SlideShare uma empresa Scribd logo
O SOLO
Ciências Naturais
5º ano
Maria João
O que é o solo?
É uma mistura de diversos componentes:
•Material rochoso alterado
•Minerais
•Matéria orgânica
•Água
•Ar
O que é o solo?
Composição típica de um solo:
A – 2
B – 1
C – 4
D – 2
E – 3
F – 1
Qual a relação entre as rochas e o
solo?
Horizontes de um solo
Os vários horizontes de
um solo distinguem-se
pela cor e por a textura.
Solo PP 2
Funções do solo
•Suporta o crescimento das plantas
•Transforma a matéria morta em matéria mineral
•Habitat de milhões de seres vivos
•Controla o movimento e qualidade das águas
Solo PP 2
Solo PP 2
Solo PP 2
Solo PP 2
Solo PP 2
Génese dos solos
Filme
Pág.31
As rochas estão sujeitas a alterações e à erosão.
Rochas
Agentes
atmosféricos
Água líquida Gelo
Variação da
temperatura
Agentes biológicos
Ex: seres vivos
(plantas de
pequeno porte e
pequenos animais
Génese dos solos
Alteração das rochas: fragmentação da rocha em pedaços mais pequenos
Génese dos solos
Erosão das rochas: fragmentação da rocha em pedaços mais pequenos
Génese dos solos
Questões aula, pág. 32
1. A génese de um solo consiste na diferenciação dos horizontes do solo.
2. Agentes atmosféricos e agentes biológicos.
Filme
Pág.32
Perfil de um solo
É o conjunto de horizontes observados num corte vertical do terreno.
Filme
Pág.32
Solo Franco
Proporção equilibrada de areia,
argila e matéria orgânica.
São os melhores solos para a
agricultura por serem fáceis de
trabalhar e também por reterem a
água e a matéria mineral que as
plantas necessitam.
Tipo de solo
Solo Calcário
Vermelhos ou pardos.
Provêm das rochas calcárias.
Tipo de solo
Solo Argiloso
Constituído por 50% de argila.
Retêm grande quantidade de
água. ( não utilizável).
Difíceis de trabalhar.
Tipo de solo
Solo arenoso
Constituído por bastante areia.
Não retêm água.
Fáceis de trabalhar mas não
retêm água.
Pouco férteis.
Tipo de solo
Relaciona, pág. 35
A – 4; B – 2; C – 3; D – 1; E – 4; F – 3; G – 4; H – 2; I – 1; J – 3; K – 1.
Solo PP 2
Principais causas da degradação do solo
•Erosão (água, vento)
•Utilização excessiva de adubos;
Métodos de conservação do solo
•Mobilização de conservação
•Sementeira direta
•Lavra segundo as curvas de nível;
Verifica o que aprendeste, pág. 41
1.1. A – Rocha-mãe.
B – Alteração da rocha pelos agentes atmosféricos.
C – Fragmentos de rocha.
D – Transformação em fragmentos mais pequenos e crescimento de plantas.
E – Formação do húmus.
1.2. Água líquida e gelo.
2.1. O solo é uma mistura de material rochoso alterado, minerais, matéria orgânica, água
e ar.
2.2. 1 – Folhas, ramos e detritos de plantas e animais em decomposição.
2 – Húmus.
3 – Fragmentos de rocha.
4 – Rocha-mãe.
2.3. As bactérias, fungos e os animais do solo transformam os detritos dos seres vivos
em húmus.
2.4. O húmus é uma mistura negra de materiais orgânicos e minerais resultante da
decomposição de restos de seres vivos.
2.5. A formação de um solo a partir da alteração e erosão da rocha-mãe envolve
processos que demoram milhares de anos.
3.1. Os alunos reutilizaram um frasco de vidro incolor, no qual colocaram, pela seguinte
ordem: calhaus, pequenos fragmentos de rocha, areia, areia com solo, folhas secas,
ramos, ossos e penas.
3.2. 1 – Horizonte O; 2 – Horizonte A; 3 – Horizonte B; 4 – Horizonte C; 5 – Rocha-mãe.
3.3. A camada que contém húmus é a camada 1.
3.4. Os minerais constituintes do solo tiveram origem na camada 5: rocha-mãe.
4.1. A amostra de solo que reteve maior quantidade de água foi o solo A.
4.2. Permeabilidade do solo.
4.3. A amostra A, porque não deixou passar tanta água, isto é, menos permeável.
4.4. Massa do solo, volume de água e tempo.
5.1. A – 2; B – 3; C – 4; D – 1.
5.2. Irrigação por aspersão e rega gota a gota.
9.3. Permeabilidade.
5.3. Adubação natural.
6. Mobilização de conservação, sementeira direta, lavra segundo as curvas de nível.
7.1. A causa da erosão do solo referida no texto são os incêndios florestais.
7.2. A água das chuvas e o vento.
7.3. “(…) a contaminação de águas e a perda de solo produtivo.”
7.4. Reflorestação da serra.
8.1. A – Ar / Água; B – Minerais; C – Matéria orgânica; D – Ar / Água.
8.2. Rocha-mãe.
8.3. A matéria orgânica é muito importante porque aumenta a fertilidade do solo.
9.1. A – Solo argiloso; B – Solo arenoso.
9.2. O solo argiloso retém grande quantidade de água e é difícil de utilizar na
agricultura. O solo arenoso não retém água e é fácil de trabalhar.
Rochas e minerais
Litosfera: parte da superfície terrestre formada por rochas.
Rocha: são agregados naturais constituídos por um ou mais
minerais existentes à superfície ou no subsolo.
Rocha
Magmáticas
Forma-se em
profundidade
(minerais visíveis)
Forma-se à superfície
(cristais microscópicos)
Sedimentares
Acumulação e união de
sedimentos
Metamórficas
Aumento de pressão e
temperatura
(aspeto laminado e os
minerais alinhados em
camadas)
Que tipos de rochas existem em Portugal?
As rochas são massas de natureza mineral existentes à superfície ou no
subsolo.
Uma paisagem geológica é uma extensão de terreno que se caracteriza pela
existência de vários tipos de rocha.
As principais rochas que caracterizam a paisagem geológica portuguesa são:
Calcário GranitoXistoArdósia Basalto
GranitoBasaltoXistoCalcário Ardósia

