SlideShare uma empresa Scribd logo
Revisão da matéria do 1º Período Conteúdos : Queda da Monarquia Medidas da 1ª República e intervenção de Portugal na Primeira Grande Guerra (1916) Loucos anos 20 Cultura de Massas e Mass media O Crash de 1929 e a Grande Depressão Resposta à Crise (New Deal)
Razões da Queda da Monarquia Poderia a monarquia ter evitado a Implantação da República?
Razões da Queda da Monarquia Económicas Sociais Balança Comercial Deficitária (mais importações que exportações) O Estado recorria a empréstimos  para obras de vulto Pedidos de Adiantamentos  de dinheiro por parte do Rei ao Governo 1890-1892 – Grave crise económica na Europa e Portugal Falência de Bancos Empresas com Dificuldades Desagrado do Operariado: Ameaça do Desemprego Salários Baixos Horários de trabalho longos (10-14h por dia) Desagrado da Burguesia
Razões da Queda da Monarquia Económicas Défice Empréstimos Adiantamentos Sociais 1870 – Surge o  Partido Republicano Intensa luta contra a monarquia Imprensa (os principais Jornais -Lisboa e Porto-apoiavam o Partido Republicano) Contextualização 1908 - Regicídio Apoios :  Burguesia  e Sectores do Operariado Rotativismo Político : Os dois principais partidos alternavam no Governo:  O Regenerador e o Progressista Ultimato Inglês (1890): Grande parte da população culpava o Rei por ceder Ditadura de João Franco (1907): - Repatriamento dos Presos Políticos - Censura à Imprensa Políticas Desagrado da Burguesia e Operariado (Crise económica )
Laicização Ensino Legislação Social Lei da Separação da Igreja e do Estado Expulsão das Ordens religiosas Proibição do Ensino Religioso nas Escolas Registo Civil Obrigatório Legalização do Divórcio Autorização e Regulamentação da Greve Descanso Semanal Obrigatório Limitação dos horários de trabalho Instrução Obrigatória para todas as crianças dos 7 aos 12 anos. Fundação das Universidades do Porto e de Lisboa Medidas da 1ª República
Intervenção da 1ª República na 1ª Guerra Mundial Razões da Participação Portuguesa: Legitimação da República: Como era um regime político novo necessitava de se afirmar perante os países europeus Defesa das Colónias em África
Porquê se usa a expressão “loucos anos 20”?
A Sociedade dos “Loucos Anos 20” Importância Crescente das Classes Médias Urbanas Profissionais Liberais Pequenos e Médios Empresários “ Colarinhos Brancos” Com o avanço da sociedade industrial : Maior Urbanização Recuo da População Rural Desenvolvimento da Indústria e Serviços
Os “Loucos Anos 20” Com o choque da Guerra houve uma mudanças nos costumes na sociedade dos anos 20: Fúria de viver Busca do prazer e diversão Entusiasmo pela vida nocturna Novas músicas como: Charleston, Jazz, Foxtrot Culto da Velocidade – Paixão pelos automóveis e aviões Libertação da Mulher Saias curtas Cabelos à Gaçonne Fumam Praticam desporto Frequentam clubes nocturnos .
«Cultura de massas» Cultura de elites :  realizações culturais ligadas ao grupo social burguês e está ligado à frequência de museus,  teatros, óperas. Cultura de massas :  conjunto  de  manifestações culturais  partilhadas  pela maioria da população .
Que relação tem a sociedade dos “loucos anos 20” com Cultura de Massas e Mass Media?
Cultura de Massas e Mass Media Crescimento dos centros urbanos Sociedade de Massas Cultura para o grande Público Cultura de massas Difundida  através: Mass Media (meios de comunicação de massa) Cinema Imprensa Jornais Revistas Romances  Literatura Popular – romances Banda Desenhada Rádio Transmitia: Informações, Publicidade Música (Jazz...) Hollywood Chaplin, Greta Garbo A cultura de massas é o reflexo da sociedade dos “loucos anos 20”,  vêm nessa cultura uma forma de: Evasão à realidade e Fonte de divertimento
De que forma a quinta-feira negra abalou o mundo?
A prosperidade dos EUA nos anos 20 Prosperidade económica reflexo de : aumento da produção aplicação de   novos métodos de produção   e dos   progressos técnicos Crescimento de  indústrias  como a do automóvel… Desenvolvimento da agricultura com a mecanização.
A prosperidade dos EUA nos anos 20 O  crescimento económico  provocou um  excesso de optimismo . As acções eram vendidas a preços cada vez mais altos Toda a gente investia
Crise de Superprodução Crescimento da produção nos EUA Acumulação de Stocks Baixa de Preços Quebra nos Lucros Grande Depressão Falência de Bancos e Empresas Ruína das classes médias Desemprego Diminuição da Procura Outubro de 1929 Crash da Bolsa de Nova Iorque Queda do valor das acções Retirada dos Capitais americanos no estrangeiro Mundialização da Crise Respostas à Crise Em Inglaterra Apoio às empresas industriais Protecção aos produtos britânicos Nos Estados Unidos Criação de novos empregos Melhoria do poder de compra dos trabalhadores Em França Governo de Frente Popular Nacionalização de empresas Concessão de direitos aos  trabalhadores
“ A nossa grande obrigação, a primeira,  é fazer voltar o povo ao trabalho” Discurso do Presidente Franklin Roosevelt
Aumento da Produção New Deal Mais Emprego Mais Emprego Obras Públicas Medidas Sociais (Subsídio de desemprego, Salário mínimo, etc) Aumento do Poder de Compra Intervenção do Estado

