SlideShare uma empresa Scribd logo
1
OSM - PROCESSOS
ORGANIZACIONAIS
(60 horas)
Prof. Dr. Cláudio Márcio Mendonça
cmarcio@gmail.com
UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ
1
Graduação:
Processamento de Dados e Administração
Pós-Graduação:
Especialização: MBA em Gestão da Tecnologia da Informação
Especialização: Gestão Universitária
Mestrado: Administração
Doutorado: Administração (UFRN) - Computação em Nuvem e Governança
de TI
Atividade Exercida no momento:
- Professor UNIFAP do Curso de Administração
FORMAÇÃO
2
Algumas atividades já exercidas
Consultor Empresarial;
Diretor de Qualidade Acadêmica da UnP;
Pró-Reitor de Graduação da UnP;
Gerente de Tecnologia da UnP;
Professor Universitário desde 1997
Membro do Comitê da Rede GigaNatal;
Analista de Sistemas;
Consultor em Banco de Dados no Projeto Renavan Detran-RN;
Professor de Cursos de Extensão;
Diretor Adjunto de Curso de Computação;
Programador;
Digitador.
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/0548149279978063
3
4
CONTRATO DE
CONVIVÊNCIA
OSM - PROCESSOS ORGANIZACIONAIS
5
•PONTUALIDADE;
•FAÇO CHAMADA DIARIAMENTE E REPROVO POR FALTAS;
•PARTICIPAÇÃO;
•SE PRECISAR SAIR AO FINAL DA AULA, DEIXAR NOME ESCRITO
EM PAPEL, NÃO PRECISA DIZER “PROFESSOR MEU ÔNIBUS";
•QUANDO EU SOLICITAR LEITURA DE TEXTO, LEIAM;
•QUALIDADE NAS APRESENTAÇÕES E NA ATIVIDADE FINAL DA
DISCIPLINA;
•MATERIAL DO PROFESSOR COLOCADO COM ANTECEDÊNCIA;
•SE QUER PASSAR, ESTUDE, NÃO DOU PONTUAÇÃO PARA
COMPLETAR NOTA.
CONTRATO DE CONVIVÊNCIA
6
- Pirâmides do Egito - Foram erguidas 2700 a.c.
- 2,3 milhões de blocos de rocha, cada um pesando em média
2,5 toneladas
- O número de pessoas utilizadas pode ter chegado a 150.000
7
- Muralha da China
- Segundo anunciaram cientistas chineses em abril de 2009, o
comprimento total da muralha é de 8.850 km
- Acredita-se que os trabalhos na muralha ocuparam a mão-de-obra de
cerca de um milhão de homens
8
- Torre Burj Dubai, considerada o novo prédio mais alto do mundo.
- A estrutura tem mais de 800 metros de altura e 160 andares
- Aproximadamente 12 mil homens trabalharam na sua construção
9
10
Maior cadeia mundial de
restaurantes de fast food de
Hamburguer (35 mil pontos
de vendas em 119 países)
10
Tudo isso seria possível:
- sem processos ou
procedimentos?
- sem divisão de tarefas?
- sem produtividade?
- sem controle mínimo de
qualidade?
- sem planejamento?
- sem liderança?
11
Negócios...
12
12
O que essas empresas querem?
• Aumentar o faturamento;
• Aumentar a participação no
mercado (mais clientes);
• Mais produtividade;
• Maior lucratividade;
• Menos custos;
• Alcançar a sustentabilidade;
13
13
• Menos desperdício e retrabalho;
• Menos riscos;
• Menos problemas;
• Lançar novos produtos/serviços
em curto espaço de tempo;
• Clientes satisfeitos;
• Clientes “fiéis”.
14
O que essas empresas
querem?
14
Produtividade...
15
Custos Margem de Lucro
Preço praticado pelo mercado (concorrência)
O que são esses custos?
Como diminuir os custos?
15
O QUE SÃO
PROCESSOS ?
16
PROCESSOS...
“todo trabalho
importante realizado nas
empresas, faz parte de
algum processo”
(GRAHAM; LEBARON, 1994)
17
Processos...
O p r o c e s s o d e
negócio (empresarial) é
formado por etapas de
produção ou atividades
a serem executadas. (DI
SORDI, 2008)
PROCESSOS...
18
O que é Sistema?
Segundo Oliveira (2009) Sistema é um
conjunto de partes integrantes e
interdependentes que, conjuntamente,
formam um todo unitário com
determinado objetivo e efetuam função
específica.
19
O que é Sistema?
Objetivos
Processo de
Transformação
Entradas Saídas
Controle e Avaliação
Retroalimentação
(FeedBack)
20
O que é Ambiente de um Sistema?
EMPRESA
Governo
Fornecedores
Sistema
Financeiro
Sindicatos
Tecnologia
Comunidade
Consumidores
Mercado de
mão-de-obra
Concorrência
21
O que são processos?
Segundo Davenport (1994)
Processos “é uma ordenação
específica de atividades de trabalho
no tempo e no espaço, portanto,
devem ter começo, fim, insumos e
resultados claramente identificados”
22
O que são processos?
Segundo Gonçalves (2000)
Processos “é qualquer atividade ou
conjunto de atividades que toma um
input, adiciona valor a ele e fornece
um output a um cliente específico”
23
O que são processos?
Segundo Cruz (2008) “Processo é
a forma pela qual um conjunto de
ATIVIDADES cria, trabalha, ou transforma
insumos (entradas), agregando-lhes
VALOR, com a finalidade de produzir
BENS e SERVIÇOS, com qualidade, para
serem entregues a clientes (saídas)
sejam eles internos ou externos.”
24
Processos...
•As atividades ou tarefas são unidades
lógicas que são executadas dentro de
um processo;
•Podem ser totalmente manuais ou
automatizadas
•São o último nível de divisão de um
processo, não havendo mais
necessidade de subdivisões (DI SORDI, 2008).
O que são processos?
25
•O P R O C E S S O é u m c o n c e i t o
fundamental no projeto dos meios pelos
quais uma empresa pretende PRODUZIR
e ENTREGAR seus produtos e serviços
aos seus clientes.
• Muitos dos processos nas empresas são
repetitivos e envolvem, no seu conjunto, a
maioria das pessoas da organização.
(GONÇALVES, 2000 b, p. 9, grifo nosso)
O que são processos?
26
Processos...
O que são processos?
27
Gonçalves (2000)
Espectro dos principais modelos de processos
28
Exemplos de Processos
29
Categorias
básicas de
processos
30
30
Processos...
31
• PROCESSOS PRODUTIVOS de um
determinado produto industrial, pode chegar
a 10% do valor do produto final.
• E os PROCESSOS QUE DÃO APOIO
aos processos produtivos da organização,
tais como: processos de compra de matéria-
prima, de comercialização, de logística de
distribuição, de divulgação do produto,
dentre outros, são responsáveis por 50%
dos custos dos produtos.
31
Processos...
32
• Veja que é uma conta bem simples:
10% processos produtivos
50% outros processos de apoio
--------------------------------------------
60% do valor final do produto
tem relação com PROCESSOS
+
32
Processos...
33
Processos Produtivos Outros Processos
Margem de Lucro e Insumos
60%
Processos
33
CATEGORIAS DE PROCESSOS
•PROCESSOS DE NEGÓCIO
•PROCESSOS ORGANIZACIONAIS
•PROCESSOS GERENCIAIS
34
CATEGORIAS DE PROCESSOS
•PROCESSOS DE NEGÓCIO
35
CATEGORIAS DE PROCESSOS
•PROCESSOS ORGANIZACIONAIS
36
CATEGORIAS DE PROCESSOS
•PROCESSOS GERENCIAIS
37
CATEGORIAS DE PROCESSOS
38
Exemplo de
Processo Produtivo
39
40
40
41
41
42
42
Estudo de Caso
para Análise.
43
Episódio 01 - Temporada 01 -
Cd 1
•Car Cash
•Processo de Serviço
44
PROCESSO DE AQUISIÇÃO DE
