao seu Deus. E enquanto ele viveu, o povo não deixou de seguir o
Senhor, o Deus dos seus antepassados.”
Característica: Um líder se compromete com os objetivos.
Se membros de uma organização descobrem que possuem um comprometimento
maior do que os seus líderes, encontrarão outra organização com outro líder.
A antiga Aliança, ministrada a Moisés no Sinai e escrita em tábuas de pedra, não foi
obedecida por Israel e, com isso, o povo não conseguiu influenciar outras nações
para servir ao Senhor.
Nos tempos de Amom e de Jeoacaz, havia em Jerusalém pessoas honradas e
tementes a Deus, no entanto, por se conformarem ao que estavam assistindo de
degradação moral, social e espiritual em sua nação, também tiveram um triste fim.
Na nova Aliança com Deus, revelada em Cristo, seus princípios são ministrados no
coração dos crentes e o Espírito Santo é o condutor e mentor nesta jornada.
O crente não se amolda ao mundo ao redor e faz a diferença onde estiver.
Um líder tem três oportunidades para levar pessoas a renovar a aliança com Deus:
• quando SOFREM o bastante para que NECESSITEM caminhar para Deus;
• quando CONHECEM o bastante para que QUEIRAM caminhar para Deus;
• quando APRENDEM o bastante para que SEJAM CAPAZES de caminhar para Deus.
2Rs 23.4,5 “O rei deu ordens ao sumo sacerdote Hilquias, aos sacerdotes auxiliares
e aos guardas das portas que retirassem do templo do Senhor todos os
utensílios feitos para Baal e Aserá e para todos os exércitos celestes. Ele os
queimou fora de Jerusalém, nos campos do vale de Cedrom e levou as cinzas
para Betel. E eliminou os sacerdotes pagãos nomeados pelos reis de Judá
para queimar incenso nos altares idólatras das cidades de Judá e dos
arredores de Jerusalém, aqueles que queimavam incenso a Baal, ao sol e à
lua, às constelações e a todos os exércitos celestes.”
Jeroboão:
1Rs 12.29 “Mandou por um bezerro em Betel, e o outro em Dã.”
Característica: O líder indica quais devem ser as ações
para alcançar seu objetivo.
2Rs 23.21-23 “Então o rei deu a seguinte ordem a todo o povo: "Celebrem a Páscoa
ao Senhor seu Deus, conforme está escrito neste livro da Aliança". Nem nos dias
dos juízes que lideraram Israel, nem durante todos os dias dos reis de Israel e
dos reis de Judá, foi celebrada uma Páscoa como esta. Mas no décimo oitavo
ano do reinado de Josias, esta Páscoa foi celebrada ao Senhor em Jerusalém.”
2Cr 35.7 “Josias deu a todo o povo que ali estava um total de trinta mil ovelhas e
cabritos para as ofertas da Páscoa, além de três mil bois; tudo foi tirado
dos bens pessoais do rei.”
2Cr 35.17,18 “Os israelitas que estavam presentes celebraram a Páscoa naquele dia
e durante sete dias celebraram a festa dos pães sem fermento. A Páscoa não
havia sido celebrada dessa maneira em Israel desde os dias do profeta Samuel”
Característica: Um líder envolvido na mede esforços, mesmo a um custo pessoal,
Josias deu das suas posses trinta mil cordeiros...
2Rs 35.20-22 “Depois de tudo o que Josias fez, e depois de colocar em ordem o
templo, Neco, rei do Egito, saiu para lutar em Carquemis, junto ao Eufrates, e
Josias marchou para combatê-lo. Neco, porém, enviou-lhe mensageiros,
dizendo: "Não interfiras nisso, ó rei de Judá. Desta vez não estou atacando a ti,
mas a outro reino com o qual estou em guerra. Deus me disse que me
apressasse; por isso para de opor-se a Deus, que está comigo; caso contrário
ele o destruirá"*. Josias, contudo, não quis voltar atrás, e disfarçou-se** para
enfrentá-lo em combate. Ele não quis ouvir o que Neco lhe disse por ordem de
Deus, mas foi combatê-lo na planície de Megido.”
*A mesma “guerra fria” dos assírios contra Ezequias (2Cr 32.9-12).
**Josias, tal como Acabe (1Rs 22.30-35 ), se disfarçou para proteger a sua vida.
O exército egípcio marchava para se juntar ao exército assírio e lutarem contra os
babilônios. Pelo histórico violento dos assírios, Josias não queria que se tornassem
mais poderosos e decidiu interceptar os egípcios em Megido, rota usual para a Síria.
Erro/Falha: Josias não soube avaliar o conflito internacional que estava entrando.
2Rs 35.23-25 “E na batalha, flecheiros atingiram o rei Josias, pelo que disse aos seus
oficiais: "Tirem-me daqui. Estou gravemente ferido". Eles o tiraram do seu
carro, colocaram-no em outro e o levaram para Jerusalém, onde morreu. Ele foi
sepultado nos túmulos dos seus antepassados, e todos os moradores de Judá e
de Jerusalém choraram por ele. Jeremias compôs um cântico de lamento em
homenagem a Josias, e até hoje todos os cantores e cantoras homenageiam
Josias com cânticos de lamento. Estes se tornaram uma tradição em Israel e
estão escritos na Coletânea das Lamentações.”
O legado de Josias levou o povo a lamentar sua morte.
Alguns pregadores dizem que ficam sem palavras, numa
verdadeira “saia justa”, quando são convidados a falar num
culto fúnebre de alguém que não deixou boas marcas.
Não há o que dizer, o que recordar.
Quando você morrer deixará saudade?
Ou deixará o pastor numa “saia justa”?
JEOACAZ
2Cr 36.1-4“E o povo tomou Jeoacaz, filho de Josias, e proclamou-o rei em Jerusalém,
no lugar de seu pai. Jeoacaz tinha vinte e três anos de idade quando começou
a reinar, e reinou três meses em Jerusalém. O rei do Egito destronou-o em
Jerusalém e impôs a Judá um tributo de três toneladas e meia de prata e trinta
e cinco quilos de ouro. O rei do Egito proclamou Eliaquim, irmão de Jeoacaz, rei
sobre Judá e sobre Jerusalém, e mudou-lhe o nome para Jeoaquim. Mas Neco
levou Jeoacaz, irmão de Eliaquim, para o Egito.
O rei do Egito, faraó Neco, colocou Eliaquim como rei de Judá e o tornou seu
vassalo por direito de conquista, pois matara Josias em combate.
2Rs 23.32 “Ele (Jeoacaz) fez o que o Senhor reprova, tal como seus antepassados.”
Erro/Falha: Jeoacaz traiu a aliança que Josias havia renovado.
PRÓXIMA AULA:
REFLEXÃO SOBRE O TEMA:
SE DEUS ME PERDOOU, TAMBÉM PERDOOU AS CONSEQUÊNCIAS DO MEU
PECADO?
Plano de leitura semanal 2 Rs 2 Cr
14. O Reino Único (I)
Jeoiaquim (18), Joaquim (19) e Zedequias (20)
21.1 – 23.34 36.1-36.4
BOA SEMANA
Tg 1.25 “Mas o homem que
observa atentamente a lei
perfeita que traz a liberdade, e
persevera na prática dessa lei,
não esquecendo o que ouviu
mas PRATICANDO-O, SERÁ
FELIZ NAQUILO QUE FIZER.”
1. Bíblia NVI – Editora Vida – 2000
2. Bíblia de Estudo Arqueológica NVI – Kunz André Claiton e outros – Ed. Vida – 2013
3. Comentário Bíblico do professor – Lawrence Richards – 3ª Ed. Vida - SP
4. Revista Compromisso - impressa pela Convicção Editora
5. A Bíblia da Liderança Cristã - John C. Maxwell –Ed. SBB – 2ª Ed
6. A monarquia em Israel – João S. da Fonseca – 2ª Ed. JUERP - RJ
7. Reflexões extraídas da World Wide Web
Esta apresentação está disponível no site: www.escolabiblicavirtual.com.br
25