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

6 04 portugal uma sociedade capitalista dependente
6 04 portugal uma sociedade capitalista dependente6 04 portugal uma sociedade capitalista dependente
6 04 portugal uma sociedade capitalista dependente
Vítor Santos
 
G2 as revoluções liberais
G2 as revoluções liberaisG2 as revoluções liberais
G2 as revoluções liberais
Vítor Santos
 
1ª Republica
1ª Republica1ª Republica
1ª Republica
Carlos Vieira
 
00 3 preparação_exame_nacional_2017
00 3 preparação_exame_nacional_201700 3 preparação_exame_nacional_2017
00 3 preparação_exame_nacional_2017
Vítor Santos
 
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlicaDa Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica
Minokitas 1
 
Cronologia prec
Cronologia precCronologia prec
Cronologia prec
Vítor Santos
 
5 02 a revolucao francesa.pptx
5 02 a revolucao francesa.pptx5 02 a revolucao francesa.pptx
5 02 a revolucao francesa.pptx
Vítor Santos
 
9 ano 9_1_ apogeu e declinio da influencia europeia_blogue
9 ano 9_1_ apogeu e declinio da influencia europeia_blogue9 ano 9_1_ apogeu e declinio da influencia europeia_blogue
9 ano 9_1_ apogeu e declinio da influencia europeia_blogue
Vítor Santos
 
Liberalismo económico powerpoint
Liberalismo económico powerpointLiberalismo económico powerpoint
Liberalismo económico powerpoint
maria40
 
9 ano 9_2_as transformações do após-guerra
9 ano 9_2_as transformações do após-guerra9 ano 9_2_as transformações do após-guerra
9 ano 9_2_as transformações do após-guerra
Vítor Santos
 
43 da queda da monarquia à implantação da república
43   da queda da monarquia à implantação da república43   da queda da monarquia à implantação da república
43 da queda da monarquia à implantação da república
Carla Freitas
 
12 o após_guerra_fria_e_a_globlização
12 o após_guerra_fria_e_a_globlização12 o após_guerra_fria_e_a_globlização
12 o após_guerra_fria_e_a_globlização
Vítor Santos
 
5 05 a o legado do liberalismo na primeira metade do seculo xix alunos
5 05  a o legado do liberalismo na primeira metade do seculo xix alunos5 05  a o legado do liberalismo na primeira metade do seculo xix alunos
5 05 a o legado do liberalismo na primeira metade do seculo xix alunos
Vítor Santos
 
A implantação da república em portugal
A implantação da república em portugalA implantação da república em portugal
A implantação da república em portugal
Carla Teixeira
 
História A Módulo 5 Unidades 4 e 5
História A Módulo 5 Unidades 4 e 5História A Módulo 5 Unidades 4 e 5
História A Módulo 5 Unidades 4 e 5
Andreia Pacheco
 
A Grande Depressao dos anos 30
A Grande Depressao dos anos 30A Grande Depressao dos anos 30
A Grande Depressao dos anos 30
Maria Barroso
 
Aulas 60 67 e 68 - crise de 29 - new deal - fascismo e nazismo - 2ª gm
Aulas 60   67 e  68 - crise de 29 - new deal - fascismo e nazismo - 2ª gmAulas 60   67 e  68 - crise de 29 - new deal - fascismo e nazismo - 2ª gm
Aulas 60 67 e 68 - crise de 29 - new deal - fascismo e nazismo - 2ª gm
Maria Schmitt
 