MATÉRIA-PRIMA
Atividades do
Processo
1 2 3 4
Ambiente Interno Interno Externo Interno
Setor Produção Compras Fornecedor Almoxarifado
Ação
Solicita
matéria-prima
para
fabricação
Faz
solicitação da
matéria-prima
com o
fornecedor
Recebe o
pedido do
setor de
compras e
fornece a
matéria-prima
Recebe a matéria-
prima do
fornecedor e
compara com o
pedido de compra.
Encaminha para o
setor de produção,
contabilidade e
contas a pagar
45
PROCESSO DE AQUISIÇÃO DE
MATÉRIA-PRIMA
Atividades do
Processo
5 6 7 8
Ambiente Interno Interno Interno Externo
Setor Produção Contabilidade Contas a pagar Banco
Ação
Recebe a
matéria-
prima.
Faz a
contabilização
da nota-fiscal
O setor de
contas a pagar
recebe o boleto
de pagamento
da matéria prima
e providencia o
pagamento
Recebe o
pagamento do
boleto bancário
referente a
aquisição da
matéria-prima
46
47
PROCESSO DE AQUISIÇÃO DE
MATÉRIA-PRIMA DA LANCHONETE
DO ZÉ
Atividades do
Processo
1 2 3 4
Ambiente Interno Interno Externo Interno
Setor Zé da Chapa Compras /
João
Sanduba
Fornecedor Zé da Chapa
Ação
Solicita
matéria-prima
para poder
fazer os
sanduíches
João Sanduba
dono da
lanchonete vai
ao
supermercado
da esquina
Supermercado
fornece os
produtos
Recebe a matéria-
prima que João
Sanhuda trouxe do
supermercado e
compara com o
pedido de compra
que ele havia feito
48
Atividades do
Processo
5 6
Ambiente Interno Interno
Setor
Zé da Chapa João Sanduba /
Contabilidade
Ação
Recebe a
matéria-
prima.
João Sanduba
guarda a nota-
fiscal do
supermercado
na pasta azul de
plástico
PROCESSO DE AQUISIÇÃO DE
MATÉRIA-PRIMA DA LANCHONETE
DO ZÉ
49
50
51
Cláudio, entendi o que são
processos, agora o que é Gestão
de Processos e Gestão por
Processos?
51
GESTÃO DE
PROCESSOS
52
Gerir os processos é uma forma
de gestão dos negócios que, hoje,
é uma alternativa de solução para
os problemas atuais da gestão
globalizada (DAVENPORT, 1994; DI SORDI,
2008; GONÇALVES, 2000)
Gestão de Processos...
53
GESTÃO DE PROCESSOS é uma
preocupação na melhoria da forma
como o trabalho é executado, e não
somente com o produto ou serviço
final que será entregue para o
cliente. Maranhão e Macieira (2004)
Gestão de Processos...
54
GESTÃO DE
PROCESSOS...
Gestão de Processos...
55
56
A gestão de processos busca
c o m p r e e n d e r m e l h o r o
funcionamento da organização,
para então buscar formas de
aperfeiçoar os processos internos
da empresa. Oliveira (apud
ARAÚJO, 2007)
Conceitos de Gestão de Processos
57
A Gestão de Processos é a
maneira pela qual se busca a
melhoria contínua dos processos
organizacionais, através de análise
e planejamento, sempre pensando na
melhor forma de gerenciar a utilização
dos recursos.
Conceitos de Gestão de Processos
58
A Gestão de Processos deve ser
um procedimento contínuo e
acumulativo de repensar e de
redesenho do negócio e de todas as
suas partes ou atividades integrantes
(OLIVEIRA, 2006)
Conceitos de Gestão de Processos
59
A gestão de processos implica
uma ênfase grande na melhoria da
forma pela qual o trabalho é
realizado, em contraste com o
enfoque apenas no próprio produto ou
serviço oferecidos aos clientes
(MARANHÃO e MACIEIRA, 2004)
Conceitos de Gestão de Processos
60
Conceitos de Gestão de Processos
Algumas atividades desenvolvidas pela gestão
de processos:
a) desenho, racionalização e normatização
de processos e procedimentos;
b) desenho, formalização e mudança na
estrutura organizacional;
c) desenho, racionalização e normatização
de formulários;
61
Conceitos de Gestão de Processos
Algumas atividades desenvolvidas pela
gestão de processos:
d) normatização e racionalização do uso
do espaço físico e layout na empresa;
e) elaboração de projetos de estudo;
f) utilização de ferramentas de medição de
desempenho.
62
Gestão por
processos
63
Ao procurar estruturar-se por
processos, as empresas acabam
descobrindo que é impossível
sobrepor um processo integrado
a uma organização fragmentada
pelo desenho funcional
tradicional (Hammer e Stanton,
1999).
Gestão por Processos...
64
Gestão por Processos...
Os organogramas não se prestam para a análise dos
processos de negócio, pois não mostram como eles
funcionam na prática nem como ocorrem na empresa.
Os processos de negócio estão relacionados com o
funcionamento da organização e geralmente não res-
peitam os limites estabelecidos pelos organogramas.
65
Gestão por Processos...
A organização orientada por processos pressupõe que
as pessoas trabalhem de forma diferente. Em lugar do
trabalho individual e voltado a tarefas, a organização
por processos valoriza o trabalho em equipe, a
cooperação, a responsabilidade individual e a von-
tade de fazer um trabalho melhor.
66
Estrutura Hierarquica Tradicional
67
Gestão por Processos
68
Objetivos do Estudo dos Processos
• Identificar a utilidade de cada etapa do
processo;
• Verificar as vantagens em alterar a
sequência das operações;
• Procurar adequar as operações
(passos) às pessoas que as executam;
e
• Identificar a necessidade de
treinamento para o trabalho específico
de processo
69
Estratégia para o Estudo do Processo
• Escolha do Processo a Estudar:
•Um processo percorre certo
número de unidades ou pessoas
dentro da organização, e a
identificação por um chefe ou
funcionário qualquer não é
indicação de urgência ou
prioridade do estudo desse
processo;
70
Estratégia para o Estudo do Processo
• Coleta dos passos e sua
representação gráfica:
•Esse passo é o mais exaustivo, e
deve buscar, passo a passo, o que
faz cada um, aonde faz e como
faz. Nessa etapa é feita a
"fluxogramação";
71
Estratégia para o Estudo do Processo
• Análise dos métodos empregados
no processamento atual:
•Essa é uma etapa que inclui no
esforço de análise de todo o
processo as pessoas, o que é feito,
como que é feito e a visão que
essas pessoas têm da sua parte
de todo o processo.
•É a análise de tudo o que contribui
para a realização do processo;
72
Estratégia para o Estudo do Processo
• Implantação do novo processo:
•É importante a presença do
responsável pelo estudo durante o
período de implantação e de
adaptação do pessoal ao novo
processamento;
73
Estratégia para o Estudo do Processo
• Manualização do Processo:
• Após o cumprimento dos ajustes e
adaptações sempre necessárias, compete
ao gerente (ou gestor) desenvolver
esforços com o intuito de manter os
movimentos que compõem o processo, de
forma que seja possível a sua rápida
internalização, ou de forma que outros
possam dela tomar conhecimento, à
medida que isso lhes seja relevante;
74

