SlideShare uma empresa Scribd logo
EXERCICIOS
GIMNOSPERMAS
I
Exercícios com Gabarito de Biologia
Gimnospermas
1) (UNIFESP-2007) Ao comermos um pinhão e uma
castanha-do-pará, ingerimos o tecido de reserva do
embrião de uma gimnosperma (araucária) e de uma
angiosperma (castanheira), respectivamente.
Pinhão e castanha-do-pará são sementes.
a) O órgão que deu origem ao pinhão e à castanha-do-
pará, na araucária e na castanheira, é o mesmo? Justifique.
b) A origem dos tecidos de reserva do embrião do pinhão e
da castanha-do-pará é a mesma? Justifique.
2) (FUVEST-2007) “Pesquisadores encontraram
características surpreendentemente avançadas no fóssil de
um peixe primitivo conhecido como Gogonassus, que viveu
há cerca de 380 milhões de anos no oeste da Austrália.
Esse gênero faz parte de um grupo de peixes com
barbatanas lobuladas que deu origem aos vertebrados
terrestres e é uma das amostras mais completas já
encontradas de seres aquáticos do período Devoniano
(419 a 359 milhões de anos atrás). [...]”
Rev. Pesquisa FAPESP - edição Online, 20/10/2006 a) É
correto afirmar que os primeiros vertebrados
terrestres, descendentes dos peixes de barbatanas
lobuladas, de que fala o texto, foram necessariamente
consumidores primários? Por quê?
b) Considerando que no Devoniano surgiram os primeiros
filos de plantas gimnospermas, quais dentre as seguintes
estruturas dessas plantas poderiam ter servido de
alimento a esses primitivos vertebrados terrestres: caule,
folha, semente, flor e fruto? Justifique.
3) (UNIFESP-2008) Pela primeira vez na história evolutiva, o
embrião é protegido por um envoltório que o protege e
impede que desidrate. Ali, há também substâncias de
reserva que o nutrirão até que saia do envoltório e passe a
ter vida livre.
a) Se essa frase for relacionada a um grupo animal, a que
grupo ela se aplica com propriedade? Cite outra
característica, reprodutiva ou do desenvolvimento do
embrião, que também aparece nesse grupo pela primeira
vez.
b) Se essa frase for relacionada a um grupo vegetal, a que
grupo ela se aplica com propriedade? Cite outra
característica, reprodutiva ou do desenvolvimento do
embrião, que também aparece nesse grupo pela primeira
vez.
4) (UNIFESP-2008) No planeta, são referidas
aproximadamente 800 espécies de gimnospermas e
220.000 espécies de angiospermas. Sobre essa diferença
numérica, foram feitas as seguintes afirmações:
I. Em certo momento, no passado geológico, houve
mais espécies de gimnospermas que de angiospermas.
Porém, o surgimento da flor nas angiospermas conferiu
um maior sucesso adaptativo a esse grupo.
II. O surgimento das sementes nas gimnospermas já
representou um grande passo na conquista do ambiente
terrestre. Porém, com a presença dos frutos, as
angiospermas tiveram maior dispersão assegurada.
III. As angiospermas ocorrem nas regiões mais
quentes do globo e as gimnospermas estão restritas às
áreas não-tropicais e mais frias. Como existem mais áreas
quentes, há mais angiospermas que gimnospermas no
planeta.
IV. A dupla fecundação, que surgiu nas
gimnospermas, foi aperfeiçoada nas angiospermas com o
surgimento do envoltório da semente. Isso também
explica a maior dispersão e o maior número de
angiospermas.
Considerando a evolução das plantas no ambiente
terrestre, estão corretas somente:
a) I e II.
b) I e IV.
c) II e III.
d) I, II e III.
e) II, III e IV.
5) (Mack-2007) A respeito do ciclo reprodutivo das plantas
fanerógamas (gimnospermas e angiospermas), considere
as seguintes afirmações:
I. Formam tubo polínico para que o gameta
masculino possa alcançar o gameta feminino no interior do
ovário.
II. Apresentam alternância de gerações, sendo que a
geração esporofítica é predominante sobre a gametofítica.
III. Após a fecundação, o óvulo origina a semente
com endosperma 3n.
IV. o grão-de-pólen é formado a partir do micrósporo
haplóide.
Estão corretas, apenas:
a) I e II.
b) I e III.
c) I e IV.
d) II e III.
e) II e IV.
6) (Mack-2005) Microsporócito  Micrósporos
II
 Grãos-de-pólen III
 2 Núcleos espermático
ou
2 células espermáticas
A seqüência acima, do ciclo reprodutivo das plantas,
acontece
a) apenas em Angiospermas, sendo que a meiose ocorre
em I.
EXERCICIOS
GIMNOSPERMAS
Diversidade atual de plantas com semente na Terra
N° de
família
s
N° de
espécie
s
Épocas de
surgiment
o na Terra
(milhões
de anos)
Gimnosperm
as
Gingkophyta 1 1 280
Cycadophyta 3 100 300
Coniferophyt
a
7 500 330
Gneteles 3 100 200
Angospermas 500 300.00
0
120
b) apenas em Angiospermas, sendo que a meiose ocorre
em II.
c) em Gimnospermas e Angiospermas, sendo que a meiose
ocorre em I.
d) em Gimnospermas e Angiospermas, sendo que a meiose
ocorre em II.
e) em Gimnospermas e Angiospermas, sendo que a meiose
ocorre em III.
7) (UFMG-2003) Analise esta tabela:
Com base nas informações dessa tabela e em outros
conhecimentos sobre o assunto, é CORRETO afirmar que a
diferença entre a diversidade de Gimnospermas e de
Angiospermas pode ser explicada
a) pelos tipos de folhas e sementes.
b) pela ação dos insetos polinizadores.
c) pela ação menos intensa de herbívoros.
d) pelos modos de dispersão dos frutos.
8) (UECE-2005) As plantas se reproduzem por alternância
de gerações. Assim sendo, podemos afirmar:
a) As briófitas apresentam a geração esporofítica mais
desenvolvida que a gametofítica.
b) Os soros das samambaias produzem anterídios e
oosferas, os quais dependem da água para ocorrer a
fecundação.
c) Nas gimnospermas são produzidos dois tipos de
esporos: os micróporos a partir dos quais se desenvolve o
gametófito masculino e os megásporos a partir dos quais
se desenvolve o gametófito feminino.
d) Nas angiospermas a fecundação ocorre no esporófito,
independendo assim de gametófitos, para que se complete
o processo de reprodução sexuada.
9) (UERJ-2006) Duas espécies de plantas fanerógamas, X e
Y, de porte semelhante, foram cultivadas em duas
situações experimentais:
I. independentemente - cada planta em um vaso;
II. em conjunto - as duas plantas em um mesmo
vaso.
Em ambas as situações, todas as demais condições
ambientais foram mantidas idênticas.
Ao final de algum tempo de cultivo, mediu-se o
comprimento da parte aérea desses vegetais. Os
resultados estão apresentados no gráfico abaixo.
a) Identifique a provável relação ecológica presente na
situação experimental II e justifique a diferença de
comprimento da parte aérea dos vegetais verificada nesta
situação.
b) Cite duas características exclusivas das fanerógamas e
os dois principais grupos em que esses vegetais são
divididos.
10) (FUVEST-2010) Uma pessoa, ao encontrar uma
semente, pode afirmar, com certeza, que dentro dela há o
embrião de uma planta, a qual, na fase adulta,
a) forma flores, frutos e sementes.
b) forma sementes, mas não produz flores e frutos.
c) vive exclusivamente em ambiente terrestre.
d) necessita de água para o deslocamento dos gametas na
fecundação.
e) tem tecidos especializados para condução de água e de
seiva elaborada.
11) (Vunesp-2008) Analisando os processos sexuados e
ciclos de vida das plantas, considere as informações
seguintes.
I. Fase gametofítica muito desenvolvida.
II. Fase esporofítica independente da planta
haplóide.
III. Fase gametofítica muito reduzida.
IV. Fase esporofítica cresce sobre a planta haplóide.
V. Sementes não abrigadas.
EXERCICIOS
GIMNOSPERMAS
a) A e B C e D E
b) A, B e C D E
c) A B e C D e E
d) A B C, D e E
e) A e B C D e E
AVASCULARES VASCULARES
SEM SEMENTES
VASCULARES
COM SEMENTES
Pode-se afirmar corretamente que
a) I e II ocorrem nas briófitas e pteridófitas.
b) III e V ocorrem nas angiospermas, mas não nas
pteridófitas.
c) IV ocorre apenas nas briófitas.
d) I e V ocorrem nas gimnospermas.
e) II ocorre nas briófitas, mas não nas angiospermas.
12) (UEMG-2008) Na história biológica das plantas, muitos
eventos ocorreram durante a seleção para a vida no
ambiente terrestre.
Sobre esta história, só é CORRETO afirmar que
a) o desenvolvimento de vasos condutores de seivas é
característica que surgiu nos ancestrais das pteridófitas.
b) as primeiras fanerógamas eram dotadas de frutos sem
sementes.
c) as gimnospermas foram selecionadas para diversidade
de agentes polinizadores.
d) as angiospermas constituíram as primeiras
espermáfitas.
13) (FATEC-2008) Considere o seguinte esquema, que
representa subdivisões de grupos vegetais nos quais os
algarismos representam os critérios adotados para fazer a
classificação.
Os critérios presença de clorofila, presença de sementes e
