SlideShare uma empresa Scribd logo
(-) Captação Edição e Divulgação de VIDEO
Isso tem a ver com o PEA? No Projeto Especial de Ação da nossa escola estamos estudando temas relacionados com linguagem e identidade.  O vídeo é um tipo de linguagem visual, que pode ser usada para desenvolver linguagem verbal, falada e pode ser excelente pretexto para a linguagem escrita, através da criação de roteiros.
Identidade Há uma infinidade de projetos que podem ser desenvolvidos na escola usando gravação em vídeo. Aproveitando os estudos do PEA estes projetos podem e precisam refletir sobre a questão da identidade.
? Que imagem fazemos de nós mesmos? Como os alunos querem aparecer numa filmagem? Este filme deve ser uma obra de ficção, ensaiada, deve ser um gravação espontânea improvisada ou um tipo de documentário que interpreta a realidade?
Zygmunt Bauman
Citação de Bauman “ Não [há] mais grandes líderes para lhe dizer o que fazer e para aliviá-lo da responsabilidade pela conseqüência de seus atos; no mundo dos indivíduos há apenas outros indivíduos cujo exemplo seguir na condução das tarefas da própria vida, assumindo toda a responsabilidade pelas consequências de ter investido a confiança nesse e não em qualquer outro exemplo”
“  Essa obra de arte que queremos moldar a partir do estofo quebradiço da vida chama-se “identidade”. Quando falamos de identidade há, no fundo de nossas mentes, uma tênue imagem de harmonia, lógica, consistência: todas as coisas que parecem – para nosso desespero eterno – faltar tanto e tão abominavelmente ao fluxo de nossa experiência. A busca da identidade é a busca incessante de deter ou tornar mais lento o fluxo, de solidificar o fluido, de dar forma ao disforme. Lutamos para negar, ou pelo menos enconbrir, a terrível fluidez logo abaixo do fino envoltório da forma; tentamos desviar os olhos de vistas qu e eles não podem penetrar ou absorver”
citação “ Mas as identidades, que não tornam o fluxo mais lento e muito menos o detêm, são mais parecidas com crostas que vez por outra endurecem sobre a lava vulcânica e que se fundem e dissolvem novamente antes de ter tempo de esfriar e fixar-se” (p. 97) Modernidade Líquida. Zygmunt Bauman. Jorge Zahar Editor, 2001.
Existe identidade na modernidade liquída? Esta discussão não é facilmente respondida com palavras. Nesta apresentação vamos aprender como usar vídeos e, talvez, buscar respostas usando outras linguagens.
Não requer prática nem tão pouco habilidade... Mas vamos seguir algumas regras simples para alcançar a melhor qualidade possível.
1- Captação O ideal é usar a melhor câmera disponível,vamos ver alguns exemplos adiante, no entanto é possível conseguir resultados excelentes com cameras mais modestas, inclusive com celulares!
Luz, camera, ação... Dica: Filmar preferencialmente em local silencioso e bem iluminado. Se o local não for bem iluminado, utilizar uma fonte de luz auxiliar (algumas cameras já a possuem anexa, mas pode ser inclusive uma simples lanterna. Outro recurso básico é usar mesas brancas, panos, placa de isopor, folhas de papel ou cartolina brancas para reflefir a luz sobre o objeto ou pessoa filmada)
Silêncio, gravando! Dica 2: Se o local não for silêncioso e a câmera não possuir entrada para microfone, a alternativa é usar uma segunda fonte de áudio. Pode ser um simples rádio gravador, mas é mais fácil utilizar um gravador digital, que pode ser inclusive um mp3 / mp4 player, ipod, um computador com microfone usando o programa Audacity ou celular que grave nos formatos mp3 ou wav. É preciso atenção para que a gravação de áudio seja paralela ao video, sem perder nenhum trecho. Deixe o microfone direcionado e bem perto do elocutor, com afastamento mínimo de 4 dedos.
Enquadramento Levando em conta as questões anteriores sobre ambiente da filmagem (iluminação e ruídos), caso seja possível tome cuidado com o cenário. Que imagens aparecem no fundo da cena? Alguém pode aparecer para atrapalhar a cena? Para entrevistas e depoimentos, filme o mais próximo possível do elocutor, o que costuma gerar imagens e sons melhores.
Bem pertinho do elocutor  (quem fala) Thiago filmando no Global Greens 2008.
Áudio paralelo... Repare no enquadramento do entrevistado na filmadora. O áudio captado pelo rádio pode ser digitalizado usando o programa Audacity.
Não ẗrema... Não trema nem mova a câmera bruscamente.  O filmador deve buscar apoio para evitar cansar-se rapidamente. Se a filmagem for longa, tentar usar um suporte para a câmera. Um Tripé, por exemplo, pode ser comprado por menos de R$ 50 e é compatível com todos os modelos de câmeras e filmadoras.
Firmeza para filmar JHOU na Campus Party 2010, filmando cineasta
Que Camera usar? As melhores filmadoras recomendáveis para uso amador (super facilitado) são aquelas que gravam em HD (igual computador) ou memória Flash. Alguns modelos que custam menos de R$1.000 possuem lentes de ótima qualidade e zoom de até 60 vezes (use zoom para filmar paisagens, nunca para entrevistas!). Infelizmente modelos com entrada para microfone são raríssimos. A  Canon FS200 , por exemplo, só é vendida pela internet e importada por encomenda (custa $1.300 e entrega pode demorar 1 mês!)
Exemplo: Sony Dcr Sr88 Hd 120gb Zoom 60x  custa menos de $1000 na Internet e vem com bolsa e Tripé.
Se a câmera grava em fita (ou minidv) ... Uma opção é usar uma placa de captura de video USB. Com ela é possível transferir em tempo real a captação do câmera para o computador. Custa entre $30 e $100 Reais pela Internet ou na Santa Ifigênia.
Toda câmera fotográfica digital também filma! A qualidade da filmagem com câmera fotográfica é tão boa quanto a de qualquer filmadora, mas alguns modelos possuem restrição de tamanho de cada filme (dependendo da configuração. Atenção para este detalhe). Como gravam em cartão de memória a transferência da filmagem para um computador usando cabo ou para um laptop com o próprio cartão é muito simples e rápida.
Horizontal ou vertical? Filmar não é igual a tirar fotos. A máquina tem que ficar na posição horizontal para filmagens. Crisline tirando fotos
Horizontal ou vertical? No entanto, já existem modelos de filmadora full hd, qualidade máxima atual equivalente a TV Digital ou Blue Ray, que são usados na vertical (não sei bem o porquê, mas parece ser uma tendência).
Alternativa Celular Mainara com celular no evento Global Greens 2008, Memorial da América Latina. Antigamente era difícil conectar celulares ao computador, por geralmente pedirem drivers ou programas de instalação, mas modelos recentes de celulares, MP4 e MP5 só precisam de um cabo de dados.
E quem deve captar as imagens? Num contexto educativo e de Protagonismo Juvenil, todas as fotos e filmagens devem ser feitas pelos jovens, crianças, estudantes. Isto é possível mesmo na edução infantil, como mostra a Rádio Jacaré.
Vamos filmar! Com orientação mínima é possível obter resultados máximos com os jovens. Consulte no youtube:  “Ensaio Educom”  (clique)
2. Edição Há vários programas gratuitos para editar videos. O conceito básico é o mesmo usado para editar sons, fotos, apresentações de slides ou mesmo textos: cortar, mudar ordem, combinar, alterar cor, colocar sons e efeitos de transição. Exemplos: Pinnacle Studio Plus Vegas Movie Studio Ulead VideoStudio
Windows Movie Maker Por ser muito simples e por padrão estar disponível em todas as versões do windows até o Vista, vamos fazer um exemplo de edição com o Movie Maker (Fazedor de Filmes). Surge nosso primeiro problema: Sem a instalação de codecs auxiliares, o windows aceita para edição apenas os formatos (extensão de arquivo) wmv, mpg e alguns tipos de avi (apesar do mesmo nome, existem vários tipos.)
Convertendo formatos de video Se a filmagem foi captada com câmeras fotográficas ou celulares é muito provável que seja num formato não compatível (mov, mp4, avi, amv e 3gp são os mais comuns). A dica em locais onde não é possível instalar programas é usar sites ou programas executáveis (portáteis ou portable) para converter videos antes de editá-los com o Movie Maker.
Media Converter Um dos sites para converter videos online é o: http://mediaconverter.org   Aceita converter e baixar videos do youtube, cujo formato original é flv; mas também podem ser upados (carregados) arquivos do computador para conversão. Veja a imagem seguinte:
 