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ctic5 fichas de_avaliacao (5)
Ctic5 fichas de_avaliacao (5)Ctic5 fichas de_avaliacao (5)
Ctic5 fichas de_avaliacao (5)
liliana867102
 
Ciências 8º ano - Célula
Ciências 8º ano - CélulaCiências 8º ano - Célula
Ciências 8º ano - Célula
Espaço Crescer Centro de Estudos
 
Física e Química 7º Ano - Resumo
Física e Química 7º Ano - ResumoFísica e Química 7º Ano - Resumo
Física e Química 7º Ano - Resumo
ricardodavidtt
 
Plantas (Alimentação)
Plantas (Alimentação)Plantas (Alimentação)
Plantas (Alimentação)
António Machado
 
Fatores de formação do solo
Fatores de formação do soloFatores de formação do solo
Fatores de formação do solo
Leandro Araujo
 
Solos
SolosSolos
Solos
Neila
 
As rochas
As rochasAs rochas
Testes de Ciências Naturais
Testes de Ciências NaturaisTestes de Ciências Naturais
Testes de Ciências Naturais
Paulo Almeida
 
1 rochas e minerais
1  rochas e minerais1  rochas e minerais
1 rochas e minerais
xanapat
 
Fatores abióticos: solo
Fatores abióticos: solo Fatores abióticos: solo
Fatores abióticos: solo
Ana Castro
 
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º períodoResumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
Acima da Média
 
Ficha 5 - Minerais e Rochas Magmáticas
Ficha 5 - Minerais e Rochas MagmáticasFicha 5 - Minerais e Rochas Magmáticas
Ficha 5 - Minerais e Rochas Magmáticas
CristinaVianaPedro
 
ciencias-naturais-teste-sobre-minerais-e-rochas
ciencias-naturais-teste-sobre-minerais-e-rochasciencias-naturais-teste-sobre-minerais-e-rochas
ciencias-naturais-teste-sobre-minerais-e-rochas
Catarina Pereira
 
Fatores abióticos - solo e vento
Fatores abióticos - solo e ventoFatores abióticos - solo e vento
Fatores abióticos - solo e vento
Luís Filipe Marinho
 
5. teste diagnóstico importância da água para os seres vivos (2)
5. teste diagnóstico    importância da água para os seres vivos (2)5. teste diagnóstico    importância da água para os seres vivos (2)
5. teste diagnóstico importância da água para os seres vivos (2)
Susana Ferrão
 
Ficha formativa subsistemas terrestres
Ficha formativa subsistemas terrestresFicha formativa subsistemas terrestres
Ficha formativa subsistemas terrestres
N C
 
