Revisão 4 regência

2.840 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.840
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Revisão 4 regência

  1. 1. REVISÃO 4 - Regência
  2. 2. O que é regência?É a relação dedependênciaentre um verboou um nome eseus respectivoscomplementos.(Paschoalini & Spadoto. Gramática: teoria e exercícios. p.365)
  3. 3. Termo regentetermo que pede ocomplementoVerbo ou nomeTermo regidoComplemento exigidoPreposição ou objeto
  4. 4. “Trata dos casos em que o termoregente é um verbo.Conhecer a regência de um verboconsiste em identificar suatransitividade, e quando ele exigepreposição, empregá-lacorretamente.”(Paschoalini & Spadoto. Gramática: teoria e exercícios. p.365)
  5. 5. Quem prefere,prefere alguma coisa “a” outra.A frase ficaria correta desta forma:“Prefiro cinema a teatro”.Observe:Prefiro cinema do que teatroNaããããããooooo!!!!
  6. 6. Fulano namora alguém, não com alguém;Fulano prefere algo a algo, não algo do quealgo;Fulano assiste alguém, mas ele pode, também,assistir a um filme, a uma plateia.Evite os equívocos na linguagem coloquial
  7. 7. Observe a regência dos verbos LEMBRAR-SE x LEMBRAR
  8. 8. 1.Observe o emprego do verbo esquecer na fala do Calvin, no primeiro e no segundo quadrinho:qual a particularidade pode ser observada, em relação à regência desse verbo ?Comente.2. Como podem se entendidas, no contexto, as expressões:a. “mas aqui vai um abraço de tigre...”b. “você está espremendo minhas lágrimas pra fora...”
  9. 9. “Trata da relação que se estabeleceentre um nome( substantivo, adjetivo ou advérbio)e seu complemento (…), isto é, ocomplemento nominal.”(Paschoalini & Spadoto. Gramática: teoria e exercícios. p. 378)
  10. 10. aacessível, adequado, alheio, análogo, apto, avesso, benéfico, cego, conforme, desatento,desfavorável, desleal, equivalente, fiel, grato, guerra, hostil, idêntico, inerente, nocivo,obediente, odioso, oposto, peculiar, pernicioso, próximo (de), superior, surdo (de), visivel.deamante, amigo, ansioso, ávido, capaz, cobiçoso, comum, contemporâneo, curioso, devoto,diferente, digne, dotado, duro, estreito, fértil, fraco, inocente, menor, natural, nobre, orgulhoso,pálido, passível, pobre, pródigo (em), temeroso, vazio, vizinho.comafável, amoroso, aparentado, compatível, conforme, cruel, cuidadoso, descontente, furioso(de), ingrato, liberal, misericordioso, orgulhoso, parecido (a), rente (a, de).contra desrespeito, manifestação, queixa.emconstante, cúmplice, diligente, entendido, erudito, exato, fecundo, fértil, fraco, forte, hábil,indeciso, lento, morador, perito, sábio, sito, último (de, a), único.entre convênio, união.para apto, bom, essencial, incapaz, inútil, pronto (em), útilpara com afável, amoroso, capaz, cruel, intolerante, orgulhosopor ansioso, querido (de), responsável, respeito (a, de)sobre dúvida, influência, triunfo.“Na Regência Nominal, não há tantos desencontros entre a norma culta e a falapopular. Por isso, pode-se confiar na intuição. A seguir um quadro com algunsnomes e suas regências mais comuns”(CEREJA, W. Gramática Reflexiva. Texto, semântica e interação).
  11. 11. a nível deà medida em queao mesmo tempo queem queapesar quede modo aa longo prazoem vias deao ponto dede vez queInadequadoem nível dena medida em queao mesmo tempoapesar de quede modo queem longo prazoem via dea ponto deuma vez que / portantoAdequado
  12. 12. estar de (greve)namorar comarrasar comrepetir de (ano)Inadequado estar em (greve)namorar øarrasar ørepetir øAdequadoExemplos:Suzana continuava a dizer que namorava com Mário. [Inadequado]Suzana continuava a dizer que namorava Mário. [Adequado]Meus pais não suportariam se eu repetisse de ano! [Inadequado]Meus pais não suportariam se eu repetisse o ano! [Adequado]
  13. 13. O pronome “ lhe”“Para a gramática normativa, o pronome "lhe" não deve ser empregado comverbos que não pedem a preposição "a".Com o verbo "dizer", que pede a preposição "a" (dizer a alguém), tudo bem:"Você foi lá? O que ele lhe disse?".( o que ele disse a você?)Mas com "admirar", "procurar", "abraçar", que não pedem a preposição "a"(admirar Ø alguém, procurar Ø alguém, abraçar Ø alguém),nem pensar em "lhe" na língua culta:"Todos admiram vocêTodos o admiram";"Todos procuram vocêTodos o procuram";"Ela abraçou vocêEla o abraçou".
