Ednaldo araujo

230 visualizações

Publicada em

Palestra do professor Dr. Edinaldo da Silva Araújo no 1º SLACTIA, realizado na rural.

Publicada em: Ciências
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
230
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
16
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ednaldo araujo

  1. 1. Pesquisa e Inovação para o Desenvolvimento da Agricultura Orgânica do Brasil I Simpósio Latino Americano em Ciência Tecnologia e Inovação em Agropecuária (SLACTIA) Ednaldo da Silva Araújo José Guilherme Marinho Guerra Jose Antonio Azevedo Espindola Pesquisadores – Embrapa Agrobiologia Seropédica, 30 de outubro de 2015
  2. 2. Introdução
  3. 3. Caracterização da agricultura convencional, formada através da Revolução Verde Agroquímica Motomecanização Manipulação genética
  4. 4. Brasil=> Maior consumidor de Agrotóxicos do mundo Consumo = 19% (1/5) Intoxicação por agrotóxicos Em 2011, foram registrados mais de 8 milEm 2011, foram registrados mais de 8 mil casos de intoxicação por agrotóxicos (Fonte: Instituto Humanista Unisino/ANVISA)
  5. 5. consciência do consumidor demandas tecnológicas bases agroecológicas
  6. 6. Proteção, a conservação e o uso racional dos recursos naturais; Incremento da biodiversidade animal e vegetal. Aspectos ambientais Aspectos sociais Aspectos econômicos Melhoramento genético, Manutenção de variedades locais, tradicionais Interação da produção animal e vegetal; Relações de trabalho fundamentadas nos direitos sociais Melhoria da qualidade de vida dos agentes envolvidos
  7. 7. Agricultura orgânica (Lei 10.831, de 23 de dezembro de 2003)(Lei 10.831, de 23 de dezembro de 2003)
  8. 8. Bases científicas para o desenvolvimento Produção Orgânica
  9. 9. UFRRJ 19931993 Pesagro - Rio 19931993
  10. 10. Fazendinha Agroecológica Km 47
  11. 11. PecuáriaPecuáriaDiversificação vegetalDiversificação vegetal Princípios adotados Fixação biológica de NFixação biológica de N
  12. 12. Informações gerais • Localização: Seropédica, Baixada Fluminense, • Área da Fazendinha Agroecológica: 70 ha • Agricultura: 10 ha; • Pecuária: 40 ha;• Pecuária: 40 ha; • Área de preservação ambiental: 20 ha.
  13. 13. Base paraBase para projetos em rede com mais de 300 Pesquisadores
  14. 14. Linhas de Pesquisa Uso de energia renovável no manejo da irrigação Bovinocultura leiteira orgânica Manejo da paisagem Sistemas agroflorestais Reciclagem de resíduos animais e vegetais Gongocompostagem Manejo fitossanitário Adubação verde Plantio direto de hortaliças Adubo e substrato orgânico Produção de mudas de hortaliças Produção orgânica intensiva de hortaliças Troca de experiências com agricultores Transferência de tecnologias Educação agroecológica
  15. 15. Uso de energia renovável no manejo da irrigação Energia SolarEnergia Solar
  16. 16. Bovinocultura leiteira orgânica
  17. 17. Sistemas agroflorestais
  18. 18. Corredor Ecológico ( 2007) Sistemas agroflorestais
  19. 19. Sistemas agroflorestais
  20. 20. Gongocompostagem
  21. 21. Manejo fitossanitário
  22. 22. Adubos e substratos orgânico
  23. 23. Composto tipo “bokashi” 60%60% 40%40% 10% açúcar10% açúcar 10% EM10% EM 200 L água 2 L EM ativado