Programas Portable Para economizar a banda de internet necessária para upar (subir) e fazer download (baixar) de novo o video, a melhor opção é usar um software executável, que pode ser usado mesmo a partir de um pen drive / memória flash. Exemplo: Total Video Converter, disponível em sites de downloads como o Baixaki ou em: http://w13.easy-share.com/1574161.html
Usando o Total Video Converter É só clicar em “New Task” para selecionar o arquivo.
Clicar “Video File” e escolher formato WMV ou MPG
Curiosidade O Total Video Converter também pode ser usado para o processo inverso, convertendo videos para serem executados em celulares. Os alunos podem querer guardar seus videos (já editados) no celular para mostrar a colegas. Saiba mais em: http://www.mundogump.com.br/tutorial-como-converter-video-para-celular/
Usando o Movie Maker Com o video ou os videos já convertidos para um formato compatível, podemos usar o Windows Movie Maker. Vamos seguir a sequência.
O Movie Maker começa assim...
1ª opção no canto esquerdo: Capturar do dispositivo de video Capturar do dispositivo de vídeo:  captura video diretamente da webcam e grava o som diretamente do microfone. Antes de começar deve ajustar o audio do microfone e ter uma webcam instalada adequadamente, com o driver necessário. Na segunda parte você nomeia o filme e escolhe qual pasta deseja salvar (a pasta Meus Videos é padrão do WMM). Avançando você escolhe a qualidade do video, que pode ser o padrão (mais utilizado) ou então outra configuração especial clicando em "Outras Configurações". Após selecionar a opção, você já poderá começar a gravar um video diretamente de sua Webcam clicando em "Iniciar Captura", parar de gravar clicando em "Parar Captura" e gravar novamente seguindo esse processo quantas vezes quiser. Após concluir o video ele será salvo na pasta "Meus Videos".
Importar video (é para esta opção que aprendemos a converter formatos!) Importar vídeo:  aqui você seleciona do seu PC os videos que deseja trazer para a area de trabalho para serem editados. Para fazer isso, clique em "Importar vídeo" e selecione em seu PC o(s) video(s) que deseja editar e clique em "importar".
  É possível combinar imagens com as filmagens, clicando na opção  “Importar Imagens” Importar imagens:  aqui você seleciona do seu PC imagens que deseja colocar no video, muito util para adicionar fotos ou desenhos, como por exemplo o logo do Educom ou da Prefeitura.  Para traze-lo para a area de trabalho clique em "Importar imagens" e selecione em seu PC a imagem que gostaria de colocar durante, no inicio ou no final do video (podem ser utilizadas quantas imagens quiser, não há limite). Após selecionar a imagem/foto, clique em "importar".
Colocando uma trilha de áudio auxiliar Importar áudio ou música:  aqui você seleciona do seu PC as musicas que deseja colocar em seu video enquanto passam as imagens. Em muitos videos é fundamental ter uma musica de fundo. Para trazer para a area de trabalho a(s) musica(s) que deseja ser usada, clique em "Importar áudio ou música" e selecione em seu PC a musica que gostaria de deixar como som para o seu video. Após selecionar a(s) musica(s) clique em "importar".
Ou um áudio substituto... É a mesma opção que usaremos para colocar um áudio alternativo, eventualmente gravado junto com o video, para termos uma melhor qualidade de som, como sugerido no slide 5. A música ou áudio deve estar no formato wma, mp3 ou wav para ser aceito pelo Movie Maker.
Depois é só cortar... Após seguir os primeiros passos citados acima, você já fez o básico para começar a edição de seu vídeo. Já trouxe para a área de trabalho todos os componentes necessários para a edição, então agora você deve arrastar para a linha de tempo as musicas, vídeos capturados e imagens que deseja para a edição.
Assim que começar a editar o video Salve o projeto para não ter risco de perder o trabalho. Clique em Arquivo > Salvar Projeto como Um video pode ser editado em vários dias, mas é melhor que seja feito o mais rápido possível, pois caso algum arquivo seja apagado, trocado de lugar ou tenha o nome alterado o Movie Maker não irá mais reconhece-lo na linha de edição. Cuidado extra ao editar video em máquinas com menos de 1 giga de RAM! É comum que o programa trave.
Salvando Quando o vídeo estiver efetivamante terminado (ou até antes, caso queira fazer um teste de qualidade), clicar na coluna da esquerda em “Concluir Filme”. Você escolhe a qualidade do video, que pode ser o padrão ou então outra clicando em "Outras Configurações". Se a intenção é publicar no youtube um tamanho adequado é rede de 500 kb/s. Para gravar um DVD quanto maior o arquivo (em megabytes) melhor será a qualidade da imagem.
3. Divulgação Se o trabalho ficou ótimo, bom ou pelo menos interessante, é claro que precisa ser divulgado. Uma opção simples é fazer um DVD usando os vídeos já editados. Nas escolas da prefeitura uma opção já disponível para montar o DVD é o programa NERO, que é muito simples de ser usado. Para ter qualidade recomenda-se que o arquivo seja o maior possível. Mais informações: http://www.vibemidia.com/como-gravar-dvd-no-nero
Uma opção mais simples: VCD Nos laboratórios de informática, é mais fácil e rápido gravar com o NERO um VCD (video cd), usando um cd gravável comum. Ideal para videos que tenham duração inferir a 80 minutos. Exemplo: Num único cd é possível colocar vários videos de 1 a 3 minutos (uma duração fácil de ser assistida) fazendo back up de todos os trabalhos da escola. O DVD ou VCD é ideal para divulgar os videos na própria escola ou, fazendo cópias, entre os alunos.
Internet Mas a opção mais atual, interessante e com chance de preservar o produto para a posteridade é publicar na internet.  Obviamente a publicação não é o objetivo prioritário de um video e só deve ser feita mediante autorização dos envolvidos e, no caso das crianças, seus responsáveis Nossa opção mais fácil para publicar é usar o site  http://youtube.com   Para publicar no youtube é preciso montar um CANAL (quase igual a um Canal de TV! Na verdade é um arquivo podcast de video ou VIDEOCAST).
Conta Google Quem tem um orkut, blogspot ou gmail consegue montar um CANAL de publicação no Youtube em poucos minutos. Clique em  “Fazer Login”  e coloque seu e-mail e senha para acessar. Caso não possua conta gmail é preciso clicar em “Criar conta”. Após preencher um cadastro rápido aparecerá na página do  http://youtube.com  a opção “Enviar video”. Observação: O Nome do CANAL Youtube não precisa ser necessariamente igual ao login do e-mail. Exemplo: O CANAL da Rádio Graciosa se chama  “Radiograciosadeperus”, pois RadioGraciosa já tinha dono.
Acesso Restrito Mas talvez a escola prefira publicar o video na internet sem deixá-lo visível para todos os usuários da rede; podendo selecionar quem irá acessá-lo. A melhor opção gratuita, com garantia de que o arquivo não será deletado e em português  ainda é o portal  http://multiply.com Após montar sua conta neste sistema é possível publicar videos tão facilmente quanto no Youtube, mas com opções mais avançadas de controle de acesso.
Bibliografia Para montar esta apresentação consultei várias fontes. Destaco: http://www.portablebrasil.net/2007/07/total-video-converter-portable-exclusivo.html http://www.tutomania.com.br/tutorial/tutorial-avancado-de-windows-movie-maker http://nasondasdoradio.ning.com/
De novo Bauman: “ A conclusão a que cheguei, ao tentar entender a ansiedade dos contemporâneos, é a seguinte: o que faz nossos medos particularmente dolorosos, insuportáveis, é a falta de clareza sobre as suas causas. Em outras palavras, o que nos faz sofrer mais do que qualquer outra coisa, envenenando nossos prazeres cotidianos e provocando pesadelos, é a própria incerteza, tanto sobre a condição humana como sobre nossa ignorância” Zygmunt Bauman, em entrevista consultada em:  http://diacrianos.blogspot.com/2008/02/medo-e-mal-so-irmos-siameses-na.html
Zygmunt Bauman, Nascido na Polônia em 1925
Apresentação feita por: POIE Fábio Rogério Nepomuceno EMEF Fernando Gracioso DRE Pirituba – SME/São Paulo Contato:   [email_address] Blog escolar:   http://radiograciosa.multiply.com 11 de junho de 2010 – Modificado em 7 de setembro para uso na Reunião Pedagógica de 11/09.

