Artes Gráficas no Sec. XIX

3.330 visualizações

Publicada em

Por Lídia Ganhito e Anita Prades

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.330
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
237
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
108
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Artes Gráficas no Sec. XIX

  1. 1. ARTESGRÁFICAS
  2. 2. A Revolução Industrial• Desvalorização do trabalhador e do objeto.• Distanciamento da natureza.• Medo das mudanças causadas pela industrialização.• Arte como fator de equilíbrio. Tempos Modernos (1936) Charlie Chaplin http://www.youtube.com/watch?v=XFXg7nEa7vQ Metropolis (1926-1927) Fritz Lang http://www.youtube.com/watch?v=h0AlrH_K7Ko
  3. 3. Arts & Crafts• Movimento estético e social inglês da 2ª metade do século XIX• Artesanato X Produção em massa• Tem como missão solucionar os males da Revolução Industrial.• Levar cultura a todos e melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores• Influência da Irmandade Pré – Rafaelita
  4. 4. Augustus Pugin (1812 – 1852)• Arquiteto, designer e escritor londrino• Medievalista• Valorização do mestre artesão• Guildas medievais
  5. 5. Pugin auxiliou Sir Charles Barry na reconstrução doPalácio de Westminster, tendo sido responsável por Propõe regresso ao estilo gótico, por expressargrande parte da sua decoração interior. melhor a espiritualidade cristã.
  6. 6. John Ruskin (1819 – 1900)• Escritor, poeta e desenhista• Critica a arte e a sociedade, relacionando esteticismo e reforma social “Arte feita pelo povo e para o povo.”• Defesa da arte decorativa, beleza como materialização do bem
  7. 7. “Stone Pines in Sestri” 1845 “Kingfisher” 1870
  8. 8. William Morris (1834 – 1896)• Pintor e escritor, foi o principal líder do Arts & Crafts• Socialista – associa Ruskin a Marx• Transformação do operário em artista• Fundou a Morris, Marshall, Faulkner & Co• http://www.william-morris.co.uk/
  9. 9. Arts & Crafts Exhibition Society (1888) Ilustração para A bela e a fera, 1874Walter Crane (1845 – 1915)
  10. 10. Charles Robert Ashbee (1863 – 1942)
  11. 11. Charles F. Annesley Voysey (1857 – 1941) William Richard Lethaby (1857 – 1931)
  12. 12. Princípios do Arts & Crafts • Complexidade Qualidade: matéria prima nobre no ornamento Função: praticidade do objeto Design: beleza e harmonia • Acabamento Técnica: processo unificado de produção, viabilizando artesanal condições dignas de trabalhoCONTRADIÇÃO: ideais socialistas e alto custo dos objetos produzidos
  13. 13. Art Nouveau• 1890 – Arts & Crafts se associa ao Art Nouveau, espalhando-se pela Europa• Geração que nasceu no mundo já industrializado• Apropriação dos conceitos e materiais da produção em série• Arte e indústria intimamente relacionadas: aceitava a máquina, mas a ARTS & CRAFTS x ART NOVEAU vestia de adornos floridos Idealismo x Positivismo para naturalizá-la.
  14. 14. Emile Gallé (1846 – 1904)
  15. 15. Louis Comfort Tiffany (1848 – 1933)
  16. 16. Jan Toorop (1858 – 1928) As Três Noivas – 1893 Pintura a óleoPôster em litografia - 1894
  17. 17. Belle Époque• Época de grande otimismo em relação ao futuro da civilização, porém restrita às ruas de bairros ricos e ao consumo da burguesia ascendente.• Intensa publicidade e propaganda da vida noturna, boêmia, artística e consumista das metrópoles.
  18. 18. Henri de Toulouse-Lautrec (1864 –1901)
  19. 19. • Formas mais atrevidas e sensuais• Distanciamento do Realismo e do Naturalismo• Idealização da mulher e erotismo• Frequente utilização de motivos icônicos e estilísticos derivados da arte japonesa
  20. 20. Alphonse Mucha (1860 -1939)
  21. 21. Aubrey Beardsley (1872 – 1898)“O banheiro de Salomé” 1894 “Duas mulheres atenienses angustiadas” – sem data
  22. 22. Gustav Klimt (1862 – 1918) “Adão e Eva” 1917 -18“O beijo” 1907 -8
  23. 23. “Danae” 1907-8
  24. 24. Victor Horta (1861 -1947)
  25. 25. Antoni Gaudí (1852 – 1926)
  26. 26. Lluís Domènech i Montaner (1850 – 1923)
  27. 27. A virada do Século • Crise econômica na Europa, utopia burguesa torna-se insustentável • Primeira Guerra Mundial • Desenvolvimento da tecnologia contribui para aprimoramento de máquinas de guerra
  28. 28. Art Deco Movimento estéticocentraliza-se nos EstadosUnidos, derivando no estilodecorativo e cosmopolita ArtDeco Preferência por linhasretas, geométricas e elegantes
  29. 29. • Mulher moderna• Sensualidadevinculada aos objetosde consumo e aoestilo de vida• Idealizaçãomaterialista
  30. 30. Bauhaus• Walter Gropius (1883 – 1969)• Fortalecimento do design – “fazer artístico” contra a produtividade anônima de objetos• Defesa da complementaridade das diferentes artes sob a égide do design e da arquitetura
  31. 31. Bibliografia• BURDEK, Bernhard E. Diseño: Historia, teoría y práctica del diseño industrial. Barcelona: Gustavo Gili, 1994.• ARGAN, Giulio Carlo. Historia da Arte Moderna, do Iluminismo aos Movimentos Contemporâneos Companhia das Letras, São Paulo, 1992.• ECO, Umberto. História de la Belleza. Barcelona: Editora Lumen. 2007.

×