  24. 24. PLANOSSOLOPLANOSSOLO 95% AREIA95% AREIA Esterco e Torta de mamona (eficiência) ESTERCOESTERCO TORTA DE MAMONATORTA DE MAMONA Volatilização de NH3
  25. 25. Coletor SALE (Araújo et al., 2009) Manejo dos adubos orgânicos e adubação verde
  26. 26. Compostagem Ricinus communis L
  27. 27. Minhocultura Vermicompostagem
  28. 28. Substrato produzido a partir de matéria prima localmentelocalmente disponíveis
  29. 29. ANILEIRAANILEIRA (Indigofera hirsuta)(Indigofera hirsuta) GUANDUGUANDU Adubação Verde Crotalaria junceaCrotalaria juncea ANILEIRA (ANILEIRA (Indigofera hirsutaIndigofera hirsuta)) Adubação Verde GUANDUGUANDU ANILEIRA (ANILEIRA (Indigofera hirsutaIndigofera hirsuta))
  30. 30. Consórcio de milho comConsórcio de milho com Adubação Verde Consórcio de milho comConsórcio de milho com mucunamucuna cinzacinza
  31. 31. Estratégia para redução dos custos da adubação verde MINI MILHOMINI MILHO
  32. 32. Plantio direto de hortaliças
  33. 33. Alface Coberturas mortas vegetaisCoberturas mortas vegetais Alface Cenoura Cenoura
  34. 34. Adaptabilidade de hortaliças
  35. 35. FEIJÃO-VAGEM ALESSAALESSANOVIREX
  36. 36. Batata-doce IAPAR-69Capivara
  37. 37. Milho Eldorado
  38. 38. Produção de hortaliças
  39. 39. Cenoura – Alface Cenoura – Rabanete Berinjela – Feijão vagem Berinjela – Caupi Consórcios de hortaliças Berinjela – Caupi Alface – Cebola Os consórcios contribuem para um melhor uso dos recursos naturais dos agroecossistemas.
  40. 40. PlanejamentoPlanejamento COMPOSTAGEMCOMPOSTAGEM HORTALIÇASHORTALIÇAS PRODUÇÃO de BIOMASSAPRODUÇÃO de BIOMASSA (capim elefante(capim elefante –– gliricídia)gliricídia) PRODUÇÃO HORTALIÇASPRODUÇÃO HORTALIÇAS HORTALIÇASHORTALIÇAS TELADOSTELADOS HORTALIÇASHORTALIÇAS
  41. 41. Variabilidade espaço temporal de carbono
  42. 42. Custo anual com mão de obra (R$) 16.397,58 reais 780; 5% 1096; 7% 3996; 24% 528; 3% 67; 0% 148; 1% 1862; 11% 663; 4% 1456; 9% 5802; 36% 1096; 7% Preparo do solo manual Preparo do solo mecanizado Adubação Plantio Capina manual Capina mecanizada Colheita Pulverização de Caldas Práticas sanitárias Irrigação
  43. 43. Produção de sementes
  44. 44. MucunaMucuna sp.sp.
  45. 45. Transferência de tecnologias AgricultoresAgricultores EstudiantesEstudiantesEstudiantesEstudiantesEstudantesAgricultoresAgricultoresAgricultoresAgricultores Técnicos
  46. 46. Atividades de pesquisa participativa
  47. 47. Mestrado Profissional em Agricultura Orgânica • Parceria entre Embrapa Agrobiologia e Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro; • Realizado em módulos, com a participação majoritária de profissionais ligados à área de agricultura como estudantes.
  48. 48. Políticas públicas para agroecologia e agricultura orgânica • Plano Nacional de Agroecologia e Produção Orgânica (PLANAPO): Fruto de um intensivo debate e construção participativa, envolvendo diferentes órgãos de governo e dos movimentos sociais. As ações articuladas são distribuídas em quatro eixos estratégicos:em quatro eixos estratégicos: I. Produção; II. Uso e Conservação de Recursos Naturais; III. Conhecimento; IV. Comercialização e Consumo.
  49. 49. Obrigado ednaldo.araujo@embrapa.brednaldo.araujo@embrapa.br https://www.embrapa.br/agrobiologia

×