SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 9
MANIPULAÇÃO DA FERTILIDADE Infertilidade Humana e Reprodução Assistida INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL (IUI) FERTILIZAÇÃO IN VITRO (IVF) Carlos Branco | Isabel Barradas | Maria Caeiro Turma: B | Ano: 12.º | Ano Lectivo: 2010/2011 | Disciplina: Área de Projecto | Docente: Leonor Paiva
INTRODUÇÃO IUI – Inseminação intra-uterina ( Intra-Uterine Insemination ) IVF – Fertilização in vitro ( In Vitro Fertilization ) TÉCNICAS DE REPRODUÇÃO MEDICAMENTE ASSISTIDAS – IUI E IVF Fig. II – Inseminação Artificial Fig. I – Fertilização  in vitro
NOBEL DA MEDICINA PARA “AVÔ” DE QUATRO MILHÕES DE PESSOAS TÉCNICAS DE REPRODUÇÃO MEDICAMENTE ASSISTIDAS – IUI E IVF «Robert Edwards, 85 anos, é o pai dos pais, o pai das mães, avô de milhões de crianças. O embriologista britânico, distinguido no dia 5 com o Nobel da Medicina, é responsável, mais ou menos directo, por milhões de partos no Mundo. A Academia de Estocolmo agraciou, esta semana, Robert G. Edwards com o Nobel da Medicina. Premiou o trabalho do embriologista britânico, que, em parceria com o ginecologista Patrick Steptoe, falecido em 1988, desenvolveu a técnica de fertilização "in vitro".» (…) Augusto Correia 07/10/2010 http://jn.sapo.pt/blogs/emletramiuda/archive/2010/10/07/nobel-da-medicina-para-quot-av-244-quot-de-quatro-milh-245-es-de-pessoas.aspx Fig. III – Da esquerda para a direita: Robert Edwards, Louise Brown e Carlos Saleiro
INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL E FERTILIZAÇÃO  IN VITRO TÉCNICAS DE REPRODUÇÃO MEDICAMENTE ASSISTIDAS – IUI E IVF Fig. V – Fertilização  in vitro Fig. IV – Inseminação Artificial ≠ A  inseminação artificial  é a deposição mecânica dos espermatozóides no aparelho reprodutor feminino. A  fecundação  in vitro   consiste na união do óvulo com o espermatozóide no cristal, com o objectivo de obter pré-embriões para transferir para o útero materno.
PROCEDIMENTO – INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL TÉCNICAS DE REPRODUÇÃO MEDICAMENTE ASSISTIDAS – IUI E IVF Fig. V – Etapas da Inseminação Artificial
PROCEDIMENTO – FERTILIZAÇÃO  IN VITRO TÉCNICAS DE REPRODUÇÃO MEDICAMENTE ASSISTIDAS – IUI E IVF Fig. VI – Etapas da Fertilização  in vitro
VANTAGENS ,[object Object],TÉCNICAS DE REPRODUÇÃO MEDICAMENTE ASSISTIDAS – IUI E IVF Inseminação artificial Fertilização  in vitro ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],DESVANTAGENS TÉCNICAS DE REPRODUÇÃO MEDICAMENTE ASSISTIDAS – IUI E IVF Inseminação artificial Fertilização  in vitro ,[object Object],[object Object],[object Object]
CONCLUSÃO TÉCNICAS DE REPRODUÇÃO MEDICAMENTE ASSISTIDAS – IUI E IVF

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Reprodução medicamente assistida
Reprodução medicamente assistidaReprodução medicamente assistida
Reprodução medicamente assistidaTelma Carvalho
 
Reprodução medicamente assistida
Reprodução medicamente assistidaReprodução medicamente assistida
Reprodução medicamente assistidaHelena Sousa
 
Bio 12 genética - epistasia
Bio 12   genética - epistasiaBio 12   genética - epistasia
Bio 12 genética - epistasiaNuno Correia
 
A crença na ideia de conexão necessária
A crença na ideia de conexão necessáriaA crença na ideia de conexão necessária
A crença na ideia de conexão necessáriaLuis De Sousa Rodrigues
 
Teste formativo 2 de psicologia B
Teste formativo 2 de psicologia BTeste formativo 2 de psicologia B
Teste formativo 2 de psicologia BSilvia Revez
 
Os Maias - análise
Os Maias - análise Os Maias - análise
Os Maias - análise nanasimao
 
Preformismo e Epigénese
Preformismo e Epigénese Preformismo e Epigénese
Preformismo e Epigénese Sara Afonso
 