Trabalho sobre fósseis 7ºano
Trabalho sobre fósseis 7ºanoTrabalho sobre fósseis 7ºano
Trabalho sobre fósseis 7ºano
HizqeelMajoka
 
Teste plantas 6º
Teste plantas 6ºTeste plantas 6º
Teste plantas 6º
marcommendes
 
Ciencias os tipos de solos e suas caracteristicas
Ciencias   os tipos de solos e suas caracteristicasCiencias   os tipos de solos e suas caracteristicas
Ciencias os tipos de solos e suas caracteristicas
Gustavo Soares
 
Subsistemas
SubsistemasSubsistemas
Subsistemas
Tânia Reis
 

Mais procurados (20)

Ctic5 fichas de_avaliacao (5)
Ctic5 fichas de_avaliacao (5)Ctic5 fichas de_avaliacao (5)
Ctic5 fichas de_avaliacao (5)
 
Ciências 8º ano - Célula
Ciências 8º ano - CélulaCiências 8º ano - Célula
Ciências 8º ano - Célula
 
Física e Química 7º Ano - Resumo
Física e Química 7º Ano - ResumoFísica e Química 7º Ano - Resumo
Física e Química 7º Ano - Resumo
 
Plantas (Alimentação)
Plantas (Alimentação)Plantas (Alimentação)
Plantas (Alimentação)
 
Fatores de formação do solo
Fatores de formação do soloFatores de formação do solo
Fatores de formação do solo
 
Solos
SolosSolos
Solos
 
As rochas
As rochasAs rochas
As rochas
 
Testes de Ciências Naturais
Testes de Ciências NaturaisTestes de Ciências Naturais
Testes de Ciências Naturais
 
1 rochas e minerais
1  rochas e minerais1  rochas e minerais
1 rochas e minerais
 
Fatores abióticos: solo
Fatores abióticos: solo Fatores abióticos: solo
Fatores abióticos: solo
 
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º períodoResumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
 
Ficha 5 - Minerais e Rochas Magmáticas
Ficha 5 - Minerais e Rochas MagmáticasFicha 5 - Minerais e Rochas Magmáticas
Ficha 5 - Minerais e Rochas Magmáticas
 
ciencias-naturais-teste-sobre-minerais-e-rochas
ciencias-naturais-teste-sobre-minerais-e-rochasciencias-naturais-teste-sobre-minerais-e-rochas
ciencias-naturais-teste-sobre-minerais-e-rochas
 
Fatores abióticos - solo e vento
Fatores abióticos - solo e ventoFatores abióticos - solo e vento
Fatores abióticos - solo e vento
 
5. teste diagnóstico importância da água para os seres vivos (2)
5. teste diagnóstico    importância da água para os seres vivos (2)5. teste diagnóstico    importância da água para os seres vivos (2)
5. teste diagnóstico importância da água para os seres vivos (2)
 
Ficha formativa subsistemas terrestres
Ficha formativa subsistemas terrestresFicha formativa subsistemas terrestres
Ficha formativa subsistemas terrestres
 
Trabalho sobre fósseis 7ºano
Trabalho sobre fósseis 7ºanoTrabalho sobre fósseis 7ºano
Trabalho sobre fósseis 7ºano
 
Teste plantas 6º
Teste plantas 6ºTeste plantas 6º
Teste plantas 6º
 
Ciencias os tipos de solos e suas caracteristicas
Ciencias   os tipos de solos e suas caracteristicasCiencias   os tipos de solos e suas caracteristicas
Ciencias os tipos de solos e suas caracteristicas
 
Subsistemas
SubsistemasSubsistemas
Subsistemas
 

Destaque

Solo
SoloSolo
Formação de solos
Formação de solosFormação de solos
Formação de solos
Leandro Oliveira
 
Condições Do Planeta Terra Que Permitem A ExistêNcia De Vida
Condições Do Planeta Terra Que Permitem A ExistêNcia De VidaCondições Do Planeta Terra Que Permitem A ExistêNcia De Vida
Condições Do Planeta Terra Que Permitem A ExistêNcia De Vida
Isabel Lopes
 
Solo - Factor Abiotico
Solo - Factor AbioticoSolo - Factor Abiotico
Solo - Factor Abiotico
Raquel Figueiredo
 
Solos formação para pdf
Solos formação para pdfSolos formação para pdf
Solos formação para pdf
Adriana Gotschalg
 
História das Bases da Sistemática de Classificação
História das Bases da Sistemática de ClassificaçãoHistória das Bases da Sistemática de Classificação
História das Bases da Sistemática de Classificação
Zenon Filho
 
