SlideShare uma empresa Scribd logo
Nome do aluno(a)_________________________________________________
Ano e Turma ______ nº ______

Ficha de Registo de Leitura
Indicações Bibliográficas
Autor: Jack London___________________________________________________________
Livro lido e analisado: O Filho do Lobo_____________________________________________
Editora: Antígona__________________________________________________________
Resumo do livro: Este livro é constituído por 9 histórias que se passavam em regiões do Alasca, no
século XIX. Num modo geral, estas pequenas histórias, divididas em capítulos, falam-nos do tempo
em que os Europeus foram á procura de ouro em Klondike, naquelas regiões, das suas invasões ás
tribos dos índios, das dificuldades que se passavam naqueles lugares frios, sombrios e silenciosos e
da maneira, tão primitiva e difícil, de como se sobrevivia. Estas histórias também nos transmitem
os sentimentos dos “brancos” em relação aos índio e vice-versa, as relações entre eles, amorosas,
de amizade ou de conflito e as suas maneiras de pensar. O livro “Filho do Lobo” é assim denominado
devido á maneira trapaceira de como os “brancos” invadiram e dominaram os índios que se compara
á do lobo. Não existe uma personagem principal, mas a personagem que mais aparece naquelas
histórias é Malemute Kid.
Gostou de ler este livro?
Sim x / Não ___
Porquê? Eu gostei de ler este livro porque o próprio autor descreveu parte das suas aventuras e
dificuldades que passou naquelas zonas e as pequenas histórias iam nos dando, enquanto as líamos,
lições de vida.
Selecione um excerto de que tenha gostado particularmente.
Página(s) do excerto selecionado: O excerto vai desde a página 87 á 88
Razões da escolha desta selecção: Eu escolhi aquele excerto porque fala da maneira, resumida,
de como o homem branco se teve de adaptar nas regiões do Alasca

Data de início da leitura: _29_-_11_-_13_
Data da conclusão da leitura: _04_-_12_-_13_

Nome do aluno(a): ____________________________________
Ano e Turma: ___ nº: ____
Nome do aluno(a)_________________________________________________
Ano e Turma ______ nº ______

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O novo ordenamento politico e socioeconomico
O novo ordenamento politico e socioeconomicoO novo ordenamento politico e socioeconomico
O novo ordenamento politico e socioeconomico
diariohistoria
 
Os loucos anos 20
Os loucos anos 20Os loucos anos 20
Os loucos anos 20
Susana Simões
 
Pobreza e exclusão social (2)
Pobreza e exclusão social (2)Pobreza e exclusão social (2)
Pobreza e exclusão social (2)
Alcina Barbosa
 
Sociologia Desigualdade Social
Sociologia Desigualdade SocialSociologia Desigualdade Social
Sociologia Desigualdade Social
Jefferson Medeiiros Araújo
 
A modernização do reino na 2ª met. do séc. xix
A modernização do reino na 2ª met. do séc. xixA modernização do reino na 2ª met. do séc. xix
A modernização do reino na 2ª met. do séc. xix
cruchinho
 
Características da agricultura portuguesa
Características da agricultura portuguesaCaracterísticas da agricultura portuguesa
Características da agricultura portuguesa
Fernando Branco_Geografia
 
Cultura Global ou Globalização das Culturas
Cultura Global ou Globalização das CulturasCultura Global ou Globalização das Culturas
Cultura Global ou Globalização das Culturas
Jorge Barbosa
 
A Sociedade Oitocentista
A Sociedade OitocentistaA Sociedade Oitocentista
A Sociedade Oitocentista
luisant
 
Operariado
OperariadoOperariado
Operariado
Carla Teixeira
 
Sociedade do séc.XIX
Sociedade do séc.XIXSociedade do séc.XIX
Sociedade do séc.XIX
Maria Gomes
 
Resumo de História B
Resumo de História BResumo de História B
Resumo de História B
André Torres
 
39 imperialismo e colonialismo
39   imperialismo e colonialismo39   imperialismo e colonialismo
39 imperialismo e colonialismo
Carla Freitas
 