  14. 14. A crase e as preposiçõesA crase não deve ser empregada junto a algumas preposições.Dois casos, no entanto, devem ser observados quanto ao emprego da crase.Trata-se das preposições "a" e "até" empregadas antes de palavra feminina.Essas únicas exceções se devem ao fato de ambas indicarem, além de outras, anoção de movimento. Por isso, com relação à preposição "a" torna-se obrigatórioo emprego da crase, já que haverá a fusão entre a preposição "a" e o artigo "a"(ou a simples possibilidade de emprego desse artigo). Já a preposição "até"admitirá a crase somente se a idéia expressa apontar para movimento.Exemplos:A entrada será permitida mediante à entrega da passagem. [Inadequado]A entrada será permitida mediante a entrega da passagem. [Adequado]Desde à assembléia os operários clamavam por greve. [Inadequado]Desde a assembléia os operários clamavam por greve. [Adequado]Os médicos eram chamados a sala de cirurgia. [Inadequado]Os médicos eram chamados à sala de cirurgia. [Adequado]
  15. 15. Exercícios
  16. 16. 1. (IBGE) Assinale a opção que apresenta a regência verbal incorreta, deacordo com a norma culta da língua:a) Os sertanejos aspiram a uma vida mais confortável.b) Obedeceu rigorosamente ao horário de trabalho do corte de cana.c) O rapaz presenciou o trabalho dos canavieiros.d) O fazendeiro agrediu-lhe sem necessidade.e) Ao assinar o contrato, o usineiro visou, apenas, ao lucro pretendido.2. (IBGE) Assinale a opção que contém os pronomes relativos, regidos ou não depreposição, que completam corretamente as frase abaixo: Os naviosnegreiros, ....... donos eram traficantes, foram revistados. Ninguém conhecia otraficante ....... o fazendeiro negociava.a) nos quais / queb) cujos / com quemc) que / cujod) de cujos / com queme) cujos / de quem
  17. 17. 3. (IBGE) Assinale a opção em que as duas frases se completamcorretamente com o pronome lhe:a) Não ..... amo mais. / O filho não ..... obedecia.b) Espero-..... há anos. / Eu já ..... conheço bem.c) Nós ..... queremos muito bem. / Nunca ..... perdoarei, João.d) Ainda não ..... encontrei trabalhando, rapaz. / Desejou-..... felicidades.e) Sempre ..... vejo no mesmo lugar. / Chamou-..... de tolo.4. (IBGE) Assinale a opção em que todos os adjetivos devem ser seguidos pelamesma preposição:a) ávido / bom / inconsequenteb) indigno / odioso / peritoc) leal / limpo / onerosod) orgulhoso / rico / sedentoe) oposto / pálido / sábio5. (UF-FLUMINENSE) Assinale a frase em que está usado indevidamente umdos pronomes seguintes: o, lhe.a) Não lhe agrada semelhante providência?b) A resposta do professor não o satisfez.c) Ajudá-lo-ei a preparar as aulas.d) O poeta assistiu-a nas horas amargas, com extrema dedicação.e) Vou visitar-lhe na próxima semana.
  18. 18. 6. (BB) Regência imprópria:a) Não o via desde o ano passado.b) Fomos à cidade pela manhã.c) Informou ao cliente que o aviso chegara.d) Respondeu à carta no mesmo dia.e) Avisamos-lhe de que o cheque foi pago.7. (BB) Alternativa correta:a) Precisei de que fosses comigo.b) Avisei-lhe da mudança de horário.c) Imcumbiu-me para realizar o negócio. erros cometidos.d) Recusei-me em fazer os exames.e) Convenceu-se nos
  19. 19. 8. (EPCAR) O que devidamente empregado só não seria regido depreposição na opção:a) O cargo ....... aspiro depende de concurso.b) Eis a razão ....... não comparecic) Rui é o orador ....... mais admiro. .d) O jovem ....... te referiste foi reprovado.e) Ali está o abrigo ....... necessitamos.9. (UNIFIC) Os encargos ....... nos obrigaram são aqueles ....... o diretor sereferia.a) de que – queb) a cujos – cujosc) por que - qued) cujos - cujoe) a que - a que
  20. 20. 10. (FTM-ARACAJU) As mulheres da noite ....... o poeta faz alusão ajudam acolorir Aracaju, ....... coração bate de noite, no silêncio.A alternativa que completa corretamente as lacunas da frase acima é:a) as quais / de cujob) a que / no qualc) de que / o quald) às quais / cujoe) que /em cujo11. (SANTA CASA) É tal a simplicidade ....... se reveste a redação dessedocumento, que ele não comporta as formalidades ....... demais.a) que - osb) de que - aosc) com que - para osd) em que - nose) a que - dos
  21. 21. 12. (PUC-RS) Diferentes são os tratamentos ....... se pode submeter o textoliterário. Sempre se deve aspirar, no entanto, ....... objetividade científica,fugindo ....... subjetivismo.a) à que, a, do d) a que, a, dob) que, a, ao e) a que, à, aoc) à que, à, ao13. (PUC-RS) Alguns demonstram verdadeira aversão ..... exames, porquenunca se empenharam o suficiente ..... utilização do tempo ..... dispunhampara o estudo.a) com - pela - de que d) com - na - queb) por - com - que e) a - na - de quec) a - na - que
  22. 22. 14. (BB) "Ele não ..... viu". não cabe na frase:a) nos d) teb) lhe e) oc) me15. (BB) Emprego indevido de o:a) O irmão o abraçou. d) O irmão o obedeceu.b) O irmão o encontrou. e) O irmão o ouviu.c) O irmão o atendeu.
