SlideShare uma empresa Scribd logo
QUESTÕES OBJETIVAS
1. (Vunesp) Analisando os processos sexuados e ciclos de
vida das plantas, considere as informações seguintes.
I. Fase gametofítica muito desenvolvida.
II. Fase esporofítica independente da planta haplóide.
III. Fase gametofítica muito reduzida.
IV. Fase esporofítica cresce sobre a planta haplóide.
V. Sementes não abrigadas.
Pode-se afirmar corretamente que
a) I e II ocorrem nas briófitas e pteridófitas.
b) III e V ocorrem nas angiospermas, mas não nas
pteridófitas.
c) IV ocorre apenas nas briófitas.
d) I e V ocorrem nas gimnospermas.
e)II ocorre nas briófitas, mas não nas angiospermas.
2. A presença ou a ausência na estrutura da planta em uma
gramínea, um pinheiro e uma samambaia está corretamente
indicada em:
3. Entre as Briófitas, Pteridófitas, Gimnospermas e
Angiospermas, a geração dominante é, respectivamente:
a) gametofítica, esporofítica, esporofítica, esporofítica.
b) esporofítica, gametofítica, esporofítica, gametofítica.
c) gametofítica, esporofítica, gametofítica, esporofítica.
d) esporofítica, esporofítica, esporofítica, gametofítica.
e) gametofítica, gametofítica, gametofítica, esporofítica.
4. Nas Angiospermas, ocorre dupla fecundação, pois um
núcleo espermático se funde com a oosfera, formando um
zigoto 2n, e o outro núcleo espermático se funde com
a) um núcleo polar, formando o endosperma secundário 2n.
b) um núcleo polar, formando o endosperma primário 2n.
c) dois núcleos polares, formando o endosperma secundário
3n.
d) dois núcleos polares, formando o endosperma primário
2n.
e) dois núcleos polares, formando o endosperma primário
3n.
5. Um estudante recebeu nove cartões, cada um apresentando
uma característica ou o nome de uma estrutura presente em
diferentes grupos de plantas.
Sua tarefa era formar dois grupos de três cartões, de modo
que no grupo I fossem incluídos apenas cartões com
características ou estruturas encontradas em briófitas e, no
grupo II, apenas cartões com características ou estruturas
encontradas em angiospermas.
6. A figura mostra a face inferior de uma folha onde se
observam estruturas reprodutivas.
A que grupo de plantas pertence essa folha e o que é
produzido em suas estruturas reprodutivas?
a) Angiosperma; grão de pólen.
b) Briófita; esporo.
c) Briófita; grão de pólen.
d) Pteridófita; esporo.
e) Pteridófita; grão de pólen.
7. As plantas, assim como todos os demais seres vivos,
possuem ancestrais aquáticos e desta forma sua história
evolutiva encontra-se relacionada à ocupação progressiva
do ambiente terrestre. Para que isso pudesse acontecer
algumas características foram selecionadas e dentre elas
podemos destacar:
I -Sistema vascular
II -Esporófito dominante
III -Filóides
IV -Esporófito transitório
São características próprias de pteridófitas e briófitas,
respectivamente:
a) I e II; III e IV b) I e III; II e IV c) II e IV; I e III
d) III e IV; I e II e) I e II; II e IV
Lista de Exercícios 1 – Botânica
2º Ano - 2º Bimestre 207
Prof.James Martins
Bons estudos
8. Com relação ao ciclo reprodutivo das briófitas e pteridófitas,
pode-se dizer que, em ambas,
a) os esporófitos são haplóides.
b) a fase predominante é a diplóide.
c) os gametófitos são fotossintetizantes e diplóides.
d) é necessária água do meio para ocorrer a fecundação.