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

7 o reino do norte i – nadabe, baasa, ela, zinri, onri e acabe
7   o reino do norte i – nadabe, baasa, ela, zinri, onri e  acabe7   o reino do norte i – nadabe, baasa, ela, zinri, onri e  acabe
7 o reino do norte i – nadabe, baasa, ela, zinri, onri e acabePib Penha
 
6 o reino dividido
6   o reino dividido6   o reino dividido
6 o reino divididoPib Penha
 
1 objetivos da monarquia de israel
1  objetivos da monarquia de israel1  objetivos da monarquia de israel
1 objetivos da monarquia de israelPib Penha
 
5 o reino unido iii - salomao
5   o reino unido iii - salomao5   o reino unido iii - salomao
5 o reino unido iii - salomaoPIB Penha
 
8 o reino do norte ii – acazias, jorão, jeú, jeoacaz e jeoás
8   o reino do norte ii – acazias, jorão, jeú, jeoacaz e jeoás8   o reino do norte ii – acazias, jorão, jeú, jeoacaz e jeoás
8 o reino do norte ii – acazias, jorão, jeú, jeoacaz e jeoásPIB Penha
 
16 avaliacao e sintese da lideranca dos reis de israel
16   avaliacao e sintese  da lideranca dos reis de israel16   avaliacao e sintese  da lideranca dos reis de israel
16 avaliacao e sintese da lideranca dos reis de israelPIB Penha - SP
 
3 o reino unido i - saul
3   o reino unido i - saul3   o reino unido i - saul
3 o reino unido i - saulPIB Penha - SP
 
4 o reino unido ii - davi
4   o reino unido ii - davi4   o reino unido ii - davi
4 o reino unido ii - daviPib Penha
 
Reis e Profetas - Aula 4
Reis e Profetas -  Aula 4Reis e Profetas -  Aula 4
Reis e Profetas - Aula 4Moisés Sampaio
 
Reis e profetas - Aula 2
Reis e profetas - Aula 2Reis e profetas - Aula 2
Reis e profetas - Aula 2Moisés Sampaio
 
Reis e Profetas - Aula 3
Reis e Profetas - Aula 3Reis e Profetas - Aula 3
Reis e Profetas - Aula 3Moisés Sampaio
 
Adultério espiritual_Lição original com textos_122013
Adultério espiritual_Lição original com textos_122013Adultério espiritual_Lição original com textos_122013
Adultério espiritual_Lição original com textos_122013Gerson G. Ramos
 
Historia de israel aula 7 período patriarcal
Historia de israel aula 7 período patriarcalHistoria de israel aula 7 período patriarcal
Historia de israel aula 7 período patriarcalRICARDO CARDOSO
 
COMENTARIO-2 samuel (moody)
COMENTARIO-2 samuel (moody)COMENTARIO-2 samuel (moody)
COMENTARIO-2 samuel (moody)leniogravacoes
 

Mais procurados (20)

7 o reino do norte i – nadabe, baasa, ela, zinri, onri e acabe
7   o reino do norte i – nadabe, baasa, ela, zinri, onri e  acabe7   o reino do norte i – nadabe, baasa, ela, zinri, onri e  acabe
7 o reino do norte i – nadabe, baasa, ela, zinri, onri e acabe
 
6 o reino dividido
6   o reino dividido6   o reino dividido
6 o reino dividido
 
2 o juizado de samuel
2  o juizado de samuel2  o juizado de samuel
2 o juizado de samuel
 
1 objetivos da monarquia de israel
1  objetivos da monarquia de israel1  objetivos da monarquia de israel
1 objetivos da monarquia de israel
 
5 o reino unido iii - salomao
5   o reino unido iii - salomao5   o reino unido iii - salomao
5 o reino unido iii - salomao
 
8 o reino do norte ii – acazias, jorão, jeú, jeoacaz e jeoás
8   o reino do norte ii – acazias, jorão, jeú, jeoacaz e jeoás8   o reino do norte ii – acazias, jorão, jeú, jeoacaz e jeoás
8 o reino do norte ii – acazias, jorão, jeú, jeoacaz e jeoás
 
16 avaliacao e sintese da lideranca dos reis de israel
16   avaliacao e sintese  da lideranca dos reis de israel16   avaliacao e sintese  da lideranca dos reis de israel
16 avaliacao e sintese da lideranca dos reis de israel
 
3 o reino unido i - saul
3   o reino unido i - saul3   o reino unido i - saul
3 o reino unido i - saul
 
Lição 9 – juizo sobre judá e israel
Lição 9 – juizo sobre judá e israelLição 9 – juizo sobre judá e israel
Lição 9 – juizo sobre judá e israel
 
4 o reino unido ii - davi
4   o reino unido ii - davi4   o reino unido ii - davi
4 o reino unido ii - davi
 
19. o livro de ii crônicas
19. o livro de ii crônicas19. o livro de ii crônicas
19. o livro de ii crônicas
 
09 enc juizes reis profetas
09 enc juizes reis profetas09 enc juizes reis profetas
09 enc juizes reis profetas
 
Reis e Profetas - Aula 4
Reis e Profetas -  Aula 4Reis e Profetas -  Aula 4
Reis e Profetas - Aula 4
 
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 05 - BÁSICO - IBADEP)
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 05 - BÁSICO - IBADEP)LIVROS HISTÓRICOS (AULA 05 - BÁSICO - IBADEP)
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 05 - BÁSICO - IBADEP)
 
