ESCOLA BÁSICA 2,3 PADRE ALBERTO NETO
CEI – Língua Portuguesa – Ficha de CEL B1 Fonética
e Fonologia
Oficina de língua: dis...
3- Pronuncia as palavras e indica em quantos sopros de voz as dizes. Cada um desses
“sopros” é uma sílaba. Divide as palav...
Conclui: no texto A trata-se de _______________ No texto B trata-se de __________________
2- Elabora uma lengalenga, utili...
g) mar___ar h) preen___er
V – Vamos escrever corretamente as sílabas e palavras que vamos ouvir:
___________________ _____...
Pedro Paulino da Silva, pobre
pintor português: pinta portas e
paredes e mais o que tiver de ser.
Texto F
Qual é o doce qu...
Copo, copo giri copo
copo, copo giricá
quem não disser três vezes
copo, copo, giricopo
giricopo, copo, cá
por este copo nã...
ficam os nafagafos sozinhos.
Depois de leres todas as lengalengas em voz alta, preenche a grelha:
Tenho mais dificuldades ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Fcel - alfabeto pessoal

2.634 visualizações

Publicada em

Ficha de trabalho destinada a alunos do ensino especial com disortografia ou dislexia. Pretende-se ajudar os alunos a associarem letras e sons e a descobrirem algumas regras de representação gráfica dos mesmos, ao mesmo tempo que descobrem a composição das sílabas. O trabalho com o alfabeto pessoal constitui motivação; o trabalho final com as lengalengas constitui, sobretudo, treino da leitura, de forma a agilizá-la.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.634
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.938
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fcel - alfabeto pessoal

