SlideShare uma empresa Scribd logo
INDEPENDÊNCIA DA AMÉRICA ESPANHOLA
1
1
A transição do século XVIII para o século XIX
 Acontecimentos que influenciaram o processo de
independência das Américas:
 Independência das 13 colônias (1776):
 A formação dos Estados Unidos da América pode ser
considerado o pontapé inicial no processo de independência das
colônias americanas.
 Serviu como exemplo e fonte de inspiração para os
movimentos latino–americanos que lutavam pela emancipação
política e pela ruptura do pacto colonial.
 O regime republicano, baseado no pensamento iluminista,
exerceu enorme fascínio sobre a aristocracia “criolla” da
América Espanhola.
2
A transição do século XVIII para o século XIX
 Revolução Industrial (1780):
 As relações capitalistas alcançavam distâncias cada
vez maiores.
 +
 Já em 1713, a Inglaterra passa a ter o direito sobre o
“asiento” (fornecimento de escravos para as colônias) e
o chamado “permiso” (comércio direto com as colônias).
 Necessidade de substituir o monopólio comercial pela
livre concorrência: abolição do sistema de “Porto Único”
(1797).
Aumento da
produção
Demanda por
matéria-prima
Demanda mercado
consumidor
3
A transição do século XVIII para o século XIX
 Revolução Francesa (1789):
 Os ideais iluministas de igualdade, liberdade e
fraternidade contra o Antigo Regime
 A Era Napoleônica (1799-1815): defesa da República
Francesa e início de novas conquistas (contra as monarquias
absolutistas).
           
           
 E Portugal? Como ficou diante de Napoleão?
Espanha ocupada pelas tropas de Napoleão
A estrutura político-administrativa em relação às
colônias se desorganizou
4
A transição do século XVIII para o século XIX
 Juntas Governativas: estratégia para acabar com as
restrições da metrópole. As Juntas, organizadas em várias
cidades pela elite colonial, passaram a defender a idéia de
ruptura definitiva com a metrópole
           
 Com a derrota de Napoleão e a ação do Congresso
de Viena (1815) e da Santa Aliança, intensificaram-se as
lutas pela independência.
A liberdade representava a independência e foi
essa visão liberal e iluminista que predominou
5
Relembrando a estrutura administrativa da América Espanhola
6
As lutas pela independência no Vice-Reino
de Nova Espanha (atual México e América Central)
 A independência só aconteceu em 1821, com a vitória do
General Itúrbide (espanhol que acabou se proclamando
Imperador do México).
 Em 1823, os republicanos expulsaram o general e
proclamaram a República.
 O restante do território desse vice-reino também tornou-se
independente em 1821: “Províncias Unidas da América Central”.
Mais tarde, fragmentaram-se em Guatemala, Honduras, El
Salvador e Nicarágua.
 As lutas iniciaram em 1810 com Hidalgo e Morellos, liderando
um exército de mestiços, índios e brancos pobres.
7
As lutas pela independência nos Vice-Reinos de Nova Granada,
Peru e Rio da Prata
 Na América do Sul: San Martín e Simon Bolívar
 Organizaram exércitos formados por índios,
mestiços e colonos pobres.
 A Inglaterra teve papel preponderante nas lutas pela
independência das colônias hispano-americanas.
 San Martín (1775-1850): militar argentino
 Argentina (1816), Chile (1818) e Peru (1821)
 Simon Bolívar (1783-1830): aristocrata venezuelano
 Colômbia (1819), Venezuela (1821), Peru (1821),
Equador (1822) e Bolívia (1825)
8
As lutas pela independência nos Vice-Reinos
de Nova Granada, Peru e Rio da Prata
 Simon Bolívar defendeu uma postura pan-americana para os
territórios    BOLIVARISMO
 Defendia a necessidade de união das nações
americanas face à possível contra-ofensiva da Espanha,
apoiada pela Santa Aliança.
 Criou a Grã-Colômbia (1819), que duraria até 1830,
mesmo ano de sua morte.
 A Grã-Colômbia foi fragmentada em três Estados;
Venezuela, Equador e Colômbia, à qual se integrava o Panamá.
9
Os mapas: antes e depois da independência
10
Quais as propostas dos novos estados nacionais?
 Seriam dirigidos e organizados de acordo com os
interesses das elites “criollas”.
Muitos proprietários de terras, comerciantes e liberais
buscavam, com a independência, viabilizar seus “projetos”:
 cargos na alta administração
 fim do monopólio comercial metropolitano
 expansão dos negócios e propriedades
          