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 02 - BÁSICO - IBADEP)
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 02 - BÁSICO - IBADEP)LIVROS HISTÓRICOS (AULA 02 - BÁSICO - IBADEP)
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 02 - BÁSICO - IBADEP)
 
Reis e profetas - Aula 2
Reis e profetas - Aula 2Reis e profetas - Aula 2
Reis e profetas - Aula 2
 
Reis e Profetas - Aula 3
Reis e Profetas - Aula 3Reis e Profetas - Aula 3
Reis e Profetas - Aula 3
 
Adultério espiritual_Lição original com textos_122013
Adultério espiritual_Lição original com textos_122013Adultério espiritual_Lição original com textos_122013
Adultério espiritual_Lição original com textos_122013
 
Historia de israel aula 7 período patriarcal
Historia de israel aula 7 período patriarcalHistoria de israel aula 7 período patriarcal
Historia de israel aula 7 período patriarcal
 
COMENTARIO-2 samuel (moody)
COMENTARIO-2 samuel (moody)COMENTARIO-2 samuel (moody)
COMENTARIO-2 samuel (moody)
 

Semelhante a 13 o reino único i – manassés, amon, josias e jeoacaz

Lição 8 - As reformas de Josias + textos_GGR
Lição 8 - As reformas de Josias + textos_GGRLição 8 - As reformas de Josias + textos_GGR
Lição 8 - As reformas de Josias + textos_GGRGerson G. Ramos
 
Lição 30 - Ir à casa do Senhor - Reis.pptx
Lição 30 - Ir à casa do Senhor - Reis.pptxLição 30 - Ir à casa do Senhor - Reis.pptx
Lição 30 - Ir à casa do Senhor - Reis.pptxÉlida Rolim
 
23 Reis bons e reis maus / 23 good kings bad kings portuguese
23 Reis bons e reis maus / 23 good kings bad kings portuguese23 Reis bons e reis maus / 23 good kings bad kings portuguese
23 Reis bons e reis maus / 23 good kings bad kings portuguesePing Ponga
 
❉ Respostas 8 - As reformas de Josias_GGR
❉ Respostas 8 - As reformas de Josias_GGR❉ Respostas 8 - As reformas de Josias_GGR
❉ Respostas 8 - As reformas de Josias_GGRGerson G. Ramos
 
13 periodo do reino dividido ate a queda de juda
13  periodo do reino dividido ate a queda de juda13  periodo do reino dividido ate a queda de juda
13 periodo do reino dividido ate a queda de judaPIB Penha
 
Adultério espiritual_Resumo_Lição_122013
Adultério espiritual_Resumo_Lição_122013Adultério espiritual_Resumo_Lição_122013
Adultério espiritual_Resumo_Lição_122013Gerson G. Ramos
 
Mostre me sua glória - max lucado
Mostre me sua glória - max lucadoMostre me sua glória - max lucado
Mostre me sua glória - max lucadoRodrigo Soares
 
15 - panorama do AT - Isaias.pptx
15 - panorama do AT - Isaias.pptx15 - panorama do AT - Isaias.pptx
15 - panorama do AT - Isaias.pptxPIB Penha
 
9 - panorama do AT - 1 e 2 cronicas e Rute.ppt
9 - panorama do AT - 1 e 2 cronicas e Rute.ppt9 - panorama do AT - 1 e 2 cronicas e Rute.ppt
9 - panorama do AT - 1 e 2 cronicas e Rute.pptPIB Penha
 
10 o reino unido, dividido e o exilio - 10 aula
10   o reino unido, dividido e o exilio - 10 aula10   o reino unido, dividido e o exilio - 10 aula
10 o reino unido, dividido e o exilio - 10 aulaPIB Penha
 
Daniel e Apocalipse - Disponível em www.portadesiao.blogspot.com
Daniel e Apocalipse - Disponível em www.portadesiao.blogspot.comDaniel e Apocalipse - Disponível em www.portadesiao.blogspot.com
Daniel e Apocalipse - Disponível em www.portadesiao.blogspot.comleitemel
 
Aula 09_O Decálogo_Escola de Aprendizes do Evangelho
Aula 09_O Decálogo_Escola de Aprendizes do EvangelhoAula 09_O Decálogo_Escola de Aprendizes do Evangelho
Aula 09_O Decálogo_Escola de Aprendizes do Evangelholiliancostadias
 
Lição 3 - Os últimos cinco reis de Israel + textos_GGR
Lição 3 - Os últimos cinco reis de Israel + textos_GGRLição 3 - Os últimos cinco reis de Israel + textos_GGR
Lição 3 - Os últimos cinco reis de Israel + textos_GGRGerson G. Ramos
 
3 jeremias e lamentacoes
3   jeremias e lamentacoes3   jeremias e lamentacoes
3 jeremias e lamentacoesPIB Penha
 
Jesus é o tema central da Bíblia
Jesus  é o tema central da BíbliaJesus  é o tema central da Bíblia
Jesus é o tema central da BíbliaAlexandre Rodrigues
 

Semelhante a 13 o reino único i – manassés, amon, josias e jeoacaz (20)

Lição 8 - As reformas de Josias + textos_GGR
Lição 8 - As reformas de Josias + textos_GGRLição 8 - As reformas de Josias + textos_GGR
Lição 8 - As reformas de Josias + textos_GGR
 
Lição 30 - Ir à casa do Senhor - Reis.pptx
Lição 30 - Ir à casa do Senhor - Reis.pptxLição 30 - Ir à casa do Senhor - Reis.pptx
Lição 30 - Ir à casa do Senhor - Reis.pptx
 
23 Reis bons e reis maus / 23 good kings bad kings portuguese
23 Reis bons e reis maus / 23 good kings bad kings portuguese23 Reis bons e reis maus / 23 good kings bad kings portuguese
23 Reis bons e reis maus / 23 good kings bad kings portuguese
 
❉ Respostas 8 - As reformas de Josias_GGR
❉ Respostas 8 - As reformas de Josias_GGR❉ Respostas 8 - As reformas de Josias_GGR
❉ Respostas 8 - As reformas de Josias_GGR
 
13 periodo do reino dividido ate a queda de juda
13  periodo do reino dividido ate a queda de juda13  periodo do reino dividido ate a queda de juda
13 periodo do reino dividido ate a queda de juda
 
Adultério espiritual_Resumo_Lição_122013
Adultério espiritual_Resumo_Lição_122013Adultério espiritual_Resumo_Lição_122013
Adultério espiritual_Resumo_Lição_122013
 
Mostre me sua glória - max lucado
Mostre me sua glória - max lucadoMostre me sua glória - max lucado
Mostre me sua glória - max lucado
 
