SlideShare uma empresa Scribd logo
ESCOLA ESTADUAL “JOÃO XXIII”
                                   A Escola que a gente quer é a Escola que a gente faz!
                    NATUREZA DA ATIVIDADE: Exercícios Extras                                     ___/___/2013
                    DISCIPLINA: BIOLOGIA
                    ASSUNTO: Taxonomia e Sistemática Filogenética                                TURMA:______
                    PROFESSOR(A): Prof. Altino, Everton e Sheila
 Educando para a
Modernidade desde
      1967
                    ALUNO (A): __________________________________________________________        Nº: ______

Questão 01 – UFSCAR

Alguns livros do ensino médio definem uma espécie biológica como um grupo de populações naturais
cujos membros podem cruzar naturalmente uns com os outros e produzir descendentes férteis, mas
não podem cruzar com membros de outros grupos semelhantes. Considere as seguintes espécies:

         Siphonops paulensis: cobra-cega, anfíbio que vive em galerias cavadas na terra;
         Mycobacterium tuberculosis: bacilo de Koch, causador da tuberculose;
         Schistosoma mansoni: verme causador da esquistossomose, ou barriga d'água;
         Canoparmelia texana: líquen comumente encontrado sobre o tronco de algumas árvores em zonas
          urbanas.

a) Dentre as espécies listadas, em duas delas teríamos dificuldades em aplicar a definição de espécie.
QUAIS são elas?
b) Para cada uma das espécies que você indicou, APRESENTE as razões que dificultam a aplicação da
definição biológica de espécie.

Questão 02 – UFSCAR

A relação dos cães com a humanidade teve início há milhares de anos. Considera-se que os cães são
possivelmente versões modificadas do lobo cinzento. Há cerca de 12.000 anos, os lobos passaram a
utilizar os restos da alimentação humana, ao invés de caçar seu próprio alimento. Gradualmente,
passaram a viver junto com os humanos. Ao longo do tempo, mudanças genéticas acompanharam a
domesticação do lobo. Hoje, existem diversas raças de cães que podem, potencialmente, intercruzar e
produzir descendentes férteis. São, então, pertencentes à mesma espécie biológica, Canis familiaris.

a) Com base no texto, CARACTERIZE o conceito biológico de espécie.

b) O lobo cinzento é um organismo com reprodução sexuada. DE QUE modo esse tipo de reprodução
contribuiu para as mudanças genéticas que acompanharam a sua domesticação?

Questão 03 – UNESP

Um estudante de biologia anotou em uma tabela algumas características de quatro espécies vegetais:

                                                                               Espécie
                                   Característica
                                                                       1        2      3    4
                       Possui vasos condutores de seiva?              sim      não   sim   sim
                       Embrião fica retido no gametângio?             sim      sim   sim   sim
                       Forma flores e frutos?                         não      não   sim   não
                       Forma sementes?                                sim      não   sim   não
A partir desses dados, PODE-SE dizer que na árvore filogenética que reconstitui a história evolutiva
dessas espécies,

a.( ) as espécies 1 e 2 compartilham entre si um maior número de ancestrais comuns que aqueles
    compartilhados pelas espécies 1 e 3.
b.( ) a espécie 4 tem uma origem evolutiva mais recente que a espécie 3.
c.( ) a espécie 1 é mais aparentada à espécie 2 que à espécie 3.
d.( ) as espécies 1, 2 e 3 formam um grupo natural, ou monofilético.
e.( ) as espécies 2, 3 e 4 formam um grupo artificial, ou parafilético.

Questão 04 – FGV

O sistema de classificação taxionômica ainda hoje utilizado foi elaborado por Carl von Linné 101 anos
antes de Charles Darwin publicar A Origem das Espécies. Para Lineu, a invariabilidade das espécies é a
condição da ordem na natureza. Para Darwin, nossas classificações deveriam se tornar, até onde for
possível adequá-las, genealogias. Já no início do atual século, o pesquisador norte-americano Kevin de
Queiroz propôs que adotássemos um novo código de classificação, no qual se perderiam as categorias
taxionômicas mais amplas do sistema lineano (praticamente do gênero para cima) e que fosse
norteado pelas relações de proximidade evolutiva entre os seres vivos.

A partir do texto, PODE-SE dizer que:

a.( ) o sistema lineano de classificação não permite visualizar as relações de ancestralidade e descendência
    entre os seres vivos.
b.( ) mesmo após a publicação do livro de Darwin, o sistema lineano foi mantido por esclarecer acerca das
    relações evolutivas entre as espécies.
c.( ) para Darwin, a classificação taxionômica deveria ser readequada para que refletisse o grau de
    semelhança morfológica entre as espécies.
d.( ) para o pesquisador Kevin de Queiroz, as espécies não têm importância quando da construção de um
    sistema de classificação taxionômica.
e.( ) Lineu antecipou, em 101 anos, os conceitos evolutivos posteriormente postulados por Darwin,
    conceitos estes atualmente questionados por Kevin de Queiroz.

Questão 05 – UFPEL

Carl von Linné (1707-1778), denominado Lineu, em Português, através de sua obra "Systema
Naturae", propôs uma forma de denominar os seres vivos por intermédio do que chamou de "unidade
básica de classificação" ou ESPÉCIE. Como exemplo, a ave conhecida popularmente como quero-quero
é classificada, segundo o modelo de Lineu, como 'Vanellus chilensis'.

De acordo com esses conceitos, ANALISE as afirmativas a seguir.

I. O nome específico de um organismo é sempre composto de duas
palavras: a primeira designa o gênero e a segunda, a espécie.
II. O nome específico do quero-quero é 'chilensis' e o nome genérico
é 'Vanellus'.
III. O nome específico do quero-quero é binominal, e 'Vanellus' é
seu epíteto específico.
IV. O nome específico do quero-quero é binominal, e Chilensis,
assim escrito, é seu epíteto específico.
V. A espécie 'Vanellus chilensis' inclui o gênero seguido de seu epíteto específico: 'chilensis'.
Estão CORRETAS apenas as afirmativas
a.(   )   II e III.
b.(   )   IV e V.
c.(   )   II e IV.
d.(   )   I e III.
e.(   )   II e V.

Questão 06 – UFRS

Considere os quatro táxons a seguir relacionados.
1. 'Bufo dorbignyi'
2. 'Lystrophis dorbignyi'
3. 'Didelphis albiventris'
4. 'Didelphis marsupialis'

Em relação a eles, é CORRETO afirmar que
a.(   )   todos pertencem à mesma espécie.
b.(   )   há, entre os quatro táxons, apenas duas espécies diferentes.
c.(   )   os táxons 1 e 2 são de gêneros diferentes, mas da mesma espécie.
d.(   )   os táxons 3 e 4 são de espécies diferentes, mas do mesmo gênero.
e.(   )   os táxons 1 e 2 são da mesma subespécie.