5 04 a implantacao do liberalismo em portugal
5 04 a implantacao do liberalismo em portugal5 04 a implantacao do liberalismo em portugal
5 04 a implantacao do liberalismo em portugal
Vítor Santos
 
Da queda da Monarquia à Implantação da República
Da queda da Monarquia à Implantação da RepúblicaDa queda da Monarquia à Implantação da República
Da queda da Monarquia à Implantação da República
Inês e Beatriz
 
2ano - Inconfidência Mineira
2ano - Inconfidência Mineira2ano - Inconfidência Mineira
2ano - Inconfidência Mineira
Daniel Alves Bronstrup
 

Mais procurados (20)

6 04 portugal uma sociedade capitalista dependente
6 04 portugal uma sociedade capitalista dependente6 04 portugal uma sociedade capitalista dependente
6 04 portugal uma sociedade capitalista dependente
 
G2 as revoluções liberais
G2 as revoluções liberaisG2 as revoluções liberais
G2 as revoluções liberais
 
1ª Republica
1ª Republica1ª Republica
1ª Republica
 
00 3 preparação_exame_nacional_2017
00 3 preparação_exame_nacional_201700 3 preparação_exame_nacional_2017
00 3 preparação_exame_nacional_2017
 
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlicaDa Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica
 
Cronologia prec
Cronologia precCronologia prec
Cronologia prec
 
5 02 a revolucao francesa.pptx
5 02 a revolucao francesa.pptx5 02 a revolucao francesa.pptx
5 02 a revolucao francesa.pptx
 
9 ano 9_1_ apogeu e declinio da influencia europeia_blogue
9 ano 9_1_ apogeu e declinio da influencia europeia_blogue9 ano 9_1_ apogeu e declinio da influencia europeia_blogue
9 ano 9_1_ apogeu e declinio da influencia europeia_blogue
 
Liberalismo económico powerpoint
Liberalismo económico powerpointLiberalismo económico powerpoint
Liberalismo económico powerpoint
 
9 ano 9_2_as transformações do após-guerra
9 ano 9_2_as transformações do após-guerra9 ano 9_2_as transformações do após-guerra
9 ano 9_2_as transformações do após-guerra
 
43 da queda da monarquia à implantação da república
43   da queda da monarquia à implantação da república43   da queda da monarquia à implantação da república
43 da queda da monarquia à implantação da república
 
12 o após_guerra_fria_e_a_globlização
12 o após_guerra_fria_e_a_globlização12 o após_guerra_fria_e_a_globlização
12 o após_guerra_fria_e_a_globlização
 
5 05 a o legado do liberalismo na primeira metade do seculo xix alunos
5 05  a o legado do liberalismo na primeira metade do seculo xix alunos5 05  a o legado do liberalismo na primeira metade do seculo xix alunos
5 05 a o legado do liberalismo na primeira metade do seculo xix alunos
 
A implantação da república em portugal
A implantação da república em portugalA implantação da república em portugal
A implantação da república em portugal
 
História A Módulo 5 Unidades 4 e 5
História A Módulo 5 Unidades 4 e 5História A Módulo 5 Unidades 4 e 5
História A Módulo 5 Unidades 4 e 5
 
A Grande Depressao dos anos 30
A Grande Depressao dos anos 30A Grande Depressao dos anos 30
A Grande Depressao dos anos 30
 
Aulas 60 67 e 68 - crise de 29 - new deal - fascismo e nazismo - 2ª gm
Aulas 60   67 e  68 - crise de 29 - new deal - fascismo e nazismo - 2ª gmAulas 60   67 e  68 - crise de 29 - new deal - fascismo e nazismo - 2ª gm
Aulas 60 67 e 68 - crise de 29 - new deal - fascismo e nazismo - 2ª gm
 
5 04 a implantacao do liberalismo em portugal
5 04 a implantacao do liberalismo em portugal5 04 a implantacao do liberalismo em portugal
5 04 a implantacao do liberalismo em portugal
 
Da queda da Monarquia à Implantação da República
Da queda da Monarquia à Implantação da RepúblicaDa queda da Monarquia à Implantação da República
Da queda da Monarquia à Implantação da República
 
2ano - Inconfidência Mineira
2ano - Inconfidência Mineira2ano - Inconfidência Mineira
2ano - Inconfidência Mineira
 