presença de frutos estão representados, respectivamente,
pelos algarismos:
a) I, II e III.
b) III, V e IV.
c) II, IV e V.
d) III, I e V.
e) II, V e IV.
14) (Mack-2007) Em uma saída a campo, os alunos do
curso de Biologia fizeram uma coleta de vários
representantes, dos seguintes vegetais:
A - musgos
B - licopódios
C - samambaias
D - pinheiros
E - ciprestes
No laboratório, os alunos tiveram de classificar esses
vegetais pelas características avasculares, vasculares sem
sementes e vasculares com sementes. Assinale, no quadro
abaixo, a alternativa correta dessa classificação.
15) (FGV - SP-2007) As plantas portadoras de frutos
surgiram na Terra depois das coníferas, provavelmente há
cerca de 135 milhões de anos. A análise dos fósseis indica
que a quantidade de angiospermas foi rapidamente
aumentando na Terra, enquanto as gimnospermas foram
se tornando menos abundantes. Assim, as coníferas
dominaram a paisagem dos ecossistemas terrestres em
tempos passados, mas as angiospermas dominam a
paisagem atual, com cerca de 250 mil espécies conhecidas.
(Paulino, W.R., Biologia Atual)
Usando as afirmações do texto e os conhecimentos sobre
botânica, pode-se afirmar que:
a) no período anterior a 135 milhões de anos do presente
só havia coníferas e, portanto, não havia
plantas com frutos, com flores ou com produção de
sementes.
b) ao longo dos últimos 135 milhões de anos, as estruturas
flor, fruto e semente surgiram nessa seqüência evolutiva,
dando origem às angiospermas, com cerca de 250 mil
espécies conhecidas.
c) as coníferas, embora não produzam flores, frutos ou
sementes, puderam propagar-se e chegar aos dias atuais
graças aos mecanismos de reprodução vegetativa.
d) as coníferas, presentes apenas no registro fóssil, são as
ancestrais das atuais gimnospermas e angiospermas.
e) as coníferas, ou gimnospermas, não se extinguiram e
constituem-se na vegetação dominante de algumas
formações florestais atuais.
16) (PUC - SP-2006) Um restaurante apresenta o seguinte
cardápio:
I. casquinha de siri.
II. salada de rúcula e agrião com lascas de queijos
camembert e roquefort.
III. risoto de frutos do mar, contendo lula, marisco e
camarão.
Considerando-se apenas os componentes descritos em I, II
e III, é correto afirmar que fazem parte daquele cardápio:
a) artrópodes, moluscos, algas e fungos.
b) artrópodes, moluscos, fungos e angiospermas.
c) artrópodes, protocordados, algas e angiospermas.
d) moluscos, protocordados, algas e fungos.
e) moluscos, protocordados, fungos e angiospermas.
EXERCICIOS
GIMNOSPERMAS
17) (Mack-2003) As afirmações abaixo referem-se ao
esquema que mostra a seqüência da formação dos grãos
de pólen de um vegetal.
I. O formato desses grãos de pólen indica que a
polinização ocorre através do vento.
II. Pode ser tanto de uma gimnosperma como de
angiosperma.
III. As duas células do grão de pólen são haplóides.
IV. Esse processo ocorre no interior dos
megasporângios.
Estão corretas apenas:
a) I e II.
b) II e III.
c) I e IV.
d) II e IV.
e) I e III.
18) (Fuvest-2003) Em seu livro Biology of Plants (Nova York,
W. H. Freeman and Company, 6ª edição,1999), P. H. Raven,
R. F. Evert e S. E. Eichhorn dizem: “As plantas, como todos
os organismos, tiveram ancestrais aquáticos. A história
evolutiva das plantas está intimamente ligada à progressiva
ocupação do ambiente de terra firme e à crescente
independência do meio aquático para a reprodução.”
a) Compare as samambaias e os pinheiros quanto à
dependência do meio aquático para a reprodução.
b) Discorra sucintamente sobre uma aquisição evolutiva,
não ligada diretamente ao processo reprodutivo, que
permitiu às plantas atingir grande tamanho e contribuiu
decisivamente para seu sucesso na ocupação do ambiente
de terra firme.
19) (Vunesp-2003) “Cerca de 100 milhões de anos atrás o
número de espécies de plantas floríferas na Terra
aumentou explosivamente e os botânicos se referem a
este evento como a grande radiação… A fagulha que
provocou esta explosão foi a pétala. As pétalas
multicoloridas criaram muito mais diversidade no mundo
vegetal. Em sua nova indumentária estas plantas, antes
despercebidas, se ressaltaram na paisagem… A reprodução
literalmente decolou. Os dinossauros que se alimentavam
de árvores floríferas com pequenos frutos, samambaias,
coníferas e alguns tipos de musgos, foram os maiores
espalha-brasas que o mundo já viu. Involuntariamente
abriram novos terrenos para a dispersão das espécies
vegetais e semearam a terra com sementes expelidas por
seu trato digestivo”. (Adaptado de National Geographic,
julho/2002).
a) Relacione a grande variedade de tipos de flores com a
promoção da diversidade genética das populações
vegetais.
b) A que grupos pertencem os vegetais destacados no
texto? Dentre eles, qual ou quais produzem sementes?
20) (Mack-2008) Em determinado parque da capital de São
Paulo, os visitantes são alertados por uma placa colocada
ao lado de um enorme pinheiro-do-Paraná, com o seguinte
aviso: Cuidado com os frutos que caem.
Esse alerta está
a) correto, porque o que cai são os enormes estróbilos
femininos (pinhas) que constituem os frutos.
b) correto, porque o que cai são os pinhões, frutos
pequenos que podem cair muitos ao mesmo tempo.
c) incorreto, porque os pinhões que caem são sementes
desenvolvidas nos estróbilos femininos.
d) incorreto, porque os pinhões que caem são sementes
produzidas nos enormes estróbilos femininos que
constituem os frutos.
e) incorreto, porque o que cai são estróbilos masculinos
que são maiores do que os femininos.
21) (Mack-2008) Em uma saída a campo, os alunos do
curso de Biologia tiveram, como tarefa, demarcar uma
área de 100m
2
, próxima a uma mata, e determinar as
densidades demográficas dos vários grupos vegetais e
animais encontrados nessa área. Os organismos
encontrados e suas quantidades estão relacinados abaixo.
Musgos — 20 indivíduos (mesma espécie)
Samambaias — 6 indivíduos (mesma espécie)
Pinheiros — 4 indivíduos (mesma espécie)
Tatuzinhos-de-jardim — 2 indivíduos (mesma espécie)
Minhocas — 2 indivíduos (mesma espécie)
Ácaros — 3 indivíduos (mesma espécie)
Nessa área, as densidades demográficas das plantas
criptógamas, das plantas fanerógamas e dos artrópodes
são, respectivamente,
a) 0,26; 0,04 e 0,05.
b) 0,10; 0,04 e 0,05.
c) 0,26; 0,04 e 0,03.
d) 0,10; 0,04 e 0,02.
e) 0,04; 0,26 e 0,05.
22) (UFRJ-2008) A barraca de frutas de um feirante
oferece, hoje, alguns produtos apetitosos: abacaxis
EXERCICIOS
GIMNOSPERMAS
(Ananas comosus, família das Bromeliáceas:
Angiospermas), laranjas (Citrus sinensis, família das
Rutáceas: Angiospermas), uvas (Vitis vinifera, família das
Vitáceas: Angiospermas) e pinhões (Araucaria angustifolia,
da família das Araucariáceas: Gimnospermas). Do ponto de
vista botânico, dois desses produtos não podem ser
considerados frutos.
Identifique esses produtos. Justifique sua resposta.
23) (VUNESP-2007) A figura apresenta a variação na
produção de sementes pela população de uma espécie de
árvore, observada pelo período de 20 anos. As setas
representam o período em que foi aplicado na área um
produto químico utilizado para o controle de pragas.
Analisando o comportamento da curva, pode-se afirmar
que o produto químico utilizado provavelmente elimina
a) outras espécies de plantas que competem por
nutrientes com a planta observada.
b) os insetos que se alimentam das sementes dessa planta.
c) os pássaros que se alimentam dos frutos dessa planta e
que promovem a dispersão das sementes.
d) os polinizadores dessa planta.
e) os microorganismos patogênicos que infectam essa
planta.
24) (UEPB-2006) A reprodução permite a multiplicação da
espécie. Nos vegetais a independência da água para a
fecundação ocorre a partir:
a) das espermatófitas.
b) dos musgos.
c) das licopodíneas.
d) das briófitas.
e) das pteridófitas.
25) (FUVEST-2007)
O pinhão mostrado na foto, coletado de um pinheiro-do-
paraná (Araucaria angustifolia), é
a) um fruto: estrutura multicelular resultante do
desenvolvimento do ovário.
b) um fruto: estrutura unicelular resultante do
desenvolvimento do óvulo.
c) uma semente: estrutura unicelular resultante do
desenvolvimento do ovário.
d) uma semente: estrutura multicelular resultante do
desenvolvimento do óvulo.
e) uma semente: estrutura unicelular resultante do
desenvolvimento do óvulo.
26) (UFPB-2006) A polinização e a dispersão das sementes
são dois mecanismos de grande importância no ciclo de
vida dos vegetais.