A ii revolucao-industrial[1]
A ii revolucao-industrial[1]A ii revolucao-industrial[1]
A ii revolucao-industrial[1]
António Luís Catarino
 
A revolução americana
A revolução americanaA revolução americana
A revolução americana
cattonia
 
11 ha m6 u1
11 ha m6 u111 ha m6 u1
11 ha m6 u1
Carla Freitas
 
Os Maias - análise
Os Maias - análiseOs Maias - análise
Os Maias - análise
António Fernandes
 
Recenseamento Agrícola 2009
Recenseamento Agrícola 2009 Recenseamento Agrícola 2009
Recenseamento Agrícola 2009
Idalina Leite
 
Agricultura 8º ano
Agricultura 8º anoAgricultura 8º ano
Agricultura 8º ano
João Neves
 
A Sociedade no Século XIX
A Sociedade no Século XIXA Sociedade no Século XIX
A Sociedade no Século XIX
José Ferreira
 
A Evolução do Ramalhete - Os Maias
A Evolução do Ramalhete - Os MaiasA Evolução do Ramalhete - Os Maias
A Evolução do Ramalhete - Os Maias
mauro dinis
 

Mais procurados (20)

O novo ordenamento politico e socioeconomico
O novo ordenamento politico e socioeconomicoO novo ordenamento politico e socioeconomico
O novo ordenamento politico e socioeconomico
 
Os loucos anos 20
Os loucos anos 20Os loucos anos 20
Os loucos anos 20
 
Pobreza e exclusão social (2)
Pobreza e exclusão social (2)Pobreza e exclusão social (2)
Pobreza e exclusão social (2)
 
Sociologia Desigualdade Social
Sociologia Desigualdade SocialSociologia Desigualdade Social
Sociologia Desigualdade Social
 
A modernização do reino na 2ª met. do séc. xix
A modernização do reino na 2ª met. do séc. xixA modernização do reino na 2ª met. do séc. xix
A modernização do reino na 2ª met. do séc. xix
 
Características da agricultura portuguesa
Características da agricultura portuguesaCaracterísticas da agricultura portuguesa
Características da agricultura portuguesa
 
Cultura Global ou Globalização das Culturas
Cultura Global ou Globalização das CulturasCultura Global ou Globalização das Culturas
Cultura Global ou Globalização das Culturas
 
A Sociedade Oitocentista
A Sociedade OitocentistaA Sociedade Oitocentista
A Sociedade Oitocentista
 
Operariado
OperariadoOperariado
Operariado
 
Sociedade do séc.XIX
Sociedade do séc.XIXSociedade do séc.XIX
Sociedade do séc.XIX
 
Resumo de História B
Resumo de História BResumo de História B
Resumo de História B
 
39 imperialismo e colonialismo
39   imperialismo e colonialismo39   imperialismo e colonialismo
39 imperialismo e colonialismo
 
A ii revolucao-industrial[1]
A ii revolucao-industrial[1]A ii revolucao-industrial[1]
A ii revolucao-industrial[1]
 
A revolução americana
A revolução americanaA revolução americana
A revolução americana
 
11 ha m6 u1
11 ha m6 u111 ha m6 u1
11 ha m6 u1
 
Os Maias - análise
Os Maias - análiseOs Maias - análise
Os Maias - análise
 
Recenseamento Agrícola 2009
Recenseamento Agrícola 2009 Recenseamento Agrícola 2009
Recenseamento Agrícola 2009
 
Agricultura 8º ano
Agricultura 8º anoAgricultura 8º ano
Agricultura 8º ano
 
A Sociedade no Século XIX
A Sociedade no Século XIXA Sociedade no Século XIX
A Sociedade no Século XIX
 
A Evolução do Ramalhete - Os Maias
A Evolução do Ramalhete - Os MaiasA Evolução do Ramalhete - Os Maias
A Evolução do Ramalhete - Os Maias
 

Semelhante a Resumo "O Filho do Lobo"

Este caderno de leitura pertence ao aluno
Este caderno de leitura pertence ao alunoEste caderno de leitura pertence ao aluno
Este caderno de leitura pertence ao aluno
Ana Paula Santos
 