114592028 analise-de-poemas-de-alvaro-de-campos
114592028 analise-de-poemas-de-alvaro-de-campos114592028 analise-de-poemas-de-alvaro-de-campos
114592028 analise-de-poemas-de-alvaro-de-camposElizabeth Simão Miguens
 
Prematuridade e neotenia
Prematuridade e neoteniaPrematuridade e neotenia
Prematuridade e neoteniaamazer95
 
Memorial do convento / Scarlatti
Memorial do convento / ScarlattiMemorial do convento / Scarlatti
Memorial do convento / ScarlattiGvcs Gaba
 
reprodução assistida
reprodução assistidareprodução assistida
reprodução assistidaguestee6d9a
 
Inseminação artificial
Inseminação artificialInseminação artificial
Inseminação artificialRobson Oliveira
 
Técnicas de Reprodução Assistida 12 ano
Técnicas de Reprodução Assistida 12 anoTécnicas de Reprodução Assistida 12 ano
Técnicas de Reprodução Assistida 12 anoDiana Carvalho
 
Análise dos poemas "Os Colombos" e "Tormentas"
Análise dos poemas "Os Colombos" e "Tormentas" Análise dos poemas "Os Colombos" e "Tormentas"
Análise dos poemas "Os Colombos" e "Tormentas" Mariana Domingues
 
Os Lusíadas e Mensagem - Questões para desenvolver
Os Lusíadas e Mensagem - Questões para desenvolverOs Lusíadas e Mensagem - Questões para desenvolver
Os Lusíadas e Mensagem - Questões para desenvolvercomplementoindirecto
 
Capítulo XVII - MC
Capítulo XVII - MCCapítulo XVII - MC
Capítulo XVII - MC12anogolega
 

Mais procurados (20)

Reprodução medicamente assistida
Reprodução medicamente assistidaReprodução medicamente assistida
Reprodução medicamente assistida
 
Reprodução medicamente assistida
Reprodução medicamente assistidaReprodução medicamente assistida
Reprodução medicamente assistida
 
Bio 12 genética - epistasia
Bio 12   genética - epistasiaBio 12   genética - epistasia
Bio 12 genética - epistasia
 
A crença na ideia de conexão necessária
A crença na ideia de conexão necessáriaA crença na ideia de conexão necessária
A crença na ideia de conexão necessária
 
Teste formativo 2 de psicologia B
Teste formativo 2 de psicologia BTeste formativo 2 de psicologia B
Teste formativo 2 de psicologia B
 
Os Maias - análise
Os Maias - análise Os Maias - análise
Os Maias - análise
 
Preformismo e Epigénese
Preformismo e Epigénese Preformismo e Epigénese
Preformismo e Epigénese
 
114592028 analise-de-poemas-de-alvaro-de-campos
114592028 analise-de-poemas-de-alvaro-de-campos114592028 analise-de-poemas-de-alvaro-de-campos
114592028 analise-de-poemas-de-alvaro-de-campos
 
Prematuridade e neotenia
Prematuridade e neoteniaPrematuridade e neotenia
Prematuridade e neotenia
 
Memorial do convento / Scarlatti
Memorial do convento / ScarlattiMemorial do convento / Scarlatti
Memorial do convento / Scarlatti
 
reprodução assistida
reprodução assistidareprodução assistida
reprodução assistida
 
Inseminação artificial
Inseminação artificialInseminação artificial
Inseminação artificial
 
Técnicas de Reprodução Assistida 12 ano
Técnicas de Reprodução Assistida 12 anoTécnicas de Reprodução Assistida 12 ano
Técnicas de Reprodução Assistida 12 ano
 
Análise dos poemas "Os Colombos" e "Tormentas"
Análise dos poemas "Os Colombos" e "Tormentas" Análise dos poemas "Os Colombos" e "Tormentas"
Análise dos poemas "Os Colombos" e "Tormentas"
 
Problema do mal
Problema do malProblema do mal
Problema do mal
 
Os Lusíadas e Mensagem - Questões para desenvolver
Os Lusíadas e Mensagem - Questões para desenvolverOs Lusíadas e Mensagem - Questões para desenvolver
Os Lusíadas e Mensagem - Questões para desenvolver
 
Da dúvida ao cogito
Da dúvida ao cogitoDa dúvida ao cogito
Da dúvida ao cogito
 
Teste Português.docx
Teste Português.docxTeste Português.docx
Teste Português.docx
 
DESCARTES 11ANO
DESCARTES 11ANODESCARTES 11ANO
DESCARTES 11ANO
 
Capítulo XVII - MC
Capítulo XVII - MCCapítulo XVII - MC
Capítulo XVII - MC
 

Destaque (8)

