SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 30
Processos de
formação do solo
Minerais
• Máficos
  • (magnésio + ferro + sufixo ico)
  • Basalto, gabro


• Felsicos
  • Feldspatos + sílica
  • oxigénio, alumínio, sódio e potássio
  • Granito, riolito
Adição
• Matéria orgânica

• Chuva

• Vento

• Sedimentação

• Antropogênicos;
  •   Adubos
  •   Biocidas
  •   Resíduos
  •   Aterros
Transformação
• Material orgânico em matéria orgânica

• Minerais primários em secundários

• Precipitação

• Dissolução
Translocação
• Eluviação/ iluvuação:
  • Colóides orgânicos
  • Colóides inorgânicos

• Íons vertical para baixo e para cima (crostas salinas:
  capilaridade + evaporação):

• Animais:
  • Minhocas, cupins formigas;
  • Tatus, marmotas, coelhos.
Remoção
• Lixiviação

• Erosão

• Antropogênicas:
  • Erosão acelerada
  • Colheita
  • Empréstimo de material para construção
PROCESSOS ESPECÍFICOS
Latolização
• Ferralitização

• Processo 1:
  • Formação in situ
  • Intensa lixiviação (bases e sílica)



• Processo 2 (petroplintitas):
  • Aporte lateral de ferro em adição ao acumulado pelo
    intemperismo.
Latolização
• Características:
  •   Enriquecidos em Fe, Al e seus respectivos óxidos;
  •   Empobrecimento em sílica
  •   Empobrecimento em bases
  •   Áreas sem eventos tectônicos recentes (Brasil Central, África
      Central, Austrália)
Latossolos
Latossolos
•   LATOSSOLOS cauliníticos = Planalto RS
•   LATOSSOLOS oxídicos = Brasil Central
•   perfis de solos profundos e muito homogêneos;
•   sem gradiente textural;
•   de coloração uniforme.
FATORES               PROCESSO   CARACT.            TAXON.   INFEREN.
      CLIMA                          Estrutura
     Quente e                         granular               Fertilidade natural
      úmido                            maciça                        baixa
                                       porosa
                                     Profundo                     Aerados
      RELEVO                 L     Muito intempe-
   Suave a plano             A                           L     Bem drenados
                                       rizados
                             T                           A
                             O          1:1              T    Boa mecanização
    M. ORIGEM                L         óxidos            O
Potenc. p/ formação          I        Friáveis           S   Bom armaz. de água
     de argila               Z         Bem               S
                             A                           O      Pseudo areia
                                     drenados
                             Ç       Máficos:            L
    ORGANISM.                Ã                           O
                                      atração
     Aeróbios                O                           S        Máficos:
                                     magnética
                                                             reserva micronutr.
      TEMPO
       Longo
Podzolização
• Predomínio:
  • Translocação
• Principais Horizontes:
  • B textural(Iluvial)
  • B plânico(Iluvial)
  • E álbico(Eluvial)
• Principais Classes de Solos:
  • Argissolos
  • Luvissolos
  • Planossolos
Processo 1: Lessivagem(Eluviação-iluviação)
• Translocação de argila do A e/ou E para o B
  •   Dispersão
  •   Transporte
  •   Deposição
  •   Indicadores:
       •   Filmes de argila
       •   Razão argila fina / argila total
       •   Composição do filme de argila
       •   Micromorfologia
Processo 2:

