1/20
O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
PARIS 1861
2/20
Capítulo XX: Influência moral do médium
Capítulo XXI: Influência do meio
Capítulo XXII: Da mediunidade nos animais
Ca...
3/20
Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer
 Devemos ter o maior cuidado com a ...
4/20
Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer
 Alguns pensam que é preferível não...
5/20
Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer
Perguntas agradáveis ou desagradávei...
6/20
Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer
Perguntas agradáveis ou desagradávei...
7/20
Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer
Perguntas sobre o futuro
 Os Espíri...
8/20
Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer
Perguntas sobre o futuro
 Mas como ...
9/20
Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer
Perguntas sobre existências passadas...
10/20
Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer
Perguntas sobre existências passada...
11/20
Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer
Perguntas sobre a situação dos espí...
12/20
Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer
Perguntas sobre a saúde
 Os Espíri...
13/20
Cap. XXVII – Contradições e mistificaçõesCap. XXVII – Contradições e mistificações
CONTRADIÇÕES
As contradições em ...
14/20
Cap. XXVII – Contradições e mistificaçõesCap. XXVII – Contradições e mistificações
CONTRADIÇÕES
As contradições em ...
15/20
Cap. XXVII – Contradições e mistificaçõesCap. XXVII – Contradições e mistificações
MISTIFICAÇÕES
 As mistificações ...
16/20
Cap. XXVII – Contradições e mistificaçõesCap. XXVII – Contradições e mistificações
MISTIFICAÇÕES
 Desde que não vos...
17/20
Cap.XXVIII–Charlatanismo e prestidigitaçãoCap.XXVIII–Charlatanismo e prestidigitação
MEDIUNS INTERESSEIROS
 O desin...
18/20
Cap.XXVIII–Charlatanismo e prestidigitaçãoCap.XXVIII–Charlatanismo e prestidigitação
FRAUDES ESPÍRITAS
 Em todas as...
19/20
Capítulo XX: Influência moral do médium
Capítulo XXI: Influência do meio
Capítulo XXII: Da mediunidade nos animais
C...
20/20
O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
“A ignorância jamaisA ignorância jamais
imitará o verdadeiro saber,imitará o ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Olm 101027-perguntas que se podem fazer-mistificações e contradições-charlatanismo e prestidigitação

423 visualizações

Publicada em

Estudo do livro da codificação espirita em ppt " O LIVRO DOS MÉDIUNS

Publicada em: Espiritual
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
423
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
25
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Olm 101027-perguntas que se podem fazer-mistificações e contradições-charlatanismo e prestidigitação

