SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 18
turma D- Direito
Profa. Cláudia Heloísa C. Andria
No meio acadêmico os alunos são constantemente
solicitados a ler e escrever diversos tipos de textos
relacionados a pesquisa e resultados de estudos.
Tais textos têm estruturas específicas e o primeiro
contato dos estudantes com estas especificidades pode
apresentar alguma dificuldade.
Justificativa do projeto
O objetivo, nesse curso, é facilitar aos nossos
estudantes a produção desses tipos de textos.
As Diretrizes Curriculares Nacionais dos Cursos de Graduação em Direito,
expressas no Parecer CNE/CES nº 55, de 18 de fevereiro de 2002, buscam
assegurar a sólida formação geral e humanística dos graduandos nesta área.
Isso inclui capacidade de análise, adequada argumentação, interpretação e
valorização dos fenômenos jurídicos e sociais. Entre os itens que
caracterizam o perfil desejado dos profissionais em formação, destacam-se as
competências em leitura, compreensão e elaboração de textos, atos e
documentos jurídicos ou normativos, o que exige do estudante o domínio do
padrão culto da língua portuguesa, via de regra adquirido na escola, na
universidade ou em situações formais de comunicação.
Objetivo do curso
Ler e escrever na Universidade
Os textos chamados “acadêmicos” exigem do leitor
conhecimentos sobre seus aspectos notacionais e
discursivos.
“Num texto podemos distinguir o conteúdo (ideias, estrutura argumentativa,
etc.) da forma (linguagem, disposição dos elementos, etc.). Embora a qualidade
de um texto acadêmico dependa fundamentalmente de seu conteúdo, esse
conteúdo não poderá ser devidamente compreendido e examinado se a forma
que o reveste for deficiente. Assim é que os autores mais representativos de
qualquer área da atividade acadêmica sempre primaram também pela
excelência dos textos em que registraram sua produção.”
(CHIBENI, Sílvio Seno)
O que é um texto?
“ Um texto é uma ocorrência linguística, escrita
ou falada de qualquer extensão, dotada de
unidade sociocomunicativa, semântica e formal.
É uma unidade de linguagem em uso.”
(COSTA VAL, 1991.)
Aspectos notacionais
Aspectos discursivos
Comunicação
É o processo de interação em que se transmitem ideias de
um interlocutor a outro, por meio de símbolos e códigos.
“No Brasil de hj, digo, hoje, tem muita gente que se orgulha da
própria ignorância e acha que maltratar a língua portuguesa é
uma virtude. Não é. Tenha a ousadia de se destacar da média.
Quem pensa bem se expressa bem. Quem se expressa bem
escreve bem. Pense.”
Edson Aran
Edson Aran é o escritor de
Delacroix Escapa das Chamas
Reflexão
Houve comunicação no texto acima?
Elementos de comunicação
UTILIZA A
LINGUAGEM
ADEQUADA AO
LEITOR
RESPEITA O
CONHECIMENTO
PRÉVIO DO
LEITOR
TRANSMITE
INFORMAÇÕES
NA DOSE
CERTA
PARTE DE UM
PLANEJAMENTO
PROJETA A
IMAGEM CERTA
Proposta de análise
Qual é a mensagem do texto?
Qual é o assunto do texto?
A quem se destina o texto?
Onde circularia esse texto?
Qual a intenção do texto?
Projeta a imagem certa?
Parte de um planejamento?
Utiliza a linguagem adequada ao leitor?
Respeita o conhecimento prévio do leitor?
Transmite informação na dose certa?
O texto é uma propaganda de um adoçante que
tem o seguinte mote: “Mude sua embalagem”.
A estratégia que o autor utiliza para o
convencimento do leitor baseia-se no emprego
de recursos expressivos, verbais e não verbais,
com vistas a:
a) ridicularizar a forma física do possível cliente
do produto anunciado, aconselhando-o a uma
busca de mudanças estéticas.
b) enfatizar a tendência da sociedade
contemporânea de buscar hábitos alimentares
saudáveis, reforçando tal postura.
c) criticar o consumo excessivo de produtos
industrializados por parte da população,
propondo a redução desse consumo.
d) associar o vocábulo “açúcar” à imagem do
corpo fora de forma, sugerindo a substituição
desse produto pelo adoçante.
e) relacionar a imagem do saco de açúcar a um
corpo humano que não desenvolve atividades
físicas, incentivando a prática esportiva
ENEM 2011
O texto é uma propaganda de um adoçante que
tem o seguinte mote: “Mude sua embalagem”.
A estratégia que o autor utiliza para o
convencimento do leitor baseia-se no emprego
de recursos expressivos, verbais e não verbais,
com vistas a:
a) ridicularizar a forma física do possível cliente
do produto anunciado, aconselhando-o a uma
busca de mudanças estéticas.
b) enfatizar a tendência da sociedade
contemporânea de buscar hábitos alimentares
saudáveis, reforçando tal postura.
c) criticar o consumo excessivo de produtos
industrializados por parte da população,
propondo a redução desse consumo.
d) associar o vocábulo “açúcar” à imagem do
corpo fora de forma, sugerindo a substituição
desse produto pelo adoçante.
e) relacionar a imagem do saco de açúcar a um
corpo humano que não desenvolve atividades
físicas, incentivando a prática esportiva
ENEM 2011
Você projeta a imagem certa?
Acesse: http://www.youtube.com/watch?v=VdIhejX6imc&feature=player_embedded
“Entrevista com o
estagiário”.
Concepção e texto:
Murilo Gun.
Fontes
• ABREU, Antônio Suárez. Curso de redação. 12ª ed.São Paulo: Ática, 2004.
• ABREU, Antônio Suárez. A arte de argumentar: gerenciando razão e emoção. São Paulo: Ateliê Editorial, 2003.
• CHIBENI, Sílvio Seno. O texto academico. Disponível em
http://www.unicamp.br/~chibeni/textosdidaticos/textoacademico.pdf
• COSTA VAL, M. da Graça. Redação e textualidade. São Paulo, Martins Fontes, 1991.
• EMEDIATO, Wander,.“A fórmula do texto”. São Paulo: Geração Editorial, 2004.
• PUC, Manual de informações sobre o exame de proficiência em língua portuguesa .
• Ato Deliberatório 1/2011 - Procedimentos do Exame de Proficiência em Língua Portuguesa para alunos do Curso de
Bacharelado em Direito.
• http://gazetaonline.globo.com/_conteudo/2012/11/noticias/especiais/1376220-voce-sabe-como-nasce-uma-charge-
processo-de-criacao-demora-ate-24-horas.html
Organização e pesquisa
Profa. Cláudia Heloísa Cunha Andria
Contato: clauheloisa@yahoo.com.br