Mardoqueu
MardoqueuMardoqueu
Mardoqueu
 
15 - panorama do AT - Isaias.pptx
15 - panorama do AT - Isaias.pptx15 - panorama do AT - Isaias.pptx
15 - panorama do AT - Isaias.pptx
 
14 sofonias
14   sofonias14   sofonias
14 sofonias
 
Ebook 221
Ebook 221Ebook 221
Ebook 221
 
9 - panorama do AT - 1 e 2 cronicas e Rute.ppt
9 - panorama do AT - 1 e 2 cronicas e Rute.ppt9 - panorama do AT - 1 e 2 cronicas e Rute.ppt
9 - panorama do AT - 1 e 2 cronicas e Rute.ppt
 
10 o reino unido, dividido e o exilio - 10 aula
10   o reino unido, dividido e o exilio - 10 aula10   o reino unido, dividido e o exilio - 10 aula
10 o reino unido, dividido e o exilio - 10 aula
 
Daniel e Apocalipse - Disponível em www.portadesiao.blogspot.com
Daniel e Apocalipse - Disponível em www.portadesiao.blogspot.comDaniel e Apocalipse - Disponível em www.portadesiao.blogspot.com
Daniel e Apocalipse - Disponível em www.portadesiao.blogspot.com
 
Aula 09_O Decálogo_Escola de Aprendizes do Evangelho
Aula 09_O Decálogo_Escola de Aprendizes do EvangelhoAula 09_O Decálogo_Escola de Aprendizes do Evangelho
Aula 09_O Decálogo_Escola de Aprendizes do Evangelho
 
Lição 3 - Os últimos cinco reis de Israel + textos_GGR
Lição 3 - Os últimos cinco reis de Israel + textos_GGRLição 3 - Os últimos cinco reis de Israel + textos_GGR
Lição 3 - Os últimos cinco reis de Israel + textos_GGR
 
3 jeremias e lamentacoes
3   jeremias e lamentacoes3   jeremias e lamentacoes
3 jeremias e lamentacoes
 
8 Exodo 13 - 20.pptx
8 Exodo 13 - 20.pptx8 Exodo 13 - 20.pptx
8 Exodo 13 - 20.pptx
 
Aula 1 e 2 Daniel Apocalipse.pdf
Aula 1 e 2 Daniel Apocalipse.pdfAula 1 e 2 Daniel Apocalipse.pdf
Aula 1 e 2 Daniel Apocalipse.pdf
 
Jesus é o tema central da Bíblia
Jesus  é o tema central da BíbliaJesus  é o tema central da Bíblia
Jesus é o tema central da Bíblia
 

Mais de PIB Penha - SP

Início das missões mundiais Cap 11 ao 13.pptx
Início das missões mundiais Cap 11 ao 13.pptxInício das missões mundiais Cap 11 ao 13.pptx
Início das missões mundiais Cap 11 ao 13.pptxPIB Penha - SP
 
A conversão mais importante da história e A perseguição e a dispersão da igreja
A conversão mais importante da história e A perseguição e a dispersão da igrejaA conversão mais importante da história e A perseguição e a dispersão da igreja
A conversão mais importante da história e A perseguição e a dispersão da igrejaPIB Penha - SP
 
A escolha dos sete diáconos e a prisão e morte de Estêvão
A escolha dos sete diáconos e a prisão e morte de EstêvãoA escolha dos sete diáconos e a prisão e morte de Estêvão
A escolha dos sete diáconos e a prisão e morte de EstêvãoPIB Penha - SP
 
3- Cap 3 e 5.10 - Um milagre e um sermão/ primeira oposição dos líderes relig...
3- Cap 3 e 5.10 - Um milagre e um sermão/ primeira oposição dos líderes relig...3- Cap 3 e 5.10 - Um milagre e um sermão/ primeira oposição dos líderes relig...
3- Cap 3 e 5.10 - Um milagre e um sermão/ primeira oposição dos líderes relig...PIB Penha - SP
 
4- Cap 5.11 a 8.1 a ESCOLHA DOS SETE DIÁCONOS / PRISÃO E MORTE DE ESTEVÃO
4- Cap 5.11 a 8.1 a ESCOLHA DOS SETE DIÁCONOS / PRISÃO E MORTE DE ESTEVÃO4- Cap 5.11 a 8.1 a ESCOLHA DOS SETE DIÁCONOS / PRISÃO E MORTE DE ESTEVÃO
4- Cap 5.11 a 8.1 a ESCOLHA DOS SETE DIÁCONOS / PRISÃO E MORTE DE ESTEVÃOPIB Penha - SP
 
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2PIB Penha - SP
 
18 Deuteronômio 27 - 34.pptx
18 Deuteronômio 27 - 34.pptx18 Deuteronômio 27 - 34.pptx
18 Deuteronômio 27 - 34.pptxPIB Penha - SP
 
17 Deuteronomio 5 - 26.pptx
17 Deuteronomio 5 - 26.pptx17 Deuteronomio 5 - 26.pptx
17 Deuteronomio 5 - 26.pptxPIB Penha - SP
 
16 Deuteronomio 1 - 4.pptx
16 Deuteronomio 1 - 4.pptx16 Deuteronomio 1 - 4.pptx
16 Deuteronomio 1 - 4.pptxPIB Penha - SP
 
15 Numeros 23 - 36.ppt
15 Numeros 23 - 36.ppt15 Numeros 23 - 36.ppt
15 Numeros 23 - 36.pptPIB Penha - SP
 
14 Numeros 12 - 22.ppt
14 Numeros 12 - 22.ppt14 Numeros 12 - 22.ppt
14 Numeros 12 - 22.pptPIB Penha - SP
 
14 Numeros 1 - 14.pptx
14 Numeros 1 - 14.pptx14 Numeros 1 - 14.pptx
14 Numeros 1 - 14.pptxPIB Penha - SP
 
12 Levitico 17 - 27.ppt
12 Levitico 17 - 27.ppt12 Levitico 17 - 27.ppt
12 Levitico 17 - 27.pptPIB Penha - SP
 
11 levitico 1 - 16.pptx
11 levitico 1 - 16.pptx11 levitico 1 - 16.pptx
11 levitico 1 - 16.pptxPIB Penha - SP
 
7 Exodo 1-12 PUBLICAR.pptx
7 Exodo 1-12 PUBLICAR.pptx7 Exodo 1-12 PUBLICAR.pptx
7 Exodo 1-12 PUBLICAR.pptxPIB Penha - SP
 
6 Genesis 29-50 publicar.pptx
6 Genesis 29-50  publicar.pptx6 Genesis 29-50  publicar.pptx
6 Genesis 29-50 publicar.pptxPIB Penha - SP
 

Mais de PIB Penha - SP (20)