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Seminário Dr Silene Kuin
Seminário Dr Silene KuinSeminário Dr Silene Kuin
Globalização releitura da obra de zigmunt baumam
Globalização releitura da obra de zigmunt baumamGlobalização releitura da obra de zigmunt baumam
Globalização releitura da obra de zigmunt baumam
Silvânio Barcelos
 
Zygmunt bauman-globalizacao-as-consequencias-humanas
Zygmunt bauman-globalizacao-as-consequencias-humanasZygmunt bauman-globalizacao-as-consequencias-humanas
Zygmunt bauman-globalizacao-as-consequencias-humanas
Carol Amaral
 
Design sociedade cultura01
Design sociedade cultura01Design sociedade cultura01
Design sociedade cultura01
Izabel Meister
 
214861544 zygmunt-bauman-vida-liquida
214861544 zygmunt-bauman-vida-liquida214861544 zygmunt-bauman-vida-liquida
214861544 zygmunt-bauman-vida-liquida
Alline Garcia
 
Zygmunt Bauman e os Divergentes
Zygmunt Bauman e  os DivergentesZygmunt Bauman e  os Divergentes
Zygmunt Bauman e os Divergentes
Roberta Dias da Silva
 
Bauman, zygmunt. confiança e medo na cidade
Bauman, zygmunt. confiança e medo na cidadeBauman, zygmunt. confiança e medo na cidade
Bauman, zygmunt. confiança e medo na cidade
Luciana Demarchi
 
Tcc.eca usp diegodeoliveira
Tcc.eca usp diegodeoliveiraTcc.eca usp diegodeoliveira
Tcc.eca usp diegodeoliveira
Diego de Oliveira
 
Monografia Educação e Pós-modernidade, de Alex Sandro C. Sant'Ana
Monografia Educação e Pós-modernidade, de Alex Sandro C. Sant'AnaMonografia Educação e Pós-modernidade, de Alex Sandro C. Sant'Ana
Monografia Educação e Pós-modernidade, de Alex Sandro C. Sant'Ana
Alex Sandro C. Sant'Ana
 
Um Pouco De Arte Parte III
Um Pouco De Arte Parte IIIUm Pouco De Arte Parte III
Um Pouco De Arte Parte III
renatamruiz
 
Seminario Bauman Final
Seminario Bauman FinalSeminario Bauman Final
Seminario Bauman Final
Clovis Castelo Junior , MSc
 
Identidade
IdentidadeIdentidade
Identidade
Weicker Gutierrez
 
Posse e conflito pela terra em jaurú mt
Posse e conflito pela terra em jaurú   mtPosse e conflito pela terra em jaurú   mt
Posse e conflito pela terra em jaurú mt
Silvânio Barcelos
 
Globalização releitura da obra de zigmunt bauman
Globalização releitura da obra de zigmunt baumanGlobalização releitura da obra de zigmunt bauman
Globalização releitura da obra de zigmunt bauman
Silvânio Barcelos
 
A liquidez do homem pós
A liquidez do homem pósA liquidez do homem pós
A liquidez do homem pós
Hipotese Soluções Educacionais
 
O atlântico negro, uma releitura da obra de paul gilroy
O atlântico negro, uma releitura da obra de paul gilroyO atlântico negro, uma releitura da obra de paul gilroy
O atlântico negro, uma releitura da obra de paul gilroy
Silvânio Barcelos
 
Aula 06.08 - A identidade cultural na pós-modernidade
Aula 06.08 - A identidade cultural na pós-modernidadeAula 06.08 - A identidade cultural na pós-modernidade
Aula 06.08 - A identidade cultural na pós-modernidade
IFMS - Instituto Federal de Mato Grosso do Sul
 
Apresentação CBD0282 - Moderno e pós moderno
Apresentação CBD0282 - Moderno e pós modernoApresentação CBD0282 - Moderno e pós moderno
Apresentação CBD0282 - Moderno e pós moderno
CBD0282 - Estados e Formas da Cultura na Atualidade
 