Sobre esses dois mecanismos, é INCORRETO afirmar:
a) Os frutos contribuem para a dispersão das sementes, a
exemplo do coco-da-baía que, por ser flutuante, pode ser
levado pelas correntes marinhas para praias distantes,
onde a semente germinará.
b) A dispersão das sementes pode ocorrer através do
transporte de frutos que aderem ao corpo de animais,
como acontece com o carrapicho.
c) A dispersão das sementes pode ocorrer através do
vento, a exemplo do que acontece com as sementes aladas
das orquídeas.
d) A polinização feita por animais como morcegos,
pássaros e insetos é um fenômeno característico das
angiospermas.
e) As gimnospermas têm flores rudimentares (estróbilos) e
nelas não se verifica o fenômeno da polinização.
27) (UFSCar-2003) Qual das alternativas apresenta,
corretamente, uma distinção entre pteridófitas e
gimnospermas?
Características Pteridófitas Gimnospermas
a) Meiose Apresentam Não
Apresentam
b) Semente Não Apresentam
EXERCICIOS
GIMNOSPERMAS
Apresentam
c) Xilema e floema Não
Apresentam
Apresentam
d) Dominância da geração
diplóide
Não
Apresentam
Apresentam
e) Alteração de gerações
haplóides e diplóides
Apresentam Não
Apresentam
Estrutura Gramínea Pinheiro Samambaia
a) Flor ausente presente ausente
b) Fruto ausente ausente ausente
c) Caule ausente presente presente
d) Raiz presente presente ausente
e) Semente presente presente ausente
b) meiose gamética.
c) independência da água para a reprodução.
d) predominância da geração gametofítica sobre a
esporofítica.
e) geração esporofítica diplóide.
28) (Mack-1996) Algas pluricelulares, briófitas, pteridófitas,
gimnospermas e angiospermas são grupos de organismos
em cujo ciclo de vida ocorrem as gerações gametofítica e
esporofítica. Essas duas fases são mais difíceis de serem
distinguidas, por serem muito semelhantes, em:
a) algas.
b) briófitas.
c) pteridófitas.
d) gimnospermas.
e) angiospermas.
29) (Vunesp-1999)
Observe o ciclo reprodutivo do pinheiro .
a) Em que estágios deste ciclo ocorre redução do número
de cromossomos?
b) Indique as estruturas citadas no ciclo que correspondem
às palavras assinaladas na seguinte estrofe popular:
"Pinheiro me dá uma pinha
Pinha me dá um pinhão
Menina me dá um beijo
Que eu te dou meu coração".
30) (Mack-2007) Comparando-se os ciclos reprodutivos das
criptógamas (Briófitas e Pteridófitas) com os das
fanerógamas (Gimnospermas e Angiospermas),
destacamos a seguinte diferença:
a) ciclo de vida alternante.
31) (FUVEST-2008) A presença ou a ausência da estrutura
da planta em uma gramínea, um pinheiro e uma
samambaia está corretamente indicada em:
32) (PUC - PR-2007) Entre as Briófitas, Pteridófitas,
Gimnospermas e Angiospermas, a geração dominante é,
respectivamente:
a) gametofítica, esporofítica, esporofítica, esporofítica.
b) esporofítica, gametofítica, esporofítica, gametofítica.
c) gametofítica, esporofítica, gametofítica, esporofítica.
d) esporofítica, esporofítica, esporofítica, gametofítica.
e) gametofítica, gametofítica, gametofítica, esporofítica.
33) (UFPB-1998) Entre as adaptações dos vegetais à vida
terrestre, uma das mais importantes está relacionada com
o desenvolvimento da reprodução sexuada independente
do meio aquático. Sob este aspecto, os vegetais terrestres
que conseguiram superar a dependência da água para a
fecundação dos gametas foram apenas as
a) Pteridófitas.
b) Gimnospermas.
c) Briófitas.
d) Angiospermas.
e) Gimnospermas e Angiospermas.
34) (Fuvest-1998) O pinhão, estrutura comestível
produzida por pinheiros da espécie Araucaria angustifolia,
corresponde a que parte da planta?
a) Cone (estróbilo) masculino repleto de pólen.
b) Cone (estróbilo) feminino antes da fecundação.
c) Fruto simples sem pericarpo.
d) Folha especializada no acúmulo de substâncias de
reserva.
e) Semente envolta por tegumento.
35) (Mack-2003) Nas gimnospermas não se forma:
EXERCICIOS
GIMNOSPERMAS
a) grão de pólen.
b) óvulo.
c) tubo polínico.
d) semente.
e) ovário.
GABARITO
EXERCICIOS
GIMNOSPERMAS
1) a) O órgão é o mesmo, ou seja, o óvulo
(megaesporângio) fecundado e desenvolvido.
b) A origem dos tecidos de reserva (endosperma) não é a
mesma. No pinhão, exemplo das gimnospermas, a
fecundação é simples, e o endosperma é primário n. Já na
castanha-do-pará, representante das angiospermas, ocorre
dupla fecundação, e o endosperma é secundário 3n.
2) a) Não necessariamente. Imaginando-se uma possível
limitação desses descendentes no que diz respeito à
locomoção no meio terrestre, é possível que esses animais
fossem tanto consumidores primários, alimentando-se das
plantas disponíveis no período geológico considerado,
quanto consumidores secundários, que se alimentavam de
presas de locomoção igualmente limitada (vermes, por
exemplo) ou de restos delas, presentes nos ambientes
mais úmidos.
b) Esses vertebrados primitivos poderiam se alimentar de
qualquer parte das gimnospermas, exceto flores e frutos,
que não existem nesse grupo, e sim no das angiospermas.
3) a) Considerando que a característica se relacione a
vertebrados, o grupo animal é o dos répteis, e o envoltório
protetor a que a questão se refere é o âmnio. A outra
característica reprodutiva desse grupo é a ocorrência de
fecundação exclusivamente interna. Em relação ao
desenvolvimento, podemos citar o ovo com casca e outros
anexos embrionários, como o cório e a alantóide.
b) O grupo é o das gimnospermas, cuja semente, que
contém o embrião, é envolvida por um tegumento
protetor. A outra característica reprodutiva desse grupo é
a formação do tubo polínico. A reserva alimentar
representada pelo endosperma haplóide garante o
desenvolvimento inicial do embrião.
4) Alternativa: A
5) Alternativa: E
6) Alternativa: C (Gabarito oficial: a)
7) Alternativa: B
8) Alternativa: C
9) a) Competição interespecífica.
Quando colocadas em um mesmo vaso, as duas espécies
competem por nutrientes limitados, sendo que a espécie X
é mais eficiente na captação desses recursos, conseguindo
um melhor desenvolvimento.
b) Apresentar sementes e órgãos reprodutivos evidentes.
Gimnospermas e angiospermas.
10) Alternativa: E
11) Alternativa: C
12) Alternativa: A
13) Alternativa: C
14) Alternativa: C
15) Alternativa: E
16) Alternativa: B
17) Alternativa: E
Grãos de pólen de gimnospermas possuem mais de duas
células, enquanto os de angiospermas não possuem sacos
aéreos. A formação dos grãos de pólen ocorre no interior
dos microsporângios.
18) a) As samambaias produzem anterozóides (gametas
masculinos), células flageladas, livre-natantes, que
necessitam de meio líquido para encontrar as oosferas
(gametas femininos). Nos pinheiros, o encontro das células
(gametas) masculina e feminina é facilitado pela presença
e crescimento do tubo polínico (sifonogamia).
b) Uma importante aquisição evolutiva não ligada ao
processo reprodutivo é a presença de vasos condutores de
seiva (bruta: água e sais, elaborada: matéria orgânica).
A presença de vasos, tanto para a distribuição de água e
sais, como para a distribuição de matéria orgânica
produzida pela fotossíntese, permitiu às plantas atingir
grande tamanho e contribuiu decisivamente para a
ocupação do ambiente terrestre.
19) a) Flores com pétalas coloridas atraem grande
diversidade de agentes polinizadores, principalmente
insetos. Isso favoreceu a reprodução das plantas floríferas,
o que permitiu o surgimento de uma grande variabilidade
nesse grupo.
b) Árvores floríferas com pequenos frutos = Angiospermas
(plantas com sementes)
Samambaias = Pteridófitas (plantas sem sementes)
Coníferas = Gimnospermas (plantas com sementes e sem
frutos)
Musgos = Briófitas (plantas sem sementes)
20) Alternativa: C
21) Alternativa: A
EXERCICIOS
GIMNOSPERMAS
22) Abacaxis, que são inflorescências e pinhões, porque
são sementes de Araucária (Gimnospermas não produzem
frutos).
23) Alternativa: D
24) Alternativa: A
25) Alternativa: D
26) Alternativa: E
27) Alternativa: B
28) Alternativa: D
29) Resposta:
a) A redução do número cromossômico ocorre durante a
meiose para a formação do grão de pólen e do óvulo. Essa
meiose é denominada espórica ou intermediária.
b) A pinha corresponde ao estróbilo feminino e o pinhão à
semente. A pinha contém óvulos e o pinhão corresponde à
própria semente.
30) Alternativa: C
31) Alternativa: E
Pinheiros (Gimnospermas) e gramíneas (Angiospermas)
são espermáfitas, portanto apresentam sementes, já as
samambaias (Pteridófitas) não apresentam sementes.
32) Alternativa: A
33) Alternativa: B
34) Alternativa: E
35) Alternativa: E