e) os esporos ficam agrupados em estruturas especiais na
face inferior das folhas.
9. No reino vegetal o aparecimento dos vasos lenhosos é
assinalado pela primeira vez entre
a) angiospermas.
b) musgos.
c) gimnospermas.
d) hepáticas.
e) samambaias.
QUESTÕES DISCURSIVAS
10. “Pesquisadores encontraram características surpreendentemente avançadas no fóssil de um peixe primitivo conhecido como
Gogonassus, que viveu há cerca de 380 milhões de anos no oeste da Austrália. Esse gênero faz parte de um grupo de peixes com
barbatanas lobuladas que deu origem aos vertebrados terrestres e é uma das amostras mais completas já encontradas de seres
aquáticos do período Devoniano (419 a 359 milhões de anos atrás). [...]”
Rev. Pesquisa FAPESP - edição Online, 20/10/2006
Considerando que no Devoniano surgiram os primeiros filos de plantas gimnospermas, quais dentre as seguintes estruturas
dessas plantas poderiam ter servido de alimento a esses primitivos vertebrados terrestres: caule, folha, semente, flor e fruto?
Justifique.
11. Na conquista do meio terrestre pelos vegetais, as adaptações referentes à reprodução foram fundamentais. No contexto da
propagação dos gametas, indique se são as Gimnospernas ou Pteridófitas as que apresentam menor dependência da água.
Justifique sua resposta.
12. Muitas das características que surgiram ao longo da história evolutiva das plantas permitiram a conquista do ambiente terrestre.
Considere os musgos e as samambaias e cite uma característica compartilhada por esses dois grupos que torna essas plantas
dependentes da água para fertilização. Compare os dois grupos com relação à presença de um sistema vascular para transporte
de água e nutrientes.
13. O esquema abaixo é de uma flor.
a) Indique o nome de cada uma das estruturas indicadas na figura ao lado.
b) Qual o sexo dessa flor? Justifique com base na figura.
GABARITO
1.C 2.E 3.A 4.C 5.E 6.D 7.A 8.D 9.E
10. Para a alimentação desses vertebrados primitivos poderá ser usado somente caule, folha e semente. O texto indica
que no devoniano haviam surgido as gimnospermas, ou seja, ainda não havia as angiospermas. Portanto, flor e fruto não
poderiam ser usados na alimentação, pois são características exclusivas de angiospermas que não haviam surgido
nesse momento.
11. As gimnospermas possuem menos dependência da água para propagar seus gametas. Nesse grupo os gametas
masculinos (células espermáticas) são levados até o gameta feminino (oosfera) através do tubo polínico, não
necessitando de água. Já nas pteridófitas os gametas masculinos flagelados (anterozoides) chegam no gameta feminino
(oosfera) através da água.
12. A dependência da água para fecundação nesses grupos é indicada pela presença de um gameta masculino flagelado
e natante (anterozoides). Os musgos (briófitas) não possuem vasos condutores de seiva. Já as samambaias (pteridófitas)
possuem um sistema vascular constituído de dois vasos, o xilema e floema.
13. a) I-Receptáculo floral; II- Pedúnculo floral; III- sépalas; IV- Pétalas; V- Estame ou androceu e VI- Gineceu ou pistilo ou
carpelo.
Obs: nesse esquema as partes do androceu e gineceu não foram identificadas, mas em alguns desenhos haverá tal
separação.
b) A flor é bissexual ou monoica ou hermafrodita, pois possuem tanto a estrutura feminina (gineceu VI) quanto a
masculina (Androceu V).