Identidade cultural
Identidade culturalIdentidade cultural
Identidade cultural
Ex Votos Do Brasil
 
Amor líquido
Amor líquidoAmor líquido
Amor líquido
Mônica Silva
 

Destaque (20)

Seminário Dr Silene Kuin
Seminário Dr Silene KuinSeminário Dr Silene Kuin
Seminário Dr Silene Kuin
 
Globalização releitura da obra de zigmunt baumam
Globalização releitura da obra de zigmunt baumamGlobalização releitura da obra de zigmunt baumam
Globalização releitura da obra de zigmunt baumam
 
Zygmunt bauman-globalizacao-as-consequencias-humanas
Zygmunt bauman-globalizacao-as-consequencias-humanasZygmunt bauman-globalizacao-as-consequencias-humanas
Zygmunt bauman-globalizacao-as-consequencias-humanas
 
Design sociedade cultura01
Design sociedade cultura01Design sociedade cultura01
Design sociedade cultura01
 
214861544 zygmunt-bauman-vida-liquida
214861544 zygmunt-bauman-vida-liquida214861544 zygmunt-bauman-vida-liquida
214861544 zygmunt-bauman-vida-liquida
 
Zygmunt Bauman e os Divergentes
Zygmunt Bauman e  os DivergentesZygmunt Bauman e  os Divergentes
Zygmunt Bauman e os Divergentes
 
Bauman, zygmunt. confiança e medo na cidade
Bauman, zygmunt. confiança e medo na cidadeBauman, zygmunt. confiança e medo na cidade
Bauman, zygmunt. confiança e medo na cidade
 
Tcc.eca usp diegodeoliveira
Tcc.eca usp diegodeoliveiraTcc.eca usp diegodeoliveira
Tcc.eca usp diegodeoliveira
 
Monografia Educação e Pós-modernidade, de Alex Sandro C. Sant'Ana
Monografia Educação e Pós-modernidade, de Alex Sandro C. Sant'AnaMonografia Educação e Pós-modernidade, de Alex Sandro C. Sant'Ana
Monografia Educação e Pós-modernidade, de Alex Sandro C. Sant'Ana
 
Um Pouco De Arte Parte III
Um Pouco De Arte Parte IIIUm Pouco De Arte Parte III
Um Pouco De Arte Parte III
 
Seminario Bauman Final
Seminario Bauman FinalSeminario Bauman Final
Seminario Bauman Final
 
Identidade
IdentidadeIdentidade
Identidade
 
Posse e conflito pela terra em jaurú mt
Posse e conflito pela terra em jaurú   mtPosse e conflito pela terra em jaurú   mt
Posse e conflito pela terra em jaurú mt
 
Globalização releitura da obra de zigmunt bauman
Globalização releitura da obra de zigmunt baumanGlobalização releitura da obra de zigmunt bauman
Globalização releitura da obra de zigmunt bauman
 
A liquidez do homem pós
A liquidez do homem pósA liquidez do homem pós
A liquidez do homem pós
 
O atlântico negro, uma releitura da obra de paul gilroy
O atlântico negro, uma releitura da obra de paul gilroyO atlântico negro, uma releitura da obra de paul gilroy
O atlântico negro, uma releitura da obra de paul gilroy
 
Aula 06.08 - A identidade cultural na pós-modernidade
Aula 06.08 - A identidade cultural na pós-modernidadeAula 06.08 - A identidade cultural na pós-modernidade
Aula 06.08 - A identidade cultural na pós-modernidade
 
Apresentação CBD0282 - Moderno e pós moderno
Apresentação CBD0282 - Moderno e pós modernoApresentação CBD0282 - Moderno e pós moderno
Apresentação CBD0282 - Moderno e pós moderno
 
Identidade cultural
Identidade culturalIdentidade cultural
Identidade cultural
 
Amor líquido
Amor líquidoAmor líquido
Amor líquido
 

Semelhante a Captacao Edicao e Divulgacao de Video 2010

Edicao de video em americana 2011
Edicao de video em americana 2011Edicao de video em americana 2011
Edicao de video em americana 2011
Fabio Rogerio Nepomuceno
 
Cartilhaaudiovisual final (1)
Cartilhaaudiovisual final (1)Cartilhaaudiovisual final (1)
Cartilhaaudiovisual final (1)
Larissa Zambelli
 
Como criar um_curta
Como criar um_curta Como criar um_curta
Como criar um_curta
Adriana Bruno
 
Como criar um_curta - ok2017-Dri
Como criar um_curta - ok2017-DriComo criar um_curta - ok2017-Dri
Como criar um_curta - ok2017-Dri
Adriana Bruno
 
Registro pedagógico
Registro pedagógico Registro pedagógico
Registro pedagógico
Marta Beznos
 
Oficina Stop Motion_Aula 01
Oficina Stop Motion_Aula 01Oficina Stop Motion_Aula 01
Oficina Stop Motion_Aula 01
NIVEA SANTOS
 
Como criar videos_arrasadores_com_smartphones_v1.2
Como criar videos_arrasadores_com_smartphones_v1.2Como criar videos_arrasadores_com_smartphones_v1.2
Como criar videos_arrasadores_com_smartphones_v1.2
Rogério Oliveira
 
Como Criar Vídeos Arrasadores com SmartPhone
Como Criar Vídeos Arrasadores com SmartPhoneComo Criar Vídeos Arrasadores com SmartPhone
Como Criar Vídeos Arrasadores com SmartPhone
Ombro de Gigantes
 
Como criar videos_arrasadores_com_smartphones_v1.2
Como criar videos_arrasadores_com_smartphones_v1.2Como criar videos_arrasadores_com_smartphones_v1.2
Como criar videos_arrasadores_com_smartphones_v1.2
Ramon Zamprogno
 
Tutorial para inserir legenda permanente em filmes 13 de julho de 2015
Tutorial para inserir legenda permanente em filmes   13 de julho de 2015Tutorial para inserir legenda permanente em filmes   13 de julho de 2015
Tutorial para inserir legenda permanente em filmes 13 de julho de 2015
Book LOver Writer
 
Projeto dvd apresentacao
Projeto dvd apresentacaoProjeto dvd apresentacao
Projeto dvd apresentacao
Geraldo Darling
 
90 Dicas de Vídeo Marketing
90 Dicas de Vídeo Marketing90 Dicas de Vídeo Marketing
90 Dicas de Vídeo Marketing
Winer Augusto da Fonseca
 
Dossier de Pré-Produção
Dossier de Pré-ProduçãoDossier de Pré-Produção
Dossier de Pré-Produção
Glowbal Information Technologies
 
Dicas, truques e instruções vídeos
Dicas, truques e instruções vídeosDicas, truques e instruções vídeos
Dicas, truques e instruções vídeos
Antonio Da Gloria
 
Manual oficina animacao
Manual oficina animacaoManual oficina animacao
Manual oficina animacao
Patricia Storch
 
