SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 30
UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS – UEA
LICENCIATURA EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS
DISCIPLINA: GEOLOGIA E PALEONTOLOGIA DOCENTE: GENISE LUZ
DISCENTES: Emilly Juliana Sales
Ítalo Almeida
Jairo Gabriel Alvarenga
Josimar Moreno
Natasha Moura dos Reis
Nilomar Portela
Manaus, AM dia 17 de Setembro de 2015.
1
• Vulcanismo é um fenômeno geológico
que ocorre do interior da Terra para a
superfície.
• Os vulcões são considerados fontes de
observações
científicas.
Vulcanismo
Vulcão em erupção
2
3
• Vulcões ativos há mais de 4 bilhões de anos
liberaram enormes volumes de água e outros
elementos, que formaram nossos primeiros
oceanos e a atmosfera primitiva.
• A magnitude dos eventos vulcânicos é altamente
variável.
• Lavas: é o material
rochoso em estado de
fusão que extravasa
a superfície.
4
• Tipos de lavas:
Basálticas - é o tipo de
lava mais comum nos
derrames, com
temperaturas entre
1.000 e 1.200 ºC.
Lavas basálticas
5
Almofadadas: São acumulações subaquáticas,
resulta de um comportamento plástico entre o
magma basáltico, que em contato com água
fria, resfria.
Lavas almofadadas
6
• Lava pahoehoe: é mais comum nos vulcões do
Havaí. Quando a lava basáltica entra em
contato com o ar, resfria e forma uma crosta
fina.
• Lava aa: forma-se quando o escape dos gases
dissolvidos no magma causa rápido aumento
da viscosidade.
• Lavas riolíticas e andesiticas: têm uma
composição mais diferenciada, apresentam
temperaturas entre 800 e 1000 ºC, possuem a
cor clara e avermelhada.
7
• São conhecidos por vulcanoclastos e piroclastos;
• Os vulcanoclastos são formados pela erosão e os
piroclastos refere-se a materiais lançados na
atmosfera por erupções explosivas;
• O material particulado mais fino é constituído por
cinzas e poeira que geralmente unem-se para formar o
lapillito.
• As bombas vulcânicas tem aparência retorcida e são
resultantes da consolidação durante sua trajetória no
ar;
Fragmentos Vulcânicos
8
Lappilitos
Bomba vulcanica 9
Depósitos piroclásticos
• São conhecidos por vulcanoclastos e piroclastos;
• Os vulcanoclastos são formados pela erosão e os
piroclastos refere-se a materiais lançados na atmosfera
por erupções explosivas;
• O material particulado mais fino é constituído por cinzas
e poeira que geralmente unem-se para formar o lapillito.
• As bombas vulcânicas tem aparência retorcida e são
resultantes da consolidação durante sua trajetória no ar;
10
Depósito piroclástico Brechas vulcanicas
Brecha vulcanica detalhe 11
• Os depósitos de fluxo piroclástico são misturas de
fragmentos, partículas de rocha e gases quentes que
movem-se pelo seu próprio peso;
• Os fluxos piroclásticos são uma avalanche de cinzas
quentes, pedra-pomes, fragmentos de rocha e gases
vulcânicos que corre tão rápido quanto a 100 km/h.
• As nuvens ardentes representam torrentes de baixa
densidade que se expandem de maneira rápida,
ensurdecedora e com altíssima temperatura;
12
Fluxo piroclástico Nuvem ardente
13
MORFOLOGIA VULCÂNICA
https://www.google.com.br/search?q=morfologia+dos+vulcões
14
MORFOLOGIA VULCÂNICA
 As formas dependem de alguns fatores;
 Gases, tipo de lava, temperatura da lava;
15
MORFOLOGIA VULCÂNICAS
Cratera Vulcânica- krater (grego) = vaso de boca
larga;
https://www.google.com.br/search?q=vulcao+inativo
16
MORFOLOGIA VULCÂNICA
Caldeira Vulcânica – caldaria (latim)
https://www.google.com.br/search?q=caldeira+de+vulcão
17
ELEMENTOS GEOMÉTRICOS
https://www.google.com.br/search?q=morfologia+dos+vulcões
18
Estilos Eruptivos
Erupções fissurais
Cortina de fogo Erupção fissural
19
Erupções centrais
Pliniana
20
Estrombiliana
21
Havaina
22
Classificação vulcânica
• Ativo:
– Cerca de 600;
– Havaí;
– Kilauea;
• Inativo:
– Cerca de 5 mil crateras;
– Não está em erupção;
– Futuramente pode entrar em erupção;
– São os mais perigosos;
23
Tipos de vulcões
• Escudo:
– Havaí e Islândia;
– Mauna Loa (9000 m e 120 Km d).
• Cones de escórias:
– Pequenos, menores que 300 m;
– Erupção de magmas de baixa viscosidade.
24
Tipos de vulcões
• Estratovulcões (compostos):
– Grandes, forma cônica e com cratera no cume;
– Teide; Monte Fuji; Catopaxi; Mayon e o Monte Rainier;
– Mais mortífero;
– 264.000 vítimas.
• Caldeiras ressurgentes:
– De maior estrutura (15 e 100 Km²);
• Submarinos:
– Comuns em certos fundos oceânicos;
25
Tipos de vulcões
Escudo
Estratovulcão Cone de escora
Caldeiras ressurgentes
26
Submarino
Tipos de vulcão
27
Hot Spot
• J. Tuzo Wilson, teoria do hotspot 1963;
• “A placa pacífica, desloca-se sobre um ponto quente
estacionário, no manto, localizado sob a atual
posição da ilha do Hawaii;”
• “É este ponto quente que proporciona uma fonte
persistente de magma, através da fusão parcial da
parte da placa pacífica sobrejacente;
28
Hot Spot
• Cerca de 50 pontos quentes;
• Formação de ilhas oceânicas;
– Açores;
– Madeira;
– Cabo verde
– Islândia;
– Havaí;
– Fernando de Noronha;
– Yellowstone.
29
Referências
• TEIXEIRA, Wilson et al- Decifrando a Terra – 1º
ed. 2000. Editora Nacional.
30