Os recursos da litosfera
Os recursos da litosferaOs recursos da litosfera
Os recursos da litosfera
Gintoki Gintama
 
Vt5 teste 1
Vt5  teste 1Vt5  teste 1
Vt5 teste 1
Victor Martins
 
Ar fenômenos naturais
Ar fenômenos naturaisAr fenômenos naturais
Ar fenômenos naturais
Adriana Gotschalg
 
Recursos naturais
Recursos naturaisRecursos naturais
Recursos naturais
Thais Eastwood Vaine
 
Aula 04 processos de formação do solo
Aula 04   processos de formação do soloAula 04   processos de formação do solo
Aula 04 processos de formação do solo
Jadson Belem de Moura
 
PoluiçãO Do Solo
PoluiçãO Do SoloPoluiçãO Do Solo
PoluiçãO Do Solo
ecsette
 
PP1 Biosfera
PP1 Biosfera PP1 Biosfera
PP1 Biosfera
MariaJoão Agualuza
 
Cartilha Meio Ambiente - Tema: Solo
Cartilha Meio Ambiente - Tema: SoloCartilha Meio Ambiente - Tema: Solo
Cartilha Meio Ambiente - Tema: Solo
Florespi
 
Dia Mundial da Alimentação 2016
Dia Mundial da Alimentação 2016Dia Mundial da Alimentação 2016
Dia Mundial da Alimentação 2016
MariaJoão Agualuza
 
Solos
SolosSolos
Água: importância, distribuição e estados físicos
Água: importância, distribuição e estados físicosÁgua: importância, distribuição e estados físicos
Água: importância, distribuição e estados físicos
Marcia Regina
 
7 fatores abioticos-solo
7 fatores abioticos-solo7 fatores abioticos-solo
7 fatores abioticos-solo
Maria João Drumond
 
Poluição agua
Poluição aguaPoluição agua
Poluição agua
adelinacgomes
 
Aula 05 matéria orgânica do solo
Aula 05  matéria orgânica do soloAula 05  matéria orgânica do solo
Aula 05 matéria orgânica do solo
Jadson Belem de Moura
 

Destaque (20)

Solo
SoloSolo
Solo
 
Formação de solos
Formação de solosFormação de solos
Formação de solos
 
Condições Do Planeta Terra Que Permitem A ExistêNcia De Vida
Condições Do Planeta Terra Que Permitem A ExistêNcia De VidaCondições Do Planeta Terra Que Permitem A ExistêNcia De Vida
Condições Do Planeta Terra Que Permitem A ExistêNcia De Vida
 
Solo - Factor Abiotico
Solo - Factor AbioticoSolo - Factor Abiotico
Solo - Factor Abiotico
 
Solos formação para pdf
Solos formação para pdfSolos formação para pdf
Solos formação para pdf
 
História das Bases da Sistemática de Classificação
História das Bases da Sistemática de ClassificaçãoHistória das Bases da Sistemática de Classificação
História das Bases da Sistemática de Classificação
 
Os recursos da litosfera
Os recursos da litosferaOs recursos da litosfera
Os recursos da litosfera
 
Vt5 teste 1
Vt5  teste 1Vt5  teste 1
Vt5 teste 1
 
Ar fenômenos naturais
Ar fenômenos naturaisAr fenômenos naturais
Ar fenômenos naturais
 
Recursos naturais
Recursos naturaisRecursos naturais
Recursos naturais
 
Aula 04 processos de formação do solo
Aula 04   processos de formação do soloAula 04   processos de formação do solo
Aula 04 processos de formação do solo
 
PoluiçãO Do Solo
PoluiçãO Do SoloPoluiçãO Do Solo
PoluiçãO Do Solo
 
PP1 Biosfera
PP1 Biosfera PP1 Biosfera
PP1 Biosfera
 
Cartilha Meio Ambiente - Tema: Solo
Cartilha Meio Ambiente - Tema: SoloCartilha Meio Ambiente - Tema: Solo
Cartilha Meio Ambiente - Tema: Solo
 
Dia Mundial da Alimentação 2016
Dia Mundial da Alimentação 2016Dia Mundial da Alimentação 2016
Dia Mundial da Alimentação 2016
 
Solos
SolosSolos
Solos
 
Água: importância, distribuição e estados físicos
Água: importância, distribuição e estados físicosÁgua: importância, distribuição e estados físicos
Água: importância, distribuição e estados físicos
 
7 fatores abioticos-solo
7 fatores abioticos-solo7 fatores abioticos-solo
7 fatores abioticos-solo
 