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Lista de exercícios de Química átomos, íons e ligações químicas
Lista de exercícios de Química átomos, íons e ligações químicasLista de exercícios de Química átomos, íons e ligações químicas
Lista de exercícios de Química átomos, íons e ligações químicas
Carlos Priante
 
Aval 7 ano(invertebrados)
Aval 7 ano(invertebrados)Aval 7 ano(invertebrados)
Aval 7 ano(invertebrados)
Ercio Novaes
 
Exercícios de química - 9º ano
Exercícios de química - 9º anoExercícios de química - 9º ano
Exercícios de química - 9º ano
V
 
Atividade 1º ano do ensino médio átomo
Atividade 1º ano do ensino médio átomoAtividade 1º ano do ensino médio átomo
Atividade 1º ano do ensino médio átomo
Escola Pública/Particular
 
Atividades de física 9° A e B ano prof: Waldir Montenegro 2014
Atividades de física 9° A e B ano prof: Waldir  Montenegro 2014Atividades de física 9° A e B ano prof: Waldir  Montenegro 2014
Atividades de física 9° A e B ano prof: Waldir Montenegro 2014
Waldir Montenegro
 
Exercicios cadeia-alimentar-2
Exercicios cadeia-alimentar-2Exercicios cadeia-alimentar-2
Exercicios cadeia-alimentar-2
Atividades Diversas Cláudia
 
Quimica: Exercicios de MOL
Quimica: Exercicios de MOLQuimica: Exercicios de MOL
Quimica: Exercicios de MOL
Estude Mais
 
Exercícios átomos
Exercícios átomosExercícios átomos
Exercícios átomos
Regina de Castro
 
Atividade 1º ano do ensino médio átomos neutros e íons
Atividade 1º ano do ensino médio átomos neutros e íonsAtividade 1º ano do ensino médio átomos neutros e íons
Atividade 1º ano do ensino médio átomos neutros e íons
Escola Pública/Particular
 
Aval 6 ano(cadeia_alim)
Aval 6 ano(cadeia_alim)Aval 6 ano(cadeia_alim)
Aval 6 ano(cadeia_alim)
Ercio Novaes
 
Atividade de ciências 6º e 7º ano ii bimestre
Atividade de ciências 6º  e  7º  ano  ii bimestreAtividade de ciências 6º  e  7º  ano  ii bimestre
Atividade de ciências 6º e 7º ano ii bimestre
Mary Alvarenga
 
Exercícios sobre células
Exercícios sobre célulasExercícios sobre células
Exercícios sobre células
MINEDU
 
Exercícios de Célula
Exercícios de CélulaExercícios de Célula
Exercícios de Célula
Andrea Barreto
 
Simulado 9° ano universo e s. solar
Simulado 9° ano   universo e s. solarSimulado 9° ano   universo e s. solar
Simulado 9° ano universo e s. solar
jaira saraiva
 
7º ano. atividade micróbios.2012
7º ano. atividade micróbios.20127º ano. atividade micróbios.2012
7º ano. atividade micróbios.2012
leilafermino
 
Atividades sobre cadeia alimentar
Atividades sobre cadeia alimentar Atividades sobre cadeia alimentar
Atividades sobre cadeia alimentar
Delziene Jesus
 
96997139 prova-6-ano-a-origem-e-a-composicao-do-solo
96997139 prova-6-ano-a-origem-e-a-composicao-do-solo96997139 prova-6-ano-a-origem-e-a-composicao-do-solo
96997139 prova-6-ano-a-origem-e-a-composicao-do-solo
cristiana Leal
 
Gabarito calor e temperatura
Gabarito   calor e temperaturaGabarito   calor e temperatura
Gabarito calor e temperatura
professoraludmila
 
Lista de exercícios I Modelos Atômicos
Lista de exercícios I Modelos AtômicosLista de exercícios I Modelos Atômicos
Lista de exercícios I Modelos Atômicos
Carlos Priante
 
7oano abc lo-19102020
7oano abc lo-191020207oano abc lo-19102020
7oano abc lo-19102020
Nivea Neves
 

Mais procurados (20)

Lista de exercícios de Química átomos, íons e ligações químicas
Lista de exercícios de Química átomos, íons e ligações químicasLista de exercícios de Química átomos, íons e ligações químicas
Lista de exercícios de Química átomos, íons e ligações químicas
 
Aval 7 ano(invertebrados)
Aval 7 ano(invertebrados)Aval 7 ano(invertebrados)
Aval 7 ano(invertebrados)
 
Exercícios de química - 9º ano
Exercícios de química - 9º anoExercícios de química - 9º ano
Exercícios de química - 9º ano
 
Atividade 1º ano do ensino médio átomo
Atividade 1º ano do ensino médio átomoAtividade 1º ano do ensino médio átomo
Atividade 1º ano do ensino médio átomo
 