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Ler e escrever textos acadêmicos

Apresentação..PPP(1)Slides
Apresentação..PPP(1)SlidesApresentação..PPP(1)Slides
Apresentação..PPP(1)Slideselianys
 
7) Resultados esperados.
7) Resultados esperados. 7) Resultados esperados.
7) Resultados esperados. Unicesumar
 
BNCC e formação docente
BNCC e formação docenteBNCC e formação docente
BNCC e formação docenteÂngela Albino
 
2) Introdução.
2) Introdução. 2) Introdução.
2) Introdução. Unicesumar
 
8) Referências.
8) Referências. 8) Referências.
8) Referências. Unicesumar
 
6) Cronograma.
6) Cronograma. 6) Cronograma.
6) Cronograma. Unicesumar
 
2) Introdução.
2) Introdução. 2) Introdução.
2) Introdução. Unicesumar
 
6) Cronograma.
6) Cronograma. 6) Cronograma.
6) Cronograma. Unicesumar
 
Formação 2 ciclo alfabetização
Formação 2 ciclo alfabetização Formação 2 ciclo alfabetização
Formação 2 ciclo alfabetização weleslima
 
Formação 2 ciclo alfabetização
Formação 2 ciclo alfabetização Formação 2 ciclo alfabetização
Formação 2 ciclo alfabetização weleslima
 
Análise crítica do discurso
Análise crítica do discursoAnálise crítica do discurso
Análise crítica do discursoAlessandra Rufino
 

Semelhante a Ler e escrever textos acadêmicos (16)

Apresentação..PPP(1)Slides
Apresentação..PPP(1)SlidesApresentação..PPP(1)Slides
Apresentação..PPP(1)Slides
 
7) Resultados esperados.
7) Resultados esperados. 7) Resultados esperados.
7) Resultados esperados.
 