A “mita” foi restabelecida com o nome de
“Serviço à República”
11
A fragmentação política e o caudilhismo
 A fragmentação política da América hispânica pode ser
explicada pelo próprio sistema colonial, uma vez que as
diversas regiões do império espanhol eram isoladas entre si.
Essa situação favorece também o surgimento de lideranças
locais fortes, os CAUDILHOS, dificultando a realização de um
projeto de unidade colonial.
 O Caudilhismo:
 O caudilho era (ou ainda é?) um chefe político local,
grande proprietário de terra e que procurava manter as mesmas
estruturas sociais e econômicas herdadas do período colonial.
 Convencionou-se como “figura” típica da América Latina,
notadamente dos países surgidos do Império espanhol.
12
Independência da América Espanhola X América Portuguesa
 Assim como o movimento de independência das colônias
espanholas é tradicionalmente visto a partir dos interesses da
elite, costuma-se compara-lo com o movimento que ocorreu no
Brasil:
 participação popular, porém sob liderança dos “criollos”
 o caráter militar, envolvendo anos de conflito com a
Espanha;
 a fragmentação territorial, processo caracterizado pela
transformação de uma região em vários países livres
 adoção do regime republicano - exceção feita ao México
(depois tornou-se uma República)
13
Será que mudou alguma coisa?
A inserção de novos estados nacionais no cenário
internacional do trabalho: continuava nos mesmos moldes
coloniais...
X
              
      
 
exportação de matéria-prima
(agrícola e mineral)
importação de produtos
industrializados
valores de mercado diferentes entre produtos
(industrializados X agrícolas)
Balança
Desfavorável
Dívidas
(interna e externa)
Empréstimos
14
A dependência ao longo dos séculos XIX e XX: Inglaterra e EUA
 À emancipação e divisão política latino-americana segue-se nova
dependência: não mais das antigas metrópoles, porém da Inglaterra.
 No início do século XX: início da influência estadunidense que,
gradualmente substitui a inglesa.
 Os Estados Unidos “não concordavam” com as práticas de
intervenção dos europeus e com isso se distanciaram da Europa, tudo
isso depois da Santa Aliança (1815).
 Diante da insatisfação do governo americano o então presidente,
James Monroe, elaborou a chamada Doutrina Monroe:
15
“A América para os americanos”
EM SUMA
No início do século XIX, a América hispânica,
inspirada nas idéias liberais do Iluminismo, travou sua
guerra de independência vitoriosa contra colonialismo
espanhol para, em seguida, fragmentar-se em um
grande número de jovens repúblicas oprimidas por
caudilhos militares, exploradas por oligarquias rurais e
acorrentadas a uma nova dependência econômica
imposta pelo capitalismo industrial inglês e,
posteriormente, estadunidense.
16
MÉXICO – 1821
EQUADOR – 1822
PERU – 1824
VENEZUELA – 1821
COLÔMBIA – 1819
BOLÍVIA – 1825
CHILE – 1818 ARGENTINA – 1816
URUGUAI – 1828
PARAGUAI – 1811
BRASIL – 1822
17

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Independência das colônias espanholas e haiti
Independência das colônias espanholas e haitiIndependência das colônias espanholas e haiti
Independência das colônias espanholas e haiti
Naiani Fenalti
 
A independência do haiti
A independência do haitiA independência do haiti
A independência do haiti
historiando
 
Período regencial (1831 1840)
Período regencial (1831  1840)Período regencial (1831  1840)
Período regencial (1831 1840)
Marilia Pimentel
 
Regime totalitarista de esquerda Stalinismo
Regime totalitarista de esquerda StalinismoRegime totalitarista de esquerda Stalinismo
Regime totalitarista de esquerda Stalinismo
Adriana Gomes Messias
 
Crise do sistema colonial
Crise do sistema colonialCrise do sistema colonial
Crise do sistema colonial
Edenilson Morais
 
Movimento luddista e cartista
Movimento luddista e cartistaMovimento luddista e cartista
Movimento luddista e cartista
Marlon Barros Cardozo
 