Questão 07 – UEPG

A árvore filogenética a seguir, que é baseada em dados moleculares, reúne num mesmo grupo os
grandes felinos. O nó 2 reúne as espécies que rugem; o nó 3, as que não têm essa capacidade.




Com relação a essa árvore filogenética, é CORRETO afirmar que :

a.(   )   a Panthera Leo é mais aparentada com a pantera-nebulosa do que com o tigre.
b.(   )   os felinos rugidores surgiram depois dos não-rugidores.
c.(   )   as panteras-nebulosas representam o gênero Panthera, que não tem a capacidade de rugir.
d.(   )   cada nó representa um evento de especiação por anagênese.
e.(   )   o leão e o leopardo compartilham mais características entre si do que a onça e o leopardo.
Questão 08 – UFRGS

Em 1735, o botânico sueco Lineu publicou o trabalho Systema naturae, no qual propôs a classificação
dos seres vivos em grupos, hoje chamados táxons, que constituem uma hierarquia. As categorias
taxonômicas por ele propostas ainda são mantidas até os dias atuais, com algumas poucas
modificações. Sobre seu trabalho e a taxonomia atual assinale o que for CORRETO.

01) A sequência correta para as categorias taxonômicas atualmente é: reino – classe – filo – ordem –
gênero – família – espécie.
02) O critério básico da classificação de Lineu, quando ainda não havia surgido a teoria da evolução
biológica, era a semelhança anatômica entre os organismos, pois as espécies eram consideradas tipos
padrões e imutáveis, conceito este chamado de fixismo.
04) Em vez de serem "tipo" imutáveis, caracterizados apenas pela anatomia, as espécies são hoje
classificadas segundo critérios fisiológicos, embriológicos, bioquímicos, genéticos e ecológicos, que
podem revelar mais corretamente seus parentescos naturais e evolutivos.
08) Atualmente foram acrescentados mais dois táxons às categorias taxonômicas propostas por Lineu:
o filo e a família.
16) Nesse sistema de classificação havia dois grandes grupos: reino vegetal e reino animal. Dentro de
cada reino eram reunidas várias classes; numa classe, várias ordens; numa ordem, vários gêneros e
num gênero, várias espécies.

Questão 09 – UFRS

Os cinco cladogramas das alternativas ilustram relações filogenéticas entre os táxons hipotéticos 1, 2,
3, 4 e 5. Quatro desses cladogramas apresentam uma mesma hipótese filogenética.
ASSINALE a alternativa que contém o cladograma que apresenta hipótese filogenética diferente das
demais.




Questão 10 – UFRRJ

A seguir estão representadas três sequências de aminoácidos de proteínas retiradas de diferentes
espécies (A, B e C).
espécie A: MET - ARG - LEU - LEU - VAL - GLU - HIS - ARG - ALA - ARG - LEU - PHE - PRO - LEU
espécie B: MET - ARG - LEU - ARG - VAL - GLU - HIS - ALA - ARG - ARG - ALA - PHE - PRO - LEU
espécie C: MET - ARG - LEU - ARG - VAL - GLU - HIS - ALA - ALA - ARG - ALA- PHE - PRO - LEU

Admitindo-se um ancestral comum para as três espécies, a árvore filogenética que MELHOR
EXPRESSA o parentesco evolutivo entre as três é:
Questão 11 – UNICAMP

De acordo com o sistema binomial de nomenclatura estabelecido por Linnaeus, o nome científico 'Felis
catus' aplica-se a todos os gatos domésticos como angorás, siameses, persas, abissínios e malhados. O
gato selvagem ('Felis silvestris'), o lince ('Felis lynx') e o puma ou suçuarana ('Felis concolor') são
espécies relacionadas ao gato.

a) A QUE gênero pertencem todos os animais mencionados?

b) POR QUE todos os gatos domésticos são designados por um mesmo nome científico?

c) QUAL dos nomes a seguir designa corretamente a família a que pertencem esses animais.
Felinaceae, Felidae, Felini, Felinus ou Felidaceae? JUSTIFIQUE.


Questão 12 – UNESP

Alunos de uma escola, em visita ao zoológico, deveriam escolher uma das espécies em exposição e
pesquisar sobre seus hábitos, alimentação, distribuição, etc. No setor dos macacos, um dos alunos
ficou impressionado com a beleza e agilidade dos macacos-pregos. No recinto desses animais havia
uma placa com a identificação:

Nome vulgar: Macaco-prego (em inglês Ring-tail Monkeys ou Weeping capuchins).
Ordem Primates. Família Cebidae.
Espécie 'Cebus apella'.

Esta foi a espécie escolhida por esse aluno. Chegando em casa, procurou informações sobre a espécie
em um site de busca e pesquisa na internet. O aluno deveria digitar até duas palavras-chaves e iniciar
a busca.

a) QUE palavras o aluno deve digitar para obter informações apenas sobre a espécie escolhida?

b) JUSTIFIQUE sua sugestão.

Questão 13 – UNESP

Divulgou-se recentemente (Revista Pesquisa FAPESP n0. 100, junho de 2004) a identificação de uma
nova classe dos Cnidaria, chamada de Staurozoa. A característica marcante das medusas adultas de
uma das duas ordens desta nova classe é que elas vivem agarradas a rochas ou algas através de uma
estrutura chamada pedúnculo. Antes da proposição de um sistema de classificação biológica por Lineu
em 1758, alguns naturalistas consideravam os cnidários como plantas. A natureza animal destes
organismos somente foi reconhecida no século XIX, quando alguns naturalistas os classificaram
juntamente com as esponjas.

a) Esta mudança proposta recentemente de uma nova classe para os cnidários altera ou fere de
alguma forma os critérios gerais de classificação biológica propostos por Lineu em 1758? JUSTIFIQUE
sua resposta.

b) Considerando que a classificação biológica tem levado em conta as características dos organismos,
POR QUE foi sugerida uma nova classe e não um novo filo de animais, no presente caso?
Questão 14 – UFRJ
Um táxon é classificado como parafilético quando inclui alguns, mas não todos, descendentes de um
ancestral comum. Um táxon polifilético contém membros com mais de um ancestral, e um táxon
monofilético inclui todos os descendentes de um único ancestral comum.