Poluição agua
Poluição aguaPoluição agua
Poluição agua
 
Aula 05 matéria orgânica do solo
Aula 05  matéria orgânica do soloAula 05  matéria orgânica do solo
Aula 05 matéria orgânica do solo
 

Semelhante a Solo PP 2

C t1
C t1C t1
O solo
O soloO solo
Brozura solos bie
Brozura solos bieBrozura solos bie
Brozura solos bie
Lóide Chivinda
 
6 - Solos.pptx
6 - Solos.pptx6 - Solos.pptx
6 - Solos.pptx
Pedro681200
 
Manejo e conservação do solo e água.pptx
Manejo e conservação do solo e água.pptxManejo e conservação do solo e água.pptx
Manejo e conservação do solo e água.pptx
RayaneReis14
 
Intemperismo apresentação
Intemperismo apresentaçãoIntemperismo apresentação
Intemperismo apresentação
Luis Aurelio Sanches
 
Ciências do Ambiente - Cap 4 - Meio terrestre: características e poluição
Ciências do Ambiente - Cap 4 - Meio terrestre: características e poluiçãoCiências do Ambiente - Cap 4 - Meio terrestre: características e poluição
Ciências do Ambiente - Cap 4 - Meio terrestre: características e poluição
elonvila
 
Os solos e seus usos - Aulas 6 e 7 Geografia 2º Ano
Os solos e seus usos - Aulas 6 e 7 Geografia  2º AnoOs solos e seus usos - Aulas 6 e 7 Geografia  2º Ano
Os solos e seus usos - Aulas 6 e 7 Geografia 2º Ano
Fellipe Prado
 
SOLO, ORIGEM E FORMAÇÃO
SOLO, ORIGEM E FORMAÇÃOSOLO, ORIGEM E FORMAÇÃO
SOLO, ORIGEM E FORMAÇÃO
Conceição Fontolan
 
1geo15
1geo151geo15
1geo15
NTE_Itaocara
 
Solos
SolosSolos
powerpoint-solo-100405103213-phpapp01.ppt
powerpoint-solo-100405103213-phpapp01.pptpowerpoint-solo-100405103213-phpapp01.ppt
powerpoint-solo-100405103213-phpapp01.ppt
RhuanPablo26
 
Solos
SolosSolos
Tipos de solo e suas características
Tipos de solo e suas característicasTipos de solo e suas características
Tipos de solo e suas características
philipe8
 
Tipos de solos
Tipos de solosTipos de solos
Tipos de solos
dela28
 
2 solo 3
2   solo 32   solo 3
2 solo 3
Teresa Santos
 
UNIDADE I - SOLOS, ORIGEM, FORMAÇÃO E MINERAis CONSTITUINTES
UNIDADE I - SOLOS, ORIGEM, FORMAÇÃO E MINERAis CONSTITUINTESUNIDADE I - SOLOS, ORIGEM, FORMAÇÃO E MINERAis CONSTITUINTES
UNIDADE I - SOLOS, ORIGEM, FORMAÇÃO E MINERAis CONSTITUINTES
Rodrigo Andrade Brígido
 
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ
 
Intemperismo e formação dos solos
Intemperismo e formação dos solosIntemperismo e formação dos solos
Intemperismo e formação dos solos
Giovanna Martins
 
Formação
FormaçãoFormação
Formação
brenohsouza
 

Semelhante a Solo PP 2 (20)

C t1
C t1C t1
C t1
 
O solo
O soloO solo
O solo
 
Brozura solos bie
Brozura solos bieBrozura solos bie
Brozura solos bie
 
6 - Solos.pptx
6 - Solos.pptx6 - Solos.pptx
6 - Solos.pptx
 
Manejo e conservação do solo e água.pptx
Manejo e conservação do solo e água.pptxManejo e conservação do solo e água.pptx
Manejo e conservação do solo e água.pptx
 
Intemperismo apresentação
Intemperismo apresentaçãoIntemperismo apresentação
Intemperismo apresentação
 
Ciências do Ambiente - Cap 4 - Meio terrestre: características e poluição
Ciências do Ambiente - Cap 4 - Meio terrestre: características e poluiçãoCiências do Ambiente - Cap 4 - Meio terrestre: características e poluição
Ciências do Ambiente - Cap 4 - Meio terrestre: características e poluição
 
