SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 10
Colaboração Virtual Global
2
Objetivos
Pretende-se que os participantes:
• Tomem consciência das diferenças entre colaboração virtual e standard;
• Compreendam as boas práticas da colaboração virtual;
• Aprender a Comunicar Virtualmente de forma eficaz;
• Identifiquem estratégias para lidar com a diversidade existente dentro e entre equipas.
Programa
3
1.A evolução da Colaboração Virtual e o seu impacto nas organizações:
• As diferenças entre Colaboração Standard e Colaboração Virtual;
• Os principais benefícios e riscos da Colaboração Virtual;
• As boas práticas da Colaboração Virtual;
2.Como ser mais eficaz a Comunicar Virtualmente;
• Adequar o comportamento ao meio escolhido para comunicar;
• Gerir a diversidade entre e dentro das equipas;
O que é a Colaboração?
A Colaboração permite:
• Acesso a uma diversidade de competências – ao juntar indivíduos de diferentes áreas com
conhecimentos complementares;
• Desenvolvimento de competências dos colaboradores – com a troca de ideias e conhecimentos os
colaboradores ficam com um conhecimento mais vasto que vai para além dos seus departamentos;
• Resolver problemas e Inovar mais rapidamente – a diversidade de competências leva a que o
trabalho se desenvolva mais rapidamente, muitas vezes com soluções diferentes do normal;
• Trabalhar de forma mais eficiente – por existirem mais pessoas numa equipa pode-se fazer uma
distribuição mais justa e eficiente das tarefas, com cada colaborador a especializar-se numa área;
• Maior Satisfação no trabalho e Retenção de Colaboradores – o espirito de equipa é fortalecido pela
celebração de feitos em grupo. Os colaboradores ficam também com mais vontade de estar na
empresa uma vez que estabelecem mais relações com quem trabalham.
4
“É quando duas ou mais pessoas (normalmente em grupos) trabalham conjuntamente
partilhando ideias e informação para atingir um objetivo comum.”
Novas Tecnologias no Trabalho
5
Com o acesso a novas tecnologias, a forma como se trabalha mudou drasticamente.
Os negócios têm que se adaptar a tecnologias como o email, plataformas de
conferências virtuais, plataformas de partilha de ficheiros e redes sociais para que
possam atingir níveis elevados de performance.
Assim a forma como se colabora teve de mudar também.
O que é a Colaboração Virtual?
“É o processo de colaborar num projeto com outras indivíduos que partilham os mesmos
objetivos através de meios virtuais”
6
Interação no mesmo
espaço físico
Comunicação não verbal
limitada
Dependente da tecnologia
existente
Colaboração Virtual
7
Quais são os Benefícios e os Riscos?
• Redução de custos;
• Aumento de Produtividade;
• Usufruto de Talento Global.
Benefícios Riscos
• Maior desorganização;
• Isolação social;
• Mais conflitos na equipa.
Boas práticas da Colaboração Virtual
8
Cocriação das regras e
normas do trabalho em
equipa
Clara definição dos objetivos
e responsabilidades de cada
um
Criação de um ambiente
familiar capaz de
desenvolver relações mesmo
virtualmente
Escolher o meio de
comunicação mais adequado
para cada mensagem
Preparação acrescida para
lidar com a diversidade de
culturas e de personalidades
Emails devem:
• Ser curtos e concisos;
• Ser claros em relação ao que se espera
do recetor do email;
• Ter uma linguagem apropriada e
profissional.
Comunicar Virtualmente
9
Como ser eficaz nas comunicações virtuais?
Conferências virtuais devem:
• Começar com conversas informais;
• Ter um objetivo previamente definido;
• Permitir que existam vários momentos de
troca de opiniões;
• Acabar com uma revisão do que foi
discutido e definido.
Colaboração Virtual
Existem três componentes que originam diversidade entre e dentro de equipas:
Relação – Como interagir com os outros;
Regulação – Como gerir o trabalho na equipa;
Raciocínio – Como expor problemas e apresentar soluções.
10
Como gerir a diversidade?
Relação Regulação Raciocínio
Monocrómicos ou Policrómicos?
Orientados para tarefas ou relações?
Individualistas ou Coletivistas?
Pensam de forma linear ou circular?
São muito guiados pelo contexto?
Apoiam-se apenas em factos?
Tomam riscos ou evitam-nos?
Preferem o poder concentrado ou
disperso?

