SlideShare uma empresa Scribd logo
Empresas perdem até 33% do
montante total da folha por
problemas de saúde da equipe.
O PROBLEMA PODE
NÃO SER A CRISE
ECONÔMICA
www.requisito.com.br
PRESENTEÍSMO MÉDICO
1) Prejuízo 3 vezes maior
o que o absenteísmo;
2) Desmotiva o colaborador
e sua equipe;
3) Overhead gerencial
na produção.
ABSENTEÍSMO MÉDICO
1) Perda da produção diária;
2) Custo substituição;
3) Custos médicos;
4) Overhead administrativo
no departamento de RH.
ALTA
ROTATIVIDADE
BAIXA
PRODUTIVIDADE
BAIXO LUCRO
REDUÇÃO DE
CREDIBILDIADE
www.requisito.com.br
Quanto impacta
na prática?
www.requisito.com.br
Caso de indústria farmacêutica
com 7 mil colaboradores no Brasil
PREJUÍZO MEDIDO DO
ABSENTEÍSMO MÉDICO
R$ 1,5 milhão a.m.
ABSENTEÍSMO
MÉDICO
10% dos dias úteis a.m.
PREJUÍZO ESTIMADO DO
PRESENTEÍSMO MÉDICO
R$ 4,5 milhão a.m.
www.requisito.com.br
Existe solução para mitigar
os problemas de saúde
Programas de Qualidade de Vida no Trabalho (QVT)
bem estruturados geram ROI de aproximadamente 6x
www.requisito.com.br
• Aumento de produtividade e do lucro
• Redução da rotatividade de RH
• Controle dos custos com Planos de Saúde
• Aumento da atratividade de novos colaboradores
• Estabelecimento de vantagem competitiva
Contribuições da QVT para a empresa
www.requisito.com.br
Exemplos de quem se interessa por QVT
Finalistas do XVII Prêmio Nacional de Qualidade de Vida - CICLO 2014
... e todas demais as boas empresas do Brasil.
www.requisito.com.br
Empresas que investem em
saúde são mais produtivas?
Estudo de caso.
www.requisito.com.br
O que um programa de QVT
precisa para funcionar?
www.requisito.com.br
• Recrutar Profissionais da Saúde e Esporte
• Avaliar (examinar) colaboradores com baixo custo
• Definir atividades sob medida para o público
• Engajar o público nas atividades de QVT
• Gerir todas as verticais do programa de QVT
• Indicadores (quantitativos) técnicos;
• Indicadores (quantitativos) econômicos;
• Indicadores (qualitativos) de satisfação.
Desafios do programa de QVT
www.requisito.com.br
A Requisito resolve
esses problemas.
Software especializado facilita a implantação e a gestão
de programas de QVT.
www.requisito.com.br
293
7
3
44
57
1
32
22
8
105
2
2
26
156
92
309
26
3
15
14
42
26
20
1583
5
Rede com
mais de 1,5 mil
prestadores
parceiros
www.requisito.com.br
www.requisito.com.br
Reeducação comportamental
Colaboradores
publicam bons
resultados e a
empresa nas
redes sociais
www.requisito.com.br
www.requisito.com.br
Motivação por gamificação
www.requisito.com.br
Indicadores técnicos
www.requisito.com.br
Indicadores econômicos
VACINAÇÃO (INFLUENZA)
Equipe Operacional
Investimento: R$10.400
Horizonte (anos): 1
IRR: 108%
NPV: R$ 218.450
Equipe Gerencial
Investimento: R$2.560
Horizonte (anos): 1
IRR: 328%
NPV: R$260.683
ACADEMIA
Equipe operacional
Investimento: R$3.744.000
Horizonte (anos): 10
IRR: 30.5%
NPV: R$4.079.241
Equipe Gerencial
Investimento: R$892.800
Horizonte (anos): 10
IRR: 143.5%
NPV: R$6.292.074
www.requisito.com.br
OTIMIZAÇÃO GESTÃO EXECUÇÃO
O PROBLEMA PODE
NÃO SER A CRISE
ECONÔMICA
Programas de QVT simples,
porém bem definidos e bem
geridos, fazem a diferença. Seja
mais competitivo com a
Requisito Tecnologia.
www.requisito.com.br
Benefícios para a gestão
• Indicadores econômicos para justificar investimentos em cada um
dos programas de QVT;
• Indicadores técnicos para justificar a escolha de programas
específicos de QVT;
• Indicadores operacionais da condução do programa de QVT para
aumentar sua eficiência (número de pessoas atendidas) e eficácia
(resultados das pessoas atendidas);
• Indicadores qualitativos diversos, por exemplo, para avaliar clima
organizacional, condições psicológicas e/ou satisfação com o
programa de QVT.
www.requisito.com.br
Benefícios para a operação
• Menor tempo para implantação e gestão do programa de QVT;
• Menor trabalho do departamento de RH e da equipe de Saúde e
Esporte;
• Facilidade para treinamento técnico (protocolos) e operacional
(software único para todos) de equipes interdisciplinares de Saúde e
Esporte;
• Validação (verificação) automatizada de dados imputados pelos
Profissionais da Saúde e do Esporte;
• Centralização e acesso facilitado a todos os dados do programa de
QVT;
• Solução tolerante à ausência de Internet (redundante);
• Solução flexível (customizável) para demandas de qualquer empresa;
• Passível de integração com software de Medicina Ocupacional.
www.requisito.com.br
Benefícios para mobilização
• Apresentação de dados de saúde e esportivos para os
colaboradores (prontuário on-line);
• Incentivo à divulgação de casos de sucesso de QVT vinculados à
marca da empresa (marketing digital e redução comportamental)
nas redes sociais;
• Integração de dados de saúde e esportivos de toda a família;
• Gamificação pautada na individualidade biológica.