O fim da escravidão negra no brasil
O fim da escravidão negra no brasilO fim da escravidão negra no brasil
O fim da escravidão negra no brasil
Nome Sobrenome
 
8 2º reinado
8  2º reinado8  2º reinado
8 2º reinado
José Augusto Fiorin
 
Ditadura militar Chilena - Augusto Pinochet
Ditadura militar Chilena - Augusto PinochetDitadura militar Chilena - Augusto Pinochet
Ditadura militar Chilena - Augusto Pinochet
thiago araujo
 
Independência da América Espanhola
Independência da América EspanholaIndependência da América Espanhola
Independência da América Espanhola
Edenilson Morais
 
A Revolução Russa
A Revolução RussaA Revolução Russa
A Revolução Russa
Edenilson Morais
 
A Redemocratização do Brasil
A Redemocratização do BrasilA Redemocratização do Brasil
A Redemocratização do Brasil
Alex Ferreira dos Santos
 
Revolucao francesa
Revolucao francesaRevolucao francesa
Revolucao francesa
luizmourao23
 
3º ano - Ditadura Militar e Redemocratização
3º ano - Ditadura Militar e Redemocratização3º ano - Ditadura Militar e Redemocratização
3º ano - Ditadura Militar e Redemocratização
Daniel Alves Bronstrup
 
Revoltas coloniais
Revoltas coloniaisRevoltas coloniais
Revoltas coloniais
Eliphas Rodrigues
 
Independência da América Espanhola
Independência da América EspanholaIndependência da América Espanhola
Independência da América Espanhola
Aulas de História
 
Imperialismo e Neocolonialismo
Imperialismo e NeocolonialismoImperialismo e Neocolonialismo
Imperialismo e Neocolonialismo
Edenilson Morais
 
Período regencial
Período regencialPeríodo regencial
Período regencial
Felipe Silva
 
O período napoleônico (1799 1815)
O período napoleônico (1799 1815)O período napoleônico (1799 1815)
O período napoleônico (1799 1815)
Vitor Ferreira
 
O Iluminismo
O IluminismoO Iluminismo

Mais procurados (20)

Independência das colônias espanholas e haiti
Independência das colônias espanholas e haitiIndependência das colônias espanholas e haiti
Independência das colônias espanholas e haiti
 
A independência do haiti
A independência do haitiA independência do haiti
A independência do haiti
 
Período regencial (1831 1840)
Período regencial (1831  1840)Período regencial (1831  1840)
Período regencial (1831 1840)
 
Regime totalitarista de esquerda Stalinismo
Regime totalitarista de esquerda StalinismoRegime totalitarista de esquerda Stalinismo
Regime totalitarista de esquerda Stalinismo
 
Crise do sistema colonial
Crise do sistema colonialCrise do sistema colonial
Crise do sistema colonial
 
Movimento luddista e cartista
Movimento luddista e cartistaMovimento luddista e cartista
Movimento luddista e cartista
 
O fim da escravidão negra no brasil
O fim da escravidão negra no brasilO fim da escravidão negra no brasil
O fim da escravidão negra no brasil
 
8 2º reinado
8  2º reinado8  2º reinado
8 2º reinado
 
Ditadura militar Chilena - Augusto Pinochet
Ditadura militar Chilena - Augusto PinochetDitadura militar Chilena - Augusto Pinochet
Ditadura militar Chilena - Augusto Pinochet
 
Independência da América Espanhola
Independência da América EspanholaIndependência da América Espanhola
Independência da América Espanhola
 
A Revolução Russa
A Revolução RussaA Revolução Russa
A Revolução Russa
 
A Redemocratização do Brasil
A Redemocratização do BrasilA Redemocratização do Brasil
A Redemocratização do Brasil
 
Revolucao francesa
Revolucao francesaRevolucao francesa
Revolucao francesa
 
3º ano - Ditadura Militar e Redemocratização
3º ano - Ditadura Militar e Redemocratização3º ano - Ditadura Militar e Redemocratização
3º ano - Ditadura Militar e Redemocratização
 
Revoltas coloniais
Revoltas coloniaisRevoltas coloniais
Revoltas coloniais
 
Independência da América Espanhola
Independência da América EspanholaIndependência da América Espanhola
Independência da América Espanhola
 
Imperialismo e Neocolonialismo
Imperialismo e NeocolonialismoImperialismo e Neocolonialismo
Imperialismo e Neocolonialismo
 