Atividades de física 9° A e B ano prof: Waldir Montenegro 2014
Atividades de física 9° A e B ano prof: Waldir  Montenegro 2014Atividades de física 9° A e B ano prof: Waldir  Montenegro 2014
Atividades de física 9° A e B ano prof: Waldir Montenegro 2014
 
Exercicios cadeia-alimentar-2
Exercicios cadeia-alimentar-2Exercicios cadeia-alimentar-2
Exercicios cadeia-alimentar-2
 
Quimica: Exercicios de MOL
Quimica: Exercicios de MOLQuimica: Exercicios de MOL
Quimica: Exercicios de MOL
 
Exercícios átomos
Exercícios átomosExercícios átomos
Exercícios átomos
 
Atividade 1º ano do ensino médio átomos neutros e íons
Atividade 1º ano do ensino médio átomos neutros e íonsAtividade 1º ano do ensino médio átomos neutros e íons
Atividade 1º ano do ensino médio átomos neutros e íons
 
Aval 6 ano(cadeia_alim)
Aval 6 ano(cadeia_alim)Aval 6 ano(cadeia_alim)
Aval 6 ano(cadeia_alim)
 
Atividade de ciências 6º e 7º ano ii bimestre
Atividade de ciências 6º  e  7º  ano  ii bimestreAtividade de ciências 6º  e  7º  ano  ii bimestre
Atividade de ciências 6º e 7º ano ii bimestre
 
Exercícios sobre células
Exercícios sobre célulasExercícios sobre células
Exercícios sobre células
 
Exercícios de Célula
Exercícios de CélulaExercícios de Célula
Exercícios de Célula
 
Simulado 9° ano universo e s. solar
Simulado 9° ano   universo e s. solarSimulado 9° ano   universo e s. solar
Simulado 9° ano universo e s. solar
 
7º ano. atividade micróbios.2012
7º ano. atividade micróbios.20127º ano. atividade micróbios.2012
7º ano. atividade micróbios.2012
 
Atividades sobre cadeia alimentar
Atividades sobre cadeia alimentar Atividades sobre cadeia alimentar
Atividades sobre cadeia alimentar
 
96997139 prova-6-ano-a-origem-e-a-composicao-do-solo
96997139 prova-6-ano-a-origem-e-a-composicao-do-solo96997139 prova-6-ano-a-origem-e-a-composicao-do-solo
96997139 prova-6-ano-a-origem-e-a-composicao-do-solo
 
Gabarito calor e temperatura
Gabarito   calor e temperaturaGabarito   calor e temperatura
Gabarito calor e temperatura
 
Lista de exercícios I Modelos Atômicos
Lista de exercícios I Modelos AtômicosLista de exercícios I Modelos Atômicos
Lista de exercícios I Modelos Atômicos
 
7oano abc lo-19102020
7oano abc lo-191020207oano abc lo-19102020
7oano abc lo-19102020
 

Semelhante a Lista de exercícios 1 - BIO 2º ano 2º bim 2017

Briofitas
BriofitasBriofitas
Briofitas
URCA
 
Exercicios gimnospermas
Exercicios gimnospermasExercicios gimnospermas
Exercicios gimnospermas
Grupo UNIASSELVI
 
Exerciciosgimnosp.e.angiosfaceis
Exerciciosgimnosp.e.angiosfaceisExerciciosgimnosp.e.angiosfaceis
Exerciciosgimnosp.e.angiosfaceis
Michelle Miranda
 
Quizz da Botânica - Características Gerais das Plantas
Quizz da Botânica - Características Gerais das PlantasQuizz da Botânica - Características Gerais das Plantas
Quizz da Botânica - Características Gerais das Plantas
Colégio Estadual Padre Fernando Gomes de Melo
 
Reino vegetal aprofundamento
Reino vegetal aprofundamentoReino vegetal aprofundamento
Reino vegetal aprofundamento
letyap
 