Início das missões mundiais Cap 11 ao 13.pptx
Início das missões mundiais Cap 11 ao 13.pptxInício das missões mundiais Cap 11 ao 13.pptx
Início das missões mundiais Cap 11 ao 13.pptx
 
A conversão mais importante da história e A perseguição e a dispersão da igreja
A conversão mais importante da história e A perseguição e a dispersão da igrejaA conversão mais importante da história e A perseguição e a dispersão da igreja
A conversão mais importante da história e A perseguição e a dispersão da igreja
 
A escolha dos sete diáconos e a prisão e morte de Estêvão
A escolha dos sete diáconos e a prisão e morte de EstêvãoA escolha dos sete diáconos e a prisão e morte de Estêvão
A escolha dos sete diáconos e a prisão e morte de Estêvão
 
3- Cap 3 e 5.10 - Um milagre e um sermão/ primeira oposição dos líderes relig...
3- Cap 3 e 5.10 - Um milagre e um sermão/ primeira oposição dos líderes relig...3- Cap 3 e 5.10 - Um milagre e um sermão/ primeira oposição dos líderes relig...
3- Cap 3 e 5.10 - Um milagre e um sermão/ primeira oposição dos líderes relig...
 
4- Cap 5.11 a 8.1 a ESCOLHA DOS SETE DIÁCONOS / PRISÃO E MORTE DE ESTEVÃO
4- Cap 5.11 a 8.1 a ESCOLHA DOS SETE DIÁCONOS / PRISÃO E MORTE DE ESTEVÃO4- Cap 5.11 a 8.1 a ESCOLHA DOS SETE DIÁCONOS / PRISÃO E MORTE DE ESTEVÃO
4- Cap 5.11 a 8.1 a ESCOLHA DOS SETE DIÁCONOS / PRISÃO E MORTE DE ESTEVÃO
 
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2
 
18 Deuteronômio 27 - 34.pptx
18 Deuteronômio 27 - 34.pptx18 Deuteronômio 27 - 34.pptx
18 Deuteronômio 27 - 34.pptx
 
17 Deuteronomio 5 - 26.pptx
17 Deuteronomio 5 - 26.pptx17 Deuteronomio 5 - 26.pptx
17 Deuteronomio 5 - 26.pptx
 
16 Deuteronomio 1 - 4.pptx
16 Deuteronomio 1 - 4.pptx16 Deuteronomio 1 - 4.pptx
16 Deuteronomio 1 - 4.pptx
 
15 Numeros 23 - 36.ppt
15 Numeros 23 - 36.ppt15 Numeros 23 - 36.ppt
15 Numeros 23 - 36.ppt
 
14 Numeros 12 - 22.ppt
14 Numeros 12 - 22.ppt14 Numeros 12 - 22.ppt
14 Numeros 12 - 22.ppt
 
14 Numeros 1 - 14.pptx
14 Numeros 1 - 14.pptx14 Numeros 1 - 14.pptx
14 Numeros 1 - 14.pptx
 
12 Levitico 17 - 27.ppt
12 Levitico 17 - 27.ppt12 Levitico 17 - 27.ppt
12 Levitico 17 - 27.ppt
 
11 levitico 1 - 16.pptx
11 levitico 1 - 16.pptx11 levitico 1 - 16.pptx
11 levitico 1 - 16.pptx
 
10 Exodo 31 -40.pptx
10 Exodo 31 -40.pptx10 Exodo 31 -40.pptx
10 Exodo 31 -40.pptx
 
9 Exodo 21 -30.pptx
9 Exodo 21 -30.pptx9 Exodo 21 -30.pptx
9 Exodo 21 -30.pptx
 
10 Exodo 31 -40.pdf
10 Exodo 31 -40.pdf10 Exodo 31 -40.pdf
10 Exodo 31 -40.pdf
 
9 Exodo 21 -30.pdf
9 Exodo 21 -30.pdf9 Exodo 21 -30.pdf
9 Exodo 21 -30.pdf
 
7 Exodo 1-12 PUBLICAR.pptx
7 Exodo 1-12 PUBLICAR.pptx7 Exodo 1-12 PUBLICAR.pptx
7 Exodo 1-12 PUBLICAR.pptx
 
6 Genesis 29-50 publicar.pptx
6 Genesis 29-50  publicar.pptx6 Genesis 29-50  publicar.pptx
6 Genesis 29-50 publicar.pptx
 

Último

CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptx
CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptxCURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptx
CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptxWerquesonSouza
 
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 EGÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 EMicheleRosa39
 
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptxLição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptxCelso Napoleon
 
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaLIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaWillemarSousa1
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pãoSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pãoRicardo Azevedo
 
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica DominicalLIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica DominicalAmaroJunior21
 
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns EsclarecedoresEvangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns EsclarecedoresAntonino Silva
 
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024RaniereSilva14
 
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...silvana30986
 

Último (10)

CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptx
CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptxCURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptx
CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptx
 
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 EGÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
 
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.pptFluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
 
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptxLição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
 
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaLIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pãoSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
 
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica DominicalLIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
 
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns EsclarecedoresEvangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
 
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024
 
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...
 