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Engenharia de processos: Mapeamento e Redesenho de Processos
Engenharia de processos: Mapeamento e Redesenho de ProcessosEngenharia de processos: Mapeamento e Redesenho de Processos
Engenharia de processos: Mapeamento e Redesenho de Processos
Aristeu Silveira, DMa, MSc.
 
Redução de Custos e Desperdícios em Processos
Redução de Custos e Desperdícios em Processos Redução de Custos e Desperdícios em Processos
Redução de Custos e Desperdícios em Processos
EloGroup
 
Aulas - Análise de Processos - 2005 - Prof. Sergio.Jr
Aulas - Análise de Processos - 2005 - Prof. Sergio.JrAulas - Análise de Processos - 2005 - Prof. Sergio.Jr
Aulas - Análise de Processos - 2005 - Prof. Sergio.Jr
Sergio Luis Seloti Jr
 
Visão por Processos
Visão por ProcessosVisão por Processos
Visão por Processos
Q2 Management
 
Bpm apresentação
Bpm apresentaçãoBpm apresentação
Bpm apresentação
Unicerp
 
Fundamentos Em Business Process Management Modelagem de Processos de Negócio ...
Fundamentos Em Business Process Management Modelagem de Processos de Negócio ...Fundamentos Em Business Process Management Modelagem de Processos de Negócio ...
Fundamentos Em Business Process Management Modelagem de Processos de Negócio ...
Jaguaraci Silva
 
Aula pcp lean parte II - Unoesc São Miguel do Oeste
Aula pcp lean parte II -  Unoesc São Miguel do OesteAula pcp lean parte II -  Unoesc São Miguel do Oeste
Aula pcp lean parte II - Unoesc São Miguel do Oeste
Luiz Felipe Cherem
 
Aula 1 Modelagem De Processos
Aula 1   Modelagem De ProcessosAula 1   Modelagem De Processos
Aula 1 Modelagem De Processos
Marcos Barato
 
Plano operacional mmds
Plano operacional mmdsPlano operacional mmds
Plano operacional mmds
Nuno Tasso de Figueiredo
 