Exercicios angiospermas
Exercicios angiospermasExercicios angiospermas
Exercicios angiospermas
Grupo UNIASSELVI
 
Exercicios biologia pteridófitas
Exercicios biologia pteridófitasExercicios biologia pteridófitas
Exercicios biologia pteridófitas
Grupo UNIASSELVI
 
Reprodução das plantas aula 4
Reprodução das plantas aula 4Reprodução das plantas aula 4
Reprodução das plantas aula 4
Professora Raquel
 
reino plantae conceito, briofitas e pteridofitas.pdf
reino plantae conceito, briofitas e pteridofitas.pdfreino plantae conceito, briofitas e pteridofitas.pdf
reino plantae conceito, briofitas e pteridofitas.pdf
antoniojosdaschagas
 
Gimnospermas
GimnospermasGimnospermas
Gimnospermas
guest78da28
 
Grandes grupos-vegetais Exercícios
Grandes grupos-vegetais ExercíciosGrandes grupos-vegetais Exercícios
Grandes grupos-vegetais Exercícios
BriefCase
 
Classificação do reino plantae
Classificação do reino plantaeClassificação do reino plantae
Classificação do reino plantae
francisco sergio costa e souza
 
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
Lista de exercícios  - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...Lista de exercícios  - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
James Martins
 
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
Elizabete Costa
 
Botânica+..
Botânica+..Botânica+..
Botânica+..
JadeNeves
 
Botanica
BotanicaBotanica
Frente 3 módulo 2 Reprodução nas briófitas e pteridófitas
Frente 3 módulo 2 Reprodução nas briófitas e pteridófitasFrente 3 módulo 2 Reprodução nas briófitas e pteridófitas
Frente 3 módulo 2 Reprodução nas briófitas e pteridófitas
Colégio Batista de Mantena
 
2° simulado 2014
2° simulado 20142° simulado 2014
2° simulado 2014
Wender Gomes
 
Botânica parte 1
Botânica parte 1Botânica parte 1
Briofitas
BriofitasBriofitas

Semelhante a Lista de exercícios 1 - BIO 2º ano 2º bim 2017 (20)

Briofitas
BriofitasBriofitas
Briofitas
 
Exercicios gimnospermas
Exercicios gimnospermasExercicios gimnospermas
Exercicios gimnospermas
 
Exerciciosgimnosp.e.angiosfaceis
Exerciciosgimnosp.e.angiosfaceisExerciciosgimnosp.e.angiosfaceis
Exerciciosgimnosp.e.angiosfaceis
 
Quizz da Botânica - Características Gerais das Plantas
Quizz da Botânica - Características Gerais das PlantasQuizz da Botânica - Características Gerais das Plantas
Quizz da Botânica - Características Gerais das Plantas
 
Reino vegetal aprofundamento
Reino vegetal aprofundamentoReino vegetal aprofundamento
Reino vegetal aprofundamento
 
Exercicios angiospermas
Exercicios angiospermasExercicios angiospermas
Exercicios angiospermas
 
Exercicios biologia pteridófitas
Exercicios biologia pteridófitasExercicios biologia pteridófitas
Exercicios biologia pteridófitas
 
Reprodução das plantas aula 4
Reprodução das plantas aula 4Reprodução das plantas aula 4
Reprodução das plantas aula 4
 
reino plantae conceito, briofitas e pteridofitas.pdf
reino plantae conceito, briofitas e pteridofitas.pdfreino plantae conceito, briofitas e pteridofitas.pdf
reino plantae conceito, briofitas e pteridofitas.pdf
 
Gimnospermas
GimnospermasGimnospermas
Gimnospermas
 
Grandes grupos-vegetais Exercícios
Grandes grupos-vegetais ExercíciosGrandes grupos-vegetais Exercícios
Grandes grupos-vegetais Exercícios
 
Classificação do reino plantae
Classificação do reino plantaeClassificação do reino plantae
Classificação do reino plantae
 
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
Lista de exercícios  - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...Lista de exercícios  - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
 
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
 
Botânica+..
Botânica+..Botânica+..
Botânica+..
 