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Tempo Geológico
Tempo GeológicoTempo Geológico
Tempo GeológicoLucca
 
As rochas (Ciências 6º ano)
As rochas (Ciências 6º ano)As rochas (Ciências 6º ano)
As rochas (Ciências 6º ano)Ewerton Marinho
 
I.1 A origem do universo
I.1 A origem do universoI.1 A origem do universo
I.1 A origem do universoRebeca Vale
 
Aula 5 minimização dos riscos vulcanicos- previsão e prevenção
Aula 5  minimização dos riscos vulcanicos- previsão e prevençãoAula 5  minimização dos riscos vulcanicos- previsão e prevenção
Aula 5 minimização dos riscos vulcanicos- previsão e prevençãoLuís Filipe Marinho
 
Rochas - arquivos que relatam a história da Terra
Rochas - arquivos que relatam a história da TerraRochas - arquivos que relatam a história da Terra
Rochas - arquivos que relatam a história da TerraAna Castro
 
Materiais Expelidos Pelos VulcõEs Piroclastos
Materiais Expelidos Pelos VulcõEs   PiroclastosMateriais Expelidos Pelos VulcõEs   Piroclastos
Materiais Expelidos Pelos VulcõEs PiroclastosNuno Correia
 
Vulcões
VulcõesVulcões
Vulcõeslidia76
 
Fósseis
FósseisFósseis
FósseisCatir
 
A formação da terra
A formação da terraA formação da terra
A formação da terraProfessor
 
Origem do Sol e dos Planetas
Origem do Sol e dos PlanetasOrigem do Sol e dos Planetas
Origem do Sol e dos PlanetasRita Galrito
 

Mais procurados (20)

V - VULCANISMO
V - VULCANISMOV - VULCANISMO
V - VULCANISMO
 
Relevo
RelevoRelevo
Relevo
 
A estrutura da terra 6o ano
A estrutura da terra 6o anoA estrutura da terra 6o ano
A estrutura da terra 6o ano
 
Tempo Geológico
Tempo GeológicoTempo Geológico
Tempo Geológico
 
As rochas (Ciências 6º ano)
As rochas (Ciências 6º ano)As rochas (Ciências 6º ano)
As rochas (Ciências 6º ano)
 