Guião de investigação 2
Guião de investigação 2 Guião de investigação 2
Guião de investigação 2
 
Técnicas de Reprodução Medicamente Assistida
Técnicas de Reprodução Medicamente AssistidaTécnicas de Reprodução Medicamente Assistida
Técnicas de Reprodução Medicamente Assistida
 
Apresentação 2
Apresentação 2Apresentação 2
Apresentação 2
 
Reprodução assistida
Reprodução assistida Reprodução assistida
Reprodução assistida
 
Reprodução Assistida, Hoje.
Reprodução Assistida, Hoje.Reprodução Assistida, Hoje.
Reprodução Assistida, Hoje.
 
Inseminação Artificial
Inseminação ArtificialInseminação Artificial
Inseminação Artificial
 
Manual inseminação artificial
Manual inseminação artificialManual inseminação artificial
Manual inseminação artificial
 
Reprodução assistida
Reprodução assistida Reprodução assistida
Reprodução assistida
 

Semelhante a Manipulação da fertilidade_-_infertilidade_humana_e_reprodução_assistida_-_iui_ivf_(carlos_isabel_maria_-_apresentação)

Semelhante a Manipulação da fertilidade_-_infertilidade_humana_e_reprodução_assistida_-_iui_ivf_(carlos_isabel_maria_-_apresentação) (12)

Fertilização in vitro
Fertilização in vitro Fertilização in vitro
Fertilização in vitro
 
Aula 18 e19
Aula 18 e19Aula 18 e19
Aula 18 e19
 
Papel labfiv11
Papel labfiv11Papel labfiv11
Papel labfiv11
 
Infertilidade....
Infertilidade....Infertilidade....
Infertilidade....
 
IIU - 1
IIU - 1IIU - 1
IIU - 1
 
Póster Reprodução Medicamente Assistida
Póster Reprodução Medicamente AssistidaPóster Reprodução Medicamente Assistida
Póster Reprodução Medicamente Assistida
 
7 Rep assistida.ppt
7 Rep assistida.ppt7 Rep assistida.ppt
7 Rep assistida.ppt
 
ALEITAMENTO MATERNOII ana paula2010.ppt
ALEITAMENTO MATERNOII ana paula2010.pptALEITAMENTO MATERNOII ana paula2010.ppt
ALEITAMENTO MATERNOII ana paula2010.ppt
 
ICSI - 2
ICSI - 2ICSI - 2
ICSI - 2
 
DIU de cobre nas maternidades
DIU de cobre nas maternidadesDIU de cobre nas maternidades
DIU de cobre nas maternidades
 
Fertilização in vitro
Fertilização in vitroFertilização in vitro
Fertilização in vitro
 
Técnicas de fertilização
Técnicas de fertilizaçãoTécnicas de fertilização
Técnicas de fertilização
 

Mais de zeopas

A biblioteca e o centro de recursos educativos2
A biblioteca e o centro de recursos educativos2A biblioteca e o centro de recursos educativos2
A biblioteca e o centro de recursos educativos2zeopas
 
O Desenv, e a Utiliz. dos Recursos by Joel e MTeles
O Desenv, e a Utiliz. dos Recursos by Joel e MTelesO Desenv, e a Utiliz. dos Recursos by Joel e MTeles
O Desenv, e a Utiliz. dos Recursos by Joel e MTeleszeopas
 
Guião tr4
Guião tr4Guião tr4
Guião tr4zeopas
 
O Desenv. e a Utiliz. dos Recursos-by ES./GI/JB
O Desenv. e a Utiliz. dos Recursos-by ES./GI/JBO Desenv. e a Utiliz. dos Recursos-by ES./GI/JB
O Desenv. e a Utiliz. dos Recursos-by ES./GI/JBzeopas
 
Guião tr4 1
Guião tr4 1Guião tr4 1
Guião tr4 1zeopas
 
Ambiente 10ºd
Ambiente 10ºdAmbiente 10ºd
Ambiente 10ºdzeopas
 
Ambiente 10ºd 2
Ambiente 10ºd 2Ambiente 10ºd 2
Ambiente 10ºd 2zeopas
 
Ambiente 10ºd 1
Ambiente 10ºd 1 Ambiente 10ºd 1
Ambiente 10ºd 1 zeopas
 
Ambiente 10ºd 0
Ambiente 10ºd 0Ambiente 10ºd 0
Ambiente 10ºd 0zeopas
 
Ambiente 10ºd 4
Ambiente 10ºd 4Ambiente 10ºd 4
Ambiente 10ºd 4zeopas
 
Energia renovável 10ºc
Energia renovável 10ºcEnergia renovável 10ºc
Energia renovável 10ºczeopas
 