Período regencial
Período regencialPeríodo regencial
Período regencial
 
O período napoleônico (1799 1815)
O período napoleônico (1799 1815)O período napoleônico (1799 1815)
O período napoleônico (1799 1815)
 
O Iluminismo
O IluminismoO Iluminismo
O Iluminismo
 

Destaque

Independência da América Espanhola
Independência da América EspanholaIndependência da América Espanhola
Independência da América Espanhola
Patrícia Costa Grigório
 
A independência da américa latina
A independência da américa latinaA independência da américa latina
A independência da américa latina
Isaquel Silva
 
Processo de Independência da América
Processo de Independência da AméricaProcesso de Independência da América
Processo de Independência da América
Lú Carvalho
 
Independência da América Espanhola
Independência da América EspanholaIndependência da América Espanhola
Independência da América Espanhola
Carlos Zaranza
 
A Espanha e a América nos séculos XVI e XVII - Elliott J. H.
A Espanha e a América nos séculos XVI e XVII - Elliott J. H. A Espanha e a América nos séculos XVI e XVII - Elliott J. H.
A Espanha e a América nos séculos XVI e XVII - Elliott J. H.
UFMT Universidade Federal de Mato Grosso
 
Independenciaamericaespanhola 110428210651-phpapp01 (1)
Independenciaamericaespanhola 110428210651-phpapp01 (1)Independenciaamericaespanhola 110428210651-phpapp01 (1)
Independenciaamericaespanhola 110428210651-phpapp01 (1)
Isabel Aguiar
 
Independência da américa espanhola (1)
Independência da américa espanhola (1)Independência da américa espanhola (1)
Independência da américa espanhola (1)
migueldrj
 
Independência da América Espanhola
Independência da América EspanholaIndependência da América Espanhola
Independência da América Espanhola
Claudenilson da Silva
 

Destaque (8)

Independência da América Espanhola
Independência da América EspanholaIndependência da América Espanhola
Independência da América Espanhola
 
A independência da américa latina
A independência da américa latinaA independência da américa latina
A independência da américa latina
 
Processo de Independência da América
Processo de Independência da AméricaProcesso de Independência da América
Processo de Independência da América
 
Independência da América Espanhola
Independência da América EspanholaIndependência da América Espanhola
Independência da América Espanhola
 
A Espanha e a América nos séculos XVI e XVII - Elliott J. H.
A Espanha e a América nos séculos XVI e XVII - Elliott J. H. A Espanha e a América nos séculos XVI e XVII - Elliott J. H.
A Espanha e a América nos séculos XVI e XVII - Elliott J. H.
 
Independenciaamericaespanhola 110428210651-phpapp01 (1)
Independenciaamericaespanhola 110428210651-phpapp01 (1)Independenciaamericaespanhola 110428210651-phpapp01 (1)
Independenciaamericaespanhola 110428210651-phpapp01 (1)
 
Independência da américa espanhola (1)
Independência da américa espanhola (1)Independência da américa espanhola (1)
Independência da américa espanhola (1)
 
Independência da América Espanhola
Independência da América EspanholaIndependência da América Espanhola
Independência da América Espanhola
 

Semelhante a Independência da América Espanhola

Aula 14 américa espanhola
Aula 14   américa espanholaAula 14   américa espanhola
Aula 14 américa espanhola
Jonatas Carlos
 
A independência da américa espanhola
A independência da américa espanholaA independência da américa espanhola
A independência da américa espanhola
historiando
 
Capitulo 08 indep da america espanhola
Capitulo 08  indep da america espanholaCapitulo 08  indep da america espanhola
Capitulo 08 indep da america espanhola
Educandário Imaculada Conceição
 
Resenha origens da independencia da américa espanhola-bethel
Resenha origens da independencia da américa espanhola-bethelResenha origens da independencia da américa espanhola-bethel
Resenha origens da independencia da américa espanhola-bethel
Sandra Kroetz
 
Resenha origens da independencia da américa espanhola-bethel
Resenha origens da independencia da américa espanhola-bethelResenha origens da independencia da américa espanhola-bethel
Resenha origens da independencia da américa espanhola-bethel
Sandra Kroetz
 
A independência da américa espanhola
A independência da américa espanholaA independência da américa espanhola
A independência da américa espanhola
Nelia Salles Nantes
 