Vulcanologia
VulcanologiaVulcanologia
Vulcanologia
 
I.1 A origem do universo
I.1 A origem do universoI.1 A origem do universo
I.1 A origem do universo
 
Aula 5 minimização dos riscos vulcanicos- previsão e prevenção
Aula 5  minimização dos riscos vulcanicos- previsão e prevençãoAula 5  minimização dos riscos vulcanicos- previsão e prevenção
Aula 5 minimização dos riscos vulcanicos- previsão e prevenção
 
Rochas - arquivos que relatam a história da Terra
Rochas - arquivos que relatam a história da TerraRochas - arquivos que relatam a história da Terra
Rochas - arquivos que relatam a história da Terra
 
Materiais Expelidos Pelos VulcõEs Piroclastos
Materiais Expelidos Pelos VulcõEs   PiroclastosMateriais Expelidos Pelos VulcõEs   Piroclastos
Materiais Expelidos Pelos VulcõEs Piroclastos
 
Vulcões
VulcõesVulcões
Vulcões
 
Ciclo das rochas
Ciclo das rochasCiclo das rochas
Ciclo das rochas
 
Fósseis
FósseisFósseis
Fósseis
 
Atmosfera
AtmosferaAtmosfera
Atmosfera
 
A formação da terra
A formação da terraA formação da terra
A formação da terra
 
Fósseis....
Fósseis....Fósseis....
Fósseis....
 
Vulcanismo 7º
Vulcanismo 7ºVulcanismo 7º
Vulcanismo 7º
 
Sismologia
SismologiaSismologia
Sismologia
 
9 vulcanologia
9   vulcanologia9   vulcanologia
9 vulcanologia
 
Origem do Sol e dos Planetas
Origem do Sol e dos PlanetasOrigem do Sol e dos Planetas
Origem do Sol e dos Planetas
 

Destaque (9)

Petrobras youpix
Petrobras youpixPetrobras youpix
Petrobras youpix
 
Vulcões
VulcõesVulcões
Vulcões
 
Vulcanismo en españa
Vulcanismo en españaVulcanismo en españa
Vulcanismo en españa
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
 
Rochas magmáticas
Rochas magmáticasRochas magmáticas
Rochas magmáticas
 
Vulcão Etna
Vulcão EtnaVulcão Etna
Vulcão Etna
 
Origen volcánico del teide
Origen volcánico del teideOrigen volcánico del teide
Origen volcánico del teide
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
 

Semelhante a Vulcanismo

Semelhante a Vulcanismo (20)

Actividade vculcânica 7ano
Actividade vculcânica 7anoActividade vculcânica 7ano
Actividade vculcânica 7ano
 
vulcanismo.ppt
vulcanismo.pptvulcanismo.ppt
vulcanismo.ppt
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
 
tipos de vulcanismo 7 ano
tipos de vulcanismo 7 anotipos de vulcanismo 7 ano
tipos de vulcanismo 7 ano
 
Atividade vulcânica
Atividade vulcânicaAtividade vulcânica
Atividade vulcânica
 
Vulcoes
VulcoesVulcoes
Vulcoes
 
vulcanismo
vulcanismovulcanismo
vulcanismo
 
Vulcão
VulcãoVulcão
Vulcão
 
Introdução (Vulcanismo)
Introdução (Vulcanismo)Introdução (Vulcanismo)
Introdução (Vulcanismo)
 
Actividade vculcânica 7º ano
Actividade vculcânica 7º anoActividade vculcânica 7º ano
Actividade vculcânica 7º ano
 
Vulcanologia 1
Vulcanologia 1Vulcanologia 1
Vulcanologia 1
 
Vulcanologia
VulcanologiaVulcanologia
Vulcanologia
 
Vulcanisno
VulcanisnoVulcanisno
Vulcanisno
 
Vulcanologia7
Vulcanologia7Vulcanologia7
Vulcanologia7
 
Ap 2 Vulcanismo
Ap 2   VulcanismoAp 2   Vulcanismo
Ap 2 Vulcanismo
 
Vulcoes
VulcoesVulcoes
Vulcoes
 
V vulces-131125061934-phpapp02 (1)
V vulces-131125061934-phpapp02 (1)V vulces-131125061934-phpapp02 (1)
V vulces-131125061934-phpapp02 (1)
 