Processos
ProcessosProcessos
BPM & Transformação Digital
BPM & Transformação DigitalBPM & Transformação Digital
BPM & Transformação Digital
EloGroup
 
Aula de qualidade lean - unoesc videira
Aula de qualidade lean - unoesc videiraAula de qualidade lean - unoesc videira
Aula de qualidade lean - unoesc videira
Luiz Felipe Cherem
 
Engenharia De Processos
Engenharia De ProcessosEngenharia De Processos
Engenharia De Processos
renatomachado1404
 
BPM e Reengenharia de Processos
BPM e Reengenharia de ProcessosBPM e Reengenharia de Processos
BPM e Reengenharia de Processos
comunidades@ina
 
Processos empresariais 2012_01
Processos empresariais 2012_01Processos empresariais 2012_01
Processos empresariais 2012_01
Milton Henrique do Couto Neto
 
Recursos Humanos
Recursos HumanosRecursos Humanos
Recursos Humanos
Raniere Emin
 
Gestão por processos
Gestão por processosGestão por processos
Gestão por processos
Coelho Assessoria
 
Apostila administração da produção 1º semestre
Apostila administração da produção 1º semestreApostila administração da produção 1º semestre
Apostila administração da produção 1º semestre
vivianepga
 
Eventograma, Infograma e Funcionagrama
Eventograma, Infograma e FuncionagramaEventograma, Infograma e Funcionagrama
Eventograma, Infograma e Funcionagrama
Érica Rangel
 
Desperdicios case perdas
Desperdicios case perdas Desperdicios case perdas
Desperdicios case perdas
EloGroup
 

Mais procurados (20)

Engenharia de processos: Mapeamento e Redesenho de Processos
Engenharia de processos: Mapeamento e Redesenho de ProcessosEngenharia de processos: Mapeamento e Redesenho de Processos
Engenharia de processos: Mapeamento e Redesenho de Processos
 
Redução de Custos e Desperdícios em Processos
Redução de Custos e Desperdícios em Processos Redução de Custos e Desperdícios em Processos
Redução de Custos e Desperdícios em Processos
 
Aulas - Análise de Processos - 2005 - Prof. Sergio.Jr
Aulas - Análise de Processos - 2005 - Prof. Sergio.JrAulas - Análise de Processos - 2005 - Prof. Sergio.Jr
Aulas - Análise de Processos - 2005 - Prof. Sergio.Jr
 
Visão por Processos
Visão por ProcessosVisão por Processos
Visão por Processos
 
Bpm apresentação
Bpm apresentaçãoBpm apresentação
Bpm apresentação
 
Fundamentos Em Business Process Management Modelagem de Processos de Negócio ...
Fundamentos Em Business Process Management Modelagem de Processos de Negócio ...Fundamentos Em Business Process Management Modelagem de Processos de Negócio ...
Fundamentos Em Business Process Management Modelagem de Processos de Negócio ...
 
Aula pcp lean parte II - Unoesc São Miguel do Oeste
Aula pcp lean parte II -  Unoesc São Miguel do OesteAula pcp lean parte II -  Unoesc São Miguel do Oeste
Aula pcp lean parte II - Unoesc São Miguel do Oeste
 
Aula 1 Modelagem De Processos
Aula 1   Modelagem De ProcessosAula 1   Modelagem De Processos
Aula 1 Modelagem De Processos
 
Plano operacional mmds
Plano operacional mmdsPlano operacional mmds
Plano operacional mmds
 
Processos
ProcessosProcessos
Processos
 
BPM & Transformação Digital
BPM & Transformação DigitalBPM & Transformação Digital
BPM & Transformação Digital
 
Aula de qualidade lean - unoesc videira
Aula de qualidade lean - unoesc videiraAula de qualidade lean - unoesc videira
Aula de qualidade lean - unoesc videira
 
Engenharia De Processos
Engenharia De ProcessosEngenharia De Processos
Engenharia De Processos
 
BPM e Reengenharia de Processos
BPM e Reengenharia de ProcessosBPM e Reengenharia de Processos
BPM e Reengenharia de Processos
 
Processos empresariais 2012_01
Processos empresariais 2012_01Processos empresariais 2012_01
Processos empresariais 2012_01
 
Recursos Humanos
Recursos HumanosRecursos Humanos
Recursos Humanos
 
Gestão por processos
Gestão por processosGestão por processos
Gestão por processos
 
Apostila administração da produção 1º semestre
Apostila administração da produção 1º semestreApostila administração da produção 1º semestre
Apostila administração da produção 1º semestre
 
Eventograma, Infograma e Funcionagrama
Eventograma, Infograma e FuncionagramaEventograma, Infograma e Funcionagrama
Eventograma, Infograma e Funcionagrama
 
Desperdicios case perdas
Desperdicios case perdas Desperdicios case perdas
Desperdicios case perdas
 

Semelhante a Material arquivo-1-conceitos-processos

A Democratização da Arquitetura de Processos como fator chave para Inovação [...
A Democratização da Arquitetura de Processos como fator chave para Inovação [...A Democratização da Arquitetura de Processos como fator chave para Inovação [...
A Democratização da Arquitetura de Processos como fator chave para Inovação [...
Kelly Sganderla
 
AULA-20-Gestão-de-Processos.pdf
AULA-20-Gestão-de-Processos.pdfAULA-20-Gestão-de-Processos.pdf
AULA-20-Gestão-de-Processos.pdf
Fabio Campos
 
TDC 2017 Porto Alegre - Transformação Digital de Processos, Casos e Decisões
TDC 2017 Porto Alegre - Transformação Digital de Processos, Casos e DecisõesTDC 2017 Porto Alegre - Transformação Digital de Processos, Casos e Decisões
TDC 2017 Porto Alegre - Transformação Digital de Processos, Casos e Decisões
Mauricio Bitencourt, CBPP
 