Mais conteúdo relacionado

Destaque (16)

Ergonomia - Conceitos
Ergonomia - ConceitosErgonomia - Conceitos
Ergonomia - Conceitos
 
Princípios da ergonomia
Princípios da ergonomiaPrincípios da ergonomia
Princípios da ergonomia
 
Comportamento organizacional
Comportamento organizacionalComportamento organizacional
Comportamento organizacional
 
PDCA MASP
PDCA MASPPDCA MASP
PDCA MASP
 
Comportamento Organizacional
Comportamento OrganizacionalComportamento Organizacional
Comportamento Organizacional
 
Comportamento Organizacional
Comportamento OrganizacionalComportamento Organizacional
Comportamento Organizacional
 
Ergonomia no Trabalho, em Casa e na Vida!
Ergonomia no Trabalho, em Casa e na Vida!Ergonomia no Trabalho, em Casa e na Vida!
Ergonomia no Trabalho, em Casa e na Vida!
 
Riscos Ergonômicos
Riscos Ergonômicos Riscos Ergonômicos
Riscos Ergonômicos
 
Palestra sobre Estresse e Qualidade de Vida no Trabalho
Palestra sobre Estresse e Qualidade de Vida no TrabalhoPalestra sobre Estresse e Qualidade de Vida no Trabalho
Palestra sobre Estresse e Qualidade de Vida no Trabalho
 
Comportamento Organizacional
Comportamento OrganizacionalComportamento Organizacional
Comportamento Organizacional
 
Ergonomia
ErgonomiaErgonomia
Ergonomia
 
Slide Show - Qualidade de Vida no trabalho
Slide Show - Qualidade de Vida no trabalho Slide Show - Qualidade de Vida no trabalho
Slide Show - Qualidade de Vida no trabalho
 
Ergonomia
ErgonomiaErgonomia
Ergonomia
 
Slide Qualidade de Vida no Trabalho
Slide Qualidade de Vida no TrabalhoSlide Qualidade de Vida no Trabalho
Slide Qualidade de Vida no Trabalho
 
Ergonomia e Fisiologia do Trabalho
Ergonomia e Fisiologia do TrabalhoErgonomia e Fisiologia do Trabalho
Ergonomia e Fisiologia do Trabalho
 
NR 17 - Ergonomia
NR 17 - ErgonomiaNR 17 - Ergonomia
NR 17 - Ergonomia
 

Semelhante a Solução de apoio à programas de Qualidade de Vida nas empresas (QVT)

PORTIFOLIO POWER POINT - PRONTO.pptx
PORTIFOLIO POWER POINT - PRONTO.pptxPORTIFOLIO POWER POINT - PRONTO.pptx
PORTIFOLIO POWER POINT - PRONTO.pptxKermmeRebouas
 