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Bodensee-Forum 2012: Prof. Jürgen Wegge - Shared Leadership
Bodensee-Forum 2012: Prof. Jürgen Wegge - Shared LeadershipBodensee-Forum 2012: Prof. Jürgen Wegge - Shared Leadership
Bodensee-Forum 2012: Prof. Jürgen Wegge - Shared LeadershipBodenseeForum_Personal
 
Führung im Projekt - eine projektlotsen.biz Simulation
Führung im Projekt - eine projektlotsen.biz SimulationFührung im Projekt - eine projektlotsen.biz Simulation
Führung im Projekt - eine projektlotsen.biz SimulationOlaf Hinz
 
Enfoques modernos
Enfoques modernosEnfoques modernos
Enfoques modernosRosa Suarez
 
PanMedia_HOTNEWS_2009_12_Oznameni_Nova_2010.pdf
PanMedia_HOTNEWS_2009_12_Oznameni_Nova_2010.pdfPanMedia_HOTNEWS_2009_12_Oznameni_Nova_2010.pdf
PanMedia_HOTNEWS_2009_12_Oznameni_Nova_2010.pdfPanMedia Western Praha
 
La tècnica del linogravat
La tècnica del linogravatLa tècnica del linogravat
La tècnica del linogravatPere Vergés
 
Dr. Gilbert ArdivillaVISIONX2015
Dr. Gilbert ArdivillaVISIONX2015Dr. Gilbert ArdivillaVISIONX2015
Dr. Gilbert ArdivillaVISIONX2015Gilbert Ardivilla
 
Presentation virtual collaboration final
Presentation   virtual collaboration finalPresentation   virtual collaboration final
Presentation virtual collaboration finalDI - Dansk Industri
 
شاحن وجهاز إختبار بطاريات
شاحن وجهاز إختبار بطارياتشاحن وجهاز إختبار بطاريات
شاحن وجهاز إختبار بطارياتDr. Munthear Alqaderi
 
Virtual Collaboration
Virtual CollaborationVirtual Collaboration
Virtual Collaborationraanan
 
Seminar: Führung in der Fertigung
Seminar: Führung in der FertigungSeminar: Führung in der Fertigung
Seminar: Führung in der Fertigungstzepm
 
W's and h graphic organiser
W's and h graphic organiserW's and h graphic organiser
W's and h graphic organiserEthan
 
Transnational Vs Transformational Leadership
Transnational Vs Transformational  LeadershipTransnational Vs Transformational  Leadership
Transnational Vs Transformational LeadershipAli Noman
 

Destaque (20)

Virtual collaboration
Virtual collaborationVirtual collaboration
Virtual collaboration
 
Bodensee-Forum 2012: Prof. Jürgen Wegge - Shared Leadership
Bodensee-Forum 2012: Prof. Jürgen Wegge - Shared LeadershipBodensee-Forum 2012: Prof. Jürgen Wegge - Shared Leadership
Bodensee-Forum 2012: Prof. Jürgen Wegge - Shared Leadership
 
Führung im Projekt - eine projektlotsen.biz Simulation
Führung im Projekt - eine projektlotsen.biz SimulationFührung im Projekt - eine projektlotsen.biz Simulation
Führung im Projekt - eine projektlotsen.biz Simulation
 
El tiburon
El tiburon El tiburon
El tiburon
 
certificate323
certificate323certificate323
certificate323
 
Enfoques modernos
Enfoques modernosEnfoques modernos
Enfoques modernos
 
Ecuador
EcuadorEcuador
Ecuador
 
PanMedia_HOTNEWS_2009_12_Oznameni_Nova_2010.pdf
PanMedia_HOTNEWS_2009_12_Oznameni_Nova_2010.pdfPanMedia_HOTNEWS_2009_12_Oznameni_Nova_2010.pdf
PanMedia_HOTNEWS_2009_12_Oznameni_Nova_2010.pdf
 