Novas fichas leit.
Novas fichas leit.Novas fichas leit.
Novas fichas leit.
becastanheiradepera
 
O livro que vais trabalhar chama1.doc
O livro que vais trabalhar chama1.docO livro que vais trabalhar chama1.doc
O livro que vais trabalhar chama1.doc
Margarida (margrosario) Rosário
 
A menina que detestava livros.pdf
A menina que detestava livros.pdfA menina que detestava livros.pdf
A menina que detestava livros.pdf
bibliotecapacosousa
 
Ficha de leitura 1
Ficha de leitura 1Ficha de leitura 1
Ficha de leitura 1
Biblioteca Escolar Sobreira
 
Novo viagem ao_tempo_castelos
Novo viagem ao_tempo_castelosNovo viagem ao_tempo_castelos
Novo viagem ao_tempo_castelos
bibliotecap
 
Circulos de Leitura A beira da eternidade.pdf
Circulos de Leitura  A beira da eternidade.pdfCirculos de Leitura  A beira da eternidade.pdf
Circulos de Leitura A beira da eternidade.pdf
CRISTIANERADECK1
 
Observa e responde[1]
Observa e responde[1]Observa e responde[1]
Observa e responde[1]
bibliotecap
 
Ficha de leitura
Ficha de leituraFicha de leitura
Ficha de leitura
Cristina Sousa
 
Escola municipal alvorada
Escola municipal alvoradaEscola municipal alvorada
Escola municipal alvorada
Dayse Neco
 
Equipa solidária
Equipa solidáriaEquipa solidária
Uma viagem ao tempo dos castelos
Uma viagem ao tempo dos castelosUma viagem ao tempo dos castelos
Uma viagem ao tempo dos castelos
bibliotecap
 
interpretacao-de-texto-fabulas-o-rato-do-campo-e-o-rato-da-cidade.doc
interpretacao-de-texto-fabulas-o-rato-do-campo-e-o-rato-da-cidade.docinterpretacao-de-texto-fabulas-o-rato-do-campo-e-o-rato-da-cidade.doc
interpretacao-de-texto-fabulas-o-rato-do-campo-e-o-rato-da-cidade.doc
DoloresRicci
 
Guiodeleitura ameninaquesorriaadormir
Guiodeleitura ameninaquesorriaadormirGuiodeleitura ameninaquesorriaadormir
Guiodeleitura ameninaquesorriaadormir
Laura Maria Valverde Barros
 
A bruxa esbrenhuxa ficha
A bruxa esbrenhuxa fichaA bruxa esbrenhuxa ficha
A bruxa esbrenhuxa ficha
Ana Carvalho
 

Semelhante a Resumo "O Filho do Lobo" (15)

Este caderno de leitura pertence ao aluno
Este caderno de leitura pertence ao alunoEste caderno de leitura pertence ao aluno
Este caderno de leitura pertence ao aluno
 
Novas fichas leit.
Novas fichas leit.Novas fichas leit.
Novas fichas leit.
 
O livro que vais trabalhar chama1.doc
O livro que vais trabalhar chama1.docO livro que vais trabalhar chama1.doc
O livro que vais trabalhar chama1.doc
 
A menina que detestava livros.pdf
A menina que detestava livros.pdfA menina que detestava livros.pdf
A menina que detestava livros.pdf
 
Ficha de leitura 1
Ficha de leitura 1Ficha de leitura 1
Ficha de leitura 1
 
Novo viagem ao_tempo_castelos
Novo viagem ao_tempo_castelosNovo viagem ao_tempo_castelos
Novo viagem ao_tempo_castelos
 
Circulos de Leitura A beira da eternidade.pdf
Circulos de Leitura  A beira da eternidade.pdfCirculos de Leitura  A beira da eternidade.pdf
Circulos de Leitura A beira da eternidade.pdf
 
Observa e responde[1]
Observa e responde[1]Observa e responde[1]
Observa e responde[1]
 