Os solos e seus usos - Aulas 6 e 7 Geografia 2º Ano
Os solos e seus usos - Aulas 6 e 7 Geografia  2º AnoOs solos e seus usos - Aulas 6 e 7 Geografia  2º Ano
Os solos e seus usos - Aulas 6 e 7 Geografia 2º Ano
 
SOLO, ORIGEM E FORMAÇÃO
SOLO, ORIGEM E FORMAÇÃOSOLO, ORIGEM E FORMAÇÃO
SOLO, ORIGEM E FORMAÇÃO
 
1geo15
1geo151geo15
1geo15
 
Solos
SolosSolos
Solos
 
powerpoint-solo-100405103213-phpapp01.ppt
powerpoint-solo-100405103213-phpapp01.pptpowerpoint-solo-100405103213-phpapp01.ppt
powerpoint-solo-100405103213-phpapp01.ppt
 
Solos
SolosSolos
Solos
 
Tipos de solo e suas características
Tipos de solo e suas característicasTipos de solo e suas características
Tipos de solo e suas características
 
Tipos de solos
Tipos de solosTipos de solos
Tipos de solos
 
2 solo 3
2   solo 32   solo 3
2 solo 3
 
UNIDADE I - SOLOS, ORIGEM, FORMAÇÃO E MINERAis CONSTITUINTES
UNIDADE I - SOLOS, ORIGEM, FORMAÇÃO E MINERAis CONSTITUINTESUNIDADE I - SOLOS, ORIGEM, FORMAÇÃO E MINERAis CONSTITUINTES
UNIDADE I - SOLOS, ORIGEM, FORMAÇÃO E MINERAis CONSTITUINTES
 
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
 
Intemperismo e formação dos solos
Intemperismo e formação dos solosIntemperismo e formação dos solos
Intemperismo e formação dos solos
 
Formação
FormaçãoFormação
Formação
 

Mais de MariaJoão Agualuza

Reprodução nos Animais - 2.º ciclo 5.º ano
Reprodução nos Animais - 2.º ciclo 5.º anoReprodução nos Animais - 2.º ciclo 5.º ano
Reprodução nos Animais - 2.º ciclo 5.º ano
MariaJoão Agualuza
 
Locomoção dos animais - Ciências Naturais
Locomoção dos animais - Ciências NaturaisLocomoção dos animais - Ciências Naturais
Locomoção dos animais - Ciências Naturais
MariaJoão Agualuza
 
4 FormasSimetriaRevestimento
4 FormasSimetriaRevestimento4 FormasSimetriaRevestimento
4 FormasSimetriaRevestimento
MariaJoão Agualuza
 
3 Revestimento.pptx
3 Revestimento.pptx3 Revestimento.pptx
3 Revestimento.pptx
MariaJoão Agualuza
 
Sistema cardiovascular
Sistema cardiovascularSistema cardiovascular
Sistema cardiovascular
MariaJoão Agualuza
 
Diversidade Animal 5D
Diversidade Animal 5DDiversidade Animal 5D
Diversidade Animal 5D
MariaJoão Agualuza
 
Diversidade Animal 5D
Diversidade Animal 5DDiversidade Animal 5D
Diversidade Animal 5D
MariaJoão Agualuza
 
Animais Reprodução 5F
Animais Reprodução 5F Animais Reprodução 5F
Animais Reprodução 5F
MariaJoão Agualuza
 
Alimentacao 5F
 Alimentacao 5F Alimentacao 5F
Alimentacao 5F
MariaJoão Agualuza
 
Revestimento 5ºF
Revestimento 5ºFRevestimento 5ºF
Revestimento 5ºF
MariaJoão Agualuza
 
Forma dos animais 5F
Forma dos animais 5FForma dos animais 5F
Forma dos animais 5F
MariaJoão Agualuza
 
Animal Reproducao
Animal ReproducaoAnimal Reproducao
Animal Reproducao
MariaJoão Agualuza
 
Animais
Animais Animais
Animais Locomoção
Animais LocomoçãoAnimais Locomoção
Animais Locomoção
MariaJoão Agualuza
 
Animais Revestimento
Animais RevestimentoAnimais Revestimento
Animais Revestimento
MariaJoão Agualuza
 
Animais Revestimento
Animais RevestimentoAnimais Revestimento
Animais Revestimento
MariaJoão Agualuza
 
Formas dos Animais
Formas dos AnimaisFormas dos Animais
Formas dos Animais
MariaJoão Agualuza
 
Grelha Animais de Portugal
Grelha Animais de Portugal Grelha Animais de Portugal
Grelha Animais de Portugal
MariaJoão Agualuza
 