Botanica
BotanicaBotanica
Botanica
 
Frente 3 módulo 2 Reprodução nas briófitas e pteridófitas
Frente 3 módulo 2 Reprodução nas briófitas e pteridófitasFrente 3 módulo 2 Reprodução nas briófitas e pteridófitas
Frente 3 módulo 2 Reprodução nas briófitas e pteridófitas
 
2° simulado 2014
2° simulado 20142° simulado 2014
2° simulado 2014
 
Botânica parte 1
Botânica parte 1Botânica parte 1
Botânica parte 1
 
Briofitas
BriofitasBriofitas
Briofitas
 

Último

AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AntonioVieira539017
 
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinhaatividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
Suzy De Abreu Santana
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Biblioteca UCS
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
PatriciaZanoli
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Érika Rufo
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptxSlides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
MessiasMarianoG
 

Último (20)

AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
 
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinhaatividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptxSlides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
 

Lista de exercícios 1 - BIO 2º ano 2º bim 2017

  • 1. QUESTÕES OBJETIVAS 1. (Vunesp) Analisando os processos sexuados e ciclos de vida das plantas, considere as informações seguintes. I. Fase gametofítica muito desenvolvida. II. Fase esporofítica independente da planta haplóide. III. Fase gametofítica muito reduzida. IV. Fase esporofítica cresce sobre a planta haplóide. V. Sementes não abrigadas. Pode-se afirmar corretamente que a) I e II ocorrem nas briófitas e pteridófitas. b) III e V ocorrem nas angiospermas, mas não nas pteridófitas. c) IV ocorre apenas nas briófitas. d) I e V ocorrem nas gimnospermas. e)II ocorre nas briófitas, mas não nas angiospermas. 2. A presença ou a ausência na estrutura da planta em uma gramínea, um pinheiro e uma samambaia está corretamente indicada em: 3. Entre as Briófitas, Pteridófitas, Gimnospermas e Angiospermas, a geração dominante é, respectivamente: a) gametofítica, esporofítica, esporofítica, esporofítica. b) esporofítica, gametofítica, esporofítica, gametofítica. c) gametofítica, esporofítica, gametofítica, esporofítica. d) esporofítica, esporofítica, esporofítica, gametofítica. e) gametofítica, gametofítica, gametofítica, esporofítica. 4. Nas Angiospermas, ocorre dupla fecundação, pois um núcleo espermático se funde com a oosfera, formando um zigoto 2n, e o outro núcleo espermático se funde com a) um núcleo polar, formando o endosperma secundário 2n. b) um núcleo polar, formando o endosperma primário 2n. c) dois núcleos polares, formando o endosperma secundário 3n. d) dois núcleos polares, formando o endosperma primário 2n. e) dois núcleos polares, formando o endosperma primário 3n. 5. Um estudante recebeu nove cartões, cada um apresentando uma característica ou o nome de uma estrutura presente em diferentes grupos de plantas. Sua tarefa era formar dois grupos de três cartões, de modo que no grupo I fossem incluídos apenas cartões com características ou estruturas encontradas em briófitas e, no grupo II, apenas cartões com características ou estruturas encontradas em angiospermas. 6. A figura mostra a face inferior de uma folha onde se observam estruturas reprodutivas. A que grupo de plantas pertence essa folha e o que é produzido em suas estruturas reprodutivas? a) Angiosperma; grão de pólen. b) Briófita; esporo. c) Briófita; grão de pólen. d) Pteridófita; esporo. e) Pteridófita; grão de pólen. 7. As plantas, assim como todos os demais seres vivos, possuem ancestrais aquáticos e desta forma sua história evolutiva encontra-se relacionada à ocupação progressiva do ambiente terrestre. Para que isso pudesse acontecer algumas características foram selecionadas e dentre elas podemos destacar: I -Sistema vascular II -Esporófito dominante III -Filóides IV -Esporófito transitório São características próprias de pteridófitas e briófitas, respectivamente: a) I e II; III e IV b) I e III; II e IV c) II e IV; I e III d) III e IV; I e II e) I e II; II e IV Lista de Exercícios 1 – Botânica 2º Ano - 2º Bimestre 207 Prof.James Martins Bons estudos