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Cnidarios e poriferos
Cnidarios e poriferosCnidarios e poriferos
Cnidarios e poriferos
Valeria Castro
 
Lista de exercícios Tipos de reprodução
Lista de exercícios Tipos de reproduçãoLista de exercícios Tipos de reprodução
Lista de exercícios Tipos de reprodução
Andrea Barreto
 
Seres vivos - células
Seres vivos - células Seres vivos - células
Seres vivos - células
Mary Alvarenga
 
7ano exercicio anelideos_e_moluscos
7ano exercicio anelideos_e_moluscos7ano exercicio anelideos_e_moluscos
7ano exercicio anelideos_e_moluscos
Domiciano514
 
PB 8º ano 2º BIMESTRE ciencias gabarito
PB 8º ano 2º BIMESTRE ciencias gabaritoPB 8º ano 2º BIMESTRE ciencias gabarito
PB 8º ano 2º BIMESTRE ciencias gabarito
Grazi Grazi
 
3S_ exercicios genetica com resposta
3S_ exercicios genetica  com resposta3S_ exercicios genetica  com resposta
3S_ exercicios genetica com resposta
Ionara Urrutia Moura
 
Questionário abiogênese x biogênese
Questionário abiogênese x biogêneseQuestionário abiogênese x biogênese
Questionário abiogênese x biogênese
Alpha Colégio e Vestibulares
 
Exercícios 7 ano
Exercícios 7 anoExercícios 7 ano
Exercícios 7 ano
Naria Dias Costa Costa
 
Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabaritoAval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
Ercio Novaes
 
Atividade reino das plantas
Atividade reino das plantasAtividade reino das plantas
Atividade reino das plantas
kelymota
 
Avaliação diagnóstica ciencias 9 ano
Avaliação diagnóstica ciencias 9 anoAvaliação diagnóstica ciencias 9 ano
Avaliação diagnóstica ciencias 9 ano
Atividades Diversas Cláudia
 
Lista de química. propriedades e estados da materia
Lista de química. propriedades e estados da materiaLista de química. propriedades e estados da materia
Lista de química. propriedades e estados da materia
Carlos Priante
 
Gabarito calor e temperatura
Gabarito   calor e temperaturaGabarito   calor e temperatura
Gabarito calor e temperatura
professoraludmila
 
7º ano. atividade micróbios.2012
7º ano. atividade micróbios.20127º ano. atividade micróbios.2012
7º ano. atividade micróbios.2012
leilafermino
 
Lista de exerc - Acidos Nucleicos - 1ano
Lista de exerc - Acidos Nucleicos - 1anoLista de exerc - Acidos Nucleicos - 1ano
Lista de exerc - Acidos Nucleicos - 1ano
ADÃO Graciano
 
Exercícios vírus e bactérias
Exercícios vírus e bactériasExercícios vírus e bactérias
Exercícios vírus e bactérias
Sheila Vieira
 
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
cristiana Leal
 
Tabela periódica 9º ano
Tabela periódica 9º anoTabela periódica 9º ano
Tabela periódica 9º ano
Carlos Magno Braga
 
Lista de exercicios sobre tabela periodica
Lista de exercicios sobre tabela periodicaLista de exercicios sobre tabela periodica
Lista de exercicios sobre tabela periodica
Estude Mais
 
Questões dissertativas ciências - 7º ano - reinos monera, fungi e protista
Questões dissertativas  ciências - 7º ano - reinos monera, fungi e protistaQuestões dissertativas  ciências - 7º ano - reinos monera, fungi e protista
Questões dissertativas ciências - 7º ano - reinos monera, fungi e protista
James Martins
 

Mais procurados (20)

Cnidarios e poriferos
Cnidarios e poriferosCnidarios e poriferos
Cnidarios e poriferos
 
Lista de exercícios Tipos de reprodução
Lista de exercícios Tipos de reproduçãoLista de exercícios Tipos de reprodução
Lista de exercícios Tipos de reprodução
 
Seres vivos - células
Seres vivos - células Seres vivos - células
Seres vivos - células
 
7ano exercicio anelideos_e_moluscos
7ano exercicio anelideos_e_moluscos7ano exercicio anelideos_e_moluscos
7ano exercicio anelideos_e_moluscos
 
PB 8º ano 2º BIMESTRE ciencias gabarito
PB 8º ano 2º BIMESTRE ciencias gabaritoPB 8º ano 2º BIMESTRE ciencias gabarito
PB 8º ano 2º BIMESTRE ciencias gabarito
 
3S_ exercicios genetica com resposta
3S_ exercicios genetica  com resposta3S_ exercicios genetica  com resposta
3S_ exercicios genetica com resposta
 
Questionário abiogênese x biogênese
Questionário abiogênese x biogêneseQuestionário abiogênese x biogênese
Questionário abiogênese x biogênese
 
Exercícios 7 ano
Exercícios 7 anoExercícios 7 ano
Exercícios 7 ano
 
Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabaritoAval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
 
Atividade reino das plantas
Atividade reino das plantasAtividade reino das plantas
Atividade reino das plantas
 
Avaliação diagnóstica ciencias 9 ano
Avaliação diagnóstica ciencias 9 anoAvaliação diagnóstica ciencias 9 ano
Avaliação diagnóstica ciencias 9 ano
 
Lista de química. propriedades e estados da materia
Lista de química. propriedades e estados da materiaLista de química. propriedades e estados da materia
Lista de química. propriedades e estados da materia
 
Gabarito calor e temperatura
Gabarito   calor e temperaturaGabarito   calor e temperatura
Gabarito calor e temperatura
 
7º ano. atividade micróbios.2012
7º ano. atividade micróbios.20127º ano. atividade micróbios.2012
7º ano. atividade micróbios.2012
 
Lista de exerc - Acidos Nucleicos - 1ano
Lista de exerc - Acidos Nucleicos - 1anoLista de exerc - Acidos Nucleicos - 1ano
Lista de exerc - Acidos Nucleicos - 1ano
 
Exercícios vírus e bactérias
Exercícios vírus e bactériasExercícios vírus e bactérias
Exercícios vírus e bactérias
 
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
 
Tabela periódica 9º ano
Tabela periódica 9º anoTabela periódica 9º ano
Tabela periódica 9º ano
 
Lista de exercicios sobre tabela periodica
Lista de exercicios sobre tabela periodicaLista de exercicios sobre tabela periodica
Lista de exercicios sobre tabela periodica
 
Questões dissertativas ciências - 7º ano - reinos monera, fungi e protista
Questões dissertativas  ciências - 7º ano - reinos monera, fungi e protistaQuestões dissertativas  ciências - 7º ano - reinos monera, fungi e protista
Questões dissertativas ciências - 7º ano - reinos monera, fungi e protista
 

Semelhante a Exercicios gimnospermas

Exerciciosgimnosp.e.angiosfaceis
Exerciciosgimnosp.e.angiosfaceisExerciciosgimnosp.e.angiosfaceis
Exerciciosgimnosp.e.angiosfaceis
Michelle Miranda
 
Lista de exercícios 1 - BIO 2º ano 2º bim 2017
Lista de exercícios 1 - BIO 2º ano 2º bim 2017Lista de exercícios 1 - BIO 2º ano 2º bim 2017
Lista de exercícios 1 - BIO 2º ano 2º bim 2017
James Martins
 
Reprodução das plantas aula 4
Reprodução das plantas aula 4Reprodução das plantas aula 4
Reprodução das plantas aula 4
Professora Raquel
 
Exercicios biologia pteridófitas
Exercicios biologia pteridófitasExercicios biologia pteridófitas
Exercicios biologia pteridófitas
Grupo UNIASSELVI
 
Angiospermas2
Angiospermas2Angiospermas2
Angiospermas2
Elizabete Costa
 
Exercicios algas e briofitas
Exercicios algas e briofitasExercicios algas e briofitas
Exercicios algas e briofitas
Grupo UNIASSELVI
 
Briofitas
BriofitasBriofitas
Briofitas
URCA
 
Grandes grupos-vegetais Exercícios
Grandes grupos-vegetais ExercíciosGrandes grupos-vegetais Exercícios
Grandes grupos-vegetais Exercícios
BriefCase
 