Destaque

As trocas intercontinentais[1]
As trocas intercontinentais[1]As trocas intercontinentais[1]
As trocas intercontinentais[1]
António Luís Catarino
 
Iluminismo
IluminismoIluminismo
Iluminismo
cidalialuis
 
Sociedade Medieval
Sociedade MedievalSociedade Medieval
Sociedade Medieval
Carlos Vieira
 
A expansão urbana e suas consequências
A expansão urbana e suas consequênciasA expansão urbana e suas consequências
A expansão urbana e suas consequências
Carla Teixeira
 
A Contra-Reforma Católica
A Contra-Reforma CatólicaA Contra-Reforma Católica
A Contra-Reforma Católica
profhistoria
 
Especiarias
EspeciariasEspeciarias
Especiarias
fernandaataide55
 
CorrecçãO Ficha
CorrecçãO FichaCorrecçãO Ficha
CorrecçãO Ficha
Hist8
 
A Sociedade Europeia nos séculos IX a XII
A Sociedade Europeia nos séculos IX a XIIA Sociedade Europeia nos séculos IX a XII
A Sociedade Europeia nos séculos IX a XII
Jorge Almeida
 
A expansao portuguesa 01
A expansao portuguesa 01A expansao portuguesa 01
A expansao portuguesa 01
Álvaro Maurício
 
O renascimento e a formação da mentalidade moderna
O renascimento e a formação da mentalidade modernaO renascimento e a formação da mentalidade moderna
O renascimento e a formação da mentalidade moderna
Rainha Maga
 
A Reforma
A ReformaA Reforma
A Reforma
Rui Neto
 
As Reformas Religiosas
As Reformas ReligiosasAs Reformas Religiosas
As Reformas Religiosas
Carlos Vieira
 
A antiga civilização egípcia
A antiga civilização egípciaA antiga civilização egípcia
A antiga civilização egípcia
Rainha Maga
 
A Civilização Romana
A Civilização RomanaA Civilização Romana
A Civilização Romana
cattonia
 
A abertura ao mundo - expansão
A abertura ao mundo -  expansãoA abertura ao mundo -  expansão
A abertura ao mundo - expansão
Lucilia Fonseca
 
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica ~ ApresentaçãO De Slides
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica ~ ApresentaçãO De SlidesDa Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica ~ ApresentaçãO De Slides
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica ~ ApresentaçãO De Slides
oliviaguerra
 
1ª RepúBlica
1ª RepúBlica1ª RepúBlica
1ª RepúBlica
crie_historia9
 
A primeira república portuguesa
A primeira república portuguesaA primeira república portuguesa
A primeira república portuguesa
cattonia
 
A 1ª RepúBlica
A 1ª RepúBlicaA 1ª RepúBlica
A 1ª RepúBlica
Rui Neto
 
Planificação do 5.º ano de HGP
Planificação do 5.º ano de HGPPlanificação do 5.º ano de HGP
Planificação do 5.º ano de HGP
Maria José Oliveira
 

Destaque (20)

As trocas intercontinentais[1]
As trocas intercontinentais[1]As trocas intercontinentais[1]
As trocas intercontinentais[1]
 
Iluminismo
IluminismoIluminismo
Iluminismo
 
Sociedade Medieval
Sociedade MedievalSociedade Medieval
Sociedade Medieval
 
A expansão urbana e suas consequências
A expansão urbana e suas consequênciasA expansão urbana e suas consequências
A expansão urbana e suas consequências
 
A Contra-Reforma Católica
A Contra-Reforma CatólicaA Contra-Reforma Católica
A Contra-Reforma Católica
 
Especiarias
EspeciariasEspeciarias
Especiarias
 
CorrecçãO Ficha
CorrecçãO FichaCorrecçãO Ficha
CorrecçãO Ficha
 
A Sociedade Europeia nos séculos IX a XII
A Sociedade Europeia nos séculos IX a XIIA Sociedade Europeia nos séculos IX a XII
A Sociedade Europeia nos séculos IX a XII
 
A expansao portuguesa 01
A expansao portuguesa 01A expansao portuguesa 01
A expansao portuguesa 01
 
O renascimento e a formação da mentalidade moderna
O renascimento e a formação da mentalidade modernaO renascimento e a formação da mentalidade moderna
O renascimento e a formação da mentalidade moderna
 
A Reforma
A ReformaA Reforma
A Reforma
 
As Reformas Religiosas
As Reformas ReligiosasAs Reformas Religiosas
As Reformas Religiosas
 
