Prof. Dr. Eduardo Costa
TransPsicomotricista Educacional e Clínico
Doutor e Mestre em Ciências – Saúde da Criança - IFF – ...
TRANS = Entre, através e além??!!
Valores e Ideais:
Ótica positivista X
 Pensamento
simplificador
 Ciência clássica
Ótica contemporânea
 Pensamento
Compl...
Onde nos subordinamos ao
Pensamento Simplificador?
O Desafio da Complexidade
 O Pensamento Complexo propõe uma
transformação em nossa forma de fazer
ciência, de modo mais é...
Edgar Morin
A Compreensão e seus obstáculos
“A compreensão é a um só tempo meio e fim da
comunicação humana.”
Educar para a compreensã...
TransDisciplinaridade:
 “A Transdisciplinaridade, como o prefixo “trans”
o indica, diz respeito ao que está ao mesmo temp...
“É uma prática na qual,
além de conservar-se a
especificidade clínica de
cada especialidade, a
preocupação pelo sujeito
qu...
Man Ray, 1918
Rembrandt - A Lição de Anatomia do Dr. Tulp, 1632
“Para Merleau Ponty, o corpo próprio é percebido
por uma série de imagens fenomenológicas que
têm como subsistente a consi...
"O continente menos cientificamente explorado
continua sendo a MENTE HUMANA, e cada
espírito individual consiste para si m...
- à self-deception, ou seja, à má boa-fé ou à
boa má-fé;
- à memória e ao esquecimento seletivos, à
crença em pseudo-lembr...
- ao ressentimento injusto, quos laeserunt et oderunt,
"detesta-se quem se lesou" (Sêneca).
A introspecção não pode ficar ...
Cena do filme: O LIVRO DE CABECEIRA – Peter Greenaway, 1996
 “Pudemos crer que a consciência humana era a
sede do sujeito. De fato, a consciência humana,
que produz a ideia de sujei...
 “Temos pois a qualidade subjetiva
primeira no corpo, aquém do cérebro, muito
aquém de toda consciência. (...)
O sujeito ...
 Compreender sem
simplificar, implica
num olhar poliocular,
onde biológico,
psíquico, motor,
cognitivo, econômico,
ecológ...
Escher - Print-Gallery, 1956
Indivíduo/Sujeito
 “Todo indivíduo constitui-se de características infra,
extra, supra, meta-individuais, que corresponde...
Psicomotricidade
 A Psicomotricidade baseia-se em uma concepção
unificada da pessoa, que integra as interações cognitivas...
TRANSPSICOMOTRICIDADE
PRINCÍPIO TRANSPSICOMOTOR:
A partir do canal “corpomental” – psicomotor fomentar a
consciência das:
Levar os indivíduos/su...
PRINCÍPIO TRANSPSICOMOTOR:
A partir do canal “corpomental” – psicomotor fomentar a
consciência do:
Levar à reflexão da
urg...
PRINCÍPIO TRANSPSICOMOTOR:
A partir do canal “corpomental” – psicomotor fomentar a
consciência da:
Levar à reflexão sobre ...
PRINCÍPIO TRANSPSICOMOTOR:
A partir do canal “corpomental” – psicomotor fomentar a
consciência da:
Desenvolver a
identidad...
PRINCÍPIO TRANSPSICOMOTOR:
A partir do canal “corpomental” – psicomotor fomentar a
consciência da necessidade de estratégi...
PRINCÍPIO TRANSPSICOMOTOR:
A partir do canal “corpomental” – psicomotor fomentar a
consciência da necessidade de desenvolv...
PRINCÍPIO TRANSPSICOMOTOR:
A partir do canal “corpomental” – psicomotor fomentar a
consciência da:
Desenvolver a Cidadania...
“Por muito tempo ainda (...), a expansão e a livre expressão
dos indivíduos constituem nosso propósito ético e político pa...
Uma Sociedade para Todo(a)s!!!
http://wakeditora.com.br/loja
Contatos
Prof. Dr. Eduardo Costa
TransPsicomotricista Educacional e Clínico (Formador)
Consultor em TransDisciplinaridade
...
Grande abraço psicomotor!!
Romero Britto – Hug Too, 2007
TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além
TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além
TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além
TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além
TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além
TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além
TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além
TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além
TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além
TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além
TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além
TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além
TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além
TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além
TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além

326 visualizações

Publicada em

Formação em Psicomotricidade Educacional com base no Pensamento Complexo e TransDisciplinar.
Informações:
www.facebook.com/transpsicomotricidade.educacional.clinica

Exposição construída pelo Prof. Dr. Eduardo Costa
Fanpage: www.facebook.com/DrEduardoCosta/

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
326
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