  • 2. 8. Com relação ao ciclo reprodutivo das briófitas e pteridófitas, pode-se dizer que, em ambas, a) os esporófitos são haplóides. b) a fase predominante é a diplóide. c) os gametófitos são fotossintetizantes e diplóides. d) é necessária água do meio para ocorrer a fecundação. e) os esporos ficam agrupados em estruturas especiais na face inferior das folhas. 9. No reino vegetal o aparecimento dos vasos lenhosos é assinalado pela primeira vez entre a) angiospermas. b) musgos. c) gimnospermas. d) hepáticas. e) samambaias. QUESTÕES DISCURSIVAS 10. “Pesquisadores encontraram características surpreendentemente avançadas no fóssil de um peixe primitivo conhecido como Gogonassus, que viveu há cerca de 380 milhões de anos no oeste da Austrália. Esse gênero faz parte de um grupo de peixes com barbatanas lobuladas que deu origem aos vertebrados terrestres e é uma das amostras mais completas já encontradas de seres aquáticos do período Devoniano (419 a 359 milhões de anos atrás). [...]” Rev. Pesquisa FAPESP - edição Online, 20/10/2006 Considerando que no Devoniano surgiram os primeiros filos de plantas gimnospermas, quais dentre as seguintes estruturas dessas plantas poderiam ter servido de alimento a esses primitivos vertebrados terrestres: caule, folha, semente, flor e fruto? Justifique. 11. Na conquista do meio terrestre pelos vegetais, as adaptações referentes à reprodução foram fundamentais. No contexto da propagação dos gametas, indique se são as Gimnospernas ou Pteridófitas as que apresentam menor dependência da água. Justifique sua resposta. 12. Muitas das características que surgiram ao longo da história evolutiva das plantas permitiram a conquista do ambiente terrestre. Considere os musgos e as samambaias e cite uma característica compartilhada por esses dois grupos que torna essas plantas dependentes da água para fertilização. Compare os dois grupos com relação à presença de um sistema vascular para transporte de água e nutrientes. 13. O esquema abaixo é de uma flor. a) Indique o nome de cada uma das estruturas indicadas na figura ao lado. b) Qual o sexo dessa flor? Justifique com base na figura. GABARITO 1.C 2.E 3.A 4.C 5.E 6.D 7.A 8.D 9.E 10. Para a alimentação desses vertebrados primitivos poderá ser usado somente caule, folha e semente. O texto indica que no devoniano haviam surgido as gimnospermas, ou seja, ainda não havia as angiospermas. Portanto, flor e fruto não poderiam ser usados na alimentação, pois são características exclusivas de angiospermas que não haviam surgido nesse momento. 11. As gimnospermas possuem menos dependência da água para propagar seus gametas. Nesse grupo os gametas masculinos (células espermáticas) são levados até o gameta feminino (oosfera) através do tubo polínico, não necessitando de água. Já nas pteridófitas os gametas masculinos flagelados (anterozoides) chegam no gameta feminino (oosfera) através da água. 12. A dependência da água para fecundação nesses grupos é indicada pela presença de um gameta masculino flagelado e natante (anterozoides). Os musgos (briófitas) não possuem vasos condutores de seiva. Já as samambaias (pteridófitas) possuem um sistema vascular constituído de dois vasos, o xilema e floema. 13. a) I-Receptáculo floral; II- Pedúnculo floral; III- sépalas; IV- Pétalas; V- Estame ou androceu e VI- Gineceu ou pistilo ou carpelo. Obs: nesse esquema as partes do androceu e gineceu não foram identificadas, mas em alguns desenhos haverá tal separação. b) A flor é bissexual ou monoica ou hermafrodita, pois possuem tanto a estrutura feminina (gineceu VI) quanto a masculina (Androceu V).