Observe o diagrama a seguir:




No diagrama, o conjunto DEF é exemplo de uma dessas três classificações; BCD, de outra; e AB
representa um exemplo de um terceiro tipo. IDENTIFIQUE-AS.

Questão 15 – UERJ

Técnicas de hibridização ou de determinação da sequência de bases do DNA permitem estimar o grau
de parentesco entre espécies de seres vivos. O resumo da árvore evolutiva, esquematizado a seguir,
apresenta resultados de pesquisas realizadas com primatas utilizando essas técnicas:




Dentre os primatas citados, relacione, na ordem crescente de semelhança ao genótipo do chipanzé, os
que tiveram um ancestral que viveu há cerca de 10 milhões de anos. INDIQUE, ainda, o percentual de
semelhança.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Classificação dos Seres Vivos
Classificação dos Seres VivosClassificação dos Seres Vivos
Classificação dos Seres Vivos
Juliana Mendes
 
V.1 Introdução a ecologia
V.1 Introdução a ecologiaV.1 Introdução a ecologia
V.1 Introdução a ecologia
Rebeca Vale
 
Atividades de ciências avaliação com os descritores
Atividades de ciências avaliação com os descritoresAtividades de ciências avaliação com os descritores
Atividades de ciências avaliação com os descritores
NTE
 
Prova 7 ano carla 3 bimestre
Prova 7 ano carla 3 bimestreProva 7 ano carla 3 bimestre
Prova 7 ano carla 3 bimestre
Atividades Diversas Cláudia
 
Lista de Exercícios_9ºano_2º bimestre.pdf
Lista de Exercícios_9ºano_2º bimestre.pdfLista de Exercícios_9ºano_2º bimestre.pdf
Lista de Exercícios_9ºano_2º bimestre.pdf
Gabriela Almas
 
Lista de exercícios recuperação 7 ano ciências
Lista de exercícios recuperação 7 ano ciênciasLista de exercícios recuperação 7 ano ciências
Lista de exercícios recuperação 7 ano ciências
Dalvacy Mendes
 
Caça briófitas e pteridófitas
Caça briófitas e pteridófitasCaça briófitas e pteridófitas
Caça briófitas e pteridófitas
Elenilda Ramos
 
Origem da vida
Origem da vidaOrigem da vida
Origem da vida
Andrea Barreto
 
Reforço de Ciências (Respostas)
Reforço de Ciências (Respostas)Reforço de Ciências (Respostas)
Reforço de Ciências (Respostas)
joana71
 
I.1 Os seres vivos e o ambiente
I.1 Os seres vivos e o ambienteI.1 Os seres vivos e o ambiente
I.1 Os seres vivos e o ambiente
Rebeca Vale
 
Avaliação bimestral de biologia 1º ano
Avaliação bimestral de biologia 1º anoAvaliação bimestral de biologia 1º ano
Avaliação bimestral de biologia 1º ano
Atividades Diversas Cláudia
 
Aula sobre células
Aula sobre célulasAula sobre células
Aula sobre células
cienciasdinamica
 
Plano de aula 2ª Série do Ensino Médio
Plano de aula   2ª Série do Ensino MédioPlano de aula   2ª Série do Ensino Médio
Plano de aula 2ª Série do Ensino Médio
KeSantos03
 
Atividades de física 9° A e B ano prof: Waldir Montenegro 2014
Atividades de física 9° A e B ano prof: Waldir  Montenegro 2014Atividades de física 9° A e B ano prof: Waldir  Montenegro 2014
Atividades de física 9° A e B ano prof: Waldir Montenegro 2014
Waldir Montenegro
 
I atividade de ciencias 5º ano andré
I atividade de ciencias 5º ano andréI atividade de ciencias 5º ano andré
I atividade de ciencias 5º ano andré
André Moraes
 
Reino Animal
Reino AnimalReino Animal
Exercícios de química - 9º ano
Exercícios de química - 9º anoExercícios de química - 9º ano
Exercícios de química - 9º ano
V
 
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
cristiana Leal
 
EXERCÍCIOS - REPRODUÇÃO VEGETAL
EXERCÍCIOS - REPRODUÇÃO VEGETALEXERCÍCIOS - REPRODUÇÃO VEGETAL
EXERCÍCIOS - REPRODUÇÃO VEGETAL
Alexandre Pusaudse
 
AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS - 6º OU 7º ANO - ÁGUA, LIXO, SANEAMENTO BÁSICO E POLUIÇÃO
AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS - 6º OU 7º ANO - ÁGUA, LIXO, SANEAMENTO BÁSICO E POLUIÇÃOAVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS - 6º OU 7º ANO - ÁGUA, LIXO, SANEAMENTO BÁSICO E POLUIÇÃO
AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS - 6º OU 7º ANO - ÁGUA, LIXO, SANEAMENTO BÁSICO E POLUIÇÃO
Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino
 

Mais procurados (20)

Classificação dos Seres Vivos
Classificação dos Seres VivosClassificação dos Seres Vivos
Classificação dos Seres Vivos
 
V.1 Introdução a ecologia
V.1 Introdução a ecologiaV.1 Introdução a ecologia
V.1 Introdução a ecologia
 
Atividades de ciências avaliação com os descritores
Atividades de ciências avaliação com os descritoresAtividades de ciências avaliação com os descritores
Atividades de ciências avaliação com os descritores
 
Prova 7 ano carla 3 bimestre
Prova 7 ano carla 3 bimestreProva 7 ano carla 3 bimestre
Prova 7 ano carla 3 bimestre
 
Lista de Exercícios_9ºano_2º bimestre.pdf
Lista de Exercícios_9ºano_2º bimestre.pdfLista de Exercícios_9ºano_2º bimestre.pdf
Lista de Exercícios_9ºano_2º bimestre.pdf
 
Lista de exercícios recuperação 7 ano ciências
Lista de exercícios recuperação 7 ano ciênciasLista de exercícios recuperação 7 ano ciências
Lista de exercícios recuperação 7 ano ciências
 
Caça briófitas e pteridófitas
Caça briófitas e pteridófitasCaça briófitas e pteridófitas
Caça briófitas e pteridófitas
 
Origem da vida
Origem da vidaOrigem da vida
Origem da vida
 
Reforço de Ciências (Respostas)
Reforço de Ciências (Respostas)Reforço de Ciências (Respostas)
Reforço de Ciências (Respostas)
 
I.1 Os seres vivos e o ambiente
I.1 Os seres vivos e o ambienteI.1 Os seres vivos e o ambiente
I.1 Os seres vivos e o ambiente
 