TransPsicomotricidade Educacional - Um olhar entre, através e além

  1. 1. Prof. Dr. Eduardo Costa TransPsicomotricista Educacional e Clínico Doutor e Mestre em Ciências – Saúde da Criança - IFF – FIOCRUZ – M.S. Consultor em TransDisciplinaridade TRANSPSICOMOTRICIDADE Um olhar entre, através e além
  2. 2. TRANS = Entre, através e além??!!
  3. 3. Valores e Ideais: Ótica positivista X  Pensamento simplificador  Ciência clássica Ótica contemporânea  Pensamento Complexo  Ciência de vanguarda
  4. 4. Onde nos subordinamos ao Pensamento Simplificador?
  5. 5. O Desafio da Complexidade  O Pensamento Complexo propõe uma transformação em nossa forma de fazer ciência, de modo mais ético e inserido no contexto sócio-histórico.  A Complexidade Humana não comporta o aprisionamento em uma lógica linear, sempre revelando inúmeras faces, anteriormente ocultas e anunciando o caos e a crise para o nascimento de novas ordenações.
  6. 6. Edgar Morin
  7. 7. A Compreensão e seus obstáculos “A compreensão é a um só tempo meio e fim da comunicação humana.” Educar para a compreensão humana é aceitar a “missão propriamente espiritual da educação: ensinar a compreensão entre as pessoas como condição e garantia de solidariedade intelectual e moral da humanidade.” Morin, 1999
  8. 8. TransDisciplinaridade:  “A Transdisciplinaridade, como o prefixo “trans” o indica, diz respeito ao que está ao mesmo tempo entre as disciplinas, através das diferentes disciplinas e além de toda disciplina. Sua finalidade é a compreensão do mundo atual, e um dos imperativos para isso é a unidade do conhecimento.” UNESCO, 1997
  9. 9. “É uma prática na qual, além de conservar-se a especificidade clínica de cada especialidade, a preocupação pelo sujeito que ali está em curso de se constituir, atravessa cada procedimento técnico, condicionando-o.” Jerusalinsky, 1989
  10. 10. Man Ray, 1918
  11. 11. Rembrandt - A Lição de Anatomia do Dr. Tulp, 1632
  12. 12. “Para Merleau Ponty, o corpo próprio é percebido por uma série de imagens fenomenológicas que têm como subsistente a consistência do corpo. (…) É impossível, contudo, estabelecer uma dualidade entre “meu corpo” e minha “subjetividade”. Quando um ponto mesmo mínimo da área corporal está lesado, não é um departamento do meu ser que possa ser arquivado e ignorado pela minha vivência que flui.” Chebabi,1999
  13. 13. "O continente menos cientificamente explorado continua sendo a MENTE HUMANA, e cada espírito individual consiste para si mesmo na suprema ignorância. O trabalho de introspecção é extremamente difícil, pois encontra inúmeras armadilhas devido: - à complexidade interior do espírito que comporta a multipersonalidade potencial em cada um de nós; - às zonas cegas e às suas carências que nos tornam tão indulgentes com os nossos erros e tão severos com os erros dos outros;
  14. 14. - à self-deception, ou seja, à má boa-fé ou à boa má-fé; - à memória e ao esquecimento seletivos, à crença em pseudo-lembranças; - à nossa tendência para a autojustificação que sempre transfere para o outro o erro ou a falha; - ao ódio que cega, ao sentimentalismo idealizador (...)
  15. 15. - ao ressentimento injusto, quos laeserunt et oderunt, "detesta-se quem se lesou" (Sêneca). A introspecção não pode ficar isolada. Necessita, vale repetir, ser completada pela análise do outro, ou seja, uma extrospecção; cabe-lhe combinar a análise de outro com a sua numa auto-hetero-análise. Deve confrontar o olhar amistoso e o olhar inamistoso. Da mesma forma, a autocrítica não substitui a crítica vindo de outro, reclama-a." Edgar Morin, 2005:94,95
  16. 16. Cena do filme: O LIVRO DE CABECEIRA – Peter Greenaway, 1996
  17. 17.  “Pudemos crer que a consciência humana era a sede do sujeito. De fato, a consciência humana, que produz a ideia de sujeito, é a forma atualmente última, não primeira do sujeito. Mesmo no homem, a qualidade de sujeito não começa por estar ligada à consciência. É anterior à toda consciência, a todo psiquismo cerebral, inerente ao ser total e, por isso mesmo, inseparável do corpo, como o animus.” Morin, 1980
  18. 18.  “Temos pois a qualidade subjetiva primeira no corpo, aquém do cérebro, muito aquém de toda consciência. (...) O sujeito humano está, como um iceberg, em grande parte imerso no inconsciente.” Morin, 1980
  19. 19.  Compreender sem simplificar, implica num olhar poliocular, onde biológico, psíquico, motor, cognitivo, econômico, ecológico, e demais partes do todo individual e universal possam ser recebidos em suas manifestações e influências. Igreja de Sant Climent de Taüll – Lleida - Espanha