BNCC e formação docente
BNCC e formação docenteBNCC e formação docente
BNCC e formação docente
 
Projeto "Atreve-te"
Projeto "Atreve-te"Projeto "Atreve-te"
Projeto "Atreve-te"
 
2) Introdução.
2) Introdução. 2) Introdução.
2) Introdução.
 
8) Referências.
8) Referências. 8) Referências.
8) Referências.
 
6) Cronograma.
6) Cronograma. 6) Cronograma.
6) Cronograma.
 
2) Introdução.
2) Introdução. 2) Introdução.
2) Introdução.
 
6) Cronograma.
6) Cronograma. 6) Cronograma.
6) Cronograma.
 
Prime - Escrita
Prime - EscritaPrime - Escrita
Prime - Escrita
 
Formação 2 ciclo alfabetização
Formação 2 ciclo alfabetização Formação 2 ciclo alfabetização
Formação 2 ciclo alfabetização
 
Formação 2 ciclo alfabetização
Formação 2 ciclo alfabetização Formação 2 ciclo alfabetização
Formação 2 ciclo alfabetização
 
Metodologia do artigo científico
Metodologia do artigo científicoMetodologia do artigo científico
Metodologia do artigo científico
 
Metodologia do artigo científico
Metodologia do artigo científicoMetodologia do artigo científico
Metodologia do artigo científico
 
Análise crítica do discurso
Análise crítica do discursoAnálise crítica do discurso
Análise crítica do discurso
 
BNCC
BNCCBNCC
BNCC
 

Mais de Cláudia Heloísa (20)

Dom Casmurro
Dom CasmurroDom Casmurro
Dom Casmurro
 
Quincas Borba
Quincas BorbaQuincas Borba
Quincas Borba
 
Angústia, de Graciliano Ramos
Angústia, de Graciliano RamosAngústia, de Graciliano Ramos
Angústia, de Graciliano Ramos
 
A relíquia - Eça de Queirós
A relíquia - Eça de QueirósA relíquia - Eça de Queirós
A relíquia - Eça de Queirós
 
Enem 2018 informações
Enem 2018 informaçõesEnem 2018 informações
Enem 2018 informações
 
Mayombe
MayombeMayombe
Mayombe
 
Minha vida de menina - Helena Morley
Minha vida de menina - Helena MorleyMinha vida de menina - Helena Morley
Minha vida de menina - Helena Morley
 
Iracema - José de Alencar
Iracema - José de AlencarIracema - José de Alencar
Iracema - José de Alencar
 
Variedades linguísticas- exercício
Variedades linguísticas-  exercícioVariedades linguísticas-  exercício
Variedades linguísticas- exercício
 
Aula 11 2016 problemas notacionais
Aula 11 2016 problemas notacionaisAula 11 2016 problemas notacionais
Aula 11 2016 problemas notacionais
 
Aula 8 texto e discurso
Aula 8 texto e discursoAula 8 texto e discurso
Aula 8 texto e discurso
 
Piva aula 7 2016
Piva aula 7  2016Piva aula 7  2016
Piva aula 7 2016
 
Aula 4
Aula 4 Aula 4
Aula 4
 
Aula 5 2016
Aula 5 2016Aula 5 2016
Aula 5 2016
 
PIVA- Aula 3 lógica
PIVA- Aula 3 lógicaPIVA- Aula 3 lógica
PIVA- Aula 3 lógica
 
PIVA -Aula2 2016
PIVA -Aula2 2016 PIVA -Aula2 2016
PIVA -Aula2 2016
 
Revisao enem carmo 2015_aula 7
Revisao enem carmo 2015_aula 7Revisao enem carmo 2015_aula 7
Revisao enem carmo 2015_aula 7
 