Triangulo angulointerno5ano
Triangulo angulointerno5anoTriangulo angulointerno5ano
Triangulo angulointerno5ano
MariaJoão Agualuza
 
W 5 c_n5
W 5 c_n5W 5 c_n5

Mais de MariaJoão Agualuza (20)

Reprodução nos Animais - 2.º ciclo 5.º ano
Reprodução nos Animais - 2.º ciclo 5.º anoReprodução nos Animais - 2.º ciclo 5.º ano
Reprodução nos Animais - 2.º ciclo 5.º ano
 
Locomoção dos animais - Ciências Naturais
Locomoção dos animais - Ciências NaturaisLocomoção dos animais - Ciências Naturais
Locomoção dos animais - Ciências Naturais
 
4 FormasSimetriaRevestimento
4 FormasSimetriaRevestimento4 FormasSimetriaRevestimento
4 FormasSimetriaRevestimento
 
3 Revestimento.pptx
3 Revestimento.pptx3 Revestimento.pptx
3 Revestimento.pptx
 
Sistema cardiovascular
Sistema cardiovascularSistema cardiovascular
Sistema cardiovascular
 
Diversidade Animal 5D
Diversidade Animal 5DDiversidade Animal 5D
Diversidade Animal 5D
 
Diversidade Animal 5D
Diversidade Animal 5DDiversidade Animal 5D
Diversidade Animal 5D
 
Animais Reprodução 5F
Animais Reprodução 5F Animais Reprodução 5F
Animais Reprodução 5F
 
Alimentacao 5F
 Alimentacao 5F Alimentacao 5F
Alimentacao 5F
 
Revestimento 5ºF
Revestimento 5ºFRevestimento 5ºF
Revestimento 5ºF
 
Forma dos animais 5F
Forma dos animais 5FForma dos animais 5F
Forma dos animais 5F
 
Animal Reproducao
Animal ReproducaoAnimal Reproducao
Animal Reproducao
 
Animais
Animais Animais
Animais
 
Animais Locomoção
Animais LocomoçãoAnimais Locomoção
Animais Locomoção
 
Animais Revestimento
Animais RevestimentoAnimais Revestimento
Animais Revestimento
 
Animais Revestimento
Animais RevestimentoAnimais Revestimento
Animais Revestimento
 
Formas dos Animais
Formas dos AnimaisFormas dos Animais
Formas dos Animais
 
Grelha Animais de Portugal
Grelha Animais de Portugal Grelha Animais de Portugal
Grelha Animais de Portugal
 
Triangulo angulointerno5ano
Triangulo angulointerno5anoTriangulo angulointerno5ano
Triangulo angulointerno5ano
 
W 5 c_n5
W 5 c_n5W 5 c_n5
W 5 c_n5
 

Último

CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CristviaFerreira
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
marcos oliveira
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.pptNR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
Vanessa F. Rezende
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
marcos oliveira
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
marcos oliveira
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 

Último (20)

CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.pptNR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 