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
Elizabete Costa
 
Reino vegetal aprofundamento
Reino vegetal aprofundamentoReino vegetal aprofundamento
Reino vegetal aprofundamento
letyap
 
Pteridófitas
PteridófitasPteridófitas
Pteridófitas
URCA
 
Angiospermas 2014 exercicios sobre plantas
Angiospermas   2014 exercicios sobre plantasAngiospermas   2014 exercicios sobre plantas
Angiospermas 2014 exercicios sobre plantas
Patricia Sanches
 
2° simulado 2014
2° simulado 20142° simulado 2014
2° simulado 2014
Wender Gomes
 
Botanica
BotanicaBotanica
Botanica
Fabio Dias
 
Botanica
BotanicaBotanica
Gimnospermas
GimnospermasGimnospermas
Gimnospermas
URCA
 
Exercicios embriologia
Exercicios embriologiaExercicios embriologia
Exercicios embriologia
Acássio Lacerda
 
Exercicios embriologia
Exercicios embriologiaExercicios embriologia
Exercicios embriologia
Acássio Lacerda
 
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
Lista de exercícios  - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...Lista de exercícios  - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
James Martins
 
Quizz da Botânica - Características Gerais das Plantas
Quizz da Botânica - Características Gerais das PlantasQuizz da Botânica - Características Gerais das Plantas
Quizz da Botânica - Características Gerais das Plantas
Colégio Estadual Padre Fernando Gomes de Melo
 

Semelhante a Exercicios gimnospermas (20)

Exerciciosgimnosp.e.angiosfaceis
Exerciciosgimnosp.e.angiosfaceisExerciciosgimnosp.e.angiosfaceis
Exerciciosgimnosp.e.angiosfaceis
 
Lista de exercícios 1 - BIO 2º ano 2º bim 2017
Lista de exercícios 1 - BIO 2º ano 2º bim 2017Lista de exercícios 1 - BIO 2º ano 2º bim 2017
Lista de exercícios 1 - BIO 2º ano 2º bim 2017
 
Reprodução das plantas aula 4
Reprodução das plantas aula 4Reprodução das plantas aula 4
Reprodução das plantas aula 4
 
Exercicios biologia pteridófitas
Exercicios biologia pteridófitasExercicios biologia pteridófitas
Exercicios biologia pteridófitas
 
Angiospermas2
Angiospermas2Angiospermas2
Angiospermas2
 
Exercicios algas e briofitas
Exercicios algas e briofitasExercicios algas e briofitas
Exercicios algas e briofitas
 
Briofitas
BriofitasBriofitas
Briofitas
 
Grandes grupos-vegetais Exercícios
Grandes grupos-vegetais ExercíciosGrandes grupos-vegetais Exercícios
Grandes grupos-vegetais Exercícios
 
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
 
Reino vegetal aprofundamento
Reino vegetal aprofundamentoReino vegetal aprofundamento
Reino vegetal aprofundamento
 
Pteridófitas
PteridófitasPteridófitas
Pteridófitas
 
Angiospermas 2014 exercicios sobre plantas
Angiospermas   2014 exercicios sobre plantasAngiospermas   2014 exercicios sobre plantas
Angiospermas 2014 exercicios sobre plantas
 
2° simulado 2014
2° simulado 20142° simulado 2014
2° simulado 2014
 
Botanica
BotanicaBotanica
Botanica
 
Botanica
BotanicaBotanica
Botanica
 
Gimnospermas
GimnospermasGimnospermas
Gimnospermas
 
Exercicios embriologia
Exercicios embriologiaExercicios embriologia
Exercicios embriologia
 
Exercicios embriologia
Exercicios embriologiaExercicios embriologia
Exercicios embriologia
 
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
Lista de exercícios  - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...Lista de exercícios  - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
 
Quizz da Botânica - Características Gerais das Plantas
Quizz da Botânica - Características Gerais das PlantasQuizz da Botânica - Características Gerais das Plantas
Quizz da Botânica - Características Gerais das Plantas
 

Mais de Grupo UNIASSELVI

Lipídios
LipídiosLipídios
Lipídios
Grupo UNIASSELVI
 
Carboidratos
CarboidratosCarboidratos
Carboidratos
Grupo UNIASSELVI
 
Codominancia
CodominanciaCodominancia
Codominancia
Grupo UNIASSELVI
 
Cordados
CordadosCordados
Aula1 mitose e meiose
Aula1   mitose e meioseAula1   mitose e meiose
Aula1 mitose e meiose
Grupo UNIASSELVI
 
Aula 8 artropodes
Aula 8 artropodesAula 8 artropodes
Aula 8 artropodes
Grupo UNIASSELVI
 
Aula 7 anelideos
Aula 7 anelideosAula 7 anelideos
Aula 7 anelideos
Grupo UNIASSELVI
 
Aula 6 nematelmintes
Aula 6 nematelmintesAula 6 nematelmintes
Aula 6 nematelmintes
Grupo UNIASSELVI
 
Aula 5 platelmintes
Aula 5 platelmintesAula 5 platelmintes
Aula 5 platelmintes
Grupo UNIASSELVI
 
Aula 4 moluscos
Aula 4 moluscosAula 4 moluscos
Aula 4 moluscos
Grupo UNIASSELVI
 
Aula 3 cnidarios
Aula 3 cnidariosAula 3 cnidarios
Aula 3 cnidarios
Grupo UNIASSELVI
 
Aula 2 poriferos
Aula 2 poriferosAula 2 poriferos
Aula 2 poriferos
Grupo UNIASSELVI
 
Aula 1 caracteristicas gerais dos animais
Aula 1   caracteristicas gerais dos animaisAula 1   caracteristicas gerais dos animais
Aula 1 caracteristicas gerais dos animais
Grupo UNIASSELVI
 
Aula 10 angiospermas.pptx
Aula 10   angiospermas.pptxAula 10   angiospermas.pptx
Aula 10 angiospermas.pptx
Grupo UNIASSELVI
 
Aula 9 gimnospermas
Aula 9   gimnospermasAula 9   gimnospermas
Aula 9 gimnospermas
Grupo UNIASSELVI
 
Organelas citoplasmáticas
Organelas citoplasmáticasOrganelas citoplasmáticas
Organelas citoplasmáticas
Grupo UNIASSELVI
 
Aula briofitas e pteridófitas
Aula briofitas e pteridófitasAula briofitas e pteridófitas
Aula briofitas e pteridófitas
Grupo UNIASSELVI
 
Aula 4 ciclos biogeoquímicos i
Aula 4   ciclos biogeoquímicos iAula 4   ciclos biogeoquímicos i
Aula 4 ciclos biogeoquímicos i
Grupo UNIASSELVI
 
Aula 3 cadeia, teia e piramedes
Aula 3   cadeia, teia e piramedesAula 3   cadeia, teia e piramedes
Aula 3 cadeia, teia e piramedes
Grupo UNIASSELVI
 
Aula 2 fluxo de energia
Aula 2   fluxo de energiaAula 2   fluxo de energia
Aula 2 fluxo de energia
Grupo UNIASSELVI
 

Mais de Grupo UNIASSELVI (20)

Lipídios
LipídiosLipídios
Lipídios
 
Carboidratos
CarboidratosCarboidratos
Carboidratos
 
Codominancia
CodominanciaCodominancia
Codominancia
 
Cordados
CordadosCordados
Cordados
 
Aula1 mitose e meiose
Aula1   mitose e meioseAula1   mitose e meiose
Aula1 mitose e meiose
 
Aula 8 artropodes
Aula 8 artropodesAula 8 artropodes
Aula 8 artropodes
 
Aula 7 anelideos
Aula 7 anelideosAula 7 anelideos
Aula 7 anelideos
 
Aula 6 nematelmintes
Aula 6 nematelmintesAula 6 nematelmintes
Aula 6 nematelmintes
 
Aula 5 platelmintes
Aula 5 platelmintesAula 5 platelmintes
Aula 5 platelmintes
 
Aula 4 moluscos
Aula 4 moluscosAula 4 moluscos
Aula 4 moluscos
 
Aula 3 cnidarios
Aula 3 cnidariosAula 3 cnidarios
Aula 3 cnidarios
 
Aula 2 poriferos
Aula 2 poriferosAula 2 poriferos
Aula 2 poriferos
 
Aula 1 caracteristicas gerais dos animais
Aula 1   caracteristicas gerais dos animaisAula 1   caracteristicas gerais dos animais
Aula 1 caracteristicas gerais dos animais
 
Aula 10 angiospermas.pptx
Aula 10   angiospermas.pptxAula 10   angiospermas.pptx
Aula 10 angiospermas.pptx
 
Aula 9 gimnospermas
Aula 9   gimnospermasAula 9   gimnospermas
Aula 9 gimnospermas
 
Organelas citoplasmáticas
Organelas citoplasmáticasOrganelas citoplasmáticas
Organelas citoplasmáticas
 
Aula briofitas e pteridófitas
Aula briofitas e pteridófitasAula briofitas e pteridófitas
Aula briofitas e pteridófitas
 