Energia renovável 10º c 3
Energia renovável 10º c 3Energia renovável 10º c 3
Energia renovável 10º c 3zeopas
 
Energia renovável 10ºc
Energia renovável 10ºcEnergia renovável 10ºc
Energia renovável 10ºczeopas
 
Ambiente 10ºd 4
Ambiente 10ºd 4Ambiente 10ºd 4
Ambiente 10ºd 4zeopas
 
Ambiente 10ºd 1
Ambiente 10ºd 1 Ambiente 10ºd 1
Ambiente 10ºd 1 zeopas
 
Ambiente 10ºd 0
Ambiente 10ºd 0Ambiente 10ºd 0
Ambiente 10ºd 0zeopas
 
Ambiente 10ºd
Ambiente 10ºdAmbiente 10ºd
Ambiente 10ºdzeopas
 
Ambiente 10ºd 2
Ambiente 10ºd 2Ambiente 10ºd 2
Ambiente 10ºd 2zeopas
 
Métodos contraceptivos de barreira
Métodos contraceptivos de barreiraMétodos contraceptivos de barreira
Métodos contraceptivos de barreirazeopas
 
Metodos contraceptivos naturais
Metodos contraceptivos naturaisMetodos contraceptivos naturais
Metodos contraceptivos naturaiszeopas
 

Mais de zeopas (20)

A biblioteca e o centro de recursos educativos2
A biblioteca e o centro de recursos educativos2A biblioteca e o centro de recursos educativos2
A biblioteca e o centro de recursos educativos2
 
O Desenv, e a Utiliz. dos Recursos by Joel e MTeles
O Desenv, e a Utiliz. dos Recursos by Joel e MTelesO Desenv, e a Utiliz. dos Recursos by Joel e MTeles
O Desenv, e a Utiliz. dos Recursos by Joel e MTeles
 
Guião tr4
Guião tr4Guião tr4
Guião tr4
 
O Desenv. e a Utiliz. dos Recursos-by ES./GI/JB
O Desenv. e a Utiliz. dos Recursos-by ES./GI/JBO Desenv. e a Utiliz. dos Recursos-by ES./GI/JB
O Desenv. e a Utiliz. dos Recursos-by ES./GI/JB
 
Guião tr4 1
Guião tr4 1Guião tr4 1
Guião tr4 1
 
Ambiente 10ºd
Ambiente 10ºdAmbiente 10ºd
Ambiente 10ºd
 
Ambiente 10ºd 2
Ambiente 10ºd 2Ambiente 10ºd 2
Ambiente 10ºd 2
 
Ambiente 10ºd 1
Ambiente 10ºd 1 Ambiente 10ºd 1
Ambiente 10ºd 1
 
Ambiente 10ºd 0
Ambiente 10ºd 0Ambiente 10ºd 0
Ambiente 10ºd 0
 
Ambiente 10ºd 4
Ambiente 10ºd 4Ambiente 10ºd 4
Ambiente 10ºd 4
 
Energia renovável 10ºc
Energia renovável 10ºcEnergia renovável 10ºc
Energia renovável 10ºc
 
Energia renovável 10º c 3
Energia renovável 10º c 3Energia renovável 10º c 3
Energia renovável 10º c 3
 
Energia renovável 10ºc
Energia renovável 10ºcEnergia renovável 10ºc
Energia renovável 10ºc
 
Ambiente 10ºd 4
Ambiente 10ºd 4Ambiente 10ºd 4
Ambiente 10ºd 4
 
Ambiente 10ºd 1
Ambiente 10ºd 1 Ambiente 10ºd 1
Ambiente 10ºd 1
 
Ambiente 10ºd 0
Ambiente 10ºd 0Ambiente 10ºd 0
Ambiente 10ºd 0
 
Ambiente 10ºd
Ambiente 10ºdAmbiente 10ºd
Ambiente 10ºd
 
Ambiente 10ºd 2
Ambiente 10ºd 2Ambiente 10ºd 2
Ambiente 10ºd 2
 
Métodos contraceptivos de barreira
Métodos contraceptivos de barreiraMétodos contraceptivos de barreira
Métodos contraceptivos de barreira
 
Metodos contraceptivos naturais
Metodos contraceptivos naturaisMetodos contraceptivos naturais
Metodos contraceptivos naturais
 

Último

Assistencia de enfermagem no pos anestesico
Assistencia de enfermagem no pos anestesicoAssistencia de enfermagem no pos anestesico
Assistencia de enfermagem no pos anestesicoWilliamdaCostaMoreir
 