Business Process Management - (Disciplina: Gerência da Informação - Ciência d...
Business Process Management - (Disciplina: Gerência da Informação - Ciência d...Business Process Management - (Disciplina: Gerência da Informação - Ciência d...
Business Process Management - (Disciplina: Gerência da Informação - Ciência d...
Jennifer Carolinne
 
Apresentação Gerenciamento Processos de Negócio
Apresentação Gerenciamento Processos de NegócioApresentação Gerenciamento Processos de Negócio
Apresentação Gerenciamento Processos de Negócio
Ideia Consultoria
 
Manual transformacao-processo
Manual transformacao-processoManual transformacao-processo
Manual transformacao-processo
António Ferreira
 
Aula 01
Aula 01Aula 01
Material Administração da Produção e Operações I
Material Administração da Produção e Operações I Material Administração da Produção e Operações I
Material Administração da Produção e Operações I
Cristiano Ferreira Cesarino
 
Gestão do conhecimento - Gestão de processos
Gestão do conhecimento - Gestão de processosGestão do conhecimento - Gestão de processos
Gestão do conhecimento - Gestão de processos
Rodrigo Everton
 
[BPM Day Porto Alegre 2014] Maurício Bitencourt – Como o iBPM e as tecnologi...
 [BPM Day Porto Alegre 2014] Maurício Bitencourt – Como o iBPM e as tecnologi... [BPM Day Porto Alegre 2014] Maurício Bitencourt – Como o iBPM e as tecnologi...
[BPM Day Porto Alegre 2014] Maurício Bitencourt – Como o iBPM e as tecnologi...
EloGroup
 
[BPM Day Porto Alegre] Maurício Bitencourt - Como o iBPM e as tecnologias mai...
[BPM Day Porto Alegre] Maurício Bitencourt - Como o iBPM e as tecnologias mai...[BPM Day Porto Alegre] Maurício Bitencourt - Como o iBPM e as tecnologias mai...
[BPM Day Porto Alegre] Maurício Bitencourt - Como o iBPM e as tecnologias mai...
EloGroup
 
Ebook Processos Poderosos de Negócios
Ebook Processos Poderosos de NegóciosEbook Processos Poderosos de Negócios
Ebook Processos Poderosos de Negócios
Ideia Consultoria
 
Estudos de Caso - Michael Rosemann
Estudos de Caso - Michael RosemannEstudos de Caso - Michael Rosemann
Estudos de Caso - Michael Rosemann
EloGroup
 
Estudos de Caso – Michael Rosemann
Estudos de Caso – Michael RosemannEstudos de Caso – Michael Rosemann
Estudos de Caso – Michael Rosemann
EloGroup
 
Gestão/Administração da produção.
Gestão/Administração da produção.Gestão/Administração da produção.
Gestão/Administração da produção.
Henrique Ferreira
 
Gerenciar a Informação Implica em Conhecer e Aperfeiçoar o Processo
Gerenciar a Informação Implica em Conhecer e Aperfeiçoar o ProcessoGerenciar a Informação Implica em Conhecer e Aperfeiçoar o Processo
Gerenciar a Informação Implica em Conhecer e Aperfeiçoar o Processo
walter_masson
 
BPM Sucesu BA 2013
BPM Sucesu BA 2013BPM Sucesu BA 2013
BPM Sucesu BA 2013
ejedelmal
 
Antes de automatizar processos e regras de negócio com BPMS e SOA: otimizar o...
Antes de automatizar processos e regras de negócio com BPMS e SOA: otimizar o...Antes de automatizar processos e regras de negócio com BPMS e SOA: otimizar o...
Antes de automatizar processos e regras de negócio com BPMS e SOA: otimizar o...
Mauricio Bitencourt, CBPP
 
Apresentação- transformação organizacional com bpm
Apresentação-  transformação organizacional com bpmApresentação-  transformação organizacional com bpm
Apresentação- transformação organizacional com bpm
Celebroni BPM
 
Redução de desperdicios e aumento de produtividade em processos
Redução de desperdicios e aumento de produtividade em processosRedução de desperdicios e aumento de produtividade em processos
Redução de desperdicios e aumento de produtividade em processos
EloGroup
 

Semelhante a Material arquivo-1-conceitos-processos (20)

A Democratização da Arquitetura de Processos como fator chave para Inovação [...
A Democratização da Arquitetura de Processos como fator chave para Inovação [...A Democratização da Arquitetura de Processos como fator chave para Inovação [...
A Democratização da Arquitetura de Processos como fator chave para Inovação [...
 
AULA-20-Gestão-de-Processos.pdf
AULA-20-Gestão-de-Processos.pdfAULA-20-Gestão-de-Processos.pdf
AULA-20-Gestão-de-Processos.pdf
 
TDC 2017 Porto Alegre - Transformação Digital de Processos, Casos e Decisões
TDC 2017 Porto Alegre - Transformação Digital de Processos, Casos e DecisõesTDC 2017 Porto Alegre - Transformação Digital de Processos, Casos e Decisões
TDC 2017 Porto Alegre - Transformação Digital de Processos, Casos e Decisões
 
Business Process Management - (Disciplina: Gerência da Informação - Ciência d...
Business Process Management - (Disciplina: Gerência da Informação - Ciência d...Business Process Management - (Disciplina: Gerência da Informação - Ciência d...
Business Process Management - (Disciplina: Gerência da Informação - Ciência d...
 