Aula 4 ciclos biogeoquímicos i
Aula 4   ciclos biogeoquímicos iAula 4   ciclos biogeoquímicos i
Aula 4 ciclos biogeoquímicos i
 
Aula 3 cadeia, teia e piramedes
Aula 3   cadeia, teia e piramedesAula 3   cadeia, teia e piramedes
Aula 3 cadeia, teia e piramedes
 
Aula 2 fluxo de energia
Aula 2   fluxo de energiaAula 2   fluxo de energia
Aula 2 fluxo de energia
 

Exercicios gimnospermas

  • 1. EXERCICIOS GIMNOSPERMAS I Exercícios com Gabarito de Biologia Gimnospermas 1) (UNIFESP-2007) Ao comermos um pinhão e uma castanha-do-pará, ingerimos o tecido de reserva do embrião de uma gimnosperma (araucária) e de uma angiosperma (castanheira), respectivamente. Pinhão e castanha-do-pará são sementes. a) O órgão que deu origem ao pinhão e à castanha-do- pará, na araucária e na castanheira, é o mesmo? Justifique. b) A origem dos tecidos de reserva do embrião do pinhão e da castanha-do-pará é a mesma? Justifique. 2) (FUVEST-2007) “Pesquisadores encontraram características surpreendentemente avançadas no fóssil de um peixe primitivo conhecido como Gogonassus, que viveu há cerca de 380 milhões de anos no oeste da Austrália. Esse gênero faz parte de um grupo de peixes com barbatanas lobuladas que deu origem aos vertebrados terrestres e é uma das amostras mais completas já encontradas de seres aquáticos do período Devoniano (419 a 359 milhões de anos atrás). [...]” Rev. Pesquisa FAPESP - edição Online, 20/10/2006 a) É correto afirmar que os primeiros vertebrados terrestres, descendentes dos peixes de barbatanas lobuladas, de que fala o texto, foram necessariamente consumidores primários? Por quê? b) Considerando que no Devoniano surgiram os primeiros filos de plantas gimnospermas, quais dentre as seguintes estruturas dessas plantas poderiam ter servido de alimento a esses primitivos vertebrados terrestres: caule, folha, semente, flor e fruto? Justifique. 3) (UNIFESP-2008) Pela primeira vez na história evolutiva, o embrião é protegido por um envoltório que o protege e impede que desidrate. Ali, há também substâncias de reserva que o nutrirão até que saia do envoltório e passe a ter vida livre. a) Se essa frase for relacionada a um grupo animal, a que grupo ela se aplica com propriedade? Cite outra característica, reprodutiva ou do desenvolvimento do embrião, que também aparece nesse grupo pela primeira vez. b) Se essa frase for relacionada a um grupo vegetal, a que grupo ela se aplica com propriedade? Cite outra característica, reprodutiva ou do desenvolvimento do embrião, que também aparece nesse grupo pela primeira vez. 4) (UNIFESP-2008) No planeta, são referidas aproximadamente 800 espécies de gimnospermas e 220.000 espécies de angiospermas. Sobre essa diferença numérica, foram feitas as seguintes afirmações: I. Em certo momento, no passado geológico, houve mais espécies de gimnospermas que de angiospermas. Porém, o surgimento da flor nas angiospermas conferiu um maior sucesso adaptativo a esse grupo. II. O surgimento das sementes nas gimnospermas já representou um grande passo na conquista do ambiente terrestre. Porém, com a presença dos frutos, as angiospermas tiveram maior dispersão assegurada. III. As angiospermas ocorrem nas regiões mais quentes do globo e as gimnospermas estão restritas às áreas não-tropicais e mais frias. Como existem mais áreas quentes, há mais angiospermas que gimnospermas no planeta. IV. A dupla fecundação, que surgiu nas gimnospermas, foi aperfeiçoada nas angiospermas com o surgimento do envoltório da semente. Isso também explica a maior dispersão e o maior número de angiospermas. Considerando a evolução das plantas no ambiente terrestre, estão corretas somente: a) I e II. b) I e IV. c) II e III. d) I, II e III. e) II, III e IV. 5) (Mack-2007) A respeito do ciclo reprodutivo das plantas fanerógamas (gimnospermas e angiospermas), considere as seguintes afirmações: I. Formam tubo polínico para que o gameta masculino possa alcançar o gameta feminino no interior do ovário. II. Apresentam alternância de gerações, sendo que a geração esporofítica é predominante sobre a gametofítica. III. Após a fecundação, o óvulo origina a semente com endosperma 3n. IV. o grão-de-pólen é formado a partir do micrósporo haplóide. Estão corretas, apenas: a) I e II. b) I e III. c) I e IV. d) II e III. e) II e IV. 6) (Mack-2005) Microsporócito  Micrósporos II  Grãos-de-pólen III  2 Núcleos espermático ou 2 células espermáticas A seqüência acima, do ciclo reprodutivo das plantas, acontece a) apenas em Angiospermas, sendo que a meiose ocorre em I.
  • 2. EXERCICIOS GIMNOSPERMAS Diversidade atual de plantas com semente na Terra N° de família s N° de espécie s Épocas de surgiment o na Terra (milhões de anos) Gimnosperm as Gingkophyta 1 1 280 Cycadophyta 3 100 300 Coniferophyt a 7 500 330 Gneteles 3 100 200 Angospermas 500 300.00 0 120 b) apenas em Angiospermas, sendo que a meiose ocorre em II. c) em Gimnospermas e Angiospermas, sendo que a meiose ocorre em I. d) em Gimnospermas e Angiospermas, sendo que a meiose ocorre em II. e) em Gimnospermas e Angiospermas, sendo que a meiose ocorre em III. 7) (UFMG-2003) Analise esta tabela: Com base nas informações dessa tabela e em outros conhecimentos sobre o assunto, é CORRETO afirmar que a diferença entre a diversidade de Gimnospermas e de Angiospermas pode ser explicada a) pelos tipos de folhas e sementes. b) pela ação dos insetos polinizadores. c) pela ação menos intensa de herbívoros. d) pelos modos de dispersão dos frutos. 8) (UECE-2005) As plantas se reproduzem por alternância de gerações. Assim sendo, podemos afirmar: a) As briófitas apresentam a geração esporofítica mais desenvolvida que a gametofítica. b) Os soros das samambaias produzem anterídios e oosferas, os quais dependem da água para ocorrer a fecundação. c) Nas gimnospermas são produzidos dois tipos de esporos: os micróporos a partir dos quais se desenvolve o gametófito masculino e os megásporos a partir dos quais se desenvolve o gametófito feminino. d) Nas angiospermas a fecundação ocorre no esporófito, independendo assim de gametófitos, para que se complete o processo de reprodução sexuada. 9) (UERJ-2006) Duas espécies de plantas fanerógamas, X e Y, de porte semelhante, foram cultivadas em duas situações experimentais: I. independentemente - cada planta em um vaso; II. em conjunto - as duas plantas em um mesmo vaso. Em ambas as situações, todas as demais condições ambientais foram mantidas idênticas. Ao final de algum tempo de cultivo, mediu-se o comprimento da parte aérea desses vegetais. Os resultados estão apresentados no gráfico abaixo. a) Identifique a provável relação ecológica presente na situação experimental II e justifique a diferença de comprimento da parte aérea dos vegetais verificada nesta situação. b) Cite duas características exclusivas das fanerógamas e os dois principais grupos em que esses vegetais são divididos. 10) (FUVEST-2010) Uma pessoa, ao encontrar uma semente, pode afirmar, com certeza, que dentro dela há o embrião de uma planta, a qual, na fase adulta, a) forma flores, frutos e sementes. b) forma sementes, mas não produz flores e frutos. c) vive exclusivamente em ambiente terrestre. d) necessita de água para o deslocamento dos gametas na fecundação. e) tem tecidos especializados para condução de água e de seiva elaborada. 11) (Vunesp-2008) Analisando os processos sexuados e ciclos de vida das plantas, considere as informações seguintes. I. Fase gametofítica muito desenvolvida. II. Fase esporofítica independente da planta haplóide. III. Fase gametofítica muito reduzida. IV. Fase esporofítica cresce sobre a planta haplóide. V. Sementes não abrigadas.