Ficha de leitura
Ficha de leituraFicha de leitura
Ficha de leitura
 
Escola municipal alvorada
Escola municipal alvoradaEscola municipal alvorada
Escola municipal alvorada
 
Equipa solidária
Equipa solidáriaEquipa solidária
Equipa solidária
 
Uma viagem ao tempo dos castelos
Uma viagem ao tempo dos castelosUma viagem ao tempo dos castelos
Uma viagem ao tempo dos castelos
 
interpretacao-de-texto-fabulas-o-rato-do-campo-e-o-rato-da-cidade.doc
interpretacao-de-texto-fabulas-o-rato-do-campo-e-o-rato-da-cidade.docinterpretacao-de-texto-fabulas-o-rato-do-campo-e-o-rato-da-cidade.doc
interpretacao-de-texto-fabulas-o-rato-do-campo-e-o-rato-da-cidade.doc
 
Guiodeleitura ameninaquesorriaadormir
Guiodeleitura ameninaquesorriaadormirGuiodeleitura ameninaquesorriaadormir
Guiodeleitura ameninaquesorriaadormir
 
A bruxa esbrenhuxa ficha
A bruxa esbrenhuxa fichaA bruxa esbrenhuxa ficha
A bruxa esbrenhuxa ficha
 

Mais de Sasuke Sakura

Estatística
Estatística Estatística
Estatística
Sasuke Sakura
 
Era Paleozóica
Era PaleozóicaEra Paleozóica
Era Paleozóica
Sasuke Sakura
 
Relatório de ciências
Relatório de ciências Relatório de ciências
Relatório de ciências
Sasuke Sakura
 
Facebook
Facebook Facebook
Facebook
Sasuke Sakura
 
Estrutura interna da Terra
Estrutura interna da TerraEstrutura interna da Terra
Estrutura interna da Terra
Sasuke Sakura
 
Estatística
Estatística Estatística
Estatística
Sasuke Sakura
 
Doping
Doping Doping
Doping
Sasuke Sakura
 
Cientista
CientistaCientista
Cientista
Sasuke Sakura
 
A vizinha
A vizinha A vizinha
A vizinha
Sasuke Sakura
 
A nossa estatística (2)
A nossa estatística (2)A nossa estatística (2)
A nossa estatística (2)
Sasuke Sakura
 
A nossa estatística
A nossa estatística  A nossa estatística
A nossa estatística
Sasuke Sakura
 
A célula
A célula A célula
A célula
Sasuke Sakura
 
Um conflito inesperado
Um conflito inesperadoUm conflito inesperado
Um conflito inesperado
Sasuke Sakura
 
Resultados (Vulcanismo)
Resultados (Vulcanismo)Resultados (Vulcanismo)
Resultados (Vulcanismo)
Sasuke Sakura
 
Resultados 3 (Vulcanismo)
Resultados 3 (Vulcanismo)Resultados 3 (Vulcanismo)
Resultados 3 (Vulcanismo)
Sasuke Sakura
 
Resultados 2 (Vulcanismo)
Resultados 2 (Vulcanismo)Resultados 2 (Vulcanismo)
Resultados 2 (Vulcanismo)
Sasuke Sakura
 
Material (Vulcanismo)
Material (Vulcanismo)Material (Vulcanismo)
Material (Vulcanismo)
Sasuke Sakura
 
Material 3 (Vulcanismo)
Material 3 (Vulcanismo)Material 3 (Vulcanismo)
Material 3 (Vulcanismo)
Sasuke Sakura
 
Material 2 (Vulcanismo)
Material 2 (Vulcanismo)Material 2 (Vulcanismo)
Material 2 (Vulcanismo)
Sasuke Sakura
 
Introdução (Vulcanismo)
Introdução (Vulcanismo)Introdução (Vulcanismo)
Introdução (Vulcanismo)
Sasuke Sakura
 

Mais de Sasuke Sakura (20)

Estatística
Estatística Estatística
Estatística
 
Era Paleozóica
Era PaleozóicaEra Paleozóica
Era Paleozóica
 
Relatório de ciências
Relatório de ciências Relatório de ciências
Relatório de ciências
 
