Determinacao sexo

3.847 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.847
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
182
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
89
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Determinacao sexo

  1. 1. A determinação genética do sexo e a herança relacionada ao sexo na espécie humana
  2. 2. Quando comparamos uma célula masculina com uma feminina, de indivíduos da mesma espécie, notamos diferenças entre seus cromossomos. Geralmente, essa diferença é restrita a um par de cromossomos, apenas, chamados cromossomos sexuais ou alossomos. Todos os outros pares são idênticos em células masculina e feminina, sendo conhecidos por autossomos. Vamos, como exemplo, comparar os cromossomos de machos e fêmeas de Drosophilla melanogaster, a conhecida drosófila (mosca-das-frutas).
  3. 3. Os Cromossomos Sexuais Os cromossomos são filamentos de cromatina que, durante a divisão celular, encontram-se firmemente enovelados, com a forma de bastões, bem visíveis ao microscópio. O momento adequado para o estudo dos cromossomos é a metáfase, por ser o instante de mais intensa condensação, quando eles se coram facilmente.
  4. 4. BIOLOGIA, 3 ª ano A determinação genética do sexo e a herança relacionada ao sexo na espécie humana Os machos possuem um par de cromossomos sexuais em que um deles, chamado de cromossomo X, é muito maior que o outro; este, bem menor, é o cromossomo Y. Nas células das fêmeas, não há cromossomo Y, mas sim um par de cromossomos X. Imagem: (a) Thomas Hunt Morgan / A Critique of the Theory of Evolution., available freely at Project Gutenberg e (b) GNU Free Documentation License.
  5. 5. A determinação genética do sexo e a herança relacionada ao sexo na espécie humana Cada uma das formas de diferenciação cromossômica entre as células masculinas e femininas é conhecida por sistema cromossômico de determinação sexual, sendo os mais conhecidos os sistemas XY, XO e ZW. http://www.biomania.com.br/bio/conteudo.asp?cod=1221
  6. 6. A determinação genética do sexo e a herança relacionada ao sexo na espécie humana Sistema de Determinação do Sexo Sistema XY Em organismos cuja diferenciação obedece ao sistema XY, o macho possui, em suas células, dois lotes de cromossomos autossomos e mais um par de cromossomos sexuais XY. As fêmeas possuem os mesmos dois lotes de autossomos e um par de cromossomos sexuais XX. Os nomes X e Y, empregados na designação desses cromossomos, foram escolhidos arbitrariamente. http://pt.scribd.com/grun10/d/48567352ENEM-GENETICA-16-CROMOSSOMOSSEXUAIS
  7. 7. A determinação genética do sexo e a herança relacionada ao sexo na espécie humana Esse sistema de determinação cromossômica do sexo é observado em mamíferos, em muitos artrópodes e em vegetais superiores. Na espécie humana, a presença de um cromossomo Y determina o aparecimento de características sexuais masculinas, enquanto sua ausência determina o desenvolvimento de características sexuais femininas.
  8. 8. A determinação genética do sexo e a herança relacionada ao sexo na espécie humana Sexo Constituição Cromossomica Gametas produzidos Masculino Feminino 2A + XY 2A + XX A+X A+X A+Y
  9. 9. A determinação genética do sexo e a herança relacionada ao sexo na espécie humana Podemos perceber que os machos geram dois tipos de gametas (A + X e A + Y). Portanto, o sexo masculino é heterogamético. O sexo feminino é homogamético, pois as fêmeas geram apenas um tipo de gameta (A + X). A determinação do sexo dos descendentes depende sempre do ancestral heterogamético. No sistema XY, portanto, é o gameta paterno que determina o sexo do filho. O A +X O A+X 2A + XX (fêmea) A+Y 2A + XY (macho)
  10. 10. A determinação genética do sexo e a herança relacionada ao sexo na espécie humana Sistema X0 Sexo Constituição Cromossômica Gametas Produzidos Masculino 2A + XO A+X A Feminino 2A + XX A+X Muitos artrópodes, como besouros e gafanhotos, possuem sistema de determinação cromossômica do sexo do tipo X0, em que o número zero indica a ausência de um cromossomo. Os machos possuem dois lotes de autossomos e um cromossomo X; as fêmeas têm os mesmos dois lotes de autossomos e um par de cromossomos sexuais X.
  11. 11. A determinação genética do sexo e a herança relacionada ao sexo na espécie humana Os machos produzem dois tipos de gametas (A e A + X); portanto, o sexo masculino é heterogamético. As fêmeas produzem apenas um tipo de gameta (A + X), e o sexo feminino é homogamético. São os gametas do ancestral heterogamético (indivíduo do sexo masculino) que determinam o sexo dos descendentes.
  12. 12. A determinação genética do sexo e a herança relacionada ao sexo na espécie humana Sistema ZW Sexo Constituição cromossômica Gametas Produzidos Esse sistema é Feminino 2A + ZW A+Z A+W encontrado em Masculino 2A + ZZ A+Z insetos, peixes, anfíbios e aves. Notase uma inversão em Nos cruzamentos, o gameta relação aos sistemas feminino é o responsável pela anteriormente determinação do sexo do filhote. estudados, pois o sexo masculino é homogamético e o feminino é heterogamético. http://www.biomania.com.br/bio/conteud o.asp?cod=1221
  13. 13. SISTEMA HAPLOIDE / DIPLOIDE  Alguns insetos na ordem Hymenoptera, como por exemplo as abelhas, não têm cromossomos sexuais; em vez disso, o sexo é baseado no número de conjuntos cromossômicos encontrados no núcleo de cada célula. Os machos se desenvolvem de ovócitos não-fertilizados (partenogênese), e as fêmeas se desenvolvem de ovócitos fertilizados. As células dos himenópteros machos possuem apenas um único conjunto de cromossomos (haplóides) herdado da mãe. Em contraste, as células das fêmeas possuem dois conjuntos de cromossomos (diplóides), um conjunto herdado da mãe e o outro do pai .
  14. 14. A fertilidade das fêmeas é definida pelo sustento que suas larvas tiveram em seu desenvolvimento. Ou seja, as larvas que foram alimentadas por geléia real futuramente serão abelhas férteis (rainha), e as abelhas que receberam somente mel e pólen serão abelhas estéreis (operárias). Por isso, é que a abelha rainha é responsável pela reprodução das espécies.

×