Independência da Argentina e do México
Independência da Argentina e do MéxicoIndependência da Argentina e do México
Independência da Argentina e do México
luisamartinsrc
 
Apostila eja - unid. 7
Apostila eja - unid. 7Apostila eja - unid. 7
Apostila eja - unid. 7
Marcela Marangon Ribeiro
 
Movimentoscoloniais
MovimentoscoloniaisMovimentoscoloniais
Movimentoscoloniais
Gean Bonatto
 
Independencias
IndependenciasIndependencias
Independencias
dinicmax
 
Ind a espanhola_texto 9_2007
Ind a espanhola_texto 9_2007Ind a espanhola_texto 9_2007
Ind a espanhola_texto 9_2007
Jorge Marcos Oliveira
 
Ind a espanhola_texto 9_2007
Ind a espanhola_texto 9_2007Ind a espanhola_texto 9_2007
Ind a espanhola_texto 9_2007
Jorge Marcos Oliveira
 
Independência das colônias espanholas
Independência das colônias espanholasIndependência das colônias espanholas
Independência das colônias espanholas
Fatima Freitas
 
Crise do sistema_colonial
Crise do sistema_colonialCrise do sistema_colonial
Crise do sistema_colonial
Uelder Santos
 
Independências americanas
Independências americanasIndependências americanas
Independências americanas
Colégio Progresso Centro
 
A independência da américa espanhola
A independência da américa espanholaA independência da américa espanhola
A independência da américa espanhola
Nelia Salles Nantes
 
2013 independência da américa espanhola
2013 independência da américa espanhola2013 independência da américa espanhola
2013 independência da américa espanhola
MARIANO C7S
 
2° ano - Processos de Independência na América
2° ano - Processos de Independência na América2° ano - Processos de Independência na América
2° ano - Processos de Independência na América
Daniel Alves Bronstrup
 
Processo de Independência da América
Processo de Independência da AméricaProcesso de Independência da América
Processo de Independência da América
Lú Carvalho
 
A Independência Na América - Prof.Altair Aguilar
A Independência Na América - Prof.Altair AguilarA Independência Na América - Prof.Altair Aguilar
A Independência Na América - Prof.Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 

Semelhante a Independência da América Espanhola (20)

Aula 14 américa espanhola
Aula 14   américa espanholaAula 14   américa espanhola
Aula 14 américa espanhola
 
A independência da américa espanhola
A independência da américa espanholaA independência da américa espanhola
A independência da américa espanhola
 
Capitulo 08 indep da america espanhola
Capitulo 08  indep da america espanholaCapitulo 08  indep da america espanhola
Capitulo 08 indep da america espanhola
 
Resenha origens da independencia da américa espanhola-bethel
Resenha origens da independencia da américa espanhola-bethelResenha origens da independencia da américa espanhola-bethel
Resenha origens da independencia da américa espanhola-bethel
 
Resenha origens da independencia da américa espanhola-bethel
Resenha origens da independencia da américa espanhola-bethelResenha origens da independencia da américa espanhola-bethel
Resenha origens da independencia da américa espanhola-bethel
 
A independência da américa espanhola
A independência da américa espanholaA independência da américa espanhola
A independência da américa espanhola
 
Independência da Argentina e do México
Independência da Argentina e do MéxicoIndependência da Argentina e do México
Independência da Argentina e do México
 
Apostila eja - unid. 7
Apostila eja - unid. 7Apostila eja - unid. 7
Apostila eja - unid. 7
 
Movimentoscoloniais
MovimentoscoloniaisMovimentoscoloniais
Movimentoscoloniais
 
Independencias
IndependenciasIndependencias
Independencias
 
Ind a espanhola_texto 9_2007
Ind a espanhola_texto 9_2007Ind a espanhola_texto 9_2007
Ind a espanhola_texto 9_2007
 
Ind a espanhola_texto 9_2007
Ind a espanhola_texto 9_2007Ind a espanhola_texto 9_2007
Ind a espanhola_texto 9_2007
 
Independência das colônias espanholas
Independência das colônias espanholasIndependência das colônias espanholas
Independência das colônias espanholas
 
Crise do sistema_colonial
Crise do sistema_colonialCrise do sistema_colonial
Crise do sistema_colonial
 
Independências americanas
Independências americanasIndependências americanas
Independências americanas
 