Apresentação Gerenciamento Processos de Negócio
Apresentação Gerenciamento Processos de NegócioApresentação Gerenciamento Processos de Negócio
Apresentação Gerenciamento Processos de Negócio
 
Manual transformacao-processo
Manual transformacao-processoManual transformacao-processo
Manual transformacao-processo
 
Aula 01
Aula 01Aula 01
Aula 01
 
Material Administração da Produção e Operações I
Material Administração da Produção e Operações I Material Administração da Produção e Operações I
Material Administração da Produção e Operações I
 
Gestão do conhecimento - Gestão de processos
Gestão do conhecimento - Gestão de processosGestão do conhecimento - Gestão de processos
Gestão do conhecimento - Gestão de processos
 
[BPM Day Porto Alegre 2014] Maurício Bitencourt – Como o iBPM e as tecnologi...
 [BPM Day Porto Alegre 2014] Maurício Bitencourt – Como o iBPM e as tecnologi... [BPM Day Porto Alegre 2014] Maurício Bitencourt – Como o iBPM e as tecnologi...
[BPM Day Porto Alegre 2014] Maurício Bitencourt – Como o iBPM e as tecnologi...
 
[BPM Day Porto Alegre] Maurício Bitencourt - Como o iBPM e as tecnologias mai...
[BPM Day Porto Alegre] Maurício Bitencourt - Como o iBPM e as tecnologias mai...[BPM Day Porto Alegre] Maurício Bitencourt - Como o iBPM e as tecnologias mai...
[BPM Day Porto Alegre] Maurício Bitencourt - Como o iBPM e as tecnologias mai...
 
Ebook Processos Poderosos de Negócios
Ebook Processos Poderosos de NegóciosEbook Processos Poderosos de Negócios
Ebook Processos Poderosos de Negócios
 
Estudos de Caso - Michael Rosemann
Estudos de Caso - Michael RosemannEstudos de Caso - Michael Rosemann
Estudos de Caso - Michael Rosemann
 
Estudos de Caso – Michael Rosemann
Estudos de Caso – Michael RosemannEstudos de Caso – Michael Rosemann
Estudos de Caso – Michael Rosemann
 
Gestão/Administração da produção.
Gestão/Administração da produção.Gestão/Administração da produção.
Gestão/Administração da produção.
 
Gerenciar a Informação Implica em Conhecer e Aperfeiçoar o Processo
Gerenciar a Informação Implica em Conhecer e Aperfeiçoar o ProcessoGerenciar a Informação Implica em Conhecer e Aperfeiçoar o Processo
Gerenciar a Informação Implica em Conhecer e Aperfeiçoar o Processo
 
BPM Sucesu BA 2013
BPM Sucesu BA 2013BPM Sucesu BA 2013
BPM Sucesu BA 2013
 
Antes de automatizar processos e regras de negócio com BPMS e SOA: otimizar o...
Antes de automatizar processos e regras de negócio com BPMS e SOA: otimizar o...Antes de automatizar processos e regras de negócio com BPMS e SOA: otimizar o...
Antes de automatizar processos e regras de negócio com BPMS e SOA: otimizar o...
 
Apresentação- transformação organizacional com bpm
Apresentação-  transformação organizacional com bpmApresentação-  transformação organizacional com bpm
Apresentação- transformação organizacional com bpm
 
Redução de desperdicios e aumento de produtividade em processos
Redução de desperdicios e aumento de produtividade em processosRedução de desperdicios e aumento de produtividade em processos
Redução de desperdicios e aumento de produtividade em processos
 