• Formação de argila a partir de elementos (Al, Si, Fe, etc.)
  vindos do intemperismo do A e/ou E.
  • Argilas se formam in situ, não foram transportadas
FATORES               PROCESSO   CARACT.             TAXON.        INFEREN.
      CLIMA
                                    Estrutura
     Quente e                                         PODZÓLICOS   Fertilidade natural
                                      blocos
      úmido                                                              variável
                                 angulares ou sub.
                             P                          TERRAS
                             O      Medianam.           ROXAS         Pode existir
     RELEVO
                             D      profundos a                          fluxos
 Suave a ondulado
                             Z       profundos                          laterais
                             O     Pode existir Hz   PLANOSSOLO     Impediment. às
                             L        eluvial E                           raízes
    M. ORIGEM                I         Existe                        Cuidado com a
Potenc. p/ formação          Z                        BRUNO NÃO
                                     B textural                          erosão
     de argila               A                          CÁLCICO
                                   Bem drenados                     Armazenam. de
                             Ç                                             água
   ORGANISM.                 Ã      Cerosidade                         Espessura
    Aeróbios                 O                                           do Hz A
                                                                      (49 kg ha-1/
     TEMPO                                                              cm Hz A,
   Médio-longo                                                       Albuquerque,
B Textural
B espódico
Formação de Horizontes
associados à mádrenagem
• Predomínio:                  • Principais solos
                                  •   Plintossolos
  • Transformação                 •   Gleissolos
  • Perdas                        •   (Espodossolos)
  • Translocação(formação de      •   (Organossolos)
    concreções).
• Principais Horizontes:
  • Horizonte Glei
                               • Constantemente saturado: glei
  • Horizonte plíntico         • Alternadamente saturado:
  • Horizonte espódico           mosqueados, plintitas
Gleização
• Ocorre em ambiente de solo com prolongada ou permanente
  saturação com água.

• microrganismos anaeróbios, (Fe2+, Mn3+ e Mn4+ )

• concreções localizadas de óxidos.
•
Plintização e laterização
• PLINTITA: acumulações localizadas de óxidos de Fe na forma
  de mosqueados e nódulos macios de cor avermelhada,
  capazes de endurecer e cimentar irreversivelmente através de
  ciclos de umedecimento e secagem.

• LATERITA: plintita endurecida.
Carbonatação
• CaCO3
• Baixa precipitação

• Vertissolos
Salinização
• Acumulo de sais solúveis

• Salinização natural

• Ascenção capilar

• Salinização antrópica
Sodificação e solodização
• SODIFICAÇÃO: consiste na saturação do complexo de troca
  pelo íon Na+, devido ao uso de águas onde predomina este íon
  em relação aos demais cátions.

• SOLODIZAÇÃO, o Na+ do Hz superficial é substituído por H+,
  acidificando-o = Solo Solonetz-Solodizado.
Turbação
• BIOTURBAÇÃO

• HIDROTURBAÇÃO onde através da expansão e contração é
  promovido o revolvimento do solo e a formação de micro-
  relevo gilgai.
Aula 04   processos de formação do solo
Aula 04   processos de formação do solo

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Microbiologia do solo
Microbiologia do soloMicrobiologia do solo
Microbiologia do solo
Pessoal
 

Mais procurados (20)

Manejo e Conservação do Solo
Manejo e Conservação do SoloManejo e Conservação do Solo
Manejo e Conservação do Solo
 
10 Propriedades Físicas do Solo-aula
10 Propriedades Físicas do Solo-aula10 Propriedades Físicas do Solo-aula
10 Propriedades Físicas do Solo-aula
 
Morfologia do solo
Morfologia do soloMorfologia do solo
Morfologia do solo
 
Solos 4
Solos 4Solos 4
Solos 4
 
Práticas de conservação do solo e recuperação de áreas degradada
Práticas de conservação do solo e recuperação de áreas degradadaPráticas de conservação do solo e recuperação de áreas degradada
Práticas de conservação do solo e recuperação de áreas degradada
 
Os fatores e processos de formação dos solos
Os fatores e processos de formação dos solosOs fatores e processos de formação dos solos
Os fatores e processos de formação dos solos
 
Erosão
ErosãoErosão
Erosão
 
Aula propriedades solo
Aula propriedades  soloAula propriedades  solo
Aula propriedades solo
 
Aula 03 ecologia do solo
Aula 03   ecologia do soloAula 03   ecologia do solo
Aula 03 ecologia do solo
 
Pedologia
PedologiaPedologia
Pedologia
 
Apresentação argissolo
Apresentação argissoloApresentação argissolo
Apresentação argissolo
 
Slides complexo organo-mineral e formação de agregados
Slides complexo organo-mineral e formação de agregadosSlides complexo organo-mineral e formação de agregados
Slides complexo organo-mineral e formação de agregados
 