A independência da américa espanhola
A independência da américa espanholaA independência da américa espanhola
A independência da américa espanhola
 
2013 independência da américa espanhola
2013 independência da américa espanhola2013 independência da américa espanhola
2013 independência da américa espanhola
 
2° ano - Processos de Independência na América
2° ano - Processos de Independência na América2° ano - Processos de Independência na América
2° ano - Processos de Independência na América
 
Processo de Independência da América
Processo de Independência da AméricaProcesso de Independência da América
Processo de Independência da América
 
A Independência Na América - Prof.Altair Aguilar
A Independência Na América - Prof.Altair AguilarA Independência Na América - Prof.Altair Aguilar
A Independência Na América - Prof.Altair Aguilar
 

Último

MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
GracinhaSantos6
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
pamellaaraujo10
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
bmgrama
 
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Centro Jacques Delors
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
Atividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docxAtividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docx
MARCELARUBIAGAVA
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
AlessandraRibas7
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.pptLITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
EdimaresSilvestre
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
WELTONROBERTOFREITAS
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
AntonioAngeloNeves
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
ThiagoRORISDASILVA1
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Nertan Dias
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
HelenStefany
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 

Último (20)

MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
 
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
 
Atividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docxAtividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docx
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.pptLITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
 

Independência da América Espanhola

  • 2. A transição do século XVIII para o século XIX  Acontecimentos que influenciaram o processo de independência das Américas:  Independência das 13 colônias (1776):  A formação dos Estados Unidos da América pode ser considerado o pontapé inicial no processo de independência das colônias americanas.  Serviu como exemplo e fonte de inspiração para os movimentos latino–americanos que lutavam pela emancipação política e pela ruptura do pacto colonial.  O regime republicano, baseado no pensamento iluminista, exerceu enorme fascínio sobre a aristocracia “criolla” da América Espanhola. 2
  • 3. A transição do século XVIII para o século XIX  Revolução Industrial (1780):  As relações capitalistas alcançavam distâncias cada vez maiores.  +  Já em 1713, a Inglaterra passa a ter o direito sobre o “asiento” (fornecimento de escravos para as colônias) e o chamado “permiso” (comércio direto com as colônias).  Necessidade de substituir o monopólio comercial pela livre concorrência: abolição do sistema de “Porto Único” (1797). Aumento da produção Demanda por matéria-prima Demanda mercado consumidor 3
  • 4. A transição do século XVIII para o século XIX  Revolução Francesa (1789):  Os ideais iluministas de igualdade, liberdade e fraternidade contra o Antigo Regime  A Era Napoleônica (1799-1815): defesa da República Francesa e início de novas conquistas (contra as monarquias absolutistas).                          E Portugal? Como ficou diante de Napoleão? Espanha ocupada pelas tropas de Napoleão A estrutura político-administrativa em relação às colônias se desorganizou 4
  • 5. A transição do século XVIII para o século XIX  Juntas Governativas: estratégia para acabar com as restrições da metrópole. As Juntas, organizadas em várias cidades pela elite colonial, passaram a defender a idéia de ruptura definitiva com a metrópole              Com a derrota de Napoleão e a ação do Congresso de Viena (1815) e da Santa Aliança, intensificaram-se as lutas pela independência. A liberdade representava a independência e foi essa visão liberal e iluminista que predominou 5
  • 6. Relembrando a estrutura administrativa da América Espanhola 6