Vulcanismo e plutonismo
Vulcanismo e plutonismoVulcanismo e plutonismo
Vulcanismo e plutonismo
 
VULCANOLOGIA.pptx
VULCANOLOGIA.pptxVULCANOLOGIA.pptx
VULCANOLOGIA.pptx
 

Mais de João Monteiro

Aula - Pesca predatória e os impactos ambientais
Aula - Pesca predatória e os impactos ambientaisAula - Pesca predatória e os impactos ambientais
Aula - Pesca predatória e os impactos ambientaisJoão Monteiro
 
Aula I - Introdução á genética de populações
Aula I - Introdução á genética de populaçõesAula I - Introdução á genética de populações
Aula I - Introdução á genética de populaçõesJoão Monteiro
 
Plano de aula completo Citologia: Tipos e formas de células
Plano de aula completo Citologia: Tipos e formas de células Plano de aula completo Citologia: Tipos e formas de células
Plano de aula completo Citologia: Tipos e formas de células João Monteiro
 
Aula 4 Cálculo III Integral de linha :)
Aula 4   Cálculo III Integral de linha :)Aula 4   Cálculo III Integral de linha :)
Aula 4 Cálculo III Integral de linha :)João Monteiro
 
Apostila de História e introdução á logística
Apostila de História e introdução á logísticaApostila de História e introdução á logística
Apostila de História e introdução á logísticaJoão Monteiro
 
Física II - Dinâmica de Fluidos
Física II - Dinâmica de FluidosFísica II - Dinâmica de Fluidos
Física II - Dinâmica de FluidosJoão Monteiro
 
Classificação e reprodução
Classificação e reproduçãoClassificação e reprodução
Classificação e reproduçãoJoão Monteiro
 
Importância dos fungos
Importância dos fungosImportância dos fungos
Importância dos fungosJoão Monteiro
 
Introdução à micologia
Introdução à micologiaIntrodução à micologia
Introdução à micologiaJoão Monteiro
 
Placenta e membranas cap08
Placenta e membranas cap08Placenta e membranas cap08
Placenta e membranas cap08João Monteiro
 
Nona semana ao nascimento
Nona semana ao nascimentoNona semana ao nascimento
Nona semana ao nascimentoJoão Monteiro
 
Quarta à oitava semana
Quarta à oitava semanaQuarta à oitava semana
Quarta à oitava semanaJoão Monteiro
 
Terceira semana gastrulação
Terceira semana gastrulaçãoTerceira semana gastrulação
Terceira semana gastrulaçãoJoão Monteiro
 
Primeira e segunda semanas
Primeira e segunda semanasPrimeira e segunda semanas
Primeira e segunda semanasJoão Monteiro
 
Livro Introdução à ecologia comportamental
Livro Introdução à ecologia comportamentalLivro Introdução à ecologia comportamental
Livro Introdução à ecologia comportamentalJoão Monteiro
 
Introdução á paleontologia
Introdução á paleontologiaIntrodução á paleontologia
Introdução á paleontologiaJoão Monteiro
 

Mais de João Monteiro (20)

Aula - Pesca predatória e os impactos ambientais
Aula - Pesca predatória e os impactos ambientaisAula - Pesca predatória e os impactos ambientais
Aula - Pesca predatória e os impactos ambientais
 
Aula I - Introdução á genética de populações
Aula I - Introdução á genética de populaçõesAula I - Introdução á genética de populações
Aula I - Introdução á genética de populações
 
Plano de aula completo Citologia: Tipos e formas de células
Plano de aula completo Citologia: Tipos e formas de células Plano de aula completo Citologia: Tipos e formas de células
Plano de aula completo Citologia: Tipos e formas de células
 
Física - Cinemática
Física - CinemáticaFísica - Cinemática
Física - Cinemática
 
Aula 4 Cálculo III Integral de linha :)
Aula 4   Cálculo III Integral de linha :)Aula 4   Cálculo III Integral de linha :)
Aula 4 Cálculo III Integral de linha :)
 