Funções de linguagem exercicios
Funções de linguagem exercicios Funções de linguagem exercicios
Funções de linguagem exercicios
 
Álvares de Azevedo
Álvares de AzevedoÁlvares de Azevedo
Álvares de Azevedo
 
Romantismo 2a geracao
Romantismo 2a geracaoRomantismo 2a geracao
Romantismo 2a geracao
 

Último

Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPanandatss1
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasCassio Meira Jr.
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfIedaGoethe
 
Época Realista y la obra de Madame Bovary.
Época Realista y la obra de Madame Bovary.Época Realista y la obra de Madame Bovary.
Época Realista y la obra de Madame Bovary.keislayyovera123
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfEditoraEnovus
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Centro Jacques Delors
 
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasHabilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasCassio Meira Jr.
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOColégio Santa Teresinha
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveaulasgege
 
Regência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdfRegência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdfmirandadudu08
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfO Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfPastor Robson Colaço
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfUFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfManuais Formação
 
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)Mary Alvarenga
 

Último (20)

Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SP
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
 
Época Realista y la obra de Madame Bovary.
Época Realista y la obra de Madame Bovary.Época Realista y la obra de Madame Bovary.
Época Realista y la obra de Madame Bovary.
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
 
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasHabilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
 
Regência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdfRegência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdf
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
 
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
 
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfO Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
 
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfUFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
 
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA -
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA      -XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA      -
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA -
 
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)
 