  23. 23. 16. (UF-RS) Isso ..... autorizava ..... tomar a iniciativa.a) o - à d) o - ab) lhe – de e) lhe - ac) o - de17. (CESESP-PE) "... trepado numa rede afavelada cujas varandasserviam-lhe de divisórias do casebre". Em qual das alternativas o uso decujo não está conforme a norma culta?a) Tenho um amigo cujos filhos vivem na Europa.b) Rico é o livro cujas páginas há lições de vida.c) Naquela sociedade, havia um mito cuja memória não se apagava.d) Eis o poeta cujo valor exaltamos.e) Afirmam-se muitos fatos de cuja veracidade se deve desconfiar.
  24. 24. 18. (CESGRANRIO) Assinale a opção cuja lacuna não pode ser preenchida pelapreposição entre parênteses:a) uma companheira desta, ..... cuja figura os mais velhos se comoviam. (com)b)uma companheira desta, ..... cuja figura já nos referimos anteriormente. (a)c) uma companheira desta, ..... cuja figura havia um ar de grande dama decadente. (em)d) uma companheira desta, ..... cuja figura andara todo o regimento apaixonado. (por)e) uma companheira desta, ..... cuja figura as crianças se assustavam. (de)19. (UF-PR) Assinale a alternativa que substitui corretamente as palavrassublinhadas:1. Assistimos à inauguração da piscina.2. O governo assiste os flagelados.3. Ele aspirava a uma posição de maior destaque.4. Ele aspirava o aroma das flores.5. O aluno obedece aos mestres.a) lhe, os, a ela, a ele, lhesb) a ela, os, a ela, o, lhec) a ela, os, a, a ele, osd) a ela, a eles, lhe, lhe, lhese) lhe, a eles, a ela, o, lhes
  25. 25. 20. (CESGRANRIO) Assinale a opção que completa corretamente as lacunasda seguinte frase: Toda comunidade, ..... aspirações e necessidades devemvincular-se os temas da pesquisa científica, possui uma cultura própria, .....precisa ser preservada.a) cujas / de queb) a cujas / quec) cujas / pela quald) cuja / quee) a cujas / de que21. (FUVEST) Assinale a alternativa gramaticalmente correta:a) Não tenham dúvidas que ele vencerá.b) O escravo ama e obedece o seu senhor.c) Prefiro estudar do que trabalhar.d) O livro que te referes é célebre.e) Se lhe disserem que não o respeito, enganam-no.
  26. 26. 22. (UF-UBERLÂNDIA) Assinale o período em que foi empregado o pronomerelativo inadequado:a) O livro a que eu me refiro é Tarde da Noite.b) Ele é uma pessoa de cuja honestidade ninguém duvida.c) O livro em cujos dados nos apoiamos é este.d) A pessoa perante a qual comparecemos foi muito agradável.e) O moço de cujo lhe falei ontem é este.
  27. 27. Fontes:CEREJA, W. Roberto. Gramática Reflexiva. Texto,semântica e interação.PASCHOALIN & SPADOTO. Gramática: Teoria e exercícios. Edição Renovada. FTD. São Paulo,2008.http://educador.brasilescola.com/estrategias-ensino/ensino-regencia-verbal-um-novo-olhar.htmhttp://www.docstoc.com/docs/105073567/EXERC%EF%BF%BDCIOS-%EF%BF%BD-REG%EF%BF%BDNCIA-NOMINAL-E-VERBAL-E-CRASEPesquisa e organizaçãoProfa. Cláudia Heloísa Cunha AndriaGraduada em Letras – UnisantosContato: clauheloisa@yahoo.com.br

×