Guia DVD Flick
Guia DVD FlickGuia DVD Flick
Guia DVD Flick
autonomo
 
escola.doc
escola.docescola.doc
escola.doc
Marta Beznos
 
Palestra vrlivrestudio sergio_gracas
Palestra vrlivrestudio sergio_gracasPalestra vrlivrestudio sergio_gracas
Palestra vrlivrestudio sergio_gracas
Campus Party Brasil
 
Tutorial do audacity
Tutorial do audacityTutorial do audacity
Tutorial do audacity
Ludi Um
 
Oficina De Movie Maker
Oficina De Movie MakerOficina De Movie Maker
Oficina De Movie Maker
josé pedro
 

Semelhante a Captacao Edicao e Divulgacao de Video 2010 (20)

Edicao de video em americana 2011
Edicao de video em americana 2011Edicao de video em americana 2011
Edicao de video em americana 2011
 
Cartilhaaudiovisual final (1)
Cartilhaaudiovisual final (1)Cartilhaaudiovisual final (1)
Cartilhaaudiovisual final (1)
 
Como criar um_curta
Como criar um_curta Como criar um_curta
Como criar um_curta
 
Como criar um_curta - ok2017-Dri
Como criar um_curta - ok2017-DriComo criar um_curta - ok2017-Dri
Como criar um_curta - ok2017-Dri
 
Registro pedagógico
Registro pedagógico Registro pedagógico
Registro pedagógico
 
Oficina Stop Motion_Aula 01
Oficina Stop Motion_Aula 01Oficina Stop Motion_Aula 01
Oficina Stop Motion_Aula 01
 
Como criar videos_arrasadores_com_smartphones_v1.2
Como criar videos_arrasadores_com_smartphones_v1.2Como criar videos_arrasadores_com_smartphones_v1.2
Como criar videos_arrasadores_com_smartphones_v1.2
 
Como Criar Vídeos Arrasadores com SmartPhone
Como Criar Vídeos Arrasadores com SmartPhoneComo Criar Vídeos Arrasadores com SmartPhone
Como Criar Vídeos Arrasadores com SmartPhone
 
Como criar videos_arrasadores_com_smartphones_v1.2
Como criar videos_arrasadores_com_smartphones_v1.2Como criar videos_arrasadores_com_smartphones_v1.2
Como criar videos_arrasadores_com_smartphones_v1.2
 
Tutorial para inserir legenda permanente em filmes 13 de julho de 2015
Tutorial para inserir legenda permanente em filmes   13 de julho de 2015Tutorial para inserir legenda permanente em filmes   13 de julho de 2015
Tutorial para inserir legenda permanente em filmes 13 de julho de 2015
 
Projeto dvd apresentacao
Projeto dvd apresentacaoProjeto dvd apresentacao
Projeto dvd apresentacao
 
90 Dicas de Vídeo Marketing
90 Dicas de Vídeo Marketing90 Dicas de Vídeo Marketing
90 Dicas de Vídeo Marketing
 
Dossier de Pré-Produção
Dossier de Pré-ProduçãoDossier de Pré-Produção
Dossier de Pré-Produção
 
Dicas, truques e instruções vídeos
Dicas, truques e instruções vídeosDicas, truques e instruções vídeos
Dicas, truques e instruções vídeos
 
Manual oficina animacao
Manual oficina animacaoManual oficina animacao
Manual oficina animacao
 
Guia DVD Flick
Guia DVD FlickGuia DVD Flick
Guia DVD Flick
 
escola.doc
escola.docescola.doc
escola.doc
 
Palestra vrlivrestudio sergio_gracas
Palestra vrlivrestudio sergio_gracasPalestra vrlivrestudio sergio_gracas
Palestra vrlivrestudio sergio_gracas
 
Tutorial do audacity
Tutorial do audacityTutorial do audacity
Tutorial do audacity
 
Oficina De Movie Maker
Oficina De Movie MakerOficina De Movie Maker
Oficina De Movie Maker
 

Mais de Fabio Rogerio Nepomuceno

Dia da consciencia negra reeditado em 2020
Dia da consciencia negra   reeditado em 2020Dia da consciencia negra   reeditado em 2020
Dia da consciencia negra reeditado em 2020
Fabio Rogerio Nepomuceno
 
Educomunicação e direito de produzir mídias
Educomunicação e direito de produzir mídiasEducomunicação e direito de produzir mídias
Educomunicação e direito de produzir mídias
Fabio Rogerio Nepomuceno
 
Poster Educomunicadores para Encontro Educom 2013
Poster Educomunicadores para Encontro Educom 2013Poster Educomunicadores para Encontro Educom 2013
Poster Educomunicadores para Encontro Educom 2013
Fabio Rogerio Nepomuceno
 
Relatório 123 e lácteos emef luiz david sobrinho
Relatório 123 e lácteos   emef luiz david sobrinhoRelatório 123 e lácteos   emef luiz david sobrinho
Relatório 123 e lácteos emef luiz david sobrinho
Fabio Rogerio Nepomuceno
 
Apresentação Programa de Reestruturação Mais Educação SP
Apresentação Programa de Reestruturação Mais Educação SPApresentação Programa de Reestruturação Mais Educação SP
Apresentação Programa de Reestruturação Mais Educação SP
Fabio Rogerio Nepomuceno
 
2 treinamento censo
2 treinamento censo2 treinamento censo
2 treinamento censo
Fabio Rogerio Nepomuceno
 
Apresentação workshop twitter revisto uca
Apresentação workshop twitter revisto ucaApresentação workshop twitter revisto uca
Apresentação workshop twitter revisto uca
Fabio Rogerio Nepomuceno
 
O Educomunicador depois de Kaplun
O Educomunicador depois de KaplunO Educomunicador depois de Kaplun
O Educomunicador depois de Kaplun
Fabio Rogerio Nepomuceno
 
Apresentacao educom 20 de julho de 2011
Apresentacao educom 20 de julho de 2011Apresentacao educom 20 de julho de 2011
Apresentacao educom 20 de julho de 2011
Fabio Rogerio Nepomuceno
 
Apresentacao educom 20 de julho de 2011
Apresentacao educom 20 de julho de 2011Apresentacao educom 20 de julho de 2011
Apresentacao educom 20 de julho de 2011
Fabio Rogerio Nepomuceno
 
Apresentação workshop twitter revisto
Apresentação workshop twitter revistoApresentação workshop twitter revisto
Apresentação workshop twitter revisto
Fabio Rogerio Nepomuceno
 
Sobre blog 30set2010
Sobre blog 30set2010Sobre blog 30set2010
Sobre blog 30set2010
Fabio Rogerio Nepomuceno
 
Dia da Consciencia Negra
Dia da Consciencia NegraDia da Consciencia Negra
Dia da Consciencia Negra
Fabio Rogerio Nepomuceno
 
Brasilidade e áfrica
Brasilidade e áfricaBrasilidade e áfrica
Brasilidade e áfrica
Fabio Rogerio Nepomuceno
 
Relógio Solar
Relógio SolarRelógio Solar
Relógio Solar
Fabio Rogerio Nepomuceno
 

Mais de Fabio Rogerio Nepomuceno (15)