13 o reino único i – manassés, amon, josias e jeoacaz

  • 1. MONARQUIA DE ISRAEL – Características de liderança 13ª aula -O REINO ÚNICO I MANASSÉS (14), AMON (15), JOSIAS (16) E JEOACAZ (17) 1 EBD - ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA – 2021 – 2º SEMESTRE Facilitadores: Dr. Eliel Cardoso e Eng. Francisco Tudela A idolatria e a desobediência levam à desgraça.
  • 2. Rei Reinado Caráter Profeta 14. Manassés 687-642 55 anos Mau/Arrep Naum 15. Amom 642-640 2 anos Mau 16. Josias 640-608 31 anos Bom 17. Jeoacaz (ou Salum) 608 3 meses Mau Plano de leitura semanal 2 Rs 2 Cr 13. O Reino Único (I) Manassés (14), Amon (15), Josias (16), Jeoacaz (17) 21.1 – 23.34 36.1-36.4
  • 3. MANASSÉS – o mais longo reinado de todo Israel e Judá 2Cr 33.1-3 “Manassés tinha doze anos de idade quando começou a reinar, e reinou cinquenta e cinco anos em Jerusalém. Ele fez o que o Senhor reprova, imitando as práticas detestáveis das nações que o Senhor havia expulsado de diante dos israelitas. Reconstruiu os altares idólatras que seu pai Ezequias havia demolido; também ergueu altares para os baalins e fez postes sagrados. Inclinou-se diante de todos os exércitos celestes e lhes prestou culto.” Exército celestes: Sol, lua e estrelas. O horóscopo de hoje é um remanescente dessa adoração pagã; é a interpretação de astrólogos a partir da posição do Sol no momento do nascimento da pessoa. Dt 4.19 “E para que, ao erguerem os olhos ao céu e virem o sol, a lua e as estrelas, todos os corpos celestes, vocês não se desviem e se prostrem diante deles...” Manassés significa “esquecendo” e foi isso que fez, esqueceu-se de Deus Erro/Falha: Um líder que fez escolhas que o Senhor reprova
  • 4. 2Cr 33.4-6 “Construiu altares no templo do Senhor, do qual o Senhor tinha dito: "Meu nome permanecerá para sempre em Jerusalém". Nos dois pátios do templo do Senhor ele construiu altares para todos os exércitos celestes. Chegou a queimar seus filhos em sacrifício, no vale de Ben- Hinom; praticou feitiçaria, adivinhação e magia, e consultou médiuns e espíritas. fez o que o Senhor reprova, PROVOCANDO-O À IRA.” 2Rs 21.10,13 “E o Senhor disse por meio dos seus servos, os profetas:... Estenderei sobre Jerusalém o fio de medir utilizado contra Samaria ...” Acaz (28.3) e Manassés (33.6) queimaram seus filhos. A mesma justiça que trouxe a destruição da nação de Israel, será aplicada a Judá. Lm 2.8 “O Senhor está decidido a derrubar os muros da cidade de Sião. Esticou uma trena e não poupou a sua mão destruidora.” Sl 7.11 “Deus é um juiz justo, um Deus que manifesta cada dia o seu furor.” Característica: a justiça de Deus Erro/Falha: Manassés fez o que o Senhor reprova, levando Deus a irar-se
  • 5. 2Rs 21.16 “Manassés também derramou tanto sangue inocente que encheu Jerusalém de um lado a outro; além disso levou Judá a cometer pecado, a fim de que fizessem o que o Senhor reprova.” Sangue dos que se opuseram a ele. Erro/Falha: O líder leva o povo a pecar pelo seu exemplo ou pela sua permissividade As atrocidades de Acaz e Manassés se repetem ainda hoje sob outra roupagem: “Fantástico Edição do dia 07/12/2014 -Tradição indígena faz pais tirarem a vida de crianças com deficiência física. Costume em 13 etnias indígenas do Brasil. Nossa Constituição assegura a grupos indígenas o direito à prática do infanticídio de bebês que nasçam com alguma deficiência (inclusive gêmeos). Antropólogos são pela não interferência na cultura.” A guerra pelas almas - Projeto de lei (1057/2007) criado por evangélicos criminaliza o infanticídio nas tribos. Para especialistas, proposta é reflexo da atuação de entidades para converter os índios ao cristianismo sem respeitar sua cultura.
  • 6. 2Cr 33.10-11“O Senhor falou a Manassés e a seu povo, mas não lhe deram atenção. Por isso o Senhor enviou contra eles os comandantes do exército do rei da Assíria, os quais prenderam Manassés, colocaram-lhe um gancho no nariz e algemas de bronze, e o levaram para a Babilônia” Características: A justiça divina Erro/Falha: “O Senhor falou” pelo profeta Isaías, nem líder nem povo atenderam. No Talmude consta que Isaías foi morto quando ao ser perseguido pelo rei Manassés se escondeu dentro de um cedro. As franjas de sua roupa, porém, deflagraram sua presença, e então o rei ordenou que o cedro fosse serrado ao meio, ocasionando sua morte. (https://pt.wikipedia.org/wiki/Isa%C3%ADas) Hb 11.37 “apedrejados, serrados ao meio, postos à prova,...” O autor de Hebreus cita o “serrados ao meio”, talvez uma referência à morte do profeta Isaías
  • 7. 2Cr 33.11-13“Em sua angústia, ele buscou o favor do Senhor, o seu Deus, e humilhou-se muito diante de Deus...Quando ele orou, o Senhor o ouviu e atendeu o seu pedido; de forma que o trouxe de volta a Jerusalém e a seu reino. E assim Manassés reconheceu que o Senhor é Deus.” PA Não importa o pecado, Deus sempre nos perdoa quando o buscamos. Características: O líder reconhece o erro e busca a Deus que perdoa a quem se arrepende, mesmo aqueles que fizeram coisas terríveis. Hb 10.17 “Dos seus pecados e iniquidades não me lembrarei mais". Mq 7.19 “De novo terás compaixão de nós; pisarás as nossas maldades e atirarás todos os nossos pecados nas profundezas do mar.” O rei da Assíria “decidiu” reconduzi-lo como rei de Judá.
  • 8. 2Cr 33.15-17“Manassés tirou do templo do Senhor os deuses estrangeiros e a imagem que lá havia colocado, bem como todos os altares idólatras que havia construído na colina do templo e em Jerusalém; e jogou-os fora da cidade. Então restaurou o altar do Senhor e sobre ele ofereceu sacrifícios...e ofertas de gratidão, ordenando a Judá que servisse o Senhor...O povo, contudo, continuou a sacrificar nos altares idólatras, mas somente ao Senhor, ao seu Deus.” O resultado era pouco mais que o uso de um novo nome ao velho culto a Baal. Características: Um líder perde credibilidade devido ao seu histórico idólatra e já não lidera mais. Avaliação de Manassés: Foi o pior rei de Judá.
  • 9. 2Cr 33.20“Manassés descansou com os seus antepassados e foi sepultado em sua propriedade. E seu filho Amom foi o seu sucessor.” Morreu com 67 anos e não foi sepultado nos túmulos dos descendentes de Davi, como o fora seu pai Ezequias. Manassés significa “aquele que está entregue ao esquecimento”. Mas não o será pois as consequências da sua gestão serão trágicas para Judá, apesar de ter sido perdoado. Contextualização nos dias de hoje: O direito ao esquecimento é o direito que uma pessoa possui de não permitir que um fato, ainda que verídico, ocorrido em determinado momento de sua vida, seja exposto ao público em geral, causando-lhe sofrimento ou transtornos. O direito ao esquecimento impede que seja exercido o direito à memória?