  1. 1. ESCOLA BÁSICA 2,3 PADRE ALBERTO NETO CEI – Língua Portuguesa – Ficha de CEL B1 Fonética e Fonologia Oficina de língua: distinguir sons e letras; segmentar palavras; descobrir a composição das sílabas; explicitar algumas regras da representação de sons; agilizar a leitura oral. I – Vamos elaborar um alfabeto pessoal: escreve uma palavra para cada letra do alfabeto, a partir de palavras que tenham um significado pessoal. Exemplos: A de “adeus” B de “beleza” C de “cedo” A -__________________ D-__________________ B - _________________ E - _________________ C - _________________ F - _________________ (Continua no teu caderno diário até usares todas as letras do alfabeto) ________________________________________________________________________________________________________ II – Vamos descobrir as sílabas e a sua composição. 1. Depois de escreveres o teu alfabeto pessoal, vamos juntar vogais e consoantes para construirmos palavras. P+ ai / D + eu / P+é / a+ to / etc. _______________ _______________ ________________ ______________ _____________ ______________ _______________ _______________ ________________ ______________ _____________ ______________ _______________ _______________ ________________ ______________ _____________ ______________ 2- Indica quantas vogais e quantas consoantes têm estas palavras. pão ~ fino ~ alto ~ mesa ~ coelho ~ cansado ~ presente
  2. 2. 3- Pronuncia as palavras e indica em quantos sopros de voz as dizes. Cada um desses “sopros” é uma sílaba. Divide as palavras do ponto 2 nas suas sílabas. 4- Como vês, as sílabas podem ter vários conjuntos de consoantes e vogais. Observa os exemplos e procura escrever mais sílabas com a mesma composição. - Vogal, Consoante: al-to __________ ___________ __________ __________ _________ - Consoante, Vogal, Vogal: pei-to ___________ __________ __________ ___________ - Consoante, Consoante, Vogal: blo-co __________ __________ __________ __________ - Consoante, Vogal, Consoante: res-to _____________ ____________ _____________ ________ - Consoante, Consoante, Vogal, Consoante: cres-cer _____________ ______________ - Consoante, Vogal, Vogal, Consoante: guin-das-te ____________ ____________ _________ ________________________________________________________________________________________________________ III - Vamos brincar com os sons: a lengalenga Nota: a lengalenga é um texto com frases curtas que normalmente rimam e repetem as mesmas sílabas / sons. É muito fácil decorar uma lengalenga. Geralmente, as lengalengas estão associadas a brincadeiras e jogos. 1- Sublinha as sílabas / sons que se repetem em cada uma das lengalengas. Texto A Texto B Cais, cais, cais Oliveiras, olivais Caracóis, rouxinóis Pintassilgos e pardais E outros pássaros mais!... A casa do jardim tem uma mariposa jeitosa, que sobre a sua asa cor-de-rosa, faz uma sombra majestosa.
  3. 3. Conclui: no texto A trata-se de _______________ No texto B trata-se de __________________ 2- Elabora uma lengalenga, utilizando algumas das palavras que escreveste no teu alfabeto pessoal (ou outras). Procura ler a lengalenga à turma, sem te enganares. ________________________________________________________________________________________________________ III – Vamos descobrir, agora, algumas regras ortográficas: A- Casa, ceifa, coifa, cacifo, cifra, couve, cunha ⇾ o c só tem o som /S/ com as vogais e e i. (Sublinha as palavras acima com e e i) ⇾ para não se ler /K/, antes de a, o, u usa-se ç: terça, aço, açúcar (Sublinha as palavras acima com a, o, u ) 1. Verifica se percebeste: as palavras que se seguem têm o som /S/ ou /K/? acém, ácido, caco, açafrão, açorda, coco, açúcar, cuco, acácia, acento, contar B- O ç e os dois ss não existem no início de palavras e, por isso, nesta posição só podem aparecer: ⇾ S – antes de todas as vogais – ex. sapato, ser, sino, sol, suar ⇾ C – apenas antes de e ou i – ex. cenoura, civil C - Depois de ditongo, ou de vogal, de um modo geral usa-se X como em: ⇾ ameixa, apaixonado, baixela, caixa, bauxite, frouxo. D- Depois de en (excetuando "encher" e formas respetivas) usamos X: ⇾ desenxabido, enxada, enxame, enxaqueca, enxerto. E- Depois de l ou r grafa-se sempre Ch: ⇾ acolchoar, colcha, colchão, colcheia, colchete, archeiro, archote, marcha, marchetar 2. Verifica se percebeste: coloca as letras X ou CH nos espaços. a) Trou___a b) mur___ar c) en___erto d) en___imento e) mur___o f) frou___o
  4. 4. g) mar___ar h) preen___er V – Vamos escrever corretamente as sílabas e palavras que vamos ouvir: ___________________ ____________________ ______________________ ________________________ ___________________ ____________________ ______________________ ________________________ VI - Vamos divertir-nos a ler travalínguas: uma brincadeira com palavras e sílabas difíceis de pronunciar quando estão juntas. Texto C A aranha arranha a rã. A rã não arranha a aranha. Texto D Luzia lustrava o lustre listrado, o lustre listrado luzia. Texto E Texto G Estavam três tigres na neve quando apareceu um cossaco. Um tigre levou um tiro, transformou-se num casaco. Estavam dois tigres na selva, apareceu um malandrete. Um tigre levou um tiro, transformou - se num tapete. Estava um tigre à beira - mar, lá lhe apareceu um soldado. O tigre levou um tiro, transformou - se num guisado. Três tristes tigres, todos de tripas ao ar. Três tristes tigres, não há mais para contar. Luís Ducla Soares, A gata Tareca e outros poemas levados da breca
  5. 5. Pedro Paulino da Silva, pobre pintor português: pinta portas e paredes e mais o que tiver de ser. Texto F Qual é o doce que é mais doce que o doce de batata doce? Respondi que o doce que é mais doce que o doce de batata doce é o doce que é feito com o doce do doce de batata doce. Texto H - O que é que há cá? - É o eco que há cá. - Há cá eco? - Há cá eco, há. Texto I
  6. 6. Copo, copo giri copo copo, copo giricá quem não disser três vezes copo, copo, giricopo giricopo, copo, cá por este copo não beberá. Texto J Esta burra torta trota Esta burra torta trota Trota ,trota , a burra torta. Trinca a murta ,a murta brota Brota a murta ao pé da porta. Texto J Num ninho de nafagafos há sete nafagafinhos. Quando a nafagafa sai, Texto K O rato roeu a rolha da garrafa do rei da Rússia. Rara astúcia foi a sua: roeu metade da rolha e depois fugiu para a rua! Mas o rei da Rússia, que estava à varanda com o rei da Holanda, viu - o passar e chamou - o: - Ó ratinho sem vergonha, para onde levas tu meia rolha da minha melhor garrafa de Borgonha? - Levo - a para o lago. Se me faltar pé, agarro - me a ela logo, já não me afogo! Violeta Figueiredo, Fala bicho
  7. 7. ficam os nafagafos sozinhos. Depois de leres todas as lengalengas em voz alta, preenche a grelha: Tenho mais dificuldades na leitura do(s) texto(s) _________________________________________ As sílabas mais difíceis de pronunciar são _________________________________________________ As regras ortográficas que percebi na etapa III são: (A / B / C / D / E) As regras ortográficas que NÃO percebi na etapa III são: _________________________________ Com esta atividade melhorei __________________________________________________________________ Ainda tenho dificuldades em ler / escrever algumas palavras SIM NÃO Prof.ª Ana Isabel Falé

×