A Gestão de Benefícios na Retenção de Talentos
A Gestão de Benefícios na Retenção de TalentosA Gestão de Benefícios na Retenção de Talentos
A Gestão de Benefícios na Retenção de TalentosAdriano Carvalho
 
Aula 4 FSBA - Montagem do serviço de Fisioterapia.ppt
Aula 4 FSBA - Montagem do serviço de Fisioterapia.pptAula 4 FSBA - Montagem do serviço de Fisioterapia.ppt
Aula 4 FSBA - Montagem do serviço de Fisioterapia.pptyuri672247
 
O desafio empresarial no cenário trabalhista - Rafael E Kieckbusch
O desafio empresarial no cenário trabalhista - Rafael E KieckbuschO desafio empresarial no cenário trabalhista - Rafael E Kieckbusch
O desafio empresarial no cenário trabalhista - Rafael E KieckbuschSistema FIEB
 
Tendências, cenário e expectativas do setor para 2016
Tendências, cenário e expectativas do setor para 2016Tendências, cenário e expectativas do setor para 2016
Tendências, cenário e expectativas do setor para 2016Pj Eventos
 
Desperdícios em saúde de Irene Minikovski Hahn Qualirede
Desperdícios em saúde de Irene Minikovski Hahn QualiredeDesperdícios em saúde de Irene Minikovski Hahn Qualirede
Desperdícios em saúde de Irene Minikovski Hahn QualiredeIrene Minikovski Hahn
 
Relatorio - Parte 4
Relatorio - Parte 4Relatorio - Parte 4
Relatorio - Parte 4MalinkaNav
 
Escalabilidade, Resiliência e Continuidade de Negócios no Data Center do Futuro
Escalabilidade, Resiliência e Continuidade de Negócios noData Center do FuturoEscalabilidade, Resiliência e Continuidade de Negócios noData Center do Futuro
Escalabilidade, Resiliência e Continuidade de Negócios no Data Center do FuturoSidney Modenesi, MBCI
 
01 janeiro compuware_slideshare
01 janeiro compuware_slideshare01 janeiro compuware_slideshare
01 janeiro compuware_slideshareThaís Pelli
 
Apresentação institucional celpa 2014 geral equatorial day site
Apresentação institucional celpa 2014  geral   equatorial day siteApresentação institucional celpa 2014  geral   equatorial day site
Apresentação institucional celpa 2014 geral equatorial day siteEquatorialRI
 
O sistema elétrico brasileiro e os impactos da privatização da Eletrobras - ADVB
O sistema elétrico brasileiro e os impactos da privatização da Eletrobras - ADVBO sistema elétrico brasileiro e os impactos da privatização da Eletrobras - ADVB
O sistema elétrico brasileiro e os impactos da privatização da Eletrobras - ADVBADVB
 
Teleconferência 3T17
 Teleconferência 3T17 Teleconferência 3T17
Teleconferência 3T17ItauRI
 
Equipes alto desempenho
Equipes alto desempenhoEquipes alto desempenho
Equipes alto desempenhoPeter Mello
 
Bis basic industrial skills - edição 001 - taticas para vencer a crise - p...
Bis   basic industrial skills -  edição 001 - taticas para vencer a crise - p...Bis   basic industrial skills -  edição 001 - taticas para vencer a crise - p...
Bis basic industrial skills - edição 001 - taticas para vencer a crise - p...Licio Melo
 
[BPM Day PE 2014] Leandro Jesus (ABPMP) – BPM como estratégia para o crescim...
 [BPM Day PE 2014] Leandro Jesus (ABPMP) – BPM como estratégia para o crescim... [BPM Day PE 2014] Leandro Jesus (ABPMP) – BPM como estratégia para o crescim...
[BPM Day PE 2014] Leandro Jesus (ABPMP) – BPM como estratégia para o crescim...EloGroup
 

Semelhante a Solução de apoio à programas de Qualidade de Vida nas empresas (QVT) (20)

PORTIFOLIO POWER POINT - PRONTO.pptx
PORTIFOLIO POWER POINT - PRONTO.pptxPORTIFOLIO POWER POINT - PRONTO.pptx
PORTIFOLIO POWER POINT - PRONTO.pptx
 
A Gestão de Benefícios na Retenção de Talentos
A Gestão de Benefícios na Retenção de TalentosA Gestão de Benefícios na Retenção de Talentos
A Gestão de Benefícios na Retenção de Talentos
 