  • 10. AMOM 2Rs 21.19-22“Amom tinha vinte e dois anos de idade quando começou a reinar, e reinou dois anos em Jerusalém. O nome de sua mãe era Mesulemete, filha de Haruz; ela era de Jotbá. Ele fez o que o Senhor reprova, como fizera Manassés, seu pai. Imitou o seu pai em tudo; prestou culto aos ídolos aos quais seu pai havia cultuado e inclinou-se diante deles. Abandonou o Senhor, o Deus de seus antepassados e não andou no caminho do Senhor.” 2Cr 33.23 “Mas, ao contrário de seu pai Manassés, não se humilhou diante do Senhor, antes, aumentou a sua culpa.” Erro/Falha: - Idolatria - Falta de humildade aumenta a culpa, pois não se volta para Deus.
  • 11. 2Rs 21.23-26“Os oficiais de Amom conspiraram contra ele e o assassinaram em seu palácio. Mas o povo matou todos os que haviam conspirado contra o rei Amom, e a seu filho Josias proclamou rei em seu lugar. Os demais acontecimentos do reinado de Amom e as suas realizações, estão escritos no livro dos registros históricos dos reis de Judá. Ele foi sepultado em seu túmulo no jardim de Uzá. Seu filho Josias foi o seu sucessor.” Não foi sepultado nos túmulos dos descendentes de Davi, como o foi Ezequias. Característica: Um golpe de estado realizado pelos oficiais sem apoio do povo não tem sucesso.
  • 12. JOSIAS 2Cr 34.1-3“Josias tinha oito anos de idade quando começou a reinar, e reinou trinta e um anos em Jerusalém. Ele fez o que o Senhor aprova e andou nos caminhos de Davi, seu predecessor, sem desviar-se nem para a direita nem para a esquerda. No oitavo ano do seu reinado, sendo ainda bem jovem, ele começou a buscar o Deus de Davi, seu predecessor. No décimo segundo ano, começou a purificar Judá e Jerusalém dos altares idólatras, dos postes sagrados, das imagens esculpidas e dos ídolos de metal.” Característica: O líder corrige os desvios da gestão anterior.
  • 13. 2Rs 22.3-7“No décimo oitavo ano do seu reinado, o rei Josias enviou o secretário Safã, filho de Azalias e neto de Mesulão, ao templo do Senhor, dizendo: "Vá ao sumo sacerdote Hilquias e mande-o ajuntar a prata que foi trazida ao templo do Senhor, que os guardas das portas recolheram do povo. Eles deverão entregar a prata aos homens nomeados para supervisionar a reforma do templo, para poderem pagar os trabalhadores que fazem os reparos no templo do Senhor: os carpinteiros, os construtores e os pedreiros. Além disso comprarão madeira e pedras lavradas para os reparos no templo. Mas eles não precisarão prestar contas da prata que lhes foi confiada, pois estão agindo com honestidade".” Dois anos depois iniciam a reforma do templo. Diferentemente do rei Joás que tirou dos sacerdotes a gestão da reforma do templo devido a desvio do dinheiro, Josias os reintegra. Característica: Um líder tem confiança nos liderados e lhes dá autonomia.
  • 14. 2Rs 22.8-13 “Então o sumo sacerdote Hilquias disse ao secretário Safã: "Encontrei o livro da Lei no templo do Senhor". Ele o entregou a Safã, que o leu.... para o rei. Assim que o rei ouviu as palavras do livro da Lei...deu estas ordens ao sacerdote Hilquias..."Vão consultar o Senhor por mim, pelo povo e por todo Judá acerca do que está escrito neste livro que foi encontrado. A ira do Senhor contra nós deve ser grande, pois nossos antepassados não obedeceram às palavras deste livro, nem agiram de acordo com tudo que nele está escrito a nosso respeito". O LIVRO DA LEI (DEUTERONÔMIO) É ENCONTRADO DEPOIS DE 215 ANOS!!!! A última reforma do Templo ocorrera com Joás, o 7ª rei de Judá PA Ironicamente o Livro estava perdido no templo. O lugar onde se busca ter um encontro com Deus é onde as maiores perdas podem estar ocorrendo. Característica: Um líder ao reconhecer os erros dos lideres anteriores, os corrige. “Quando o povo de Deus não tem a Palavra de Deus ou quando os crentes deixam de ler a Bíblia que possuem, a decadência e as heresias são inevitáveis em sua vida” (Nota de rodapé da Biblia Vida Nova)
  • 15. 2Cr 34.22-28 “Hilquias e aqueles que o rei tinha enviado com ele foram falar com a profetisa Hulda ...Ela lhes disse: "Assim diz o Senhor, o Deus de Israel: ‘Digam ao homem que os enviou a mim: Assim diz o Senhor: Eu vou trazer uma desgraça sobre este lugar e sobre seus habitantes ...Porque me abandonaram e queimaram incenso a outros deuses, provocando-me a ira...Já que o seu coração se abriu e você se humilhou diante de Deus quando ouviu o que ele falou contra este lugar e contra os seus habitantes...eu o reunirei aos seus antepassados, e você será sepultado em paz. Seus olhos não verão a desgraça que trarei sobre este lugar e sobre seus habitantes’ ". Então eles levaram a resposta ao rei.” O Senhor não desistiria, pois Manassés havia provocado sua ira (2Cr 33.6). Adiamento da ira divina por Josias ter-se humilhado e arrependido já havia sido concedido a Ezequias (2Cr 32.26) e a Acabe (1Rs 21.29).
  • 16. 2Cr 34.30-33 “Para todos o rei leu em voz alta todas as palavras do Livro da Aliança, ...Ele tomou o seu lugar e, na presença do Senhor, fez uma aliança, COMPROMETENDO-SE a seguir o Senhor e obedecer de todo o coração e de toda a alma aos seus mandamentos, seus testemunhos e seus decretos, cumprindo as palavras da aliança escritas naquele livro. Depois fez com que todos em Jerusalém e em Benjamim se COMPROMETESSEM com a aliança; os habitantes de Jerusalém passaram a cumprir a aliança de Deus, o Deus dos seus antepassados. Josias retirou todos os ídolos detestáveis de todo o território dos israelitas e obrigou todos os que estavam em Israel a servirem ao Senhor, ao seu Deus. E enquanto ele viveu, o povo não deixou de seguir o Senhor, o Deus dos seus antepassados.” Característica: Um líder se compromete com os objetivos. Se membros de uma organização descobrem que possuem um comprometimento maior do que os seus líderes, encontrarão outra organização com outro líder.