Presentación2
Presentación2Presentación2
Presentación2
 
La tècnica del linogravat
La tècnica del linogravatLa tècnica del linogravat
La tècnica del linogravat
 
Dr. Gilbert ArdivillaVISIONX2015
Dr. Gilbert ArdivillaVISIONX2015Dr. Gilbert ArdivillaVISIONX2015
Dr. Gilbert ArdivillaVISIONX2015
 
Presentation virtual collaboration final
Presentation   virtual collaboration finalPresentation   virtual collaboration final
Presentation virtual collaboration final
 
شاحن وجهاز إختبار بطاريات
شاحن وجهاز إختبار بطارياتشاحن وجهاز إختبار بطاريات
شاحن وجهاز إختبار بطاريات
 
Eastzone medico legal services pvt9
Eastzone medico legal services pvt9Eastzone medico legal services pvt9
Eastzone medico legal services pvt9
 
Virtual Collaboration
Virtual CollaborationVirtual Collaboration
Virtual Collaboration
 
Seminar: Führung in der Fertigung
Seminar: Führung in der FertigungSeminar: Führung in der Fertigung
Seminar: Führung in der Fertigung
 
Virtual collaboration tips and tools
Virtual collaboration tips and toolsVirtual collaboration tips and tools
Virtual collaboration tips and tools
 
W's and h graphic organiser
W's and h graphic organiserW's and h graphic organiser
W's and h graphic organiser
 
Transnational Vs Transformational Leadership
Transnational Vs Transformational  LeadershipTransnational Vs Transformational  Leadership
Transnational Vs Transformational Leadership
 
PLC Course
PLC CoursePLC Course
PLC Course
 

Semelhante a Colab Virtual Global

Checklist para times colaborativos
Checklist para times colaborativosChecklist para times colaborativos
Checklist para times colaborativosColaborativismo
 
Ie Docs(2)
Ie Docs(2)Ie Docs(2)
Ie Docs(2)Grupo 5
 
O que há de mais eficaz em tecnologia para portais corporativos e Intranets ...
O que há de mais eficaz em tecnologia para portais corporativos  e Intranets ...O que há de mais eficaz em tecnologia para portais corporativos  e Intranets ...
O que há de mais eficaz em tecnologia para portais corporativos e Intranets ...Carlos Henrique Carvalho
 
Palestra redes sociais na ufba dr. josé cláudio c. terra
Palestra redes sociais na ufba dr. josé cláudio c. terraPalestra redes sociais na ufba dr. josé cláudio c. terra
Palestra redes sociais na ufba dr. josé cláudio c. terraJose Claudio Terra
 
Ebook10 planejamento comunicacao_interna
Ebook10 planejamento comunicacao_internaEbook10 planejamento comunicacao_interna
Ebook10 planejamento comunicacao_internaDavi Montenegro
 
Uso De Comunidades Virtuais Para A Aprendizagem E
Uso De Comunidades Virtuais Para A Aprendizagem EUso De Comunidades Virtuais Para A Aprendizagem E
Uso De Comunidades Virtuais Para A Aprendizagem EWilson Azevedo
 
Finanças 2.0 - Evento Aberje & Terra
Finanças 2.0 - Evento Aberje & TerraFinanças 2.0 - Evento Aberje & Terra
Finanças 2.0 - Evento Aberje & TerraJose Claudio Terra
 
Skore treinamentos que geram resultado
Skore   treinamentos que geram resultadoSkore   treinamentos que geram resultado
Skore treinamentos que geram resultadoLuis Novo
 
Cooperação e interação em rede
Cooperação e interação em redeCooperação e interação em rede
Cooperação e interação em redemaritania.linux
 
Google Docs: Aprendizagem Colaborativa
Google Docs: Aprendizagem ColaborativaGoogle Docs: Aprendizagem Colaborativa
Google Docs: Aprendizagem ColaborativaGrupo 5
 