Argissolos
ArgissolosArgissolos
Argissolos
 
Latossolo spdf
Latossolo spdfLatossolo spdf
Latossolo spdf
 
Intemperismo e formação dos solos
Intemperismo e formação dos solosIntemperismo e formação dos solos
Intemperismo e formação dos solos
 
Aula 1 solos
Aula 1 solosAula 1 solos
Aula 1 solos
 
GÊNESE DO SOLO
GÊNESE DO SOLO GÊNESE DO SOLO
GÊNESE DO SOLO
 
Preparação do Solo e Aplicação
Preparação do Solo e AplicaçãoPreparação do Solo e Aplicação
Preparação do Solo e Aplicação
 
Degradação do solo
Degradação do soloDegradação do solo
Degradação do solo
 
Microbiologia do solo
Microbiologia do soloMicrobiologia do solo
Microbiologia do solo
 

Destaque

Africa, relevo, clima, hidrografia e vegetação( trabalho de geografia, colegi...
Africa, relevo, clima, hidrografia e vegetação( trabalho de geografia, colegi...Africa, relevo, clima, hidrografia e vegetação( trabalho de geografia, colegi...
Africa, relevo, clima, hidrografia e vegetação( trabalho de geografia, colegi...
Alexsanderhl
 
Hidrografia do Brasil
Hidrografia do BrasilHidrografia do Brasil
Hidrografia do Brasil
martoca
 

Destaque (20)

Relevo estrutura geologica
Relevo estrutura geologicaRelevo estrutura geologica
Relevo estrutura geologica
 
Erosao
ErosaoErosao
Erosao
 
Efeito de estufa
Efeito de estufaEfeito de estufa
Efeito de estufa
 
Aula origem dos solos
Aula  origem dos solosAula  origem dos solos
Aula origem dos solos
 
Formação e Transformação do Relevo Terrestre
Formação e Transformação do Relevo TerrestreFormação e Transformação do Relevo Terrestre
Formação e Transformação do Relevo Terrestre
 
Geografia do Brasil - Relevo e Vegetacao Prof. Marco Aurelio Gondim [www.mgon...
Geografia do Brasil - Relevo e Vegetacao Prof. Marco Aurelio Gondim [www.mgon...Geografia do Brasil - Relevo e Vegetacao Prof. Marco Aurelio Gondim [www.mgon...
Geografia do Brasil - Relevo e Vegetacao Prof. Marco Aurelio Gondim [www.mgon...
 
O crescimento da população brasileira
O crescimento da população brasileiraO crescimento da população brasileira
O crescimento da população brasileira
 
Ciêcias- A Erosão , tipos de erosão
Ciêcias- A Erosão , tipos de erosãoCiêcias- A Erosão , tipos de erosão
Ciêcias- A Erosão , tipos de erosão
 
Solos
SolosSolos
Solos
 
1 aula
1 aula1 aula
1 aula
 
Agropecuária Brasileira - Geografia
Agropecuária Brasileira - GeografiaAgropecuária Brasileira - Geografia
Agropecuária Brasileira - Geografia
 
Relevo Brasileiro 2
Relevo Brasileiro 2Relevo Brasileiro 2
Relevo Brasileiro 2
 
Relevoestruturageologica 100417095104-phpapp02
Relevoestruturageologica 100417095104-phpapp02Relevoestruturageologica 100417095104-phpapp02
Relevoestruturageologica 100417095104-phpapp02
 
Construção Do Espaco Geográfico
Construção Do Espaco GeográficoConstrução Do Espaco Geográfico
Construção Do Espaco Geográfico
 
Compostagem
CompostagemCompostagem
Compostagem
 
A construção do espaço brasileiro 4
A construção do espaço brasileiro 4A construção do espaço brasileiro 4
A construção do espaço brasileiro 4
 
Meios aquáticos e litoral
Meios aquáticos e litoralMeios aquáticos e litoral
Meios aquáticos e litoral
 
Africa, relevo, clima, hidrografia e vegetação( trabalho de geografia, colegi...
Africa, relevo, clima, hidrografia e vegetação( trabalho de geografia, colegi...Africa, relevo, clima, hidrografia e vegetação( trabalho de geografia, colegi...
Africa, relevo, clima, hidrografia e vegetação( trabalho de geografia, colegi...
 