Avaliação bimestral de biologia 1º ano
Avaliação bimestral de biologia 1º anoAvaliação bimestral de biologia 1º ano
Avaliação bimestral de biologia 1º ano
 
Aula sobre células
Aula sobre célulasAula sobre células
Aula sobre células
 
Plano de aula 2ª Série do Ensino Médio
Plano de aula   2ª Série do Ensino MédioPlano de aula   2ª Série do Ensino Médio
Plano de aula 2ª Série do Ensino Médio
 
Atividades de física 9° A e B ano prof: Waldir Montenegro 2014
Atividades de física 9° A e B ano prof: Waldir  Montenegro 2014Atividades de física 9° A e B ano prof: Waldir  Montenegro 2014
Atividades de física 9° A e B ano prof: Waldir Montenegro 2014
 
I atividade de ciencias 5º ano andré
I atividade de ciencias 5º ano andréI atividade de ciencias 5º ano andré
I atividade de ciencias 5º ano andré
 
Reino Animal
Reino AnimalReino Animal
Reino Animal
 
Exercícios de química - 9º ano
Exercícios de química - 9º anoExercícios de química - 9º ano
Exercícios de química - 9º ano
 
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
 
EXERCÍCIOS - REPRODUÇÃO VEGETAL
EXERCÍCIOS - REPRODUÇÃO VEGETALEXERCÍCIOS - REPRODUÇÃO VEGETAL
EXERCÍCIOS - REPRODUÇÃO VEGETAL
 
AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS - 6º OU 7º ANO - ÁGUA, LIXO, SANEAMENTO BÁSICO E POLUIÇÃO
AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS - 6º OU 7º ANO - ÁGUA, LIXO, SANEAMENTO BÁSICO E POLUIÇÃOAVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS - 6º OU 7º ANO - ÁGUA, LIXO, SANEAMENTO BÁSICO E POLUIÇÃO
AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS - 6º OU 7º ANO - ÁGUA, LIXO, SANEAMENTO BÁSICO E POLUIÇÃO
 

Destaque

Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabaritoAval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
Ercio Novaes
 
Exercícios de Taxonomia - Aluno
Exercícios de Taxonomia - Aluno  Exercícios de Taxonomia - Aluno
Exercícios de Taxonomia - Aluno
BIOGERALDO
 
Exercícios - taxonomia
Exercícios - taxonomiaExercícios - taxonomia
Exercícios - taxonomia
Isabella Silva
 
Resumos de biologia
Resumos de biologiaResumos de biologia
Resumos de biologiaRute Gomes
 
www.CentroApoio.com - Biologia - Característica Dos Seres Vivos - Exercícios ...
www.CentroApoio.com - Biologia - Característica Dos Seres Vivos - Exercícios ...www.CentroApoio.com - Biologia - Característica Dos Seres Vivos - Exercícios ...
www.CentroApoio.com - Biologia - Característica Dos Seres Vivos - Exercícios ...
Vídeo Aulas Apoio
 
Exercicios de Revisão - Vírus e Bactérias - 2º ano
Exercicios de Revisão - Vírus e Bactérias - 2º anoExercicios de Revisão - Vírus e Bactérias - 2º ano
Exercicios de Revisão - Vírus e Bactérias - 2º ano
Rosana Gouveia
 
Corpo humano - células, partes de uma célula, sistema urinário, sistema locom...
Corpo humano - células, partes de uma célula, sistema urinário, sistema locom...Corpo humano - células, partes de uma célula, sistema urinário, sistema locom...
Corpo humano - células, partes de uma célula, sistema urinário, sistema locom...
Susana Felix
 
Nomenclatura
Nomenclatura Nomenclatura
Nomenclatura
ADÃO Graciano
 
Apostila de-biologia 9-ano_2
Apostila de-biologia 9-ano_2Apostila de-biologia 9-ano_2
Apostila de-biologia 9-ano_2
Luana Mendes
 
2º estudo de ciências - 7º ano – março
2º estudo de ciências - 7º ano – março2º estudo de ciências - 7º ano – março
2º estudo de ciências - 7º ano – março
Luiza Collet
 
Exercícios rec.com gabarito
Exercícios rec.com gabaritoExercícios rec.com gabarito
Exercícios rec.com gabarito
Alpha Colégio e Vestibulares
 
Apostila de ciencias 2 bimestre 7°
Apostila de ciencias 2 bimestre 7°Apostila de ciencias 2 bimestre 7°
Apostila de ciencias 2 bimestre 7°
danielaluanete
 
Avaliação Parcial de Ciências (Trabalho) - 8º ano
Avaliação Parcial de Ciências (Trabalho) - 8º anoAvaliação Parcial de Ciências (Trabalho) - 8º ano
Avaliação Parcial de Ciências (Trabalho) - 8º ano
ColegioEbenezer
 
Evolução - 7o ano
Evolução - 7o anoEvolução - 7o ano
Evolução - 7o ano
Andrea Barreto
 
Saber e fazer 7º ano aluno
Saber e fazer 7º ano   alunoSaber e fazer 7º ano   aluno
Saber e fazer 7º ano aluno
Caroline Barbosa
 
Avaliação de Ciência Helena Andrade
Avaliação de Ciência Helena AndradeAvaliação de Ciência Helena Andrade
Avaliação de Ciência Helena Andrade
Angela Maria
 
Teologia sistemática atividade
Teologia sistemática atividadeTeologia sistemática atividade
Teologia sistemática atividade
israelfaifa
 
Sistematica 2 ano modelo ronaldo 4 bimestre
Sistematica 2 ano modelo ronaldo 4 bimestreSistematica 2 ano modelo ronaldo 4 bimestre
Sistematica 2 ano modelo ronaldo 4 bimestre
Ronaldo Santana
 
Lista de exercicios
Lista de exerciciosLista de exercicios
Lista de exercicios
Elielso Dias
 
Exercicios sobre virus
Exercicios sobre virusExercicios sobre virus
Exercicios sobre virus
Gleydson Ferreira
 

Destaque (20)

Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabaritoAval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
 
Exercícios de Taxonomia - Aluno
Exercícios de Taxonomia - Aluno  Exercícios de Taxonomia - Aluno
Exercícios de Taxonomia - Aluno
 
Exercícios - taxonomia
Exercícios - taxonomiaExercícios - taxonomia
Exercícios - taxonomia
 
Resumos de biologia
Resumos de biologiaResumos de biologia
Resumos de biologia
 
www.CentroApoio.com - Biologia - Característica Dos Seres Vivos - Exercícios ...
www.CentroApoio.com - Biologia - Característica Dos Seres Vivos - Exercícios ...www.CentroApoio.com - Biologia - Característica Dos Seres Vivos - Exercícios ...
www.CentroApoio.com - Biologia - Característica Dos Seres Vivos - Exercícios ...
 