A antiga civilização egípcia
A antiga civilização egípciaA antiga civilização egípcia
A antiga civilização egípcia
 
A Civilização Romana
A Civilização RomanaA Civilização Romana
A Civilização Romana
 
A abertura ao mundo - expansão
A abertura ao mundo -  expansãoA abertura ao mundo -  expansão
A abertura ao mundo - expansão
 
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica ~ ApresentaçãO De Slides
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica ~ ApresentaçãO De SlidesDa Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica ~ ApresentaçãO De Slides
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica ~ ApresentaçãO De Slides
 
1ª RepúBlica
1ª RepúBlica1ª RepúBlica
1ª RepúBlica
 
A primeira república portuguesa
A primeira república portuguesaA primeira república portuguesa
A primeira república portuguesa
 
A 1ª RepúBlica
A 1ª RepúBlicaA 1ª RepúBlica
A 1ª RepúBlica
 
Planificação do 5.º ano de HGP
Planificação do 5.º ano de HGPPlanificação do 5.º ano de HGP
Planificação do 5.º ano de HGP
 

Semelhante a Revisao 9 D Sb

Crise e queda da monarquia constitucional até à doutrina Nazi
Crise e queda da monarquia constitucional até à doutrina NaziCrise e queda da monarquia constitucional até à doutrina Nazi
Crise e queda da monarquia constitucional até à doutrina Nazi
RitaMag2
 
A crise de 1929 e fascismos; eva;certo
A crise de 1929 e fascismos; eva;certoA crise de 1929 e fascismos; eva;certo
A crise de 1929 e fascismos; eva;certo
Evanilde Chuva
 
CRISE DE 29/TOTALITARISMO
CRISE DE 29/TOTALITARISMOCRISE DE 29/TOTALITARISMO
CRISE DE 29/TOTALITARISMO
Evanilde Chuva
 
1ª república
1ª república1ª república
1ª república
esa9b
 
Apontamentos 9º Ano
Apontamentos 9º AnoApontamentos 9º Ano
Apontamentos 9º Ano
ricardorodrigues23091988
 
QUEDA DA MONARQUIA
QUEDA DA MONARQUIAQUEDA DA MONARQUIA
QUEDA DA MONARQUIA
Maria Gomes
 
Crise de 1929 entre guerras pdf
Crise de 1929 entre guerras pdfCrise de 1929 entre guerras pdf
Crise de 1929 entre guerras pdf
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Os grandes acontecimentos do séc.xx
Os grandes acontecimentos do séc.xxOs grandes acontecimentos do séc.xx
Os grandes acontecimentos do séc.xx
João Coutinho
 
Período entre guerras
Período entre guerrasPeríodo entre guerras
Período entre guerras
Luciano Emanuel Silva
 
Crise de 1929 oficial
Crise de 1929 oficial Crise de 1929 oficial
Crise de 1929 oficial
Marcelo Ferreira Boia
 
Caderno Diário Crise Anos 30 1314
Caderno Diário Crise Anos 30 1314Caderno Diário Crise Anos 30 1314
Caderno Diário Crise Anos 30 1314
Laboratório de História
 
9 ano-aula-cap-4-1919-1939-duas-decadas-e-entre-elas-a-crise-de-1929
9 ano-aula-cap-4-1919-1939-duas-decadas-e-entre-elas-a-crise-de-19299 ano-aula-cap-4-1919-1939-duas-decadas-e-entre-elas-a-crise-de-1929
9 ano-aula-cap-4-1919-1939-duas-decadas-e-entre-elas-a-crise-de-1929
Evaldo Junior
 
A crise-do-capitalismo-e-os-regimes-totalitarios
A crise-do-capitalismo-e-os-regimes-totalitariosA crise-do-capitalismo-e-os-regimes-totalitarios
A crise-do-capitalismo-e-os-regimes-totalitarios
guest528425b
 
Crise de 29
Crise de 29Crise de 29
Crise de 29
Rodrigo Moysés
 
crise_ditaduras_e_democracia_na_década_de_30.pdf
crise_ditaduras_e_democracia_na_década_de_30.pdfcrise_ditaduras_e_democracia_na_década_de_30.pdf
crise_ditaduras_e_democracia_na_década_de_30.pdf
MariaFernandes507174
 
Entre Guerras do Mundo. A primeira e a segunda
Entre Guerras do Mundo. A primeira e a segundaEntre Guerras do Mundo. A primeira e a segunda
Entre Guerras do Mundo. A primeira e a segunda
ProfMatheusPetrolli
 