  • 3. EXERCICIOS GIMNOSPERMAS a) A e B C e D E b) A, B e C D E c) A B e C D e E d) A B C, D e E e) A e B C D e E AVASCULARES VASCULARES SEM SEMENTES VASCULARES COM SEMENTES Pode-se afirmar corretamente que a) I e II ocorrem nas briófitas e pteridófitas. b) III e V ocorrem nas angiospermas, mas não nas pteridófitas. c) IV ocorre apenas nas briófitas. d) I e V ocorrem nas gimnospermas. e) II ocorre nas briófitas, mas não nas angiospermas. 12) (UEMG-2008) Na história biológica das plantas, muitos eventos ocorreram durante a seleção para a vida no ambiente terrestre. Sobre esta história, só é CORRETO afirmar que a) o desenvolvimento de vasos condutores de seivas é característica que surgiu nos ancestrais das pteridófitas. b) as primeiras fanerógamas eram dotadas de frutos sem sementes. c) as gimnospermas foram selecionadas para diversidade de agentes polinizadores. d) as angiospermas constituíram as primeiras espermáfitas. 13) (FATEC-2008) Considere o seguinte esquema, que representa subdivisões de grupos vegetais nos quais os algarismos representam os critérios adotados para fazer a classificação. Os critérios presença de clorofila, presença de sementes e presença de frutos estão representados, respectivamente, pelos algarismos: a) I, II e III. b) III, V e IV. c) II, IV e V. d) III, I e V. e) II, V e IV. 14) (Mack-2007) Em uma saída a campo, os alunos do curso de Biologia fizeram uma coleta de vários representantes, dos seguintes vegetais: A - musgos B - licopódios C - samambaias D - pinheiros E - ciprestes No laboratório, os alunos tiveram de classificar esses vegetais pelas características avasculares, vasculares sem sementes e vasculares com sementes. Assinale, no quadro abaixo, a alternativa correta dessa classificação. 15) (FGV - SP-2007) As plantas portadoras de frutos surgiram na Terra depois das coníferas, provavelmente há cerca de 135 milhões de anos. A análise dos fósseis indica que a quantidade de angiospermas foi rapidamente aumentando na Terra, enquanto as gimnospermas foram se tornando menos abundantes. Assim, as coníferas dominaram a paisagem dos ecossistemas terrestres em tempos passados, mas as angiospermas dominam a paisagem atual, com cerca de 250 mil espécies conhecidas. (Paulino, W.R., Biologia Atual) Usando as afirmações do texto e os conhecimentos sobre botânica, pode-se afirmar que: a) no período anterior a 135 milhões de anos do presente só havia coníferas e, portanto, não havia plantas com frutos, com flores ou com produção de sementes. b) ao longo dos últimos 135 milhões de anos, as estruturas flor, fruto e semente surgiram nessa seqüência evolutiva, dando origem às angiospermas, com cerca de 250 mil espécies conhecidas. c) as coníferas, embora não produzam flores, frutos ou sementes, puderam propagar-se e chegar aos dias atuais graças aos mecanismos de reprodução vegetativa. d) as coníferas, presentes apenas no registro fóssil, são as ancestrais das atuais gimnospermas e angiospermas. e) as coníferas, ou gimnospermas, não se extinguiram e constituem-se na vegetação dominante de algumas formações florestais atuais. 16) (PUC - SP-2006) Um restaurante apresenta o seguinte cardápio: I. casquinha de siri. II. salada de rúcula e agrião com lascas de queijos camembert e roquefort. III. risoto de frutos do mar, contendo lula, marisco e camarão. Considerando-se apenas os componentes descritos em I, II e III, é correto afirmar que fazem parte daquele cardápio: a) artrópodes, moluscos, algas e fungos. b) artrópodes, moluscos, fungos e angiospermas. c) artrópodes, protocordados, algas e angiospermas. d) moluscos, protocordados, algas e fungos. e) moluscos, protocordados, fungos e angiospermas.
  • 4. EXERCICIOS GIMNOSPERMAS 17) (Mack-2003) As afirmações abaixo referem-se ao esquema que mostra a seqüência da formação dos grãos de pólen de um vegetal. I. O formato desses grãos de pólen indica que a polinização ocorre através do vento. II. Pode ser tanto de uma gimnosperma como de angiosperma. III. As duas células do grão de pólen são haplóides. IV. Esse processo ocorre no interior dos megasporângios. Estão corretas apenas: a) I e II. b) II e III. c) I e IV. d) II e IV. e) I e III. 18) (Fuvest-2003) Em seu livro Biology of Plants (Nova York, W. H. Freeman and Company, 6ª edição,1999), P. H. Raven, R. F. Evert e S. E. Eichhorn dizem: “As plantas, como todos os organismos, tiveram ancestrais aquáticos. A história evolutiva das plantas está intimamente ligada à progressiva ocupação do ambiente de terra firme e à crescente independência do meio aquático para a reprodução.” a) Compare as samambaias e os pinheiros quanto à dependência do meio aquático para a reprodução. b) Discorra sucintamente sobre uma aquisição evolutiva, não ligada diretamente ao processo reprodutivo, que permitiu às plantas atingir grande tamanho e contribuiu decisivamente para seu sucesso na ocupação do ambiente de terra firme. 19) (Vunesp-2003) “Cerca de 100 milhões de anos atrás o número de espécies de plantas floríferas na Terra aumentou explosivamente e os botânicos se referem a este evento como a grande radiação… A fagulha que provocou esta explosão foi a pétala. As pétalas multicoloridas criaram muito mais diversidade no mundo vegetal. Em sua nova indumentária estas plantas, antes despercebidas, se ressaltaram na paisagem… A reprodução literalmente decolou. Os dinossauros que se alimentavam de árvores floríferas com pequenos frutos, samambaias, coníferas e alguns tipos de musgos, foram os maiores espalha-brasas que o mundo já viu. Involuntariamente abriram novos terrenos para a dispersão das espécies vegetais e semearam a terra com sementes expelidas por seu trato digestivo”. (Adaptado de National Geographic, julho/2002). a) Relacione a grande variedade de tipos de flores com a promoção da diversidade genética das populações vegetais. b) A que grupos pertencem os vegetais destacados no texto? Dentre eles, qual ou quais produzem sementes? 20) (Mack-2008) Em determinado parque da capital de São Paulo, os visitantes são alertados por uma placa colocada ao lado de um enorme pinheiro-do-Paraná, com o seguinte aviso: Cuidado com os frutos que caem. Esse alerta está a) correto, porque o que cai são os enormes estróbilos femininos (pinhas) que constituem os frutos. b) correto, porque o que cai são os pinhões, frutos pequenos que podem cair muitos ao mesmo tempo. c) incorreto, porque os pinhões que caem são sementes desenvolvidas nos estróbilos femininos. d) incorreto, porque os pinhões que caem são sementes produzidas nos enormes estróbilos femininos que constituem os frutos. e) incorreto, porque o que cai são estróbilos masculinos que são maiores do que os femininos. 21) (Mack-2008) Em uma saída a campo, os alunos do curso de Biologia tiveram, como tarefa, demarcar uma área de 100m 2 , próxima a uma mata, e determinar as densidades demográficas dos vários grupos vegetais e animais encontrados nessa área. Os organismos encontrados e suas quantidades estão relacinados abaixo. Musgos — 20 indivíduos (mesma espécie) Samambaias — 6 indivíduos (mesma espécie) Pinheiros — 4 indivíduos (mesma espécie) Tatuzinhos-de-jardim — 2 indivíduos (mesma espécie) Minhocas — 2 indivíduos (mesma espécie) Ácaros — 3 indivíduos (mesma espécie) Nessa área, as densidades demográficas das plantas criptógamas, das plantas fanerógamas e dos artrópodes são, respectivamente, a) 0,26; 0,04 e 0,05. b) 0,10; 0,04 e 0,05. c) 0,26; 0,04 e 0,03. d) 0,10; 0,04 e 0,02. e) 0,04; 0,26 e 0,05. 22) (UFRJ-2008) A barraca de frutas de um feirante oferece, hoje, alguns produtos apetitosos: abacaxis
  • 5. EXERCICIOS GIMNOSPERMAS (Ananas comosus, família das Bromeliáceas: Angiospermas), laranjas (Citrus sinensis, família das Rutáceas: Angiospermas), uvas (Vitis vinifera, família das Vitáceas: Angiospermas) e pinhões (Araucaria angustifolia, da família das Araucariáceas: Gimnospermas). Do ponto de vista botânico, dois desses produtos não podem ser considerados frutos. Identifique esses produtos. Justifique sua resposta. 23) (VUNESP-2007) A figura apresenta a variação na produção de sementes pela população de uma espécie de árvore, observada pelo período de 20 anos. As setas representam o período em que foi aplicado na área um produto químico utilizado para o controle de pragas. Analisando o comportamento da curva, pode-se afirmar que o produto químico utilizado provavelmente elimina a) outras espécies de plantas que competem por nutrientes com a planta observada. b) os insetos que se alimentam das sementes dessa planta. c) os pássaros que se alimentam dos frutos dessa planta e que promovem a dispersão das sementes. d) os polinizadores dessa planta. e) os microorganismos patogênicos que infectam essa planta. 24) (UEPB-2006) A reprodução permite a multiplicação da espécie. Nos vegetais a independência da água para a fecundação ocorre a partir: a) das espermatófitas. b) dos musgos. c) das licopodíneas. d) das briófitas. e) das pteridófitas. 25) (FUVEST-2007) O pinhão mostrado na foto, coletado de um pinheiro-do- paraná (Araucaria angustifolia), é a) um fruto: estrutura multicelular resultante do desenvolvimento do ovário. b) um fruto: estrutura unicelular resultante do desenvolvimento do óvulo. c) uma semente: estrutura unicelular resultante do desenvolvimento do ovário. d) uma semente: estrutura multicelular resultante do desenvolvimento do óvulo. e) uma semente: estrutura unicelular resultante do desenvolvimento do óvulo. 26) (UFPB-2006) A polinização e a dispersão das sementes são dois mecanismos de grande importância no ciclo de vida dos vegetais. Sobre esses dois mecanismos, é INCORRETO afirmar: a) Os frutos contribuem para a dispersão das sementes, a exemplo do coco-da-baía que, por ser flutuante, pode ser levado pelas correntes marinhas para praias distantes, onde a semente germinará. b) A dispersão das sementes pode ocorrer através do transporte de frutos que aderem ao corpo de animais, como acontece com o carrapicho. c) A dispersão das sementes pode ocorrer através do vento, a exemplo do que acontece com as sementes aladas das orquídeas. d) A polinização feita por animais como morcegos, pássaros e insetos é um fenômeno característico das angiospermas. e) As gimnospermas têm flores rudimentares (estróbilos) e nelas não se verifica o fenômeno da polinização. 27) (UFSCar-2003) Qual das alternativas apresenta, corretamente, uma distinção entre pteridófitas e gimnospermas? Características Pteridófitas Gimnospermas a) Meiose Apresentam Não Apresentam b) Semente Não Apresentam