  • 17. A antiga Aliança, ministrada a Moisés no Sinai e escrita em tábuas de pedra, não foi obedecida por Israel e, com isso, o povo não conseguiu influenciar outras nações para servir ao Senhor. Nos tempos de Amom e de Jeoacaz, havia em Jerusalém pessoas honradas e tementes a Deus, no entanto, por se conformarem ao que estavam assistindo de degradação moral, social e espiritual em sua nação, também tiveram um triste fim. Na nova Aliança com Deus, revelada em Cristo, seus princípios são ministrados no coração dos crentes e o Espírito Santo é o condutor e mentor nesta jornada. O crente não se amolda ao mundo ao redor e faz a diferença onde estiver. Um líder tem três oportunidades para levar pessoas a renovar a aliança com Deus: • quando SOFREM o bastante para que NECESSITEM caminhar para Deus; • quando CONHECEM o bastante para que QUEIRAM caminhar para Deus; • quando APRENDEM o bastante para que SEJAM CAPAZES de caminhar para Deus.
  • 18. 2Rs 23.4,5 “O rei deu ordens ao sumo sacerdote Hilquias, aos sacerdotes auxiliares e aos guardas das portas que retirassem do templo do Senhor todos os utensílios feitos para Baal e Aserá e para todos os exércitos celestes. Ele os queimou fora de Jerusalém, nos campos do vale de Cedrom e levou as cinzas para Betel. E eliminou os sacerdotes pagãos nomeados pelos reis de Judá para queimar incenso nos altares idólatras das cidades de Judá e dos arredores de Jerusalém, aqueles que queimavam incenso a Baal, ao sol e à lua, às constelações e a todos os exércitos celestes.” Jeroboão: 1Rs 12.29 “Mandou por um bezerro em Betel, e o outro em Dã.” Característica: O líder indica quais devem ser as ações para alcançar seu objetivo.
  • 19. 2Rs 23.21-23 “Então o rei deu a seguinte ordem a todo o povo: "Celebrem a Páscoa ao Senhor seu Deus, conforme está escrito neste livro da Aliança". Nem nos dias dos juízes que lideraram Israel, nem durante todos os dias dos reis de Israel e dos reis de Judá, foi celebrada uma Páscoa como esta. Mas no décimo oitavo ano do reinado de Josias, esta Páscoa foi celebrada ao Senhor em Jerusalém.” 2Cr 35.7 “Josias deu a todo o povo que ali estava um total de trinta mil ovelhas e cabritos para as ofertas da Páscoa, além de três mil bois; tudo foi tirado dos bens pessoais do rei.” 2Cr 35.17,18 “Os israelitas que estavam presentes celebraram a Páscoa naquele dia e durante sete dias celebraram a festa dos pães sem fermento. A Páscoa não havia sido celebrada dessa maneira em Israel desde os dias do profeta Samuel” Característica: Um líder envolvido na mede esforços, mesmo a um custo pessoal, Josias deu das suas posses trinta mil cordeiros...
  • 20. 2Rs 35.20-22 “Depois de tudo o que Josias fez, e depois de colocar em ordem o templo, Neco, rei do Egito, saiu para lutar em Carquemis, junto ao Eufrates, e Josias marchou para combatê-lo. Neco, porém, enviou-lhe mensageiros, dizendo: "Não interfiras nisso, ó rei de Judá. Desta vez não estou atacando a ti, mas a outro reino com o qual estou em guerra. Deus me disse que me apressasse; por isso para de opor-se a Deus, que está comigo; caso contrário ele o destruirá"*. Josias, contudo, não quis voltar atrás, e disfarçou-se** para enfrentá-lo em combate. Ele não quis ouvir o que Neco lhe disse por ordem de Deus, mas foi combatê-lo na planície de Megido.” *A mesma “guerra fria” dos assírios contra Ezequias (2Cr 32.9-12). **Josias, tal como Acabe (1Rs 22.30-35 ), se disfarçou para proteger a sua vida. O exército egípcio marchava para se juntar ao exército assírio e lutarem contra os babilônios. Pelo histórico violento dos assírios, Josias não queria que se tornassem mais poderosos e decidiu interceptar os egípcios em Megido, rota usual para a Síria. Erro/Falha: Josias não soube avaliar o conflito internacional que estava entrando.
  • 21. 2Rs 35.23-25 “E na batalha, flecheiros atingiram o rei Josias, pelo que disse aos seus oficiais: "Tirem-me daqui. Estou gravemente ferido". Eles o tiraram do seu carro, colocaram-no em outro e o levaram para Jerusalém, onde morreu. Ele foi sepultado nos túmulos dos seus antepassados, e todos os moradores de Judá e de Jerusalém choraram por ele. Jeremias compôs um cântico de lamento em homenagem a Josias, e até hoje todos os cantores e cantoras homenageiam Josias com cânticos de lamento. Estes se tornaram uma tradição em Israel e estão escritos na Coletânea das Lamentações.” O legado de Josias levou o povo a lamentar sua morte. Alguns pregadores dizem que ficam sem palavras, numa verdadeira “saia justa”, quando são convidados a falar num culto fúnebre de alguém que não deixou boas marcas. Não há o que dizer, o que recordar. Quando você morrer deixará saudade? Ou deixará o pastor numa “saia justa”?
  • 22. JEOACAZ 2Cr 36.1-4“E o povo tomou Jeoacaz, filho de Josias, e proclamou-o rei em Jerusalém, no lugar de seu pai. Jeoacaz tinha vinte e três anos de idade quando começou a reinar, e reinou três meses em Jerusalém. O rei do Egito destronou-o em Jerusalém e impôs a Judá um tributo de três toneladas e meia de prata e trinta e cinco quilos de ouro. O rei do Egito proclamou Eliaquim, irmão de Jeoacaz, rei sobre Judá e sobre Jerusalém, e mudou-lhe o nome para Jeoaquim. Mas Neco levou Jeoacaz, irmão de Eliaquim, para o Egito. O rei do Egito, faraó Neco, colocou Eliaquim como rei de Judá e o tornou seu vassalo por direito de conquista, pois matara Josias em combate. 2Rs 23.32 “Ele (Jeoacaz) fez o que o Senhor reprova, tal como seus antepassados.” Erro/Falha: Jeoacaz traiu a aliança que Josias havia renovado.
  • 23. PRÓXIMA AULA: REFLEXÃO SOBRE O TEMA: SE DEUS ME PERDOOU, TAMBÉM PERDOOU AS CONSEQUÊNCIAS DO MEU PECADO? Plano de leitura semanal 2 Rs 2 Cr 14. O Reino Único (I) Jeoiaquim (18), Joaquim (19) e Zedequias (20) 21.1 – 23.34 36.1-36.4
  • 24. BOA SEMANA Tg 1.25 “Mas o homem que observa atentamente a lei perfeita que traz a liberdade, e persevera na prática dessa lei, não esquecendo o que ouviu mas PRATICANDO-O, SERÁ FELIZ NAQUILO QUE FIZER.”
  • 25. 1. Bíblia NVI – Editora Vida – 2000 2. Bíblia de Estudo Arqueológica NVI – Kunz André Claiton e outros – Ed. Vida – 2013 3. Comentário Bíblico do professor – Lawrence Richards – 3ª Ed. Vida - SP 4. Revista Compromisso - impressa pela Convicção Editora 5. A Bíblia da Liderança Cristã - John C. Maxwell –Ed. SBB – 2ª Ed 6. A monarquia em Israel – João S. da Fonseca – 2ª Ed. JUERP - RJ 7. Reflexões extraídas da World Wide Web Esta apresentação está disponível no site: www.escolabiblicavirtual.com.br 25