Hidrografia do Brasil
Hidrografia do BrasilHidrografia do Brasil
Hidrografia do Brasil
 
Efeito estufa
Efeito estufaEfeito estufa
Efeito estufa
 

Mais de Jadson Belem de Moura

Características físicas gerais dos solos
Características físicas gerais dos solosCaracterísticas físicas gerais dos solos
Características físicas gerais dos solos
Jadson Belem de Moura
 
Aula promotores de crescimento wide screen
Aula promotores de crescimento wide screenAula promotores de crescimento wide screen
Aula promotores de crescimento wide screen
Jadson Belem de Moura
 

Mais de Jadson Belem de Moura (20)

Aula 7 olericultura
Aula 7 olericulturaAula 7 olericultura
Aula 7 olericultura
 
Fitopatologia
FitopatologiaFitopatologia
Fitopatologia
 
Plantio direto no cerrado
Plantio direto no cerradoPlantio direto no cerrado
Plantio direto no cerrado
 
Entomologia
EntomologiaEntomologia
Entomologia
 
Maquinas, motores e mecanização sem videos
Maquinas, motores e mecanização sem videosMaquinas, motores e mecanização sem videos
Maquinas, motores e mecanização sem videos
 
Introdução a agronomia
Introdução a agronomiaIntrodução a agronomia
Introdução a agronomia
 
Xenobióticos no solo
Xenobióticos no soloXenobióticos no solo
Xenobióticos no solo
 
Aula 05 matéria orgânica do solo
Aula 05  matéria orgânica do soloAula 05  matéria orgânica do solo
Aula 05 matéria orgânica do solo
 
Fbn
FbnFbn
Fbn
 
Fma
FmaFma
Fma
 
Rizosfera
RizosferaRizosfera
Rizosfera
 
Metabolismo e processos microbianos
Metabolismo e processos microbianosMetabolismo e processos microbianos
Metabolismo e processos microbianos
 
Os organismos do solo
Os organismos do soloOs organismos do solo
Os organismos do solo
 
Aula 1 historico
Aula 1   historicoAula 1   historico
Aula 1 historico
 
Manejo e conservação dos solos
Manejo e conservação dos solosManejo e conservação dos solos
Manejo e conservação dos solos
 
Analises de solo
Analises de soloAnalises de solo
Analises de solo
 
Aula 9 fertilidade dos solos
Aula 9   fertilidade dos solosAula 9   fertilidade dos solos
Aula 9 fertilidade dos solos
 
Coleta e preparo de amostras
Coleta e preparo de amostrasColeta e preparo de amostras
Coleta e preparo de amostras
 
Características físicas gerais dos solos
Características físicas gerais dos solosCaracterísticas físicas gerais dos solos
Características físicas gerais dos solos
 
Aula promotores de crescimento wide screen
Aula promotores de crescimento wide screenAula promotores de crescimento wide screen
Aula promotores de crescimento wide screen
 