Solo PP 2

  • 2. O que é o solo? É uma mistura de diversos componentes: •Material rochoso alterado •Minerais •Matéria orgânica •Água •Ar O que é o solo?
  • 4. A – 2 B – 1 C – 4 D – 2 E – 3 F – 1
  • 5. Qual a relação entre as rochas e o solo?
  • 6. Horizontes de um solo Os vários horizontes de um solo distinguem-se pela cor e por a textura.
  • 8. Funções do solo •Suporta o crescimento das plantas •Transforma a matéria morta em matéria mineral •Habitat de milhões de seres vivos •Controla o movimento e qualidade das águas
  • 14. Génese dos solos Filme Pág.31 As rochas estão sujeitas a alterações e à erosão. Rochas Agentes atmosféricos Água líquida Gelo Variação da temperatura Agentes biológicos Ex: seres vivos (plantas de pequeno porte e pequenos animais
  • 15. Génese dos solos Alteração das rochas: fragmentação da rocha em pedaços mais pequenos
  • 16. Génese dos solos Erosão das rochas: fragmentação da rocha em pedaços mais pequenos
  • 17. Génese dos solos Questões aula, pág. 32 1. A génese de um solo consiste na diferenciação dos horizontes do solo. 2. Agentes atmosféricos e agentes biológicos. Filme Pág.32
  • 18. Perfil de um solo É o conjunto de horizontes observados num corte vertical do terreno. Filme Pág.32
  • 19. Solo Franco Proporção equilibrada de areia, argila e matéria orgânica. São os melhores solos para a agricultura por serem fáceis de trabalhar e também por reterem a água e a matéria mineral que as plantas necessitam. Tipo de solo
  • 20. Solo Calcário Vermelhos ou pardos. Provêm das rochas calcárias. Tipo de solo
  • 21. Solo Argiloso Constituído por 50% de argila. Retêm grande quantidade de água. ( não utilizável). Difíceis de trabalhar. Tipo de solo
  • 22. Solo arenoso Constituído por bastante areia. Não retêm água. Fáceis de trabalhar mas não retêm água. Pouco férteis. Tipo de solo
  • 23. Relaciona, pág. 35 A – 4; B – 2; C – 3; D – 1; E – 4; F – 3; G – 4; H – 2; I – 1; J – 3; K – 1.
  • 25. Principais causas da degradação do solo •Erosão (água, vento) •Utilização excessiva de adubos; Métodos de conservação do solo •Mobilização de conservação •Sementeira direta •Lavra segundo as curvas de nível;
  • 26. Verifica o que aprendeste, pág. 41 1.1. A – Rocha-mãe. B – Alteração da rocha pelos agentes atmosféricos. C – Fragmentos de rocha. D – Transformação em fragmentos mais pequenos e crescimento de plantas. E – Formação do húmus. 1.2. Água líquida e gelo. 2.1. O solo é uma mistura de material rochoso alterado, minerais, matéria orgânica, água e ar. 2.2. 1 – Folhas, ramos e detritos de plantas e animais em decomposição. 2 – Húmus. 3 – Fragmentos de rocha. 4 – Rocha-mãe. 2.3. As bactérias, fungos e os animais do solo transformam os detritos dos seres vivos em húmus. 2.4. O húmus é uma mistura negra de materiais orgânicos e minerais resultante da decomposição de restos de seres vivos.
  • 27. 2.5. A formação de um solo a partir da alteração e erosão da rocha-mãe envolve processos que demoram milhares de anos. 3.1. Os alunos reutilizaram um frasco de vidro incolor, no qual colocaram, pela seguinte ordem: calhaus, pequenos fragmentos de rocha, areia, areia com solo, folhas secas, ramos, ossos e penas. 3.2. 1 – Horizonte O; 2 – Horizonte A; 3 – Horizonte B; 4 – Horizonte C; 5 – Rocha-mãe. 3.3. A camada que contém húmus é a camada 1. 3.4. Os minerais constituintes do solo tiveram origem na camada 5: rocha-mãe. 4.1. A amostra de solo que reteve maior quantidade de água foi o solo A. 4.2. Permeabilidade do solo. 4.3. A amostra A, porque não deixou passar tanta água, isto é, menos permeável. 4.4. Massa do solo, volume de água e tempo. 5.1. A – 2; B – 3; C – 4; D – 1. 5.2. Irrigação por aspersão e rega gota a gota.
  • 28. 9.3. Permeabilidade. 5.3. Adubação natural. 6. Mobilização de conservação, sementeira direta, lavra segundo as curvas de nível. 7.1. A causa da erosão do solo referida no texto são os incêndios florestais. 7.2. A água das chuvas e o vento. 7.3. “(…) a contaminação de águas e a perda de solo produtivo.” 7.4. Reflorestação da serra. 8.1. A – Ar / Água; B – Minerais; C – Matéria orgânica; D – Ar / Água. 8.2. Rocha-mãe. 8.3. A matéria orgânica é muito importante porque aumenta a fertilidade do solo. 9.1. A – Solo argiloso; B – Solo arenoso. 9.2. O solo argiloso retém grande quantidade de água e é difícil de utilizar na agricultura. O solo arenoso não retém água e é fácil de trabalhar.
  • 29. Rochas e minerais Litosfera: parte da superfície terrestre formada por rochas. Rocha: são agregados naturais constituídos por um ou mais minerais existentes à superfície ou no subsolo.
  • 30. Rocha Magmáticas Forma-se em profundidade (minerais visíveis) Forma-se à superfície (cristais microscópicos) Sedimentares Acumulação e união de sedimentos Metamórficas Aumento de pressão e temperatura (aspeto laminado e os minerais alinhados em camadas)
  • 31. Que tipos de rochas existem em Portugal? As rochas são massas de natureza mineral existentes à superfície ou no subsolo. Uma paisagem geológica é uma extensão de terreno que se caracteriza pela existência de vários tipos de rocha. As principais rochas que caracterizam a paisagem geológica portuguesa são: Calcário GranitoXistoArdósia Basalto GranitoBasaltoXistoCalcário Ardósia