Redes interorganizacionais
Redes interorganizacionais Redes interorganizacionais
Redes interorganizacionais Karlla Costa
 
Partilha de conhecimento
Partilha de conhecimentoPartilha de conhecimento
Partilha de conhecimentoRicardo Caseiro
 
Web - O que um geek antenado deve conhecer
Web - O que um geek antenado deve conhecerWeb - O que um geek antenado deve conhecer
Web - O que um geek antenado deve conhecerAislan Rafael
 
O gestor de comunidades é o novo gestor de marketing?
O gestor de comunidades é o novo gestor de marketing?O gestor de comunidades é o novo gestor de marketing?
O gestor de comunidades é o novo gestor de marketing?PabloVieira31
 
Trabalho em equipe - AConecta
Trabalho em equipe - AConectaTrabalho em equipe - AConecta
Trabalho em equipe - AConectaArthur Araujo
 

Semelhante a Colab Virtual Global (20)

Checklist para times colaborativos
Checklist para times colaborativosChecklist para times colaborativos
Checklist para times colaborativos
 
Ie Docs(2)
Ie Docs(2)Ie Docs(2)
Ie Docs(2)
 
Trabalho Colaborativo
Trabalho ColaborativoTrabalho Colaborativo
Trabalho Colaborativo
 
O que há de mais eficaz em tecnologia para portais corporativos e Intranets ...
O que há de mais eficaz em tecnologia para portais corporativos  e Intranets ...O que há de mais eficaz em tecnologia para portais corporativos  e Intranets ...
O que há de mais eficaz em tecnologia para portais corporativos e Intranets ...
 
Palestra redes sociais na ufba dr. josé cláudio c. terra
Palestra redes sociais na ufba dr. josé cláudio c. terraPalestra redes sociais na ufba dr. josé cláudio c. terra
Palestra redes sociais na ufba dr. josé cláudio c. terra
 
Ebook10 planejamento comunicacao_interna
Ebook10 planejamento comunicacao_internaEbook10 planejamento comunicacao_interna
Ebook10 planejamento comunicacao_interna
 
Hang out 14/11 - Engajamento em redes sociais corporativas
Hang out 14/11 - Engajamento em redes sociais corporativasHang out 14/11 - Engajamento em redes sociais corporativas
Hang out 14/11 - Engajamento em redes sociais corporativas
 
Trabalho colaborativo
Trabalho colaborativoTrabalho colaborativo
Trabalho colaborativo
 
Trabalho Colaborativo
Trabalho ColaborativoTrabalho Colaborativo
Trabalho Colaborativo
 
Uso De Comunidades Virtuais Para A Aprendizagem E
Uso De Comunidades Virtuais Para A Aprendizagem EUso De Comunidades Virtuais Para A Aprendizagem E
Uso De Comunidades Virtuais Para A Aprendizagem E
 
Finanças 2.0 - Evento Aberje & Terra
Finanças 2.0 - Evento Aberje & TerraFinanças 2.0 - Evento Aberje & Terra
Finanças 2.0 - Evento Aberje & Terra
 
Skore treinamentos que geram resultado
Skore   treinamentos que geram resultadoSkore   treinamentos que geram resultado
Skore treinamentos que geram resultado
 
Cooperação e interação em rede
Cooperação e interação em redeCooperação e interação em rede
Cooperação e interação em rede
 
Google Docs: Aprendizagem Colaborativa
Google Docs: Aprendizagem ColaborativaGoogle Docs: Aprendizagem Colaborativa
Google Docs: Aprendizagem Colaborativa
 
Redes interorganizacionais
Redes interorganizacionais Redes interorganizacionais
Redes interorganizacionais
 
Partilha de conhecimento
Partilha de conhecimentoPartilha de conhecimento
Partilha de conhecimento
 
Web - O que um geek antenado deve conhecer
Web - O que um geek antenado deve conhecerWeb - O que um geek antenado deve conhecer
Web - O que um geek antenado deve conhecer
 
Endomarketing - Planejamento - Aula 6
Endomarketing - Planejamento - Aula 6Endomarketing - Planejamento - Aula 6
Endomarketing - Planejamento - Aula 6
 
O gestor de comunidades é o novo gestor de marketing?
O gestor de comunidades é o novo gestor de marketing?O gestor de comunidades é o novo gestor de marketing?
O gestor de comunidades é o novo gestor de marketing?
 