  • 7. As lutas pela independência no Vice-Reino de Nova Espanha (atual México e América Central)  A independência só aconteceu em 1821, com a vitória do General Itúrbide (espanhol que acabou se proclamando Imperador do México).  Em 1823, os republicanos expulsaram o general e proclamaram a República.  O restante do território desse vice-reino também tornou-se independente em 1821: “Províncias Unidas da América Central”. Mais tarde, fragmentaram-se em Guatemala, Honduras, El Salvador e Nicarágua.  As lutas iniciaram em 1810 com Hidalgo e Morellos, liderando um exército de mestiços, índios e brancos pobres. 7
  • 8. As lutas pela independência nos Vice-Reinos de Nova Granada, Peru e Rio da Prata  Na América do Sul: San Martín e Simon Bolívar  Organizaram exércitos formados por índios, mestiços e colonos pobres.  A Inglaterra teve papel preponderante nas lutas pela independência das colônias hispano-americanas.  San Martín (1775-1850): militar argentino  Argentina (1816), Chile (1818) e Peru (1821)  Simon Bolívar (1783-1830): aristocrata venezuelano  Colômbia (1819), Venezuela (1821), Peru (1821), Equador (1822) e Bolívia (1825) 8
  • 9. As lutas pela independência nos Vice-Reinos de Nova Granada, Peru e Rio da Prata  Simon Bolívar defendeu uma postura pan-americana para os territórios    BOLIVARISMO  Defendia a necessidade de união das nações americanas face à possível contra-ofensiva da Espanha, apoiada pela Santa Aliança.  Criou a Grã-Colômbia (1819), que duraria até 1830, mesmo ano de sua morte.  A Grã-Colômbia foi fragmentada em três Estados; Venezuela, Equador e Colômbia, à qual se integrava o Panamá. 9
  • 10. Os mapas: antes e depois da independência 10
  • 11. Quais as propostas dos novos estados nacionais?  Seriam dirigidos e organizados de acordo com os interesses das elites “criollas”. Muitos proprietários de terras, comerciantes e liberais buscavam, com a independência, viabilizar seus “projetos”:  cargos na alta administração  fim do monopólio comercial metropolitano  expansão dos negócios e propriedades            A “mita” foi restabelecida com o nome de “Serviço à República” 11
  • 12. A fragmentação política e o caudilhismo  A fragmentação política da América hispânica pode ser explicada pelo próprio sistema colonial, uma vez que as diversas regiões do império espanhol eram isoladas entre si. Essa situação favorece também o surgimento de lideranças locais fortes, os CAUDILHOS, dificultando a realização de um projeto de unidade colonial.  O Caudilhismo:  O caudilho era (ou ainda é?) um chefe político local, grande proprietário de terra e que procurava manter as mesmas estruturas sociais e econômicas herdadas do período colonial.  Convencionou-se como “figura” típica da América Latina, notadamente dos países surgidos do Império espanhol. 12
  • 13. Independência da América Espanhola X América Portuguesa  Assim como o movimento de independência das colônias espanholas é tradicionalmente visto a partir dos interesses da elite, costuma-se compara-lo com o movimento que ocorreu no Brasil:  participação popular, porém sob liderança dos “criollos”  o caráter militar, envolvendo anos de conflito com a Espanha;  a fragmentação territorial, processo caracterizado pela transformação de uma região em vários países livres  adoção do regime republicano - exceção feita ao México (depois tornou-se uma República) 13
  • 14. Será que mudou alguma coisa? A inserção de novos estados nacionais no cenário internacional do trabalho: continuava nos mesmos moldes coloniais... X                         exportação de matéria-prima (agrícola e mineral) importação de produtos industrializados valores de mercado diferentes entre produtos (industrializados X agrícolas) Balança Desfavorável Dívidas (interna e externa) Empréstimos 14
  • 15. A dependência ao longo dos séculos XIX e XX: Inglaterra e EUA  À emancipação e divisão política latino-americana segue-se nova dependência: não mais das antigas metrópoles, porém da Inglaterra.  No início do século XX: início da influência estadunidense que, gradualmente substitui a inglesa.  Os Estados Unidos “não concordavam” com as práticas de intervenção dos europeus e com isso se distanciaram da Europa, tudo isso depois da Santa Aliança (1815).  Diante da insatisfação do governo americano o então presidente, James Monroe, elaborou a chamada Doutrina Monroe: 15 “A América para os americanos”
  • 16. EM SUMA No início do século XIX, a América hispânica, inspirada nas idéias liberais do Iluminismo, travou sua guerra de independência vitoriosa contra colonialismo espanhol para, em seguida, fragmentar-se em um grande número de jovens repúblicas oprimidas por caudilhos militares, exploradas por oligarquias rurais e acorrentadas a uma nova dependência econômica imposta pelo capitalismo industrial inglês e, posteriormente, estadunidense. 16
  • 17. MÉXICO – 1821 EQUADOR – 1822 PERU – 1824 VENEZUELA – 1821 COLÔMBIA – 1819 BOLÍVIA – 1825 CHILE – 1818 ARGENTINA – 1816 URUGUAI – 1828 PARAGUAI – 1811 BRASIL – 1822 17