Exercicios de Revisão - Vírus e Bactérias - 2º ano
Exercicios de Revisão - Vírus e Bactérias - 2º anoExercicios de Revisão - Vírus e Bactérias - 2º ano
Exercicios de Revisão - Vírus e Bactérias - 2º ano
 
Corpo humano - células, partes de uma célula, sistema urinário, sistema locom...
Corpo humano - células, partes de uma célula, sistema urinário, sistema locom...Corpo humano - células, partes de uma célula, sistema urinário, sistema locom...
Corpo humano - células, partes de uma célula, sistema urinário, sistema locom...
 
Nomenclatura
Nomenclatura Nomenclatura
Nomenclatura
 
Apostila de-biologia 9-ano_2
Apostila de-biologia 9-ano_2Apostila de-biologia 9-ano_2
Apostila de-biologia 9-ano_2
 
2º estudo de ciências - 7º ano – março
2º estudo de ciências - 7º ano – março2º estudo de ciências - 7º ano – março
2º estudo de ciências - 7º ano – março
 
Exercícios rec.com gabarito
Exercícios rec.com gabaritoExercícios rec.com gabarito
Exercícios rec.com gabarito
 
Apostila de ciencias 2 bimestre 7°
Apostila de ciencias 2 bimestre 7°Apostila de ciencias 2 bimestre 7°
Apostila de ciencias 2 bimestre 7°
 
Avaliação Parcial de Ciências (Trabalho) - 8º ano
Avaliação Parcial de Ciências (Trabalho) - 8º anoAvaliação Parcial de Ciências (Trabalho) - 8º ano
Avaliação Parcial de Ciências (Trabalho) - 8º ano
 
Evolução - 7o ano
Evolução - 7o anoEvolução - 7o ano
Evolução - 7o ano
 
Saber e fazer 7º ano aluno
Saber e fazer 7º ano   alunoSaber e fazer 7º ano   aluno
Saber e fazer 7º ano aluno
 
Avaliação de Ciência Helena Andrade
Avaliação de Ciência Helena AndradeAvaliação de Ciência Helena Andrade
Avaliação de Ciência Helena Andrade
 
Teologia sistemática atividade
Teologia sistemática atividadeTeologia sistemática atividade
Teologia sistemática atividade
 
Sistematica 2 ano modelo ronaldo 4 bimestre
Sistematica 2 ano modelo ronaldo 4 bimestreSistematica 2 ano modelo ronaldo 4 bimestre
Sistematica 2 ano modelo ronaldo 4 bimestre
 
Lista de exercicios
Lista de exerciciosLista de exercicios
Lista de exercicios
 
Exercicios sobre virus
Exercicios sobre virusExercicios sobre virus
Exercicios sobre virus
 

Semelhante a Exercícios taxonomia

Questionariotaxonomia e sistemática
Questionariotaxonomia e sistemáticaQuestionariotaxonomia e sistemática
Questionariotaxonomia e sistemática
escola Argentina Pereira Feitosa
 
Taxinomia
TaxinomiaTaxinomia
Taxinomia
Marta Alves
 
Classificação biológica
Classificação biológicaClassificação biológica
Classificação biológica
Werner Mendoza Blanco
 
Classificação dos Seres Vivos.pptx
Classificação dos Seres Vivos.pptxClassificação dos Seres Vivos.pptx
Classificação dos Seres Vivos.pptx
ssuser9b79661
 
classificação dos seres vivos - sistemática.ppt
classificação dos seres vivos - sistemática.pptclassificação dos seres vivos - sistemática.ppt
classificação dos seres vivos - sistemática.ppt
YuriMiloradKocman1
 
Biologia modulo iii
Biologia modulo iiiBiologia modulo iii
Biologia modulo iii
Rita de Cássia Freitas
 
Taxonomia
TaxonomiaTaxonomia
Taxonomia
URCA
 
1° bimestre classificação dos seres vivos
1° bimestre   classificação dos seres vivos1° bimestre   classificação dos seres vivos
1° bimestre classificação dos seres vivos
santhdalcin
 
classificação dos seres vivos e caracteristicas
classificação dos seres vivos e caracteristicasclassificação dos seres vivos e caracteristicas
classificação dos seres vivos e caracteristicas
CelianeOliveira8
 
classificação dos seres vivos e caracteristicas
classificação dos seres vivos e caracteristicasclassificação dos seres vivos e caracteristicas
classificação dos seres vivos e caracteristicas
CelianeOliveira8
 
Apostila biologia-2012-cpc-ufjf.328.4501
Apostila biologia-2012-cpc-ufjf.328.4501Apostila biologia-2012-cpc-ufjf.328.4501
Apostila biologia-2012-cpc-ufjf.328.4501
Reginaldo Araujo
 
Apostila de Biologia - Sistemática, Taxonomia e Zoologia para o ENEM e Vestib...
Apostila de Biologia - Sistemática, Taxonomia e Zoologia para o ENEM e Vestib...Apostila de Biologia - Sistemática, Taxonomia e Zoologia para o ENEM e Vestib...
Apostila de Biologia - Sistemática, Taxonomia e Zoologia para o ENEM e Vestib...
Jose Carlos Machado Cunha
 
Slide ClassificaçãoBiológica
Slide ClassificaçãoBiológicaSlide ClassificaçãoBiológica
Slide ClassificaçãoBiológica
trabalhosconta
 
Telecurso 2000 aula 50 a evolução das espécies
Telecurso 2000 aula 50   a evolução das espéciesTelecurso 2000 aula 50   a evolução das espécies
Telecurso 2000 aula 50 a evolução das espécies
netoalvirubro
 
Biologia 11 sistemas de classificação (u8)
Biologia 11   sistemas de classificação (u8)Biologia 11   sistemas de classificação (u8)
Biologia 11 sistemas de classificação (u8)
Nuno Correia
 
Apostila i de taxonomia 2021 cetep
Apostila i  de taxonomia 2021 cetepApostila i  de taxonomia 2021 cetep
Apostila i de taxonomia 2021 cetep
MarcosAntonioSilvaNe
 
Aprimoramento 10 - Evolução
Aprimoramento 10 - EvoluçãoAprimoramento 10 - Evolução
Aprimoramento 10 - Evolução
Giovanibiologo
 