Trabalho em equipe - AConecta
Trabalho em equipe - AConectaTrabalho em equipe - AConecta
Trabalho em equipe - AConecta
 

Mais de Centrical

Instructor-led training and gamification - webinar with GamEffective, Sykes a...
Instructor-led training and gamification - webinar with GamEffective, Sykes a...Instructor-led training and gamification - webinar with GamEffective, Sykes a...
Instructor-led training and gamification - webinar with GamEffective, Sykes a...Centrical
 
GamEffective's Triggers, Learning and Campaigns Webinar
GamEffective's Triggers, Learning and Campaigns WebinarGamEffective's Triggers, Learning and Campaigns Webinar
GamEffective's Triggers, Learning and Campaigns WebinarCentrical
 
Gamification, Microlearning and Influencing Performance:Lessons Learned from ...
Gamification, Microlearning and Influencing Performance:Lessons Learned from ...Gamification, Microlearning and Influencing Performance:Lessons Learned from ...
Gamification, Microlearning and Influencing Performance:Lessons Learned from ...Centrical
 
Supercharging e learning with digital motivation
Supercharging e learning with digital motivationSupercharging e learning with digital motivation
Supercharging e learning with digital motivationCentrical
 
Practical steps for microlearning and gamification
Practical steps for microlearning and gamificationPractical steps for microlearning and gamification
Practical steps for microlearning and gamificationCentrical
 
New hire presentation v2 (1)
New hire presentation v2 (1)New hire presentation v2 (1)
New hire presentation v2 (1)Centrical
 
Empower stack rank associate scorecard module
Empower stack rank associate scorecard moduleEmpower stack rank associate scorecard module
Empower stack rank associate scorecard moduleCentrical
 
Empower stack rank associate scorecard module
Empower stack rank associate scorecard moduleEmpower stack rank associate scorecard module
Empower stack rank associate scorecard moduleCentrical
 
Elearning and gamification
Elearning and gamificationElearning and gamification
Elearning and gamificationCentrical
 
How Gamification Works
How Gamification WorksHow Gamification Works
How Gamification WorksCentrical
 
The Future of Enterprise Gamification
The Future of Enterprise GamificationThe Future of Enterprise Gamification
The Future of Enterprise GamificationCentrical
 
Customer service gamification
Customer service gamificationCustomer service gamification
Customer service gamificationCentrical
 
Project management and enterprise gamification
Project management and enterprise gamificationProject management and enterprise gamification
Project management and enterprise gamificationCentrical
 
How to communicate your enterprise gamification project
How to communicate your enterprise gamification projectHow to communicate your enterprise gamification project
How to communicate your enterprise gamification projectCentrical
 
Karma Points: Harnessing Karma for Good Deeds and Sharing
Karma Points: Harnessing Karma for Good Deeds and SharingKarma Points: Harnessing Karma for Good Deeds and Sharing
Karma Points: Harnessing Karma for Good Deeds and SharingCentrical
 
Completion vs competition: what's a better motivator?
Completion vs competition: what's a better motivator?Completion vs competition: what's a better motivator?
Completion vs competition: what's a better motivator?Centrical
 
How to use sales gamification to make your sales pipeline much better
How to use sales gamification to make your sales pipeline much betterHow to use sales gamification to make your sales pipeline much better
How to use sales gamification to make your sales pipeline much betterCentrical
 
Using narratives in enterprise gamification for sales, training, service and ...
Using narratives in enterprise gamification for sales, training, service and ...Using narratives in enterprise gamification for sales, training, service and ...
Using narratives in enterprise gamification for sales, training, service and ...Centrical
 
Free Enterprise Gamification: Offline Old Fashioned Games with a Twist
Free Enterprise Gamification: Offline Old Fashioned Games with a TwistFree Enterprise Gamification: Offline Old Fashioned Games with a Twist
Free Enterprise Gamification: Offline Old Fashioned Games with a TwistCentrical
 

Mais de Centrical (20)

Instructor-led training and gamification - webinar with GamEffective, Sykes a...
Instructor-led training and gamification - webinar with GamEffective, Sykes a...Instructor-led training and gamification - webinar with GamEffective, Sykes a...
Instructor-led training and gamification - webinar with GamEffective, Sykes a...
 