Capítulo 4 - A grande depressão, o fascismo e o nazismo
Capítulo 4 - A grande depressão, o fascismo e o nazismoCapítulo 4 - A grande depressão, o fascismo e o nazismo
Capítulo 4 - A grande depressão, o fascismo e o nazismo
Marcos Antonio Grigorio de Figueiredo
 
www.CentroApoio.com - História - Crise do Capitalismo e Segunda Guerra Mundi...
www.CentroApoio.com -  História - Crise do Capitalismo e Segunda Guerra Mundi...www.CentroApoio.com -  História - Crise do Capitalismo e Segunda Guerra Mundi...
www.CentroApoio.com - História - Crise do Capitalismo e Segunda Guerra Mundi...
Vídeo Aulas Apoio
 
Crise de 1929
Crise de 1929 Crise de 1929
Crise de 1929
Dismael Sagás
 
Conteúdos do história
Conteúdos do históriaConteúdos do história
Conteúdos do história
Atividades Diversas Cláudia
 

Semelhante a Revisao 9 D Sb (20)

Crise e queda da monarquia constitucional até à doutrina Nazi
Crise e queda da monarquia constitucional até à doutrina NaziCrise e queda da monarquia constitucional até à doutrina Nazi
Crise e queda da monarquia constitucional até à doutrina Nazi
 
A crise de 1929 e fascismos; eva;certo
A crise de 1929 e fascismos; eva;certoA crise de 1929 e fascismos; eva;certo
A crise de 1929 e fascismos; eva;certo
 
CRISE DE 29/TOTALITARISMO
CRISE DE 29/TOTALITARISMOCRISE DE 29/TOTALITARISMO
CRISE DE 29/TOTALITARISMO
 
1ª república
1ª república1ª república
1ª república
 
Apontamentos 9º Ano
Apontamentos 9º AnoApontamentos 9º Ano
Apontamentos 9º Ano
 
QUEDA DA MONARQUIA
QUEDA DA MONARQUIAQUEDA DA MONARQUIA
QUEDA DA MONARQUIA
 
Crise de 1929 entre guerras pdf
Crise de 1929 entre guerras pdfCrise de 1929 entre guerras pdf
Crise de 1929 entre guerras pdf
 
Os grandes acontecimentos do séc.xx
Os grandes acontecimentos do séc.xxOs grandes acontecimentos do séc.xx
Os grandes acontecimentos do séc.xx
 
Período entre guerras
Período entre guerrasPeríodo entre guerras
Período entre guerras
 
Crise de 1929 oficial
Crise de 1929 oficial Crise de 1929 oficial
Crise de 1929 oficial
 
Caderno Diário Crise Anos 30 1314
Caderno Diário Crise Anos 30 1314Caderno Diário Crise Anos 30 1314
Caderno Diário Crise Anos 30 1314
 
9 ano-aula-cap-4-1919-1939-duas-decadas-e-entre-elas-a-crise-de-1929
9 ano-aula-cap-4-1919-1939-duas-decadas-e-entre-elas-a-crise-de-19299 ano-aula-cap-4-1919-1939-duas-decadas-e-entre-elas-a-crise-de-1929
9 ano-aula-cap-4-1919-1939-duas-decadas-e-entre-elas-a-crise-de-1929
 
A crise-do-capitalismo-e-os-regimes-totalitarios
A crise-do-capitalismo-e-os-regimes-totalitariosA crise-do-capitalismo-e-os-regimes-totalitarios
A crise-do-capitalismo-e-os-regimes-totalitarios
 
Crise de 29
Crise de 29Crise de 29
Crise de 29
 
crise_ditaduras_e_democracia_na_década_de_30.pdf
crise_ditaduras_e_democracia_na_década_de_30.pdfcrise_ditaduras_e_democracia_na_década_de_30.pdf
crise_ditaduras_e_democracia_na_década_de_30.pdf
 
Entre Guerras do Mundo. A primeira e a segunda
Entre Guerras do Mundo. A primeira e a segundaEntre Guerras do Mundo. A primeira e a segunda
Entre Guerras do Mundo. A primeira e a segunda
 
Capítulo 4 - A grande depressão, o fascismo e o nazismo
Capítulo 4 - A grande depressão, o fascismo e o nazismoCapítulo 4 - A grande depressão, o fascismo e o nazismo
Capítulo 4 - A grande depressão, o fascismo e o nazismo
 
www.CentroApoio.com - História - Crise do Capitalismo e Segunda Guerra Mundi...
www.CentroApoio.com -  História - Crise do Capitalismo e Segunda Guerra Mundi...www.CentroApoio.com -  História - Crise do Capitalismo e Segunda Guerra Mundi...
www.CentroApoio.com - História - Crise do Capitalismo e Segunda Guerra Mundi...
 