Ler e escrever textos acadêmicos

  • 1. turma D- Direito Profa. Cláudia Heloísa C. Andria
  • 2. No meio acadêmico os alunos são constantemente solicitados a ler e escrever diversos tipos de textos relacionados a pesquisa e resultados de estudos. Tais textos têm estruturas específicas e o primeiro contato dos estudantes com estas especificidades pode apresentar alguma dificuldade. Justificativa do projeto
  • 3. O objetivo, nesse curso, é facilitar aos nossos estudantes a produção desses tipos de textos. As Diretrizes Curriculares Nacionais dos Cursos de Graduação em Direito, expressas no Parecer CNE/CES nº 55, de 18 de fevereiro de 2002, buscam assegurar a sólida formação geral e humanística dos graduandos nesta área. Isso inclui capacidade de análise, adequada argumentação, interpretação e valorização dos fenômenos jurídicos e sociais. Entre os itens que caracterizam o perfil desejado dos profissionais em formação, destacam-se as competências em leitura, compreensão e elaboração de textos, atos e documentos jurídicos ou normativos, o que exige do estudante o domínio do padrão culto da língua portuguesa, via de regra adquirido na escola, na universidade ou em situações formais de comunicação. Objetivo do curso
  • 4. Ler e escrever na Universidade Os textos chamados “acadêmicos” exigem do leitor conhecimentos sobre seus aspectos notacionais e discursivos. “Num texto podemos distinguir o conteúdo (ideias, estrutura argumentativa, etc.) da forma (linguagem, disposição dos elementos, etc.). Embora a qualidade de um texto acadêmico dependa fundamentalmente de seu conteúdo, esse conteúdo não poderá ser devidamente compreendido e examinado se a forma que o reveste for deficiente. Assim é que os autores mais representativos de qualquer área da atividade acadêmica sempre primaram também pela excelência dos textos em que registraram sua produção.” (CHIBENI, Sílvio Seno)
  • 5. O que é um texto? “ Um texto é uma ocorrência linguística, escrita ou falada de qualquer extensão, dotada de unidade sociocomunicativa, semântica e formal. É uma unidade de linguagem em uso.” (COSTA VAL, 1991.)
  • 8. Comunicação É o processo de interação em que se transmitem ideias de um interlocutor a outro, por meio de símbolos e códigos.
  • 9. “No Brasil de hj, digo, hoje, tem muita gente que se orgulha da própria ignorância e acha que maltratar a língua portuguesa é uma virtude. Não é. Tenha a ousadia de se destacar da média. Quem pensa bem se expressa bem. Quem se expressa bem escreve bem. Pense.” Edson Aran Edson Aran é o escritor de Delacroix Escapa das Chamas Reflexão
  • 10. Houve comunicação no texto acima?
  • 12. UTILIZA A LINGUAGEM ADEQUADA AO LEITOR RESPEITA O CONHECIMENTO PRÉVIO DO LEITOR TRANSMITE INFORMAÇÕES NA DOSE CERTA PARTE DE UM PLANEJAMENTO PROJETA A IMAGEM CERTA
  • 14. Qual é a mensagem do texto? Qual é o assunto do texto? A quem se destina o texto? Onde circularia esse texto? Qual a intenção do texto? Projeta a imagem certa? Parte de um planejamento? Utiliza a linguagem adequada ao leitor? Respeita o conhecimento prévio do leitor? Transmite informação na dose certa?
  • 15. O texto é uma propaganda de um adoçante que tem o seguinte mote: “Mude sua embalagem”. A estratégia que o autor utiliza para o convencimento do leitor baseia-se no emprego de recursos expressivos, verbais e não verbais, com vistas a: a) ridicularizar a forma física do possível cliente do produto anunciado, aconselhando-o a uma busca de mudanças estéticas. b) enfatizar a tendência da sociedade contemporânea de buscar hábitos alimentares saudáveis, reforçando tal postura. c) criticar o consumo excessivo de produtos industrializados por parte da população, propondo a redução desse consumo. d) associar o vocábulo “açúcar” à imagem do corpo fora de forma, sugerindo a substituição desse produto pelo adoçante. e) relacionar a imagem do saco de açúcar a um corpo humano que não desenvolve atividades físicas, incentivando a prática esportiva ENEM 2011
  • 16. O texto é uma propaganda de um adoçante que tem o seguinte mote: “Mude sua embalagem”. A estratégia que o autor utiliza para o convencimento do leitor baseia-se no emprego de recursos expressivos, verbais e não verbais, com vistas a: a) ridicularizar a forma física do possível cliente do produto anunciado, aconselhando-o a uma busca de mudanças estéticas. b) enfatizar a tendência da sociedade contemporânea de buscar hábitos alimentares saudáveis, reforçando tal postura. c) criticar o consumo excessivo de produtos industrializados por parte da população, propondo a redução desse consumo. d) associar o vocábulo “açúcar” à imagem do corpo fora de forma, sugerindo a substituição desse produto pelo adoçante. e) relacionar a imagem do saco de açúcar a um corpo humano que não desenvolve atividades físicas, incentivando a prática esportiva ENEM 2011
  • 17. Você projeta a imagem certa? Acesse: http://www.youtube.com/watch?v=VdIhejX6imc&feature=player_embedded “Entrevista com o estagiário”. Concepção e texto: Murilo Gun.
  • 18. Fontes • ABREU, Antônio Suárez. Curso de redação. 12ª ed.São Paulo: Ática, 2004. • ABREU, Antônio Suárez. A arte de argumentar: gerenciando razão e emoção. São Paulo: Ateliê Editorial, 2003. • CHIBENI, Sílvio Seno. O texto academico. Disponível em http://www.unicamp.br/~chibeni/textosdidaticos/textoacademico.pdf • COSTA VAL, M. da Graça. Redação e textualidade. São Paulo, Martins Fontes, 1991. • EMEDIATO, Wander,.“A fórmula do texto”. São Paulo: Geração Editorial, 2004. • PUC, Manual de informações sobre o exame de proficiência em língua portuguesa . • Ato Deliberatório 1/2011 - Procedimentos do Exame de Proficiência em Língua Portuguesa para alunos do Curso de Bacharelado em Direito. • http://gazetaonline.globo.com/_conteudo/2012/11/noticias/especiais/1376220-voce-sabe-como-nasce-uma-charge- processo-de-criacao-demora-ate-24-horas.html Organização e pesquisa Profa. Cláudia Heloísa Cunha Andria Contato: clauheloisa@yahoo.com.br