Aprimoramento 10
Aprimoramento 10Aprimoramento 10
Aprimoramento 10
Giovani Miranda
 
Questoes 7 ano darwin e lamarck
Questoes 7 ano darwin e lamarckQuestoes 7 ano darwin e lamarck
Questoes 7 ano darwin e lamarck
Ana Lucia Pazera
 
Sistemática e biodiversidade
Sistemática e biodiversidadeSistemática e biodiversidade
Sistemática e biodiversidade
Alpha Colégio e Vestibulares
 

Semelhante a Exercícios taxonomia (20)

Questionariotaxonomia e sistemática
Questionariotaxonomia e sistemáticaQuestionariotaxonomia e sistemática
Questionariotaxonomia e sistemática
 
Taxinomia
TaxinomiaTaxinomia
Taxinomia
 
Classificação biológica
Classificação biológicaClassificação biológica
Classificação biológica
 
Classificação dos Seres Vivos.pptx
Classificação dos Seres Vivos.pptxClassificação dos Seres Vivos.pptx
Classificação dos Seres Vivos.pptx
 
classificação dos seres vivos - sistemática.ppt
classificação dos seres vivos - sistemática.pptclassificação dos seres vivos - sistemática.ppt
classificação dos seres vivos - sistemática.ppt
 
Biologia modulo iii
Biologia modulo iiiBiologia modulo iii
Biologia modulo iii
 
Taxonomia
TaxonomiaTaxonomia
Taxonomia
 
1° bimestre classificação dos seres vivos
1° bimestre   classificação dos seres vivos1° bimestre   classificação dos seres vivos
1° bimestre classificação dos seres vivos
 
classificação dos seres vivos e caracteristicas
classificação dos seres vivos e caracteristicasclassificação dos seres vivos e caracteristicas
classificação dos seres vivos e caracteristicas
 
classificação dos seres vivos e caracteristicas
classificação dos seres vivos e caracteristicasclassificação dos seres vivos e caracteristicas
classificação dos seres vivos e caracteristicas
 
Apostila biologia-2012-cpc-ufjf.328.4501
Apostila biologia-2012-cpc-ufjf.328.4501Apostila biologia-2012-cpc-ufjf.328.4501
Apostila biologia-2012-cpc-ufjf.328.4501
 
Apostila de Biologia - Sistemática, Taxonomia e Zoologia para o ENEM e Vestib...
Apostila de Biologia - Sistemática, Taxonomia e Zoologia para o ENEM e Vestib...Apostila de Biologia - Sistemática, Taxonomia e Zoologia para o ENEM e Vestib...
Apostila de Biologia - Sistemática, Taxonomia e Zoologia para o ENEM e Vestib...
 
Slide ClassificaçãoBiológica
Slide ClassificaçãoBiológicaSlide ClassificaçãoBiológica
Slide ClassificaçãoBiológica
 
Telecurso 2000 aula 50 a evolução das espécies
Telecurso 2000 aula 50   a evolução das espéciesTelecurso 2000 aula 50   a evolução das espécies
Telecurso 2000 aula 50 a evolução das espécies
 
Biologia 11 sistemas de classificação (u8)
Biologia 11   sistemas de classificação (u8)Biologia 11   sistemas de classificação (u8)
Biologia 11 sistemas de classificação (u8)
 
Apostila i de taxonomia 2021 cetep
Apostila i  de taxonomia 2021 cetepApostila i  de taxonomia 2021 cetep
Apostila i de taxonomia 2021 cetep
 
Aprimoramento 10 - Evolução
Aprimoramento 10 - EvoluçãoAprimoramento 10 - Evolução
Aprimoramento 10 - Evolução
 
Aprimoramento 10
Aprimoramento 10Aprimoramento 10
Aprimoramento 10
 
Questoes 7 ano darwin e lamarck
Questoes 7 ano darwin e lamarckQuestoes 7 ano darwin e lamarck
Questoes 7 ano darwin e lamarck
 
Sistemática e biodiversidade
Sistemática e biodiversidadeSistemática e biodiversidade
Sistemática e biodiversidade
 

Mais de Sheila Vieira

Prova discursiva e objetiva
Prova discursiva e objetivaProva discursiva e objetiva
Prova discursiva e objetiva
Sheila Vieira
 
Apol história
Apol históriaApol história
Apol história
Sheila Vieira
 
Prova discursiva e objetiva sem resposta
Prova discursiva e objetiva sem respostaProva discursiva e objetiva sem resposta
Prova discursiva e objetiva sem resposta
Sheila Vieira
 
Metodologia da Alfabetização
Metodologia da AlfabetizaçãoMetodologia da Alfabetização
Metodologia da Alfabetização
Sheila Vieira
 
Apostila dos cordados
Apostila dos cordadosApostila dos cordados
Apostila dos cordados
Sheila Vieira
 
Comentadas biologia blog ENEM 1998
Comentadas biologia blog  ENEM 1998Comentadas biologia blog  ENEM 1998
Comentadas biologia blog ENEM 1998
Sheila Vieira
 
Exercícios vírus e bactérias
Exercícios vírus e bactériasExercícios vírus e bactérias
Exercícios vírus e bactérias
Sheila Vieira
 
Exercicios citologia blog
Exercicios citologia blogExercicios citologia blog
Exercicios citologia blog
Sheila Vieira
 

Mais de Sheila Vieira (8)

Prova discursiva e objetiva
Prova discursiva e objetivaProva discursiva e objetiva
Prova discursiva e objetiva
 
Apol história
Apol históriaApol história
Apol história
 
Prova discursiva e objetiva sem resposta
Prova discursiva e objetiva sem respostaProva discursiva e objetiva sem resposta
Prova discursiva e objetiva sem resposta
 
Metodologia da Alfabetização
Metodologia da AlfabetizaçãoMetodologia da Alfabetização
Metodologia da Alfabetização
 
Apostila dos cordados
Apostila dos cordadosApostila dos cordados
Apostila dos cordados
 
Comentadas biologia blog ENEM 1998
Comentadas biologia blog  ENEM 1998Comentadas biologia blog  ENEM 1998
Comentadas biologia blog ENEM 1998
 
Exercícios vírus e bactérias
Exercícios vírus e bactériasExercícios vírus e bactérias
Exercícios vírus e bactérias
 
Exercicios citologia blog
Exercicios citologia blogExercicios citologia blog
Exercicios citologia blog
 

