School Safety & Security

7.938 visualizações

Publicada em

Segurança Escolar e Universitária

Publicada em: Negócios
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
7.938
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6.549
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
25
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

School Safety & Security

  1. 1. GESTÃO DE RISCOS e PLANEJAMENTO DASEGURANÇA EDUCACIONAL Paulo E D BorgesUlisses F do Nascimento Novembro/2007
  2. 2. www.escolaprotegida.com.br
  3. 3. Segurança EscolarProteção - Prevenção em acidentes etraumas.- Quedas;- Atropelamentos;- Queimaduras;- Intoxicações alimentares e Envenenamentos;- Outros Acidentes. www.escolaprotegida.com.br
  4. 4. Segurança EscolarSegurança - Quebra de normas e ou crimes.- Prevenção e reação a mau comportamento;- Controle de crises;- Segurança física dos freqüentadores e dainstituição. Espionagem, Vandalismo, Invasões,Diminuição de Perdas e outros. www.escolaprotegida.com.br
  5. 5. Abordagem Reativawww.escolaprotegida.com.br
  6. 6. Abordagem ReativaObstáculos à Abordagem Reativa:- Não há diferenciação entre riscos importantes eriscos aceitáveis, as ocorrências são tratadas namedida em que ocorrem; - Dificuldades em justificar o investimento de recursos; - Resultados dependem unicamente da qualidade doatendimento e administração da resposta; - Equipe de segurança tem alta possibilidade de sersurpreendida por ocorrências inesperadas.www.escolaprotegida.com.br
  7. 7. www.escolaprotegida.com.br
  8. 8. Abordagem Preventiva Implementação Análise Situacional. Integração de Recursos Determinar Perigos, Humanos, Técnicos e Riscos e Perda 1 Organizacionais Esperada. 3 Planejamento Tático/Técnico Metas e Priorizações Cronograma de Execuçõeswww.escolaprotegida.com.br 2
  9. 9. Gestão de Riscos Todos os perigos devem ser monitoradoswww.escolaprotegida.com.br
  10. 10. Identificação dos Perigos As causas das Perdas• DesviosFurtos Internos• Fuga de Informação• Incêndio• Violência no Entorno• Tráfico e consumo de drogas• Vandalismo• Roubo/Assalto• Brigas e Gang´s• Responsabilidade Civil• Estupros• Trotes Violentos Implementação Integração de Recursos Humanos, Técnicos e Organizacionais Análise Situacional. Determinar Perigos, Riscos e Perda Esperada.• Seqüestros Planejamento Tático/Técnico• Trotes Violentos Metas e Priorizações Cronograma de Execuções www.escolaprotegida.com.br
  11. 11. Determinação do Riscos Técnicas de Análise de RiscosLevantamento da probabilidade do perigo se realizar Métodos análise de riscos: • Método Brasiliano; • Método de Mosler; • Método de Willian T. Fine; • Método Estatístico (Objetivo). Implementação Humanos, Técnicos e Organizacionais Análise Situacional. Integração de Recursos Determinar Perigos, Riscos e Perda Esperada. Probabilidade, Desvio Padrão e Coeficiente de Variação Planejamento Tático/Técnico Metas e Priorizações Cronograma de Execuçõeswww.escolaprotegida.com.br
  12. 12. Gestão de Riscos A magnitude do Impactowww.escolaprotegida.com.br
  13. 13. Matriz de Vulnerabilidade Perda Esperada antes Plano de Ação Catastrófico 5 9 Impacto negativo no negócio 4 Severo 7 1 3 Moderado 6 8 Leve 2 Nenhum 25 % 50 % 75 % 100 % Implementação Análise Situacional. Integração de Recursos Determinar Perigos, Humanos, Técnicos e Riscos e Perda Organizacionais Esperada. Probabilidade Planejamento Tático/Técnico Metas e Priorizações Cronograma de Execuçõeswww.escolaprotegida.com.br
  14. 14. Tratamento dos Perigos Risco e Impacto Transferência da Perda (Seguro) Prevenção Identificação dos fatores de risco. Identificação da origem destes fatores. Tratamento dos fatores de risco. Educação e Treinamento. Implementação Análise Situacional. Integração de Recursos Determinar Perigos, Humanos, Técnicos e Riscos e Perda Estabelecimento de Normas de Atuação. Organizacionais Esperada. Planejamento Tático/Técnico Metas e Priorizações Cronograma de Execuçõeswww.escolaprotegida.com.br
  15. 15. Planejamento Tático/Técnico Plano de AçãoO QUE? QUEM? QUANDO? ONDE? POR QUE? COMO? CRIAÇÃO ALTA COM SEDE EVITAR FORMAR EQUIPE E RH DE GESTÃO URGÊNCIA POSSÍVEIS PROGRAMA SEGURANÇA OCORRÊNCIAS DE SEGURANÇAIMPLEMENTAR ÁREA DE ROTINA SEDE MELHORIA DAS EMISSÃO DE NORMAS E GESTÃO DE ATIVIDADES DE NORMAS E PROCEDIM. RISCOS SEGURANÇA CONSCIENTIZAÇÃOMONITORAR O ÁREA DE ASSIM QUE SEDE EVITAR ADQUIRINDO ENTORNO GESTÃO DE POSSÍVEL INTRUSÕES EQUIPAMENTOS RISCOSENDOMKTING ÁREA DE COM SEDE CONSCIENTIZAR CRIANDO GESTÃO DE URGÊNCIA COLABORADOR PANFLETOS RISCOS CARTAZES... www.escolaprotegida.com.br
  16. 16. Gestão de Risco Custo ou Investimento? • Perda Esperada (Perigos) = Risco x Impacto Financeiro • PE Atual – PE (Após Medidas de Segurança) = Investimento máximo em segurança Implementação Análise Situacional. Determinar Perigos, Integração de Recursos Humanos, Técnicos eRiscos e Perda Organizacionais Esperada. Planejamento Tático/Técnico Metas e Priorizações Cronograma de Execuçõeswww.escolaprotegida.com.br
  17. 17. Gestão de Risco Fases do Planejamento Levantamento dos perigos e sua chance de concretização; Levantamento dos impactos financeiros em caso de concretização; Linhas de ação para prevenir e diminuir as chances de concretização dos perigos; Relação Custo X Benefício bem equilibrada; Prioridade na implementação das soluções.www.escolaprotegida.com.br
  18. 18. OBRIGADO!www.escolaprotegida.com.br

×