Dia da consciencia negra reeditado em 2020
Dia da consciencia negra   reeditado em 2020Dia da consciencia negra   reeditado em 2020
Dia da consciencia negra reeditado em 2020
 
Educomunicação e direito de produzir mídias
Educomunicação e direito de produzir mídiasEducomunicação e direito de produzir mídias
Educomunicação e direito de produzir mídias
 
Poster Educomunicadores para Encontro Educom 2013
Poster Educomunicadores para Encontro Educom 2013Poster Educomunicadores para Encontro Educom 2013
Poster Educomunicadores para Encontro Educom 2013
 
Relatório 123 e lácteos emef luiz david sobrinho
Relatório 123 e lácteos   emef luiz david sobrinhoRelatório 123 e lácteos   emef luiz david sobrinho
Relatório 123 e lácteos emef luiz david sobrinho
 
Apresentação Programa de Reestruturação Mais Educação SP
Apresentação Programa de Reestruturação Mais Educação SPApresentação Programa de Reestruturação Mais Educação SP
Apresentação Programa de Reestruturação Mais Educação SP
 
2 treinamento censo
2 treinamento censo2 treinamento censo
2 treinamento censo
 
Apresentação workshop twitter revisto uca
Apresentação workshop twitter revisto ucaApresentação workshop twitter revisto uca
Apresentação workshop twitter revisto uca
 
O Educomunicador depois de Kaplun
O Educomunicador depois de KaplunO Educomunicador depois de Kaplun
O Educomunicador depois de Kaplun
 
Apresentacao educom 20 de julho de 2011
Apresentacao educom 20 de julho de 2011Apresentacao educom 20 de julho de 2011
Apresentacao educom 20 de julho de 2011
 
Apresentacao educom 20 de julho de 2011
Apresentacao educom 20 de julho de 2011Apresentacao educom 20 de julho de 2011
Apresentacao educom 20 de julho de 2011
 
Apresentação workshop twitter revisto
Apresentação workshop twitter revistoApresentação workshop twitter revisto
Apresentação workshop twitter revisto
 
Sobre blog 30set2010
Sobre blog 30set2010Sobre blog 30set2010
Sobre blog 30set2010
 
Dia da Consciencia Negra
Dia da Consciencia NegraDia da Consciencia Negra
Dia da Consciencia Negra
 
Brasilidade e áfrica
Brasilidade e áfricaBrasilidade e áfrica
Brasilidade e áfrica
 
Relógio Solar
Relógio SolarRelógio Solar
Relógio Solar
 

Último

gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
Maria das Graças Machado Rodrigues
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Bibliotecas Escolares AEIDH
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Falcão Brasil
 
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdfO Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
Falcão Brasil
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
Ceiça Martins Vital
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptxAdministração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
helenawaya9
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdfEscola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Falcão Brasil
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Bibliotecas Escolares AEIDH
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
portaladministradores
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
Falcão Brasil
 
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdfIntendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Falcão Brasil
 
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdfRelatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Falcão Brasil
 
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
Estuda.com
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 

Último (20)

gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
 
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdfO Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptxAdministração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdfEscola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
 
VIAGEM AO PASSADO -
VIAGEM AO PASSADO                        -VIAGEM AO PASSADO                        -
VIAGEM AO PASSADO -
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
 
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdfIntendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
 
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdfRelatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
 