Facebook
Facebook Facebook
Facebook
 
Estrutura interna da Terra
Estrutura interna da TerraEstrutura interna da Terra
Estrutura interna da Terra
 
Estatística
Estatística Estatística
Estatística
 
Doping
Doping Doping
Doping
 
Cientista
CientistaCientista
Cientista
 
A vizinha
A vizinha A vizinha
A vizinha
 
A nossa estatística (2)
A nossa estatística (2)A nossa estatística (2)
A nossa estatística (2)
 
A nossa estatística
A nossa estatística  A nossa estatística
A nossa estatística
 
A célula
A célula A célula
A célula
 
Um conflito inesperado
Um conflito inesperadoUm conflito inesperado
Um conflito inesperado
 
Resultados (Vulcanismo)
Resultados (Vulcanismo)Resultados (Vulcanismo)
Resultados (Vulcanismo)
 
Resultados 3 (Vulcanismo)
Resultados 3 (Vulcanismo)Resultados 3 (Vulcanismo)
Resultados 3 (Vulcanismo)
 
Resultados 2 (Vulcanismo)
Resultados 2 (Vulcanismo)Resultados 2 (Vulcanismo)
Resultados 2 (Vulcanismo)
 
Material (Vulcanismo)
Material (Vulcanismo)Material (Vulcanismo)
Material (Vulcanismo)
 
Material 3 (Vulcanismo)
Material 3 (Vulcanismo)Material 3 (Vulcanismo)
Material 3 (Vulcanismo)
 
Material 2 (Vulcanismo)
Material 2 (Vulcanismo)Material 2 (Vulcanismo)
Material 2 (Vulcanismo)
 
Introdução (Vulcanismo)
Introdução (Vulcanismo)Introdução (Vulcanismo)
Introdução (Vulcanismo)
 

Último

1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
LeticiaRochaCupaiol
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdfJOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
ClaudiaMainoth
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdfAula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Pedro Luis Moraes
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
vinibolado86
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
CarinaSantos916505
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
fagnerlopes11
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 

Último (20)

1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdfJOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdfAula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 

Resumo "O Filho do Lobo"

  • 1. Nome do aluno(a)_________________________________________________ Ano e Turma ______ nº ______ Ficha de Registo de Leitura Indicações Bibliográficas Autor: Jack London___________________________________________________________ Livro lido e analisado: O Filho do Lobo_____________________________________________ Editora: Antígona__________________________________________________________ Resumo do livro: Este livro é constituído por 9 histórias que se passavam em regiões do Alasca, no século XIX. Num modo geral, estas pequenas histórias, divididas em capítulos, falam-nos do tempo em que os Europeus foram á procura de ouro em Klondike, naquelas regiões, das suas invasões ás tribos dos índios, das dificuldades que se passavam naqueles lugares frios, sombrios e silenciosos e da maneira, tão primitiva e difícil, de como se sobrevivia. Estas histórias também nos transmitem os sentimentos dos “brancos” em relação aos índio e vice-versa, as relações entre eles, amorosas, de amizade ou de conflito e as suas maneiras de pensar. O livro “Filho do Lobo” é assim denominado devido á maneira trapaceira de como os “brancos” invadiram e dominaram os índios que se compara á do lobo. Não existe uma personagem principal, mas a personagem que mais aparece naquelas histórias é Malemute Kid. Gostou de ler este livro? Sim x / Não ___ Porquê? Eu gostei de ler este livro porque o próprio autor descreveu parte das suas aventuras e dificuldades que passou naquelas zonas e as pequenas histórias iam nos dando, enquanto as líamos, lições de vida. Selecione um excerto de que tenha gostado particularmente. Página(s) do excerto selecionado: O excerto vai desde a página 87 á 88 Razões da escolha desta selecção: Eu escolhi aquele excerto porque fala da maneira, resumida, de como o homem branco se teve de adaptar nas regiões do Alasca Data de início da leitura: _29_-_11_-_13_ Data da conclusão da leitura: _04_-_12_-_13_ Nome do aluno(a): ____________________________________ Ano e Turma: ___ nº: ____