Aula 04 processos de formação do solo

  • 2.
  • 3. Minerais • Máficos • (magnésio + ferro + sufixo ico) • Basalto, gabro • Felsicos • Feldspatos + sílica • oxigénio, alumínio, sódio e potássio • Granito, riolito
  • 4. Adição • Matéria orgânica • Chuva • Vento • Sedimentação • Antropogênicos; • Adubos • Biocidas • Resíduos • Aterros
  • 5. Transformação • Material orgânico em matéria orgânica • Minerais primários em secundários • Precipitação • Dissolução
  • 6. Translocação • Eluviação/ iluvuação: • Colóides orgânicos • Colóides inorgânicos • Íons vertical para baixo e para cima (crostas salinas: capilaridade + evaporação): • Animais: • Minhocas, cupins formigas; • Tatus, marmotas, coelhos.
  • 7. Remoção • Lixiviação • Erosão • Antropogênicas: • Erosão acelerada • Colheita • Empréstimo de material para construção
  • 9. Latolização • Ferralitização • Processo 1: • Formação in situ • Intensa lixiviação (bases e sílica) • Processo 2 (petroplintitas): • Aporte lateral de ferro em adição ao acumulado pelo intemperismo.
  • 10. Latolização • Características: • Enriquecidos em Fe, Al e seus respectivos óxidos; • Empobrecimento em sílica • Empobrecimento em bases • Áreas sem eventos tectônicos recentes (Brasil Central, África Central, Austrália)
  • 12. Latossolos • LATOSSOLOS cauliníticos = Planalto RS • LATOSSOLOS oxídicos = Brasil Central • perfis de solos profundos e muito homogêneos; • sem gradiente textural; • de coloração uniforme.
  • 13. FATORES PROCESSO CARACT. TAXON. INFEREN. CLIMA Estrutura Quente e granular Fertilidade natural úmido maciça baixa porosa Profundo Aerados RELEVO L Muito intempe- Suave a plano A L Bem drenados rizados T A O 1:1 T Boa mecanização M. ORIGEM L óxidos O Potenc. p/ formação I Friáveis S Bom armaz. de água de argila Z Bem S A O Pseudo areia drenados Ç Máficos: L ORGANISM. Ã O atração Aeróbios O S Máficos: magnética reserva micronutr. TEMPO Longo
  • 14. Podzolização • Predomínio: • Translocação • Principais Horizontes: • B textural(Iluvial) • B plânico(Iluvial) • E álbico(Eluvial) • Principais Classes de Solos: • Argissolos • Luvissolos • Planossolos
  • 15. Processo 1: Lessivagem(Eluviação-iluviação) • Translocação de argila do A e/ou E para o B • Dispersão • Transporte • Deposição • Indicadores: • Filmes de argila • Razão argila fina / argila total • Composição do filme de argila • Micromorfologia
  • 16. Processo 2: • Formação de argila a partir de elementos (Al, Si, Fe, etc.) vindos do intemperismo do A e/ou E. • Argilas se formam in situ, não foram transportadas
  • 17. FATORES PROCESSO CARACT. TAXON. INFEREN. CLIMA Estrutura Quente e PODZÓLICOS Fertilidade natural blocos úmido variável angulares ou sub. P TERRAS O Medianam. ROXAS Pode existir RELEVO D profundos a fluxos Suave a ondulado Z profundos laterais O Pode existir Hz PLANOSSOLO Impediment. às L eluvial E raízes M. ORIGEM I Existe Cuidado com a Potenc. p/ formação Z BRUNO NÃO B textural erosão de argila A CÁLCICO Bem drenados Armazenam. de Ç água ORGANISM. Ã Cerosidade Espessura Aeróbios O do Hz A (49 kg ha-1/ TEMPO cm Hz A, Médio-longo Albuquerque,
  • 20. Formação de Horizontes associados à mádrenagem • Predomínio: • Principais solos • Plintossolos • Transformação • Gleissolos • Perdas • (Espodossolos) • Translocação(formação de • (Organossolos) concreções). • Principais Horizontes: • Horizonte Glei • Constantemente saturado: glei • Horizonte plíntico • Alternadamente saturado: • Horizonte espódico mosqueados, plintitas
  • 21. Gleização • Ocorre em ambiente de solo com prolongada ou permanente saturação com água. • microrganismos anaeróbios, (Fe2+, Mn3+ e Mn4+ ) • concreções localizadas de óxidos. •
  • 22.
  • 23. Plintização e laterização • PLINTITA: acumulações localizadas de óxidos de Fe na forma de mosqueados e nódulos macios de cor avermelhada, capazes de endurecer e cimentar irreversivelmente através de ciclos de umedecimento e secagem. • LATERITA: plintita endurecida.
  • 24.
  • 25. Carbonatação • CaCO3 • Baixa precipitação • Vertissolos
  • 26. Salinização • Acumulo de sais solúveis • Salinização natural • Ascenção capilar • Salinização antrópica
  • 27. Sodificação e solodização • SODIFICAÇÃO: consiste na saturação do complexo de troca pelo íon Na+, devido ao uso de águas onde predomina este íon em relação aos demais cátions. • SOLODIZAÇÃO, o Na+ do Hz superficial é substituído por H+, acidificando-o = Solo Solonetz-Solodizado.
  • 28. Turbação • BIOTURBAÇÃO • HIDROTURBAÇÃO onde através da expansão e contração é promovido o revolvimento do solo e a formação de micro- relevo gilgai.