Material arquivo-1-conceitos-processos

  • 1. 1 OSM - PROCESSOS ORGANIZACIONAIS (60 horas) Prof. Dr. Cláudio Márcio Mendonça cmarcio@gmail.com UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ 1 Graduação: Processamento de Dados e Administração Pós-Graduação: Especialização: MBA em Gestão da Tecnologia da Informação Especialização: Gestão Universitária Mestrado: Administração Doutorado: Administração (UFRN) - Computação em Nuvem e Governança de TI Atividade Exercida no momento: - Professor UNIFAP do Curso de Administração FORMAÇÃO 2
  • 2. Algumas atividades já exercidas Consultor Empresarial; Diretor de Qualidade Acadêmica da UnP; Pró-Reitor de Graduação da UnP; Gerente de Tecnologia da UnP; Professor Universitário desde 1997 Membro do Comitê da Rede GigaNatal; Analista de Sistemas; Consultor em Banco de Dados no Projeto Renavan Detran-RN; Professor de Cursos de Extensão; Diretor Adjunto de Curso de Computação; Programador; Digitador. Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/0548149279978063 3 4
  • 3. CONTRATO DE CONVIVÊNCIA OSM - PROCESSOS ORGANIZACIONAIS 5 •PONTUALIDADE; •FAÇO CHAMADA DIARIAMENTE E REPROVO POR FALTAS; •PARTICIPAÇÃO; •SE PRECISAR SAIR AO FINAL DA AULA, DEIXAR NOME ESCRITO EM PAPEL, NÃO PRECISA DIZER “PROFESSOR MEU ÔNIBUS"; •QUANDO EU SOLICITAR LEITURA DE TEXTO, LEIAM; •QUALIDADE NAS APRESENTAÇÕES E NA ATIVIDADE FINAL DA DISCIPLINA; •MATERIAL DO PROFESSOR COLOCADO COM ANTECEDÊNCIA; •SE QUER PASSAR, ESTUDE, NÃO DOU PONTUAÇÃO PARA COMPLETAR NOTA. CONTRATO DE CONVIVÊNCIA 6
  • 4. - Pirâmides do Egito - Foram erguidas 2700 a.c. - 2,3 milhões de blocos de rocha, cada um pesando em média 2,5 toneladas - O número de pessoas utilizadas pode ter chegado a 150.000 7 - Muralha da China - Segundo anunciaram cientistas chineses em abril de 2009, o comprimento total da muralha é de 8.850 km - Acredita-se que os trabalhos na muralha ocuparam a mão-de-obra de cerca de um milhão de homens 8
  • 5. - Torre Burj Dubai, considerada o novo prédio mais alto do mundo. - A estrutura tem mais de 800 metros de altura e 160 andares - Aproximadamente 12 mil homens trabalharam na sua construção 9 10 Maior cadeia mundial de restaurantes de fast food de Hamburguer (35 mil pontos de vendas em 119 países) 10
  • 6. Tudo isso seria possível: - sem processos ou procedimentos? - sem divisão de tarefas? - sem produtividade? - sem controle mínimo de qualidade? - sem planejamento? - sem liderança? 11 Negócios... 12 12
  • 7. O que essas empresas querem? • Aumentar o faturamento; • Aumentar a participação no mercado (mais clientes); • Mais produtividade; • Maior lucratividade; • Menos custos; • Alcançar a sustentabilidade; 13 13 • Menos desperdício e retrabalho; • Menos riscos; • Menos problemas; • Lançar novos produtos/serviços em curto espaço de tempo; • Clientes satisfeitos; • Clientes “fiéis”. 14 O que essas empresas querem? 14
  • 8. Produtividade... 15 Custos Margem de Lucro Preço praticado pelo mercado (concorrência) O que são esses custos? Como diminuir os custos? 15 O QUE SÃO PROCESSOS ? 16
  • 9. PROCESSOS... “todo trabalho importante realizado nas empresas, faz parte de algum processo” (GRAHAM; LEBARON, 1994) 17 Processos... O p r o c e s s o d e negócio (empresarial) é formado por etapas de produção ou atividades a serem executadas. (DI SORDI, 2008) PROCESSOS... 18
  • 10. O que é Sistema? Segundo Oliveira (2009) Sistema é um conjunto de partes integrantes e interdependentes que, conjuntamente, formam um todo unitário com determinado objetivo e efetuam função específica. 19 O que é Sistema? Objetivos Processo de Transformação Entradas Saídas Controle e Avaliação Retroalimentação (FeedBack) 20
  • 11. O que é Ambiente de um Sistema? EMPRESA Governo Fornecedores Sistema Financeiro Sindicatos Tecnologia Comunidade Consumidores Mercado de mão-de-obra Concorrência 21 O que são processos? Segundo Davenport (1994) Processos “é uma ordenação específica de atividades de trabalho no tempo e no espaço, portanto, devem ter começo, fim, insumos e resultados claramente identificados” 22
  • 12. O que são processos? Segundo Gonçalves (2000) Processos “é qualquer atividade ou conjunto de atividades que toma um input, adiciona valor a ele e fornece um output a um cliente específico” 23 O que são processos? Segundo Cruz (2008) “Processo é a forma pela qual um conjunto de ATIVIDADES cria, trabalha, ou transforma insumos (entradas), agregando-lhes VALOR, com a finalidade de produzir BENS e SERVIÇOS, com qualidade, para serem entregues a clientes (saídas) sejam eles internos ou externos.” 24
  • 13. Processos... •As atividades ou tarefas são unidades lógicas que são executadas dentro de um processo; •Podem ser totalmente manuais ou automatizadas •São o último nível de divisão de um processo, não havendo mais necessidade de subdivisões (DI SORDI, 2008). O que são processos? 25 •O P R O C E S S O é u m c o n c e i t o fundamental no projeto dos meios pelos quais uma empresa pretende PRODUZIR e ENTREGAR seus produtos e serviços aos seus clientes. • Muitos dos processos nas empresas são repetitivos e envolvem, no seu conjunto, a maioria das pessoas da organização. (GONÇALVES, 2000 b, p. 9, grifo nosso) O que são processos? 26
  • 14. Processos... O que são processos? 27 Gonçalves (2000) Espectro dos principais modelos de processos 28
  • 16. Processos... 31 • PROCESSOS PRODUTIVOS de um determinado produto industrial, pode chegar a 10% do valor do produto final. • E os PROCESSOS QUE DÃO APOIO aos processos produtivos da organização, tais como: processos de compra de matéria- prima, de comercialização, de logística de distribuição, de divulgação do produto, dentre outros, são responsáveis por 50% dos custos dos produtos. 31 Processos... 32 • Veja que é uma conta bem simples: 10% processos produtivos 50% outros processos de apoio -------------------------------------------- 60% do valor final do produto tem relação com PROCESSOS + 32
  • 17. Processos... 33 Processos Produtivos Outros Processos Margem de Lucro e Insumos 60% Processos 33 CATEGORIAS DE PROCESSOS •PROCESSOS DE NEGÓCIO •PROCESSOS ORGANIZACIONAIS •PROCESSOS GERENCIAIS 34
  • 18. CATEGORIAS DE PROCESSOS •PROCESSOS DE NEGÓCIO 35 CATEGORIAS DE PROCESSOS •PROCESSOS ORGANIZACIONAIS 36
  • 19. CATEGORIAS DE PROCESSOS •PROCESSOS GERENCIAIS 37 CATEGORIAS DE PROCESSOS 38
  • 22. Estudo de Caso para Análise. 43 Episódio 01 - Temporada 01 - Cd 1 •Car Cash •Processo de Serviço 44
