O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Descolonização Afro-Asiática

4.154 visualizações

Publicada em

Esta aula destina-se aos alunos e alunas do Terceiro Ano do Colégio Militar de Brasília, mas qualquer pessoa pode utilizar o material, basta entrar em contato e citar a fonte.

Publicada em: Educação
  • DOWNLOAD THAT BOOKS INTO AVAILABLE FORMAT (2019 Update) ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... Download Full PDF EBOOK here { http://bit.ly/2m6jJ5M } ......................................................................................................................... Download Full EPUB Ebook here { http://bit.ly/2m6jJ5M } ......................................................................................................................... Download Full doc Ebook here { http://bit.ly/2m6jJ5M } ......................................................................................................................... Download PDF EBOOK here { http://bit.ly/2m6jJ5M } ......................................................................................................................... Download EPUB Ebook here { http://bit.ly/2m6jJ5M } ......................................................................................................................... Download doc Ebook here { http://bit.ly/2m6jJ5M } ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... ................................................................................................................................... eBook is an electronic version of a traditional print book that can be read by using a personal computer or by using an eBook reader. (An eBook reader can be a software application for use on a computer such as Microsoft's free Reader application, or a book-sized computer that is used solely as a reading device such as Nuvomedia's Rocket eBook.) Users can purchase an eBook on diskette or CD, but the most popular method of getting an eBook is to purchase a downloadable file of the eBook (or other reading material) from a Web site (such as Barnes and Noble) to be read from the user's computer or reading device. Generally, an eBook can be downloaded in five minutes or less ......................................................................................................................... .............. Browse by Genre Available eBooks .............................................................................................................................. Art, Biography, Business, Chick Lit, Children's, Christian, Classics, Comics, Contemporary, Cookbooks, Manga, Memoir, Music, Mystery, Non Fiction, Paranormal, Philosophy, Poetry, Psychology, Religion, Romance, Science, Science Fiction, Self Help, Suspense, Spirituality, Sports, Thriller, Travel, Young Adult, Crime, Ebooks, Fantasy, Fiction, Graphic Novels, Historical Fiction, History, Horror, Humor And Comedy, ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... .....BEST SELLER FOR EBOOK RECOMMEND............................................................. ......................................................................................................................... Blowout: Corrupted Democracy, Rogue State Russia, and the Richest, Most Destructive Industry on Earth,-- The Ride of a Lifetime: Lessons Learned from 15 Years as CEO of the Walt Disney Company,-- Call Sign Chaos: Learning to Lead,-- StrengthsFinder 2.0,-- Stillness Is the Key,-- She Said: Breaking the Sexual Harassment Story That Helped Ignite a Movement,-- Atomic Habits: An Easy & Proven Way to Build Good Habits & Break Bad Ones,-- Everything Is Figureoutable,-- What It Takes: Lessons in the Pursuit of Excellence,-- Rich Dad Poor Dad: What the Rich Teach Their Kids About Money That the Poor and Middle Class Do Not!,-- The Total Money Makeover: Classic Edition: A Proven Plan for Financial Fitness,-- Shut Up and Listen!: Hard Business Truths that Will Help You Succeed, ......................................................................................................................... .........................................................................................................................
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • ótimo!
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui

Descolonização Afro-Asiática

  1. 1. DESCOLONIZAÇÃO AFRO-ASIÁTICA 120/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes
  2. 2. INTRODUÇÃO Os movimentos de descolonização ganharam forte impulso no pós- guerra:  Enfraquecimento das antigas potências coloniais;  Interesses dos EUA e da URSS em ganhar as áreas de influência;  Desenvolvimento de idéias nacionalistas nas áreas coloniais; 220/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes
  3. 3. COLONIALISMO ACABOU ASSIM... 3  Um exemplo: os franceses resistiram muito, mas tiveram que abandonar o Vietnã (Indochina) e a Argélia deixando atrás de si um rastro de sangue. 20/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes
  4. 4. Cronologia das Independência das nações Africanas. 420/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes
  5. 5. 520/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes Cronologia das Independências das nações asiáticas.
  6. 6. CONFERÊNCIA DE BANDUNG 6  Objetivo: promover a cooperação econômica e cultural, como forma de resistência a todas as formas de colonialismo e neocolonialismo. 20/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes  Ocorreu em 1955 e contou com a presença de 29 países afro- asiáticos.
  7. 7.  Reuniu-se na Indonésia e dela participaram 23 países asiáticos e seis africanos;  Foram lançados os princípios políticos do não-alinhamento (Terceiro Mundismo) → uma postura diplomática e geopolítica de equidistância das superpotências.  Criada a noção de conflito norte-sul.  Apesar do não-alinhamento, todos os países se declararam socialistas;  Em um contexto de Guerra Fria, essa autonomia era difícil de concretizar. 720/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes CONFERÊNCIA DE BANDUNG
  8. 8. 1.Respeito aos direitos fundamentais, de acordo com a Carta da ONU. 2.Respeito à soberania e integridade territorial de todas as nações. 3.Reconhecimento da igualdade de todas as raças e nações, grandes e pequenas. 4.Não-intervenção e não-ingerência nos assuntos internos de outro país. (Autodeterminação dos povos) 5.Respeito pelo direito de cada nação defender-se, individual e coletivamente, de acordo com a Carta da ONU 820/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes PRINCÍPIOS DE BANDUNG
  9. 9. 6.Recusa na participação dos preparativos da defesa coletiva destinada a servir aos interesses particulares das superpotências. 7.Abstenção de todo ato ou ameaça de agressão, ou do emprego da força, contra a integridade territorial ou a independência política de outro país. 8.Solução de todos os conflitos internacionais por meios pacíficos, de acordo com a Carta da ONU. 920/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes PRINCÍPIOS DE BANDUNG
  10. 10. 9. Estímulo aos interesses mútuos de cooperação. 10.Respeito pela justiça e obrigações internacionais.  O Espírito de Bandung prevaleceu por aproximadamente dez anos, mas não resistiu à ação das superpotências – EUA e URSS – e aos interesses políticos e econômicos de grupos nacionais. 1020/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes PRINCÍPIOS DE BANDUNG
  11. 11. INDEPENDÊNCIA DA ÍNDIA A Companhia das Índias Orientais, fundada em 1600, iniciou em 1757 a colonização de partes da Índia. A resistência ao domínio inglês sempre existiu e um dos exemplos é Guerra dos Cipaios (1857-58). Tropas indianas no exército britânico tiveram papel vital em ambas as guerras mundiais. Filme indiano sobre a Revolta ou Guerra dos Cipaios.
  12. 12. 12  Resistência não violenta.  Desobediência civil.  Partido do Congresso (1885) MAHATAMA GANDHI E PANDIT NEHRU 20/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes INDEPENDÊNCIA DA ÍNDIA
  13. 13. INDEPENDÊNCIA DA ÍNDIA  A Liga Muçulmana (All-India Muslim League) foi fundada por Aga Khan III, em 1906.  No início, tinha como objetivo garantir uma educação moderna para os muçulmanos, os direitos dos comerciantes e negociar com o governo inglês.  A primeira proposta de uma Índia Muçulmana independente foi Muhammad Iqbal, em 1930.  Teve papel ativo na independência da Índia, mas não foi banida durante a II Guerra, como o Partido do Congresso, por apoiar o esforço de guerra britânico.
  14. 14. 14 Marcha do Sal ou Satyagraha, ocorreu entre 12/03- 06/04/1930 se estendeu por mais de 400 quilômetros. 20/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes INDEPENDÊNCIA DA ÍNDIA
  15. 15.  Usando da resistência não-violenta ao colonialismo britânico, homens como Mahatma Gandhi, Vallabhbhai Patel, Jawaharlal Nehru e Muhammad Ali Jinnah, levaram a região à independência do Reino Unido, em 1947.  No entanto, a unidade durou pouco e o subcontinente foi partilhado entre a República da Índia, secular e democrática, e a República Islâmica do Paquistão. 1520/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes INDEPENDÊNCIA DA ÍNDIA
  16. 16.  Tanto o Partido do Congresso, quanto a Liga, lutaram pela independência, no entanto, não houve acordo que permitisse a proteção dos direitos políticos, econômicos e religiosos dos muçulmanos.  Sob a liderança da Liga Muçulmana, foi criado o Paquistão.  A partilha fez com que seis milhões de pessoas tivessem que se mudar. Este fato provocou 500 mil mortos. 1620/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes INDEPENDÊNCIA DO PAQUISTÃO
  17. 17. INDEPENDÊNCIA DO PAQUISTÃO • Muhammad Ali Jinnah (1876-1948) 17  Líder da Liga Muçulmana (1906), não aceitou o modelo de estado organizado sob a liderança da maioria hindu.  Acreditava que os muçulmanos seriam marginalizados. 20/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes
  18. 18. 18 Islamabad, capital do Paquistão, é uma cidade planejada e construída com lagos artificiais na mesma época que acontecia a construção de Brasília. 20/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes INDEPENDÊNCIA DO PAQUISTÃO
  19. 19. ASSASSINATO DE GHANDI 19  Em 30/01/1948, Gandhi foi morto a tiros, em Nova Délhi, por Nathuram Godse, um radical hindu que queria uma índia sem muçulmanos.  Godse foi depois julgado, condenado e enforcado, a despeito do último pedido de Gandhi, que não punissem o seu assassino. 20/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes
  20. 20. ÍNDIA PARTIDA 20  1947 → Índia (hindus) e Paquistão (muçulmanos).  1948 → Sri Lanka (Ceilão) independente → um país para os budistas.  1971 → o Paquistão Oriental tornou-se Bangladesh. 20/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes
  21. 21. CONFLITOS E PROBLEMAS DO SUBCONTINENTE INDIANO 21  Disputas Fronteiriças e pela Caxemira.  Corrida Armamentista entre Paquistão e Índia, ambas potências nucleares.  Índia acusa o Paquistão de apoiar grupos terroristas.  O crescimento do radicalismo político- religioso no Paquistão (Talebã).  Ação dos Tigres de Tamil no Sri Lanka.  Feticídio de Meninas e a permanência da violência contra as mulheres.  Permanência da sociedade de castas. 20/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes
  22. 22. CONFLITOS E PROBLEMAS DO SUBCONTINENTE INDIANO 2220/07/2014Prof.ª Valéria Fernandes

×