Aula 4 FSBA - Montagem do serviço de Fisioterapia.ppt
Aula 4 FSBA - Montagem do serviço de Fisioterapia.pptAula 4 FSBA - Montagem do serviço de Fisioterapia.ppt
Aula 4 FSBA - Montagem do serviço de Fisioterapia.ppt
 
Como obter melhores resultados com os recursos atuais - fazer mais com menos
Como obter melhores resultados com os recursos atuais - fazer mais com menosComo obter melhores resultados com os recursos atuais - fazer mais com menos
Como obter melhores resultados com os recursos atuais - fazer mais com menos
 
O desafio empresarial no cenário trabalhista - Rafael E Kieckbusch
O desafio empresarial no cenário trabalhista - Rafael E KieckbuschO desafio empresarial no cenário trabalhista - Rafael E Kieckbusch
O desafio empresarial no cenário trabalhista - Rafael E Kieckbusch
 
Tendências, cenário e expectativas do setor para 2016
Tendências, cenário e expectativas do setor para 2016Tendências, cenário e expectativas do setor para 2016
Tendências, cenário e expectativas do setor para 2016
 
Pitch - Foccos Tecnologia
Pitch - Foccos TecnologiaPitch - Foccos Tecnologia
Pitch - Foccos Tecnologia
 
Desperdícios em saúde de Irene Minikovski Hahn Qualirede
Desperdícios em saúde de Irene Minikovski Hahn QualiredeDesperdícios em saúde de Irene Minikovski Hahn Qualirede
Desperdícios em saúde de Irene Minikovski Hahn Qualirede
 
Relatorio - Parte 4
Relatorio - Parte 4Relatorio - Parte 4
Relatorio - Parte 4
 
006343000101011 (1)
006343000101011 (1)006343000101011 (1)
006343000101011 (1)
 
Escalabilidade, Resiliência e Continuidade de Negócios no Data Center do Futuro
Escalabilidade, Resiliência e Continuidade de Negócios noData Center do FuturoEscalabilidade, Resiliência e Continuidade de Negócios noData Center do Futuro
Escalabilidade, Resiliência e Continuidade de Negócios no Data Center do Futuro
 
01 janeiro compuware_slideshare
01 janeiro compuware_slideshare01 janeiro compuware_slideshare
01 janeiro compuware_slideshare
 
Apresentação institucional celpa 2014 geral equatorial day site
Apresentação institucional celpa 2014  geral   equatorial day siteApresentação institucional celpa 2014  geral   equatorial day site
Apresentação institucional celpa 2014 geral equatorial day site
 
O sistema elétrico brasileiro e os impactos da privatização da Eletrobras - ADVB
O sistema elétrico brasileiro e os impactos da privatização da Eletrobras - ADVBO sistema elétrico brasileiro e os impactos da privatização da Eletrobras - ADVB
O sistema elétrico brasileiro e os impactos da privatização da Eletrobras - ADVB
 
Sistemas para saúde 04
Sistemas para saúde 04Sistemas para saúde 04
Sistemas para saúde 04
 
Workshop Orçamento Positivo - 04/11/2015
Workshop Orçamento Positivo - 04/11/2015Workshop Orçamento Positivo - 04/11/2015
Workshop Orçamento Positivo - 04/11/2015
 
Teleconferência 3T17
 Teleconferência 3T17 Teleconferência 3T17
Teleconferência 3T17
 
Equipes alto desempenho
Equipes alto desempenhoEquipes alto desempenho
Equipes alto desempenho
 
Bis basic industrial skills - edição 001 - taticas para vencer a crise - p...
Bis   basic industrial skills -  edição 001 - taticas para vencer a crise - p...Bis   basic industrial skills -  edição 001 - taticas para vencer a crise - p...
Bis basic industrial skills - edição 001 - taticas para vencer a crise - p...
 
[BPM Day PE 2014] Leandro Jesus (ABPMP) – BPM como estratégia para o crescim...
 [BPM Day PE 2014] Leandro Jesus (ABPMP) – BPM como estratégia para o crescim... [BPM Day PE 2014] Leandro Jesus (ABPMP) – BPM como estratégia para o crescim...
[BPM Day PE 2014] Leandro Jesus (ABPMP) – BPM como estratégia para o crescim...
 

Solução de apoio à programas de Qualidade de Vida nas empresas (QVT)