  1. 1. 1/20 O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS PARIS 1861
  2. 2. 2/20 Capítulo XX: Influência moral do médium Capítulo XXI: Influência do meio Capítulo XXII: Da mediunidade nos animais Capítulo XXIII: Da obsessão Capítulo XXIV: Identidade dos espíritos Capítulo XXV: Das evocações Capítulo XXVI: Perguntas que se podem fazer Capítulo XXVII: Contradições e mistificações Capítulo XXVIII: Charlatanismo e prestidigitação Capítulo XXIX: Reuniões e sociedade Capítulo XXX: Regulamento Capítulo XXXI: Dissertações espíritas Sumário de “O livro dos médiuns”Sumário de “O livro dos médiuns” O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  3. 3. 3/20 Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer  Devemos ter o maior cuidado com a maneira de interpelar os Espíritos, assim como a natureza das perguntas. Duas coisas devemos considerar: a forma e o fundo. No tocante à forma, devemos buscar a clareza e precisão, evitando-se a complexidade.  Quanto ao fundo, há perguntas que os Espíritos não podem ou não devem responder, por motivos que desconhecemos. Inútil, portanto, insistir O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  4. 4. 4/20 Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer  Alguns pensam que é preferível não fazer perguntas, convindo esperar o ensinamento dos Espíritos, sem o provocar. Isso é um erro. As instruções espontâneas de elevado alcance não podemos desprezar, mas há explicações que teríamos de esperar por muito tempo se não solicitássemós.  E também, as perguntas ajudam a desmascarar os Espíritos mistificadores. O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  5. 5. 5/20 Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer Perguntas agradáveis ou desagradáveis  Os Espíritos respondem de boa vontade às perguntas que lhes fazemos? — Depende das perguntas. Os Espíritos sérios respondem com prazer às que objetivam o bem e os meios de vos fazer progredir. Não dão ouvidos às perguntas fúteis. O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  6. 6. 6/20 Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer Perguntas agradáveis ou desagradáveis  Todos os Espíritos estão aptos a compreender as perguntas que lhes fazem? — Longe disso. Os Espíritos inferiores são incapazes de responde a certas perguntas, o que não os impede de fazê-lo bem ou mal, com acontece entre vós. Observação: Um espírito mais esclarescido “soprar” uma resposta a um espírito ignorante, porém bem intencionado O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  7. 7. 7/20 Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer Perguntas sobre o futuro  Os Espíritos podem nos desvendar o futuro? — Se o homem conhecesse o futuro, negligenciaria o presente, esse um problema sobre o qual sempre insistis para obter resposta precisa. Trata-se de um grave erro, porque a manifestação dos Espíritos não é meio de adivinhação. Se insistirdes numa resposta ela vos será dada por um Espírito leviano. Temos dito isso a todo instante. O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  8. 8. 8/20 Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer Perguntas sobre o futuro  Mas como é que certas pessoas são avisadas por pressentimento da época da sua morte? — Na maioria das vezes é o próprio Espírito que o sabe nos seus momentos de liberdade e a pessoa conserva a intuição quando acordada. É por isso que essas pessoas, estando já preparadas, não se assustam nem se comovem. O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  9. 9. 9/20 Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer Perguntas sobre existências passadas ou futuras  Os Espíritos podem revelar-nos as existências passadas? — Deus, às vezes, permite que elas sejam reveladas, dependendo do objetivo. Se for para a vossa edificação e instrução as revelações serão verdadeiras e, nesse caso, quase sempre feitas espontaneamente e de maneira inteiramente imprevistas. Mas nunca Deus as permite para satisfazer à vã curiosidade. O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  10. 10. 10/20 Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer Perguntas sobre existências passadas ou futuras  “Muitas revelações têm sido publicadas, em livros e folhetos, sobre encarnação de pessoas vivas na atualidade. Certos médiuns se deixaram envaidecer com revelaçõesdesse tipo, que em nada condizem com sua situação presente, desviando-se do cumprimento humilde de sua missão mediúnica. Além disso, essas atitudes acarretam o descrédito da doutrina e lançam o ridículo sobre o princípio da reencarnação.” O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  11. 11. 11/20 Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer Perguntas sobre a situação dos espíritos  Podemos solicitar esclarecimentos aos Espíritos sobre a sua situação no mundo espiritual? — Sim, e eles respondem de boa vontade quando o pedido é ditado pela simpatia e pelo desejo de ser útil, e não pela curiosidade O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  12. 12. 12/20 Cap. XXVI – Perguntas que se podem fazerCap. XXVI – Perguntas que se podem fazer Perguntas sobre a saúde  Os Espíritos podem aconselhar sobre a saúde? — A saúde é condição necessária para o trabalho que devemos executar na Terra, e por isso os Espíritos se acupam dela de boa vontade. Mas como há ignorantes e sábios entre eles, nesse caso como em outros não convém dirigir-se ao primeiro que se manifeste. O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  13. 13. 13/20 Cap. XXVII – Contradições e mistificaçõesCap. XXVII – Contradições e mistificações CONTRADIÇÕES As contradições em geral são mais aparentes do que reais, que se referem mais à superfície do que ao fundo dos problemas, e que por isso mesmo não têm importância. Essas contradições procedem de duas fontes: os homens e os Espíritos.  As contradições de origem humana foram suficientemente explicadas no item Sistemas O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  14. 14. 14/20 Cap. XXVII – Contradições e mistificaçõesCap. XXVII – Contradições e mistificações CONTRADIÇÕES As contradições em ensinos dos espíritos se referem aos diferentes graus de progresso encontrados entre os desencarnados  Os Espíritos falam de acordo com a opinião dos que os escutam, procurando levá-los pouco a pouco à verdade. Não se deve tomar por uma contradição o que geralmente é apenas uma fase da elaboração da verdade. O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  15. 15. 15/20 Cap. XXVII – Contradições e mistificaçõesCap. XXVII – Contradições e mistificações MISTIFICAÇÕES  As mistificações são um dos escolhos mais desagradáveis da prática espírita. Haverá um meio de evitá-las? — Parece-me que podeis encontrar a resposta revendo o que Já vos foi ensinado. Sim, é claro, há para isso um meio muito simples, que é o de não pedir ao Espiritismo nada mais do que ele pode e deve dar-vos; seu objetivo é o aperfeiçoamento moral da Humanidade. O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  16. 16. 16/20 Cap. XXVII – Contradições e mistificaçõesCap. XXVII – Contradições e mistificações MISTIFICAÇÕES  Desde que não vos afasteis disso, jamais sereis mistificados, pois não há duas maneiras de se compreender a verdadeira moral, mas somente aquela que todo homem de bom senso pode admitir.  Se jamais lhe pedissem futilidades ou o que seja além de suas atribuições, ninguém daria acesso aos Espíritos mistificadores. Do que se conclui que só é mistificado aquele que o merece. O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  17. 17. 17/20 Cap.XXVIII–Charlatanismo e prestidigitaçãoCap.XXVIII–Charlatanismo e prestidigitação MEDIUNS INTERESSEIROS  O desinteresse é a melhor resposta que podemos dar aos que só vêem nos fatos o produto de habilidades, porque não há charlatanismo desinteressado.  O exercício da mediunidade sem nenhum interesse (dinheiro ou qualquer outra recompensa) é que livra o médium da ação dos espíritos inferiores; O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  18. 18. 18/20 Cap.XXVIII–Charlatanismo e prestidigitaçãoCap.XXVIII–Charlatanismo e prestidigitação FRAUDES ESPÍRITAS  Em todas as coisas, as pessoas mais fáceis de serem enganadas são as que não pertencem ao ofício. Um estudo preliminar e atento, não só das causas dos fenômenos, mas também das condições normais em que eles podem ser produzidos, as inicia no assunto e lhes fornece assim os meios de reconhecer a fraude se ela existir. O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  19. 19. 19/20 Capítulo XX: Influência moral do médium Capítulo XXI: Influência do meio Capítulo XXII: Da mediunidade nos animais Capítulo XXIII: Da obsessão Capítulo XXIV: Identidade dos espíritos Capítulo XXV: Das evocações Capítulo XXVI: Perguntas que se podem fazer Capítulo XXVII: Contradições e mistificações Capítulo XXVIII: Charlatanismo e prestidigitação Capítulo XXIX: Reuniões e sociedade Capítulo XXX: Regulamento Capítulo XXXI: Dissertações espíritas Sumário de “O livro dos médiuns”Sumário de “O livro dos médiuns” O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS
  20. 20. 20/20 O LIVRO DOS MÉDIUNSO LIVRO DOS MÉDIUNS “A ignorância jamaisA ignorância jamais imitará o verdadeiro saber,imitará o verdadeiro saber, como jamais o vício imitarácomo jamais o vício imitará a verdadeira virtude.a verdadeira virtude.” Allan Kardec

×