Amamentação: motricidade oral e repercussões sistêmicas - TCC
Amamentação: motricidade oral e repercussões sistêmicas - TCCAmamentação: motricidade oral e repercussões sistêmicas - TCC
Amamentação: motricidade oral e repercussões sistêmicas - TCCProf. Marcus Renato de Carvalho
 
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃOeMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃOMayaraDayube
 
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery  after surgery in neurosurgeryEnhanced recovery  after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery after surgery in neurosurgeryCarlos D A Bersot
 
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjd
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjdMedicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjd
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjdClivyFache
 
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfSistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfGustavoWallaceAlvesd
 

Último (6)

Assistencia de enfermagem no pos anestesico
Assistencia de enfermagem no pos anestesicoAssistencia de enfermagem no pos anestesico
Assistencia de enfermagem no pos anestesico
 
Amamentação: motricidade oral e repercussões sistêmicas - TCC
Amamentação: motricidade oral e repercussões sistêmicas - TCCAmamentação: motricidade oral e repercussões sistêmicas - TCC
Amamentação: motricidade oral e repercussões sistêmicas - TCC
 
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃOeMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
 
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery  after surgery in neurosurgeryEnhanced recovery  after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
 
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjd
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjdMedicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjd
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjd
 
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfSistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
 

Manipulação da fertilidade_-_infertilidade_humana_e_reprodução_assistida_-_iui_ivf_(carlos_isabel_maria_-_apresentação)

  • 1. MANIPULAÇÃO DA FERTILIDADE Infertilidade Humana e Reprodução Assistida INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL (IUI) FERTILIZAÇÃO IN VITRO (IVF) Carlos Branco | Isabel Barradas | Maria Caeiro Turma: B | Ano: 12.º | Ano Lectivo: 2010/2011 | Disciplina: Área de Projecto | Docente: Leonor Paiva
  • 2. INTRODUÇÃO IUI – Inseminação intra-uterina ( Intra-Uterine Insemination ) IVF – Fertilização in vitro ( In Vitro Fertilization ) TÉCNICAS DE REPRODUÇÃO MEDICAMENTE ASSISTIDAS – IUI E IVF Fig. II – Inseminação Artificial Fig. I – Fertilização in vitro
  • 3. NOBEL DA MEDICINA PARA “AVÔ” DE QUATRO MILHÕES DE PESSOAS TÉCNICAS DE REPRODUÇÃO MEDICAMENTE ASSISTIDAS – IUI E IVF «Robert Edwards, 85 anos, é o pai dos pais, o pai das mães, avô de milhões de crianças. O embriologista britânico, distinguido no dia 5 com o Nobel da Medicina, é responsável, mais ou menos directo, por milhões de partos no Mundo. A Academia de Estocolmo agraciou, esta semana, Robert G. Edwards com o Nobel da Medicina. Premiou o trabalho do embriologista britânico, que, em parceria com o ginecologista Patrick Steptoe, falecido em 1988, desenvolveu a técnica de fertilização "in vitro".» (…) Augusto Correia 07/10/2010 http://jn.sapo.pt/blogs/emletramiuda/archive/2010/10/07/nobel-da-medicina-para-quot-av-244-quot-de-quatro-milh-245-es-de-pessoas.aspx Fig. III – Da esquerda para a direita: Robert Edwards, Louise Brown e Carlos Saleiro
  • 4. INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL E FERTILIZAÇÃO IN VITRO TÉCNICAS DE REPRODUÇÃO MEDICAMENTE ASSISTIDAS – IUI E IVF Fig. V – Fertilização in vitro Fig. IV – Inseminação Artificial ≠ A inseminação artificial é a deposição mecânica dos espermatozóides no aparelho reprodutor feminino. A fecundação in vitro consiste na união do óvulo com o espermatozóide no cristal, com o objectivo de obter pré-embriões para transferir para o útero materno.
  • 5. PROCEDIMENTO – INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL TÉCNICAS DE REPRODUÇÃO MEDICAMENTE ASSISTIDAS – IUI E IVF Fig. V – Etapas da Inseminação Artificial
  • 6. PROCEDIMENTO – FERTILIZAÇÃO IN VITRO TÉCNICAS DE REPRODUÇÃO MEDICAMENTE ASSISTIDAS – IUI E IVF Fig. VI – Etapas da Fertilização in vitro
  • 7.
  • 8.
  • 9. CONCLUSÃO TÉCNICAS DE REPRODUÇÃO MEDICAMENTE ASSISTIDAS – IUI E IVF