Seminário sobre Mediunidade

2.292 visualizações

Publicada em

Publicada em: Espiritual
2 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.292
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
8
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
120
Comentários
2
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Seminário sobre Mediunidade

  1. 1. I SEMINÁRIO SOBRE MEDIUNIDADE MEDIUNIDADE COM JESUS - UM PROJETO DE VIDA -Set/2011 Fraternidade Espírita Monsenhor Horta
  2. 2. AGENDA Conceitos O que é o fenômeno mediúnico Dúvidas e medos no exercício da mediunidade Exercício consciente da mediunidade como fonte de alegria e saúde espiritual
  3. 3. BIBLIOGRAFIA
  4. 4. MEDIUNIDADE  “É uma faculdade inerente ao homem...... não é patrimônio exclusivo de um grupo, nem privilégio de alguém...”  “Todo aquele que sente, num grau qualquer, a influência dos espíritos é, por esse fato, médium...”  É um sentido psíquico, de ordem paranormal1, capaz de ampliar as percepções do ser, conferindo-lhe uma aptidão para servir de instrumento para a comunicação dos espíritos com os homens._______________________________________1 Causas e mecanismos de origem desconhecida; notadamente psíquica. O Livro dos Médiuns, Alan Kardek (FEB, 2003)
  5. 5. MEDIUNIDADE Raras são as pessoas que não possuem algum traço, por isso se diz que todos são mais ou menos médiuns. A intensidade e gradação dessa faculdade é infinita e varia de pessoa para pessoa. Ação no indivíduo:  Campo Objetivo:  Expressão nítida da intenção e pensamentos dos espíritos  Campo Subjetivo:  Contribuição espiritual de forma imprecisa, sem manifestação clara
  6. 6. MEDIUNIDADE • Explícita • TranseOSTENSIVA • Prevalece o pensamento do espírito • Velada • InspiraçãoINSPIRATIVA • Idéias dos espíritos se entrelaçam com as do médium • Sintonia
  7. 7. MEDIUNIDADE Aprofundamento da inspiração propicia aperfeiçoamento da mediunidade intuitiva.  Fronteira entre mediunidade discreta e a ostensiva Caráter orgânico da mediunidade:  Organização celular (corpo físico) para corresponder às necessidades do espírito  Presente na mediunidade ostensiva
  8. 8. MEDIUNIDADE É evolutiva! O trabalho mediúnico desenvolve a aprimora Vida saudável e Influência positiva noExercício da digna, buscando Uso responsável Aperfeiçoamento perispírito, Exercício dosmediúnico mediunidade e equilibrado da e “equipamentos” luzes Deus, o autoconhecimento “acendendo” as da mediunidade e inspirativaostensivo mediunidade os valores essenciais do espírito de registro para o preparando amanhã
  9. 9. COMUNICAÇÃO MEDIÚNICAESPÍRITO PERISPÍRITO MATÉRIA
  10. 10. COMUNICAÇÃO MEDIÚNICA O perispírito do médium se expande (transe mediúnico) O perispírito do Espírito comunicante também se expande Uma atmosfera fluídico-perispiritual comum é formada O Espírito comunicante transmite seu pensamento ao perispírito do médium, o qual após ser captado, é encaminhado ao seu cérebro (glândula pineal ou epífise)
  11. 11. COMUNICAÇÃO MEDIÚNICA A mente é a base de todos os fenômenos mediúnicos. Pensamentos Aspirações Sistema de vida Afinidade com os Espíritos de diferentes planos
  12. 12. COMUNICAÇÃO MEDIÚNICA Amadurecimento e visão do Tarefa como intercâmbio como obrigação momento para redimir abençoado de suas mazelas trabalho Visão do fenômeno como simples “correio” Busca por curiosidade
  13. 13. TRANSFORMAÇÃO Era do EspíritoEra daMatéria
  14. 14. TRANSFORMAÇÃO ERA DA MATÉRIA ERA DO ESPÍRITO Imediatismo Conquista de nós mesmos Conquistas exteriores Luta incessante Ganhos fáceis Trabalho Prazeres Responsabilidade Futilidades
  15. 15. SERVIÇO MEDIÚNICO As manifestações ocorrem segundo nossas necessidades!  Todas as tarefas são importantes.  Não questionar os papéis.  Evitar a inveja e a cobiça diante da fenomenologia apresentada por terceiros.  Se não receber manifestações, trabalhar para manutenção de um ambiente sadio e tranquilo. É importante a doação ao outro.  Exercício primordial da fraternidade e da caridade! Reunir em si os ensinamentos recebidos, combinando-os com a prática de seu conteúdo segurança!
  16. 16. MEDOS E DÚVIDAS Como me tornar médium? Consciência X Inconsciência. Não tenho mediunidade e por isso não tenho o que desenvolver. Como se dá a comunicação? Não sinto nada. O quê fazer? Quero ser tão bom como os médiuns mais antigos da casa!
  17. 17. EXERCÍCIO CONSCIENTE Transferir os anseios que temos com as questões materiais para o aperfeiçoamento do espírito.  Transformar a humanidade materializada! Trabalho do médium pautado na disciplina e nos ensinamentos de Jesus (Evangelho!) é um forma segura de conquistas. Com a evolução para a Era do Espírito, a mediunidade sublimar-se-á.  Crescimento das práticas mediúnicas pela sintonia com medianeiros elevados.
  18. 18. EXERCÍCIO CONSCIENTE Necessidade constante de promover mudanças e aprimoramentos. Vigilância da conduta  Reminiscências do passado O médium é um companheiro comum, portador das mesmas responsabilidades e fraquezas que nos aflingem.  Não torná-lo um “oráculo” ou adivinho, revelador de notícias.
  19. 19. EXERCÍCIO CONSCIENTE Modificar os hábitos Aprimorar os sentimentos Melhorar o vocabulário Purificar os olhos Exercer a fraternidade Amar e servir Estudar e aprender incessantemente

×