Crise de 1929
Crise de 1929 Crise de 1929
Crise de 1929
 
Conteúdos do história
Conteúdos do históriaConteúdos do história
Conteúdos do história
 

Mais de Sérgio Bernardo

Guerra Civil
Guerra CivilGuerra Civil
Guerra Civil
Sérgio Bernardo
 
O Fascismo
O FascismoO Fascismo
O Fascismo
Sérgio Bernardo
 
Crash 29 - Completo
Crash 29 - CompletoCrash 29 - Completo
Crash 29 - Completo
Sérgio Bernardo
 
Fascismo_aula.ppt
Fascismo_aula.pptFascismo_aula.ppt
Fascismo_aula.ppt
Sérgio Bernardo
 
Os Loucos anos 20
Os Loucos anos 20Os Loucos anos 20
Os Loucos anos 20
Sérgio Bernardo
 
Síntese Implantacão da República
Síntese Implantacão da RepúblicaSíntese Implantacão da República
Síntese Implantacão da República
Sérgio Bernardo
 
Síntese da Implantação da República
Síntese da Implantação da RepúblicaSíntese da Implantação da República
Síntese da Implantação da República
Sérgio Bernardo
 
Símbolos da Monarquia e da República Portuguesa
Símbolos da Monarquia e da República PortuguesaSímbolos da Monarquia e da República Portuguesa
Símbolos da Monarquia e da República Portuguesa
Sérgio Bernardo
 
1ª Guerra Mundial
1ª Guerra Mundial1ª Guerra Mundial
1ª Guerra Mundial
Sérgio Bernardo
 

Mais de Sérgio Bernardo (9)

Guerra Civil
Guerra CivilGuerra Civil
Guerra Civil
 
O Fascismo
O FascismoO Fascismo
O Fascismo
 
Crash 29 - Completo
Crash 29 - CompletoCrash 29 - Completo
Crash 29 - Completo
 
Fascismo_aula.ppt
Fascismo_aula.pptFascismo_aula.ppt
Fascismo_aula.ppt
 
Os Loucos anos 20
Os Loucos anos 20Os Loucos anos 20
Os Loucos anos 20
 
Síntese Implantacão da República
Síntese Implantacão da RepúblicaSíntese Implantacão da República
Síntese Implantacão da República
 
Síntese da Implantação da República
Síntese da Implantação da RepúblicaSíntese da Implantação da República
Síntese da Implantação da República
 
Símbolos da Monarquia e da República Portuguesa
Símbolos da Monarquia e da República PortuguesaSímbolos da Monarquia e da República Portuguesa
Símbolos da Monarquia e da República Portuguesa
 