GamEffective's Triggers, Learning and Campaigns Webinar
GamEffective's Triggers, Learning and Campaigns WebinarGamEffective's Triggers, Learning and Campaigns Webinar
GamEffective's Triggers, Learning and Campaigns Webinar
 
Gamification, Microlearning and Influencing Performance:Lessons Learned from ...
Gamification, Microlearning and Influencing Performance:Lessons Learned from ...Gamification, Microlearning and Influencing Performance:Lessons Learned from ...
Gamification, Microlearning and Influencing Performance:Lessons Learned from ...
 
Supercharging e learning with digital motivation
Supercharging e learning with digital motivationSupercharging e learning with digital motivation
Supercharging e learning with digital motivation
 
Practical steps for microlearning and gamification
Practical steps for microlearning and gamificationPractical steps for microlearning and gamification
Practical steps for microlearning and gamification
 
New deck
New deckNew deck
New deck
 
New hire presentation v2 (1)
New hire presentation v2 (1)New hire presentation v2 (1)
New hire presentation v2 (1)
 
Empower stack rank associate scorecard module
Empower stack rank associate scorecard moduleEmpower stack rank associate scorecard module
Empower stack rank associate scorecard module
 
Empower stack rank associate scorecard module
Empower stack rank associate scorecard moduleEmpower stack rank associate scorecard module
Empower stack rank associate scorecard module
 
Elearning and gamification
Elearning and gamificationElearning and gamification
Elearning and gamification
 
How Gamification Works
How Gamification WorksHow Gamification Works
How Gamification Works
 
The Future of Enterprise Gamification
The Future of Enterprise GamificationThe Future of Enterprise Gamification
The Future of Enterprise Gamification
 
Customer service gamification
Customer service gamificationCustomer service gamification
Customer service gamification
 
Project management and enterprise gamification
Project management and enterprise gamificationProject management and enterprise gamification
Project management and enterprise gamification
 
How to communicate your enterprise gamification project
How to communicate your enterprise gamification projectHow to communicate your enterprise gamification project
How to communicate your enterprise gamification project
 
Karma Points: Harnessing Karma for Good Deeds and Sharing
Karma Points: Harnessing Karma for Good Deeds and SharingKarma Points: Harnessing Karma for Good Deeds and Sharing
Karma Points: Harnessing Karma for Good Deeds and Sharing
 
Completion vs competition: what's a better motivator?
Completion vs competition: what's a better motivator?Completion vs competition: what's a better motivator?
Completion vs competition: what's a better motivator?
 
How to use sales gamification to make your sales pipeline much better
How to use sales gamification to make your sales pipeline much betterHow to use sales gamification to make your sales pipeline much better
How to use sales gamification to make your sales pipeline much better
 
Using narratives in enterprise gamification for sales, training, service and ...
Using narratives in enterprise gamification for sales, training, service and ...Using narratives in enterprise gamification for sales, training, service and ...
Using narratives in enterprise gamification for sales, training, service and ...
 