  • 6. EXERCICIOS GIMNOSPERMAS Apresentam c) Xilema e floema Não Apresentam Apresentam d) Dominância da geração diplóide Não Apresentam Apresentam e) Alteração de gerações haplóides e diplóides Apresentam Não Apresentam Estrutura Gramínea Pinheiro Samambaia a) Flor ausente presente ausente b) Fruto ausente ausente ausente c) Caule ausente presente presente d) Raiz presente presente ausente e) Semente presente presente ausente b) meiose gamética. c) independência da água para a reprodução. d) predominância da geração gametofítica sobre a esporofítica. e) geração esporofítica diplóide. 28) (Mack-1996) Algas pluricelulares, briófitas, pteridófitas, gimnospermas e angiospermas são grupos de organismos em cujo ciclo de vida ocorrem as gerações gametofítica e esporofítica. Essas duas fases são mais difíceis de serem distinguidas, por serem muito semelhantes, em: a) algas. b) briófitas. c) pteridófitas. d) gimnospermas. e) angiospermas. 29) (Vunesp-1999) Observe o ciclo reprodutivo do pinheiro . a) Em que estágios deste ciclo ocorre redução do número de cromossomos? b) Indique as estruturas citadas no ciclo que correspondem às palavras assinaladas na seguinte estrofe popular: "Pinheiro me dá uma pinha Pinha me dá um pinhão Menina me dá um beijo Que eu te dou meu coração". 30) (Mack-2007) Comparando-se os ciclos reprodutivos das criptógamas (Briófitas e Pteridófitas) com os das fanerógamas (Gimnospermas e Angiospermas), destacamos a seguinte diferença: a) ciclo de vida alternante. 31) (FUVEST-2008) A presença ou a ausência da estrutura da planta em uma gramínea, um pinheiro e uma samambaia está corretamente indicada em: 32) (PUC - PR-2007) Entre as Briófitas, Pteridófitas, Gimnospermas e Angiospermas, a geração dominante é, respectivamente: a) gametofítica, esporofítica, esporofítica, esporofítica. b) esporofítica, gametofítica, esporofítica, gametofítica. c) gametofítica, esporofítica, gametofítica, esporofítica. d) esporofítica, esporofítica, esporofítica, gametofítica. e) gametofítica, gametofítica, gametofítica, esporofítica. 33) (UFPB-1998) Entre as adaptações dos vegetais à vida terrestre, uma das mais importantes está relacionada com o desenvolvimento da reprodução sexuada independente do meio aquático. Sob este aspecto, os vegetais terrestres que conseguiram superar a dependência da água para a fecundação dos gametas foram apenas as a) Pteridófitas. b) Gimnospermas. c) Briófitas. d) Angiospermas. e) Gimnospermas e Angiospermas. 34) (Fuvest-1998) O pinhão, estrutura comestível produzida por pinheiros da espécie Araucaria angustifolia, corresponde a que parte da planta? a) Cone (estróbilo) masculino repleto de pólen. b) Cone (estróbilo) feminino antes da fecundação. c) Fruto simples sem pericarpo. d) Folha especializada no acúmulo de substâncias de reserva. e) Semente envolta por tegumento. 35) (Mack-2003) Nas gimnospermas não se forma:
  • 7. EXERCICIOS GIMNOSPERMAS a) grão de pólen. b) óvulo. c) tubo polínico. d) semente. e) ovário. GABARITO
  • 8. EXERCICIOS GIMNOSPERMAS 1) a) O órgão é o mesmo, ou seja, o óvulo (megaesporângio) fecundado e desenvolvido. b) A origem dos tecidos de reserva (endosperma) não é a mesma. No pinhão, exemplo das gimnospermas, a fecundação é simples, e o endosperma é primário n. Já na castanha-do-pará, representante das angiospermas, ocorre dupla fecundação, e o endosperma é secundário 3n. 2) a) Não necessariamente. Imaginando-se uma possível limitação desses descendentes no que diz respeito à locomoção no meio terrestre, é possível que esses animais fossem tanto consumidores primários, alimentando-se das plantas disponíveis no período geológico considerado, quanto consumidores secundários, que se alimentavam de presas de locomoção igualmente limitada (vermes, por exemplo) ou de restos delas, presentes nos ambientes mais úmidos. b) Esses vertebrados primitivos poderiam se alimentar de qualquer parte das gimnospermas, exceto flores e frutos, que não existem nesse grupo, e sim no das angiospermas. 3) a) Considerando que a característica se relacione a vertebrados, o grupo animal é o dos répteis, e o envoltório protetor a que a questão se refere é o âmnio. A outra característica reprodutiva desse grupo é a ocorrência de fecundação exclusivamente interna. Em relação ao desenvolvimento, podemos citar o ovo com casca e outros anexos embrionários, como o cório e a alantóide. b) O grupo é o das gimnospermas, cuja semente, que contém o embrião, é envolvida por um tegumento protetor. A outra característica reprodutiva desse grupo é a formação do tubo polínico. A reserva alimentar representada pelo endosperma haplóide garante o desenvolvimento inicial do embrião. 4) Alternativa: A 5) Alternativa: E 6) Alternativa: C (Gabarito oficial: a) 7) Alternativa: B 8) Alternativa: C 9) a) Competição interespecífica. Quando colocadas em um mesmo vaso, as duas espécies competem por nutrientes limitados, sendo que a espécie X é mais eficiente na captação desses recursos, conseguindo um melhor desenvolvimento. b) Apresentar sementes e órgãos reprodutivos evidentes. Gimnospermas e angiospermas. 10) Alternativa: E 11) Alternativa: C 12) Alternativa: A 13) Alternativa: C 14) Alternativa: C 15) Alternativa: E 16) Alternativa: B 17) Alternativa: E Grãos de pólen de gimnospermas possuem mais de duas células, enquanto os de angiospermas não possuem sacos aéreos. A formação dos grãos de pólen ocorre no interior dos microsporângios. 18) a) As samambaias produzem anterozóides (gametas masculinos), células flageladas, livre-natantes, que necessitam de meio líquido para encontrar as oosferas (gametas femininos). Nos pinheiros, o encontro das células (gametas) masculina e feminina é facilitado pela presença e crescimento do tubo polínico (sifonogamia). b) Uma importante aquisição evolutiva não ligada ao processo reprodutivo é a presença de vasos condutores de seiva (bruta: água e sais, elaborada: matéria orgânica). A presença de vasos, tanto para a distribuição de água e sais, como para a distribuição de matéria orgânica produzida pela fotossíntese, permitiu às plantas atingir grande tamanho e contribuiu decisivamente para a ocupação do ambiente terrestre. 19) a) Flores com pétalas coloridas atraem grande diversidade de agentes polinizadores, principalmente insetos. Isso favoreceu a reprodução das plantas floríferas, o que permitiu o surgimento de uma grande variabilidade nesse grupo. b) Árvores floríferas com pequenos frutos = Angiospermas (plantas com sementes) Samambaias = Pteridófitas (plantas sem sementes) Coníferas = Gimnospermas (plantas com sementes e sem frutos) Musgos = Briófitas (plantas sem sementes) 20) Alternativa: C 21) Alternativa: A
  • 9. EXERCICIOS GIMNOSPERMAS 22) Abacaxis, que são inflorescências e pinhões, porque são sementes de Araucária (Gimnospermas não produzem frutos). 23) Alternativa: D 24) Alternativa: A 25) Alternativa: D 26) Alternativa: E 27) Alternativa: B 28) Alternativa: D 29) Resposta: a) A redução do número cromossômico ocorre durante a meiose para a formação do grão de pólen e do óvulo. Essa meiose é denominada espórica ou intermediária. b) A pinha corresponde ao estróbilo feminino e o pinhão à semente. A pinha contém óvulos e o pinhão corresponde à própria semente. 30) Alternativa: C 31) Alternativa: E Pinheiros (Gimnospermas) e gramíneas (Angiospermas) são espermáfitas, portanto apresentam sementes, já as samambaias (Pteridófitas) não apresentam sementes. 32) Alternativa: A 33) Alternativa: B 34) Alternativa: E 35) Alternativa: E