1ª Guerra Mundial
1ª Guerra Mundial1ª Guerra Mundial
1ª Guerra Mundial
 

Revisao 9 D Sb

  • 1. Revisão da matéria do 1º Período Conteúdos : Queda da Monarquia Medidas da 1ª República e intervenção de Portugal na Primeira Grande Guerra (1916) Loucos anos 20 Cultura de Massas e Mass media O Crash de 1929 e a Grande Depressão Resposta à Crise (New Deal)
  • 2. Razões da Queda da Monarquia Poderia a monarquia ter evitado a Implantação da República?
  • 3. Razões da Queda da Monarquia Económicas Sociais Balança Comercial Deficitária (mais importações que exportações) O Estado recorria a empréstimos para obras de vulto Pedidos de Adiantamentos de dinheiro por parte do Rei ao Governo 1890-1892 – Grave crise económica na Europa e Portugal Falência de Bancos Empresas com Dificuldades Desagrado do Operariado: Ameaça do Desemprego Salários Baixos Horários de trabalho longos (10-14h por dia) Desagrado da Burguesia
  • 4. Razões da Queda da Monarquia Económicas Défice Empréstimos Adiantamentos Sociais 1870 – Surge o Partido Republicano Intensa luta contra a monarquia Imprensa (os principais Jornais -Lisboa e Porto-apoiavam o Partido Republicano) Contextualização 1908 - Regicídio Apoios : Burguesia e Sectores do Operariado Rotativismo Político : Os dois principais partidos alternavam no Governo: O Regenerador e o Progressista Ultimato Inglês (1890): Grande parte da população culpava o Rei por ceder Ditadura de João Franco (1907): - Repatriamento dos Presos Políticos - Censura à Imprensa Políticas Desagrado da Burguesia e Operariado (Crise económica )
  • 5. Laicização Ensino Legislação Social Lei da Separação da Igreja e do Estado Expulsão das Ordens religiosas Proibição do Ensino Religioso nas Escolas Registo Civil Obrigatório Legalização do Divórcio Autorização e Regulamentação da Greve Descanso Semanal Obrigatório Limitação dos horários de trabalho Instrução Obrigatória para todas as crianças dos 7 aos 12 anos. Fundação das Universidades do Porto e de Lisboa Medidas da 1ª República
  • 6. Intervenção da 1ª República na 1ª Guerra Mundial Razões da Participação Portuguesa: Legitimação da República: Como era um regime político novo necessitava de se afirmar perante os países europeus Defesa das Colónias em África
  • 7. Porquê se usa a expressão “loucos anos 20”?
  • 8. A Sociedade dos “Loucos Anos 20” Importância Crescente das Classes Médias Urbanas Profissionais Liberais Pequenos e Médios Empresários “ Colarinhos Brancos” Com o avanço da sociedade industrial : Maior Urbanização Recuo da População Rural Desenvolvimento da Indústria e Serviços
  • 9. Os “Loucos Anos 20” Com o choque da Guerra houve uma mudanças nos costumes na sociedade dos anos 20: Fúria de viver Busca do prazer e diversão Entusiasmo pela vida nocturna Novas músicas como: Charleston, Jazz, Foxtrot Culto da Velocidade – Paixão pelos automóveis e aviões Libertação da Mulher Saias curtas Cabelos à Gaçonne Fumam Praticam desporto Frequentam clubes nocturnos .
  • 10. «Cultura de massas» Cultura de elites : realizações culturais ligadas ao grupo social burguês e está ligado à frequência de museus, teatros, óperas. Cultura de massas : conjunto de manifestações culturais partilhadas pela maioria da população .
  • 11. Que relação tem a sociedade dos “loucos anos 20” com Cultura de Massas e Mass Media?
  • 12. Cultura de Massas e Mass Media Crescimento dos centros urbanos Sociedade de Massas Cultura para o grande Público Cultura de massas Difundida através: Mass Media (meios de comunicação de massa) Cinema Imprensa Jornais Revistas Romances Literatura Popular – romances Banda Desenhada Rádio Transmitia: Informações, Publicidade Música (Jazz...) Hollywood Chaplin, Greta Garbo A cultura de massas é o reflexo da sociedade dos “loucos anos 20”, vêm nessa cultura uma forma de: Evasão à realidade e Fonte de divertimento
  • 13. De que forma a quinta-feira negra abalou o mundo?
  • 14. A prosperidade dos EUA nos anos 20 Prosperidade económica reflexo de : aumento da produção aplicação de novos métodos de produção e dos progressos técnicos Crescimento de indústrias como a do automóvel… Desenvolvimento da agricultura com a mecanização.
  • 15. A prosperidade dos EUA nos anos 20 O crescimento económico provocou um excesso de optimismo . As acções eram vendidas a preços cada vez mais altos Toda a gente investia
  • 16. Crise de Superprodução Crescimento da produção nos EUA Acumulação de Stocks Baixa de Preços Quebra nos Lucros Grande Depressão Falência de Bancos e Empresas Ruína das classes médias Desemprego Diminuição da Procura Outubro de 1929 Crash da Bolsa de Nova Iorque Queda do valor das acções Retirada dos Capitais americanos no estrangeiro Mundialização da Crise Respostas à Crise Em Inglaterra Apoio às empresas industriais Protecção aos produtos britânicos Nos Estados Unidos Criação de novos empregos Melhoria do poder de compra dos trabalhadores Em França Governo de Frente Popular Nacionalização de empresas Concessão de direitos aos trabalhadores
  • 17. “ A nossa grande obrigação, a primeira, é fazer voltar o povo ao trabalho” Discurso do Presidente Franklin Roosevelt
  • 18. Aumento da Produção New Deal Mais Emprego Mais Emprego Obras Públicas Medidas Sociais (Subsídio de desemprego, Salário mínimo, etc) Aumento do Poder de Compra Intervenção do Estado