  • 23. PROCESSO DE AQUISIÇÃO DE MATÉRIA-PRIMA Atividades do Processo 1 2 3 4 Ambiente Interno Interno Externo Interno Setor Produção Compras Fornecedor Almoxarifado Ação Solicita matéria-prima para fabricação Faz solicitação da matéria-prima com o fornecedor Recebe o pedido do setor de compras e fornece a matéria-prima Recebe a matéria- prima do fornecedor e compara com o pedido de compra. Encaminha para o setor de produção, contabilidade e contas a pagar 45 PROCESSO DE AQUISIÇÃO DE MATÉRIA-PRIMA Atividades do Processo 5 6 7 8 Ambiente Interno Interno Interno Externo Setor Produção Contabilidade Contas a pagar Banco Ação Recebe a matéria- prima. Faz a contabilização da nota-fiscal O setor de contas a pagar recebe o boleto de pagamento da matéria prima e providencia o pagamento Recebe o pagamento do boleto bancário referente a aquisição da matéria-prima 46
  • 24. 47 PROCESSO DE AQUISIÇÃO DE MATÉRIA-PRIMA DA LANCHONETE DO ZÉ Atividades do Processo 1 2 3 4 Ambiente Interno Interno Externo Interno Setor Zé da Chapa Compras / João Sanduba Fornecedor Zé da Chapa Ação Solicita matéria-prima para poder fazer os sanduíches João Sanduba dono da lanchonete vai ao supermercado da esquina Supermercado fornece os produtos Recebe a matéria- prima que João Sanhuda trouxe do supermercado e compara com o pedido de compra que ele havia feito 48
  • 25. Atividades do Processo 5 6 Ambiente Interno Interno Setor Zé da Chapa João Sanduba / Contabilidade Ação Recebe a matéria- prima. João Sanduba guarda a nota- fiscal do supermercado na pasta azul de plástico PROCESSO DE AQUISIÇÃO DE MATÉRIA-PRIMA DA LANCHONETE DO ZÉ 49 50
  • 26. 51 Cláudio, entendi o que são processos, agora o que é Gestão de Processos e Gestão por Processos? 51 GESTÃO DE PROCESSOS 52
  • 27. Gerir os processos é uma forma de gestão dos negócios que, hoje, é uma alternativa de solução para os problemas atuais da gestão globalizada (DAVENPORT, 1994; DI SORDI, 2008; GONÇALVES, 2000) Gestão de Processos... 53 GESTÃO DE PROCESSOS é uma preocupação na melhoria da forma como o trabalho é executado, e não somente com o produto ou serviço final que será entregue para o cliente. Maranhão e Macieira (2004) Gestão de Processos... 54
  • 29. A gestão de processos busca c o m p r e e n d e r m e l h o r o funcionamento da organização, para então buscar formas de aperfeiçoar os processos internos da empresa. Oliveira (apud ARAÚJO, 2007) Conceitos de Gestão de Processos 57 A Gestão de Processos é a maneira pela qual se busca a melhoria contínua dos processos organizacionais, através de análise e planejamento, sempre pensando na melhor forma de gerenciar a utilização dos recursos. Conceitos de Gestão de Processos 58
  • 30. A Gestão de Processos deve ser um procedimento contínuo e acumulativo de repensar e de redesenho do negócio e de todas as suas partes ou atividades integrantes (OLIVEIRA, 2006) Conceitos de Gestão de Processos 59 A gestão de processos implica uma ênfase grande na melhoria da forma pela qual o trabalho é realizado, em contraste com o enfoque apenas no próprio produto ou serviço oferecidos aos clientes (MARANHÃO e MACIEIRA, 2004) Conceitos de Gestão de Processos 60
  • 31. Conceitos de Gestão de Processos Algumas atividades desenvolvidas pela gestão de processos: a) desenho, racionalização e normatização de processos e procedimentos; b) desenho, formalização e mudança na estrutura organizacional; c) desenho, racionalização e normatização de formulários; 61 Conceitos de Gestão de Processos Algumas atividades desenvolvidas pela gestão de processos: d) normatização e racionalização do uso do espaço físico e layout na empresa; e) elaboração de projetos de estudo; f) utilização de ferramentas de medição de desempenho. 62
  • 32. Gestão por processos 63 Ao procurar estruturar-se por processos, as empresas acabam descobrindo que é impossível sobrepor um processo integrado a uma organização fragmentada pelo desenho funcional tradicional (Hammer e Stanton, 1999). Gestão por Processos... 64
  • 33. Gestão por Processos... Os organogramas não se prestam para a análise dos processos de negócio, pois não mostram como eles funcionam na prática nem como ocorrem na empresa. Os processos de negócio estão relacionados com o funcionamento da organização e geralmente não res- peitam os limites estabelecidos pelos organogramas. 65 Gestão por Processos... A organização orientada por processos pressupõe que as pessoas trabalhem de forma diferente. Em lugar do trabalho individual e voltado a tarefas, a organização por processos valoriza o trabalho em equipe, a cooperação, a responsabilidade individual e a von- tade de fazer um trabalho melhor. 66
  • 35. Objetivos do Estudo dos Processos • Identificar a utilidade de cada etapa do processo; • Verificar as vantagens em alterar a sequência das operações; • Procurar adequar as operações (passos) às pessoas que as executam; e • Identificar a necessidade de treinamento para o trabalho específico de processo 69 Estratégia para o Estudo do Processo • Escolha do Processo a Estudar: •Um processo percorre certo número de unidades ou pessoas dentro da organização, e a identificação por um chefe ou funcionário qualquer não é indicação de urgência ou prioridade do estudo desse processo; 70
  • 36. Estratégia para o Estudo do Processo • Coleta dos passos e sua representação gráfica: •Esse passo é o mais exaustivo, e deve buscar, passo a passo, o que faz cada um, aonde faz e como faz. Nessa etapa é feita a "fluxogramação"; 71 Estratégia para o Estudo do Processo • Análise dos métodos empregados no processamento atual: •Essa é uma etapa que inclui no esforço de análise de todo o processo as pessoas, o que é feito, como que é feito e a visão que essas pessoas têm da sua parte de todo o processo. •É a análise de tudo o que contribui para a realização do processo; 72
  • 37. Estratégia para o Estudo do Processo • Implantação do novo processo: •É importante a presença do responsável pelo estudo durante o período de implantação e de adaptação do pessoal ao novo processamento; 73 Estratégia para o Estudo do Processo • Manualização do Processo: • Após o cumprimento dos ajustes e adaptações sempre necessárias, compete ao gerente (ou gestor) desenvolver esforços com o intuito de manter os movimentos que compõem o processo, de forma que seja possível a sua rápida internalização, ou de forma que outros possam dela tomar conhecimento, à medida que isso lhes seja relevante; 74