Exercícios taxonomia

  • 1. ESCOLA ESTADUAL “JOÃO XXIII” A Escola que a gente quer é a Escola que a gente faz! NATUREZA DA ATIVIDADE: Exercícios Extras ___/___/2013 DISCIPLINA: BIOLOGIA ASSUNTO: Taxonomia e Sistemática Filogenética TURMA:______ PROFESSOR(A): Prof. Altino, Everton e Sheila Educando para a Modernidade desde 1967 ALUNO (A): __________________________________________________________ Nº: ______ Questão 01 – UFSCAR Alguns livros do ensino médio definem uma espécie biológica como um grupo de populações naturais cujos membros podem cruzar naturalmente uns com os outros e produzir descendentes férteis, mas não podem cruzar com membros de outros grupos semelhantes. Considere as seguintes espécies:  Siphonops paulensis: cobra-cega, anfíbio que vive em galerias cavadas na terra;  Mycobacterium tuberculosis: bacilo de Koch, causador da tuberculose;  Schistosoma mansoni: verme causador da esquistossomose, ou barriga d'água;  Canoparmelia texana: líquen comumente encontrado sobre o tronco de algumas árvores em zonas urbanas. a) Dentre as espécies listadas, em duas delas teríamos dificuldades em aplicar a definição de espécie. QUAIS são elas? b) Para cada uma das espécies que você indicou, APRESENTE as razões que dificultam a aplicação da definição biológica de espécie. Questão 02 – UFSCAR A relação dos cães com a humanidade teve início há milhares de anos. Considera-se que os cães são possivelmente versões modificadas do lobo cinzento. Há cerca de 12.000 anos, os lobos passaram a utilizar os restos da alimentação humana, ao invés de caçar seu próprio alimento. Gradualmente, passaram a viver junto com os humanos. Ao longo do tempo, mudanças genéticas acompanharam a domesticação do lobo. Hoje, existem diversas raças de cães que podem, potencialmente, intercruzar e produzir descendentes férteis. São, então, pertencentes à mesma espécie biológica, Canis familiaris. a) Com base no texto, CARACTERIZE o conceito biológico de espécie. b) O lobo cinzento é um organismo com reprodução sexuada. DE QUE modo esse tipo de reprodução contribuiu para as mudanças genéticas que acompanharam a sua domesticação? Questão 03 – UNESP Um estudante de biologia anotou em uma tabela algumas características de quatro espécies vegetais: Espécie Característica 1 2 3 4 Possui vasos condutores de seiva? sim não sim sim Embrião fica retido no gametângio? sim sim sim sim Forma flores e frutos? não não sim não Forma sementes? sim não sim não
  • 2. A partir desses dados, PODE-SE dizer que na árvore filogenética que reconstitui a história evolutiva dessas espécies, a.( ) as espécies 1 e 2 compartilham entre si um maior número de ancestrais comuns que aqueles compartilhados pelas espécies 1 e 3. b.( ) a espécie 4 tem uma origem evolutiva mais recente que a espécie 3. c.( ) a espécie 1 é mais aparentada à espécie 2 que à espécie 3. d.( ) as espécies 1, 2 e 3 formam um grupo natural, ou monofilético. e.( ) as espécies 2, 3 e 4 formam um grupo artificial, ou parafilético. Questão 04 – FGV O sistema de classificação taxionômica ainda hoje utilizado foi elaborado por Carl von Linné 101 anos antes de Charles Darwin publicar A Origem das Espécies. Para Lineu, a invariabilidade das espécies é a condição da ordem na natureza. Para Darwin, nossas classificações deveriam se tornar, até onde for possível adequá-las, genealogias. Já no início do atual século, o pesquisador norte-americano Kevin de Queiroz propôs que adotássemos um novo código de classificação, no qual se perderiam as categorias taxionômicas mais amplas do sistema lineano (praticamente do gênero para cima) e que fosse norteado pelas relações de proximidade evolutiva entre os seres vivos. A partir do texto, PODE-SE dizer que: a.( ) o sistema lineano de classificação não permite visualizar as relações de ancestralidade e descendência entre os seres vivos. b.( ) mesmo após a publicação do livro de Darwin, o sistema lineano foi mantido por esclarecer acerca das relações evolutivas entre as espécies. c.( ) para Darwin, a classificação taxionômica deveria ser readequada para que refletisse o grau de semelhança morfológica entre as espécies. d.( ) para o pesquisador Kevin de Queiroz, as espécies não têm importância quando da construção de um sistema de classificação taxionômica. e.( ) Lineu antecipou, em 101 anos, os conceitos evolutivos posteriormente postulados por Darwin, conceitos estes atualmente questionados por Kevin de Queiroz. Questão 05 – UFPEL Carl von Linné (1707-1778), denominado Lineu, em Português, através de sua obra "Systema Naturae", propôs uma forma de denominar os seres vivos por intermédio do que chamou de "unidade básica de classificação" ou ESPÉCIE. Como exemplo, a ave conhecida popularmente como quero-quero é classificada, segundo o modelo de Lineu, como 'Vanellus chilensis'. De acordo com esses conceitos, ANALISE as afirmativas a seguir. I. O nome específico de um organismo é sempre composto de duas palavras: a primeira designa o gênero e a segunda, a espécie. II. O nome específico do quero-quero é 'chilensis' e o nome genérico é 'Vanellus'. III. O nome específico do quero-quero é binominal, e 'Vanellus' é seu epíteto específico. IV. O nome específico do quero-quero é binominal, e Chilensis, assim escrito, é seu epíteto específico. V. A espécie 'Vanellus chilensis' inclui o gênero seguido de seu epíteto específico: 'chilensis'.
  • 3. Estão CORRETAS apenas as afirmativas a.( ) II e III. b.( ) IV e V. c.( ) II e IV. d.( ) I e III. e.( ) II e V. Questão 06 – UFRS Considere os quatro táxons a seguir relacionados. 1. 'Bufo dorbignyi' 2. 'Lystrophis dorbignyi' 3. 'Didelphis albiventris' 4. 'Didelphis marsupialis' Em relação a eles, é CORRETO afirmar que a.( ) todos pertencem à mesma espécie. b.( ) há, entre os quatro táxons, apenas duas espécies diferentes. c.( ) os táxons 1 e 2 são de gêneros diferentes, mas da mesma espécie. d.( ) os táxons 3 e 4 são de espécies diferentes, mas do mesmo gênero. e.( ) os táxons 1 e 2 são da mesma subespécie. Questão 07 – UEPG A árvore filogenética a seguir, que é baseada em dados moleculares, reúne num mesmo grupo os grandes felinos. O nó 2 reúne as espécies que rugem; o nó 3, as que não têm essa capacidade. Com relação a essa árvore filogenética, é CORRETO afirmar que : a.( ) a Panthera Leo é mais aparentada com a pantera-nebulosa do que com o tigre. b.( ) os felinos rugidores surgiram depois dos não-rugidores. c.( ) as panteras-nebulosas representam o gênero Panthera, que não tem a capacidade de rugir. d.( ) cada nó representa um evento de especiação por anagênese. e.( ) o leão e o leopardo compartilham mais características entre si do que a onça e o leopardo.