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 

Captacao Edicao e Divulgacao de Video 2010

  • 1. (-) Captação Edição e Divulgação de VIDEO
  • 2. Isso tem a ver com o PEA? No Projeto Especial de Ação da nossa escola estamos estudando temas relacionados com linguagem e identidade. O vídeo é um tipo de linguagem visual, que pode ser usada para desenvolver linguagem verbal, falada e pode ser excelente pretexto para a linguagem escrita, através da criação de roteiros.
  • 3. Identidade Há uma infinidade de projetos que podem ser desenvolvidos na escola usando gravação em vídeo. Aproveitando os estudos do PEA estes projetos podem e precisam refletir sobre a questão da identidade.
  • 4. ? Que imagem fazemos de nós mesmos? Como os alunos querem aparecer numa filmagem? Este filme deve ser uma obra de ficção, ensaiada, deve ser um gravação espontânea improvisada ou um tipo de documentário que interpreta a realidade?
  • 6. Citação de Bauman “ Não [há] mais grandes líderes para lhe dizer o que fazer e para aliviá-lo da responsabilidade pela conseqüência de seus atos; no mundo dos indivíduos há apenas outros indivíduos cujo exemplo seguir na condução das tarefas da própria vida, assumindo toda a responsabilidade pelas consequências de ter investido a confiança nesse e não em qualquer outro exemplo”
  • 7. “ Essa obra de arte que queremos moldar a partir do estofo quebradiço da vida chama-se “identidade”. Quando falamos de identidade há, no fundo de nossas mentes, uma tênue imagem de harmonia, lógica, consistência: todas as coisas que parecem – para nosso desespero eterno – faltar tanto e tão abominavelmente ao fluxo de nossa experiência. A busca da identidade é a busca incessante de deter ou tornar mais lento o fluxo, de solidificar o fluido, de dar forma ao disforme. Lutamos para negar, ou pelo menos enconbrir, a terrível fluidez logo abaixo do fino envoltório da forma; tentamos desviar os olhos de vistas qu e eles não podem penetrar ou absorver”
  • 8. citação “ Mas as identidades, que não tornam o fluxo mais lento e muito menos o detêm, são mais parecidas com crostas que vez por outra endurecem sobre a lava vulcânica e que se fundem e dissolvem novamente antes de ter tempo de esfriar e fixar-se” (p. 97) Modernidade Líquida. Zygmunt Bauman. Jorge Zahar Editor, 2001.
  • 9. Existe identidade na modernidade liquída? Esta discussão não é facilmente respondida com palavras. Nesta apresentação vamos aprender como usar vídeos e, talvez, buscar respostas usando outras linguagens.
  • 10. Não requer prática nem tão pouco habilidade... Mas vamos seguir algumas regras simples para alcançar a melhor qualidade possível.
  • 11. 1- Captação O ideal é usar a melhor câmera disponível,vamos ver alguns exemplos adiante, no entanto é possível conseguir resultados excelentes com cameras mais modestas, inclusive com celulares!
  • 12. Luz, camera, ação... Dica: Filmar preferencialmente em local silencioso e bem iluminado. Se o local não for bem iluminado, utilizar uma fonte de luz auxiliar (algumas cameras já a possuem anexa, mas pode ser inclusive uma simples lanterna. Outro recurso básico é usar mesas brancas, panos, placa de isopor, folhas de papel ou cartolina brancas para reflefir a luz sobre o objeto ou pessoa filmada)
  • 13. Silêncio, gravando! Dica 2: Se o local não for silêncioso e a câmera não possuir entrada para microfone, a alternativa é usar uma segunda fonte de áudio. Pode ser um simples rádio gravador, mas é mais fácil utilizar um gravador digital, que pode ser inclusive um mp3 / mp4 player, ipod, um computador com microfone usando o programa Audacity ou celular que grave nos formatos mp3 ou wav. É preciso atenção para que a gravação de áudio seja paralela ao video, sem perder nenhum trecho. Deixe o microfone direcionado e bem perto do elocutor, com afastamento mínimo de 4 dedos.
  • 14. Enquadramento Levando em conta as questões anteriores sobre ambiente da filmagem (iluminação e ruídos), caso seja possível tome cuidado com o cenário. Que imagens aparecem no fundo da cena? Alguém pode aparecer para atrapalhar a cena? Para entrevistas e depoimentos, filme o mais próximo possível do elocutor, o que costuma gerar imagens e sons melhores.
  • 15. Bem pertinho do elocutor (quem fala) Thiago filmando no Global Greens 2008.
  • 16. Áudio paralelo... Repare no enquadramento do entrevistado na filmadora. O áudio captado pelo rádio pode ser digitalizado usando o programa Audacity.
  • 17. Não ẗrema... Não trema nem mova a câmera bruscamente. O filmador deve buscar apoio para evitar cansar-se rapidamente. Se a filmagem for longa, tentar usar um suporte para a câmera. Um Tripé, por exemplo, pode ser comprado por menos de R$ 50 e é compatível com todos os modelos de câmeras e filmadoras.
  • 18. Firmeza para filmar JHOU na Campus Party 2010, filmando cineasta
  • 19. Que Camera usar? As melhores filmadoras recomendáveis para uso amador (super facilitado) são aquelas que gravam em HD (igual computador) ou memória Flash. Alguns modelos que custam menos de R$1.000 possuem lentes de ótima qualidade e zoom de até 60 vezes (use zoom para filmar paisagens, nunca para entrevistas!). Infelizmente modelos com entrada para microfone são raríssimos. A Canon FS200 , por exemplo, só é vendida pela internet e importada por encomenda (custa $1.300 e entrega pode demorar 1 mês!)
  • 20. Exemplo: Sony Dcr Sr88 Hd 120gb Zoom 60x custa menos de $1000 na Internet e vem com bolsa e Tripé.
  • 21. Se a câmera grava em fita (ou minidv) ... Uma opção é usar uma placa de captura de video USB. Com ela é possível transferir em tempo real a captação do câmera para o computador. Custa entre $30 e $100 Reais pela Internet ou na Santa Ifigênia.
  • 22. Toda câmera fotográfica digital também filma! A qualidade da filmagem com câmera fotográfica é tão boa quanto a de qualquer filmadora, mas alguns modelos possuem restrição de tamanho de cada filme (dependendo da configuração. Atenção para este detalhe). Como gravam em cartão de memória a transferência da filmagem para um computador usando cabo ou para um laptop com o próprio cartão é muito simples e rápida.
  • 23. Horizontal ou vertical? Filmar não é igual a tirar fotos. A máquina tem que ficar na posição horizontal para filmagens. Crisline tirando fotos
  • 24. Horizontal ou vertical? No entanto, já existem modelos de filmadora full hd, qualidade máxima atual equivalente a TV Digital ou Blue Ray, que são usados na vertical (não sei bem o porquê, mas parece ser uma tendência).
  • 25. Alternativa Celular Mainara com celular no evento Global Greens 2008, Memorial da América Latina. Antigamente era difícil conectar celulares ao computador, por geralmente pedirem drivers ou programas de instalação, mas modelos recentes de celulares, MP4 e MP5 só precisam de um cabo de dados.
  • 26. E quem deve captar as imagens? Num contexto educativo e de Protagonismo Juvenil, todas as fotos e filmagens devem ser feitas pelos jovens, crianças, estudantes. Isto é possível mesmo na edução infantil, como mostra a Rádio Jacaré.
  • 27. Vamos filmar! Com orientação mínima é possível obter resultados máximos com os jovens. Consulte no youtube: “Ensaio Educom” (clique)
  • 28. 2. Edição Há vários programas gratuitos para editar videos. O conceito básico é o mesmo usado para editar sons, fotos, apresentações de slides ou mesmo textos: cortar, mudar ordem, combinar, alterar cor, colocar sons e efeitos de transição. Exemplos: Pinnacle Studio Plus Vegas Movie Studio Ulead VideoStudio
  • 29. Windows Movie Maker Por ser muito simples e por padrão estar disponível em todas as versões do windows até o Vista, vamos fazer um exemplo de edição com o Movie Maker (Fazedor de Filmes). Surge nosso primeiro problema: Sem a instalação de codecs auxiliares, o windows aceita para edição apenas os formatos (extensão de arquivo) wmv, mpg e alguns tipos de avi (apesar do mesmo nome, existem vários tipos.)
  • 30. Convertendo formatos de video Se a filmagem foi captada com câmeras fotográficas ou celulares é muito provável que seja num formato não compatível (mov, mp4, avi, amv e 3gp são os mais comuns). A dica em locais onde não é possível instalar programas é usar sites ou programas executáveis (portáteis ou portable) para converter videos antes de editá-los com o Movie Maker.
  • 31. Media Converter Um dos sites para converter videos online é o: http://mediaconverter.org Aceita converter e baixar videos do youtube, cujo formato original é flv; mas também podem ser upados (carregados) arquivos do computador para conversão. Veja a imagem seguinte:
