Fim da Iugoslávia

2.489 visualizações

Publicada em

Esta aula destina-se aos alunos e alunas do Terceiro Ano do Colégio Militar de Brasília, mas qualquer pessoa pode utilizar o material, basta entrar em contato e citar a fonte.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.489
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
674
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
46
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fim da Iugoslávia

  1. 1. FIM DA IUGOSLÁVIA
  2. 2. IUGOSLÁVIA: UM SONHO DOS SÉRVIOS? • Iugoslávia significa “terra dos eslavos do sul” → o sonho de um país unificado nasceu principalmente com os nacionalistas sérvios. • A região foi por séculos alvo da ação dos impérios Turco Otomano e Austro- Húngaro. • O sonho da “Grande Sérvia” foi usado como desculpa expansionista para unir os vários povos eslavos da região → justificativa para os genocídios.
  3. 3. A antiga Iugoslávia era formada por seis repúblicas: Bósnia- Hezergovina, Croácia, Eslovênia, Montenegro, Macedônia e a Sérvia, que possuía dois territórios autônomos, Voivodina e Kosovo. • Havia minorias sérvias em todas as repúblicas da Iugoslávia. • O país estava partido entre católicos romanos (eslovenos e croatas), católicos ortodoxos (sérvios, macedônios) e muçulmanos (kosovares, bósnios).
  4. 4. IUGOSLÁVIA SOB TITO • Josip Broz, conhecido como “Tito” liderou a resistência ao nazismo e costurou uma unidade difícil. • As repúblicas tinham certa autonomia e a Iugoslávia não se submetia à URSS.
  5. 5. IUGOSLÁVIA PÓS-TITO • Com a morte de Tito em 1980, a unidade política começa a enfraquecer. • O Memorando da Academia sérvia de Ciências e Artes (1986) reacendeu o nacionalismo sérvio. Defendia que o país estava sob a hegemonia croata e eslovena; que os sérvios eram oprimidos onde apareciam como minoria; que a Sérvia era economicamente explorada pelas outras repúblicas; que as fronteiras tinham sido impostas por comunistas croatas e eslovenos.
  6. 6. IUGOSLÁVIA PÓS-TITO • Slobodan Milošević se torna presidente da Sérvia em 1989 e passa a alimentar o nacionalismo sectário do país, além de promover forte controle da mídia e da sociedade.
  7. 7. IUGOSLÁVIA PÓS-TITO • Velhas feridas → aliança entre Croatas e Bósnios com os nazistas durante a II Guerra → holocausto sérvio. • O Regime Ustasha (1941-45) na Croácia promoveu o extermínio de sérvios, judeus e ciganos. Objetivo: converter um terço dos sérvios ao catolicismo; exterminar um terço dos sérvios residentes na Croácia; expulsar/deportar o terço restante. • O regime Utasha foi derrotado pelos partisans de Tito e pelo Exército Vermelho.
  8. 8. INDEPENDÊNCIA DA CROÁCIA • 19/05/1991 → croatas em referendo decidem pela independência. • 01/1992 → Independência reconhecida pela comunidade internacional. • Guerra 1991-95 → República Sérvia de Krajina fundada pela minoria sérvia → êxodo sérvio.
  9. 9. INDEPENDÊNCIA DA ESLOVÊNIA • 23/12/1990 → realizado um referendo → 88% de pró-independência. • Independência → 25/06/1991. • Guerra dos Dez Dias ou Guerra de Independência Eslovena → 27/06- 07/07/1991. • Aderiu à União Européia em 2004.
  10. 10. INDEPENDÊNCIA DA MACEDÔNIA • A Macedônia se tornou independente da Iugoslávia em 1991. • Controvérsia com a Grécia → Macedônia era uma província grega e que o novo país não podia utilizar o nome. • Chegou-se a um acordo de que internacionalmente o país se chamaria Antiga República Iugoslava da Macedônia. • Os macedônios chamam a província grega de Macedônia Grega ou Egéia.
  11. 11. GUERRA DA BÓSNIA • Macedônia e Bósnia-Herzegovina declaram independência em 03/1992. • Na Bósnia, os sérvios eram 31% da população e se recusam a reconhecer o plebiscito de independência → República Sérvia da Bósnia-Herzegovina (República Srpska). • Sérvios promovem limpeza étnica contra os bósnios muçulmanos → genocídio → campos de concentração, migrações forçadas, massacres, estupros em massa.
  12. 12. GUERRA DA BÓSNIA • Milošević, presidente da sérvia, apóia o genocídio.
  13. 13. GUERRA DA BÓSNIA
  14. 14. GUERRA DA BÓSNIA • 1995 → Ofensiva Sérvia na Croácia → ruptura do cessar fogo. • Aumentam as denúncias de crimes e atrocidades cometidas por tropas sérvias. • Sérvia sofre sanções internacionais → políticas e econômicas. • OTAN bombardeia a República Srpska → 1995- 96. Capa da Time (1992) com um campo de concentração na Bósnia.
  15. 15. GUERRA DA BÓSNIA • Em três anos de guerra → 200.000 vítimas e 1,8 milhões de refugiados. • 97.207 vítimas documentadas → 65% eram muçulmanos bósnios, 25% sérvios e 8% croatas. • Entre as vítimas civis → 83% eram bosnios, 10% sérvios e mais de 5% eram croatas → 30% das vítimas civis bósnias eram mulheres e crianças. • A partir de 1996, o Tribunal Internacional de Haia julgou por crimes contra a humanidade vários líderes militares sérvios. Em 28/06/2001, Milošević foi preso, havia sido derrotado nas urnas em 2000 e tentara um golpe de Estado.
  16. 16. GUERRA DA BÓSNIA • No massacre de Srebrenica, 3 mil refugiados bósnios muçulmanos foram executados e enterrados em fossas e 6 mil encontram-se desaparecidos.
  17. 17. GUERRA DO KOSOVO • Kosovo era uma região autônoma da Sérvia de maioria albanesa. • 1996-1999 → Conflito entre exército sérvio e Iugoslávia e o Exército de Libertação do Kosovo (ELK) → Guerrilha luta pela independência. • 24/03-10/06/1999 → Guerra entre a Iugoslávia e a OTAN → Belgrado bombardeada por 79 dias → 06/1999 → Tratado de Paz → Kosovo independente sob tutela da ONU.
  18. 18. FIM DA IUGOSLÁVIA
  19. 19. FIM DA IUGOSLÁVIA • A Iugoslávia deixou de existir oficialmente em 2003. • Formou-se a República da Sérvia e Montenegro → em 2006, Montenegro declara a sua independência. • As guerras de dissolução da Iugoslávia foram o conflito mais longo em território europeu desde a II Guerra → elas trouxeram de volta os bombardeios, cercos, milhares de refugiados e limpeza étnica não vistas desde a última Grande Guerra na Europa.

×