Apostila de História e introdução á logística
Apostila de História e introdução á logísticaApostila de História e introdução á logística
Apostila de História e introdução á logística
 
Física II - Dinâmica de Fluidos
Física II - Dinâmica de FluidosFísica II - Dinâmica de Fluidos
Física II - Dinâmica de Fluidos
 
Consumismo x lixo
Consumismo x lixo Consumismo x lixo
Consumismo x lixo
 
Micologia médica
Micologia médica Micologia médica
Micologia médica
 
Classificação e reprodução
Classificação e reproduçãoClassificação e reprodução
Classificação e reprodução
 
Importância dos fungos
Importância dos fungosImportância dos fungos
Importância dos fungos
 
Introdução à micologia
Introdução à micologiaIntrodução à micologia
Introdução à micologia
 
Placenta e membranas cap08
Placenta e membranas cap08Placenta e membranas cap08
Placenta e membranas cap08
 
Nona semana ao nascimento
Nona semana ao nascimentoNona semana ao nascimento
Nona semana ao nascimento
 
Quarta à oitava semana
Quarta à oitava semanaQuarta à oitava semana
Quarta à oitava semana
 
Terceira semana gastrulação
Terceira semana gastrulaçãoTerceira semana gastrulação
Terceira semana gastrulação
 
Primeira e segunda semanas
Primeira e segunda semanasPrimeira e segunda semanas
Primeira e segunda semanas
 
Livro Introdução à ecologia comportamental
Livro Introdução à ecologia comportamentalLivro Introdução à ecologia comportamental
Livro Introdução à ecologia comportamental
 
Genetica forense
Genetica forense Genetica forense
Genetica forense
 
Introdução á paleontologia
Introdução á paleontologiaIntrodução á paleontologia
Introdução á paleontologia
 

Último

UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfManuais Formação
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja Mary Alvarenga
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialDouglasVasconcelosMa
 
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASAPRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASricardo644666
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...marioeugenio8
 
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptx
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptxSão Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptx
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptxMartin M Flynn
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdfaulasgege
 
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaCentro Jacques Delors
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdfCarinaSofiaDiasBoteq
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfAndersonW5
 
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da CapivaraPré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivararambomarcos
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Pauloririg29454
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptxnelsontobontrujillo
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxprofbrunogeo95
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Centro Jacques Delors
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfKelly Mendes
 
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdfMissa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdfFbioFerreira207918
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxCarolineWaitman
 
Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioWyngDaFelyzitahLamba
 

Último (20)

UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASAPRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
 
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptx
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptxSão Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptx
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptx
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da CapivaraPré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdfMissa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
 
Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundario
 

Vulcanismo

  • 1. UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS – UEA LICENCIATURA EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DISCIPLINA: GEOLOGIA E PALEONTOLOGIA DOCENTE: GENISE LUZ DISCENTES: Emilly Juliana Sales Ítalo Almeida Jairo Gabriel Alvarenga Josimar Moreno Natasha Moura dos Reis Nilomar Portela Manaus, AM dia 17 de Setembro de 2015. 1
  • 2. • Vulcanismo é um fenômeno geológico que ocorre do interior da Terra para a superfície. • Os vulcões são considerados fontes de observações científicas. Vulcanismo Vulcão em erupção 2
  • 3. 3
  • 4. • Vulcões ativos há mais de 4 bilhões de anos liberaram enormes volumes de água e outros elementos, que formaram nossos primeiros oceanos e a atmosfera primitiva. • A magnitude dos eventos vulcânicos é altamente variável. • Lavas: é o material rochoso em estado de fusão que extravasa a superfície. 4
  • 5. • Tipos de lavas: Basálticas - é o tipo de lava mais comum nos derrames, com temperaturas entre 1.000 e 1.200 ºC. Lavas basálticas 5
  • 6. Almofadadas: São acumulações subaquáticas, resulta de um comportamento plástico entre o magma basáltico, que em contato com água fria, resfria. Lavas almofadadas 6
  • 7. • Lava pahoehoe: é mais comum nos vulcões do Havaí. Quando a lava basáltica entra em contato com o ar, resfria e forma uma crosta fina. • Lava aa: forma-se quando o escape dos gases dissolvidos no magma causa rápido aumento da viscosidade. • Lavas riolíticas e andesiticas: têm uma composição mais diferenciada, apresentam temperaturas entre 800 e 1000 ºC, possuem a cor clara e avermelhada. 7
  • 8. • São conhecidos por vulcanoclastos e piroclastos; • Os vulcanoclastos são formados pela erosão e os piroclastos refere-se a materiais lançados na atmosfera por erupções explosivas; • O material particulado mais fino é constituído por cinzas e poeira que geralmente unem-se para formar o lapillito. • As bombas vulcânicas tem aparência retorcida e são resultantes da consolidação durante sua trajetória no ar; Fragmentos Vulcânicos 8
  • 10. Depósitos piroclásticos • São conhecidos por vulcanoclastos e piroclastos; • Os vulcanoclastos são formados pela erosão e os piroclastos refere-se a materiais lançados na atmosfera por erupções explosivas; • O material particulado mais fino é constituído por cinzas e poeira que geralmente unem-se para formar o lapillito. • As bombas vulcânicas tem aparência retorcida e são resultantes da consolidação durante sua trajetória no ar; 10
  • 11. Depósito piroclástico Brechas vulcanicas Brecha vulcanica detalhe 11
  • 12. • Os depósitos de fluxo piroclástico são misturas de fragmentos, partículas de rocha e gases quentes que movem-se pelo seu próprio peso; • Os fluxos piroclásticos são uma avalanche de cinzas quentes, pedra-pomes, fragmentos de rocha e gases vulcânicos que corre tão rápido quanto a 100 km/h. • As nuvens ardentes representam torrentes de baixa densidade que se expandem de maneira rápida, ensurdecedora e com altíssima temperatura; 12
  • 15. MORFOLOGIA VULCÂNICA  As formas dependem de alguns fatores;  Gases, tipo de lava, temperatura da lava; 15
  • 16. MORFOLOGIA VULCÂNICAS Cratera Vulcânica- krater (grego) = vaso de boca larga; https://www.google.com.br/search?q=vulcao+inativo 16
  • 17. MORFOLOGIA VULCÂNICA Caldeira Vulcânica – caldaria (latim) https://www.google.com.br/search?q=caldeira+de+vulcão 17
  • 19. Estilos Eruptivos Erupções fissurais Cortina de fogo Erupção fissural 19
  • 23. Classificação vulcânica • Ativo: – Cerca de 600; – Havaí; – Kilauea; • Inativo: – Cerca de 5 mil crateras; – Não está em erupção; – Futuramente pode entrar em erupção; – São os mais perigosos; 23
  • 24. Tipos de vulcões • Escudo: – Havaí e Islândia; – Mauna Loa (9000 m e 120 Km d). • Cones de escórias: – Pequenos, menores que 300 m; – Erupção de magmas de baixa viscosidade. 24
  • 25. Tipos de vulcões • Estratovulcões (compostos): – Grandes, forma cônica e com cratera no cume; – Teide; Monte Fuji; Catopaxi; Mayon e o Monte Rainier; – Mais mortífero; – 264.000 vítimas. • Caldeiras ressurgentes: – De maior estrutura (15 e 100 Km²); • Submarinos: – Comuns em certos fundos oceânicos; 25
  • 26. Tipos de vulcões Escudo Estratovulcão Cone de escora Caldeiras ressurgentes 26
  • 28. Hot Spot • J. Tuzo Wilson, teoria do hotspot 1963; • “A placa pacífica, desloca-se sobre um ponto quente estacionário, no manto, localizado sob a atual posição da ilha do Hawaii;” • “É este ponto quente que proporciona uma fonte persistente de magma, através da fusão parcial da parte da placa pacífica sobrejacente; 28
  • 29. Hot Spot • Cerca de 50 pontos quentes; • Formação de ilhas oceânicas; – Açores; – Madeira; – Cabo verde – Islândia; – Havaí; – Fernando de Noronha; – Yellowstone. 29
  • 30. Referências • TEIXEIRA, Wilson et al- Decifrando a Terra – 1º ed. 2000. Editora Nacional. 30