  • 4. Questão 08 – UFRGS Em 1735, o botânico sueco Lineu publicou o trabalho Systema naturae, no qual propôs a classificação dos seres vivos em grupos, hoje chamados táxons, que constituem uma hierarquia. As categorias taxonômicas por ele propostas ainda são mantidas até os dias atuais, com algumas poucas modificações. Sobre seu trabalho e a taxonomia atual assinale o que for CORRETO. 01) A sequência correta para as categorias taxonômicas atualmente é: reino – classe – filo – ordem – gênero – família – espécie. 02) O critério básico da classificação de Lineu, quando ainda não havia surgido a teoria da evolução biológica, era a semelhança anatômica entre os organismos, pois as espécies eram consideradas tipos padrões e imutáveis, conceito este chamado de fixismo. 04) Em vez de serem "tipo" imutáveis, caracterizados apenas pela anatomia, as espécies são hoje classificadas segundo critérios fisiológicos, embriológicos, bioquímicos, genéticos e ecológicos, que podem revelar mais corretamente seus parentescos naturais e evolutivos. 08) Atualmente foram acrescentados mais dois táxons às categorias taxonômicas propostas por Lineu: o filo e a família. 16) Nesse sistema de classificação havia dois grandes grupos: reino vegetal e reino animal. Dentro de cada reino eram reunidas várias classes; numa classe, várias ordens; numa ordem, vários gêneros e num gênero, várias espécies. Questão 09 – UFRS Os cinco cladogramas das alternativas ilustram relações filogenéticas entre os táxons hipotéticos 1, 2, 3, 4 e 5. Quatro desses cladogramas apresentam uma mesma hipótese filogenética. ASSINALE a alternativa que contém o cladograma que apresenta hipótese filogenética diferente das demais. Questão 10 – UFRRJ A seguir estão representadas três sequências de aminoácidos de proteínas retiradas de diferentes espécies (A, B e C). espécie A: MET - ARG - LEU - LEU - VAL - GLU - HIS - ARG - ALA - ARG - LEU - PHE - PRO - LEU espécie B: MET - ARG - LEU - ARG - VAL - GLU - HIS - ALA - ARG - ARG - ALA - PHE - PRO - LEU espécie C: MET - ARG - LEU - ARG - VAL - GLU - HIS - ALA - ALA - ARG - ALA- PHE - PRO - LEU Admitindo-se um ancestral comum para as três espécies, a árvore filogenética que MELHOR EXPRESSA o parentesco evolutivo entre as três é:
  • 5. Questão 11 – UNICAMP De acordo com o sistema binomial de nomenclatura estabelecido por Linnaeus, o nome científico 'Felis catus' aplica-se a todos os gatos domésticos como angorás, siameses, persas, abissínios e malhados. O gato selvagem ('Felis silvestris'), o lince ('Felis lynx') e o puma ou suçuarana ('Felis concolor') são espécies relacionadas ao gato. a) A QUE gênero pertencem todos os animais mencionados? b) POR QUE todos os gatos domésticos são designados por um mesmo nome científico? c) QUAL dos nomes a seguir designa corretamente a família a que pertencem esses animais. Felinaceae, Felidae, Felini, Felinus ou Felidaceae? JUSTIFIQUE. Questão 12 – UNESP Alunos de uma escola, em visita ao zoológico, deveriam escolher uma das espécies em exposição e pesquisar sobre seus hábitos, alimentação, distribuição, etc. No setor dos macacos, um dos alunos ficou impressionado com a beleza e agilidade dos macacos-pregos. No recinto desses animais havia uma placa com a identificação: Nome vulgar: Macaco-prego (em inglês Ring-tail Monkeys ou Weeping capuchins). Ordem Primates. Família Cebidae. Espécie 'Cebus apella'. Esta foi a espécie escolhida por esse aluno. Chegando em casa, procurou informações sobre a espécie em um site de busca e pesquisa na internet. O aluno deveria digitar até duas palavras-chaves e iniciar a busca. a) QUE palavras o aluno deve digitar para obter informações apenas sobre a espécie escolhida? b) JUSTIFIQUE sua sugestão. Questão 13 – UNESP Divulgou-se recentemente (Revista Pesquisa FAPESP n0. 100, junho de 2004) a identificação de uma nova classe dos Cnidaria, chamada de Staurozoa. A característica marcante das medusas adultas de uma das duas ordens desta nova classe é que elas vivem agarradas a rochas ou algas através de uma estrutura chamada pedúnculo. Antes da proposição de um sistema de classificação biológica por Lineu em 1758, alguns naturalistas consideravam os cnidários como plantas. A natureza animal destes organismos somente foi reconhecida no século XIX, quando alguns naturalistas os classificaram juntamente com as esponjas. a) Esta mudança proposta recentemente de uma nova classe para os cnidários altera ou fere de alguma forma os critérios gerais de classificação biológica propostos por Lineu em 1758? JUSTIFIQUE sua resposta. b) Considerando que a classificação biológica tem levado em conta as características dos organismos, POR QUE foi sugerida uma nova classe e não um novo filo de animais, no presente caso?
  • 6. Questão 14 – UFRJ Um táxon é classificado como parafilético quando inclui alguns, mas não todos, descendentes de um ancestral comum. Um táxon polifilético contém membros com mais de um ancestral, e um táxon monofilético inclui todos os descendentes de um único ancestral comum. Observe o diagrama a seguir: No diagrama, o conjunto DEF é exemplo de uma dessas três classificações; BCD, de outra; e AB representa um exemplo de um terceiro tipo. IDENTIFIQUE-AS. Questão 15 – UERJ Técnicas de hibridização ou de determinação da sequência de bases do DNA permitem estimar o grau de parentesco entre espécies de seres vivos. O resumo da árvore evolutiva, esquematizado a seguir, apresenta resultados de pesquisas realizadas com primatas utilizando essas técnicas: Dentre os primatas citados, relacione, na ordem crescente de semelhança ao genótipo do chipanzé, os que tiveram um ancestral que viveu há cerca de 10 milhões de anos. INDIQUE, ainda, o percentual de semelhança.