Free Enterprise Gamification: Offline Old Fashioned Games with a Twist
Free Enterprise Gamification: Offline Old Fashioned Games with a TwistFree Enterprise Gamification: Offline Old Fashioned Games with a Twist
Free Enterprise Gamification: Offline Old Fashioned Games with a Twist
 

Colab Virtual Global

  • 2. 2 Objetivos Pretende-se que os participantes: • Tomem consciência das diferenças entre colaboração virtual e standard; • Compreendam as boas práticas da colaboração virtual; • Aprender a Comunicar Virtualmente de forma eficaz; • Identifiquem estratégias para lidar com a diversidade existente dentro e entre equipas.
  • 3. Programa 3 1.A evolução da Colaboração Virtual e o seu impacto nas organizações: • As diferenças entre Colaboração Standard e Colaboração Virtual; • Os principais benefícios e riscos da Colaboração Virtual; • As boas práticas da Colaboração Virtual; 2.Como ser mais eficaz a Comunicar Virtualmente; • Adequar o comportamento ao meio escolhido para comunicar; • Gerir a diversidade entre e dentro das equipas;
  • 4. O que é a Colaboração? A Colaboração permite: • Acesso a uma diversidade de competências – ao juntar indivíduos de diferentes áreas com conhecimentos complementares; • Desenvolvimento de competências dos colaboradores – com a troca de ideias e conhecimentos os colaboradores ficam com um conhecimento mais vasto que vai para além dos seus departamentos; • Resolver problemas e Inovar mais rapidamente – a diversidade de competências leva a que o trabalho se desenvolva mais rapidamente, muitas vezes com soluções diferentes do normal; • Trabalhar de forma mais eficiente – por existirem mais pessoas numa equipa pode-se fazer uma distribuição mais justa e eficiente das tarefas, com cada colaborador a especializar-se numa área; • Maior Satisfação no trabalho e Retenção de Colaboradores – o espirito de equipa é fortalecido pela celebração de feitos em grupo. Os colaboradores ficam também com mais vontade de estar na empresa uma vez que estabelecem mais relações com quem trabalham. 4 “É quando duas ou mais pessoas (normalmente em grupos) trabalham conjuntamente partilhando ideias e informação para atingir um objetivo comum.”
  • 5. Novas Tecnologias no Trabalho 5 Com o acesso a novas tecnologias, a forma como se trabalha mudou drasticamente. Os negócios têm que se adaptar a tecnologias como o email, plataformas de conferências virtuais, plataformas de partilha de ficheiros e redes sociais para que possam atingir níveis elevados de performance. Assim a forma como se colabora teve de mudar também.
  • 6. O que é a Colaboração Virtual? “É o processo de colaborar num projeto com outras indivíduos que partilham os mesmos objetivos através de meios virtuais” 6 Interação no mesmo espaço físico Comunicação não verbal limitada Dependente da tecnologia existente
  • 7. Colaboração Virtual 7 Quais são os Benefícios e os Riscos? • Redução de custos; • Aumento de Produtividade; • Usufruto de Talento Global. Benefícios Riscos • Maior desorganização; • Isolação social; • Mais conflitos na equipa.
  • 8. Boas práticas da Colaboração Virtual 8 Cocriação das regras e normas do trabalho em equipa Clara definição dos objetivos e responsabilidades de cada um Criação de um ambiente familiar capaz de desenvolver relações mesmo virtualmente Escolher o meio de comunicação mais adequado para cada mensagem Preparação acrescida para lidar com a diversidade de culturas e de personalidades
  • 9. Emails devem: • Ser curtos e concisos; • Ser claros em relação ao que se espera do recetor do email; • Ter uma linguagem apropriada e profissional. Comunicar Virtualmente 9 Como ser eficaz nas comunicações virtuais? Conferências virtuais devem: • Começar com conversas informais; • Ter um objetivo previamente definido; • Permitir que existam vários momentos de troca de opiniões; • Acabar com uma revisão do que foi discutido e definido.
  • 10. Colaboração Virtual Existem três componentes que originam diversidade entre e dentro de equipas: Relação – Como interagir com os outros; Regulação – Como gerir o trabalho na equipa; Raciocínio – Como expor problemas e apresentar soluções. 10 Como gerir a diversidade? Relação Regulação Raciocínio Monocrómicos ou Policrómicos? Orientados para tarefas ou relações? Individualistas ou Coletivistas? Pensam de forma linear ou circular? São muito guiados pelo contexto? Apoiam-se apenas em factos? Tomam riscos ou evitam-nos? Preferem o poder concentrado ou disperso?