  20. 20. Escher - Print-Gallery, 1956
  21. 21. Indivíduo/Sujeito  “Todo indivíduo constitui-se de características infra, extra, supra, meta-individuais, que correspondem respectivamente aos seus elementos químicos, na infra, ao ecossistema, na extra e à sociedade em que está inserido, na supra e meta. Essas características particulares do indivíduo ao mesmo tempo que o singulariza, o distingue e o diferencia, não enquanto membro de uma categoria pertencente à espécie, mas como autor de seu processo organizador, que o torna sujeito.” (MORIN apud PETRAGLIA, 1995, p.57)
  22. 22. Psicomotricidade  A Psicomotricidade baseia-se em uma concepção unificada da pessoa, que integra as interações cognitivas, motoras e afetivas na compreensão das capacidades de ser e de expressar-se, a partir do movimento, em um contexto psicossocial. Ela se constitui por um conjunto de conhecimentos psicológicos, fisiológicos, antropológicos e relacionais que permitem, utilizando o corpo como mediador, abordar o ato motor humano com o intento de favorecer a integração deste sujeito consigo e com o mundo dos objetos e outros sujeitos. Costa, 2002
  23. 23. TRANSPSICOMOTRICIDADE
  24. 24. PRINCÍPIO TRANSPSICOMOTOR: A partir do canal “corpomental” – psicomotor fomentar a consciência das: Levar os indivíduos/sujeitos à perceberem que suas visões de mundo, opiniões e valores, estão atravessados pelo “erro e a ilusão” provocada pela possessão da cultura que possuem. Só conseguimos ver o que acreditamos. 1- CEGUEIRAS DO CONHECIMENTO: O ERRO E A ILUSÃO
  25. 25. PRINCÍPIO TRANSPSICOMOTOR: A partir do canal “corpomental” – psicomotor fomentar a consciência do: Levar à reflexão da urgência da religação disciplinar. 2 - PRINCÍPIO DO CONHECIMENTO PERTINENTE:
  26. 26. PRINCÍPIO TRANSPSICOMOTOR: A partir do canal “corpomental” – psicomotor fomentar a consciência da: Levar à reflexão sobre a complexidade humana e a necessidade de um olhar poliocular para compreendê-la. Desenvolver a necessidade de comunhão e respeito pela diversidade e singularidade. 3 - CONDIÇÃO HUMANA:
  27. 27. PRINCÍPIO TRANSPSICOMOTOR: A partir do canal “corpomental” – psicomotor fomentar a consciência da: Desenvolver a identidade planetária e a consciência ecológica. 4 - IDENTIDADE TERRENA:
  28. 28. PRINCÍPIO TRANSPSICOMOTOR: A partir do canal “corpomental” – psicomotor fomentar a consciência da necessidade de estratégias para: Desenvolver a consciência de que a Incerteza é irredutível e que é necessário maleabilizar-se e enfrentar estrategicamente as dificuldades. Desenvolver a possibilidade da lógica do terceiro termo incluso. 5 - ENFRENTAR AS INCERTEZAS:
  29. 29. PRINCÍPIO TRANSPSICOMOTOR: A partir do canal “corpomental” – psicomotor fomentar a consciência da necessidade de desenvolver a capacidade de: Desenvolver a comunicação, a comunhão, a compreensão de si e do outro. 6 – COMPREENSÃO:
  30. 30. PRINCÍPIO TRANSPSICOMOTOR: A partir do canal “corpomental” – psicomotor fomentar a consciência da: Desenvolver a Cidadania Terrestre, a Democracia e a percepção da Terra como Pátria. Desenvolver a Antropoética, a consciência da tríade Indivíduo/Sociedade/Espécie . 7 - ÉTICA DO GÊNERO HUMANO:
  31. 31. “Por muito tempo ainda (...), a expansão e a livre expressão dos indivíduos constituem nosso propósito ético e político para o planeta. Isso supõe ao mesmo tempo o desenvolvimento da relação indivíduo/sociedade, no sentido democrático, e o aprimoramento da relação indivíduo/espécie, no sentido da realização da Humanidade; ou seja, a permanência integrada dos indivíduos no desenvolvimento mútuo dos termos da tríade indivíduo/sociedade/espécie. Não possuímos as chaves que abririam as portas de um futuro melhor. Não conhecemos o caminho traçado. “El camino se hace al andar” (Antonio Machado). Podemos, porém, explicitar nossas finalidades: a busca da hominização na humanização, pelo acesso à cidadania terrena.” Edgar Morin, 2000
  32. 32. Uma Sociedade para Todo(a)s!!!
  33. 33. http://wakeditora.com.br/loja
  34. 34. Contatos Prof. Dr. Eduardo Costa TransPsicomotricista Educacional e Clínico (Formador) Consultor em TransDisciplinaridade  Emails: transpsicomotricidade@gmail.com clinicatransd@gmail.com  Fanpages Facebook: www.facebook.com/transpsicomotricidade www.facebook.com/DrEduardoCosta www.facebook.com/clinicatransd
  35. 35. Grande abraço psicomotor!! Romero Britto – Hug Too, 2007

×