Rotação de culturas

2.235 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.235
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
91
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Rotação de culturas

  1. 1. ROTAÇÃO DE CULTURAS Rotação de culturas é uma técnica agrícola de conservação que visa diminuir a exaustão do solo. Isto é feito trocando as culturas a cada novo plantio de forma que as necessidades de adubação sejam diferentes a cada ciclo. Consiste em alternar espécies vegetais, numa mesma área agrícola. As espécies escolhidas devem ter, ao mesmo tempo, propósitos comercial e de recuperação da fertilidade do solo.
  2. 2. Benefícios com as rotações melhora as características físicas, químicas e biológicas do solo; auxilia no controle de plantas daninhas, doenças e pragas; repõe matéria orgânica e protege o solo da ação dos agentes climáticos; repõe matéria orgânica e protege o solo da ação dos agentes climáticos; Exploração do solo a diferentes profundidades consoante o sistema radicular das culturas;
  3. 3. CONSOCIAÇÕES DE CULTURAS As consociações, ou associações de culturas, são sistemas de policultura em que duas ou mais espécies de plantas estão suficientemente próximas para que haja uma competição ou complementação entre elas.As vantagens de uma consociação positiva são várias : melhor combate às pragas (insectos e ácaros), menos ervas infestantes devido ao sombreamento e/ou alelopatia, e uma melhor utilização dos nutrientes do solo com possibilidade de maior produtividade.
  4. 4.  As consociações tradicionalmente mais aplicadas são as que combinam gramíneas com leguminosas (aveia + ervilhaca para forragem, trevos + gramíneas pratenses para pastagens, milho + feijão, trigo + trevo branco) aproveitando a fixação de azoto da leguminosa. A consociação de hortícolas com diferentes velocidades de crescimento, para aproveitar melhor o terreno, também é comum (rabanetes ou alfaces entre as cenouras, alfaces entre couves, nabos entre as cenouras).
  5. 5. A consociação de plantas em que umabeneficia da sombra da outra é tambémpossível (milho + abóbora). Algumas consociações são feitas paraproteger as culturas de pragas e doenças. Por vezes as plantas, sem repelir apraga, atraem auxiliares que a combatem – éum efeito indirecto mas muitas vezes eficaz.

×