  • 32.  
  • 33. Programas Portable Para economizar a banda de internet necessária para upar (subir) e fazer download (baixar) de novo o video, a melhor opção é usar um software executável, que pode ser usado mesmo a partir de um pen drive / memória flash. Exemplo: Total Video Converter, disponível em sites de downloads como o Baixaki ou em: http://w13.easy-share.com/1574161.html
  • 34. Usando o Total Video Converter É só clicar em “New Task” para selecionar o arquivo.
  • 35. Clicar “Video File” e escolher formato WMV ou MPG
  • 36. Curiosidade O Total Video Converter também pode ser usado para o processo inverso, convertendo videos para serem executados em celulares. Os alunos podem querer guardar seus videos (já editados) no celular para mostrar a colegas. Saiba mais em: http://www.mundogump.com.br/tutorial-como-converter-video-para-celular/
  • 37. Usando o Movie Maker Com o video ou os videos já convertidos para um formato compatível, podemos usar o Windows Movie Maker. Vamos seguir a sequência.
  • 38. O Movie Maker começa assim...
  • 39. 1ª opção no canto esquerdo: Capturar do dispositivo de video Capturar do dispositivo de vídeo: captura video diretamente da webcam e grava o som diretamente do microfone. Antes de começar deve ajustar o audio do microfone e ter uma webcam instalada adequadamente, com o driver necessário. Na segunda parte você nomeia o filme e escolhe qual pasta deseja salvar (a pasta Meus Videos é padrão do WMM). Avançando você escolhe a qualidade do video, que pode ser o padrão (mais utilizado) ou então outra configuração especial clicando em "Outras Configurações". Após selecionar a opção, você já poderá começar a gravar um video diretamente de sua Webcam clicando em "Iniciar Captura", parar de gravar clicando em "Parar Captura" e gravar novamente seguindo esse processo quantas vezes quiser. Após concluir o video ele será salvo na pasta "Meus Videos".
  • 40. Importar video (é para esta opção que aprendemos a converter formatos!) Importar vídeo: aqui você seleciona do seu PC os videos que deseja trazer para a area de trabalho para serem editados. Para fazer isso, clique em "Importar vídeo" e selecione em seu PC o(s) video(s) que deseja editar e clique em "importar".
  • 41. É possível combinar imagens com as filmagens, clicando na opção “Importar Imagens” Importar imagens: aqui você seleciona do seu PC imagens que deseja colocar no video, muito util para adicionar fotos ou desenhos, como por exemplo o logo do Educom ou da Prefeitura. Para traze-lo para a area de trabalho clique em "Importar imagens" e selecione em seu PC a imagem que gostaria de colocar durante, no inicio ou no final do video (podem ser utilizadas quantas imagens quiser, não há limite). Após selecionar a imagem/foto, clique em "importar".
  • 42. Colocando uma trilha de áudio auxiliar Importar áudio ou música: aqui você seleciona do seu PC as musicas que deseja colocar em seu video enquanto passam as imagens. Em muitos videos é fundamental ter uma musica de fundo. Para trazer para a area de trabalho a(s) musica(s) que deseja ser usada, clique em "Importar áudio ou música" e selecione em seu PC a musica que gostaria de deixar como som para o seu video. Após selecionar a(s) musica(s) clique em "importar".
  • 43. Ou um áudio substituto... É a mesma opção que usaremos para colocar um áudio alternativo, eventualmente gravado junto com o video, para termos uma melhor qualidade de som, como sugerido no slide 5. A música ou áudio deve estar no formato wma, mp3 ou wav para ser aceito pelo Movie Maker.
  • 44. Depois é só cortar... Após seguir os primeiros passos citados acima, você já fez o básico para começar a edição de seu vídeo. Já trouxe para a área de trabalho todos os componentes necessários para a edição, então agora você deve arrastar para a linha de tempo as musicas, vídeos capturados e imagens que deseja para a edição.
  • 45. Assim que começar a editar o video Salve o projeto para não ter risco de perder o trabalho. Clique em Arquivo > Salvar Projeto como Um video pode ser editado em vários dias, mas é melhor que seja feito o mais rápido possível, pois caso algum arquivo seja apagado, trocado de lugar ou tenha o nome alterado o Movie Maker não irá mais reconhece-lo na linha de edição. Cuidado extra ao editar video em máquinas com menos de 1 giga de RAM! É comum que o programa trave.
  • 46. Salvando Quando o vídeo estiver efetivamante terminado (ou até antes, caso queira fazer um teste de qualidade), clicar na coluna da esquerda em “Concluir Filme”. Você escolhe a qualidade do video, que pode ser o padrão ou então outra clicando em "Outras Configurações". Se a intenção é publicar no youtube um tamanho adequado é rede de 500 kb/s. Para gravar um DVD quanto maior o arquivo (em megabytes) melhor será a qualidade da imagem.
  • 47. 3. Divulgação Se o trabalho ficou ótimo, bom ou pelo menos interessante, é claro que precisa ser divulgado. Uma opção simples é fazer um DVD usando os vídeos já editados. Nas escolas da prefeitura uma opção já disponível para montar o DVD é o programa NERO, que é muito simples de ser usado. Para ter qualidade recomenda-se que o arquivo seja o maior possível. Mais informações: http://www.vibemidia.com/como-gravar-dvd-no-nero
  • 48. Uma opção mais simples: VCD Nos laboratórios de informática, é mais fácil e rápido gravar com o NERO um VCD (video cd), usando um cd gravável comum. Ideal para videos que tenham duração inferir a 80 minutos. Exemplo: Num único cd é possível colocar vários videos de 1 a 3 minutos (uma duração fácil de ser assistida) fazendo back up de todos os trabalhos da escola. O DVD ou VCD é ideal para divulgar os videos na própria escola ou, fazendo cópias, entre os alunos.
  • 49. Internet Mas a opção mais atual, interessante e com chance de preservar o produto para a posteridade é publicar na internet. Obviamente a publicação não é o objetivo prioritário de um video e só deve ser feita mediante autorização dos envolvidos e, no caso das crianças, seus responsáveis Nossa opção mais fácil para publicar é usar o site http://youtube.com Para publicar no youtube é preciso montar um CANAL (quase igual a um Canal de TV! Na verdade é um arquivo podcast de video ou VIDEOCAST).
  • 50. Conta Google Quem tem um orkut, blogspot ou gmail consegue montar um CANAL de publicação no Youtube em poucos minutos. Clique em “Fazer Login” e coloque seu e-mail e senha para acessar. Caso não possua conta gmail é preciso clicar em “Criar conta”. Após preencher um cadastro rápido aparecerá na página do http://youtube.com a opção “Enviar video”. Observação: O Nome do CANAL Youtube não precisa ser necessariamente igual ao login do e-mail. Exemplo: O CANAL da Rádio Graciosa se chama “Radiograciosadeperus”, pois RadioGraciosa já tinha dono.
  • 51. Acesso Restrito Mas talvez a escola prefira publicar o video na internet sem deixá-lo visível para todos os usuários da rede; podendo selecionar quem irá acessá-lo. A melhor opção gratuita, com garantia de que o arquivo não será deletado e em português ainda é o portal http://multiply.com Após montar sua conta neste sistema é possível publicar videos tão facilmente quanto no Youtube, mas com opções mais avançadas de controle de acesso.
  • 52. Bibliografia Para montar esta apresentação consultei várias fontes. Destaco: http://www.portablebrasil.net/2007/07/total-video-converter-portable-exclusivo.html http://www.tutomania.com.br/tutorial/tutorial-avancado-de-windows-movie-maker http://nasondasdoradio.ning.com/
  • 53. De novo Bauman: “ A conclusão a que cheguei, ao tentar entender a ansiedade dos contemporâneos, é a seguinte: o que faz nossos medos particularmente dolorosos, insuportáveis, é a falta de clareza sobre as suas causas. Em outras palavras, o que nos faz sofrer mais do que qualquer outra coisa, envenenando nossos prazeres cotidianos e provocando pesadelos, é a própria incerteza, tanto sobre a condição humana como sobre nossa ignorância” Zygmunt Bauman, em entrevista consultada em: http://diacrianos.blogspot.com/2008/02/medo-e-mal-so-irmos-siameses-na.html
  • 54. Zygmunt Bauman, Nascido na Polônia em 1925
  • 55. Apresentação feita por: POIE Fábio Rogério Nepomuceno EMEF Fernando Gracioso DRE Pirituba – SME/São Paulo Contato: [email_address] Blog escolar: http://radiograciosa.multiply.com 11 de junho de 2010 – Modificado em 7 de setembro para uso na Reunião Pedagógica de 11/09.